Dissertações/Teses

Clique aqui para acessar os arquivos diretamente da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRN

2024
Dissertações
1
  • MATEUS PARDUCCI SOARES DE LIMA
  • A GESTÃO TÓPICA: uma incursão PELO FLOW PODCAST

  • Orientador : CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • EDUARDO PENHAVEL
  • ERIK FERNANDO MILETTA MARTINS
  • Data: 18/01/2024

  • Mostrar Resumo
  • Situo a presente pesquisa na área de especialidade da Linguística do Texto e elejo como objeto de estudo o Tópico Discursivo (TD), a categoria analítica da Perspectiva Textual-Interativa (PTI), uma abordagem de análise textual cujo princípio norteador é o de que as demandas pragmáticas de uma interação verbal atuam como injunções para a formulação linguística. Ou seja, é possível identificar na estrutura do produto da interação verbal os insumos interacionais que a geram. O termo técnico que batiza esse produto é “texto”, que é formulado mediante os processos de construção, cuja análise e descrição são operacionalizadas pelo TD. Forjado a partir do dado empírico de que sempre se fala ou se escreve sobre algo, o TD é revelador de um princípio de organização de textos falados e escritos, a topicalidade. Ela prevê que os TDs de um texto se arranjam linearmente – conforme o desenvolvimento de tópicos em segmentos na superfície textual, um após o outro – e hierarquicamente – conforme a superordenação e subordenação em termos de abrangência temática. O atual arsenal teórico-metodológico da PTI, portanto, dá conta de descrever a organização tópica de textos falados e escritos, no entanto – e aqui mora o problema desta pesquisa – não dá conta de explicar a gestão dos TDs. Por isso, elejo a gestão tópica como o objeto de estudo desta pesquisa e a reconheço como um processo de construção textual. A PTI prevê que os processos de construção textual têm funções textual-interativas, portanto, o objetivo geral da pesquisa é identificar as funções textual-interativas de gestão tópica. Para abordar esse objeto com esse objetivo em mente, realizo uma incursão na organização tópica – conforme abalizada por Jubran (2019 [2006]) – de quatro episódios do Flow Podcast, porque o considero, entre tantos, um evento linguageiro dotado de grande complexidade formulativa e interacional e tal complexidade pode revelar grande variedade de funções da gestão O resultado dessa incursão foi o levantamento de 14 funções textual-interativas da gestão tópica, que se classificam como mais textuais e mais interativas conforme o foco sobre o qual incidem. Esse resultado figura como uma contribuição teórica à PTI, de modo que a gestão tópica, agora, está ao lado da repetição, correção, parafraseamento, parentetização, referenciação, organização tópica e da articulação tópica como um dos processos de construção textual.


  • Mostrar Abstract
  • xxxxxxxx xxxxxxxxx xxxxxxxxxxx xxxxxxxxxx xxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxx

    xxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxx xxxxxxxx xxxxxxxxx xxxxxx xxxxxxxxx

2
  • THAYNA CRISTINA ANANIAS
  • A ICONICIDADE E A AQUISIÇÃO DE LÉXICOS NO PORTUGUÊS

  • Orientador : MAHAYANA CRISTINA GODOY
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LUCIANA LUCENTE
  • MAHAYANA CRISTINA GODOY
  • NEDJA LIMA DE LUCENA
  • Data: 18/01/2024

  • Mostrar Resumo
  • A iconicidade constitui um aspecto linguístico amplamente pesquisado, tanto por diferentes áreas quanto por diferentes teorias dentro de uma área específica, como a linguística. Dada sua amplitude, o conceito atribuído à iconicidade também tange diferentes particularidades. Para este trabalho, especificamente, a entendemos como uma semelhança entre forma linguística e referente (como objeto, sentimento, ação etc.). E, como ainda não há, que saibamos, um trabalho que investigue a iconicidade no léxico do Português Brasileiro (PB), objetivamos preencher essa lacuna. Para tanto, propomo-nos a replicar o experimento de Perry, Perlman e Lupyan (2015) e coletar a nota de iconicidade para uma amostra de 529 palavras do PB. Os autores em quem nos baseamos buscam investigar, principalmente, a relação entre nota de iconicidade, categoria lexical e idade de aquisição de palavras em inglês e em espanhol. Os resultados de Perry, Perlman e Lupyan (2015) indicam que palavras que receberam maiores notas de iconicidade, tanto no inglês quanto no espanhol, também apresentam uma maior porcentagem de aprendizado por crianças de até 30 meses. Perry, Perlman e Lupyan (2015) consideram também, em sua conclusão, uma hipótese tipológica: línguas que apresentam padrões estruturais linguísticos semelhantes apresentarão resultados semelhantes em experimentos como esses. Espera-se, então, que os resultados do espanhol se alinhem com os em português, uma vez que são línguas cujos verbos representam a direção da ação e as palavras ao redor podem representar o modo da ação (verb-framed languages). Com o intuito de investigar e relacionar essas questões com o português, replicamos os experimentos dos autores. Nossos resultados confirmam as indicações do inglês e do espanhol: palavras mais facilmente aprendidas também apresentam maior nota de iconicidade no PB. Quanto à relação entre nota de iconicidade e categoria lexical, assim como no inglês e espanhol, as categorias com notas mais altas no PB foram as onomatopeias e as interjeições. No entanto, não seguiram a expectativa da hipótese tipológica indicada pelos autores: no Espanhol, não houve uma diferença significativa entre verbos e substantivos; já, no PB, assim como no inglês, os verbos obtiveram notas mais altas que os substantivos.


  • Mostrar Abstract
  • Iconicity is a widely researched linguistic aspect by different areas (linguists,
    biologists, psychologists, etc.) and by different theories within a specific area, such as
    linguistics (formalism and functionalism, for example). Therefore, the concept
    attributed to iconicity also touches on different particularities. Specifically for this
    research, we understand it as a similarity between linguistic form (whether written,
    sound or gestural) and referent (as object, feeling, action, etc.). As far as we know, there
    is not yet a research that investigates iconicity in the Brazilian Portuguese (BP) lexicon,
    so we aim to fill this gap. Thus, we propose to replicate the experiment by Perry,
    Perlman and Lupyan (2015) and collect the iconicity rating for a sample of 529 BP
    words. The authors whom we are based seek to investigate, mainly, the relationship
    between iconicity rating, lexical category and age of acquisition of words in English and
    Spanish taken from the MacArthur-Bates Communicative Developmental Inventories
    (MCDI) wordbank. To statistically observe the role of iconicity in this relationship,
    other variables must be raised, such as frequency and concreteness. The results by Perry,
    Perlman and Lupyan (2015) indicate that words with higher scores for iconicity, both in
    English and in Spanish, also show a higher percentage of learning by children aged up
    to 30 months, i.e., words that are more easily learned also have a higher iconicity score.
    Perry, Perlman and Lupyan (2015) also consider a typological hypothesis in their
    conclusion: languages that present similar linguistic structural patterns will present
    similar results in experiments like these. It is expected that the results in Spanish are in
    line with those in Portuguese, since these are languages whose verbs represent the
    direction of action, and the surrounding words can represent the mode of action (verb-
    framed languages). To investigate and relate these issues to Portuguese, we replicated
    the authors' experiments. Our results confirm the indications of English and Spanish:
    more easily learned words also have a higher iconicity score in BP. As for the
    relationship between iconicity ratings and lexical category, as well as in English and
    Spanish, the categories with the highest ratings in BP were onomatopoeias and
    interjections, followed by adjectives. However, they did not follow the expectation of
    the typological hypothesis indicated by the authors: there was no significant difference
    between verbs and nouns in Spanish; on the other hand, verbs obtained higher scores
    than nouns in BP, as well as in English.

3
  • VITÓRIA RANNER PINHEIRO PEREIRA
  •  

     

     

    INTERFACES TEXTUAIS, DISCURSIVAS E ENUNCIATIVAS NO CRIME CONTRA A DIGNIDADE SEXUAL FEMININA: ANÁLISE A PARTIR DO CASO “MARIANA FERRER”

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA LUCIA TINOCO CABRAL
  • LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • Data: 18/01/2024

  • Mostrar Resumo
  • No Brasil, apesar da implementação de políticas voltadas à proteção das mulheres em situação de violência, a eficácia dessas medidas é frequentemente desafiada diante do crescimento contínuo dos crimes contra a dignidade sexual, perpassando por todas as modalidades criminais, desde o assédio, até o estupro e os feminicídios. Adicionalmente, as deficiências no sistema de apoio às vítimas contribuem para a questionável efetividade dessas políticas. A título de exemplo, o caso da jovem brasileira Mariana Borges Ferreira, que ganhou destaque nacional e internacional, evidenciou as lacunas existentes no sistema judiciário no tratamento prestado às vítimas, especialmente nos casos de estupro de vulnerável. Diante desse contexto, são propostas três questões para nortear a pesquisa: a) como se organiza o plano textual nos gêneros discursivos audiência de instrução com ênfase na seção “oitiva da vítima” e sentença absolutória?; b) como se apresenta, no nível linguístico, o ponto de vista e o agenciamento das vozes empregados na seção de audiência “oitiva da vítima” e na sentença absolutória?; c) quais as marcas linguísticas que assinalam a responsabilidade enunciativa e/ou o quadro mediativo na seção de audiência “oitiva da vítima” e na sentença absolutória?. Para responder a esses questionamentos, estabelecemos como objetivo geral investigar como o plano de texto, o ponto de vista, a responsabilidade enunciativa e o quadro mediativo se manifestam nos gêneros discursivos audiência de instrução e sentença absolutória de crimes contra a dignidade sexual feminina. No tocante aos objetivos específicos, propomo-nos a identificar, descrever, analisar e interpretar: 1) a organização do plano textual da audiência de instrução, com ênfase na seção “oitiva da vítima” e da sentença absolutória; 2) o modo como os pontos de vista e as vozes são mobilizados na seção de audiência “oitiva da vítima” e na sentença absolutória; 3) as marcas linguísticas que assinalam a responsabilidade enunciativa, bem como o quadro mediativo na seção de audiência “oitiva da vítima” e na sentença absolutória. Em função desse alcance, buscou-se ancoragem nos pressupostos teóricos da Linguística Textual, da Linguística Enunciativa e da Análise Textual dos Discursos. Nessa direção, acompanhamos autores que trabalham com o plano de texto, entre eles, Adam (2011, 2019, 2020, 2021, 2022), Passeggi et al. (2010), Cabral (2013, 2016), Marquesi et al. (2019), Marquesi, Cabral e Rodrigues (2022), Rodrigues e Marquesi (2021), Rodrigues (2022a, 2022b); com a teoria dos pontos de vista, com base em Rabatel (2005, 2016, 2021a, 2021b), Soares e Rodrigues (2021); com o fenômeno da responsabilidade enunciativa, a partir de Adam (2011, 2019, 2020, 2021, 2022), Rabatel (2016), Passeggi et al. (2010), Rodrigues, Passeggi e Silva Neto (2010), Rodrigues (2017); e, o quadro mediativo, mediante os postulados de Guentchéva (1994, 2011). Metodologicamente, trata-se de um estudo que se insere na abordagem qualitativa, de caráter descritivo e interpretativista, utilizando os métodos dedutivo e indutivo, com base em procedimentos bibliográficos e documentais. O corpus da pesquisa é constituído por 1 (uma) audiência de instrução e 1 (uma) sentença absolutória, ambas circunscritas aos autos do processo de nº 0004733-33.2019.8.24.0023, encontrado em domínio público de acesso em ambientes digitais. As análises demonstram um plano de texto fixo ou convencional em ambos os gêneros discursivos, no entanto, na seção “oitiva da vítima”, presente no gênero audiência de instrução, o plano de texto é ocasional, por apresentar em suas partes, elementos inesperados e deslocados em relação ao gênero ou subgênero do discurso. No que concerne ao ponto de vista e à responsabilidade enunciativa, verificamos que na audiência de instrução há mais evidências, certamente por ser um gênero discursivo que utiliza a modalidade oral da língua, pois como há interação em contexto de língua falada, possivelmente, instaura condições para que os locutores assumam o conteúdo proposicional dos enunciados em situação de sincretismo, tornando-se, assim, locutores enunciadores primeiros (L1/E1); na sentença absolutória, notamos que o juiz (L1/E1), em alguns dos exemplos analisados, emprega múltiplas vozes para fundamentar sua decisão, demonstrando posicionamentos de acordo ou desacordo perante o conteúdo proposicional veiculado pelos enunciadores segundos (e2), como nas seções do relatório e em algumas partes da fundamentação, enquanto na seção “dispositivo”, identificamos o PDV do L1/E1 e a assunção da RE.


  • Mostrar Abstract
  • In Brazil, despite the implementation of policies aimed at protecting women in situations of violence, the effectiveness of these measures is often challenged in the face of the continuous growth of crimes against sexual dignity, covering all forms of crime, from harassment to rape and femicides. Additionally, deficiencies in the victim support system contribute to the questionable effectiveness of these policies. As an example, the case of young Brazilian Mariana Borges Ferreira, which gained national and international attention, highlighted the gaps in the judicial system in the treatment provided to victims, especially in cases of rape of a vulnerable person. Given this context, three questions are proposed to guide the research: a) how is the textual plan organized in the discursive genres of the instruction hearing with emphasis on the “victim hearing” section and absolutory sentence?; b) how is the point of view and agency of the voices used in the “victim hearing” hearing section and in the absolutory sentence presented at a linguistic level?; c) what linguistic marks indicate the enunciative responsibility and/or the mediative framework in the “victim hearing” hearing section and in the absolutory sentence?. To answer these questions, we established the general objective of investigating how the text plan, the point of view, the enunciative responsibility and the mediative framework manifest themselves in the discursive genres of instruction hearing and absolutory sentence for crimes against female sexual dignity. Regarding the specific objectives, we propose to identify, describe, analyze and interpret: 1) the organization of the textual plan of the instruction hearing, with emphasis on the “victim's hearing” section and the absolutory sentence; 2) the way in which points of view and voices are mobilized in the “victim hearing” section of the hearing and in the absolutory sentence; 3) the linguistic marks that indicate enunciative responsibility, as well as the mediative framework in the “victim hearing” hearing section and in the absolutory sentence. Due to this scope, we sought to anchor it in the theoretical assumptions of Textual Linguistics, Enunciative Linguistics and Textual Analysis of Discourses. In this direction, we follow authors who work with the text plan, including Adam (2011, 2019, 2020, 2021, 2022), Passeggi et al. (2010), Cabral (2013, 2016), Marquesi et al. (2019), Marquesi, Cabral and Rodrigues (2022), Rodrigues and Marquesi (2021), Rodrigues (2022a, 2022b); with point of view theory, based on Rabatel (2005, 2016, 2021a, 2021b), Soares and Rodrigues (2021); with the phenomenon of enunciative responsibility, based on Adam (2011, 2019, 2020, 2021, 2022), Rabatel (2016), Passeggi et al. (2010), Rodrigues, Passeggi and Silva Neto (2010), Rodrigues (2017); and, the mediative framework, through the postulates of Guentchéva (1994, 2011). Methodologically, this is a study that is part of a qualitative approach, descriptive and interpretive in nature, using deductive and inductive methods, based on bibliographic and documentary procedures. The research corpus consists of 1 (one) instruction hearing and 1 (one) absolutory sentence, both limited to the case files nº. 0004733-33.2019.8.24.0023, found in the public domain for access in digital environments. The analyzes demonstrate a fixed or conventional text plan in both discursive genres, however, in the “victim's hearing” section, present in the instruction hearing genre, the text plan is occasional, as it presents in its parts, unexpected elements and displaced in relation to the genre or subgenre of the speech. Regarding the point of view and enunciative responsibility, we found that in the instruction hearing there is more evidence, certainly because it is a discursive genre that uses the oral modality of the language, as there is interaction in a spoken language context, possibly establishing conditions so that speakers assume the propositional content of utterances in a situation of syncretism, thus becoming speaker enunciator first (L1/E1); in the absolutory sentence, we noticed that the judge (L1/E1), in some of the examples analyzed, uses multiple voices to support his decision, demonstrating positions of agreement or disagreement regarding the propositional content conveyed by the second enunciators (e2), as in the sections of report and in some parts of the reasoning, while in the “device” section, we identify the L1/E1 PDV and the assumption of the RE.

4
  • MATHEUS SILVA DE SOUZA
  • REFLEXOS E REFRAÇÕES DE UMA VERDADE NUA E CRUA: UMA ANÁLISE DIALÓGICA DA CONSTRUÇÃO DO PROJETO DE DIZER DE ADELAIDE CARRARO EM EU E O GOVERNADOR (1963)

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 19/01/2024

  • Mostrar Resumo
  • Ao decidir se tornar criadora de narrativas e assinar mais de quarenta obras em vida, Adelaide Carraro, uma das escritoras malditas do século XX ー epíteto difundido especialmente no contexto da ditadura civil-militar brasileira (1964-1985) para se referir àqueles que produziam arte contra o regime autoritário ー, marcou a sua trajetória literária por propagar aquilo que julga ser a verdade nua e crua sobre problemas sócio-históricos do Brasil. Atingindo, de modo ambivalente, o reconhecimento popular acerca de seus títulos e o desprestígio por parte de críticos e jornalistas de sua época, Carraro lançou-se autora de muitos romances de traços autobiográficos, nos quais assume a posição axiológica de heroína das narrativas que compõe, algo que demarca o seu estilo composicional. Como um exemplo de tais textos, Eu e o Governador (1963), trabalho inaugural de Adelaide, desenvolve-se sob o enfoque de uma narradora-personagem e protagonista que versa acerca dos seus dilemas íntimos enquanto jovem ex-tuberculosa e pobre na cidade de São Paulo, espaço onde experiencia acontecimentos traumáticos que a fazem questionar os estigmas sociais e o descaso governamental direcionados a essa população. Nesse sentido, esta pesquisa intenta analisar dialogicamente a construção do projeto de dizer de Adelaide Carraro no referido objeto estético, a fim de atingir uma compreensão aprofundada a respeito das linhas verbo-ideológicas que compõem a intenção discursiva da artista, no que tange às escolhas dos elementos arquitetônicos da forma, do conteúdo e do material e à definição dos posicionamentos axiológicos agenciados na elaboração do seu enunciado. Para tanto, o corpus investigativo aqui trabalhado é encorpado não só por enunciados presentes no plano romanesco, como também pelo correlacionamento de outros materiais enunciativos, oriundos de jornais e revistas, entre outros, os quais integram um conjunto de textos relacionados ao tema explicitado, dados que nos auxiliam a construir uma interpretação profícua acerca do fenômeno pesquisado. Neste ínterim, alicerçamos os fios condutores desta dissertação ao fazer científico da pesquisa qualitativa de caráter interpretativista e alinhamos nosso escopo teórico-metodológico aos pressupostos da Linguística Aplicada, enquanto ciência indisciplinar, transgressiva e crítica. Além disso, nesta pesquisa, coligamo-nos às postulações do Círculo Bakhtiniano, composto por pensadores como Mikhail Bakhtin, Pável Medviédev e Valentin Volóchinov, que comportam os fundamentos epistemológicos e filosóficos em torno da abordagem dialógica da linguagem. Logo, é possível depreender que a arquitetônica adelaideana, isto é, a maneira com a qual a autora-criadora organizou o seu primeiro livro, é constituída por índices valorativos que sinalizam uma atitude avaliativa da enunciadora frente aos fatos vividos por ela, transpostos e, assim, representados no plano romanesco, a partir da intersecção entre reflexos e refrações dos mundos da arte e da vida. Ademais, por revelar, em seu texto, sentidos ideologicamente edificados em relação a si mesma e aos outros da interação discursiva, a enunciadora lidou com diversas apreciações em torno de sua imagem e de seu enunciado, o que evidencia os multidirecionamentos e as reverberações axiológicas de sua produção imersa na realidade concreta.


  • Mostrar Abstract
  • Upon deciding to become a creator of narratives and signing over forty works during her lifetime, Adelaide Carraro, one of the cursed writers of the 20th century ー an epithet widely spread, especially in the context of the Brazilian civil-military dictatorship (1964-1985), to refer to those who produced art against the authoritarian regime ー, marked her literary trajectory by disseminating what she believes to be the naked truth about socio-historical problems in Brazil. Ambivalently achieving popular recognition for her titles and disdain from critics and journalists of her time, Carraro became the author of many autobiographical novels in which she assumes the axiological position of the heroine of the narratives she composed, something that distinguished her compositional style. As an example of such texts, Eu e o Governador (1963), Adelaide's inaugural work, unfolds from the perspective of a narrator-character and protagonist. The narrator discusses her intimate dilemmas as a poor and young former tuberculosis patient in the city of São Paulo, a space where she experiences traumatic events that make her question the social stigmas and governmental neglect directed toward this population. In this sense, this research aimed to analytically examine the construction of Adelaide Carraro's utterance project in the mentioned aesthetic object, in order to achieve a deep understanding of the verbal-ideological lines that compose the artist's discursive intention, regarding the choices of architectural elements, including form, content, and material, and the definition of axiological positions employed in the elaboration of her statement. To achieve this purpose, the investigative corpus consists of statements present in the novelistic plot. Additionally, it includes correlations with statements from newspapers and magazines, forming a set of texts related to the explained theme. This data helps construct a fruitful interpretation of the researched phenomenon. Meanwhile, we anchor the guiding threads of this dissertation in the scientific framework of qualitative research of an interpretive nature. We align our theoretical-methodological scope with the assumptions of Applied Linguistics as an undisciplined, boundary-pushing, and critical science. In this research, we also align ourselves with the postulations of the Bakhtinian Circle, composed of thinkers such as Mikhail Bakhtin, Pavel Medvedev, and Valentin Voloshinov, who provide the epistemological and philosophical foundations around the dialogical approach to language. Therefore, we can infer that the architectural style of Adelaide, how the author-creator organized her first book, is constituted by evaluative indices indicating the enunciator’s attitude towards experiences lived by her. These experiences are transposed and, thus, represented on a novelistic level, based on the intersection between reflections and refractions of the worlds of art and life. Furthermore, by revealing, in her text, ideologically constructed meanings in relation to herself and others in the discursive interaction, the enunciator dealt with different assessments around her image and her statement, which highlights the multi-directions and axiological reverberations of her production immersed in concrete reality.

5
  • RENATA KAROLYNE GOMES COUTINHO
  • EXPANSÃO DE NARRATIVAS E REALINHAMENTO MORAL: UMA ANÁLISE DIALÓGICA DA
    (RE)CONSTRUÇÃO IDENTITÁRIA DA BRUXA MÁ DO OESTE EM WICKED (1995)

  • Orientador : RENATA ARCHANJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • RENATA ARCHANJO
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 26/01/2024

  • Mostrar Resumo
  • As expansões de narrativa, nos mais diferentes suportes de mídia, são um
    fenômeno com tendência de crescimento nas últimas décadas. Tais expansões
    podem ocorrer, em relação ao tempo da narrativa, em três diferentes
    maneiras: prequels, coquels e sequels. Nesta pesquisa, trazemos como corpus de
    análise o romance Wicked(1995), prequel da narrativa infantil The Wonderful
    Wizard of Oz (1900), o qual tem como premissa a volta ao passado do famoso
    enredo para contar a vida da personagem conhecida como Bruxa Má do Oeste.
    Assim, temos como objetivo realizar uma análise dialógica da (re)construção
    identitária da Bruxa Má do Oeste em Wicked (1995). Para desenvolver tal
    investigação, utilizamos como base os pressupostos teórico-metodológicos da
    Linguística Aplicada (CAVALCANTI, 1986; CELANI, 1992; FABRÍCIO, 2006;
    MENEZES; SILVA; GOMES, 2022; MOITA LOPES, 1994, 2006a, 2006b, 2022;

    PENNYCOOK, 2006; RAJAGOPALAN, 2006; SIGNORINI, 1998) e do Círculo de
    Bakhtin (BAKHTIN, 2011a, 2011b, 2014, 2015, 2016, 2017a, 2017b, 2017c, 2018,
    2020, 2023; MEDVIÉDEV, 2019; VOLÓCHINOV, 2018, 2019a, 2019b, 2019c),
    como também fazemos uso das contribuições teóricas de autores como Bauman
    (2001, 2004, 2005), Hall (2014, 2020), Lipovetsky (2004) e Woodward (2014) no
    que tange aos estudos identitários e de pesquisadores como Saint-Gelais (2011,
    2016) e Parey (2019), os quais dão aporte no que se refere à transficcionalidade e
    às expansões de narrativa. Na análise desenvolvida, percebeu-se que a
    personagem Elphaba (que se converterá na Bruxa Má do Oeste) é construída
    como um sujeito resultado dos cronotopos em que vive e das relações dialógicas
    que mantém com o Outro, fazendo com que tal sujeito passe por um processo de
    transformação que o leva a se converter na antagonista do Mágico de Oz,
    refratando, pois, a ideia de que a maldade das personagens antagonistas não
    nasce com elas, mas que é fruto de um processo contínuo de constituição
    identitária.


  • Mostrar Abstract
  •  

    Narrative expansions, in the most different media support, are a trend that has tended to grow in recent decades. Such expansions can occur, in relation to the time of the narrative, in three different ways: prequelscoquels and sequels. In this research, we bring as corpus of analysis the novel Wicked (1995), prequel of the children’s narrative The Wonderful Wizard of Oz (1900), which has as its premise the return to the past of the famous plot to tell the life of the character known as the Wicked Witch of the West. Thus, we aim to carry out a dialogical analysis of the identity (re)construction of the Wicked Witch of the West in Wicked (1995). To develop this investigation, we use as a basis the theoretical-methodological assumptions of Applied Linguistics (CAVALCANTI, 1986; CELANI, 1992; FABRÍCIO, 2006; MENEZES; SILVA; GOMES, 2022; MOITA LOPES, 1994, 2006a, 2006b, 2022; PENNYCOOK, 2006; RAJAGOPALAN, 2006; SIGNORINI, 1998) and Bakhtin Circle (BAKHTIN, 2011a, 2011b, 2014, 2015, 2016, 2017a, 2017b, 2017c, 2018, 2020, 2023; MEDVIÉDEV, 2019; VOLÓCHINOV, 2018, 2019a, 2019b, 2019c), as well as making use of the theoretical contributions of authors such as Bauman (2001, 2004, 2005), Hall (2014, 2020), Lipovetsky (2004) and Woodward (2014) with regard to identity studies, and researchers such as Saint-Gelais (2011, 2014) and Parey (2019), who provide contributions with regard to transfictionality and narrative expansions. In the analysis developed, it was noticed that the character Elphaba (who will become the Wicked Witch of the West) is constructed as a subject resulting from the chronotopes in which she lives and the dialogical relationships she maintains with the Other, making this subject go through a process of transformation that leads him to become the antagonist of The Wizard of Oz, thus refracting the idea that the evil in the antagonist characters os not born with them, but is a result of a continuous process of identity construction.

     

     

6
  • JEFERSON SILVA DA CRUZ
  • ARTICULADORES TEXTUAIS E O MODO DE ORGANIZAÇÃO ARGUMENTATIVO EM REDAÇÕES NOTA MIL DO ENEM

     

     

  • Orientador : SULEMI FABIANO CAMPOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CÉLIA MARIA DE MEDEIROS
  • KATIA CILENE FERREIRA FRANÇA
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • Data: 29/01/2024

  • Mostrar Resumo
  • Nesta dissertação, analisamos como os articuladores textuais e o modo de organização argumentativo se materializam em redações nota mil do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Partimos da hipótese de que os participantes atendem ao que é solicitado pela matriz de avaliação, ocorrendo nas redações uma semelhança nos mecanismos de articulação linguística e no modo de organização do texto argumentativo, que leva a uma padronização. O corpus é constituído por redações nota mil do Enem dos anos 2018, 2019, 2020 e 2021, coletadas no domínio público e disponíveis no site do G1. Os procedimentos metodológicos adotados neste estudo basearam-se na análise do corpus seguindo os princípios teóricos de duas áreas específicas: Linguística Textual (LT) e Semiolinguística. Na abordagem da LT, foi dada ênfase à investigação dos conectores/articuladores textuais presentes na construção argumentativa das redações, embasada nos estudos de Koch (2009, 2014, 2018), Adam (2011, 2019), Cavalcante et al. (2022), entre outros. Além disso, a análise se vale da Semiolinguística para analisar o modo de organização do texto argumentativo a partir dos elementos da lógica argumentativa propostos por Charaudeau (2019). Com base na análise realizada, constatamos que os participantes ao longo das diferentes edições do Enem, demonstram atender aos critérios estabelecidos na matriz de avaliação, especificamente os requisitos da competência 3 e 4. Dessa maneira, os resultados confirmaram a nossa hipótese, as redações apresentam uma semelhança no uso dos recursos de articulação linguística e na organização do texto argumentativo, demonstrando a existência de uma padronização na produção textual, independentemente da edição em que foram elaboradas.


  • Mostrar Abstract
  • In this dissertation, we analyzed how the textual articulators and the mode of argumentative organization materialize in essays that scored a thousand on the National High School Exam (Enem). We start from the hypothesis that the participants meet the requirements of the assessment matrix, and that there is a similarity in the mechanisms of linguistic articulation and in the way the argumentative text is organized in the essays, which leads to a standardization. The corpus consists of Enem grade 1000 essays from 2018, 2019, 2020 and 2021, collected in the public domain and available on the G1 website. The methodological procedures adopted in this study were based on analyzing the corpus according to the theoretical principles of two specific areas: Textual Linguistics (TL) and Semiolinguistics. In the TL approach, emphasis was placed on investigating the textual connectors/articulators present in the argumentative construction of the essays, based on studies by Koch (2009, 2014, 2018), Adam (2011, 2019), Cavalcante et al. (2022), among others. In addition, the analysis uses Semiolinguistics to analyze how the argumentative text is organized based on the elements of argumentative logic proposed by Charaudeau (2019). Based on the analysis carried out, we found that the participants in the different editions of Enem demonstrated that they met the criteria established in the assessment matrix, specifically the requirements of competencies 3 and 4. In this way, the results confirmed our hypothesis: the essays are similar in their use of linguistic articulation resources and in the organization of the argumentative text, demonstrating the existence of a standardization in textual production, regardless of the edition in which they were written.

7
  • JÚLIO CÉZAR DANTAS DE ARAÚJO
  • “MEU BAIRRO, MEU AMBIENTE”: argumentação emancipadora nos anos iniciais do ensino fundamental

  • Orientador : GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALANA DRIZIÊ GONZATTI DOS SANTOS
  • DOROTEA FRANK KERSCH
  • GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS
  • ISABEL CRISTINA MICHELAN DE AZEVEDO
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • Data: 30/01/2024

  • Mostrar Resumo
  • O ensino de argumentação como prática social tem sido objeto de interesse de pesquisadores dos estudos da linguagem tanto no contexto da Educação Básica quanto no ensino superior. Propostas de intervenção que tomam essa perspectiva como eixo não priorizam o ensino sobre a argumentação. Elas buscam impulsionar um processo de ensino e aprendizagem em que o foco está nos usos sociais da argumentação, por meio de um trabalho crítico e criativo com diferentes linguagens e semioses. Para contribuir com essa perspectiva, esta dissertação tem como objeto de estudo o ensino de argumentação como prática social emancipadora integrado a um projeto de letramento (PL). Nosso objetivo geral é investigar como se caracteriza o ensino de argumentação como prática social emancipadora por meio de um PL desenvolvido nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Para isso, estabelecemos dois objetivos específicos: (i) identificar ações que promovam o processo de ensino e aprendizagem da argumentação como prática social emancipadora nesse PL; (ii) articular eventos e práticas que caracterizam esse processo A fim de alcançarmos nossos objetivos, fundamentamo-nos na concepção dialógica da linguagem do Círculo de Bakhtin (Volóchinov, 2017), nos estudos de letramento de vertente sociocultural (Kleiman, 1995; Tinoco, 2008), na Pedagogia Crítica (Freire, 2018) e no ensino de argumentação como prática social emancipadora (Azevedo; Tinoco, 2019; Azevedo; Piris, 2023). Metodologicamente, esta pesquisa-ação crítica/emancipatória (Teixeira; Neto, 2017) de paradigma qualitativo e de vertente etnográfica (André, 1995) ancora-se na Linguística Aplicada (Moita Lopes, 2006; Kleiman; De Grande, 2015). Colaboram nesta pesquisa professoras, alunos do 5o ano do Ensino Fundamental e outros agentes internos e externos de uma escola municipal de Parnamirim, no Rio Grande do Norte. Os instrumentos utilizados para a geração de dados foram: notas de campo; fotografias; textos escritos (e reescritos), orais e multimodais de diferentes gêneros discursivos. Os resultados alcançados salientam que o processo de ensino e aprendizagem da argumentação como prática social emancipadora integrado a um PL aprimora: (i) ações de formação continuada de professores voltadas para a prática situada, o que fortalece o ensino de linguagens como prática social; (ii) práticas de leitura, escrita, oralidade e escuta de estudantes dos anos iniciais do Ensino Fundamental, centradas em uma rede de atividades e de gêneros discursivos, que emerge de forma orgânica do PL e, por terem fins sociais específicos, extrapolam a interação professora-alunos e o espaço escolar. Esse aprimoramento ressignifica as ações dos agentes que passam a ver a leitura, a escrita e a argumentação (oral, escrita, multimodal) como práticas sociais que alicerçam a vida em sociedade e, portanto, não se restringem ao espaço escolar.


  • Mostrar Abstract
  • The teaching of argumentation as a social practice has been a subject of interest for researchers in language studies, both in the context of Basic Education and higher education. Intervention proposals that take this perspective as a central axis do not prioritize teaching about argumentation. Instead, they seek to drive a teaching and learning process where the focus is on the social uses of argumentation through critical and creative work with different languages and semiotic resources. To contribute to this perspective, this dissertation focuses on the teaching of argumentation as an emancipatory social practice integrated into a literacy project (PL). Our general objective is to investigate how the teaching of argumentation as an emancipatory social practice is characterized through an PL developed in the early years of Elementary School. To achieve this, we establish two specific objectives: (i) identify actions that promote the teaching and learning process of argumentation as an emancipatory social practice in this PL; (ii) articulate events and practices that characterize this process. In pursuing our objectives, we rely on the dialogical conception of language from the Bakhtin Circle (Volóchinov, 2017), studies on literacy from a sociocultural perspective (Kleiman, 1995; Tinoco, 2008), Critical Pedagogy (Freire, 2018), and the teaching of argumentation as an emancipatory social practice (Azevedo; Tinoco, 2019; Azevedo; Piris, 2023). Methodologically, this critical/emancipatory action research (Teixeira; Neto, 2017) with a qualitative paradigm and an ethnographic perspective (André, 1995) is anchored in Applied Linguistics (Moita Lopes, 2006; Kleiman; De Grande, 2015). Collaborators in this research include teachers, students in the 5th year of elementary school, and other internal and external agents from a municipal school in Parnamirim, Rio Grande do Norte. The instruments used for data generation were field notes, photographs, written (and rewritten), oral, and multimodal texts of different discursive genres. The results emphasize that the teaching and learning process of argumentation as an emancipatory social practice integrated into an PL improves: (i) actions of teacher professional development focused on situated practice, which strengthens language teaching as a social practice; (ii) practices of reading, writing, orality, and listening of early Elementary School students, centered on a network of activities and discursive genres that organically emerge from the PL and, due to their specific social purposes, go beyond teacher-student interaction and the school space. This improvement redefines the actions of the agents, who come to see reading, writing, and argumentation (oral, written, multimodal) as social practices that underpin life in society and, therefore, are not limited to the school space.

8
  • PATRICIA MICARLA GUEDES DA SILVA
  • LETRAMENTOS PROFISSIONAIS EM AMBIENTES DIGITAIS POR PROFESSORES DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • ALANA DRIZIÊ GONZATTI DOS SANTOS
  • PATRICIA VILELA DA SILVA
  • Data: 01/02/2024

  • Mostrar Resumo
  • A pesquisa proposta objetiva analisar as práticas de letramentos profissionais no domínio digital cotidiano de professores que atuam no atendimento educacional especializado (AEE), destinado a alunos com necessidades educacionais específicas. Metodologicamente, insere-se na área da Linguística Aplicada (Kleiman, 2002), é do tipo pesquisa de campo (Gil, 2002), segue as orientações das investigações de abordagem de dados de natureza qualitativa-interpretativista (Bodgan; Biklen, 1994; Moita Lopes, 1994), com inspiração etnográfica. O Lócus da pesquisa é a instituição de ensino Centro Estadual de Educação Especial, localizada na cidade do Natal/RN. Os participantes são os professores atuantes nas áreas de Letras/Português, Pedagogia, Artes e Educação Física. Os instrumentais utilizados na geração de dados consistem em entrevistas semiestruturadas (Moreira; Caleffe, 2006), questionário (Moreira; Caleffe, 2006), roda de conversa (Moura; Lima, 2014), fotografias, observações e notas de campo (Bodgan; Biklen, 1994). Vale ressaltar que os eventos de geração de dados ocorreram no formato semipresencial, mediante o uso da plataforma Google Meet e do aplicativo WhatsApp. Esta escolha se justifica tendo em vista a manutenção da segurança dos participantes, de modo a prevenir a contaminação ocasionada pelo vírus da Covid-19. O Corpus da pesquisa contempla as respostas concedidas às entrevistas semiestruturadas, o questionário, à roda de conversa, às observações, notas de campo e fotografias. Teoricamente, fundamenta-se nos aportes dos Estudos de letramento compreendidos como prática social (Kleiman, 1995; 2005; Rojo, 2009), em sua perspectiva crítica (Freire, 1996; 1997; Kleiman; Santos-Marques, 2020), em trabalhos voltados ao letramento laboral (Paz, 2008; Costa, 2019), incluindo o letramento profissional do professor (Kleiman, 2005; 2008). Além disso, tomaremos por base a abordagem dos gêneros textuais/discursivos como artefato de trabalho do professor (Devitt, 2004; Bezerra, 2022; Marcuschi, 2008), o letramento digital no trabalho docente (Coscarelli, 2019; Buzato, 2006; Ribeiro, 2014; Rojo, 2020), assim como a inter-relação entre educação inclusiva, educação especial e AEE (Mec/Seesp, 2008; Brasil, 2015; Inep, 2020) e na atuação docente em sala de aula regular e no AEE (Modica et al, 2020; Mec/Seesp, 2008). Os resultados da pesquisa apontam  que as principais práticas desempenhadas no domínio das atividades de trabalho dos participantes referem-se tanto à realização de tarefas de natureza técnica (relatório, manuseio da plataforma SIGEDUC etc.), quanto as  de cunho pedagógico (planejamento, atividades, jogos educativos, dentre outras.). As dificuldades experenciadas no âmbito profissional e digital pelos docentes evidenciam a carência de ferramentas tecnológicas, falta de uma rede estável de internet, inexistência de cursos técnicos para manuseio das plataformas digitais. As estratégias aplicadas pelos docentes a fim de atenuarem essas dificuldades evidenciam a utilização de ferramenta digitais próprias (computador, tablet, smartfones), plano de internet móvel particular, aprendem intuitivamente e/ou recorrem a pessoas mais experientes para entender e saber fazer uso das ferramentas tecnológicas digitais.

