Banca de QUALIFICAÇÃO: ELIANE CRISTINA ALVES DE SOUZA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ELIANE CRISTINA ALVES DE SOUZA
DATA: 19/12/2012
HORA: 09:00
LOCAL: CCHLA - Auditório "D"
TÍTULO:

O Gênero Requerimento Na Perspectiva Sociorretórica: Análise da Produção de Graduandos no Domínio Administrativo Acadêmico


PALAVRAS-CHAVES:

Gênero textual. Requerimento. Administração pública.


PÁGINAS: 120
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
RESUMO:

No ambiente administrativo das instituições públicas, muitas atividades são realizadas através de práticas de escrita. Nesse domínio, a escrita está sempre ligada a uma atividade que se deseja realizar. Dentre essas práticas, o gênero requerimento consiste em um instrumento através do qual o requerente se dirige a uma instituição a fim de solicitar algo sob o amparo de uma legislação. Considerando nossa experiência de trabalho numa instituição pública de ensino superior, elegemos como objeto de nossa pesquisa o gênero requerimento produzido por graduandos no domínio administrativo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte devido à sua importância nesse contexto. Para tanto, os aportes teóricos adotados referem-se à concepção sociorretórica dos estudos de gênero textual, que o compreende como forma de ação retoricamente tipificada (MILLER, 2009a; BAZERMAN 2009). Quanto à metodologia, trata-se de uma pesquisa associada à abordagem qualitativa (BODGAN; BIKLEN, 1994; CHIZZOTTI, 2010) cuja discussão se insere no campo da Linguística Aplicada. A análise dos dados se apoia nos métodos etnográficos de análise de gênero postulados por Devitt, Reiff e Bawashi (apud JOHNS et al., 2006). A geração dos dados deu-se a partir de exemplares de requerimentos e dos dizeres dos usuários do gênero em questionários, entrevistas e protocolos de escrita. A análise dos dados indicou que os requerimentos produzidos pelos alunos nem sempre se realizam plenamente devido a não correspondência entre os aspectos retóricos do gênero na compreensão dos produtores e as expectativas dos leitores desses requerimentos. Provavelmente, entre outras razões, isso deve acontecer porque esses alunos não internalizaram a consciência de que vários fatores afetam a produção de textos, como o contexto, a audiência e o propósito. Pensamos que uma possibilidade de tornar esse gênero textual mais eficiente é desenvolver um modo de elaboração online desses requerimentos no sistema que os alunos já utilizam pra realizar outros procedimentos referentes à sua vida acadêmica, tomando como base as expectativas dos leitores.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 332207 - MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
Interno - 1674285 - ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
Interno - 349685 - MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
Notícia cadastrada em: 13/12/2012 14:53
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa17-producao.info.ufrn.br.sigaa17-producao