     


  • Mostrar Abstract
  • This research aims to analyze the practices daily professional and digital literacies of teachers actively involved in Specialized Educational Service (SES) for students with specific education needs. Methodologically, this study is grounded in Applied Linguistics (Kleiman, 2002) and it adopts a field research approach (Gil, 2002), aligning with the principles of qualitative interpretive data-driven investigations (Bogdan; Biklen, 1994; Moita Lopes, 1994), while also incorporating ethnographic elements. The research locus is the Centro Estadual de Educação Especial, located in Natal/RN. The participants are teachers of Portuguese and Literature, Pedagogy, Arts, and Physical Education. Data collection methods included semi-structured interviews (Moreira; Caleffe, 2006), questionnaires (Moreira; Caleffe, 2006), group discussions (Moura; Lima, 2014), photographs, observations, and field notes (Bogdan; Biklen, 1994). It is important to highlight that data collection in these events occurred in a blended format, via Google Meet and WhatsApp to ensure participant safety and prevent potential Covid-19 transmission. The research corpus includes responses gathered from semi-structured interviews, questionnaires, group discussions, observations, field notes and photographs. Theoretical underpinnings drawn from Literacy Studies, viewed as a social practice (Kleiman, 1995; 2005; Rojo, 2009) from a critical perspective (Freire, 1996; 1997; Kleiman; Santos-Marques, 2020), with a focus in work on occupational literacy (Paz, 2008; Costa, 2019), particularly the professional literacy of teachers (Kleiman, 2005; 2008). Furthermore, this research employs the genre textualy/discursive approach as it relates to a teacher's work artifact (Devitt, 2004; Bezerra, 2022; Marcuschi, 2008), digital literacy within the realm of teaching work (Coscarelli, 2019; Buzato, 2006; Ribeiro, 2014; Rojo, 2020), as well as the interrelationship between inclusive education, special education and SES (Mec/Seesp, 2008; Brasil, 2015; Inep, 2020) and in teaching activities in the regular classroom and in SES (Modica et al, 2020; Mec/ Seesp, 2008). The research results suggest that participants engage in both technical tasks, such as reporting and handling the SIGEDUC platform, and pedagogical tasks, such as planning, activities, and educational games. The challenges faced by teachers in the professional and digital realm are due to the absence of technological tools, unstable internet networks, and insufficient technical training for handling digital platforms. The strategies applied by teachers in order to alleviate these difficulties highlight the use of their own digital tools (computer, tablet, smartphones), private mobile internet plan, they learn intuitively and or turn to more experienced people to understand and know how to use the tools digitals technological.

     

     

9
  • HÉLIA DA SILVA ALVES CARDOSO
  • O UNIVERSO DE ORÏSHA: AS REPRESENTAÇÕES DA VIOLÊNCIA EM CHILDREN OF BLOOD AND BONE, DE TOMI ADEYEMI



  • Orientador : REGINA SIMON DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • NATHALIA OLIVEIRA DE BARROS CARVALHO
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • Data: 29/02/2024

  • Mostrar Resumo
  • Children of blood and bone (2018a) é uma ficção do gênero fantasia, ambientada na África Ocidental, mais especificamente na Nigéria, país das origens ancestrais da escritora afro-estadunidense, Tomi Adeyemi. A violência na obra se instaura a partir do massacre da população de maji, uma atrocidade que fica conhecida como, a Ofensiva. Esta dissertação tem como objetivo principal analisar as representações da violência na obra e como as simbologias representam os povos escravizados ao mesmo tempo em que resgatam a identidade afro no universo fantástico de Orïsha. Para tal, serão discutidas as seguintes questões: Como se dá a composição estética da obra e que elementos simbólicos são apresentados na construção do mundo fantástico de Orïsha; como são representadas as categorias de violências; de que forma a violência, como expressão máxima de poder, atua na destruição da cultura iorubá em Orïsha e como se forma a resistência em Children of blood and bone. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica de caráter qualitativo, com embasamento teórico em Benjamin (2013) sobre como a violência surge e se instala, Butler (2021) que discorre a respeito da não violência como fator invocador da resistência para enfrentar o seu dominador e o direito ao luto, Dorlin (2020), no tocante à autodefesa como arma para defender as minorias majoritárias; Falola e Heaton (2008) que falam sobre a violência na Nigéria; Bakhtin (1998) Oliveira e Waechter (2021) para abordar a estética da obra, Chevalier e Gheerbrant (2022) para identificar os artefatos simbólicos presentes. Os personagens que representam os divinais sofrem violência física, psicológica e simbólica, são oprimidos tal qual os povos escravizados, sem direito à legítima defesa, ao luto, a nada. Desse modo, percebe-se que a obra é mais que uma ficção do gênero fantasia, é uma narrativa que em sua completude emerge indagações de cunho social. A violência sofrida pelos divinais provoca questionamentos relacionados ao racismo, intolerância religiosa pelas religiões de matriz africana, divisão de classe e relação de poder, comuns em uma sociedade desigual.


  • Mostrar Abstract
  • Children of Blood and Bone (2018a) is a fantasy fiction novel set in West Africa, specifically in Nigeria, the homeland of the ancestral origins of the Afro-American author Tomi Adeyemi. The narrative begins with a violent event known as the Raid, where the Maji population is massacred. The primary aim of this dissertation is to analyze the representations of violence in the novel and examine how symbols portray enslaved people, all while reclaiming Afro identity within the fantastical realm of Orïsha. To achieve this, we will explore the following questions: What constitutes the aesthetic composition of the novel, and which symbolic elements are utilized in crafting the fantastical world of Orïsha? How are different forms of violence depicted? In what ways does violence, as the ultimate expression of power, contribute to the erasure of Yoruba culture in Orïsha, and how is resistance depicted in Children of Blood and Bone? This qualitative bibliographic research draws on theoretical perspectives from Benjamin (2013) on the origins and establishment of violence, Butler (2021) on non-violence as a means of resistance and the right to grieve, Dorlin (2020) regarding self-defense as a mechanism for protecting marginalized groups, Falola and Heaton (2008), who discuss violence in Nigeria. Additional insights from Bakhtin (1998), Oliveira and Waechter (2021) focus on the novel's aesthetics, while Chevalier and Gheerbrant (2022) help identify symbolic artifacts within the story. The characters representing divine beings endure psychological, physical, and symbolic violence; they are oppressed similarly to enslaved individuals, devoid of any rights to self-defense, mourning, or autonomy. Consequently, the novel transcends mere fantasy fiction, posing profound social questions. The violence inflicted upon the divine characters raises issues related to racism, religious intolerance toward African-origin religions, class disparity, and power dynamics prevalent in an unequal society.

10
  • FELIPE EDUARDO PEREIRA CRUZ
  • FORMAÇÃO DE PROFESSORES: PROPOSTA DE LETRAMENTO PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL E O ENSINO FUNDAMENTAL COM A OBRA LITERÁRIA A VIDA ÍNTIMA DE LAURA, DE CLARICE LISPECTOR

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • AMARINO OLIVEIRA DE QUEIROZ
  • MARIA SUELY DA COSTA
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 08/03/2024

  • Mostrar Resumo
  • A presente dissertação, divide-se em duas partes, a primeira de cunho bibliográfico e a segunda, de caráter interventivo, tem por objetivo geral compreender como a formação leitora dos professores da Educação Básica pode afetar, positivamente, seus alunos. Primeiro buscamos estabelecer relações entre a leitura literária e o ensino, como o texto literário chega à sala de aula e o que dizem os PCN (1998) e a BNCC (2019). Nessa etapa nos valemos das reflexões de Zilberman (1993), Lajolo (2018) para verificarmos como se dá o processo de escolarização e Maia (2007) para ratificarmos a necessidade da formação de professores leitores de literatura. Para adentrarmos no universo da literatura infantil clariceana, fizemos uma revisão bibliográfica acerca dos estudos já realizados, bem como buscamos em Coelho (1993) informações sobre o universo da literatura infantil, essa literatura pensada para a infância que, uma vez conhecida, torna-se fascinante e é fruto de processos os quais se moldam em adaptações e evoluções ao longo dos tempos, atualizando-se conforme a sua recepção. Na segunda parte, baseada nas conclusões iniciais extraídas, propusemos uma formação leitora de professores da Educação Básica, para suprir o distanciamento entre estes e a leitura literária. Elaboramos um Caderno Pedagógico com base na obra de Clarice Lispector, A vida íntima de Laura (1999), a partir das reflexões de Soares (2001), e Kleiman (2004), acerca da leitura e do letramento e de Cosson (2006), no âmbito do letramento literário, no sentido de proporcionar uma formação dos professores com a leitura literária na sala de aula. Analisamos os livros infantis de Lispector, dando ênfase à Vida íntima de Laura, evidenciando os elementos que contribuem com a formação subjetiva das crianças na práxis do letramento e a formação de professores, agentes letradores. Buscamos com os professores e estes com seus alunos enunciar a linguagem Clariceana, foco de nossa reflexão e verificar o quanto a simbologia dessa narrativa verbo-visual desperta em ambos, especialmente em seus alunos que se encontram em estágio permanentemente perceptivo de maravilhamento diante do texto literário, junto ao processo de escolarização que compreende a educação infantil. Concluímos que letramento literário só se torna viável através da formação de professores letradores, sujeitos mediadores das imagens poéticas, sensações e associações que são permitidas pela leitura do texto literário infantil e fundamentais para a formação humana de seus alunos. 


  • Mostrar Abstract
  • This dissertation is divided into two parts, the first of bibliographic nature and the second, of interventional character, has as general objective to understand how the reader training of teachers of Basic Education can positively affect their students. First we seek to establish relations between literary reading and teaching, as the literary text arrives in the classroom and what the PCN (1998) and BNCC (2019) say. At this stage we use the reflections of Zilberman (1993), Lajolo (2018) to verify how the process of schooling occurs and Maia (2007) to ratify the need for the training of literature reading teachers. To enter the universe of Claricean children’s literature, we did a literature review about the studies already done, as well as we searched in Coelho (1993) information about the universe of children’s literature, this literature designed for childhood that Once known, it becomes fascinating and is the result of processes that are shaped in adaptations and evolutions over time, updating according to their reception. In the second part, based on the initial conclusions drawn, we proposed a teacher training of Basic Education, to bridge the gap between these and literary reading. We developed a Pedagogical Notebook based on the work of Clarice Lispector, The intimate life of Laura (1999), from the reflections of Soares (2001), and Kleiman (2004), about reading and Letramento and Cosson (2006), within the literary teachers with the literary reading in the classroom. We analyzed Lispector’s children’s books, emphasizing Laura’s intimate life, highlighting the elements that contribute to the subjective formation of children in the praxis of Letramento and the training of teachers, literacy agents. We seek with teachers and their students to enunciate the Clariceana language, focus of our reflection and verify how the symbology of this narrative verb-visual awakens in both, especially in their students who are in permanently perceptive stage of wonder before the literary text, along with the process of schooling that comprises early childhood education. We conclude that literary reading only becomes viable through the training of literacy teachers, mediating subjects of poetic images, sensations and associations that are allowed by reading the children’s literary text and fundamental to the human formation of their students. 

Teses
1
  • ISABEL ROMENA CALIXTA FERREIRA
  •  

     

     

     

    PONTOS DE VISTA E EMOÇÕES NA ORIENTAÇÃO ARGUMENTATIVA DAS DENÚNCIAS DE HOMICÍDIOS DE CRIANÇAS

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA LUCIA TINOCO CABRAL
  • LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVAO
  • NOURAIDE FERNANDES ROCHA DE QUEIROZ
  • Data: 18/01/2024

  • Mostrar Resumo
  • O objetivo geral desta pesquisa consiste em investigar os pontos de vista e as emoções no gênero discursivo denúncia concernentes a homicídios de crianças. Os objetivos específicos consistem em identificar, descrever, analisar e interpretar como os pontos de vista e as emoções organizam o gênero discursivo denúncia. Para tanto, analisa-se como esses dispositivos textuais, discursivos e enunciativos contribuem para a construção da orientação argumentativa das denúncias. A escolha desse gênero tem sua relevância, pois tendo em vista o número alarmante de denúncias sobre crimes contra crianças, chamou-se a atenção para seu estudo na análise linguística em perspectiva textual, discursiva e enunciativa, uma vez que esse gênero representa a voz da sociedade. O corpus da pesquisa é constituído por 4 (quatro) denúncias produzidas por diferentes promotores de justiça, relativas a casos que tiveram repercussão. Ancora-se em abordagens teóricas que viabilizam a compreensão do corpus, a partir de diferentes autores, como, por exemplo, no âmbito da Linguística Textual, entre eles, Koch (2004, 2005, 2012) e Marcuschi (2005, 2008, 2012). Recorreu-se à Filosofia da Linguagem, no que diz respeito ao estudo de Bakhtin (2016), sobre os gêneros discursivos. A pesquisa inspirou-se em trabalhos que focalizam a interface Linguagem/Direito, entre os quais se situam Rodrigues (2016a, 2016b, 2016c); Lourenço (2013, 2015); Gomes (2014); Cabral (2014, 2016) e Medeiros (2016). Igualmente, estudos de autores que se situam na Análise do Discurso e na Enunciação, entre eles, Rabatel (2013, 2016, 2017, 2021) e na Análise Textual dos Discursos (ATD), com Adam (2011, 2019, 2021, 2022), precursor dessa teoria; Rodrigues (2021, 2022a, 2022b) e Passeggi et al (2010), autores que adotam, também, em seus trabalhos, os procedimentos metodológicos da ATD. No que concerne às emoções, este trabalho desponta por um dos notáveis filósofos da antiguidade grega, subsidiando-se, assim, na retórica das paixões de Aristóteles. Igualmente, baseia-se, também, nos pressupostos de linguistas que focalizam a argumentação e a emoção: Plantin (2008, 2010, 2011); Micheli (2008, 2010); Rodrigues (2010, 2016, 2017, 2021); Amossy (2020); Emediato (2007); Cabral (2016); Rocha (2019), e outros. A abordagem da pesquisa é qualitativa, de natureza interpretativista; considera-se o tipo de pesquisa bibliográfica e o método indutivo. A análise revelou que os pontos de vista (assertado, narrado e representado) nos discursos são marcados na argumentação do locutor-denunciante (promotor), além de sua argumentação ser marcada por emoções materializadas por verbos lexemas subjetivos e avaliativos, os quais apontam para emoções/sentimentos de: indignação; medo; angústia; tristeza; rejeição e raiva; atribuídos, por parte do locutor-denunciante a si próprio e aos enunciadores segundos (vítima, acusados), conforme evidenciam os dispositivos textuais, discursivos e enunciativos, assim, contribuindo para a construção da orientação argumentativa do gênero estudado.


  • Mostrar Abstract
  • The general objective of this research is to investigate the points of view and emotions in the discursive genre of complaints regarding child homicides. The specific objectives consist of identifying, describing, analyzing and interpreting how points of view and emotions organize the discursive genre of denunciation. To this end, we analyze how these textual, discursive and enunciative devices contribute to the construction of the argumentative orientation of the complaints. The choice of this genre is relevant, as given the alarming number of reports about crimes against children, attention was drawn to its study in linguistic analysis from a textual, discursive and enunciative perspective, since this genre represents the voice of society. The research corpus consists of 4 (four) complaints produced by different prosecutors, relating to cases that had repercussions. It is anchored in theoretical approaches that enable the understanding of the corpus, from different authors, such as, for example, in the scope of Textual Linguistics, among them, Koch (2004, 2005, 2012) and Marcuschi (2005, 2008, 2012). The Philosophy of Language was used, with regard to Bakhtin's (2016) study on discursive genres. The research was inspired by works that focus on the Language/Law interface, including Rodrigues (2016a, 2016b, 2016c); Lourenço (2013, 2015); Gomes (2014); Cabral (2014, 2016) and Medeiros (2016). Likewise, studies by authors who focus on Discourse Analysis and Enunciation, among them, Rabatel (2013, 2016, 2017, 2021) and Textual Analysis of Discourses (ATD), with Adam (2011, 2019, 2021, 2022), precursor of this theory; Rodrigues (2021, 2022a, 2022b) and Passeggi et al (2010), authors who also adopt the ATD methodological procedures in their work. Regarding emotions, this work comes from one of the notable philosophers of Greek antiquity, thus subsidizing Aristotle's rhetoric of passions. Likewise, it is also based on the assumptions of linguists who focus on argumentation and emotion: Plantin (2008, 2010, 2011); Micheli (2008, 2010); Rodrigues (2010, 2016, 2017, 2021); Amossy (2020); Immediato (2007); Cabral (2016); Rocha (2019), and others. The research approach is qualitative, interpretive in nature; the type of bibliographical research and the inductive method are considered. The analysis revealed that the points of view (asserted, narrated and represented) in the speeches are marked in the argumentation of the speaker-complainant (prosecutor), in addition to his argumentation being marked by emotions materialized by subjective and evaluative lexemic verbs, which point to emotions /feelings of: indignation; fear; anguish; sadness; rejection and anger; attributed by the speaker-complainant to himself and to the second speakers (victim, accused), as evidenced by the textual, discursive and enunciative devices, thus contributing to the construction of the argumentative orientation of the genre studied.

2
  • GABRIELLA KELMER DE MENEZES SILVA
  • PALAVRA EMPALHADA, VIOLENTO CAMINHO: UMA LEITURA DE NARRATIVAS CURTAS DE RADUAN NASSAR E RICARDO DAUNT

     

     

  • Orientador : DERIVALDO DOS SANTOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • DAVI TINTINO FILHO
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • TANIA MARIA DE ARAUJO LIMA
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 05/02/2024

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho teve como objetivo a análise das manifestações da violência e do silêncio nas narrativas “Menina a caminho”, de Raduan Nassar, e “Os autos de Beatriz”, de Ricardo Daunt, obras que elaboram, respectivamente, contextos autoritários vinculados ao Estado Novo e à ditadura militar.  A pesquisa é qualitativa e bibliográfica, utilizando-se do método comparatista no estabelecimento de relações entre as obras (Carvalhal, 2003; Nitrini, 2015). Para atingir o fim almejado, foram observadas, a partir das leituras integrativa (Candido, 2010, 2014) e dialógica (Bakhtin, 2015), as intersecções entre literatura e sociedade, concebendo-se o texto simultaneamente como estrutura e como discurso. A violência foi estudada a partir das concepções sociológicas de Marilena Chauí (2017), para quem diversas modalidades de agressões e assujeitamento estão enraizadas na sociedade brasileira, e das contribuições críticas de Jaime Ginzburg (2012, 2017) e Karl Schøllhammer (2013), que identificam a produtividade da temática na literatura nacional. O silêncio foi concebido como elemento não-verbal do enunciado (Bakhtin, 2016; Volóchinov, 2019a), para o qual é necessária a atribuição de um sentido linguístico (Barthes, 2003). Na literatura, foi compreendido a partir das considerações de Lourival Holanda (1992), que enxergou, em textos brasileiros, o silêncio como índice de imposições de um sistema social desigual. Sendo as duas temáticas analisadas imbricadas em determinados atos literários, avaliou-se também as ocorrências de silenciamento, relativas ao uso de força para calar determinadas manifestações discursivas. Como resultado da análise, notabilizou-se, quanto aos textos estudados, dimensões violentas relacionadas à hierarquização da sociedade, ao abuso sexual, ao estupro, à violência doméstica e à tortura, assim como modalidades de silêncio que se manifestam no entorno das agressões, na manutenção da violência ditatorial e na proteção das vozes opositoras no contexto da luta política. O silenciamento, destacado pelo seu caráter forçoso, foi identificado em ambas narrativas no contexto de contenção do discurso político. Concluiu-se, enfim, que os meios expressivos e os elementos composicionais de cada obra foram responsáveis pela elaboração de diferentes dimensões das temáticas estudadas, sendo elas vinculadas mais fortemente a relações sociais hierarquizadas ou à materialização ficcional de um Estado violento.

     


  • Mostrar Abstract
  • This study aimed to analyse the different occurrences of violence and silence within short narratives “Menina a caminho”, by Raduan Nassar, and “Os autos de Beatriz”, by Ricardo Daunt, as literary productions that elaborate authoritative contexts. The research is qualitative and bibliographical. The comparative method is applied in order to establish associations between narratives (Carvalhal, 2003; Nitrini, 2015). To achieve the main intent of this work, the intersections between literature and society were observed based on the understandings of the integrative procedure (Candido, 2010, 2014) and the dialogical theory (Bakhtin, 2015), thus conceiving the stories as structures and discourses. Violence was studied according to Marilena Chauí (2017), who conceived the sociological notion of varied manners of aggressions being deeply rooted in the Brazilian society. Jaime Ginzburg (2012) and Karl Schøllhammer (2013), on their own turn, identified the productivity of the theme within national literature. Silence was understood as a non-verbal element of the utterance (Bakhtin, 2016; Volóchinov, 2019a), for which is necessary the attribution of a linguistic meaning (Barthes, 2003). In literature, such theme was comprehended based on the understanding of Lourival Holanda (1992), who saw in silence an indication of unequal social systems. As both violence and silence are intertwined in determined literary texts, circumstances of silencing, relative to the usage of force to make cease certain discursive manifestations, were also interpreted. As a result, multiple dimensions of violence, both symbolic and physical, were highlighted, such as the hierarchization of society, sexual abuse, rape, domestic aggression and torture. For silence, its apparitions around violent events were underlined, alongside the instances in which it was implicated in the maintenance of the Brazilian military dictatorship and in the self-protection of its opponents. Silencing, set apart by its forced nature, was identified within both narratives as impediment of the political speech. It was concluded, by the end of the research process, that the expressive means and the compositional elements from each narrative was responsible for the creation of different dimensions of the themes studied. They were seen in relation to either more hierarchical social relations or to the fictional materialisation of a violent state.

     

3
  • DAYVESON NOBERTO DA COSTA PEREIRA
  • LETRAMENTO ACADÊMICO E (DE)COLONIALIDADE DO SABER:

    UM ESTUDO SOBRE A LEITURA E A ESCRITA DO ALUNO INDÍGENA NO ENSINO SUPERIOR

  • Orientador : MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MOACI ALVES CARNEIRO
  • ALANA DRIZIÊ GONZATTI DOS SANTOS
  • CLAUDIA LEMOS VÓVIO
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • LUANDA REJANE SOARES SITO
  • MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • MARIA SILVIA CINTRA MARTINS
  • Data: 27/02/2024

  • Mostrar Resumo
  • Com a consolidação de políticas de ações afirmativas em Universidades e Institutos Federais, a exemplo do sistema de cotas, viabilizado pela Lei nº 12.711/2012, um novo perfil de aluno – indígenas, negros, Pessoas com Deficiência (PcD) – tem ingressado nas Instituições de Ensino Superior brasileiras nos últimos dez anos. Em função disso, mostra-se necessário investigar como esses discentes têm lidado com as exigências do universo acadêmico, a começar pelas práticas de letramento específicas a esse contexto comunicativo, até então desconhecidas por eles. O presente estudo, que se insere no campo da Linguística Aplicada, examina as contribuições de um curso, estruturado em oficinas, com vistas ao desenvolvimento do letramento acadêmico de graduandos autodeclarados indígenas, vinculados a diferentes comunidades disciplinares. A pesquisa se justifica na medida em que fornece insumos para repensar, de forma crítica, as políticas públicas de letramento e de permanência, na seara acadêmica, de estudantes autodeclarados indígenas. Ademais, o nosso trabalho também é justificado pela necessidade de discutir, dentro de um eixo decolonial, a importância dos saberes que habitam o exterior dos muros universitários. Para melhor percepção desse universo pelos alunos, o curso teve como foco a leitura crítico-analítica do gênero monografia, requisitado, amplamente, como Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) na graduação e na pós-graduação lato sensu. Como objetivos específicos, buscamos (1) caracterizar as oficinas de letramento, identificando como se deu, nelas, a construção da consciência de gêneros textuais; (2) investigar, etnograficamente, o gênero monografia na perspectiva de ensino e à luz de seus propósitos, de seus leitores e de seus escritores; (3) compreender a ocorrência da desobediência epistêmica no curso formativo e seus reflexos no itinerário acadêmico dos participantes da pesquisa. Para a geração dos dados, seguimos os procedimentos da pesquisa-ação (Thiollent, 2011) e da etnografia crítica (Madison, 2005), com a realização de oficinas de letramento, registradas por meio de fotografias e gravações em áudio. Nosso corpus compreende ainda dados gerados a partir de questionários, aplicados com a finalidade de se investigar esse itinerário formativo dos participantes, e portfólios, utilizados como dispositivo didático para registrar as leituras das monografias e promover a (auto)avaliação continuada do desempenho dos alunos durante o curso. Nossa discussão está subsidiada, teoricamente, pelos estudos de letramento acadêmico (Strett, 1999; Carlino, 2005; Zavala, 2011; Lillis, 2019), pela perspectiva etnográfica dos gêneros textuais (Devitt; Reiff; Bawarshi, 2004; Oliveira, 2020) e pelos estudos decoloniais (Lander, 2000; Castro-Gómez; Grosfoguel, 2007). Os resultados obtidos nos permitem afirmar que o trabalho com oficinas de letramento contribui para o desenvolvimento das competências leitora e escritora de grupos étnicos minorizados na graduação. Com isso, evidenciamos a necessidade de projetos e políticas de letramento emancipatórias que não só garantam o acesso desses estudantes ao ensino superior, mas que também proporcionem a sua permanência, suscitando, em uma perspectiva intercultural e em oposição às violências epistêmicas (Mignolo, 2008), o encontro respeitoso dos saberes acadêmicos com os saberes ancestrais.


  • Mostrar Abstract
  • With the consolidation of affirmative action policies in Universities and Federal Institutes, such as the quota system, made possible by Law nº 12,711/2012, a new student profile – indigenous, black, People with Disabilities (PwD) – has entered the Brazilian’s Higher Education Institutes in the last ten years. As a result, it is necessary to investigate how these students have dealt with the demands of the academic universe, starting with literacy practices specific to this communicative context, previously unknown to them. The following study, which falls within the field of Applied Linguistics, examines the contributions of a course, structured in workshops, with a view to developing the academic literacy of self-declared indigenous undergraduates, linked to different disciplinary communities. The research is justified as it provides input to critically rethink public literacy and retention policies for self-declared indigenous students in the academic field. Furthermore, our work is also justified by the need to discuss, within a decolonial axis, the importance of knowledge that lives outside the university walls. For a better perception of this universe by students, the course focused on the critical-analytical reading of the monograph genre, widely requested as a Course Completion Work (CCW) in undergraduate and lato sensu postgraduate courses. As specific objectives, we seek to (1) characterize the literacy workshops, identifying how the construction of awareness of textual genres took place in them; (2) ethnographically investigate the monograph genre from a teaching perspective and in light of its purposes, its readers and its writers; (3) understand the occurrence of epistemic disobedience in the formative course and its effects on the research participants academic itinerary. To generate data, we followed the procedures of action research (Thiollent, 2011) and critical ethnography (Madison, 2005), with literacy workshops recorded through photographs and audio recordings. Our corpus also comprises data generated from questionnaires, applied with the purpose of investigating the participants' formative itinerary, and portfolios, used as a didactic device to record monograph readings and promote continued self-assessment of students' performance during the course. Our discussion is supported, theoretically, by the academic literacy studies (Strett, 1999; Carlino, 2005; Zavala, 2011; Lillis, 2019), by the ethnographic perspective of textual genres (Devitt; Reiff; Bawarshi, 2004; Oliveira, 2020) and by decolonial studies (Lander, 2000; Castro-Gómez; Grosfoguel, 2007). The results obtained allow us to affirm that working with literacy workshops contributes to the development of reading and writing skills of minority ethnic groups in undergraduate studies. With this, we highlight the need for emancipatory literacy projects and policies that not only guarantee these students' access to higher education, but also provide for their permanence, raising, from an intercultural perspective and in opposition to epistemic violence (Mignolo, 2008), the respectful encounter of academic knowledge with ancestral knowledge.

     

     

2023
Dissertações
1
  • JULIA OHANA ALVES MEDEIROS
  •  SENTENÇA TRABALHISTA DE DANO MORAL:  ANÁLISE DO PLANO DE TEXTO, DO PONTO DE VISTA E DA RESPONSABILIDADE ENUNCIATIVA

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • ANDERSON SOUZA DA SILVA LANZILLO
  • ANA LUCIA TINOCO CABRAL
  • Data: 16/01/2023

  • Mostrar Resumo
  • Analisar o gênero discursivo sentença trabalhista de dano moral, circunscrito ao domínio jurídico, no que concerne aos fenômenos do plano de texto, do ponto de vista e da responsabilidade enunciativa é nosso propósito neste trabalho. Para tanto, temos como objetivos identificar, descrever, analisar e interpretar: a) como se constitui o plano de texto das sentenças analisadas; b) os pontos de vista articulados na decisão; e c) as marcas linguísticas relacionadas à responsabilidade enunciativa do locutor enunciador primeiro (L1/E1). Dessa maneira, realizamos uma pesquisa qualitativa, fundamentalmente interpretativista, do tipo documental, utilizando o método indutivo. O corpus se constitui de treze sentenças trabalhistas, sendo uma de cada Vara do Trabalho de Natal-RN, ligadas ao Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT21), responsável por promover a justiça nas relações de trabalho do Rio Grande do Norte. Selecionamos as sentenças considerando os seguintes critérios: 1) que seja sentença definitiva; 2) que siga o rito processual ordinário; 3) que aborde pedido de dano moral; e 4) que tenha sido julgada no intervalo compreendido entre 2018 e 2020, uma vez que a última Vara do Trabalho de Natal-RN foi implantada em setembro de 2017. Dessa última Vara, dispomos de sentenças com os critérios estabelecidos a partir de 2018. A delimitação do período final é o ano imediatamente anterior ao nosso ingresso no mestrado.  Para a coleta dos dados, utilizamos o site www.trt21.jus.br, de acesso público. A pesquisa está ancorada nos postulados teóricos da Análise Textual dos Discursos, da Enunciação e da Análise do Discurso. Nessa direção, acompanhamos autores que trabalham a Responsabilidade Enunciativa, entre eles, Adam (2011), Rabatel (2017), Rodrigues (2016, 2017) e Passeggi et al. (2010), em diálogo com abordagens linguísticas relacionadas ao Ponto de Vista, na perspectiva de Rabatel (2013, 2016), e ao Plano de texto, com Adam (2011, 2021, 2022), Rodrigues e Marquesi (2021), Marquesi (2016), Cabral (2013), Marquesi, Cabral e Rodrigues (2020) entre outros. A análise dos dados aponta para os seguintes resultados: constatamos que o plano de texto das sentenças analisadas se apresenta como fixo ou convencional, mas com variações advindas da organização particular de cada magistrado. Observamos a predominância da não assunção da responsabilidade enunciativa na zona textual do relatório, o que ficou evidente pelo uso de marcas de impessoalidade, do discurso direto e do discurso indireto pelo locutor enunciador primeiro. Identificamos também que, embora haja não assunção da responsabilidade enunciativa na fundamentação das sentenças, o que fica evidente pelo uso dos discursos indireto e direto pelo juiz, predomina, nessa zona textual, a assunção da responsabilidade enunciativa pelo magistrado, enquanto locutor enunciador primeiro, o que foi possível verificar, principalmente, pelas marcas de dêitico espacial, por modalidades e verbos em primeira pessoa do singular. No dispositivo, verificamos que predomina a assunção da responsabilidade enunciativa, ainda que o juiz se engaje de modo implícito com o conteúdo proposicional veiculado. Quanto ao ponto de vista, verificamos que as marcas linguísticas apontam para a orientação argumentativa do juiz, por vezes no sentido de condenar a reclamada ao pagamento de indenização por danos morais e por vezes no sentido de indeferir o pleito do autor, predominando na sentença o ponto de vista narrado e representado no relatório e assertado na fundamentação e no dispositivo.


  • Mostrar Abstract
  • Analyzing the discursive genre labor sentence of moral damage, circumscribed to the legal domain, regarding the phenomena of text plan, point of view and enunciative responsibility is our purpose in this work. Therefore, we aim to identify, describe, analyze and interpret a) how the text plan of the analyzed sentences is constituted; b) the points of view articulated in the decision; and c) the linguistic markers related to the enunciative responsibility of the first speaker/enunciator (S1/E1). In this way, we executed a research with a qualitative approach, fundamentally interpretative, and with documentary analysis through the inductive method. The corpus consists of thirteen labor sentences, one from each Labor Court of Natal-RN (Brazil), linked to the Tribunal Regional do Trabalho/Regional Labor Court of the 21st Region (TRT21), responsible for promoting justice in labor relations in the state of Rio Grande do Norte (RN). We selected the sentences considering the following criteria: 1) that the sentence is a definitive one; 2) that it follows the common procedural rite; 3) that it addresses a claim for moral damages; and 4) that it has been judged between 2018 and 2020, considering that the last Labor Court of Natal-RN was created in September 2017. From this last Court, we have sentences with the established criteria as of 2018. The delimitation of the final period is the year immediately prior to our entry into the master's program. For data collection, we resorted to the website www.trt21.jus.br, which is publicly accessible. The research is based on the theoretical postulates of Textual Analysis of Discourses, Theory of Enunciation and Discourse Analysis. In this direction, we follow authors who work with Enunciative Responsibility, among them, Adam (2011), Rabatel (2017), Rodrigues (2016, 2017) and Passeggi et al. (2010), in dialogue with linguistic approaches related to the Point of View, from the perspective of Rabatel (2013, 2016), and to the Text Plan, with Adam (2011, 2021, 2022), Rodrigues and Marquesi (2021), Marquesi (2016 ), Cabral (2013), Marquesi, Cabral and Rodrigues (2020) among others. Data analysis points to the following results: we found that the text plan of the analyzed sentences is presented as fixed or conventional, but with variations resulting from the organization of each magistrate. We observed the predominance of non-assumption of enunciative responsibility in the report section, which was evident by the use of impersonality markers, of direct speech and indirect speech by the S1/E1. We also identified that, although there is no assumption of enunciative responsibility in the reasoning of the sentences, which is evident by the use of indirect and direct speeches by the judge, it is predominant, in this textual zone, the assumption of enunciative responsibility by the magistrate, as a S1/E1, what was possible to verify, mainly, by spatial deictic markers, modalities and verbs in the first person singular. In the device section, we found that the assumption of enunciative responsibility predominates, even though the judge is implicitly engaged with the propositional content conveyed. As for the point of view, we found that the linguistic markers point to the argumentative orientation of the judge, sometimes in the sense of condemning the defendant to pay compensation for moral damages and sometimes in the sense of rejecting the claim of the plaintiff, predominating in the sentence the point of view narrated and represented in the report and asserted in the reasoning and device sections.

2
  • HUGO PEDRO SILVA DOS SANTOS
  • NARRATIVAS DO SOL: (RE)CONSTRUÇÃO IDENTITÁRIA DO SERTÃO EM ENUNCIADOS DE MESTRES DA CULTURA POPULAR

     
  • Orientador : MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MARIA BERNADETE FERNANDES DE OLIVEIRA
  • ISMAR INACIO DOS SANTOS FILHO
  • Data: 17/01/2023

  • Mostrar Resumo
  • O sertão/Nordeste foi inventado mediante a consolidação de uma matriz discursiva hegemônica que implica ao território uma série de imagens e arquivos de memória social que remetem à seca, pobreza extrema, inclemência do espaço e como que, pelo que seria uma consequência essencial, à retirada e ao êxodo. Grande parte de tais aspectos socioterritoriais, culturais e históricos foram estabelecidos mediante uma matriz discursiva hegemônica que aglutinou processos discursivos em diferentes esferas da atividade humana, de acordo com a historiografia de Albuquerque Jr. (2011; 2013). Dentre as esferas que contribuíram de forma determinante para a invenção do Nordeste/sertão podemos destacar a artistico-cultural, sobretudo no que tange ao que foi denominado de regionalismo nordestino, conceito que alcunha a cultura do território como tradicional, arcaica e mítica, corroborando para a consolidação de uma suposta identidade essencial para o espaço e seu povo. Desta feita, objetivo neste trabalho compreender como a identidade do sertão é discursivamente (re)construída em enunciados de mestre(a)s da cultura popular/regionalista da cidade de Piranhas/AL, estado de Alagoas. Ou seja, tenho por intuito compreender que mundo de significações estão presentes em enunciados orais de mestres da cultura popular regionalista piranhense e quais as implicações semânticas e identitárias para o território. Para tal tomo como corpus/materialidade de estudos, enunciados de mestre(a)s da cultura popular regionalista de Piranhas/AL, gerados em “conversas controladas” realizadas com sujeitos reconhecidos regionalmente como mestre(a)s da cultura regional das manifestações culturais como o Samba de Tebei, Reisado, Grupo Armorial de Piranhas/AL e Xaxado da cidade situada no alto sertão de Alagoas. Filio-me epistemologicamente aos pressupostos teórico-metodológicos da Linguística Aplicada de base indisciplinar, área dos estudos linguístico-discursivos pautada na preocupação em elaborar inteligibilidades sobre a vida social contemporânea, a pesquisa também está ancorada no paradigma epistemológico interpretativista, aqui compreendido e modulado, à luz dos estudos bakhtinianos, como etnolinguística da fala viva, o que fornece aparato e subsídios teórico-metodológicos para uma leitura discursiva da materialidade supracitada. Compreendendo o corpus da pesquisa como complexo, no decorrer da investigação são mobilizados saberes de diferentes áreas do conhecimento, a exemplo da História, Geografia, Linguística, Estudos culturais e identitários, referenciando-me na proposta historiográfica de Albuquerque Jr. (2011, 2014, 2016, 2017, 2018 e 2020), assim como na concepção de linguagem bakhtiniana em Bakhtin (2011, 2015, 2018) e Volochinov (2017, 2018, 2019) como também na proposta epistemológica de Moita Lopes (2006, 2009, 2020), Signorini (1998), Hall (2007; 2014), dentre outro(a)s. Os resultados reverberam a construção identitária do sertão mediante a imbricação de duas questões fundamentais, a cultura e a natureza. Os enunciados do(a)s mestre(a)s da cultura popular constroem a identidade sertão em diálogo com a matriz discursiva hegemônica e com a proposta político-literária regionalista do final do séc. XIX sobre o território, de modo que o sol, por exemplo, é escolhido narrativamente como um símbolo marcante para a construção de tal aspecto.

      

  • Mostrar Abstract
  • The sertão/Northeast was invented through the consolidation of a hegemonic discursive matrix that implies to the territory a series of images and archives of social memory that refer to drought, extreme poverty, inclemency of space and, as an essential consequence, to the withdrawal and exodus. A large part of such socio-territorial, cultural and historical aspects were established through a hegemonic discursive matrix that brought together discursive processes in different spheres of human activity, according to the historiography of Albuquerque Jr. (2011; 2013). Among the spheres that contributed decisively to the invention of the Northeast/sertão, we can highlight the artistic-cultural sphere, especially with regard to what was called northeastern regionalism, a concept that defines the culture of the territory as traditional, archaic and mythical, corroborating for the consolidation of a supposedly essential identity for the space and its people. This time, the objective of this work is to understand how the identity of the sertão is discursively (re)constructed in statements by masters of popular/regionalist culture from the city of Piranhas/AL, state of Alagoas. That is, I intend to understand what world of meanings are present in oral statements by masters of regionalist popular culture from Piranha and what are the semantic and identity implications for the territory. For this purpose, I take as a corpus/materiality of studies, utterances by masters of regionalist popular culture from Piranhas/AL, generated in “controlled conversations” carried out with subjects recognized regionally as masters of regional culture of cultural manifestations such as the Samba from Tebei, Reisado, Grupo Armorial from Piranhas/AL and Xaxado from the city located in the high backlands of Alagoas. I am epistemologically affiliated with the theoretical-methodological assumptions of Applied Linguistics with an indisciplinary basis, an area of linguistic-discursive studies based on the concern to elaborate intelligibility about contemporary social life, the research is also anchored in the interpretivist epistemological paradigm, understood and modulated here, to the in the light of Bakhtinian studies, such as ethnolinguistics of living speech, which provides apparatus and theoretical-methodological subsidies for a discursive reading of the aforementioned materiality. Understanding the corpus of the research as complex, during the course of the investigation, knowledge from different areas of knowledge is mobilized, such as History, Geography, Linguistics, Cultural and Identity Studies, referring to the historiographical proposal of Albuquerque Jr. (2011, 2014, 2016, 2017, 2018 and 2020), as well as in the conception of Bakhtinian language in Bakhtin (2011, 2015, 2018) and Volochinov (2017, 2018, 2019) as well as in the epistemological proposal of Moita Lopes (2006, 2009, 2020), Signorini (1998), Hall (2007; 2014), among others. The results reverberate the identity construction of the hinterland through the imbrication of two fundamental questions, culture and nature. The statements of the masters of popular culture build the sertão identity in dialogue with the hegemonic discursive matrix and with the regionalist political-literary proposal of the end of the century. XIX over the territory, so that the sun, for example, is chosen narratively as a striking symbol for the construction of such an aspect.

      
     
3
  • MOISÉS SILVA DE AZEVEDO FILHO
  • As Escritas de Si e a Autoficção em The Bell Jar, de Sylvia Plath

  • Orientador : MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MONALIZA RIOS SILVA
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • Data: 10/02/2023

  • Mostrar Resumo
  • A presente dissertação propõe investigar o romance The Bell Jar (1963), de Sylvia Plath, partindo de uma leitura sob a perspectiva de autoficção, termo cunhado pelo escritor francês Serge Doubrovsky, na década de 1970, para caracterizar práticas de escritas autobiográfica através ao modelo de ficção. Nossa proposta assume consiste em estudar a presença autoral e factual da escritora apontando eventos ficcionais na narrativa que, supostamente, apresentam indicativos autobiográficos. Em seguida, iremos estudar como Sylvia Plath, enquanto uma autora mulher, recorreu a um modelo narrativo inerente a suas produções literárias nas quais consistem em uma performance de si mesma mediante a emergências dos movimentos feministas da década de 1950 e 1960. Para tal, serão examinamos trechos da obra em questão fundamentando a análise em uma biografia autorizada de Sylvia Plath, bem como seus próprios diários. Dessa forma, assumimos que, embora The Bell Jar (1963) tenha sido publicado antes do surgimento do conceito de autoficção, o romance apresenta recursos e composições narrativas semelhantes ao de um texto autobiográfico, porém, escrito nos moldes da ficção. A pesquisa se deu de caráter bibliográfico e investigativo, tendo como principais pressupostos teóricos textos de autores como Bakhtin (2011a; 2011b), Lejeune (2008), Foucault (2006 e 2001), Barthes (2004a; 2004b) e Doubrovsky (1970).


  • Mostrar Abstract
  • The present dissertation proposes to investigate the novel The Bell Jar (1963), by Sylvia Plath, starting from a reading from the perspective of autofiction, a term coined by the French writer Serge Doubrovsky in the 1970s to characterize autobiographical writing practices through the model of fiction. Our proposal is to study the writer's authorial and factual presence, pointing out fictional events in the narrative that, supposedly, present autobiographical indications. Next, we will study how Sylvia Plath, as a female author, resorted to a narrative model inherent in her literary productions, which consist of a performance of herself through the emergence of feminist movements in the 1950s and 1960s. Excerpts from the book were examined, basing the analysis on an authorized biography of Sylvia Plath, as well as her own diaries. Thus, we assume that, although The Bell Jar (1963) was published before the emergence of the concept of autofiction, the novel presents resources and narrative compositions similar to an autobiographical text, however, written in the mold of fiction. The research had a bibliographical and investigative character, having as main theoretical assumptions texts by authors such as Bakhtin (2011a; 2011b), Lejeune (2008), Foucault (2006 and 2001), Barthes (2004a; 2004b) and Doubrovsky (1970).

4
  • TULIO DE SANTANA BATISTA
  • O DESENVOLVIMENTO DE JOGOS DE LINGUAGEM EM CRIANÇAS PEQUENAS: UMA ANÁLISE DOS VLOGS DO CANAL GEMEOS ALE NANDA NO YOUTUBE

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA FLÁVIA LOPES MAGELA GERHARDT
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • RICARDO YAMASHITA SANTOS
  • Data: 28/02/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa busca investigar e descrever a complexidade do desenvolvimento linguístico dos jogos de linguagem, no período inicial do desenvolvimento da aquisição da linguagem pela criança. Assim, tem como objetivo principal evidenciar a importância da execução de jogos de linguagem para o desenvolvimento linguístico, isto é, para a emulação de conceitos por crianças pequenas. Para isso, tomando como parâmetros teórico-metodológicos as noções de cognição ecológica (ecocognição) (DUQUE, 2015b; 2016; 2017; 2018) vertente da Linguística Cognitiva cuja condição inicial é a relação organismo-ambiente (GIBSON, 2015), frames (LAKOFF, 2011; DUQUE, 2015a; 2017), jogos de linguagem (WITTGENTEIN, 1999; STEELS, 2012; DUQUE, 2018; 2022), e Atenção Conjunta (TOMASELLO, 2008), este trabalho segue o Paradigma Interpretativista de Pesquisa e, assim, opta pela abordagem qualitativa, uma vez que seu interesse recai na compreensão e interpretação da semiose das relações humanas (MINAYO, 2009), baseado em pressupostos da Análise de Conteúdo (BARDIN, 2011) e de caráter empírico, com foco na descrição e análise de corpus. Para isso, foi feita uma coleta de 20 vídeos do canal “Gêmeos Alê Nanda” na plataforma de vídeos do Youtube, sendo analisados 7 vídeos, totalizando 4 minutos e 46 segundos de eventos críticos nas gravações. A análise efetuada demostra que a junção dos elementos de aspecto do ambiente, informação perceptual e a informação linguística, envolvidos nas situações de interações complexas, ganham enquadramentos culturais, perfis, perspectivas e intenções, assim atuam em tempo real como jogos de linguagem, e são controladas por informações perceptuais fornecidas pela percepção direta que ocorre na medida que outros jogos de linguagem emergem e se retro alimentam, atualizando-se à cada novos jogos de linguagem são jogados. Tais jogos de linguagem são captados, primeiramente, como informações agregadas às situações experienciadas, em seguida, são descoladas das situações, e transformam-se informações linguísticas, isto é, construções linguísticas cujo compartilhamento de atenção é mais preciso e contribui para a construção de novos sentidos para o ambiente.


  • Mostrar Abstract
  • This research seeks to investigate and describe the complexity of the linguistic development of language games, regarding the early period development of infants. Thus, its main aim is to demonstrate the importance of playing language games for linguistic development, that is, for the conceptual emulation accomplished by young children.  In theoretical terms, this study is significantly based on the following notions: Ecological Cognition (Ecocognition; DUQUE, 2015b; 2016; 2017; 2018), a strand of Cognitive Linguistics, whose initial condition is the organism-environment relationship; Frames (LAKOFF, 2011; DUQUE, 2015a, 2017); Language Games (WITTGENSTEIN, 1999; STEELS, 2012; DUQUE, 2018; 2022); and Joint Attention (TOMASELLO, 2008). Furthermore, this study is grounded in the Interpretivist Research Paradigm, since its purpose consists of understanding and interpreting the semiosis of human relations (MINAYO, 2009). Therefore, the nature of this research is qualitative. The methodological procedures performed in this study, which have empirical properties, are based on the assumptions of Content Analysis  (BARDIN, 2011) and focus on the description and analysis of corpus. The corpus of this research is composed by twenty videos from the Youtube Channel “Gêmeos Alê e Nanda”. However, for the qualification exam, a fraction of our corpus was analyzed. Such fraction contains seven videos, which totalled four minutes and forty-six seconds of critical events in the recordings. The analysis carried out so far suggests that a language game is formed by the combination of the two types of information in the environment, that is, perceptual information and linguistic information. Then, throughout the interactions, a language game acquires cultural frammings, profiles, perspectives, and intentions, which operate in real time and are controlled by the perceptual information provided by direct perception. As soon as children experience new situations, the simple games are fed back and constitute new and more complex games. Such language games seem to be first captured as information attached to experienced situations. They are subsequently detached from the situations and transformed into linguistic information, that is, into linguistic constructions whose joint attention is more precise and contributive in constructing new meanings for the environment.

5
  • KETILLY DE FREITAS NOBRE DANTAS SILVA
  • O SOAR DAS VOZES OPRIMIDAS NA SALA DE AULA: LEITURAS DE UM DEFEITO DE COR

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • KALINA ALESSANDRA RODRIGUES DE PAIVA
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 17/03/2023

  • Mostrar Resumo
  • Nos ambientes escolares é notável a frequente exclusão de leituras de obras não canônicas, em especial aquelas que abordam questões de maiorias minorizadas, uma vez que não fazem parte dos “padrões” estéticos que ratificam o estatuto canônico de uma obra. Narrativas sobre o negro e a sua trajetória no Brasil comumente acontecem através de uma visão dominante entre os cânones da literatura. Em contraponto, esta pesquisa faz uma leitura da obra contemporânea Um defeito de cor, de Ana Maria Gonçalves, que propõe uma reconstrução da história por apresentá-la a partir de uma visão periférica, fazendo uso da metaficção historiográfica em sua narrativa. Na presente análise e intervenção em sala de aula do Ensino Médio, a obra de Ana Maria Gonçalves foi selecionada com a finalidade de discutir sua contribuição não só na construção da identidade do sujeito, mas na reflexão acerca das questões sociais e contextuais que cercam essa construção dentro e fora da escola. Para tanto, o referencial teórico que compõe esta pesquisa é formado pelas reflexões de Dalcastagnè (2012), Kothe (1997), Schollhammer (2011), Hutcheon (1991), Cosson (2006) e Zilberman (2012), além de outros teóricos, artigos, dissertações e teses no campo da literatura e do ensino. Além da pesquisa bibliográfica, foi realizada uma pesquisa de campo que se concretizou em dois espaços: na educação formal e no digital, com o propósito de examinar o comportamento do sujeito pós-moderno em diferentes espaços, compreendendo como se posicionam acerca das questões da negritude, evidenciando, principalmente, a relação entre a obra não canônica e a formação da identidade desse sujeito.


  • Mostrar Abstract
  • In school environments, the frequent exclusion of readings of non-canonical works is visible, especially those that approach issues of minorities, since they are not part of the aesthetic “standards” that ratify the canonical status of a work. Narratives about black people and their trajectory in Brazil commonly take place through a dominant view among the canons of literature. In counterpoint, this research makes a reading of the contemporary work Um defeito de cor, by Ana Maria Gonçalves, which proposes a reconstruction of history by presenting it from a peripheral vision, making use of historiographical metafiction in its narrative. In the present analysis and intervention in the High School classroom, the work of Ana Maria Gonçalves was selected with the purpose of discussing its contribution not only in the construction of the subject's identity, but in the reflection on the social and contextual issues that surround this construction inside and outside the school. Therefore, the theoretical framework that composes this research is formed by the reflections of Dalcastagnè (2012), Kothe (1997), Schollhammer (2011), Hutcheon (1991), Cosson (2006) and Zilberman (2012), in addition to other theorists, articles, dissertations and theses in the field of literature and teaching. In addition to the bibliographical research, a field research was carried out that took place in two spaces: in formal education and in digital, with the purpose of examining the behavior of the postmodern subject in different spaces, understanding how they position themselves on issues of blackness, mainly showing the relation between the non-canonical work and the formation of this subject's identity.

6
  • DIÓGENES PAULO DA SILVA
  • A PRODUÇÃO DE GÊNEROS ACADÊMICOS DE GRADUANDOS DA UFRN: UMA ANÁLISE DISCURSIVA DA ESCRITA MOBILIZADORA DE CONHECIMENTO

  • Orientador : SULEMI FABIANO CAMPOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ADRIANA SANTOS BATISTA
  • EMARI DE ANDRADE
  • GEOVÁ BEZERRA GUIMARÃES
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • Data: 20/04/2023

  • Mostrar Resumo
  • Este estudo analisa escritas de graduandos para compreender a maneira como a voz alheia é movimentada de um texto para outro e, em que medida deixam ou não traços de uma escrita mobilizadora de conhecimento. Investigamos pela escrita de fichamentos, resumos e resenhas como graduandos mobilizam diferentes vozes e se ao incorporem os discursos deixam a mostra traços de uma escrita mobilizadora de conhecimento, e quais estratégias linguísticas podem ser observadas a partir dessa escrita acadêmica. As produções são vistas, nesta investigação, como um produto que diz sobre o processo de constituição de graduandos, como uma escrita que demanda conhecimentos sobre formas linguísticas de lidar com os discursos sobre a esfera social na qual essa escrita acontece e para a qual se destina. Nessa perspectiva, observamos os textos a partir dos seguintes questionamentos: Como os graduandos materializam a voz alheia ao movimentá-las de um texto para outro? Quais traços linguísticos podem ser identificados como escrita mobilizadora de conhecimento na produção de fichamentos, resumos e resenhas? Como o aluno movimenta os discursos de um texto ao incorporar outras vozes? E de que maneira o aluno ao produzir mais de uma versão de texto, em contexto de aulas remotas, consegue dar espaço à construção de uma escrita mobilizadora? Levantamos como pressuposto a ideia de que na escrita de fichamento, resumo e resenha pode-se observar o modo como o graduando ao movimentar diferentes vozes incorpora os discursos, deixa ver ou não formas linguísticas de uma escrita mobilizadora de conhecimento. Nosso corpus de análise é constituído de escritas e reescritas produzidas por quinze alunos de uma disciplina de Leitura e Produção de Textos Acadêmicos I da UFRN (2020.2), em contexto de aulas remotas por consequência da pandemia do Covid-19. Desse total, selecionamos textos produzidos por cinco alunos para compor o recorte de análises. Como aporte teórico buscamos os estudos de Pêcheux (1997) sobre a forma-sujeito no discurso; Maingueneau (1997) para investigar as formas do discurso relatado; Fuchs (1985) sobre a paráfrase linguística; e Authier-Revuz (1990; 2004; 2007) pela alusão ao discurso outro. Nessa direção, os resultados obtidos nos permitiram levantar, no fio discursivo da escrita, a ideia de que os alunos ao movimentar as vozes de um texto tendem a selecionar na 1ª versão as escritas de maior relevância e as levam para reescrita. Já na 2ª versão, pela interpelação do outro, tendenciosamente, os alunos reescrevem apenas os pontos abordados na orientação do professor/tutor. Dessa forma, conseguimos perceber vestígios de escritas mobilizadoras, apenas, na produção de resumos e resenhas.  


  • Mostrar Abstract
  • This study analyzes the writings of undergraduate students to understand how the voice of others is moved from one text to another and to what extent they leave or not traces of a writing that mobilizes knowledge. Through the writing of book reports, summaries and reviews, we investigated how undergraduates mobilize different voices and whether, when incorporating the speeches, they show traces of a writing that mobilizes knowledge, and what linguistic strategies can be observed from this academic writing. The productions are seen, in this investigation, as a product that says about the process of forming undergraduates, as a writing that demands knowledge about linguistic ways of dealing with discourses about the social sphere in which this writing takes place and for which it is intended. From this perspective, we observe the texts based on the following questions: How do undergraduates materialize the voice of others when moving them from one text to another? What linguistic traits can be identified as writing that mobilizes knowledge in the production of files, summaries and reviews? How does the student move the discourses of a text when incorporating other voices? And how can the student, by producing more than one version of the text, in the context of remote classes, manage to create space for the construction of a mobilizing writing? We raised as a presupposition the idea that in the writing of book reports, summaries and reviews, one can observe the way in which the undergraduate, when moving different voices, incorporates the discourses, allowing to see or not linguistic forms of a writing that mobilizes knowledge. Our corpus of analysis consists of the writings and rewritings produced by fifteen students of a Leitura e Produção de Textos Acadêmicos I discipline at UFRN (2020.2), in the context of remote classes as a result of the Covid-19 pandemic. From this total, we selected texts produced by five students to compose the cut of the analyses. As a theoretical contribution, we sought Pêcheux's (1997) studies on the subject-form in discourse; Maingueneau (1997) to investigate the forms of reported discourse; Fuchs (1985) on linguistic paraphrase; and Authier-Revuz (1990; 2004; 2007) for the allusion to the discourse of the other. In this direction, the results obtained permitted us to raise, in the discursive thread of writing, the idea that students, when moving the voices of a text, tend to select in the 1st version the most relevant writings and take them for rewriting. In the 2nd version, by interpellation of the other, in a biased way, students rewrite only the points addressed in the teacher/tutor's guidance. In this way, we were able to perceive traces of mobilizing writings, only in the production of summaries and reviews.  

7
  • CARLOS CÉSAR DE OLIVEIRA CORREIA
  • COMENTÁRIOS SOBRE O USO DO PARÁGRAFO POR CRIANÇAS QUE ESCREVEM JUNTAS O MESMO TEXTO

  • Orientador : MARIA HOZANETE ALVES DE LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDUARDO CALIL DE OLIVEIRA
  • LUÍS FILIPE TOMÁS BARBEIRO
  • MARIA HOZANETE ALVES DE LIMA
  • Data: 28/04/2023

  • Mostrar Resumo
  • Estudos sobre o sistema de pontuação, seus primeiros usos, sua história, os primeiros sinais que circunscreveriam esse sistema vêm recebendo atenção nas últimas décadas. O universo de interesse sobre esses sinais, seu estatuto, a função que exercem ou a relação que eles mantêm com diferentes estratos semióticos e linguísticos alimentam, produtivamente, o olhar sobre o sistema de pontuação, constituído por uma variedade de formas gráficas visíveis no papel e formas não visíveis graficamente (e.g.: disposição do texto, parágrafo etc.). Nosso estudo se insere no conjunto de reflexões sobre o uso e o processo de aprendizagem desse sistema por alunos do ensino fundamental. Os dados analisados constituem um conjunto de histórias inventadas escritas em situação ecológica, capturados e registrados em processo através de um sistema multimodal, através do qual temos acesso ao diálogo dos alunos que estão escrevendo juntos o mesmo texto. Nossa investigação se delineia a partir das seguintes questões: 1. Quando e em que momentos escolares fazem parágrafo em seus textos? 2. Qual a natureza da justificativa (sintática, semântica?) enunciada pelos alunos para o uso do parágrafo? Considerando esses pontos, levantamos reflexões sobre os diálogos dos alunos sobre esse objeto textual (o parágrafo), destacando duas situações: 1. os comentários simples, quando os alunos apenas mencionam o uso do parágrafo, sem explicação ou argumentação; 2. o comentário desdobrado, quando os escolares discutem, argumentam e justificam o uso do parágrafo no texto. Registramos, ainda, os momentos, no processo de escritura do texto, em que os alunos apenas gesticulam na folha de papel, apontando, de modo consensual, a necessidade de iniciar um novo parágrafo no texto. Os resultados, em andamento, apontam que os comentários realizados pelas crianças não são fáceis de serem classificados. Por outro lado, na construção do parágrafo, os alunos manifestam algum tipo de saber, advindo de conhecimentos prévios acumulado na experiência com textos nos saberes que são construídos em ambiente escolar, a exemplo da necessidade de fazer parágrafo no texto quando o assunto do parágrafo anterior já não é mais o mesmo ou quando introduzem a fala de personagem no texto.


  • Mostrar Abstract
  • Studies on the evaluation system, its first uses, its history, the first ones that circumscribed this system are getting attention in the last decades. The universe of signs, their status, the function they perform or the relationship of interest they maintain with different semiotic and linguistic strata productively feed the gaze on the exhibition system, on a variety of visible graphic forms on paper and shapes not graphically visible (e.g. text layout, paragraph, etc.). Our study is part of the set of studies on the use and learning process of this system by elementary school students. The data processed through a set of invented stories together in a system were written and recorded in a multimodal system through which we have dialogue from the students who are writing the text together. Our investigation is based on the following questions: 1. When and at what moments do you write paragraphs in your texts? 2. What is the nature of the justification (syntactic, semantic?) given by the students for the use of the paragraph? Considering these points, we raised questions about the students' dialogues about this textual object (the paragraph), highlighting two situations: 1. the simple comments, when the students only mention the use of the paragraph, without explanation or argumentation; 2. paragraph the extended comment or when the students discussed argue and justify the use of the text. Also register the moments, in the writing of the text, in which the students only gesture on the sheet of paper, still gesture, in a consensual way, the need to start a new paragraph in the text. The, in progress, point out that the comments made by children are not easy to classify. On the other hand, in the construction of the paragraph, the students manifest some kind of knowledge, arising from previous knowledge accumulated in the experience with texts in the knowledge that is built in school study, an example of the need to make the school environment in the text when the subject of the previous paragraph is no longer the same or when introducing character speech in the text.

8
  • MARCOS JOSÉ VASCONCELOS DE GOIS
  • ARGUMENTAÇÃO EM UM PROCESSO TRABALHISTA DE DANO MORAL

  • Orientador : JOAO GOMES DA SILVA NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CELIA MARIA MEDEIROS BARBOSA DA SILVA
  • FRANCISCO GEONILSON CUNHA FONSECA
  • JOAO GOMES DA SILVA NETO
  • LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • Data: 28/04/2023

  • Mostrar Resumo
  • Estudamos nesta dissertação a argumentação em um processo trabalhista de dano moral, cujo objetivo foi identificar e descrever os procedimentos da Língua e, mais especificamente, do discurso utilizado no pedido de dano moral numa sentença judicial. Apoiamos nossa pesquisa nos constructos na ATD – Análise Textual dos Discursos – Adam (2011), nos estudos sobre a retórica de Aristóteles (1969) e Perelman (1996), Rodrigues, Silva Neto e Passeggi (2010); de modo metodológico, fizemos uso do método dedutivo-indutivo, pois analisamos a argumentação em um texto “desconhecido” – caso particular – com base em uma teoria já conhecida (sobre língua, texto e argumentação). Quanto à natureza e os objetivos, nossa pesquisa caracterizou-se como qualitativa e como investigação explicativa e descritiva, como procedimentos técnicos de coleta documental e pesquisa bibliográfica. Como corpus, usamos uma sentença judicial de natureza trabalhista, extraída do sítio do TRT – Tribunal Regional do Trabalho, 21ª Região. Os resultados revelaram, por meio de posicionamentos dos enunciadores nos discursos analisados, que os conectores argumentativos exerceram papéis decisivos na organização das estratégias argumentativas do texto e do discurso, orientando os coenunciadores para a conclusão desejada por seu enunciador. Foi possível também concluir que o uso dos conectores argumentativos permitiu construções com pressuposições na forma de apresentação dos argumentos e na construção da argumentação, bem como os operadores “portanto”, “porquanto”, “com a finalidade de”, mas também”, “não apenas” entre outros. Por fim, o enunciador introduziu argumentos fundamentados na utilização de marcas linguísticas capazes de demonstrar – justificar uma tese e refutar uma tese adversa rumo a uma conclusão basilar aceitável dentro de um plano de texto.


  • Mostrar Abstract
  • In this dissertation, we studied the argumentation in a labor process of moral damage, whose objective was to identify and describe the procedures of the Language and, more specifically, of the speech used in the request of moral damage in a judicial sentence. We support our research in the constructs in ATD – Textual Analysis of Discourses – Adam (2011), in studies on the rhetoric of Aristotle (1969) and Perelman (1996), Rodrigues, Silva Neto and Passeggi (2010); methodologically, we used the deductive-inductive method, as we analyzed the argumentation in an “unknown” text – particular case – based on an already known theory (about language, text and argumentation). As for the nature and objectives, our research was characterized as qualitative and as an explanatory and descriptive investigation, with technical procedures for document collection and bibliographical research. As a corpus, we use a judicial sentence of a labor nature, extracted from the website of the TRT - Regional Labor Court, 21st Region. The results revealed, through the positions of the enunciators in the analyzed discourses, that the argumentative connectors played decisive roles in the organization of the argumentative strategies of the text and the discourse, guiding the co-enunciators towards the conclusion desired by their enunciator. It was also possible to conclude that the use of argumentative connectors allowed constructions with presuppositions in the form of presentation of the arguments and in the construction of the argumentation, as well as the operators "therefore", "because", "with the purpose of", but also", " not only” among others. Finally, the enunciator introduced arguments based on the use of linguistic marks capable of demonstrating – justifying a thesis and refuting an adverse thesis towards an acceptable basic conclusion within a text plan.

9
  • JOSÉ CLAUDIO GOMES DANTAS
  • Representação da opressão de gênero e da resistência: uma análise dialógica da protagonista do romance infantojuvenil Angélica

  • Orientador : ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • TAMARA MARIA COSTA E SILVA NOGUEIRA DE ABREU
  • NEWTON DE CASTRO PONTES
  • Data: 22/06/2023

  • Mostrar Resumo
  • Os estudos analíticos realizados a partir da literatura infantojuvenil têm se mostrado uma grande contribuição para a área, bem como sido palco de muitas discussões em pesquisas no espaço acadêmico. Nesse sentido, esse estudo acrescenta ao acervo já existente dos estudos literários, uma discussão que busca compreender em que medida os discursos de opressão de gênero e de resistência constituem a formação ideológica da protagonista do romance Angélica (1975/2019), de Lygia Bojunga Nunes. Ademais, com base nesse diálogo, pretende discutir como se dá a construção da formação ideológica de personagens sob a perspectiva da teoria de Bakhtin a partir dos discursos de opressão de gênero e resistência introduzidos na narrativa. O campo da zooliteratura, conceituado por Maciel (2007; 2008; 2011; 2016a; 2016b), entre outros autores, coopera com a teoria do dialogismo do Círculo bakhtiniano (Bakhtin, Volóchinov e Medviédev) para a análise do romance. Quanto à metodologia utilizada, trata-se de uma pesquisa bibliográfica norteada pela noção do Círculo de que a verdadeira análise literária parte do próprio texto. Os resultados finais deste estudo dialógico apontam para o reconhecimento do posicionamento axiológico de rejeição ao discurso autoritário patriarcal de silenciamento da personagem feminina e de sua resistência, representada pela personagem-animal Angélica.


  • Mostrar Abstract
  • Analytical studies that focus on literature for children and adolescents have proved to be a great contribution to the area as well as the arena of many discussions in academic research. In this sense, this study adds, to the existing literary studies, a discussion that seeks to understand to what extent the discourses of gender oppression and resistance constitute the ideological formation of the protagonist of Lygia Bojunga Nunes’s novel Angélica (1975/2019). Furthermore, based on this dialogue, it aims to discuss the construction of the ideological formation of the characters based on Bakhtin’s theory, focusing on the discourses of gender oppression and resistance introduced in the narrative. The field of zooliterature, conceptualized by Maciel (2007; 2008; 2011; 2016a; 2016b), among other authors, cooperates with the theory of dialogism of the Bakhtin Circle (Bakhtin, Voloshinov and Medvedev) for the analysis of the novel. As for the methodology, this is a bibliographic research, guided by the Circle’s notion that the true literary analysis starts from the text. The final results of this dialogic study point to the recognition of the axiological position of rejection of the patriarchal authoritarian discourse of silencing the female character and her resistance, represented by the animal-character Angélica.

10
  • ELIZABETE NASCIMENTO AGUIAR
  • O LETRAMENTO LITERÁRIO E O PROGRAMA MAIS PAIC: UM ESTUDO DA FORMAÇÃO DO LEITOR NUMA ESCOLA PÚBLICA DE CAPISTRANO – CE APÓS O ENSINO REMOTO

  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CLEUDENE DE OLIVEIRA ARAGÃO
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 30/06/2023

  • Mostrar Resumo
  • O presente estudo objetiva investigar como o MAIS PAIC, Programa de Aprendizagem na Idade Certa, contribui para o letramento literário nos anos finais do ensino fundamental em uma escola pública municipal de Capistrano - Ce, refletindo sobre a formação do leitor literário após o ensino remoto. O estudo visa analisar o
    eixo Literatura e formação do leitor do MAIS PAIC à luz dos documentos oficiais que tratam do ensino de literatura na educação básica, como a Base Nacional Comum Curricular e os Parâmetros Curriculares Nacionais, e identificar os desafios enfrentados pelos alunos de uma escola pública municipal, leitores literários em
    formação, ao realizarem a leitura literária. A partir disso, busca propor uma nova estrutura para o ciclo de leitura MAIS PAIC, promovendo um trabalho com a leitura literária que foque na formação do leitor literário e no letramento literário após o ensino remoto. Para a compreensão da temática escolhida, é preciso considerar o
    ensino de literatura como um direito humano (CANDIDO, 2017), a leitura literária durante e após o ensino remoto como uma leitura em um espaço de crise (PETIT, 2020) e o ensino de literatura a partir de sequências didáticas fundamentais para o letramento literário (COSSON, 2020). A pesquisa faz também uso de oficinas
    inspiradas na sequência básica de Cosson (2020) para o Ciclo de leitura MAIS PAIC, em uma turma de 9º ano de uma escola municipal de Capistrano. Os achados reportados no estudo evidenciam que, após os desafios vivenciados no ensino remoto, a literatura precisa estar na sala de aula de modo a promover o letramento
    literário e a formação de leitores literários a partir de sequências didáticas que permitam aos alunos participarem ativamente das leituras, exercendo o protagonismo estudantil e, ainda, que eles dialoguem uns com os outros e enxerguem a literatura como um direito humano a ser oferecido pela escola.


  • Mostrar Abstract
  • This essay intends to do an investigation about how MAIS PAIC PROGRAM contributes for literary literacy in the final stage of the Ensino Fundamental in a public school in the city of Capistrano, in the state of Ceará, Brazil, considering the development of literary readers in post remote learning era. The study aims to analyze the axis Literature and reader development at MAIS PAIC PROGRAM, according to official documents that drive the teaching of literature in Basic Education, such as Base Nacional Comum Curricular and Parâmetros Curriculares Nacionais and to identify any challenges that learners have tackled in public schools in the city, the development of literary readers, during literary reading. From that basis, this essay proposes a didactic sequence related to literary reading, focusing on the development of a literary reader, promoting
    literary literacy after the remote learning period with the reading cycle applied in MAIS PAIC. In order to understand the topic, it is necessary to consider the teaching of literature as a human right (CANDIDO, 2017), the literary reading during and after remote learning as a reading practice in a place of crisis
    (PETIT, 2020) and the teaching of literature from basic didactic sequences for literary literacy (COSSON, 2020). The research also applies workshops inspired in basic sequence of Cosson (2020) for MAIS PAIC reading cycle, in a 9 th grade class of a city school in Capistrano. The results in this essay show that after the experienced challenges in remote learning, literature needs to be present in classroom, in order to promote the literary literacy and the development of literary readers using didactic sequences that allow students to perform interactive reading, becoming protagonists in their own learning process and, in addition, they might dialogue with one another and behold literature as a human right that school must grant.

11
  • SIMONE SANTANA FERRAZ
  • A PRESENÇA DA ORALIDADE EM LIVROS DIDÁTICOS DE LÍNGUA INGLESA: uma análise dos livros Brigdes e Way to English

     

  • Orientador : ANA GRACA CANAN
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA GRACA CANAN
  • LIGIA DE SOUZA LEITE MORAES
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • Data: 04/07/2023

  • Mostrar Resumo
  •  

    Esta pesquisa propõe uma análise de dois livros didáticos (doravante LD) de
    língua inglesa (doravante LI) aprovados pelo Programa Nacional do Livro e do
    Material Didático (PNLD) ofertados para as escolas públicas brasileiras:
    Bridges e Way to English. Foram utilizados dois livros do 6º ano do ensino
    fundamental, no qual a maioria dos alunos de escola pública (doravante EP)
    têm seu primeiro contato com a LI em ambiente escolar. O objetivo da pesquisa
    é analisar e identificar as propostas de atividades que destacam a habilidade
    da fala, speaking, presentes nos livros didáticos aprovados pelo PNLD. A
    metodologia aplicada a essa pesquisa foi a qualitativa para realizar uma análise
    descritiva. Durante a análise utilizamos o diagrama de Littlewood (2018) para
    compreender a dinâmica do speaking nos LD e os obstáculos para uma efetiva
    competência comunicativa na LI em ambiente escolar. O suporte teórico
    fundamenta-se em autores como Littlewood (2018); Leffa (1999; 2016); Oliveira
    (2014); Dörnyei (2011); Nunan (2003; 2009); Richards (2001); Tomlinson
    (2011); Paiva (2011) entre outros. Dentre as reflexões, destacam-se a
    presença excessiva da língua portuguesa em várias seções de speaking nos
    livros didáticos, atividades de produção oral com propostas de reflexão e
    discussão em língua portuguesa e em alguns casos desconexa do conteúdo
    prévio abordado nas atividades de escrita, leitura e compreensão, além de
    tarefas com exercícios mecânicos de repetição. Tais resultados apontam para
    a dificuldade de promover interações espontâneas e situacionais baseadas nas
    seções de speaking e que poderiam impulsionar o desenvolvimento da
    competência comunicativa dos alunos em ambiente escolar.
    Palavras-chave: língua inglesa; habilidade oral – speaking; livro didático;
    atividades de língua inglesa.


  • Mostrar Abstract
  • This research proposes an analysis of two English textbooks (henceforth LD)
    approved by the Brazilian Textbook program (PNLD) offered to Brazilian public
    schools (hereafter EP): Bridges and Way to English. We used two books for the
    sixth grade of elementary school, in which most public school's students have
    their first contact with English in a school environment. The objective of this
    research is to analyze and identify the proposals of activities that highlight the
    speaking skill in the textbooks approved by PNLD. The methodology applied to
    this research was qualitative to perform descriptive analysis. During the
    analysis, we used Littlewood's diagram (2018) to understand the dynamics of
    speaking in the LD and the obstacles to the effective communicative
    competence in LI in a school environment. The theoretical support is based on
    authors such as Littlewood (2018); Leffa (1999; 2016); Oliveira (2014); Dörnyei
    (2011); Nunan (2003; 2009); Richards (2001); Tomlinson (2011); Paiva (2011),
    among others. Among the reflections, we highlight the excessive presence of
    the Portuguese language in several speaking sections in textbooks, oral
    production activities with proposals for reflection and discussion in Portuguese,
    and, in some cases, disconnected from the previous content addressed in
    writing, reading, and comprehension activities, and tasks with mechanical
    repetition exercises. Such results point to the difficulty of promoting
    spontaneous and situational interactions based on speaking sections which
    could boost the development of the students' communicative competence in a
    school environment.

12
  • EMANUEL BRUNO CARIOCA SILVA
  • DA SULBATERNIDADE À RESSIGNIFICAÇÃO: a (tecno) carnavalização à guisa da web 2.0 em stickers-libras

  • Orientador : CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • FLAVIA ROLDAN VIANA
  • SIMONE LORENA DA SILVA PEREIRA
  • MÁRCIO GATTI
  • Data: 17/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • Com a guinada da Web 2.0, as redes sociais passaram por uma efervescência de
    mensagens reticulares que resultaram em novas “escrileituras”, bem como novos
    gêneros discursivos. O digital passa a incluir, então, não somente aqueles que se
    comunicam por línguas cuja produção e recepção ocorrem pelo registro escrito
    ancorado no som, mas abrange o universo de surdos usuários de língua de sinais, no
    caso em questão da Língua Brasileira de Sinais – Libras. Por possuir modalidade
    linguística que incide na visuoespacialidade, amalgamam-se questões culturais,
    sociodiscursivas e valores axiológicos entrelaçados a sujeitos surdos e suas
    idiossincrasias. Decerto que este trabalho se apresenta com revisões bibliográficas de
    diversas interfaces; mas busca, sobretudo, problematizar a produção, circulação e
    interpretação dos stickers-Libras e especificamente se propõe a (I) corroborar que se
    trata de um tecnogênero, (II) que há feixes de regularidades e (III) que possibilita o
    advento de uma tecnografia da Libras. O construto teórico alicerça-se, precipuamente,
    na tripartite epistemológica: (tecno) carnavalização, à luz do círculo bakhtiniano;
    Ressignificação digital, enviesada pela Análise do Discurso Digital (ADD), proposta
    por Marie-Anne Paveau (2017, 2019, 2021) e com cotejos dos Estudos queer em
    linguística aplicada e indisciplinar (LOPES et al., 2022). Em se tratando de percurso
    metodológico, como pano de fundo, recorreu-se a etnografia digital (HINE, 2004, 2016;
    VALLADA et al., 2022). E para fins de explorar os stickers-Libras, optou-se pela rede
    social WhatsApp, enquanto locus de pesquisa, haja vista que se trata da plataforma de
    mensagens instantâneas (MI) mais popular do Brasil. Desta feita, foram selecionados
    três grupos: (1) um grupo onde a maioria são sujeitos surdos e LGBTQIAP+, (2) um
    grupo de profissionais da Educação de diversos estados brasileiros e por último, (3) um
    grupo de simpatizantes pelas políticas da Esquerda brasileira. O fator comum entre os
    três é que todos são usuários da Libras. No que cerne ao registro dos enunciados
    (tecnotextos) sinalizados nos stickers-Libras, os screenshots (capturas de tela)
    possibilitaram subsidiar suas análises. Ressalvas para os enunciados de stickers-Libras
    animados que careceram de mais de um registro e, à vista disso, foi inserido um
    hiperlink dando acesso ao Youtube. Perante as análises de dados, observou-se que
    questões político-partidárias se sobressaíram e influenciaram a maior parte dos
    tecnotextos. Depreende-se que isso se deveu ao fato de suas produções e circulações
    terem sido realizadas em cronotopo (Bakhtin, 2018) de ano eleitoral. Sumariamente,
    nesse entremeio, constatou-se que havia recorrência de responsividade por meio de aviltamentos com uso do baixo corporal e do grotesco, além de contradiscursos ressignificando a ciberviolência ou ainda, um consenso entre ambos. As manifestações linguajeiras, do tecnogênero apreciado, presentificaram-se em performances discursivas – num corpo(reificado), pós-orgânico –, entextualizando o outro numa relação dialógica e dialética, adentrando a seara do pós-dualismo.


  • Mostrar Abstract
  • With the rise of Web 2.0, social networks have undergone an upsurge of reticular messages that resulted in new writreadings, as well as new discursive genres. The digital starts to include, then, not only those who communicate through languages whose production and reception occur through the written record anchored in sound, but also covers the universe of deaf sign language users, in this case the Brazilian Sign Language – Libras. Given its linguistic modality that focuses on visuospatiality, cultural, socio-discursive and axiological values intertwined with the deaf and their idiosyncrasies are mixed. Although this work presents itself with bibliographic reviews of various interfaces, it seeks, above all, to problematize the production, circulation and interpretation of the stickers-Libras and specifically proposes to (I) corroborate that it is a techno-genre; (II) that there are bundles of regularities; and (III) that it enables the advent of a technography of Libras. The theoretical construct is essentially based on the epistemological tripartite: (techno) carnivalization, in the light of Bakhtinian circle; digital resignification biased by Digital Discourse Analysis (DDA), proposed by Marie-Anne Paveau (2017, 2019, 2021); and in comparison to Queer Studies in applied and indisciplinary linguistics (LOPES et al., 2022). In terms of methodological path, we resorted to digital ethnography (HINE, 2004, 2016; VALLADA et al., 2022) as a background; and for the purpose of exploring the stickers-Libras, we chose the social network WhatsApp as a research locus, since it is the most popular instant messaging platform (IM) in Brazil. Thus, three groups were selected: (1) a group where most are deaf and LGBTQIAP+ subjects; (2) a group of Education professionals from several Brazilian states; and (3) a group of sympathizers for the left-wing policies in Brazil, with the common factor that they are all users of Libras. Regarding the register of the utterances (technotexts) signaled in the stickers-Libras, the screenshots made it possible to subsidize their analysis. There are exceptions to animated stickers-Libras, which needed more than one record, and, for this reason, a hyperlink was inserted giving access to Youtube. In view of the data analysis, it was observed that party political issues stood out and influenced most of the technotexts. It is deduced that this was due to the fact that their productions took place in an election year chronotope (BAKHTIN, 2018). In the meantime, it was found that there was a recurrence of responsiveness through demeaning with the use of the lower body and the grotesque, as well as counter-discourses resignifying cyberviolence, or even a consensus between the two. In all of the language manifestations of the appreciated technogenre, the post-organic, (reified) body was present in discursive performances, entextualizing the other in a dialogical and dialectical relationship, entering the realm of post-dualism.

     

13
  • ANNATERRA TEIXEIRA DE LIMA
  • ENTRE A TRADIÇÃO E A MODERNIDADE: A REPRESENTAÇÃO SIMBÓLICA DA MULHER NO ROMANCE GIZINHA, DE POLYCARPO FEITOSA

  • Orientador : JOSE LUIZ FERREIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • CASSIA DE FATIMA MATOS DOS SANTOS
  • Data: 24/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • O presente estudo objetiva realizar uma leitura do romance Gizinha (1930), do escritor norte-rio-grandense Polycarpo Feitosa, a partir da experiência da mulher, propondo novos parâmetros interpretativos ao texto literário, a fim de identificar a relevância da voz feminina na construção da narrativa, assim como os traços do patriarcalismo presentes no estilo, na temática e nas diferentes vozes do romance. Sendo assim, a pesquisa conta com os seguintes objetivos: investigar, por meio de um estudo comparativo, a construção das subjetividades das personagens, a partir das relações de poder, do corpo e da linguagem; analisar os contextos sociais e culturais em que as representações foram elaboradas; e confirmar se o romance constrói uma representação de identidade da mulher que contribua para empreender uma discussão sobre a permanência de temas e tensões dominantes na literatura norte-rio-grandense, de modo a caracterizar como as tradições regionais interagem no processo de construção do sentido do moderno. Para a compreensão da temática escolhida, considerou-se a literatura sob uma perspectiva histórica. Assim, este trabalho dialoga com as orientações teóricas de Showalter (1994) e Moi (1999), para o estabelecimento das bases fundadoras da crítica feminista; de Butler (2022) e Lauretis (2019), acerca das noções de gênero e cultura de gênero; de Woodward, Silva e Hall (2014), no que se refere à construção cultural das identidades. A análise do corpus revela, portanto, que as narrativas de autoria masculina constroem uma representação da experiência da mulher baseada em estereótipos culturais que atendem aos propósitos da ideologia patriarcal, imputando sempre os mesmos papéis de subordinação e de referência ao negativo.


  • Mostrar Abstract
  • The present study aims to provide an analysis of the novel Gizinha (1930) by the writer from Rio Grande do Norte, Polycarpo Feitosa, from a women's experience perspective, proposing new interpretative parameters to the literary text. Its goal is to identify the relevance of the female voice in the construction of the narrative, as well as the traces of patriarchy present in the style, themes, and different voices of the novel. Therefore, the research objectives the following: to investigate, through a comparative study, the construction of the characters' subjectivities based on power relations, the body and language; to analyze the social and cultural contexts in which the representations were developed; and to ascertain whether the novel constructs a representation of women's identity that contributes to a discussion about the persistence of dominant themes and tensions in literature from Rio Grande do Norte, thus characterizing how regional traditions interact in the process of constructing the meaning of the modern. To comprehend the chosen theme, literature was considered from a historical perspective. Thus, this work discusses the theoretical orientations of Showalter (1994) and Moi (1999), regarding the establishment of the founding bases of feminist criticism; Butler (2022) and Lauretis (2019), regarding notions of gender and gender culture; Woodward, Silva, and Hall (2014) concerning the cultural construction of identities. The analysis of the corpus reveals, therefore, that narratives by male authors construct a representation of women's experience based on cultural stereotypes that serve the purposes of patriarchal ideology, always assigning the same roles of subordination and negative reference.

     

14
  • DANIEL EWERTON DE SOUSA
  • Abordagem funcional centrada no uso do subesquema [DENTRO DE X]

  • Orientador : EDVALDO BALDUINO BISPO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDVALDO BALDUINO BISPO
  • FERNANDO DA SILVA CORDEIRO
  • IVO DA COSTA DO ROSÁRIO
  • Data: 24/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • Nesta pesquisa, investigamos usos do subesquema [dentro de X] no português brasileiro em perspectiva sincrônica, o qual licencia types como dentro de casa, dentro da cultura, dentro do prazo. Objetivamos analisar a configuração morfossintática e a multifuncionalidade semântica desse subesquema, além de aspectos cognitivos e pragmáticos implicados em seus construtos. Para tanto, fundamentamo-nos teoricamente na Linguística Funcional Centrada no Uso, tal como delineada em Furtado da Cunha, Bispo e Silva (2013) e em Bispo e Lopes (2022), o que implica contemplar contribuições da Gramática de Construções nos termos de Goldberg (2003, 2006), Croft (2001), Traugott e Trousdale (2013), entre outros. A pesquisa é quali-quantitativa, e o banco de dados empíricos compõe-se de textos orais e escritos, compilados por Lacerda (2019) e disponibilizados pelo Núcleo de Pesquisa em Abordagem Construcional e Tradução (NUPACT). Essa compilação contempla material dos seguintes corpora orais: “Projeto Mineirês: a construção de um dialeto”, “Programa de Estudos sobre o Uso da Língua - PEUL" e “Projeto da Norma Urbana Oral Culta do Rio de Janeiro - NURC/RJ". Os textos escritos provêm de blogs, de revistas informais, como Ana Maria e Marie Claire, e de revistas formais, como Exame e Veja. Os resultados revelam que, do ponto de vista estrutural, o slot X do subesquema [dentro de X] pode ser preenchido por sintagma nominal (lexical ou pronominal) ou por oração, sendo o SN lexical o mais frequente. Semanticamente, [dentro de X] tem valor circunstancial e suas instâncias veiculam os seguintes sentidos: lugar concreto, lugar virtual, tempo e modo-conformidade. Nos usos desse subesquema, atuam processos metafóricos e metonímicos, bem como aspectos pragmáticos, a exemplo da subjetividade e da intersubjetividade. Em termos de propriedades construcionais, [dentro de X] pode ser caracterizado ainda como parcialmente esquemático, altamente produtivo e parcialmente composicional.


  • Mostrar Abstract
  • In this research, we investigate uses of the subschema [dentro de X] in Brazilian Portuguese in a synchronic perspective, which licenses types such as dentro de casa, dentro da cultura, dentro do prazo. We aim to analyze the morphosyntactic configuration and semantic multifunctionality of this subscheme, as well as cognitive and pragmatic aspects implied in its constructs. Our theoretical support is the Usage-Based Functional Linguistics, as outlined in Furtado da Cunha, Bispo and Silva (2013) and in Bispo and Lopes (2022), which implies contemplating contributions from Construction Grammar in the terms of Goldberg (2003, 2006), Croft (2001), Traugott and Trousdale (2013), among others. The research is quali-quantitative, and the empirical database is composed of oral and written texts, compiled by Lacerda (2019) and made available by the Núcleo de Pesquisa em Abordagem Construcional e Tradução (NUPACT). This compilation contemplates material from the following oral corpora: "Projeto Mineirês: a construção de um dialeto", "Programa de Estudos sobre o uso da Língua - PEUL" and "Projeto Norma Urbana Oral Culta do Rio de Janeiro - NURC/RJ". The written texts come from blogs, from informal magazines such as Ana Maria and Marie Claire, and from formal magazines such as Exame and Veja. The results reveal that, from a structural point of view, the slot X of the subschema [dentro de X] can be filled by nominal (lexical or pronominal) syntagma or by clause, with lexical SN being the most frequent. Semantically, [dentro de X] has circumstantial value and its instances convey the following senses: concrete place, virtual place, time and mode-conformity. In the uses of this subschema, metaphorical and metonymic processes are at work, as well as pragmatic aspects, such as subjectivity and intersubjectivity. In terms of constructional properties, [dentro de X] can be further characterized as partially schematic, highly productive and partially compositional.

15
  • STEPHESON RAY DE OLIVEIRA
  • PROJETO DE LETRAMENTO , ARGUMENTAÇÃO E CIDADACIA NO CONTEXTO PANDÊMICO : LER ESCREVER E AGIR NOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL.

  • Orientador : IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • ANGELA DEL CARMEN BUSTOS ROMERO DE KLEIMAN
  • Data: 24/07/2023

  • Mostrar Resumo
  •  

     

    PROJETO DE LETRAMENTO, ARGUMENTAÇÂO E CIDADANIA NO
    CONTEXTO PANDÊMICO: LER, ESCREVER E AGIR NOS ANOS INICIAIS

    DO ENSINO FUNDAMENTAL

    RESUMO

    A pandemia da covid-19 impôs mudanças em diversos aspectos da
    vida das pessoas, impactando suas ações nas várias esferas de atividades,
    especialmente as que estão vinculadas à educação, exigindo a reconfiguração
    do modo de funcionamento da escola. Entre as exigências para se adaptar a
    esse novo tipo de ensino, escola e professor realizaram a implementação de
    práticas pedagógicas e metodologias inovadoras, mediadas por tecnologias,
    devido ao caráter emergencial assumido, pelo Ensino Remoto Emergencial.
    Partindo dessa problemática, esta pesquisa tem por objetivo investigar como os
    projetos de letramento podem contribuir no processo de alfabetização e
    letramento voltado para a formação cidadã de alunos dos anos iniciais do
    ensino fundamental no Ensino Remoto Emergencial propiciado pela pandemia
    do novo coronavírus. Teoricamente, o estudo tem fundamento nos estudos de
    letramento de vertente sociocultural, que assumem leitura e escrita como
    práticas sociais; nos pressupostos do Círculo de Bakhtin, que propõem a
    abordagem da linguagem e o trabalho com os gêneros discursivos no processo
    de interação social; além de contribuições da Nova Retórica, cujos
    pressupostos concebem o gênero discursivo como ação social.
    Metodologicamente, a pesquisa tem como base o campo da Linguística
    Aplicada, adotando uma pesquisa-ação. A coleta dos dados ocorreu no ano de
    2021, na Escola Estadual Professor Severino Bezerra, em Tangará, Rio Grande
    do Norte, em uma turma do 5º ano, Ensino Fundamental. Na análise dos
    dados, a pesquisa assume uma abordagem qualitativa e interpretativista. Os
    resultados preliminares apontam a melhoria da formação leitora e escritora dos
    alunos e uma maior familiaridade deles com gêneros argumentativos, além de
    maior domínio das tecnologias nas práticas de letramento escolarizadas. A
    partir de diferentes práticas desenvolvidas nas oficinas de letramento, os

    educandos aprenderam a escrever textos argumentativos de diferentes
    gêneros (comentários, artigo de opinião etc.), a se posicionarem e a
    defenderem suas opiniões, com uma postura mais autônoma e crítica, o que
    apontou o importante papel do projeto de letramento na formação crítica que
    visa a formar estudantes para o efetivo exercício da cidadania.

    Palavras-chave: projeto de letramento; argumentação; Ensino Remoto
    Emergencial; cidadania.

     


  • Mostrar Abstract
  •  

     

     

     

    ABSTRACT

    The Covid-19 pandemic has changed people's lives in many ways,
    impacting their actions in diverse areas of activities, especially those linked to
    education, requiring a reconfiguration of the running of the school. Among
    requirements to adaptation to this new type of teaching, schools and teachers
    implemented some innovative pedagogical practices and methodologies,
    mediated by technologies, due to the Emergency period, according to the
    Emergency Remote Teaching rules. Based on this problem, this research aims
    to investigate the way literacy projects can contribute to literacy and literacy
    processes focused on a citizen training of students in the early years of
    elementary school during Remote Emergency Teaching due to the pandemic of
    new coronavirus. Theoretically, this study has its base on the social-cultural
    literacy studies, which assume reading and writing as social practices; on the
    assumptions of the Bakhtin Circle, which propose the linguistic approach and
    the studies on discursive genres in the process of social interaction; besides on
    the contributions of the New Rhetoric, whose assumptions conceive the
    discursive genre as social action. Methodologically, this research has as base
    Applied Linguistics, adopting action research. Data collection was in 2021, in
    the Professor Severino Bezerra state school, in Tangará, Rio Grande do Norte,
    in a 5th grade class of the Elementary School. To analyze data, this research
    has a qualitative and interpretive approach. Preliminary results revealed an
    improvement of students' reading and writing training and a greater familiarity
    with argumentative genres, in addition to a greater mastery of technologies in
    school literacy practices. Since different practices during literacy training,
    students could write some argumentative texts in diverse genres (comments,
    opinion piece etc.), they took a position defending their opinions, with a more
    autonomous and critical attitude, that points the importance of literacy project to
    the critical education, which aims to train students to the effective exercise of
    citizenship.

16
  • MARIANA EUFRASINO DO NASCIMENTO
  • "A linguagem em Água viva: fluxo de consciência e concepção de mundo

  • Orientador : MAURO DUNDER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MAURO DUNDER
  • JULIANE VARGAS WELTER
  • TANIA MARIA DE ARAUJO LIMA
  • MARLISE VAZ BRIDI
  • Data: 26/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa possui como objeto de investigação a obra literária Água viva, de Clarice Lispector (1973/1998a). Água viva é caracterizada pela presença do fluxo de consciência e por um tom de inesperada improvisação, além de não se encaixar em concepções de gênero convencionais. Dessa maneira, um dos principais aspectos da obra é a desconstrução (ou a reconstrução) das definições e dos limites dos gêneros literários tradicionais. Na linguagem do livro, em que se sobressai o fluxo de consciência, apresenta-se uma cosmovisão, ou concepção de mundo, em que se destaca o caráter de indeterminação da existência, a qual é colocada como aquém do controle total do ser humano; ao mesmo tempo, concebe-se a existência do ser como estritamente ligada à existência do outro, e à do mundo, como inseparáveis. Assim, neste trabalho, nosso objetivo é investigar como essa cosmovisão é esteticamente construída pela linguagem da obra, especialmente nas estruturas simbólicas representadas e pela constituição do livro como um tudo, no que diz respeito ao seu gênero. Para fundamentar esta análise, consideramos as proposições da fenomenologia-existencial, especificamente no que se refere ao pensamento de Martin Heidegger sobre as concepções de solidão e de angústia. Nesse sentido, tomamos como base especialmente as obras Os conceitos fundamentais da metafísica: mundo, finitude, solidão (2011), de Heidegger, e A existência para além do sujeito: a crise da subjetividade moderna e suas repercussões para a possibilidade de uma clínica psicológica com fundamentos fenomenológicos-existenciais (2011), de Ana Maria Lopez Calvo de Feijoo, ressaltando-se conceitos como os de ser-no mundo e de ser-com-o-outro. Isso, porque é pela solidão que se cria o espaço para a narradora-protagonista da obra em questão olhar para si mesma e se compreender — e, ao mesmo tempo, não se compreender — como indivíduo, mas também como parte de um todo, o que é expresso nas concepções de existência construídas pela obra, do ponto de vista estético.


  • Mostrar Abstract
  • This research has as object of investigation the literary work Água viva, by Clarice Lispector (1973/1998a). Água Viva is characterized by the presence of stream of consciousness and an unexpectedly improvisational tone, in addition to not fitting into conventional genre conceptions. Thus, one of the main aspects of the work is the deconstruction (or reconstruction) of the definitions and limits of traditional literary genres. In the language of the book, in which the stream of consciousness stands out, a cosmovision, or conception of the world, is presented, in which the character of indeterminacy of existence is highlighted, which is placed as beyond the total control of the human being; at the same time, the existence of the being is conceived as strictly linked to the existence of the other, and to that of the world, as inseparable. Therefore, in this work, our objective is to investigate how this cosmovision is aesthetically constructed by the language of the work, especially in the symbolic structures represented and by the constitution of the book as a whole, with regard to its genre. To base this analysis, we consider the propositions of existential-phenomenology, specifically with regard to Martin Heidegger's thought on the conceptions of loneliness and anguish. In this sense, we take as a basis especially the works Os conceitos fundamentais da metafísica: mundo, finitude, solidão (2011), by Heidegger, and A existência para além do sujeito: a crise da subjetividade moderna e suas repercussões para a possibilidade de uma clínica psicológica com fundamentos fenomenológicos-existenciais (2011), by Ana Maria Lopez Calvo de Feijoo, emphasizing concepts such as being-in-the-world and being-with. This is because it is through solitude that space is created for the narrator-protagonist of the work in question to look at herself and understand herself — and, at the same time, not understand herself — as an individual, but also as part of a whole, which is expressed in the conceptions of existence constructed by the work, from an aesthetic point of view.

17
  • RODRIGO ANDRADE DE SOUZA
  • PROCESSAMENTO LEXICAL EM BILÍNGUES ESPANHOL-PORTUGUÊS: UM ESTUDO SOBRE A INFLUÊNCIA DA L2 NA L1 A PARTIR DO EFEITO DE CONGRUÊNCIA DE GÊNERO

  • Orientador : MAHAYANA CRISTINA GODOY
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • MAHAYANA CRISTINA GODOY
  • MARA PASSOS GUIMARAES
  • Thaís Maíra Machado de Sá
  • Data: 26/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • Dentro do campo de estudos sobre bilinguismo diversos estudos encontraram evidências de influências interlinguísticas bilíngues no nível lexical. Os estudos sobre como a informação de gênero gramatical é processada na mente de bilíngues têm chegado a conclusões distintas. Enquanto alguns desses estudos apontaram que as distinções de gênero gramatical da L1 influenciam o processamento lexical na L2 dos bilíngues (PAOLIERI et al., 2010; BORDAG & PECHMANN, 2007; SALAMOURA E WILLIAMS, 2007), outros apontaram que essas distinções apresentam bastante autonomia entre as línguas dos bilíngues (COSTA et al., 2003; KOUSTA, VINSON E VIGLIOCCO, 2008). A diferença nos padrões dessas descobertas provavelmente ocorre porque os estudos têm explorado grupos de bilíngues com níveis diferentes de proficiência na L2, o que possivelmente resultou em diferentes graus de influências interlinguísticas (KAUSHANSKAYA E SMITH, 2015). Por essa razão, Kaushanskayae Smith (2015) realizaram um estudo na da direção L2-L1 com três grupos distintos de participantes (monolíngues, bilíngues com alta exposição e bilíngues com baixa exposição) a fim de contornar o nível de proficiência alvo. Os resultados indicaram um efeito facilitador da congruência de gênero apenas no grupo bilíngue com alta exposição indicando que o nível de conhecimento da L2 de um bilíngue pode influenciar o processamento da L1. Corroborando essa direção de análise de influências interlinguísticas (L2-L1) realizamos nossoexperimento com bilíngues espanhol-português que vivem no Brasil. O experimento foi dividido em duas partes: a primeira dedicada a tarefa de Leitura Autocadenciada e a segunda dedicada ao Teste de Verificação Lexical de Português Brasileiro (TVLPB) (SÁ; ALVES SANTOS; SOUZA; AMARAL; ALMEIDA, 2021). Para a tarefa de leitura autocadenciada foram construídas sentenças experimentais na L1 dos participantes, o espanhol, controlando duas variáveis preditoras de dois níveis: a congruência/congruência de gênero dos substantivos e a concordância/não-concordância dos adjetivos que os acompanhavam. A proficiência da L2 dos participantes, o português, foi nossa terceira variável preditora. Como esperado, os resultados encontrados indicaram maiores tempos de leitura dos adjetivos nas sentenças experimentais com cruzamento dos níveis substantivo congruente e adjetivo não concordante em razão da facilitação do efeito de congruência de gênero.


  • Mostrar Abstract
  • Within the field of studies about bilingualism, several of them have found evidence of influences between the languages of bilinguals. Most of the studies performed found evidence of influences of the native language (L1) on the second language (L2) (PAOLIERI et al., 2019). The purpose of our work is to find results that show that the influence between languages also occurs from L2 to L1 (KAUSHANSKAYA and SMITH, 2015). To do this, we developed an experiment with Spanish-Portuguese bilinguals living in Brazil. The experiment was divided into two parts: the first was dedicated to the self-paced reading task and the second was dedicated to the Brazilian Portuguese Lexical Verification Test (TVLPB) (SÁ; ALVES SANTOS; SOUZA; AMARAL; ALMEIDA, 2021). For the self-paced reading task, sentences were constructed in Spanish (L1), in which the gender congruence within the L1 between the heterogeneric nouns and the adjectives that accompanied them was manipulated, in order to verify the influence between the languages from the gender congruence effect. The experiment is in the data collection phase, but we expect to find a longer response time in sentences that show gender congruence.

18
  • JHOSEFF DOUGLAS MARINHO VIEIRA
  • A CONSTRUÇÃO DO SENTIDO DE FELICIDADE NO LIVRO A ARTE DA FELICIDADE DO DALAI LAMA À LUZ DA LINGUÍSTICA COGNITIVA

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ILANA SOUTO DE MEDEIROS
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • SOLANGE COELHO VEREZA
  • Data: 26/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • O objetivo central desta dissertação é analisar o processo cognitivo-discursivo envolvido na construção do sentido da FELICIDADE e investigar a dimensão moral que permeia os diferentes usos desse conceito no livro "A arte da felicidade" (The art of happiness) de Dalai Lama e Howard C. Cutler. Verificamos como o sentido de FELICIDADE emerge à medida que os autores desenvolvem as temáticas em cada parte do livro, por meio das narrativas produzidas sobre como alcançar a felicidade. Para obter êxito em nosso objetivo de estudo, tomamos como aportes teóricos centrais os conceitos de metáfora conceptual (LAKOFF; JOHNSON, 1980), frame (DUQUE, 2015, 2017) e frames online/offline (VEREZA, 2013a). Essas categorias analíticas estão inseridas no conjunto teórico-metodológico da Linguística Cognitiva Corporificada, que está em consonância com a perspectiva fenomenológica de Merleau-Ponty, a qual aborda nossa vivência imediata e corpórea do mundo.  Voltada para a compreensão de como as construções linguísticas moldam sistemas de valores, a pesquisa é de natureza qualitativa e interpretativa. para os procedimentos metodológicos, utilizamos as seguintes ferramentas a fim de analisar os dados: identificação de metáforas – bootstrapping (DUQUE, 2018), metodologia de análise baseada em frames (DUQUE, 2015,2017) e análise de conteúdo (BARDIN, 1977). Com o propósito de visualizar os frames evocados pelos itens lexicais da superfície textual usamos software de processamento de texto para criar gráficos de nuvem, similitude e de Análise Fatorial de Correspondência (AFC).  A análise dos resultados nos permite compreender de forma mais precisa que a FELICIDADE é construída com base no quadro conceitual de META, que abrange os elementos de ORIGEM-CAMINHO-META. Além disso, a metodologia utilizada evidenciou que a moral subjacente aos usos do conceito de FELICIDADE no discurso é representada pela metáfora MORALIDADE É FORÇA.


  • Mostrar Abstract
  • The main objective of this dissertation is to analyze the cognitive-discursive process involved in the construction of the meaning of HAPPINESS and to investigate the moral dimension that permeates the different uses of this concept in the book "The art of happiness" by Dalai Lama and Howard C. Cutler. We verified how the meaning of HAPPINESS emerges as the authors develop the themes in each part of the book, through the narratives produced on how to achieve happiness. To succeed in our study objective, we take as central theoretical contributions the concepts of conceptual metaphor (LAKOFF; JOHNSON, 1980), frame (DUQUE, 2015, 2017) and online/offline frames (VEREZA, 2013a). These analytical categories are inserted in the theoretical-methodological set of Embodied Cognitive Linguistics, which is in line with the phenomenological perspective of Merleau-Ponty, which addresses our immediate and corporeal experience of the world. Focused on understanding how linguistic constructions shape value systems, the research is of a qualitative and interpretative nature. for the methodological procedures, we used the following tools to analyze the data: metaphor identification - bootstrapping (DUQUE, 2018), frame-based analysis methodology (DUQUE, 2015, 2017) and content analysis (BARDIN, 1977). In order to visualize the frames evoked by the lexical items of the textual surface we used text processing software to create cloud, similarity and Factor Correspondence Analysis (CFA) graphs. The analysis of the results allows us to understand more precisely that HAPPINESS is built based on the conceptual framework of GOAL, which encompasses the elements of ORIGIN-PATH-GOAL. In addition, the methodology used showed that the moral underlying the use of the concept of HAPPINESS in the speech is represented by the metaphor MORALITY IS STRENGTH.

19
  • AMAURY SÉRGIO DA SILVA
  • O CURSO DA TRADUÇÃO COLABORATIVA EM SALA DE AULA POR APRENDIZES DE LÍNGUA LATINA  

  • Orientador : MARIA HOZANETE ALVES DE LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANAHY SAMARA ZAMBLANO DE OLIVEIRA
  • CARLA AGUIAR FALCÃO
  • MARIA HOZANETE ALVES DE LIMA
  • Data: 27/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • A tradução colaborativa é um evento de negociação em que entram em cena todos os extratos da língua fonte e da língua meta (O’BRIEN, 2011), bem como a projeção dos conhecimentos linguísticos e discursivos dos alunos no processo de tradução colaborativa. Esta pesquisa tem como objetivo analisar dois processos de tradução colaborativa em situação ecológica. Os dados de pesquisa foram gerados em duas salas de aula de ensino e aprendizagem da língua latina. Para a geração dos dados utilizou-se o Sistema Ramos, um sistema de captura multimodal que possibilita acesso a toda a cena dialogal do processo de negociação e escrita do texto tradutório.  Considerando, assim, a interação entre os alunos, a leitura do texto fonte e a escrita do texto tradutório, nossa pesquisa busca responder às seguintes questões: 1. De que maneira o conhecimento prévio dos dois idiomas interfere na tradução do texto que os alunos estão executando? 2. Como as similaridades fônicas e gráficas entre as línguas interferem no processo de tradução do texto? 3.  A que estratos recorrem para resolver a questão do não-sentido que a similaridade grafofônica promove: sintático, semântico, gramatical? Os dados nos mostram que os agentes tradutores ativam seus conhecimentos prévios com o propósito de buscar um sentido para a compreensão e tradução. Na tradução do texto, além do conhecimento prévio do texto que estão traduzindo – haja vista que são narrativas fabulares que muitos alunos conhecem –, os alunos recorrem ao conhecimento do sistema linguístico que estão traduzindo – o latim – e fazem reflexões metalinguísticas, comentando a justeza das escolhas lexicais. Nossa pesquisa é delineada pela interdisciplinaridade teórica que envolve os Estudos de Tradução (NORD, 2016; HURTADO ALBIR, 1999, 2011), os pressupostos da Linguística da Enunciação (BENVENISTE, 2006; AUTHIER-REVUZ, 1990, 1998, 2004) e as pesquisas sobre a escrita colaborativa em sala de aula (CALIL, 2008, 2004, 2017; FELIPETO, 2008, 2019).

     


  • Mostrar Abstract
  • The Collaborative translation is a negotiation event in which all the source and target language extracts come into play (O'BRIEN, 2011), as well as the projection of students' linguistic and discursive knowledge into the collaborative translation process. This research aims to analyze two collaborative translation processes in an ecological situation. The research data was generated in two Latin language teaching and learning classrooms. The Ramos System, a multimodal capture system that provides access to the entire dialogical scene of the negotiation and writing process of the translation text, was used to generate the data. Thus, considering the interaction between the students, the reading of the source text and the writing of the translation text, our research seeks to answer the following questions: 1. How does the students' previous knowledge of the two languages interfere in the text translation they are performing? 2. How do the phonic and graphical similarities between the languages interfere in the text translation process? 3. Which strata do they resort to in order to solve the non-meaning that the graphophonic similarity promotes: syntactic, semantic, grammatical? The data show us that the translating agents activate their prior knowledge with the purpose of seeking meaning for comprehension and translation. In the translation of the text, in addition to the prior knowledge of the text they are translating - since they are fable narratives that many students know - the students resort to the knowledge of the linguistic system they are translating - Latin - and make metalinguistic reflections, commenting on the correctness of the lexical choices. Our research is delineated by theoretical interdisciplinarity involving Translation Studies (NORD, 2016; HURTADO ALBIR, 1999, 2011), the assumptions of Enunciation Linguistics (BENVENISTE, 2006; AUTHIER-REVUZ, 1990, 1998, 2004), and research on collaborative writing in the classroom (CALIL, 2008, 2004, 2017; FELIPETO, 2008, 2019).

20
  • FERNANDA DAYANNE DAMASCENO CUNHA
  • A INTERAÇÃO ENTRE COMPLEXIDADE DE TAREFAS, DIFERENÇAS INDIVIDUAIS E CONECTIVIDADE DE FALA EM BILÍNGUES ADULTOS

     


  • Orientador : JANAINA WEISSHEIMER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • MAHAYANA CRISTINA GODOY
  • MARA PASSOS GUIMARAES
  • NATALIA BEZERRA MOTA
  • Data: 27/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • A presente dissertação está inserida no campo da linguística aplicada, tendo como objetivo investigar os efeitos da manipulação da complexidade da tarefa na conectividade da fala, medida através de atributos do grafo de fala. Além disso, busca-se compreender de maneira mais aprofundada o papel das diferenças individuais dos participantes em relação à Capacidade de Memória de Trabalho e à Teoria da Mente (ToM). Para este estudo, foram recrutados brasileiros bilingues (n=33), que possuem o português como primeira língua (L1) e o inglês como segunda língua (L2), todos eles sendo alunos regulares do curso de inglês Access E2C. Os participantes que concordaram em participar da pesquisa assinaram um termo de consentimento antes da coleta de dados. Os protocolos utilizados neste estudo incluíram: Produção oral L2 a partir de tirinhas, divididas entre mais e menos complexas; um teste de Reading-span  auto-aplicável (Oliveira et. al., 2021) para medidas de WMC; e o teste Faux-Pas (Baron-Cohen, O'Riordan, Stone, Jones e Plaisted, 1999) para avaliar os níveis de ToM dos participantes. Os dados coletados durante a execução das tarefas orais de foram tratados usando a ferramenta computacional Speech Graphs (Mota et al., 2012, 2016, 2019) para geração dos grafos de fala. Realizamos análises estatísticas descritivas e inferenciais para responder nossas questões de pesquisa e hipóteses. Através da análise descritiva dos grafos de fala e dos atributos de grafo LSC (largest strongly connected component), LCC (largest connected component) e RE (repeated edges), nós pudemos observar uma tendência, onde individuos apresentaram um discurso mais conectado ao realizar tarefas na condição não complexa. Apesar de encontrar um tamanho de efeito (Cohen's d) entre médio a grande entre os atributos de fala sob as duas condições de complexidade, nossa análise inferencial, feita através de modelos lineares, mostrou que a complexidade de tarefa é um preditor apenas dos atributos de grafo LCC e RE. No que diz respeito às nossas demais perguntas de pesquisa, não encontramos evidência da relação entre memória de trabalho e teoria da mente na conectividade de fala em nenhuma das condições de complexidade. Os resultados obtidos na nossa pesquisa fornecem informações para pesquisas futuras e uma compreensão mais aprofundada da relação entre complexidade de tarefas, conectividade de fala e diferenças individuais. Estudos futuros podem explorar variáveis adicionais, refinar as técnicas de medição das diferenças individuais em memória de trabalho e teoria da mente.



  • Mostrar Abstract

  • This thesis is situated in the field of applied linguistics and aims to investigate the effects of manipulating task complexity on speech connectivity, measured through attributes of speech graphs. Additionally, it seeks to gain a deeper understanding of the role of individual differences in Working Memory Capacity (WMC) and Theory of Mind (ToM) among participants. For this study, bilingual Brazilians (n=33) who have Portuguese as their first language (L1) and English as their second language (L2) were recruited, all of whom were regular students of the Access E2C English course. Participants who agreed to participate in the research signed a consent form prior to data collection. The protocols used in this study included: L2 oral production based on comic strips, divided into more and less complex tasks; a self-administered Reading Span Test (Oliveira et al., 2021) for WMC measures; and the Faux-Pas Test (Baron-Cohen, O'Riordan, Stone, Jones, & Plaisted, 1999) to assess participants' ToM levels. The data collected during the oral tasks were processed using the computational tool Speech Graphs (Mota et al., 2012, 2016, 2019) for speech graph generation. We conducted descriptive and inferential statistical analyses to address our research questions and hypotheses. Through the descriptive analysis of speech graphs and the attributes LSC (largest strongly connected component), LCC (largest connected component) e RE (repeated edges), we were able to spot tendencies. Namely, individuals tend to present a more connected speech when performing under the non complex condition. Despite finding medium to large effect size measures (Cohen's d) among the speech graph attributes under both complexity conditions, our inferential analysis confirmed that task complexity predicts only the attributes LCC and RE. In regard to our two other research question, we did not find any evidence of the relationship between WMC and ToM in speech connectedness under different task complexity conditions. Our results provide important considerations for future research and a deeper comprehension of the relationship between task complexity, speech connectedness and individual. Further research could aim at exploring the additional variables and refined the techniques used to measure individual differences in WMC and ToM.

21
  • ANA RAFAELA OLIVEIRA E SILVA
  • ETHOS DISCURSIVO E A CONSTRUÇÃO DISCURSIVA IDENTITÁRIA DE MULHER CRIMINOSA NAS PÁGINAS POLICIAIS BRASILEIRAS: DE HELOÍSA BORBA GONÇALVES: VIÚVA NEGRA (1971-1992) A ELIZE MATSUNAGA (2012)

  • Orientador : CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • RENATA ARCHANJO
  • SÍRIO POSSENTI
  • Data: 28/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho objetiva investigar o processo de construção discursiva identitária do sujeito mulher criminosa – Heloísa Borba Gonçalves: Viúva Negra (1971-1992); Dorinha Duval (1980); Suzane Von Richthofen (2002); Elize Matsunaga (2012) – protagonista de quatro crimes cometidos em meados do século XX e início do século XXI, com significativa repercussão midiática. Para tanto, o trabalho está calcado teoricamente nos postulados da Análise do Discurso francesa: Carreon; Ruiz; Araujo (2019); Fiorindo (2012); Heine (2012); Maingueneau (2008; 2015; 2018); Possenti (2020); e nos estudos identitários: Acuña (2009); Bauman (2001; 2004; 2010; 2011a; 2011b); Beauvoir (2016a; 2016b); Duschartzky; Skliar (2001); Hall (2005); Safiotti (1987); Woodward (2000). Além disso, em razão do corpus de trabalho ser oriundo não só das páginas policiais brasileiras, como também estar inserido na esfera midiática, Debord (2003); Eluf (2007); Campbell (2020; 2021) também embasam as investigações. Em se tratando dos resultados logrados ao longo das investigações, tem-se que em termos de ethos discursivo atribuído, o enunciador institucional muito se aproxima do narrador em 3ª pessoa da literatura, por não somente enunciar em 3ª pessoa, e assim manter-se distante do que enuncia e da cena de enunciação criminológica pertencente ao co-enunciador, como também mobiliza discursos de distintas esferas a fim de, no caso específico do corpus desta pesquisa, atribuir um ethos frio, interesseiro e cruel às mulheres criminosas supracitadas. No tocante à identidade, identificou-se que, embora requisitem uma identidade incomum (identidade criminosa) ao sujeito feminino, as quatro mulheres assassinas desta pesquisa têm sobre si identidades outras comumente atreladas ao sexo feminino (mães, esposas, filha, advogada, atriz, garota de programa, estudante de Direito), relacionadas diretamente à sua confortável situação sócio financeira e cultural. Além disso, essas mulheres, ao longo de suas vidas, transitaram muitas vezes entre o centro e a periferia, em termos econômicos e legais, demonstrando que, ao invés de uma dicotomia, tem-se uma intersecção. Portanto, neste trabalho, ethos discursivo e representações identitárias mantêm sólida relação em razão dos estereótipos que norteiam ambos os processos.


  • Mostrar Abstract
  • This work aims to investigate the process of constructing the discursive identity of female criminals, namely Heloísa Borba Gonçalves, known as the Black Widow (1971-1992); Dorinha Duval (1980); Suzane Von Richthofen (2002); and Elize Matsunaga (2012), who were central figures in four crimes committed during the mid-20th and early 21st centuries, which generated significant media repercussion. To this end, this study is based on the theoretical frameworks of French Discourse Analysis: Carreon, Ruiz, Araújo (2019); Fiorindo (2012); Heine (2012); Maingueneau (2008; 2015; 2018); and Possenti (2020). Moreover, it also incorporates the identity studies by Acuña (2009); Bauman (2001; 2004; 2010; 2011a; 2011b); Beauvoir (2016a; 2016b); Duschatzky, Skliar (2011); Hall (2005); Saffioti (1987); and Woodward (2000). Furthermore, due to the corpus not only originating from Brazilian police sources, but also from the broader media sphere, the investigations are supported by Debord (2013), Eluf (2007), and Campbell (2020; 2021). The results of the investigation reveal that the institutional enunciator, in terms of the assigned discursive ethos, closely resembles the third-person narrator in literature. This resemblance stems not only from using the third person but also from maintaining a distance from the enunciated content and the criminological enunciative scene that belongs to the co-enunciator. In addition, the enunciator draws upon discourses from various spheres to attribute a cold, self-interested, and cruel ethos to the aforementioned criminal women, specifically within the scope of this research. In terms of identity, it was observed that, despite assuming an uncommon identity (that of a criminal) for female subjects, the four female perpetrators in this study also possess other identities commonly associated with femininity, such as mothers, wives, daughters, lawyers, actresses, sex workers, and Law students. These identities are directly linked to their comfortable socioeconomic and cultural situations. Moreover, these women have often transitioned between the center and the periphery throughout their lives, in terms of economic and legal aspects, which demonstrated that instead of a dichotomy, there is an intersection. Therefore, in this work, discursive ethos and identity representations maintain a strong relationship due to the stereotypes that guide both processes.

     

22
  • JACKELINE REBOUÇAS OLIVEIRA
  • O PIO DA CORUJA, “FITO NA VIDA” E DESTINO: NO RASTRO DO TRÁGICO EM S. BERNARDO

  • Orientador : MAURO DUNDER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CHRISTINA BIELINSKI RAMALHO
  • MARCOS FALCHERO FALLEIROS
  • MAURO DUNDER
  • Data: 28/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • A tragédia nasceu no berço da literatura ocidental e muitos filósofos e críticos da área da literatura se dedicaram ao estudo do trágico na Grécia Antiga. Esse gênero estava ligado ao culto religioso e uma cultura fechada. Contudo, com o advento da modernidade e as mudanças históricas e culturais,houve transformações tanto no conteúdo como na forma, cada época tentou revitalizar a tradição e os conflitos humanos passam a ser pintados de formas artística em outros gêneros. Nesse percurso, o herói nobre dependente das forças divinas sai de cena e dá lugar a uma pessoa comum que é senhor do próprio destino, mas dependente das forças sociais. Sabendo que muitos desses aspectos ainda geram discussões na atualidade, este estudo propõe uma análise do romance S. Bernardo, de Graciliano Ramos, com o objetivo de evidenciar as manifestações do trágico nesse romance, que partem da própria realidade da época em que a obra foi escrita e do modo como cada personagem age ou reage diante das situações concretas cotidianas. Assim, na busca da peculiaridade do sentido trágico, a nossa atenção volta-se para configuração do trágico, com enfoque no conflito nas diferenças de classes visto na figura de Paulo Honório e Madalena. Para fundamentar essa pesquisa, foi necessário recorrer aos estudosteóricos de Georg Lukács, Wiliam Raymond, Norton Frye, Carlos Nelson Coutinho e Sônia Brayner.


  • Mostrar Abstract
  • A tragédia nasceu no berço da literatura ocidental e muitos filósofos e críticos da área da literatura se dedicaram ao estudo da tragédia grega com o objetivo de tentar entender como se processava o trágico na Grécia antiga. Esse gênero estava ligado ao culto religioso e ficou consagrado pela sua dimensão estética.  Contudo, com o advento da modernidade, cada época revitalizou a tradição, e consequentemente, o conceito. Nesse percurso, a tragédia mudou de configuração ultrapassando a categoria da tragédia da antiguidade, passando a ser manifestar tanto na linguagem artística, filosófica e histórica.  Na visão de Raymod Wiliam (2000), “chegamos à tragédia por muitos caminhos”. Assim, a concepção do trágico vinculado ao gênero dramático passou por várias transformações históricas ao longo dos séculos e cada época passou a discutir diferentemente a condição humana, de tal modo que o herói, dependente das forças divinas, foi substituído por uma pessoa comum com livre arbítrio, mas dependente das forças sociais. Sabendo que muito desses aspectos ainda ficaram por ser pensados, escritos e discutidos, propusemo-nos a desenvolver um estudo do romance S. Bernardo, de Graciliano Ramos, com o objetivo de verificar como são trabalhados os elementos do trágico nessa obra de 1934, mostrando que, mesmo depois do desaparecimento das tragédias clássicas da antiguidade, podem-se recuperar alguns traços do trágico antigo em um romance. Acreditamos que a melhor maneira de compreender o trágico em S. Bernardo seja a partir das categorias da tragédia da antiguidade e da modernidade. Nesse encaminhamento, na busca da peculiaridade do sentido trágico, a nossa atenção volta-se para a configuração trágica a partir de dois universos diferentes - o rural e o urbano, simbolizados na figura de Paulo Honório e Madalena. A dimensão trágica em S. Bernardo é revelada por vários elementos próprios do fabular da mitologia como: a coruja, que, entre o terror e a piedade, funciona como oráculo antecipando a fatalidade, o pathos, a hybris, a noção de destino, a peripécia.

23
  • JUCILEIDE MARIA DE SANTANA
  • UM ESTUDO DAS PRÁTICAS DE LETRAMENTOS LABORAIS NA CURADORIA DIGITAL


  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • NADIA MARIA SILVEIRA COSTA DE MELO
  • Data: 31/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • A presente pesquisa parte da necessidade de compreender como a curadoria de objetos digitais de aprendizagem se constitui como prática de multiletramento. Nesse sentido, tem como objetivo geral discutir a curadoria digital como prática de multiletramentos dos curadores de objetos digitais de aprendizagem. Em termos específicos, objetiva: 1) descrever como se efetiva o processo de curadoria digital como prática de múltiplos letramentos dos curadores; 2) identificar a concepção de linguagem adotada pelos curadores no processo de análise, avaliação e validação de objetos digitais de aprendizagem; e 3) analisar as marcas identitárias reveladas nos discursos dos curadores? Está inserida na área da Linguística Aplicada dada a sua abordagem interdisciplinar (MOITA LOPES, 1994; 2006; SIGNORINI, 2001). Apoia-se nos pressupostos teóricos dos Estudos do Letramento (BARTON; LEE, 2015; BARTON; HAMILTON, 1998; KLEIMAN, 1995; 2000; 2005; OLIVEIRA; KLEIMAN, 2008; OLIVEIRA, 2010), destacando sua abordagem social e ideológica (STREET, 1984; 2014). Fundamenta-se também nos aportes dos Multiletramentos (ROJO, 2013; BARTON; HAMILTON, 2000), incluindo o Letramento Digital (BUZATO, 2006; 2009; 2012); e o Letramento Laboral (PAZ, 2008), como também nas discussões sobre Cultura Digital (ANTONIO JUNIOR, 2015; ELIAS, 2022) e sobre Curadoria Digital (CARVALHO, 2020; BEAGRIE, 2004). Ainda, fundamenta suas ideias voltadas para Linguagem, Discurso e Identidade sob o enfoque teórico defendido pela Análise Crítica do Discurso (FAIRCLOUGH, 2001). Metodologicamente, assume a perspectiva qualitativa de viés interpretativista (MOITA LOPES, 1994); de inspiração etnográfica (CHIZZOTTI, 2006), voltando-se para a etnografia virtual (HINE, 2000; 2005; KOZINETS, 2014). Constituem o corpus da pesquisa as transcrições das entrevistas aplicadas e das observações participantes, ambas realizadas por meio do Google Meet, os registros realizados nos cadernos dos curadores, como também as anotações de campo. Os dados analisados e discutidos evidenciam que a prática curatorial dos objetos digitais de aprendizagem se efetiva por meio de etapas pré/determinadas pela plataforma, nas quais os curadores realizam a leitura, a análise, avaliação e validação dos ODAs, com base em critérios selecionados, podendo estes diferirem de um curador para o(s) outro(s). Além disso, aponta a concepção dialógica da linguagem como a perspectiva adotada pelos curadores em seu fazer curatorial. Por fim, evidencia traços identitários que sugerem uma hibridização profissional, na qual o discurso curatorial se mescla com o discurso docente. A relevância da mencionada pesquisa situa-se nas contribuições que as práticas curatoriais de objetos digitais de aprendizagem trazem para a promoção de multiletramentos dos curadores.


  • Mostrar Abstract
  • This research has as a general objective of discussing digital curation as a multiliteracy practice by curators of digital learning objects. In specific terms, it aims to: identify the language concept adopted by curators at process of analysis, evaluation and validation of digital learning objects; describe how a digital process of curation is effective as a practice of multiple literacies to curators and, finally, analyze the discursive and identity positions of curators during the process of analysis, evaluation and validation of digital learning objects. Finally, it analyzes the data what make up the corpus anchored by Literacy Studies (BARTON; LEE, 2015; BARTON; HAMILTON, 1998; KLEIMAN, 1995, 2000, 2005; OLIVEIRA & KLEIMAN, 2008; OLIVEIRA, 2010), highlighting its social and ideological approach (STREET, 1984; 2014). It relies on theoretical assumptions focused on Multiliteracies (ROJO, 2013; BARTON; HAMILTON, 2000); including Digital Literacy (BUZATO, 2012); and Labor Literacy (PAZ, 2008), as well as being supported by discussions on Digital Culture (ANTONIO JUNIOR, 1979; ELIAS, 2022), and on Digital Curation (CARVALHO, 2020; BEAGRIE, 2004). Still, it bases its ideas focused on Language, Discourse and Identity under the theoretical focus defended by Critical Discourse Analysis (FAIRCLOUGH, 2001). This research is inserted in field of Applied Linguistics, henceforth LA, given its interdisciplinary character focused on the field of language, hold by studies of this area (MOITA LOPES, 2006; SIGNORINI, 2001). It assumes the qualitative perspective of ethnographic approach (MOITA LOPES, 1994; CHIZZOTTI, 2006), turning to virtual ethnography (HINE, 2000; 2005; KOZINETS, 2014). The research corpus consists of the transcriptions concerning the applied interviews and the observations made, both through Google Meet, as well as the field notes. The analysis and discussion about the data that make up the aforementioned corpus show that the process of digital curation of digital learning objects constitutes multiliteracy practices, since in order to carry out the aforementioned curatorial practice, curators need to mobilize knowledge related to different areas of knowledge related to the Language Sciences (knowledge related to the linguistic field), to the Computer Sciences (knowledge related to the computational field), to the Education Sciences (knowledge related to the pedagogical field), to the Human Sciences (knowledge destined to the human rights, copyright), Cultural Sciences (knowledge aimed at linking digital learning objects to the social, cultural and educational contexts of students, ODA users). The relevance of the research lies in the contributions that the curatorial practices of digital learning objects bring to ODA users, the promotion of curators' multiliteracies.

24
  • JÉSSICA SONALLY LEAL DA SILVA
  • O PROTAGONISMO DA MULHER EM THE HANDMAID’S TALE: A LUTA CONTRA O PATRIARCADO E A RELIGIOSIDADE PRESENTES EM GILEAD.

  • Orientador : MAURO DUNDER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARCELA APARECIDA CUCCI SILVESTRE
  • MAURO DUNDER
  • PEDRO FELIPE MARTINS PONE
  • Data: 15/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • Margaret Atwood, ao escrever The Handmaid’s Tale, em 1985, baseou-se em momentos históricos que ocorreram antes e durante aquela década e, principalmente, no fato de que cresciam os protestos femininos e feministas em busca de autonomia para decidir sobre suas vidas e seus corpos. Portanto, este livro trouxe e traz significantes pontos a serem debatidos na atualidade, tendo em vista que as mulheres seguem na busca por igualdade. Abordamos neste trabalho o papel exercido pela mulher na história da humanidade e na sociedade, a criação do patriarcado, o qual submete a mulher ao machismo presente no cotidiano e em todos os ambientes a qual pertence, e de que forma a religiosidade é usada para manter e validar este domínio masculino sobre ela, com base nas escrituras sagradas e em discursos que propagam e perpetuam esses costumes. Todos esses pontos são observados na República de Gilead, lugar onde se passa o romance distópico de Atwod. Gerda Lerner (2019), Heleieth Saffioti (1987), Simone de Beauvoir (2019), Silvia Federici (2017) e Pierre Bourdieu (2010) são alguns dos nomes que servem como referencial teórico para a nossa pesquisa, no que diz respeito aos temas mencionados. Sendo este um trabalho qualitativo, de caráter exploratório, documental e bibliográfico, constatamos que, apesar de ser uma obra literária, traços deste novo mundo descrito por Margaret Atwood existem ainda no século XXI e voltam a ganhar força e espaço em nossa sociedade, afirmando a importância desta pesquisa para nos levar à reflexão.


  • Mostrar Abstract
  • When Margaret Atwood wrote The Handmaid's Tale, in 1985, she was based on historical moments that occurred before and during that decade and, mainly, on the fact that the feminine and feminist protests that wanted autonomy to decide about their lives and their bodies. Therefore, this book brought and brings significant points to be debated today, considering that women continue in the search for equality. In this work, we approach the role played by women in the history of humanity and in society, the creation of patriarchy, which subjects women to machismo present in everyday life and in all environments to which they belong, and how religiosity is used to maintain and validate this masculine dominion over her, based on the sacred scriptures and speeches that propagate and perpetuate these customs. All these points are observed in the Republic of Gilead, where Atwod's dystopian novel takes place. Gerda Lerner (2019), Heleieth Saffioti (1987), Simone de Beauvoir (2019), Silvia Federici (2017) and Pierre Bourdieu (2010) are some of the names that serve as a theoretical reference for our research and are related to the mentioned themes. As this is a qualitative, exploratory, documentary and bibliographic work, we found that, despite being a literary work, traces of this new world described by Margaret Atwood still exist in the 21st century and are once again gaining strength and space in our society, affirming the importance of this research to lead us to reflection.

25
  • JEANE BANDEIRA DA SILVA
  • Práticas de Letramento no sistema socioeducativo: um estudo no CASE Pitimbu

  • Orientador : IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • NADIA MARIA SILVEIRA COSTA DE MELO
  • Data: 23/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • resumo

    O regime socioeducativo de internação atende uma população significativa de jovens e adolescentes no estado do Rio Grande do Norte, totalizando 1.606 socioeducandos, sendo essa a quarta maior população em medidas de internação no país. O Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo – SINASE, implementa e fiscaliza políticas e programas específicos com medidas de cunho pedagógico que visam inibir a reincidência dos atos infracionais cometidos pelos adolescentes e jovens, bem como coibir tais atos em sua vida adulta. Tomando como base as normativas do SINASE, estas sinalizam que a escola socioeducativa tem o objetivo de oferecer aos socioeducandos um ambiente que proporcione a aquisição da criticidade, auxiliando sua formação enquanto cidadãos, pois entende-se que o pensamento crítico se dá através de um conjunto de prática de letramento, dentre essas a prática da escrita. No intuito de compreender como as práticas de escrita são efetivadas nesse sistema, foi desenvolvida uma pesquisa de campo na escola do Centro de Atendimento Socioeducativo (CASE) Pitimbu, em Natal, Rio Grande do Norte; unidade que atende jovens e adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas de internação. Com o propósito de  investigar como se desenvolvem as práticas de letramento de jovens e adolescentes internos no regime socioeducativo do CASE Pitimbu; elencamos como objetivos específicos: (I) identificar qual a função social da escrita de adolescentes e jovens internos no CASE Pitimbu; (II) observar se as práticas de  letramento desenvolvidas no CASE Pitimbu estão em consonância com o Projeto Político Pedagógico da Unidade; e (III) analisar se o desenvolvimento de práticas de letramento aplicadas através de uma perspectiva crítico/emancipatória contribui para a reeducação de adolescentes e jovens internos no CASE Pitimbu. Do ponto de vista metodológico, trata-se de uma pesquisa qualitativa e interpretativista de vertente etnográfica, inserida no campo da Linguística Aplicada. Os dados foram gerados no período de 2021 a 2022, mediante o uso de instrumentos de pesquisa tais como: observação participante, notas de campo, aplicação de questionário e registros fotográficos. A partir do material gerado, as fontes foram analisadas em consonância com abordagens e discussões teóricas, fazendo o devido cruzamento das notas de campo, dos documentos e das falas dos sujeitos. Através da pesquisa pôde-se observar que existem lacunas entre os modelos propostos para a socieducação e os modelos adotados nas práticas de letramento da escola socioeducativa. A educação de modelo crítico e emancipatório que visa oportunizar aos socioeducandos sua reintegração social ainda não é aplicada em sua totalidade, o que pode obstruir a reintegração total dos adolescentes e jovens. Podemos observar que é necessário ampliar as discussões sobre a escola socioeducativa e seu papel perante a sociedade, compreendendo que é possível desenvolver práticas de letramento que correspondam e respondam as demandas dessa escola, permitindo assim aos alunos a oportunidade de reintegrar-se efetivamente na sociedade.


  • Mostrar Abstract
  •  

     

    ABSTRACT


    Brazil’s socio-educational custodial system serves a significant number of the teen-aging incarcerated population in Rio Grande do Norte, ranking 4th in country with 1.606 educatees. SINASE, Brazil’s Socio-Educational Service System, implements and supervises policies plus specific programs consisting of pedagogical measures aiming to prevent short and long-term recidivism.  SINASE’s guidelines state that socio-educational schools have the purpose to provide educatees an environment that promotes critical thinking and social reintegration. Following such guidelines,  it is  understood that critical thinking is a byproduct of literacy practices such as writing and in order to comprehend how such practices are effectively  run within such system, a field research was done  at CASE Pitimbu (Social Educational Interment Center of Pitimbu), located in Natal, Rio Grande do Norte, having three specific goals: (I) identify what the social function of writing practices is for inmates at CASE Pitimbu, (II) observe how the literacy practices developed at CASE Pitimbu are consonant with the unit’s Pedagogical Project Policies and (III) analyze whether applied literacy practices developed through a critical-thinking/emancipatory perspective contributes to  reeducate inmates at CASE Pitimbu. From a methodological standpoint, this is an interpretivist and qualitative research based on ethnographical approach in the field of Applied Linguistics. From all data, generated from 2021 to 2022 at CASE Pitimbu, sources were analyzed in consonance with theoretical discussions and approaches related to the object of study by crossing field notes, document data and inmates' reported experience.  Initial results show the existence of gaps between socio-educational models and the literacy practices adopted by the institution, which also demonstrates that emancipatory/critical thinking methods have not been yet fully carried out thus possibly preventing a total social reintegration of inmates. We can also observe the need to amplify discussions about the socio-educational custodial system schools and their social role, understanding it is possible to develop literacy practices corresponding to the needs and demands of each school and , eventually,  provide educatees a proper opportunity to fully reintegrate society.



26
  • MIKAELA SILVA DE OLIVEIRA
  • TODA DISTOPIA COMEÇA COM UMA FAÍSCA: AS CENTELHAS DISCURSIVAS NA CONSTRUÇÃO DA HEROÍNA DISTÓPICA NA TRILOGIA JOGOS VORAZES

     
     
     
  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • GABRIELLE LEITE DOS SANTOS
  • JOAQUIM ADELINO DANTAS DE OLIVEIRA
  • Data: 23/08/2023

  • Mostrar Resumo
  •  

    Resumo: A distopia é um gênero literário que apresenta uma sociedade opressiva e oposta ao ideal utópico. Sua história remonta ao século XVII, com obras como Utopia, de Thomas More, que apresenta uma sociedade imaginária baseada na igualdade e justiça. No século XX, com o advento de regimes totalitários e guerras mundiais, a distopia se popularizou como forma de alerta sobre os perigos da opressão e do controle do Estado sobre a sociedade, representado por obras como 1984, de George Orwell, que retrata sociedades controladas pelo Estado, onde a individualidade e a liberdade são suprimidas em nome da estabilidade e da segurança. Nos anos 2000, a distopia ganhou ainda mais popularidade, principalmente entre os jovens, com obras como a trilogia Jogos Vorazes, de Suzanne Collins, apresentada como uma distopia juvenil que se passa em uma sociedade opressiva chamada Panem, onde jovens são selecionados para lutar até a morte nos Jogos Vorazes. A protagonista, Katniss Everdeen, se destaca como uma personagem feminina forte e subversiva que desafia os estereótipos de gênero e lidera uma revolução contra o governo opressivo de Panem. A importância de protagonistas femininas em livros de distopia é discutida nessa pesquisa, bem como o papel da literatura na construção de representações de gênero e juventude na sociedade. A pesquisa utiliza-se das discussões do Círculo de Bakhtin sobre linguagem e gênero discursivo para analisar como a subversão da personagem feminina na trilogia Jogos Vorazes é construída através do diálogo entre diferentes vozes na obra e como as obras contemporâneas renovam o gênero distopia. Para tratar dos conceitos de distopia e herói, a dissertação utiliza-se dos conceitos de Tom Moylan (2016) e a Jornada do Herói, de Campbell (2007), em um cotejamento com a representante clássica distópica 1984, para analisar a personagem Katniss Everdeen e destacar a importância da representação de heroínas e de temáticas atuais em livros de distopia. Essa interseção de áreas é facilitada pela inserção dessa pesquisa na área de Linguística Aplicada, interdisciplinar e híbrida, que abre caminhos para esta análise ancorar-se também nos estudos de gênero e sexualidade de Heleieth Saffioti e Michele Perrot, e de cultura e atualidade de Byung-Chul Han. Através, também, da perspectiva qualitativo-interpretativista e do paradigma indiciário de Carlo Ginzburg (1989), esta pesquisa aponta a subversão da caracterização e da jornada heroica de protagonistas distópicos na atualidade em relação as distopias clássicas, trazendo elementos convergente que as qualificam como distópica, mas divergindo, positivamente, ao elencar sinais de esperança, feminismo juventude ativa nas distopias juvenis com a protagonista Katniss.


     

  • Mostrar Abstract
  •  

    Resumo: A distopia é um gênero literário que apresenta uma sociedade opressiva e oposta ao ideal utópico. Sua história remonta ao século XVII, com obras como Utopia, de Thomas More, que apresenta uma sociedade imaginária baseada na igualdade e justiça. No século XX, com o advento de regimes totalitários e guerras mundiais, a distopia se popularizou como forma de alerta sobre os perigos da opressão e do controle do Estado sobre a sociedade, representado por obras como 1984, de George Orwell, que retrata sociedades controladas pelo Estado, onde a individualidade e a liberdade são suprimidas em nome da estabilidade e da segurança. Nos anos 2000, a distopia ganhou ainda mais popularidade, principalmente entre os jovens, com obras como a trilogia Jogos Vorazes, de Suzanne Collins, apresentada como uma distopia juvenil que se passa em uma sociedade opressiva chamada Panem, onde jovens são selecionados para lutar até a morte nos Jogos Vorazes. A protagonista, Katniss Everdeen, se destaca como uma personagem feminina forte e subversiva que desafia os estereótipos de gênero e lidera uma revolução contra o governo opressivo de Panem. A importância de protagonistas femininas em livros de distopia é discutida nessa pesquisa, bem como o papel da literatura na construção de representações de gênero e juventude na sociedade. A pesquisa utiliza-se das discussões do Círculo de Bakhtin sobre linguagem e gênero discursivo para analisar como a subversão da personagem feminina na trilogia Jogos Vorazes é construída através do diálogo entre diferentes vozes na obra e como as obras contemporâneas renovam o gênero distopia. Para tratar dos conceitos de distopia e herói, a dissertação utiliza-se dos conceitos de Tom Moylan (2016) e a Jornada do Herói, de Campbell (2007), em um cotejamento com a representante clássica distópica 1984, para analisar a personagem Katniss Everdeen e destacar a importância da representação de heroínas e de temáticas atuais em livros de distopia. Essa interseção de áreas é facilitada pela inserção dessa pesquisa na área de Linguística Aplicada, interdisciplinar e híbrida, que abre caminhos para esta análise ancorar-se também nos estudos de gênero e sexualidade de Heleieth Saffioti e Michele Perrot, e de cultura e atualidade de Byung-Chul Han. Através, também, da perspectiva qualitativo-interpretativista e do paradigma indiciário de Carlo Ginzburg (1989), esta pesquisa aponta a subversão da caracterização e da jornada heroica de protagonistas distópicos na atualidade em relação as distopias clássicas, trazendo elementos convergente que as qualificam como distópica, mas divergindo, positivamente, ao elencar sinais de esperança, feminismo juventude ativa nas distopias juvenis com a protagonista Katniss.
27
  • LUCAS JOSE DE MELLO LOPES
  • O MUNDO COBERTO DE PENAS: UMA ANÁLISE CRONOTÓPICA DE VIDAS SECAS, DE GRACILIANO RAMOS

  • Orientador : ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DA CONCEIÇÃO CRISOSTOMO DE MEDEIROS GONÇALVES MATOS FLORES
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • Data: 06/09/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação se debruça sobre o romance Vidas secas [1938], de Graciliano Ramos. A obra ambienta-se no espaço rural do Nordeste brasileiro, com personagens aferradas a uma situação climática desfavorável e a relações de poder definidas pelo latifúndio. O foco da pesquisa está no modo como a realidade do espaço rural, com base no contexto de produção, se reduz estruturalmente e se irradia para a composição da obra. Objetiva analisar a construção do espaço-tempo rural em Vidas secas e as suas implicações para outros elementos da narrativa. Especificamente, almeja: a) recuperar o processo social-literário que enformou a obra; b) analisar a imagem de ser humano que surge da vinculação entre personagens, espaço, tempo e relações de poder; e c) verificar o desenvolvimento de atributos do gênero romance na obra. Para tal, foi realizada pesquisa bibliográfica e análise literária com base nos pressupostos da crítica integrativa de Antonio Candido, da teoria bakhtiniana do romance — especialmente do conceito de cronotopo — e da teoria dos modos de Northrop Frye. O exercício revelou que a elaboração do espaço-tempo dialoga com a realidade do país no momento de escrita: Graciliano Ramos, diante de um Brasil pautado na descrença, concebe um cronotopo circular que retoma formas pré-romanescas que contradizem a liberdade e a iniciativa criadora típica do romance moderno. Nesse cronotopo, denominado aqui de cronotopo da bolandeira e fundamentado num princípio de oposição, o tempo cíclico e o espaço marcado por relações de poder opressoras aprisionam Fabiano e sua família numa miséria aparentemente inescapável. Essas personagens, entretanto, são dotadas de uma consciência de si e do mundo que as eleva em meio a esse universo reificado. Embora não possam alterar significativamente o mundo negativo em que circulam, elas resistem e não se deixam contaminar pelo modus operandi do opressor. Assim, Ramos estabelece uma forma literária que, ao mesmo tempo que se alimenta do sentimento de desencanto e fracasso de sua geração, também o tensiona ao apontar um caminho de humanização contrário à barbárie civilizatória de sua época a partir de personagens aparentemente primitivas.

     


  • Mostrar Abstract
  • This dissertation focuses on the novel Barren lives [1938], by Graciliano Ramos. The work takes place in the rural space of the Brazilian Northeast, with characters attached to an unfavorable climate and the power relations defined by land property. The focus of the research is on how the reality of the rural space, based on the context of production, is structurally reduced and radiates into the composition of the work. It aims to analyze the construction of rural space-time in Barren lives and its implications on other elements of the narrative. Specifically, it aims to: a) recover the social-literary process that shaped the work; b) analyze the image of the human being that arises from the connection between characters, space, time and power relations; and c) verify the development of attributes of the novel genre in the work. To this end, bibliographical research and literary analysis were carried out based on Antonio Candido's integrative criticism, Bakhtin's theory of the novel — especially the concept of chronotope — and Northrop Frye's theory of modes. The exercise revealed that the elaboration of space-time dialogues with the reality of the country at the time of writing: Graciliano Ramos, faced with a Brazil based on disbelief, conceives a circular chronotope that assumes pre-novelistic forms that contradict the freedom and the creative initiative typical of the modern novel. In this chronotope, called here the bolandeira chronotope and based on a principle of opposition, cyclical time and space marked by oppressive power relations imprison Fabiano and his family in an apparently inescapable emergency. These characters, however, are endowed with an awareness of themselves and the world that elevates them in the midst of this reified universe. Although they cannot significantly alter the negative world in which they circulate, they resist and do not allow themselves to be contaminated by the oppressor's modus operandi. Thus, Ramos establishes a literary form that, while feeding on the feeling of disenchantment and failure of his generation, also tensions it by seeking a path of humanization contrary to the civilizing barbarism of his time based on apparently primitive characters.

     

28
  • MARIANA MOREIRA COSTA DO CARMO
  • Pesqurevivência exuzilhística, uma experimentação contracolonialista que (con)funde o corpus e os corpos: Diálogos com Júlio Emílio Braz, pelas obras Zumbi, o despertar da liberdade e Na cor da pele

  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • DANIELLE GRACE REGO DE ALMEIDA
  • MARLY AMARILHA
  • FRANCIANE CONCEICÃO DA SILVA
  • Data: 09/10/2023

  • Mostrar Resumo
  •  

     
     



    Este trabalho é uma experimentação contracolonialista que propõe a pesqurevivência exuzilhística - o que a academia classifica como operadores teórico-metodológicos de análise, elaboro como um jeito de corpo, de ato e de palavra, para um outro modo de fazer e se relacionar com o conhecimento, sobretudo a literatura infantil negro-brasileira. Este modo (con)funde a pesquisa, a vivência e a escrita, o corpus e os corpos. Escolhemos como diálogo para essa experimentação as obras Zumbi, o despertar da liberdade (1999) Na cor da pele (2005), ambas escritas pelo autor Júlio Emílio Braz. Entretanto, gostaria de deixar bem “escuro” que esta proposta é um grande encontro entre textos literários e vida, vivências, experiências e formas outras de elaborar e se relacionar com o conhecimento. O objetivo deste experimento é questionar a estrutura fechada do trabalho científico que não contempla proposições que partem de outras epistemologias; por isso, a própria escritura desta dissertação é uma forma metalinguística de colocar em prática a “pesqurevivência exuzilhística” enquanto um modo de escrever e fazer pesquisa; de evidenciar mulheres negras como intelectuais e produtoras de conhecimento crítico e teórico; de reconhecer a literatura infantil e juvenil negra como objeto válido de investigação científica; de visibilizar meninos negros com traços de inteligência acima da média; e de promover a produção literária do autor Júlio Emílio Braz. Deste modo, a partir da exuzilhística, proponho os valores negro-brasileiros como uma forma de leitura e encruzilhada de compreensão das obras literárias. Para tanto, como pensamentos base, utilizamos a noção de contracolonial, do mestre Antônio Bispo (Nêgo Bispo) (2015, 2023), a escrevivência, de Conceição Evaristo (2015; 2017; 2022; 2005), o exuzilhar de Cidinha da Silva (2018, 2022), o pretuguês de Lélia Gonzalez (2020) e os valores civilizatórios afro-brasileiros, de Azoílda Loretto da Trindade (2010). Para a compreensão de literatura infantil e juvenil, bem como a de literatura negro-brasileira, partiremos das contribuições de Frantz Fanon (2005, 2008), bell hooks (1995, 2013, 2017, 2021, 2022); Stuart Hall (2013; 2016); Cuti (2010) em trechos de entrevistas, relatos de experiências, letras de música, excertos de poemas, fragmentos em prosa e fotografias de família. Convoquei outras pessoas negras que atravessaram minha experiência e tiveram as suas experiências atravessadas por mim durante a construção desse trabalho, para somarem sua voz a minha e comporem as referências dessa experimentação.  Os resultados construídos, em leitura das obras de Júlio Emílio Braz, apontam para a Ancestralidade e o Axé/Energia Vital como “gingas” mobilizadoras relacionadas tanto à pesquisa, ensino, extensão quanto à própria vida, se encontrando e dialogando em um movimento frente à encruzilhada, sendo impraticável desassociá-los. Isso evidencia que é impossível propor outras formas de elaboração de conhecimento sem resolver as estruturas e as referências relacionadas ao “trabalho científico”, as ideias de “conceito”, “teoria”, “metodologia”, “letramento literário” e modos únicos de pensamento e produção disso que está instituído enquanto saber válido e legitimado academicamente. Portanto, Exu enquanto epistemologia desta proposta exuzilhística possibilita encontros e desencontros, no sentido de desestabilizar a ordem brancocêntrica academicista, desencadeando o caos a partir da inserção outros modos de fazer pesquisa, legitimar saberes e potencializar sujeitos.  


  • Mostrar Abstract
  •  

     
     
     

    This work is a counter-colonialist experimentation that proposes the “pesqurevivência exuzilhística” [Eshusilhistic Livature-research] – what is academically referred to as a theoretical-methodological operator of analysis, I call it a way of body, act, and word, another way of creating and relating to knowledge, particularly literature. This mode confuses-and-merges research, experience, and writing, the corpus and the bodies. We have chosen the works Zumbi, o despertar da liberdade (1999) and Na cor da pele (2005), both written by the black author Júlio Emílio Braz, as a dialogue for this experimentation. However, I would like to make it “dark” that this proposal is a significant encounter between literary text, experiences, and other forms of elaborating and relating to knowledge. The objective of this experiment is questioning the settled structure of scientific work that does not encompass propositions that stem from other epistemologies. Therefore, the very writing of this dissertation is a metalinguistic form of putting “pesqurevivência exuzilhística” into practice as a way of writing and conducting research; highlighting black women as intellectuals and producers of critical and theoretical knowledge; recognizing black children's and youth literature as a valid object of scientific investigation; making visible black boys with above-average intelligence traits; and of promoting the literary production of the author Júlio Emílio Braz. In this way, based on “exuzilhística”. I propose Afro-Brazilian values as a form of reading and a confluence of understanding literary works. To achieve this objective, we draw upon the foundational ideas of counter-colonialism by master Antônio Bispo (Nêgo Bispo) (2015; 2023), the concept of “escrevivência” [livature] by Conceição Evaristo (2015; 2017; 2022; 2005), the notion of “exuzilhar” by Cidinha da Silva (2018; 2022), the notion of pretuguês by Lélia Gonzalez (2020), and the Afro-Brazilian civilizing values presented by Azoílda Loretto da Trindade (2010). For the understanding of children's and youth literature, as well as Afro-Brazilian literature, we draw from the contributions of Frantz Fanon (2005; 2008), Bell Hooks (1995, 2013, 2017, 2021, 2022), Stuart Hall (2013; 2016), Cuti (2010), excerpts from interviews, accounts of experiences, song lyrics, passages from poems, prose excerpts, family photographs. I have invited other black individuals who have crossed paths with my experience and had their experiences intersected by me during the construction of this work to add their voices to mine and contribute to the references of this experimentation. The observed results, in the reading of the works of Júlio Emílio Braz, in this experimentation, point to Ancestry and Axé/Vital Energy as mobilizing "gingas" (energetic movements) related to research, teaching, extension, and life itself, meeting and engaging in a movement at the crossroads, making it impractical to disassociate them. This highlights that it is impossible to propose other forms of knowledge production without addressing the structures and references related to "scientific work," the ideas of "concept," "theory," "methodology," "literary literacy," and unique modes of thinking and production that are institutionally established as valid and academically legitimized knowledge.  Therefore, Exu as an epistemology of this “exuzilhistic” proposal makes possible encounters and disagreements, in the sense of destabilizing the academicist white-centric order, unleashing chaos by incorporating other ways of conducting research, legitimizing knowledge, and empower subjects.

     
29
  • MAIANY CARLYN SOARES DOS SANTOS
  • Correção, revisão ou avaliação textual?  O tratamento dado em pesquisas brasileiras acerca da intervenção do(a) professor(a) no texto do(a) aluno(a)

  • Orientador : CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • JOSÉ HERBERTT NEVES FLORENCIO
  • MARIA HOZANETE ALVES DE LIMA
  • Data: 20/10/2023

  • Mostrar Resumo
  • Partindo de uma noção processual de escrita, concebemos que intervenções do(a) professor(a) no texto do(a) aluno(A) (feedbacks, parecer, orientações e sugestões)  são práticas que objetivam auxiliá-lo(a) na produção de um texto mais eficiente. Questionando-nos sobre como essas ações interventivas são tratadas  teoricamente e conceitualmente por pesquisadores(as) brasileiro(a)s, propusemos a identificar e cotejar o tratamento conceitual/teórico dado nas pesquisas que buscam entender as formas de intervenção nas produções textuais escolares dos anos finais do Ensino Fundamental II e Ensino Médio. Para tal, assumimos três objetivos específicos: 1) Mapear as pesquisas que abordam os ações interventivas no texto do(a) aluno(a) em contexto escolar identificar os termos empregados para essa ações; 2) Identificar as concepções atribuídas às ações interventivas; e 3) Propor uma tipologia de pesquisas. Trata-se, pois, de uma pesquisa do tipo teórica, de base bibliográfica, filiada aos estudos linguísticos do texto. Trabalhamos com um corpus composto por 25 (vinte e cinco) pesquisas científicas: 05 (cinco) teses de doutorado e 20 (vinte) dissertações de metrado. Os resultados revelaram três termos (correção, revisão e avaliação) que recobrem três concepções atribuídas às ações de intervenção, o que demonstra a complexidade da questão. O trabalho também permitiu compreender como essas concepções podem influenciar as abordagens de intervenção no texto do aluno em contexto escolar, destacando o papel da base teórica para embasar as práticas de intervenção. Embora correção, revisão e avaliação de textos possam parecer termos sinônimos, esses termos recobrem diferentes recortes teóricos e conceituais. Apontamos a necessidade de reconhecer essas diferenças, uma vez que cada uma delas pode desempenhar um papel específico seja na atividade de compreender a interveção em si seja na atividade formativa do(a) professor(a) de produção textual.

     


  • Mostrar Abstract
  • xxxxxxx xxxxxxxxxxxx xxxxxxxxx xxxxxxxxxx xxxxxxxxx

    xxxxx xxxxxxxxxx xxxxxxxxxx xxxxxxx xxxxxxxxx xxxxxx

30
  • MARIA MARCELA FREIRE
  • A RECEPÇÃO DO TEXTO LITERÁRIO NO ENSINO MÉDIO A PARTIR DE OS ESCRAVOS E OS CONTOS NEGREIROS: DIÁLOGOS E CONFRONTOS (IM) PERTINENTES

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • KALINA ALESSANDRA RODRIGUES DE PAIVA
  • Data: 29/11/2023

  • Mostrar Resumo
  • presente dissertação de Mestrado, intitulada: A RECEPÇÃO DO TEXTO LITERÁRIO NO ENSINO MÉDIO A PARTIR DE OS ESCRAVOS E OS CONTOS NEGREIROS: DIÁLOGOS E CONFRONTOS (IM) PERTINENTES, objetivou apresentar a uma turma do 3º ano do Ensino Médio, pelo viés do Método Recepcional (BORDINI & AGUIAR, 1993), a leitura e a discussão da obra de Marcelino Freire: Contos negreiros (2005)  em confronto  com a obra de Castro Alves,  Os escravos (1883), bem como, promover o     debate de ideias e/ou pensamentos racistas e preconceituosos ao tentar realizar uma ponte entre tais ideias e/ou pensamentos advindos do passado colonial e os resquícios destes na contemporaneidade. Tal estudo parte da necessidade que tem os alunos de realizarem leituras literárias que lhes possibilitem o desenvolvimento crítico e posicionamentos ante a sociedade. A aplicação da intervenção e a análise dos resultados apontam para a condição precária de leitores literários e a urgente implementação de projetos de leitura que os torne proficientes.



  • Mostrar Abstract
  • This Master's thesis, entitled: THE RECEPTION OF THE LITERARY TEXT IN HIGH SCHOOL FROM OS ESCRAVOS AND CONTOS NEGREIROS: DIALOGUES AND (IM) PERTINENT CONFRONTS, aimed to present to a group of the 3rd year of High School, through the bias of the Method Recepcional (BORDINI & AGUIAR, 1993), the reading and discussion of the work of Marcelino Freire: Contos negreiros (2005) in confrontation with the work of Castro Alves, Os escravos (1883), as well as promoting the debate of ideas and/ or racist and prejudiced thoughts when trying to build a bridge between such ideas and/or thoughts arising from the colonial past and the remnants of these in contemporary times. This study stems from the need that students have to carry out literary readings that enable them to develop critically and position themselves in society. The application of the intervention and the analysis of the results point to the precarious condition of literary readers and the urgent implementation of reading projects that make them proficient.

31
  • ELLYDA LARISSA SOARES DOS SANTOS
  • Multifuncionalidade do conectivo quando em textos argumentativos

  • Orientador : EDVALDO BALDUINO BISPO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDVALDO BALDUINO BISPO
  • EMANUEL CORDEIRO DA SILVA
  • FERNANDO DA SILVA CORDEIRO
  • Data: 30/11/2023

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho focaliza usos do conectivo quando em textos argumentativos da esfera jornalística, particularmente editoriais e artigos de opinião. O objetivo geral é analisar os usos desse conectivo, identificando os valores semânticos por ele veiculados e os fatores que contingenciam tais usos. Para tanto, fundamenta-se teoricamente na Linguística Funcional norte-americana, tal como delineada em Givón (1984, 1995), Hopper (1991), Matelotta (2011), Furtado da Cunha, Costa e Cezario (2015). A pesquisa é de natureza qualitativa com suporte quantitativo, e o banco de dados empíricos compõe-se de textos escritos, extraídos dos jornais online O Globo, Folha de São Paulo, Correio Braziliense e Estadão. Os textos escritos constituem editoriais e artigos de opinião publicados entre junho e julho de 2021. Os resultados apontam que o item quando apresenta, além de semântica temporal, outros valores associados, a exemplo de causa, condição e concessão. Além disso, também desempenha papel anafórico em algumas instâncias com valor temporal. Favorecem a extensão semântica do quando a correlação modo-temporal entre o verbo da hipotática e o da oração matriz, o aspecto verbal, além do conteúdo veiculado em cada uma dessas orações bem como o(s) propósito(s) comunicativo(s) implicados nos textos argumentativos considerados.


  • Mostrar Abstract
  • This research focuses on the uses of the connective quando (when) in argumentative texts from the journalistic domain, particularly editorials and opinion articles. The main purpose is to analyze the uses of this connective, identifying the semantic values it conveys and the factors that influence these uses. Our theoretical support is the North American Functional Linguistics, as outlined by Givón (1984, 1995), Hopper (1991), Matelotta (2011), Furtado da Cunha, Costa and Cezario (2015). This research is qualitative in nature with quantitative support, and the empirical database consists of written texts taken from the online newspapers O Globo, Folha de São Paulo and Correio Braziliense. The written texts consist of editorials and opinion that were published between June and July 2021. The results show that the item quando has, in addition to temporal semantics, other associated values, such as cause, condition and concession. It also plays an anaphoric role in some instances with a temporal value. The semantic extension of quando is favored by the mode-temporal correlation between the verb in the hypothetical and the verb in the main clause, the verbal aspect, as well as the content conveyed in each of these clauses and the communicative purpose(s) involved in the argumentative texts considered.

32
  • MARCOS VICTOR PIRES RODRIGUES
  • A CONSTRUÇÃO DE SENTIDO EM INTERAÇÕES LINGUÍSTICAS: UM ESTUDO ECOCOGNITIVO

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA CRISTINA PELOSI
  • AURELINA ARIADNE DOMINGUES ALMEIDA
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • Data: 12/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • Nesta dissertação de mestrado, descrevo uma pesquisa desenvolvida com o objetivo de caracterizar a construção de sentido que ocorre em interações linguísticas concretas, isto é, em situações reais e autênticas de comunicação. Para tanto, recorri à estratégia de amostragem não probabilística, selecionando as situações de interação registradas, em material audiovisual, durante um trecho de dez minutos e dois segundos da série documental The Beatles: Get Back (Part 2…, 2021). Para analisar esse material, empreendi uma análise categorial de conteúdo (Bardin, 2011) baseada na descrição de jogos de linguagem, em uma perspectiva teórica ecocognitiva (Duque, 2022a). Os resultados desta pesquisa apontam que a construção de sentido em interações pode ser caracterizada como um processo cognitivo cumulativo de (re)modelagem de conceitos, em que condições históricas e situacionais específicas cumprem um papel distintivo.


  • Mostrar Abstract
  • In this master’s thesis, I present an investigation conducted to characterize the construction of meaning that takes place in concrete linguistic interactions, that is, in real and authentic communication situations. For this purpose, I employed a non-probabilistic sampling strategy, selecting the recorded instances of interactions during a ten-minute and two-second segment of the documentary series The Beatles: Get Back (Part 2..., 2021). For analyzing this audiovisual material, I implemented a categorical content analysis (Bardin, 2011) which primarily encompassed the description of language games from an ecocognitive perspective (Duque, 2022a). The outcomes of this study suggest that the construction of meaning in interactions can be characterized as a cumulative cognitive process of (re)modeling concepts, in which specific conditions of historicity and situatedness play a distinctive role.

33
  • MARAYSA ARAUJO SILVA
  • “DOS PELIGROS A LA VEZ”: CASAMENTO E RELIGIÃO COMO REPRESENTAÇÕES DA OPRESSÃO DAS MULHERES NO ROMANCE LA FAMILIA DEL COMENDADOR, DE JUANA MANSO

  • Orientador : REGINA SIMON DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • WIEBKE ROBEN DE ALENCAR XAVIER
  • NATHALIA OLIVEIRA DE BARROS CARVALHO
  • Data: 15/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • Os escritos de Juana Paula Manso (1819-1875) que circularam no Brasil e na Argentina propuseram o despertar da consciência das mulheres diante da opressão a que eram submetidas. Nesse sentido, compreendemos que a escritora cumpriu, em pleno século XIX, um papel de feminista. Em suas reivindicações, expressou o claro desejo de “propagar a ilustração, e cooperar com todas as suas forças para o melhoramento social e para a emancipação moral da mulher" (O Jornal das Senhoras, 1852, p. 1). Dada essa postura, selecionamos uma das obras de Manso, qual seja, o romance La familia del Comendador (1854), e desenvolvemos esta pesquisa, cujo objetivo geral consiste em caracterizar a representação da opressão das mulheres nesse romance. Nossa abordagem teórico-metodológica está pautada nos diálogos entre a Crítica literária feminista (Golubov, 2020; Zolin, 2010; 2012; Muzart, 2000; Duarte, 2019) e a História das mulheres (Perrot, 2019; 2021; Lerner, 2019; Del Priore, 2016), visto que consideramos que uma abordagem situada historicamente é, não apenas pertinente, mas, sobretudo, necessária para a análise do texto literário. Tendo em vista as representações encontradas, concluímos que, no romance, o casamento e a religião são, por excelência, os domínios de opressão das mulheres, dado que atuam para manter a condição de submissão das personagens femininas. A postura defendida pela autora, contudo, não condena completamente o casamento ou a prática religiosa. Na verdade, recusa a configuração do casamento forçado assim como a permanência forçada no convento. Em ambos os casos, Manso defende a liberdade de escolha com um direito natural pertencente também às mulheres. Tal postura assumida no texto literário condiz com as reivindicações e críticas tecidas em seus artigos Casamento (1851) e A mulher (1852), publicados, respectivamente, nos jornais Periódico dos Pobres (RJ) e O Jornal das Senhoras (RJ). Ademais, identificamos que a ironia, o diálogo com o leitor e as metáforas constituem as estratégias discursivas empregadas na construção das críticas presentes no romance.


  • Mostrar Abstract
  • The writings of Juana Paula Manso (1819-1875) that circulated in Brazil and Argentina proposed to awaken the women to the oppression to which they were subjected. In this respect, we take into account that, in the heart of the nineteenth century, the writer played a feminist role. In her claims, Manso clearly expressed her urge to “disseminate the knowledge, and work together, as much as it was necessary, to the social development and the moral emancipation of the woman” (O Jornal das Senhoras, 1852, p. 1). Having considered such attitude, we selected one of the works of Manso, that is, the novel La familia del Comendador (1854), and carried out this research, aiming to characterize the representation of the oppression of women in this novel. Our theoretical-methodological framework is based on the dialogue established between the fields of feminist literary criticism (Golubov, 2020; Zolin, 2010; 2012; Muzart, 2000; Duarte, 2019) and women’s history (Perrot, 2019; 2021; Lerner, 2019; Del Priore, 2016), once we consider that a historically situated approach is not only appropriate, but most importantly necessary to the analyze the literary text. Bearing in mind the representations found, our conclusion is that, in the novel, marriage and religion are the quintessential domains of oppression of women, that is, what preserves the submission condition ascribed to the women characters. Nevertheless, the stance of Manso is not completely against marriage or religious practice. In fact, the author rejects the forms of force marriage and the forced stay in a nunnery. For both cases, she advocates that the freedom of choice must be taken as a natural right that also belongs to women, not only to men. This stance is in line with the claims and critique put forward by Manso in her articles Casamento (1851) and A mulher (1852), which were published, respectively, in the newspapers Periódico dos Pobres (RJ) and O Jornal das Senhoras (RJ). In addition, we found out that irony, the dialogue with the reader, and the metaphors are the discursive strategies employed to construct the critique present in the novel.

34
  • SILVANA ELIZABETE DE ANDRADE
  • ENTRE A VISIBILIDADE E A ESTEREOTIPAÇÃO DE PERSONAGENS NEGRAS EM ÚRSULA DE MARIA FIRMINA DOS REIS: UMA ANÁLISE DIALÓGICA

  • Orientador : ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOZANES ASSUNÇÃO NUNES
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • TITO MATIAS FERREIRA JÚNIOR
  • Data: 19/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • A presente pesquisa busca discutir o conflito entre a visibilidade de personagens negras e sua representação estereotipada no romance Úrsula (1956), objeto da nossa pesquisa, e o primeiro romance brasileiro escrito por uma mulher negra, Maria Firmina dos Reis. Nesse sentido, tem como objetivo geral compreender como se dá a representação das personagens negras em Úrsula. Em termos específicos, pretendemos identificar e discutir o conflito encontrado na obra entre a visibilidade e a estereotipação de Túlio, Susana e Antero, as personagens negras do romance. Utilizamos como aporte teórico a teoria do romance de Bakhtin (2015), bem como escritos dos autores que formam o Círculo, e os estudos de Brookshaw (1983), que trazem uma classificação dos estereótipos de personagens negras encontrados na literatura brasileira. Ademais, fundamentamos nossa discussão acerca do contexto histórico e cultural da escravidão com os estudos de Gomes (2020). Com base na análise feita, concluímos que a prática de estereotipia utilizada no século XIX pelos escritores da época foi reverberada por Maria Firmina dos Reis na criação das suas personagens negras, pois, embora a escritora busque dar visibilidade às personagens negras, fugindo do “simbolismo branco” da época, não conseguiu construi-las de forma não estereotipada.


  • Mostrar Abstract
  • The present research seeks to discuss the conflict between the visualization of Black characters and their stereotyped representation in the novel Úrsula (1956), the object of our research, and the first Brazilian novel written by a Black woman, Maria Firmina dos Reis. In this sense, its general objective is to understand the representation of black characters in Úrsula. Specifically, we intend to identify and discuss the conflict found in the novel between the visualization and stereotyping of Túlio, Susana, and Antero, the Black characters of the novel. Our theoretical framework is based on Bakhtin’s theory of the novel (2015) as well as writings of authors from the Bakhtin Circle, and the studies of Brookshaw (1983), who brings a classification of stereotypes of Black characters found in Brazilian literature. Moreover, our discussion on the historical and cultural context of slavery is based on Gomes’s studies (2020). Based on our analysis of the novel, we conclude that the practice of stereotyping used by 19th-century writers is reverberated by Maria Firmina dos Reis when creating her Black characters, because although she seeks to make her Black characters visible, escaping from the “white symbolism” of the time, she failed to build them in a non-stereotypical way.

35
  • ALYSSANDRA VIANA FONSECA
  • LETRAMENTO LABORAL DE AGRICULTORES: COOPERANDO SABERES EM PRÁTICAS DIGITAIS DE COMERCIALIZAÇÃO

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA ELISA FERREIRA RIBEIRO
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • Data: 22/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • Em meio às pequenas propriedades localizadas em áreas rurais interioranas, gerenciadas, na maioria das vezes por agricultores familiares, os letramentos digitais são pouco aproveitados não apenas pela pouca disponibilidade de equipamentos tecnológicos, mas também pela ausência de experiências quanto ao uso desses dispositivos em suas atividades laborais na esfera digital. Diante dessa problemática, o presente estudo objetiva investigar os impactos gerados pela realização de intervenção a partir de oficinas de letramento direcionadas a agricultores vinculados à Cooperativa Mista da Agricultura Familiar de Acari e Adjacências (COMFA), em termos de melhoria da qualidade de suas práticas de letramento laboral quanto à divulgação e comercialização de produtos rurais em ambientes digitais (e-commerce). Teoricamente, fundamenta-se em aportes referentes aos letramentos como prática social (Hamilton, 2000; Kleiman, 1995 e 2005; Street, 2014), mais precisamente em estudos que focalizam os multiletramentos (Rojo, 2009; Kalantzis, Cope, e Pinheiro, 2020), o letramento digital (Coscarelli; Ribeiro, 2005; Buzato, 2007; Ribeiro, 2009 e 2021; Braga, 2013), o letramento laboral (Paz, 2008)  os letramentos críticos (Kleiman; Santos-Marques; Leurquin, 2021), além de discussões acerca das relações de trocas de saberes entre acadêmicos/extensionistas e camponeses em espaços rurais (Freire, 1983). Metodologicamente, trata-se de uma pesquisa-ação (Thiollent, 2011; Dionne, 2007), que adota abordagem de dados qualitativa (Bogdan; Biklen, 1994), interpretativista (Moita Lopes, 1994; 2006), com traços de vertente etnográfica (Chizzotti, 2006; Angrosino, 2009). Para o percurso interventivo, foram utilizadas as orientações propostas pelos projetos e oficinas de letramento (Kleiman, 2000; Oliveira, 2008; Oliveira, Tinoco, Santos, 2014; Santos-Marques; Kleiman, 2019), além do Diagnóstico Rural Participativo (DRP) (Verdejo, 2010). Como resultados desta investigação, podemos destacar que as intervenções possibilitaram aos participantes ampliar seus letramentos em práticas digitais, mais especificamente em termos de conhecimentos voltados às vendas em canais digitais, no que diz respeito às redes sociais e às transações bancárias. Além disso, favoreceram a reorganização e o aprimoramento visual das postagens e do perfil de conta do Instagram da cooperativa, por meio de planejamento e de uso de estratégias voltadas para uma melhor elaboração e divulgação de posts de produtos disponibilizados à venda


  • Mostrar Abstract
  • Within the context of small properties located in rural areas, predominantly managed by family farmers, digital literacy remains largely untapped. This is not only due to the limited availability of technological equipment, but also from a lack of experience in utilizing these devices for their digital work activities. Given this issue, this study aims to investigate the impacts generated by the implementation of an intervention consisting of literacy workshops targeted at cooperative farmers in the Mixed Cooperative of Family Agriculture in Acari (COMFA) and Surroundings. The study seeks to assess the improvement in the quality of their labor literacy practices concerning the promotion and marketing of rural products in the digital environment (e-commerce). Theoretically, this study is based on the contributions relating to literacies as a social practice (Hamilton, 2000; Kleiman, 1995 e 2005; Street, 2014), more precisely on studies that focus on multiliteracies (Rojo, 2009; Kalantzis, Cope, and Pinheiro, 2020 ), digital literacy (Coscarelli; Ribeiro, 2005; Buzato, 2007; Ribeiro, 2009 and 2021; Braga, 2013), labor literacy (Paz, 2008) and critical literacy (Kleiman; Santos-Marques; Leurquin, 2021), and the exchange of knowledge between academics/extension workers and rural peasants in rural spaces (Freire, 1983). Methodologically, this is an action research (Thiollent, 2011; Dionne, 2007) with a qualitative data analysis (Bogdan; Biklen, 1994), interpretivist perspective (Moita Lopes, 1994; 2006) with an ethnographic bias (Chizzotti, 2006; Angrosino, 2009). For the intervention, uses the guidelines proposed by literacy projects and workshops (Kleiman, 2000; Oliveira, 2008; Oliveira, Tinoco, Santos, 2014; Santos-Marques; Kleiman, 2019), it also incorporates the Participatory Rural Appraisal (PRA) (Verdejo, 2010). As a result, we can highlight that the interventions allowed the participants to enhance their digital literacy in terms of knowledge related to sales in digital channels, utilizing social networks and banking transactions in a complementary manner. Moreover, such interventions facilitated the reorganization and visual improvement of the Cooperative’s Instagram posts and profile through planning and strategies aimed at better creation and promotion of products available for sale.

Teses
1
  • RAMON DIEGO CÂMARA ROCHA
  • OS LABIRINTOS DISCURSIVOS DA MODERNIDADE NOS CRONOTOPOS FICCIONAIS DE JORGE LUIS BORGES

  • Orientador : REGINA SIMON DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CÉLIA NAVARRO FLORES
  • CLÁUDIA HELOISA IMPELLIZIERI LUNA FERREIRA DA SILVA
  • FÁBIO MARQUES DE SOUZA
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • Data: 15/02/2023

  • Mostrar Resumo
  • Não dá para falar sobre Jorge Luis Borges sem mencionar três palavras: tempo, espelhos e labirintos, isso porque o escritor não só trabalha esses elementos em suas obras, por meio de uma forma fantástica, como incorpora as discussões que esses elementos trazem para leitura de sua época, a partir de um jogo com o espaço-tempo no cerne de seus contos. Nessa articulação entre forma, material e conteúdo trazido do contexto histórico no qual se insere, a expansão do real duplica as referências geográficas e expande-as, em busca de uma compreensão de seu próprio tempo. O objetivo geral desta tese é, portanto, investigar os labirintos discursivos da modernidade nos cronotopos ficcionais das narrativas borgeanas, para compreender como esses procedimentos e intercâmbios, entre o real e o ficcional, são realizados e, de como estes se articulam, por vezes, com os discursos sobre o processo de representação dos sujeitos argentinos em meio à modernização na América Latina. Para isso, toma-se como metodologia as discussões trazidas por Mikhail Bakhtin acerca dos estudos sobre estética e literatura, com foco nos textos “O problema do conteúdo, do material e da forma”, em seu livro Questões de literatura e de estética (2014) e, nas suas reflexões sobre espaço-tempo na obra literária As formas do tempo e do cronotopo (2018). Nesse caminho de investigação, que alia visão estética e histórica da produção, dialogou-se com as discussões sobre o contexto do séc. XX, na América Latina, a partir de Octavio Paz (2014), Erik Hobsbawn (2018) e Marshall Berman (2007), além dos debates sobre as formas fantásticas a partir de Tzvetan Todorov (1981), Roger Caillois (1966) e Ana Luiza Silva Camarani (2014), e do arcabouço teórico sobre a obra borgeana, através de Daniel Balderston (1993), María Barrenechea (1984), Emir Rodriguez Monegal (1980), Júlio Pimentel Pinto (1998) e Beatriz Sarlo (1995). O intuito, ao trazer tal bibliografia, foi de compreender a composição dos cronotopos ficcionais a partir de três contos basilares para a composição do livro Ficciones (1944), sendo eles: “Tlön, Uqbar, Orbius tertius”, “Pierre Menard, autor del Quijote” e “Funes, el memorioso”, compreendendo, também, desse modo, como a refração de determinados discursos, na criação dos cronotopos ficcionais borgeanos, trazem reflexões sobre a memória cultural argentina e sobre a ambivalência discursiva presente nos sujeitos da/na modernidade.


  • Mostrar Abstract
  • It is not possible to talk about Jorge Luis Borges without mentioning three words: time, mirrors and labyrinths, because the writer not only works these elements in his works through a neofantastic way, but also incorporates the discussions that these elements bring to the reading of his epoch, from a game with space-time at the heart of his tales. In this articulation between neofantastic form and content brought from the historical context in which it is inserted, the expansion of the real duplicates geographical references and expands them, in search of an understanding of its own time. Our general objective in this thesis is, therefore, to investigate the discursive labyrinths of modernity in the fictional chronotopes of Borgean narratives, in order to understand how these procedures and exchanges, between the real and the fictional, are carried out and how they are sometimes articulated with the discourses on the modernization process in Latin America. For this, we took as methodology the discussions brought by Mikhail Bakhtin about studies on aesthetics and literature, focusing on the texts "The problem of content, material and form", in his book Questions of literature and aesthetics (2014) and, in his reflections on space-time in the literary work The forms of time and the chronotope (2018). Thus, we divided our work into three stages or specific objectives: to identify how the fictional chronotopes are articulated with the typologies of the fantastic; examine how these fantastical forms serve as the basis for a Borgean neofantastic; to analyze the composition of fictional chrontopes in Borges' neofantastic prose, based on some short stories from the books Ficciones (1944) and El Aleph (1950). In this path of investigation, we combine historical discussions about the context of modernity in Latin America, from Júlio Pimentel Pinto (1998), Beatriz Sarlo (1995), Octavio Paz (2014), Erik Hobsbawn (2018), Marshall Berman (2007 ), how these discussions enter and are worked on in the literary work, reflecting on the fantastic forms from Tzvetan Todorov (1981) and Jaime Alazraki (1990), focusing on the work of Jorge Luis Borges, studied by theorists such as Daniel Balderston (1993), María Barrenechea (1984), Emir Rodriguez Monegal (1980), Beatriz Sarlo (1995). Such choices are important to understand how the refraction of certain discourses are linked through a material and a form, in the creation of fictional Borgean chronotopes, spatializing important discussions on Argentine cultural memory and on the discursive ambivalence in modernity.

2
  • JORGE WITT DE MENDONÇA JUNIOR
  • A ORDEM ARCAICA DA LAVOURA: UMA LEITURA DA DINÂMICA ENTRE O SAGRADO E O PROFANO EM LAVOURA ARCAICA

  • Orientador : ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALEXANDRE BEZERRA ALVES
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • TITO MATIAS FERREIRA JÚNIOR
  • Data: 24/02/2023

  • Mostrar Resumo
  • O romance Lavoura Arcaica, escrito por Raduan Nassar, narra a trajetória do personagem André enquanto ele retorna ao convívio da sua família após fugir de casa e permanecer um tempo afastado. A obra apresenta sua relação conflituosa com seus familiares, especialmente seu pai, com o qual André mantém uma complexa tensão ideológica. Em sua abordagem do gênero romanesco, Mikhail Bakhtin apresenta algumas de suas características, entre as quais, podemos apontar: a diversidade de linguagens. Nos propomos principalmente a identificar em meio a essas linguagens as vozes e valores que atuam na narrativa e como estas influenciam a formação do personagem na dinâmica entre o sagrado e o profano. Para isso, apresentamos alguns apontamentos metodológicos de análise situando a literatura no seu diálogo com o campo da cultura, bem como o conceito bakhtiniano de heterodiscurso. Na sequência, apresentamos uma análise de trechos do romance na qual buscamos tanto a presença de diferentes vozes e linguagens como a tensão dialógica entre elas no espectro do sagrado e do profano. Ao longo da pesquisa, foi possível observar que a formação do personagem acontece em meio a tensão dos valores, sob a ordem de um discurso autoritário sagrado e uma tentativa profana de posicionar-se no diálogo por meio de uma carnavalização e transgressão dos valores. Temos também a ocorrência de diferentes vozes e valores sociais nessas construções - como, por exemplo, nos diálogos entre André e seus familiares; ou ainda no conflito apresentado entre valores como o sagrado e o profano. Concluímos que a relação entre André e seu pai apresenta-se de modo a construir um discurso autoritário e a obra revela-se como uma metáfora de retorno ao sagrado.

     


  • Mostrar Abstract
  • The novel Lavoura Arcaica, written by Raduan Nassar, tells the story of the character André who returns to the family after running away from home and spending some time away. The work presents his conflicted relationship with his family, especially his father, with whom André maintains a complex ideological tension. In his approach to the novel as a literary genre, Mikhail Bakhtin presents some of its characteristics, among which, we can point out: the diversity of languages. We mainly propose to identify among these languages the voices and values that act in the narrative and how they influence the formation of the character between the sacred and the profane. We present some methodological notes placing the literature in dialogue with culture, in addition to the Bakhtinian concept of heterodiscourse. Following, we present an analysis of the novel in which we seek both the presence of different voices and languages and the dialogical tension between them in the sacred-profane spectrum. Throughout the research, it was possible to observe that the formation of the character takes place among the tension of the values, under the order of an authoritative sacred discourse and a profane attempt of positioning oneself in the dialog. We also have the occurrence of different social voices and values - as, for example, in the dialogues between André and his family; or even in the conflict between values like the sacred and the profane. We conclude that the relationship between André and his father is presented in order to build an authoritative discourse and the novel reveals itself to be a metaphor for a return to the sacred.

     

3
  • JANAÍNA MORENO MATIAS
  • ISPINHO E FULÔ: O CRONOTOPO DA DOR E DO AMOR NO SER (TÃO) DE VOZES NA POESIA DE PATATIVA DO ASSARÉ

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • RENATA ARCHANJO
  • HÉLIO MÁRCIO PAJEÚ
  • ILANE FERREIRA CAVALCANTE
  • MARCO ANTÔNIO VILLARTA NEDER
  • Data: 07/03/2023

  • Mostrar Resumo
  • A produção artística Ispinho e fulô (2005), o terceiro livro de Antônio Gonçalves da Silva — Patativa do Assaré — livro publicado originalmente em 1988, se constitui em corpus de nossa pesquisa, que tem como objetivo estudar o cronotopo na configuração da obra do poeta no contexto político-midiático. Enveredamos pelo ser(tão) patativiano para analisar a conexão intrínseca das relações temporais e espaciais, conhecida pelo termo cronotopo, analisar as diferentes vozes constituidoras de sua vocalidade poética, e analisar, em sua materialidade linguístico-discursiva, como o poeta constrói seu estilo e como ele faz “a limpa” do acabamento estético de sua materialidade discursiva. Nossa perspectiva será alicerçada pela concepção de sujeito e de relações dialógicas entre textos, conforme concebe Bakhtin (1992, 2003, 1995). Para esse teórico, o reconhecimento do sujeito e do sentido é imprescindível para a constituição de ambos. Palmilhar a sertaneidade patativiana demanda discorrer sobre as diferentes vozes constituidoras da linguagem do poeta, para tanto, o marco de nosso “roçado” é o paradigma da Linguística Aplicada e a perspectiva dialógica da linguagem, segundo Bakhtin (2003), uma vez que, acreditamos, por essas abordagens, matizar o mundo da ciência com mundo da vida, resultará em “frutos” bastante promissores. Colaborando para que o nosso “plantio” tenha êxito, adotamos como abordagem metodológica, a pesquisa qualitativo-interpretativa e tomamos, como base, o modelo sócio-histórico da linguagem, entendendo a linguagem como prática discursiva. Neste “manejo de plantio” o conhecimento é reconhecido como algo em movimento, sempre construído na interpretação da linguagem — Não há assunto tão velho que não possa ser dito algo de novo sobre ele — Fiódor Dostoiévski (1821-1881). Dessa forma, o procedimento poderá incluir as relações sociais nas quais a linguagem é produzida, o mundo social com profundidade, largura e altura suficientes para garantir a adequada cobertura da linguagem/semente que germinará (in)determinando — interferindo, representando, interpenetrando, ou até reformulando — ela própria, fornecendo o “suplemento nutricional”, a saber, caráter indisciplinar que a pesquisa exige para florescer.


  • Mostrar Abstract
  • The artistic production Ispinho e fulô (2005), Antônio Gonçalves da Silva's third book — Patativa do Assaré — originally published in 1988, constitutes a corpus of our research, which aims to study the chronotope in the configuration of the poet's work in the media-political context. We go through the Patativian being to analyze the intrinsic connection of temporal and spatial relationships, known by the term chronotope, analyze the different voices that constitute their poetic vocality, and analyze, in their linguistic-discursive materiality, how the poet builds his style and how he cleans up the aesthetic finish of his discursive materiality. Our perspective will be based on the concept of the subject and of dialogical relationships between texts, as conceived by Bakhtin (1992, 2003, 1995). For this theorist, the recognition of the subject and the meaning is essential for the constitution of both. To explore the Patativian sertaneity demands discussing the different voices that constitute the poet's language, therefore, the mark of our “scrubland” is the paradigm of Applied Linguistics and the dialogical perspective of language, according to Bakhtin (2003), since we believe, through these approaches, blending the world of science with the world of life will result in very promising “fruits”. Collaborating for our “planting” to be successful, we adopted qualitative-interpretative research as a methodological approach and took as a basis the socio-historical model of language, understanding language as a discursive practice. In this “planting management” knowledge is recognized as something in motion, always built on the interpretation of language — There is no subject so old that something new cannot be said about it — Fyodor Dostoevsky (1821-1881). In this way, the procedure may include the social relations in which language is produced, the social world with sufficient depth, width and height to ensure adequate coverage of the language.

4
  • TARCYENE ELLEN SANTOS DA SILVA
  • 1.   “Literatura em imagens: confluências entre as artes na prosa de Dany Laferrière

  • Orientador : KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • FLÁVIA CRISTINA DE SOUZA NASCIMENTO FALLEIROS
  • MARCOS VINICIUS FERNANDES
  • Data: 29/03/2023

  • Mostrar Resumo
  • .

    O presente estudo tem como objetivo analisar o Roman Déssiné na obra Autoportrait de Paris avec Chat (2018) de Dany Laferrière, tendo em vista as imagens presentes na narrativa em questão. Essa produção ficcional, publicada em 2018, é o primeiro ‘espécime’ do novo gênero, criado pelo autor Imortal da Academia Francesa de Letras. Num primeiro olhar, o público-leitor pode confundir o livro com um caderno de desenho infantil. Contudo, a narrativa é bem mais que isso. Nela nos deparamos com três personagens principais: um escritor famoso que está prestes a receber a condecoração de imortalidade por seus livros, a cidade Paris, e o Gato, de perfil burlesco ao estilo dândi, que conhece cada recanto cultural da capital francesa mais visitada do mundo. Assim, somos imersos num museu de imagens e de palavras, em que surge uma Paris pessoal, povoada pelos artistas mais célebres dos diversos campos estéticos e das variadas épocas. O Roman Déssiné de Dany Laferrière nos faz recordar diversas obras vanguardistas, seja na imagem seja na escrita. Tendo em vista essas características da obra, trabalhamos a hipótese de que o Roman Déssiné é o resultado de diálogos entre literatura e imagem, os quais aconteceram tanto no decorrer da Modernidade do século XX, quanto no circuito interno do conjunto das obras de Dany Laferrière. Acreditamos que o autor resguarda uma tradição estética e, ao mesmo tempo, inovando-as, na medida em que explora os níveis de picturalidade (LOUVEL, 2016a; LOUVEL, 2016b) em suas obras. Para nós, Autoportrait de Paris avec Chat pode ser considerado um marco estético em que vemos surgir, pela primeira vez, um concretismo imagético no romance. Nossos resultados preliminares confirmam que por meio de desenhos parodísticos e de caricaturas, o autor haitiano-quebequense ilustrou as referências que surgem constantemente em outras de suas produções, apresentando, desta vez, de próprio punho os pintores e as obras que marcaram, de alguma forma, o seu percurso.


  • Mostrar Abstract
  •  

      

    The current paper aims at analysing the Roman Déssiné in the work Autoportrait de Paris avec Chat (2018) by Dany Laferrière, in view of the images present in the aforementioned narrative. This fictional production, published in 2018, is the first example of the new genre, created by the Immortel de L’Académie Française author. At first glance, the audience might confuse the book for a children’s sketchbook. However, the narrative is more than that. We find three main characters in it: a famous writer about to receive the immortality distinction for his books, the city of Paris, and the Cat, with a burlesque profile in a Dandy style, who knows every cultural corner of the world’s most visited French capital. Thus, we are immersed in a museum of images and words, in which a personal Paris emerges, populated by the most famous artists from different aesthetic fields and from different periods. Dany Laferrière’s Roman Déssiné reminds us of several avant-garde compositions, whether in image or in writing. Considering these characteristics of the work, we work with the hypothesis that the Roman Déssiné is a result of the dialogues between literature and image, which took place both during the 20th Century’s Modernity, and in the internal circuit of the set of Dany Laferrière’s works. We believe that the author preserves an aesthetic tradition and, at the same time, implements innovations as he explores the levels of pictoriality (LOUVEL, 2016a; LOUVEL, 2016b) in his works. For us, Autoportrait de Paris avec Chat might be considered an aesthetic landmark n which we see the emergence, for the first time, of an imagery concretism in the novel. Our preliminary results confirm that, through parodistic drawings and caricatures, the Haitian-Québécois author illustrated the references that constantly appear in his other productions, presenting, this time with his own hand, the painters and the works that marked his route in some way.

     

5
  • BRUNA RAFAELLE DE JESUS LOPES
  • A POLÍTICA DOS CORPOS: AS RELAÇÕES DE PODER E DE FAMÍLIA NAS PERSONAGENS DE CARMEN LAFORET, MARÍLIA ARNAUD E VARGAS LLOSA

  • Orientador : ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GERARDO ANDRES GODOY FAJARDO
  • MARGARETH TORRES DE ALENCAR COSTA
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • TITO MATIAS FERREIRA JÚNIOR
  • Data: 26/04/2023

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho questiona possíveis semelhanças ou mesmo diferenças entre os demônios das personagens femininas criadas por autoras mulheres e os demônios que atormentam as personagens femininas desenvolvida por um criador homem. Essas inquietações suscitaram a necessidade de conhecer quem são as personagens na ficção. Sendo assim, a pesquisa conta com os seguintes objetivos: investigar, por meio de um estudo comparativo, a construção das subjetividades das personagens a partir das relações de poder, do corpo, e das relações familiares transpassadas pelo erotismo, nos romances: Nada (1944), da espanhola Carmen Laforet, (1921-2004); O Pássaro Secreto (2021), da brasileira Marília Arnaud (1960 –); e Elogio de la madrastra (1988) e Los cuadernos de don Rigoberto (1997), do peruano Mario Vargas Llosa (1936 –). Além disso, os desdobramentos deste estudo analisam como essas personagens se apresentam e se reconhecem na sociedade em que vivem, problematizando questões da maternidade, além de uma perceptível tendência a romper com as expectativas sociais de como se deve ser mãe nas obras selecionadas. Para desenvolver essa análise, tem-se como aporte os preceitos teóricos de Mikhail Bakhtin (1997, 2010, 2011), no que diz respeito ao dialogismo presente nas obras, o olhar sobre o erótico e a sexualidade a partir dos subsídios teóricos de Georges Bataille (2014), Sigmund Freud (2006 e 2020) e Michel Foucault (2012, 2013, 2014). As reflexões acerca das noções de gênero e cultura de gênero são encaminhadas como construções históricas e linguísticas a partir dos textos de Judith Butler (2003), Simone de Beauvoir (2019), Margaret A. McLaren (2016) e Susan Bordo (1997). A análise do corpus revela, portanto, que as personagens refratam o contexto social em que estão inseridas, dispostas no tempo e no espaço em determinadas relações de poder, e isto é denunciado a partir dos papeis que cada sujeito desempenha nos laços familiares e sociais, além de perceber que as personagens femininas arnaudianas e laforetianas são muito mais complexas do que as vargallosianas, denunciando uma angústia na escrita de autoria feminina.

     


  • Mostrar Abstract
  • This dissertation questions possible similarities and differences between the demonization of female characters created by female authors and that which torments female characters developed by male authors. These questions incite the need to understand who these characters are in works of fiction. As such, the research done in this study considered the following objectives: investigate, by means of comparative study, the construction of subjectivities present in the observed characters related to relationships of power and the human body, in addition to erotism present in family relationships throughout the novels: Nada [Nothing] (1944) by the Spanish author, Carmen Laforet (1921-2004); O Pássaro Secreto [The Secret Bird] (2021) by the Brazilian author, Marília Arnaud (1960–); and Elogio de la madrastra [The Stepmother’s Praise] (1988) as well as Los cuadernos de don Rigoberto [The Notebooks of Don Rigoberto] (1997) by the Peruvian author, Mario Vargas Llosa (1936–). Furthermore, this study seeks to analyze how the maternal role of the female characters in these novels is rendered problematic, witnessing the tendency to break from the social expectations of how a woman should embrace motherhood. In order to develop and support this analysis, undertones of several theoretical precepts are referenced including: Mikhail Bakhtin’s notion of dialogism (1997, 1997, 2010, 2011); views of eroticism and sexuality from Georges Bataille (2014), Sigmund Freud (2006, 2020), and Michel Foucault (2012, 2013, 2014). Reflections on the notion of gender and gender culture as historical and linguistic constructions are also taken into account from the texts of authors Judith Butler (2003), Simone de Beauvoir (2019), Margaret A. McLaren (2016), and Susan Bordo (1997). The analysis of the text corpus reveals that the observed female characters in the chosen works refract the social context in which they are inserted, being exposed to the time and space of determined power relations. It is perceived that this deviation often results in the denouncement of their roles in family ties and as members of society. Furthermore, there is a distinguishable difference between the more complex female characters of Arnaud and Laforet and the more simple-minded ones of Vargas Llosa, demonstrating that there is a much deeper sense of anguish in the characters created by female authors.

6
  • GUSTAVO TANUS CESÁRIO DE SOUZA
  • O universo e as estrelas em literaturas infantil e juvenil: caminhos discursivos das literaturas negro-brasileira e indígena

  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILEY FRANCISCO DE SOUZA
  • ADÉLCIO DE SOUSA CRUZ
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • Data: 27/04/2023

  • Mostrar Resumo
  • Os grupos étnico-raciais formadores do Brasil sempre foram representados nas literaturas, tendo sido, num primeiro momento, personagens de narrativas, como antagonistas, nos textos quinhentistas, às narrativas formadoras da ideia de nação, e mais recentemente, como protagonistas, porém, em grande parte desses textos, representados com estereótipos. Essas construções têm contribuído para a continuidade de imagens que compõem um imaginário negativo sobre os sujeitos e as culturas “minoritárias”. Essa mudança começou por meio das literaturas escritas pelos próprios sujeitos das culturas, em que há uma perceptível modificação do modo de representação de si, das comunidades, das suas culturas, epistemes, sobretudo nas produções literárias indígena e negro-brasileira para crianças e jovens. O objetivo é compreender e discutir as Literaturas infantil e juvenil de autoria negra e indígena, por meio dos textos literários, analisando convergências em suas propostas estéticas, políticas e literárias, percebendo como elaboram a ideia de literatura, modos de ser e estar no mundo, modos de representação das suas culturas, epistemes, buscando uma compreensão de seus campos literários específicos. Para o entendimento das literaturas infantil e juvenil mobilizamos os textos fundadores, lastreados por Leonardo Arroyo (1968, 1988), seguido dos trabalhos de Regina Zilberman (1981, 1982, este com Lígia Cademartori, 1984, 1986 e 2005), Nelly Coelho (1981, 1983, 1985), Marisa Lajolo (1982, 1986, este em coautoria de Zilberman), Maria Antonieta Cunha (1985), entre outros. Em relação às literaturas negro-brasileira e indígena, utilizamos trabalhos que trataram da constituição dessas literaturas, e pensaram-nas como sistemas em suas dimensões histórica, teórica e crítica. Para a primeira literatura, foram consideradas as reflexões de Eduardo de Assis Duarte, Cuti, Conceição Evaristo, Maria Nazareth Fonseca, Florentina de Souza, Inaldete Pinheiro de Andrade, Ione Jovino, entre outras. Para a segunda literatura, as de Graça Graúna, Daniel Munduruku, Maria Inês de Almeida, Julie Dorrico, entre outros. Esta pesquisa teórica partiu de um caminhar bibliográfico para a apresentação de um corpus de literatura infantil e juvenil de autoria negra e indígena, mobilizado para leitura e discussão, com vistas aos caminhos discursivos sobre as literaturas, em relação, por um conceito metodológico-operatório da “constelação”, e suas várias dimensões de uso, figurados nas categorias intencionais, para análises do textos literários: Políticas, autorias e sistema literário; Ilustração como forma de autoria; Gêneros literários, em prosa; Animais que somos; Leituras dos mundos imaginados, imaginários e de tantas imagens; Ancestralidade, ação presente de respeito às pessoas e ao tempo; e Mediador, narrador / Griô, Nganga, Pajé, ou o mais velho, nos movimentos da roda do tempo.


  • Mostrar Abstract
  • The ethnic-racial groups that formed Brazil have always been represented in literature, having been, at first time, characters in narratives, as antagonists, in sixteenth-century texts, to the narratives that formed the idea of nation, and more recently, as protagonists, however, in most of these texts, represented with stereotypes. These constructions contributed to the continuity of images that make up a negative imagery about subjects and “minority” cultures. This change began through the literature written by the subjects of cultures, in which there is a noticeable change in the way of representing themselves, communities, their cultures, epistemes, especially in indigenous and black-Brazilian literary productions for children and young people. The objective is to understand and discuss children's and youth literature by black and indigenous authors, through literary texts, analyzing convergences in their aesthetic, political and literary proposals, realizing how they elaborate the idea of literature, ways of being in the world, modes of representation of their cultures, epistemes, seeking an understanding of their specific literary fields. For the understanding of children's literature, we mobilized the founding texts, backed by Leonardo Arroyo (1968, 1988), followed by the works of Regina Zilberman (1981, 1982, this one with Lígia Cademartori, 1984, 1986 and 2005), Nelly Coelho (1981, 1983, 1985), Marisa Lajolo (1982, 1986, the latter co-authored by Zilberman), Maria Antonieta Cunha (1985), among others. In relation to black-Brazilian and indigenous literature, we used to work that dealt with the constitution of these literatures, and thought of them as systems in their historical, theoretical and critical dimensions. For the first literature, the thoughts of Eduardo de Assis Duarte, Cuti, Conceição Evaristo, Maria Nazareth Fonseca, Florentina de Souza, Inaldete Pinheiro de Andrade, Ione Jovino, among others, were considered. For a second literature, such as Graça Graúna, Daniel Munduruku, Maria Inês de Almeida, Julie Dorrico, among others. This theoretical research started from a bibliographic path for the presentation of a corpus of children's and youth literature by black and indigenous authorship, mobilized for reading and discussion, with a view to discursive paths on the literatures, in relation, by a concept methodological-operative of the “constellation”, and its various dimensions of use, figured in the intentional categories, for analysis of literary texts: Policies, authorship and literary system; Illustration as a form of authorship; Literary genres, in prose; Animals we are; Readings of imagined, imaginary worlds and so many images; Ancestry, present action of respect for people and time; and Mediator, narrator / Griot, Nganga, Pajé, or the oldest, in the movements of the wheel of time.

7
  • LÍNEKER TRAJANO DOS SANTOS
  • Abordagem funcional centrada no uso da construção modalizadora [V1AUX + Prep + V2INF]

  • Orientador : EDVALDO BALDUINO BISPO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDVALDO BALDUINO BISPO
  • MARIA ANGELICA FURTADO DA CUNHA
  • MARIZE MATTOS DALL'AGLIO HATTNHER
  • MONCLAR GUIMARÃES LOPES
  • TAISA PERES DE OLIVEIRA
  • Data: 28/04/2023

  • Mostrar Resumo
  • Neste trabalho, investigo a construção modalizadora [V1Aux + Prep + V2INF], com o intuito de caracterizá-la formal e funcionalmente, considerando aspectos morfossintáticos, cognitivos e semântico-pragmáticos implicados em suas instâncias de uso. Para isso, ancoro-me nos pressupostos da Linguística Funcional Centrada no Uso, conforme Furtado da Cunha, Bispo e Silva (2013), Furtado da Cunha e Bispo (2022), a qual incorpora contribuições da Gramática de Construções na linha de Goldberg (1995), Croft (2001), Traugott e Trousdale (2013) e outros. Em termos metodológicos, a pesquisa apresenta viés qualiquantitativo e possui natureza descritivo-explicativa. O banco de dados é composto de ocorrências retiradas do Corpus do Português on-line, mais especificamente da seção Web/Dialetos. Os resultados mostram que, nos padrões construcionais investigados, ficar, estar, ter e haver perderam suas características de verbo pleno, predicador, adquirindo funções de verbo auxiliar. No que concerne à frequência token, o padrão mais recorrente foi ter de + infinitivo, seguido por haver de, estar para e ficar de + infinitivo. Em relação aos aspectos funcionais, verifiquei que os sentidos veiculados pela construção estão relacionados a noções de obrigação, necessidade, compromisso e volição, ligados, na maioria dos casos, à modalização deôntica. No entanto, alguns usos de haver de, estar para e ficar de + infinitivo se alinham à modalização epistêmica. Constatei, ainda, que o compartilhamento de espaços funcionais entre os padrões ter de + infinitivo e haver de + infinitivo limita-se a alguns contextos de uso, relativos à expressão de necessidade/obrigação. Ademais, todos os subesquemas investigados apresentaram variabilidade semântica quanto ao preenchimento do slot V2. No que concerne aos aspectos cognitivos subjacentes às instâncias de uso dos subesquemas sob enfoque, os resultados apontam para a presença de diferentes configurações via perspectivação conceptual nos usos diversos de cada padrão e para projeções metonímicas e metafóricas recorrentes nos construtos analisados. No que diz respeito aos processos sociointeracionais, há um continuum entre os vieses subjetivo e intersubjetivo em cada padrão construcional investigado, em que o mesmo type construcional pode apresentar multifuncionalidade em diferentes contextos de uso. Outrossim, algumas amostras de ter de, haver de, estar para e ficar de + infinitivo se alinham a atos de fala específicos e a seus respectivos efeitos perlocucionários, enquanto outros instanciam atos de fala indiretos. A rede construcional de que os subesquemas fazem parte é encabeçada pelo esquema mais geral que intitula o trabalho - [V1AUX + prep + V2INF] -, e os padrões construcionais por ele licenciados são caracterizados como parcialmente esquemáticos, com alta produtividade e composicionalidade intermediária.


  • Mostrar Abstract
  • In this work, I investigate the modal construction [V1AUX + Prep + V2INF], with the aim of characterizing it both formally and functionally, considering morphosyntactic, cognitive, and semantic-pragmatic aspects implicated in its instances of use. To achieve this, I anchor myself in the assumptions of Usage-based Functional Linguistics, according to Furtado da Cunha, Bispo, and Silva (2013), Furtado da Cunha and Bispo (2022), which incorporates contributions from Construction Grammar in the line of Goldberg (1995), Croft (2001), Traugott and Trousdale (2013), and others. Methodologically, the research presents a qualitative-quantitative bias and has a descriptive-explanatory nature. The database is composed of occurrences taken from the Corpus do Português online, specifically from the Web/Dialects section. The results show that, in the investigated constructional patterns, ficar, estar, ter, and haver lost their characteristics as full verbs, becoming auxiliary verbs. Regarding token frequency, the most recurrent pattern was ter de + infinitive, followed by haver de, estar para, and ficar de + infinitive. Regarding functional aspects, I found that the senses conveyed by the construction are related to notions of obligation, necessity, commitment, and volition, mostly linked to deontic modality. However, some uses of haver de, estar para, and ficar de + infinitive align with epistemic modality. Furthermore, I found that the sharing of functional spaces between the ter de + infinitive and haver de + infinitive patterns is limited to some usage contexts, related to the expression of necessity/obligation. Moreover, all investigated sub-schemas presented semantic variability regarding the filling of the V2 slot. Regarding the underlying cognitive aspects of the instances of use of the sub-schemas under focus, the results point to the presence of different configurations via conceptual perspectivization in the diverse uses of each pattern and to recurrent metonymic and metaphoric projections in the analyzed constructs. Regarding the sociointeractional processes, there is a continuum between the subjective and intersubjective biases in each investigated constructional pattern, in which the same constructional type can present multifunctionality in different usage contexts. Moreover, some samples of ter de, haver de, estar para, and ficar de + infinitive align with specific speech acts and their respective perlocutionary effects, while others instantiate indirect speech acts. The constructional network of which the sub-schemas are part is headed by the broader scheme that titles the work - [V1AUX + Prep + V2INF] -, and the licensed constructional patterns are characterized as partially schematic, with high productivity and intermediate compositionality.

8
  • CÍNTIA DANIELE OLIVEIRA DO NASCIMENTO
  • A PAISAGEM LINGUÍSTICA DE ESCOLAS PÚBLICAS NO CRONOTOPO PANDÊMICO: UM OLHAR DE PROFESSORES SOBRE O PROJETO TELEAULAS NATAL 

     
     
     
     
  • Orientador : MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ELIANE FERNANDES AZZARI
  • ALESSANDRO DOZENA
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • MARIA BERNADETE FERNANDES DE OLIVEIRA
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • Data: 25/05/2023

  • Mostrar Resumo
  • Com o advento da covid-19, houve a suspensão das aulas presenciais da rede municipal de educação de Natal e, como estratégia para alcançar os alunos, a Secretaria Municipal de Educação idealizou o Projeto Teleaulas Natal, que consistiu na gravação de aulas para os alunos do 9º ano da rede de ensino. Com base no referido projeto, esta investigação tem por objetivo analisar a (construção da) paisagem linguística de escolas públicas municipais da cidade de Natal no cronotopo pandêmico, a partir do olhar de professores e assessores envolvidos no projeto. A pesquisa é de natureza qualitativa e interpretativista; desenvolvida a partir dos interesses de estudo da Linguística Aplicada; tendo como referencial teórico a concepção dialógica e filosófica da linguagem do Círculo de Bakhtin, as discussões sobre identidade desenvolvidas pelos Estudos Culturais e os estudos que contemplam o conceito de paisagem linguística. A proposta metodológica incluiu a aplicação de questionários on-line, em virtude das limitações impostas pelo cronotopo pandêmico. A partir da análise dos dados, o estudo discute a relação entre as teleaulas e o ensino emergencial, a escolha da televisão como veículo acessível, a importância da diversidade de recursos para a mediação do processo de ensino e aprendizagem, a interação nas teleaulas e a experiência dos professores. Os resultados apontam para a construção de uma paisagem linguística pandêmica, marcada pelo uso de teleaulas a fim de potencializar o processo de ensino e aprendizagem dos alunos. Além disso, apresenta como sugestão a implementação dessa metodologia como projeto permanente nas escolas públicas vinculadas à Secretaria Municipal de Educação de Natal.

     

     

     

     

     
     
     
     

  • Mostrar Abstract
  • With covid-19, there were a break to the regular classes, and, as a strategy to attend students, the Municipal Secretary of Education created Teleaulas Natal Project, that involve to record some classes to the students from 9th level of basic education. Based on that project, this investigation aims to analyze (the building of) linguistic landscape of municipal public schools in the city of Natal in the pandemic chronotope, by the view of teachers and assessors involved in the project. This research has qualitative and interpretative nature; developed by the Applied Linguistic approaches; having as theoretical referece a dialogical and philosophical conception of language based on the Circle of Bakhtin, discussions about identity developed by the Cultural Studies and studies that consider the conception of linguistic landscape. Methodological proposal includes application of a online questionnaire, due to the limitations of pandemic chronotope. Based on the data, this study analyzes relationship between teleclasses and emergency teaching, the choice of television as an accessible tool, the importance of accessibility of the resources to the mediation in the process of teaching and learning, interaction during the teleclasses and the experience of the teachers. Results point to the construction of a pandemic linguistic landscape marked by teleclasses to enhance the process of teaching and learning of the students. In addition to this, it presents as a suggestion the adoption  of this methodology as a permanent project in the public schools linked to Municipal Education Secretary in Natal.

     

     

     

     
     
     
     
9
  • RENZILDA ÂNGELA DE SOUZA FERREIRA DE SANTA RITA
  •  

     Hematomas de pós-término nas relações afetivo-libidinais das protagonistas nas obras de Marilene Felinto: a melancolia em Obsceno abandono: amor e perda e o luto em As mulheres de Tijucopapo

     

  • Orientador : KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA LUIZA TEIXEIRA BATISTA
  • ANA CLAUDIA FELIX GUALBERTO
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • Data: 25/05/2023

  • Mostrar Resumo
  •       Esta pesquisa aborda as temáticas Da demanda do pós-término dos relacionamentos afetivo-libidinais investigadas nas obras: o luto em As mulheres de Tijucopapo (1992) e a melancolia em Obsceno abandono: amor e perda (2002), de Marilene Felinto. Tais matérias direcionam o estudo do nexo entre as protagonistas, suas dores após terem sofrido com o abandono de seus objetos de amor e o sentimento do amor narcísico. Adotamos uma abordagem qualitativa e propusemos uma análise interpretativa com base nos autores e referências dos Estudos Literários e Culturais e da Crítica Psicanalista, ou ainda nas obras literárias que contribuíram para a discussão. A partir das reflexões de Freud, Kehl, Chianca, Lejarraga, Costa, Kristeva, Butler, Stephan e Lorde, os conceitos de amor, luto, melancolia e seus processos são retomados como recurso norteador da medida crítica da prosa poética felintiana. Analisamos os elementos estéticos e poéticos da melancolia e do luto que constituem e representam a revisitação do passado no processo da identidade representados nas vozes das personagens femininas, no contexto literário, psicanalítico e sociocultural. Dessa forma, os discursos das protagonistas, o luto e a melancolia são abordados como agentes textuais que instauram uma ponte entre a escrita e o processo de aceitação da perda do objeto. Nessa perspectiva, vale explicitar que a prosa felintiana figura-se como uma arte literária, critica e autônoma, apta a confrontar a própria percepção de sublimação nos momentos de ruptura, sobre a qual se respalda.


  • Mostrar Abstract
  • 1.      This research addresses the themes of mourning and melancholy and the post-term demand of affective-libidinal relationships investigated in the works: the Women of Tijucopapo (1992) and Obscene abandono: amor e perda (2002), by Marilene Felinto. Such matters direct the study of the nexus between the protagonists, their pain after having suffered from the abandonment of their love objects and the feeling of romantic love. We adopted a qualitative approach and proposed an interpretative analysis based on the authors and references of Literary and Cultural Studies and Psychoanalyst Criticism, or even on the literary works that contributed to the discussion. Based on the reflections of Freud, Kehl, Chianca, Lejarraga, Costa, Kristeva, Butler, Stephan and Lorde, the concepts of romantic love, mourning, melancholy and their processes are resumed as a guiding resource for the critical measure of Felinto's poetic prose. We analyze the aesthetic and poetic elements of melancholy and mourning that constitute and represent the revisitation of the past in the process of identity represented in the voices of female characters, in the literary, psychoanalytic and sociocultural context. In this way, the protagonists' discourse, mourning and melancholy are approached as textual agents that establish a bridge between writing and the process of acceptance of the loss of the object. In this perspective, it is worth explaining that Felinto's prose appears as literary art, critical and autonomous, capable of confronting the very perception of sublimation in moments of rupture, on which it is based.

10
  • PAULO GUILHERMINO DOS SANTOS
  • Trauma multitemporal: a ficcionalização da ditadura civil-militar em três romances brasileiros contemporâneos

  • Orientador : JOSE LUIZ FERREIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALEXANDRE BEZERRA ALVES
  • ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • JULIANE VARGAS WELTER
  • MARIA SUELY DA COSTA
  • Data: 31/05/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese tem por objetivo investigar o processo de ficcionalização da ditadura civil-militar (1964-1985) nos romances: K. – Relato de uma busca (2014), de Bernardo Kucinski; Cabo de guerra (2016), de Ivone Benedetti; e A noite da espera (2017), de Milton Hatoum. Nesse sentido, ancorando-se em Antonio Candido (1993; 2006), ao buscar compreender como a experiência autoritária brasileira se manifesta na estrutura formal dessas obras, observamos que a recorrência da vivência traumática é um elemento comum nas três narrativas, se manifestando em diferentes épocas. Diante disso, nosso estudo analisa os três romances a partir do conceito de trauma proposto por Márcio Seligmann-Silva (2000; 2003; 2005), dando especial atenção ao papel da multiplicidade temporal na construção estética das obras selecionadas. Adicionalmente, em termos de constatação, notamos que a condição de exilado e o sentimento de culpa exercem uma função potencializadora das experiências traumáticas nas narrativas estudadas.  Com isso, os romances analisados evidenciam uma tendência da literatura publicada na última década (2011-2020) em expor, por meio de narradores e/ou protagonistas situados no presente, a permanência e a intensificação dos traumas vividos antes, durante e depois da ditadura. Ao identificar a recorrência desse tipo de composição narrativa, vislumbramos a formação de uma nova vertente na ficção literária brasileira, sendo que sua principal característica é o desvelamento de uma condição traumática que se perpetua no tempo. Nesse sentido, a experiência transbordante se formaliza na estrutura das obras por meio de uma temporalidade não linear, que mimetiza o caráter caótico da rememoração em indivíduos submetidos a vivências excessivamente dolorosas. Assim, a ausência de punições e respostas devidas faz com que a ditadura permaneça sendo um trauma multitemporal na vida brasileira. Sua formalização na escrita literária é, ao mesmo tempo, um grito de esperança contra a censura e um indicativo da persistência de nossa herança autoritária.


  • Mostrar Abstract
  • The objective of this thesis is to investigate the process of fictionalization of the civil-military dictatorship (1964-1985) in the novels K. – Relato de uma busca (2014), by Bernardo Kucinski; Cabo de guerra (2016), by Ivone Benedetti; and A noite da espera (2017), by Milton Hatoum. In this sense, and relying on Antonio Candido (1993; 2006) to help us understand how the Brazilian authoritarian experience manifests itself in the formal structure of these works, we observe that the recurrence of the traumatic experience is a common element in the three stories, manifesting itself in different times. As such, our study analyzes the three novels based on the concept of trauma proposed by Márcio Seligmann-Silva (2000; 2003; 2005), giving special attention to the role of temporal multiplicity in the aesthetic construction of the selected works. Additionally, we observe that the condition of exile and the feeling of guilt play an enabling role in the traumatic experiences in the studied stories. The analyzed novels, therefore, reveal a trend in the literature published during the last decade (2011-2020) of portraying, through narrators and/or protagonists in the present, how the traumas experienced before, during, and after the dictatorship have endured and intensified over time. By recognizing the recurring presence of this type of narrative structure, we can catch a glimpse of a new literary trend emerging in Brazilian fiction, characterized mainly by the revelation of a traumatic condition that persists through time. In this sense, the overflowing experience is formalized in the structure of the works through a non-linear temporality that mimics the chaotic nature of remembrance in individuals subjected to excessively painful experiences. The lack of punishment and appropriate responses to the military dictatorship, therefore, have allowed it to continue as a trauma spanning multiple periods in Brazilian life. Its formalization in literary writing is both a cry of hope against censorship and an indication of the persistence of our authoritarian heritage.

11
  • NATHALIA OLIVEIRA DE BARROS CARVALHO
  • UNA VIDA DE JUANA PAULA MANSO: DESLOCAMENTOS, CONSTRUÇÃO DA PERSONAGEM E REDE DE CONHECIMENTO EM CÓMO SE ATREVE, DE SILVIA MIGUENS

  • Orientador : REGINA SIMON DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • KALINA ALESSANDRA RODRIGUES DE PAIVA
  • RAQUEL DE ARAÚJO SERRÃO
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • THAYANE SILVA CAMPOS
  • WIEBKE ROBEN DE ALENCAR XAVIER
  • Data: 27/06/2023

  • Mostrar Resumo
  • A escritora argentina Silvia Miguens (1950) apresenta como traço marcante de sua obra o diálogo entre a literatura e a história. Nota-se ainda, a predominância de protagonistas femininas, podendo identificar, dessa forma, o perfil geral de suas publicações que tiveram início na década de 1990. Nessa lógica de produção literária destaca-se a obra que compõe nosso corpus de análise, o livro Cómo se atreve. Una vida de Juana Paula Manso (2004), que ficcionaliza a também escritora argentina Juana Paula Manso de Noronha (1819-1875). Dessa forma, neste trabalho buscamos analisar a protagonista Juana Paula, especialmente quanto ao processo de formação intelectual e profissional, considerando o olhar mais intimista proposto por Silvia Miguens, além de identificar as conexões com outras mulheres históricas através da protagonista, desvelando uma rede de conhecimento entre elas e também através delas. Estudo de caráter qualitativo e de base bibliográfica tem entre as principais referências Jozef (1986; 2005), Menton (1993) e Hernandes (2017) para o estudo das produções de narrativas de extração histórica; Candido (2014) e Brait (2017) com as discussões sobre personagem, nossa principal categoria analítica; Lewkowicz (2000) e Zucotti (1998) com seus trabalhos sobre a figura histórica de Juana Paula Manso, além dos textos da própria Juana Manso, publicados especialmente em periódicos como o Jornal das Senhoras (1852) e o Álbum de Señoritas (1854), por exemplo; Lacerda (2003), Lerner (2019), Perrot (2017), Wolf (2020) e Hooks (2019) no que tange à formação intelectual, às questões de patriarcado, e lutas femininas; Burke (2017) e sua abordagem sobre exílio e produção do conhecimento; Candido (2011) e suas reflexões sobre a capacidade da literatura de ensinar de diferentes formas. Diante dos objetivos propostos verificamos que Miguens consegue imprimir um caráter mais íntimo à narrativa, valorizando um lado pouco conhecido e/ou explorado da vida de Juana Manso. Além disso, constatamos que os deslocamentos e a influência do pai da personagem Juana Paula foram fundamentais em sua formação intelectual e que de fato vai sendo revelada pela narradora, ao longo dos capítulos, uma rede de conhecimento ao trazer para o texto outras figuras históricas – sobretudo mulheres – em conexão com a personagem principal do romance, além dos textos da própria Juana Manso que se integram intertextualmente à narrativa.


  • Mostrar Abstract
  • The Argentine writer Silvia Miguens (1950) presents the dialogue between literature and history as a striking feature of her work. It is also noted the predominance of female protagonists, in this way, it is possible to identify the general profile of her publications which began in the 1990s. In this logic of literary production, the work that makes up our focus of analysis, the book Cómo se atreve. Una vida de Juana Paula Manso (2004), fictionalized the also Argentine writer Juana Paula Manso de Noronha (1819-1875). Thus, in this work, we seek to analyze the protagonist Juana Paula, especially regarding her intellectual and professional training process, considering the more intimate look suggested by Silvia Miguens, in addition to identifying the connections with other historical women through the protagonist, revealing a network of knowledge among them and also through them. This qualitative and bibliographic-based study has among its main references Jozef (1986; 2005), Menton (1993) and Hernandes (2017) for the study of productions of narratives of historical extraction; Candido (2014) and Brait (2017) with discussions about character, our main analytical category; Lewkowicz (2000) and Zucotti (1998) with their works on the historical figure of Juana Paula Manso, in addition to texts by Juana Manso herself, published especially in periodicals such as Jornal das Senhoras (1852) and Álbum de Señoritas (1854), for example; Lacerda (2003), Lerner (2019), Perrot (2017), Wolf (2020) and Hooks (2019) regarding intellectual formation, patriarchy issues, and women's struggles; Burke (2017) and his approach about exile and knowledge production; Candido (2011) and his reflections on the ability of literature to teach in different ways. In view of the proposed objectives, we verified that Miguens manages to impart a more intimate character to the narrative, valuing a little-known and/or explored side of Juana Manso's life. In addition, we found that the displacements and influence of Juana Paula’s father were fundamental in her intellectual formation and that, in fact, the narrator reveals, throughout the chapters, a network of knowledge by bringing other historical figures to the text – especially women – in connection with the main character of the novel, besides Juana Manso's own texts that are intertextually integrated into the narrative.

12
  • WALLYSON RODRIGUES DE SOUZA
  • DO LABIRINTO À ENCRUZILHADA: UM ESTUDO DA PERSONAGEM EM GRANDE SERTÃO: VEREDAS E UM RETRATO DO ARTISTA QUANDO JOVEM.

  • Orientador : ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANDRE TESSARO PELINSER
  • DANIELLE GRACE REGO DE ALMEIDA
  • MARIA DA CONCEICAO OLIVEIRA GUIMARAES
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • VITOR CEI SANTOS
  • Data: 30/06/2023

  • Mostrar Resumo
  • A presente pesquisa objetiva estabelecer um estudo comparado das personagens dos romances Grande sertão: veredas, de João Guimarães Rosa, e A portrait of the artist as a young man, de James Joyce. Em termos teóricos, nos apropriamos da Teoria do romance de Lukács, cujas considerações sobre a perda da totalidade extensiva da vida, bem como, a condição essencialmente problemática do herói, são basilares para a análise proposta. Para complementar a fundamentação teórica de Lukács, recorremos às Reflexões sobre o romance moderno, de Rosenfeld, pois sua série de hipóteses nos propícia um estreitamento das possibilidades de diálogo. Baseado nisso, nossa tese articula a comunicação entre as obras restringindo-se à observação dos heróis sob três aspectos. Primeiramente, tomamos os romances sob a ótica da tradição do Bildungsroman, por meio da tipologia designada por Lukács (2007) em diálogo com o conceito do romance de formação tardio, de Moretti (2020). Em um segundo momento, observamos como os autores recorrem aos modelos míticos para a construção de seus heróis. Para tratar da relação entre mito e literatura, visitamos as ponderações de Rosenfeld (1996), Barthes (2001) e Mielietinski (1987); já para análise dos nossos objetos de estudos, recorremos à teoria dos modos de Frye (2014). Por fim, investigamos como os procedimentos narrativos e a subjetividade temporal estão atrelados ao perfil psicológico dessas personagens. Para isso, além do já citado ensaio de Rosenfeld (1996), recorremos aos textos de Auerbach (2015) e Adorno (2003). Através deste estudo concluímos que, por meio das três categorias assinaladas, a barreira temático-cultural é superada, comprovando a amplitude do horizonte temático e a condição universal desses protagonistas. Por outro lado, constatamos que os vínculos de valores estilísticos, entre os autores, comumente promovidos pelos critérios linguísticos, podem se estabelecer por intermédio de outras categorias, como o estudo da personagem aqui proposto.

     

     

     


  • Mostrar Abstract
  • The present research aims to establish a comparative study of the characters of the novels Grande sertão: veredas, by João Guimarães Rosa, and A portrait of the artist as a young man, by James Joyce. In theoretical terms, we appropriate Lukacs's Theory of the novel, whose considerations about the loss of the extensive totality of life, as well as the essentially problematic condition of the hero are fundamental for the proposed analysis. To complement Lukacs' theoretical foundation, we turn to Reflections on the modern novel, by Anatol Rosenfeld, as his series of hypotheses provides us with a narrowing of the possibilities of dialogue. Based on that, our thesis articulates the communication between the works restricting itself to the observation of the heroes under three aspects. First, we take the novels from the perspective of the Bildungsroman tradition through the typology designated by Lukacs (2007) in dialogue with the concept of late Bildungsroman by Moretti (2020). In a second moment, we observe how the authors resort to mythical models for the construction of their heroes. For this, we start from the hypothesis, suggested by Rosenfeld (1996), about the return of the modern novel to the archetypal models. To address the relationship between myth and literature, we visited the considerations of authors such as Barthes (2001) and Mielietinski (1987); for the analysis of our objects of study, we resorted to Northrop Frye's theory of modes (2014). Finally, we investigate how narrative procedures and temporal subjectivity are linked to the psychological profile of these characters. For this, in addition to the mentioned essay by Rosenfeld (1996), we resorted to texts by Auerbach (2015) and Adorno (2003). Through this study, we concluded that, through the three indicated categories, the cultural-thematic barrier is overcome, proving the breadth of the thematic horizon and the universal condition of these protagonists. On the other hand, it was found that the links of stylistic values between the authors, commonly promoted by linguistic criteria, can be established through other categories, such as the character study proposed here.

     

     

     

     

     

     

13
  • DAVI TINTINO FILHO
  • ENTRE A QUENTURA DAS LEMBRANÇAS E O BRILHO DAS MALACACHETAS:  AS CONFIGURAÇÕES NEORREGIONAIS NO ROMANCE RASTEJO

  • Orientador : DERIVALDO DOS SANTOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • MARIA SUELY DA COSTA
  • REGINA LÚCIA DE MEDEIROS
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 14/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho consiste na leitura crítica do romance Rastejo (2017), do escritor norte-rio-grandense Humberto Hermenegildo de Araújo. Ancoramo-nos, metodologicamente, na crítica sociológica integrativa de Antonio Candido (2002; 2005; 2010), através da qual se enseja o entendimento acerca de como a obra do artista potiguar inscreve-se no panorama cultural contemporâneo brasileiro, atualizando a tradição regionalista precedente pela perspectiva do Neorregionalismo (BRITO, 2017). Como plano de trabalho, recorreu-se à temática citada, entendida, geneticamente, como uma disposição humana universal (LEITE, 1978; CHIAPPINI, 1995; 1997), configurada por meio de um vínculo sentimental entre o sujeito e o espaço nativo. Para a fundamentação da discussão, tomam-se, principalmente, os estudos de Candido (2002a; 2017a; 2017c; 2017d), a partir dos quais se concebe a natureza neorregional do romance do escritor potiguar, sob a forma de elementos culturais do passado que ressurgem atualizados, como resíduos (WILLIAMS, 1979; 2011) e rastros (BENJAMIN, 2007). Por essa lógica, analisa-se a representação do homem sertanejo na condição de remanescente de uma cultura rural anterior, quando ele começa a ser impactado pela experiência do cotidiano do espaço urbano, de uma modernidade industrial e capitalista, avaliando-se tal tensão, à luz de uma historiografia crítica do gênero romance (BAKHTIN, 2003; 2014a), no âmbito da formatação da ficção contemporânea. Sob essas condições, suscita-se a análise do protagonista de Rastejo, que, na condição de narrador, transfigura as várias nuances psicológicas de um herói divergente do formato clássico (LUKÁCS, 2009; LIMA, 2017; LEITE, 1978; ANDRADE, 2002; GINZBURG, 2012b; LAFETÁ, 1992), ao problematizar as tensões da vida na cidade grande em contraste com as experiências rurais anteriores, implicando no surgimento de uma condição melancólica, como uma resposta emocional às contradições da modernidade. No plano constitutivo da personagem, isso resulta na técnica da narração em primeira pessoa, que coloca a rememoração enquanto dispositivo necessário para se acessar o passado (HALBWACHS, 2003; BOSI, 2003; CANDAU, 2019) e conhecer a realidade anterior e as relações de alteridade produzidas ao longo da vida da personagem central, principalmente, quando se observam os modelos de representação do masculino e do feminino, no contexto das culturas sertaneja e urbana, transfigurados na obra. Compreende-se, assim, que Pedro da Costa representa, na transfiguração neorregional, o sujeito remanescente do sertão que experimenta o tensionamento social e emocional, diante dos novos modos de vida determinados pela modernidade urbana. 

     


  • Mostrar Abstract
  • This paper consists in the critical reading of the novel Rastejo (2017), by the norte-rio-grandense writer Humberto Hermenegildo de Araújo. We anchor ourselves, methodologically, in the integrative sociological critique of Antonio Candido (2002; 2005; 2010), through which the understanding about how the work of the Potiguar artist is inscribed in the contemporary Brazilian cultural panorama, updating the regionalist tradition precedent from the perspective of Neoregionalism (BRITO, 2017). As a work plan, the mentioned theme was used, understood, genetically, as a universal human disposition (LEITE, 1978; CHIAPPINI, 1995; 1997), configured through a sentimental link between the subject and the native space. To support the discussion, mainly the studies of Candido (2002a; 2017a; 2017c; 2017d) are taken, from which the neo-regional nature of the novel by the potiguar writer is conceived, in the form of cultural elements from the past that resurface updated, such as residues (WILLIAMS, 1979; 2011) and traces (BENJAMIN, 2007). By this logic, the representation of the sertanejo man is analyzed as a remnant of a previous rural culture, when he begins to be impacted by the daily experience of the urban space, of an industrial and capitalist modernity. By this logic, the representation of the sertanejo man is analyzed as a remnant of a previous rural culture, when he begins to be impacted by the daily experience of the urban space, of an industrial and capitalist modernity, evaluating such tension, to the in the light of a critical historiography of the novel genre (BAKHTIN, 2003; 2014a), in the context of formatting contemporary fiction. Under these conditions, the analysis of the protagonist of Rastejo arises, who, as a narrator, transfigures the various psychological nuances of a hero who diverges from the classic format (LUKÁCS, 2009; LIMA, 2017; LEITE, 1978; ANDRADE, 2002; GINZBURG, 2012b; LAFETÁ, 1992), by problematizing the tensions of life in the big city in contrast to previous rural experiences, implying the emergence of a melancholic condition, as an emotional response to the contradictions of modernity. At the character's constitutive level, it results in the first-person narration technique, which places remembrance as a necessary device to access the past (HALBWACHS, 2003; BOSI, 2003; CANDAU, 2019), and the alterity relations produced throughout the life of the central character, especially when observing the male and female representation models, in the context of the sertaneja and urban cultures transfigured in the work. It is understood, therefore, that Pedro da Costa represents, in the neo-regional transfiguration, the remaining subject of the sertão, who experiences social and emotional tension, in the face of the new ways of life determined by urban modernity.

     

14
  • EDSON MOISÉS DE ARAÚJO SILVA
  • LITERATURA, MEMÓRIA E VIOLÊNCIA: ANÁLISE DOS ROMANCES PILATOS E QUASE MEMÓRIA, DE CARLOS HEITOR CONY

  • Orientador : KATIA AILY FRANCO DE CAMARGO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DANIELLE GRACE REGO DE ALMEIDA
  • FRANCISCO HUMBERLAN ARRUDA DE OLIVEIRA
  • KATIA AILY FRANCO DE CAMARGO
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • SILVIA LA REGINA
  • Data: 21/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese tem como objetos de análise os romances “Pilatos” (1974) e “Quase-memória” (1995), do escritor carioca Carlos Heitor Cony. Sobre eles, destaca-se a hipótese de que a memória e a violência podem ser categorias constituintes de uma imagem literária sobre as ações de repressão durante o regime militar (1964-1984). Assim, de modo específico, buscou-se a análise da formatação discursiva na construção da memória sobre o período ditatorial, considerando a exposição de cenas de violência presentes nas narrativas. Para isso, tomou-se como orientação teórica a compreensão do discurso literário preenchido por uma materialidade social (ADORNO, 2003; BAKHTIN, 2015; AUERBACH, 1987; CANDIDO, 2000; EAGLETON, 2011), além de considerar a obra de Cony enquanto uma literatura que apresenta marcações discursivas engajadas politicamente diante das representações sociais nos romances analisados (BENOÎT, 2002; DALCASTAGNÈ, 1996). Sobre a memória, buscou-se identificar e analisar os elementos que emergem nas narrativas para delinear uma imagem social sobre o período ditatorial, a partir de Benjamin (2013), considerando, de igual modo, as marcas e discursos de violência enquanto mecanismo de dominação (BOURDIEU, 1989). Portanto, compreende-se que esta tese possibilita compreender a obra de Cony, assim como sua posição enquanto intelectual inserido no cenário de produção literária durante e após o período ditatorial.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis has as objects of analysis the novels “Pilatos” (1974) and “Quase-memória” (1995), by the carioca writer Carlos Heitor Cony. Regarding them, the hypothesis that memory and violence can be constituting categories of a literary image about the actions of repression during the military regime (1964-1984) stands out. Thus, specifically, we sought to analyze the discursive formatting in the construction of memory about the dictatorial period, considering the exposure of scenes of violence present in the narratives. For this, the understanding of the literary discourse filled by a social materiality was taken as a theoretical guideline (ADORNO, 2003; BAKHTIN, 2015; AUERBACH, 1987; CANDIDO, 2000; EAGLETON, 2011), in addition to considering Cony's work as a literature that presents discursive marks politically engaged in the face of social representations in the analyzed novels (BENOÎT, 2002; DALCASTAGNÈ, 1996). About memory, we sought to identify and analyze the elements that emerge in the narratives to outline a social image about the dictatorial period, from Benjamin (2013), also considering the marks and discourses of violence as a mechanism of domination. (BOURDIEU, 1989). Therefore, it is understood that this thesis makes it possible to understand Cony's work, as well as his position as an intellectual inserted in the scenario of literary production during and after the dictatorial period.

15
  • ALEXSANDRO LINO DA COSTA
  • MORTE-APRENDIZAGEM EM CIRANDA DE PEDRA E EM A CONFISSÃO DA LEOA: ROMANCES DE FORMAÇÃO E TANATOLOGIA

  • Orientador : JOSE LUIZ FERREIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • MARIA APARECIDA DA COSTA GONCALVES FERREIRA
  • MARIA SUELY DA COSTA
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 31/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese desenvolve e verifica a hipótese da morte-aprendizagem: a partir da recorrência do tema morte nos romances Ciranda de pedra (publicado originalmente em 1954), de Lygia Fagundes Telles, e A confissão da leoa (2012), de Mia Couto, observamos como o processo de finitude (o morrer, os mortos, o luto, a melancolia e o reinvestimento libidinal em novos objetos amorosos) funciona como catalisador do desenvolvimento humano nas personagens protagonistas que, imersas em sucessivas experiências de morte (biológica/ natural e simbólica/ metafórica), amadurecem psíquica, afetiva e socialmente, configurando-se as obras como romances de formação (PINTO, 1990; MAZZARI, 2010; MORETTI, 2020). A partir de uma fundamentação teórica interdisciplinar (Psicanálise, Biologia, Etnologia Social, Filosofia e História), discorremos sobre como o morrer e o lidar com os mortos têm se configurado na sociedade, reverberando subjetivamente na formação das personagens em análise. Tendo-se em vista a existência de poucos trabalhos que relacionam a temática da morte com obras literárias, ratifica-se a relevância desta pesquisa, que contribui para a área de estudos de Literatura Comparada, unindo a literatura africana moçambicana e a literatura brasileira contemporânea de autoria feminina. A título de ilustração, oferecemos brevemente, além dos dois romances que constituem o nosso corpus, outros exemplos literários em que o morrer se apresenta como tema, demonstrando sua recorrência como forma de ratificar a ampla presença do que chamamos aqui de “morte-aprendizagem”.


  • Mostrar Abstract
  •  

    This thesis develops and verifies the death-learning hypothesis: from the recurrence of the death as a theme in the novels Ciranda de pedra (originally published in 1954), by Lygia Fagundes Telles, and A confissão da leoa (2012), by Mia Couto, we observe how the process of death (dying, the dead, mourning, melancholy and the libidinal reinvestment in new beloved objects) works as a catalyst for human development in the protagonists who, immersed in many experiences of death (biological/natural and symbolic/ metaphorical), mature psychically, affectively and socially, configuring these works as formation novels (PINTO, 1990; MAZZARI, 2010; MORETTI, 2020). From a transdisciplinary theoretical foundation (Psychoanalysis, Biology, Social Ethnology, Philosophy and History), we discuss how dying and dealing with the dead have been configured in society, reverberating subjectively in the formation of the characters under analysis. Considering the existence of few works that relate the theme of death with literary works, the relevance of this research is ratified, which contributes to the area of studies of Comparative Literature, uniting Mozambican African literature and contemporary Brazilian literature of female authorship. By way of illustration, we offer briefly, in addition to the two novels that make up our corpus, other literary examples in which dying is presented as a theme, demonstrating its recurrence as a way of ratifying the wide presence of what we call here “death-learning”.

16
  • WILLIAM BRENNO DOS SANTOS OLIVEIRA
  • O ESPELHO DE FRIDA KAHLO: REFLEXOS E REFRAÇÕES DE UM CORPO GROTESCO

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • RENATA ARCHANJO
  • TANIA MARIA DE ARAUJO LIMA
  • RISOLEIDE ROSA FREIRE DE OLIVEIRA
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 10/08/2023

  • Mostrar Resumo
  •  

     A obra pictórica de Frida Kahlo é mundialmente conhecida. Seus quadros já foram objeto de investigação em algumas áreas do conhecimento no mundo acadêmico. No entanto, na atualidade, não somente os quadros são usados como corpus de pesquisas, desenvolvidas nos mais diversos campos do saber. Este estudo é, de certo modo, inaugural, no mundo das humanidades, pois ele atravessa a fronteira da esfera artística e se instaura, também, no espaço da esfera íntima e privada da pintora. Com a publicação do diário íntimo de Frida, seu acervo epistolar particular virou livro, com suas fotos pessoais reunidas e publicadas também em um livro. Diante disso, esta tese tem por objetivo investigar os elementos do grotesco bakhtiniano (BAKHTIN, 2013) presentes no corpo feminino que é retratado em autorretratos e em algumas páginas do diário íntimo da, mundialmente famosa, pintora mexicana, Frida Kahlo. Esta pesquisa existe pela vontade de esmiuçar e responder, entre outros, os seguintes questionamentos: quais elementos do grotesco encontram-se no corpus deste estudo? Tais características são suficientes para dar ao corpo feminino, representado por Frida, o status quo de corpo grotesco, na perspectiva bakhtiniana? Para garantir a efetividade deste trabalho, a pesquisa confronta ideias nas fronteiras que as unem, a fim de assumir uma vestimenta teórico-metodológica. As bases da pesquisa são os pressupostos da Linguística Aplicada transgressora e transdisciplinar (LOPES, 2019) e da teoria bakhtiniana (BAKHTIN, 2010, 2013, 2015, 2016, 2018). Porém, isso não é tudo. Este estudo apresenta, como caminho metodológico mais pragmático, um perfil qualitativo-interpretativista, o que implica dizer que analisa as respostas, sócio-históricas e eticamente engajadas, dadas pelo corpo de Frida Kahlo, retratado nos recortes, aos questionamentos que surgiram durante esta jornada. Os resultados apontam que o mote e as ferramentas, usados pela pintora e mulher Frida, nas suas mais variadas faces, revestiram-se de características grotescas para alcançar seus horizontes de interesse.


  • Mostrar Abstract
  • Frida Kahlo's pictorial work is world-renowned. His paintings have already been the object of investigation in some areas of knowledge in the academic world. However, nowadays, not only the pictures are used as a corpus of research, developed in the most diverse fields of knowledge. Our work is, in a way, inaugural in the world of the humanities, in this sense, as it crosses the border of the artistic sphere and is also established in the space of the painter's intimate and private sphere. The possibility of carrying out such a task was realized only because its private production became public. His intimate diary was published, his private epistolary collection became a book, his personal photos were gathered and also published in a book. Therefore, we can say that this thesis aims to investigate the elements of the Bakhtinian grotesque (BAKHTIN, 2013) present in the female body that is portrayed in self-portraits and in some pages of the intimate diary of the world-famous Mexican painter Frida Kahlo. This research was provoked and exists by the desire to scrutinize and answer, among others, the following questions: What elements of the grotesque are found in the corpus presented here? Are these characteristics enough to give the female body, represented by Frida, the status quo of a grotesque body, in the Bakhtinian perspective? To ensure the effectiveness of this work, it was necessary to confront ideas on the borders that unite them and assume a theoretical and methodological dress. Thus, our thesis is based on the foundations of transgressive and transdisciplinary applied linguistics (LOPES, 2019) and Bakhtinian theory (BAKHTIN, 2010; 2013; 2015; 2016; 2018). But that's not all. We also chose, as a more pragmatic methodological path, to imbue ourselves with a qualitative-interpretivist profile for our research. Which implies saying that we believe in the socio-historical and ethically engaged answers given by Frida Kahlo's body, portrayed in the clippings we made, to the questions raised during our journey. We also believe that the motto and tools used by the painter and woman Frida, in their most varied faces, took on grotesque characteristics to reach their horizons of interest.

17
  • ADRIANA HANAYÁ FERREIRA CABRAL
  • Argumentação em assembleia de classe

  • Orientador : GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALANA DRIZIÊ GONZATTI DOS SANTOS
  • DOROTEA FRANK KERSCH
  • GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS
  • ISABEL CRISTINA MICHELAN DE AZEVEDO
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • Data: 18/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • A compreensão da assembleia de classe como evento de letramento implica entender como agentes sociais se unem em prol da resolução de um problema situado da comunidade escolar. Isso ocorre porque, vista como evento de letramento, a assembleia de classe se configura como um espaço profícuo para ações de leitura, escrita, escuta e oralidade desenvolvidas como ações sociais que podem viabilizar a construção da argumentação como prática social emancipadora. Assim, esta tese tem o objetivo geral de investigar como a assembleia de classe favorece o desenvolvimento da argumentação como prática social emancipadora. Para tanto, postulam-se os seguintes objetivos específicos: (i) analisar se, em assembleias de classe, a rede de atividades e de gêneros discursivos instaurados viabiliza a argumentação como prática social emancipadora; (ii) identificar habilidades relacionadas à competência da argumentação desenvolvidas em assembleias de classe;  (iii) compreender de que forma a aprendizagem de estratégias argumentativas, em assembleias de classe, viabiliza a produção de textos orais, escritos e multissemióticos convincentes. Do ponto de vista teórico-metodológico, trata-se de uma pesquisa-ação, de abordagem qualitativa, interpretativista, de vertente etnográfica e inserida na Linguística Aplicada.  Fundamenta-se na perspectiva dialógica de língua(gem); na concepção de gêneros da nova retórica; nos estudos de letramento de vertente sociocultural e nas pesquisas de argumentação de base interacional. Os participantes desta investigação são alunos da 3ª série do Ensino Médio de uma escola pública norte-rio-grandense e, no processo, pode-se contar com a colaboração da equipe gestora, de professores e de um agente externo à instituição de ensino. Os instrumentos utilizados para a geração de dados foram: observação participante e notas de campo; fotografias; textos escritos e reescritos de diferentes gêneros discursivos; vídeos produzidos com as ferramentas Animaker e Canva e questionários por meio da ferramenta Google Forms, para subsidiar a construção da caracterização dos discentes e docentes da escola. A partir da análise dos dados, destaca-se que práticas de leitura, escrita, escuta e oralidade, desenvolvidas em assembleias de classe, por meio de uma rede de atividades e de gêneros discursivos, viabilizam a argumentação como prática social com vistas a mudanças sociais.


  • Mostrar Abstract
  • Understanding class assembly as a literacy event implies understanding how social agents come together to solve a problem in the school community. This is because, seen as a literacy event, the class assembly is configured as a fruitful space for reading, writing, listening and speaking actions developed as social actions that can enable the construction of argumentation as an emancipating social practice. Thus, this thesis has the general objective of investigating how the class assembly boost the development of argumentation as an emancipatory social practice. With this aim, the following specific objectives are postulated: (i) analyze whether, in class assemblies, the network of established discursive activities/genres enables argumentation as a social practice; (ii) identify skills related to the argumentation competence, as well as other specific competences, developed in class meetings; (iii) understand how the learning of argumentative strategies, in class assemblies, enables the production of convincing oral, written and multisemiotic texts. From a theoretical-methodological point of view, this is a qualitative and interpretative research-action with an ethnographic approach and inserted in the Applied Linguistics field. It is based on the dialogic perspective of language; in the conception of genres of the new rhetoric; in the socio-cultural literacy studies and in the argumentation research field based on interaction. The participants of this investigation are high school students from a public school in Rio Grande do Norte and, during the process, also the management team, the teachers and an external agent to the educational institution collaborated. The instruments used for the data generation were: participant observation and field notes; photographs; written and rewritten texts of different discursive genres; videos produced with Animaker and Canva, and questionnaires using the Google Forms tool, in order to support the construction of the characterization of the students and the teachers from the school. Through the data analysis, it is highlighted that reading, writing, listening and speaking practices, developed in class assemblies, through a network of activities and discursive genres, make argumentation viable as a social practice with a social change perspective.

18
  • CAMILA FERNANDES DA COSTA
  • CAPITÃES DA AREIA E TEREZA BATISTA: DUAS FASES E DUAS FACES DA VIOLÊNCIA SEXUAL

  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CARINA MARQUES DUARTE
  • CHRISTINA BIELINSKI RAMALHO
  • DANIELLE GRACE REGO DE ALMEIDA
  • JULIANE VARGAS WELTER
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • Data: 28/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • Ao longo dos anos, a literatura, assim como diversos outros veículos culturais, tem refletido e perpetuado perfis estereotipados de mulheres, espelhando as relações sociais e os preceitos da sociedade patriarcal. Esses retratos, muitas vezes, moldam as mulheres dentro de um modelo de submissão, confinamento e silenciamento que perpetuam a prática da violência sexual. Pensando nisso, a presente pesquisa propõe-se a analisar, a partir dos estudos da Literatura e Sociedade, os romances de Jorge Amado, Capitães da Areia (1937) e Tereza Batista Cansada de Guerra (1972), tomando como eixo condutor a análise da representação da violência sexual presente nesses textos literários, vitimando, na primeira, uma personagem secundária e, na segunda, a protagonista. Investigaremos, assim, o modo como as violências que perpassam o estupro se apresentam e reforçam estereótipos ou criticam tais valores que circundam o abuso sexual. Para que essa análise fosse possível, foi essencial o apoio na crítica feminista, sobretudo o seu enfoque no estudo do gênero feminino e suas representações na literatura e os debates em torno da violência sexual e sua relação com o patriarcado. Logo, este trabalho dialoga com os estudos desenvolvidos por Federici (2017), Priore (2015) e Davis (2016) para o entendimento da história das mulheres no Brasil e no mundo, esta última com enfoque para mulheres negras; de Millett (1970) e Brandão (2006), as quais estabelecem a relação entre a crítica feminista e os estudos literários; Brownmiller (1975), Davis (2016), Negreiros (2021) e Araújo (2022), no que se refere à análise da violência sexual. Além de utilizar como referência a crítica da obra amadiana relacionada aos estudos de gênero por meio da análise de diversos estudos desenvolvidos: teses, dissertações, artigos. O estudo objetiva-se a observar como as vozes presentes nas narrativas se combinam a fim de representar essa violência cometida contra personagens femininas com a finalidade de examinar como esses recursos auxiliam na representação das diversas violências que perpassam os romances, levando em conta que cada narrativa possui suas singularidades que ilustram os diferentes contextos sociais, históricos e culturais. Desse modo, para a compreensão desses aspectos, observou-se a literatura sob uma perspectiva histórica e a sua relação com os estudos de gênero. Por meio desse estudo, além da contribuição para os estudos literários acerca das representações femininas, há a colaboração para a análise da representação da violência sexual em textos ficcionais.


  • Mostrar Abstract
  • Over the years, literature, as well as several other cultural expressions, has reflected and perpetuated stereotyped profiles of women, mirroring social relations and precepts of patriarchal society. These portraits often mold women into a model of submission, confinement and silencing that perpetuate the practice of sexual violence. With that in mind, this research proposes to analyze, from studies of Literature and Society, the novels by Jorge Amado, Capitães da Areia (1937) and Tereza Batista Cansada de Guerra (1972), taking as a guiding axis the analysis of the representation of sexual violence present in these literary texts, victimizing, in the first, a secondary character and, in the second, the protagonist. We will thus investigate how the violence that pervades rape is presented and reinforce stereotypes or criticize such values that surround sexual abuse. For this analysis to be possible, support from feminist criticism was essential, especially its focus on the study of the female gender and its representations in literature and the debates around sexual violence and its relationship with patriarchy. Therefore, this work dialogues with the studies developed by Federici (2017), Priore (2015) and Davis (1981) to understand the history of women in Brazil and in the world, the latter focusing on black women; by Millet (1970) and Brandão (2006), which establish the relationship between feminist criticism and literary studies; Brownmiller (1975), Davis (1981), Negreiros (2021) and Araújo (2022), with regard to the analysis of sexual violence. In addition to using critics of Amado's work as a reference related to gender studies, through the analysis of several developed studies: theses, dissertations, articles. The study aims to observe how the voices present in the narratives combine in order to represent this violence committed against female characters, with the purpose of examining how these resources help in the representation of the various violences that permeate the novels, taking into account that each narrative has its singularities that illustrate the different social, historical and cultural contexts. Thus, in order to understand these aspects, the literature was observed from a historical perspective and its relationship with gender studies. Through this study, in addition to the contribution to literary studies about female representations, there is collaboration for the analysis of the representation of sexual violence in fictional texts.

19
  • ALINE LESSA RAMOS LIMA MOURA
  • TOPOI E ARGUMENTAÇÃO NO DISCURSO NACIONALISTA A PARTIR DA OBRA “O SACRIFÍCIO DO AMOR” DE ISABEL GONDIM

  • Orientador : ALESSANDRA CASTILHO FERREIRA DA COSTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALESSANDRA CASTILHO FERREIRA DA COSTA
  • LAURENIA SOUTO SALES
  • MARCELO DA SILVA AMORIM
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • SUELI CRISTINA MARQUESI
  • Data: 29/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • A presente pesquisa toma por objeto de estudo os lugares argumentativos ou topoi, analisando sua estrutura e função na argumentação em favor do discurso nacionalista que atravessa a obra “O Sacrifício do Amor” (1909), de Isabel Gondim. Do ponto de vista do Modelo de Tradições Discursivas (KOCH, 1997; KOCHOESTERREICHER, 2007; KABATEK, 2004, 2005), os lugares argumentativos constituem uma tradicionalidade de conteúdo dentro de outra(s) tradicionalidade(s), tais como a do discurso nacionalista, a do gênero peça de teatro e as das sequências textuais, entre outras. Como fundamento teórico, o trabalho utiliza subsídios advindos da Análise Textual dos Discursos (ATD) e do Modelo de Tradições Discursivas (TDs). Por meio da análise de sequências argumentativas (ADAM, 1991, 2011, 2017, 2019, 2021, 2022), buscou-se ressaltar a presença de topoi que sustentam o nacionalismo presente na obra “O Sacrificio do Amor”, de Isabel Gondim, caracterizando a presença de tradições de conteúdo. No que diz respeito à metodologia, a pesquisa assumiu um caráter de pesquisa aplicada com uma abordagem qualiquantitativa e bibliográfica, de natureza exploratória e interpretativa. Concluímos através da análise que o drama apresenta topoi que reafirmam o conteúdo nacionalista na obra, estando dispostos ao longo do texto dramático como: topos da justiça e nobreza; topos da honra; topos do amor à pátria; topos da glória; topos da pátria como mãe. Esses topoi empregados na obra para compor os movimentos argumentativos na construção do discurso nacionalista configuram como uma tradição de conteúdo dentro do gênero dramático no Romantismo brasileiro . A pesquisa também procurou destacar a literatura potiguar e contribuir para a difusão da produção literária do Estado do Rio Grande do Norte.


  • Mostrar Abstract
  • This research takes as object of study the argumentative places or topoi, analyzing their structure and function in the argument in favor of the nationalist discourse that runs through the work “O Sacrifício do Amor” (1909), by Isabel Gondim. From the point of view of the Discursive Traditions Model (KOCH, 1997; KOCHOESTERREICHER, 2007; KABATEK, 2004, 2005), argumentative places constitute a content traditionality within other traditionality(ies), such as that of the nationalist discourse, that of the theater play genre and those of textual sequences, among others. As a theoretical basis, the work uses subsidies arising from the Textual Analysis of Discourses (ATD) and the Discursive Traditions Model (DTs). Through the analysis of argumentative sequences (ADAM, 1991, 2011, 2017, 2019, 2021, 2022), we sought to highlight the presence of topoi that support the nationalism present in the work “O Sacrificio do Amor”, by Isabel Gondim, characterizing the presence of content traditions. With regard to methodology, the research assumed an applied research character with a qualitative, quantitative and bibliographical approach, of an exploratory and interpretative nature. We conclude through the analysis that the drama presents topoi that reaffirm the nationalist content in the work, being arranged throughout the dramatic text as: topos of justice and nobility; tops of honor; tops of love of country; peaks of glory; tops of the homeland as a mother. These topoi used in the work to compose the argumentative movements in the construction of the nationalist discourse constitute a tradition of content within the dramatic genre in Brazilian Romanticism. The research also sought to highlight Potiguar literature and contribute to the dissemination of literary production in the State of Rio Grande do Norte.

20
  • HUDSON LIMA BEZERRA ROCHA
  • ATRAVESSANDO A NOITE DO BRASIL. AS CANÇÕES DO CLUBE DA ESQUINA NO CONTEXTO DA DITADURA MILITAR

  • Orientador : MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ASTREIA SOARES BATISTA
  • HUMBERTO JUNQUEIRA
  • MARCIO MORAES VALENCA
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • Data: 29/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • Clube da Esquina é como ficou reconhecido um agrupamento artístico entre Milton Nascimento e diversos parceiros que se apresentaram como uma das principais vias de resistência no contexto da ditadura militar brasileira. Em algumas ocasiões, entretanto, o discurso opositivo entre esses compositores e a ditadura é colocado em xeque, sobretudo em leituras que os inserem em uma disputa com o movimento tropicalista na busca por uma legitimidade de engajamento. O que há, na verdade, e que por vezes não foi bem compreendido ou estudado, é uma linguagem estética característica por parte dos compositores do clube, na qual ao mesmo tempo em que sua obra se revela como produto de um contexto histórico, também o transcende. Nosso trabalho consiste precisamente no esforço de compreensão mais concreta dessa poética diferenciada do Clube da Esquina, enquanto elaboração de um discurso politizado sob circunstâncias nas quais as canções de protesto eram censuradas. Para tanto, faz-se necessária uma análise mais focada na linguagem e no arranjo interno das narrativas presentes nas letras. Adotamos aqui, como corpus, seis canções que além de resumirem bem a poética do Clube da Esquina em suas variadas etapas criativas, também dialogam entre si. São elas: “Beco do Mota” (1969), “Clube da Esquina n°1” (1970), “Para Lennon e McCartney” (1970), “Trem de Doido” (1972), “O Que Foi Feito Devera” (1978) e “Sol de Primavera” (1979). No intuito de atender uma demanda da canção enquanto gênero particular, utilizamos como suporte teórico a perspectiva semiótica de Luiz Tatit (1997, 2001, 2002, 2007 e 2008). Ao final desse processo analítico, almejamos compreender e definir uma estética de resistência presente nas canções como uma espécie de travessia alegórica, desvelada muitas vezes nas letras através de uma transição entre o anoitecer e o amanhecer. Tal noção também pode ser tomada enquanto representação de todo um percurso artístico do Clube da Esquina, estendendo-se basicamente da instauração do golpe militar até os primeiros sinais de reabertura política, marcada historicamente pela Lei de Anistia Federal (1979).


  • Mostrar Abstract
  • Clube da Esquina is the name given to an artistic group between Milton Nascimento and several partners who are acknowledged as being a great resistance against Brazilian dictatorship. On some occasions, however, the oppositional discourse between these composers and the dictatorship is questioned, especially in interpretations that place them in a dispute with the Tropicália movement in a search for engagement legitimacy. Actually, what happens and was not well comprehended or studied, is the fact that there is an esthetic language proper from the composers of the club, in which their work reveals itself as not only as being a product of a historical context, but it also transcending it. Our work deals precisely in the effort of understanding more thoroughly this specific poetics of Clube da Esquina, as being a politicized discourse under the circumstances in which protest songs were censored.  In order to do so, it is required an analysis more focused on the language and internal arrangement of the narratives presented in the lyrics. A corpus composed of six songs was adopted here. They were chosen because besides summarizing well Clube da Esquina’s different artist cycles, they also manage to accomplish a sort of dialogue between themselves. Their names are: “Beco do Mota” (1969), “Clube da Esquina n°1” (1970), “Para Lennon e McCartney” (1970), “Trem de Doido” (1972), “O Que Foi Feito Devera” (1978) e “Sol de Primavera” (1979). In an attempt to meet a demand of the song itself as a gender, we use the theorical support of Luiz Tatit semiotics perspective (1997, 2001, 2002, 2007 e 2008). As a result of this analytical process, we hope to comprehend and define a resistance esthetics presented in the songs as a sort of allegorical crossing, unveiled several times in the lyrics under the transition between nightfall and dawn. This notion can also be taken as a representation of Clube da Esquina’s artistic journey, going basically from the military coup until the first signs of democratic reopening, historically defined by the Lei de Anistia Federal (1979).

21
  • PEDRO LUCAS DE LIMA FREIRE BEZERRA
  • O QUE AINDA NÃO TEM FORMA ME PROTEGERÁ:

    A LITERATURA E O DESAPARECIMENTO EM ROBERTO BOLAÑO

  • Orientador : MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • KELVIN DOS SANTOS FALCÃO KLEIN
  • ALEXANDRE BEZERRA ALVES
  • JULIANE VARGAS WELTER
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • RODRIGO SILVA IELPO
  • Data: 30/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • O chileno Roberto Bolaño (1953-2003) é um dos nomes principais da literatura contemporânea. Autor de obras seminais como Detetives Selvagens (1998) e 2666 (2004), o chileno mobiliza em suas obras abordagens distintas (a partir da violência, do Mal e da sombra do político) do desaparecimento. O autor fez parte de uma geração que se notabilizou por trazer à literatura da América Latina novas propostas estéticas que buscavam se diferenciar das tendências do Boom dos anos 70. Em seus livros, tramas urbanas com personagens sobreviventes dos anos de chumbo no continente se mesclam com profecias apocalípticas sobre o desaparecimento dos corpos e da própria literatura (enquanto instituição e enquanto objeto estético). Nessa tese, a busca por compreender os aspectos desse desaparecimento passa pela procura de seu simbolismo, de seu papel político, de sua discussão contemporânea em um mundo que está em vias de desaparecer, e da própria construção de um universo estético que está desaparecendo, escrevendo a partir do próprio esgotamento. Essas formas simbólicas e éticas de enfrentar o desaparecimento ganham apoio teórico nas reflexões de Blanchot (2005) e Barthes (2005), mas também caminham pela discussão política e filosófica de Fisher (2021), Haraway (2009), Didi-Huberman (2020), e diversos outros autores que auxiliam na construção de uma arqueologia do desaparecimento, que é espelhada na obra dos dois autores enfocados. As ideias em torno desse desaparecimento ganham ressonância nas obras Amuleto (1999), Detetives Selvagens (1988) e 2666 (2006), mas também se espalham em toda a obra do escritor chileno.


  • Mostrar Abstract
  • Chilean Roberto Bolaño (1953-2003) is one of the leading names in contemporary literature. Author of seminal works such as Detetives Selvagens (1998) and 2666 (2004), the Chilean mobilizes in his works different approaches (based on violence, evil and the shadow of politics) of disappearance. The author was part of a generation that became notable for bringing new aesthetic proposals to Latin American literature that sought to differentiate themselves from the Boom trends of the 1970s. In this thesis, the quest to understand aspects of this disappearance goes through the search for its symbolism, its political role, its contemporary discussion in a world that is about to disappear, and the very construction of an aesthetic universe that is disappearing, writing from its own exhaustion. These symbolic and ethical ways of facing disappearance gain theoretical support in the reflections of Blanchot (2005) and Barthes (2005), but also walk through the political and philosophical discussion of Fisher (2021), Haraway (2009), Didi-Huberman (2020), and several other authors who help in the construction of an archeology of disappearance, which is mirrored in the work of the two authors in focus. The ideas surrounding this disappearance gain resonance in the works Amuleto (1999), Detetives Selvagens (1988) and 2666 (2006), but they are also spread throughout the work of the Chilean writer.

22
  • SILVIA BARBALHO BRITO
  • GLAUBER ROCHA E AS ESCRITAS DE SI:
    A AUTOBIOGRAFIA E A AUTOFICÇÃO EM RIVERÃO SUSSUARANA

          

  • Orientador : MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • EVALDO GONDIM DOS SANTOS
  • KALINA ALESSANDRA RODRIGUES DE PAIVA
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • Data: 31/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • Glauber Rocha (1939-1981) é um reconhecido cineasta brasileiro, aclamado pelos seus filmes, pela sua ação estético-política e pela sua atuação junto ao movimento Cinema Novo. Entretanto, ao longo de pouco mais de 20 anos de trabalho, afora sua atuação no âmbito cinematográfico, ele também foi escritor. E é essa produção o objeto de estudo desta pesquisa: Riverão Sussuarana (2012) é uma “desnovela”, um “recordel” que apresenta a narrativa irregular e complexa do cine-repórter Glauber Rocha. Mesmo com uma trama ficcional, há uma intensa presença do “eu”: para além da atuação do próprio Glauber enquanto autor, narrador e personagem no livro, ele realizou sua obra a partir de si, sua vida, suas influências e suas urgências – como o pertencimento ao sertão, a relação de amizade com Guimarães Rosa e o caso da morte da sua irmã Anecy. Dessa maneira, o interesse desta Tese é investigar como Glauber Rocha trabalha em um mesmo texto o fazer autobiográfico e o fazer autoficcional, instâncias distintas e igualmente intrincadas dentro do escopo das escritas de si. Para tal análise, somados ao livro em questão, aos textos críticos e às cartas do próprio Glauber (ROCHA, 1986; 1997), temos as biografias do autor (BUENO, 2003; PIERRE, 1996; VENTURA, 2000) e os textos dos teóricos das noções de pacto autobiográfico (LEJEUNE, 2014) e de autoficção (DOUBROVSKY, 1977). Como resultado, constata-se que Glauber, longe de se fixar em categorias, apresenta em Riverão Sussuarana uma potência literária em que vida e obra se mesclam, e as escritas de si se confundem. Não existem definições: nem memória, nem autobiografia, nem romance, nem autoficção, mas tudo isso ao mesmo tempo. São novos pactos.


  • Mostrar Abstract
  • Glauber Rocha (1939-1981) is a renowned Brazilian filmmaker, acclaimed for his films, for his aesthetic-political action and for his work with the Cinema Novo movement. However, over just over 20 years of work, in addition to his impact in the cinematographic field, he was also a writer. And this production is the object of study of this research: Riverão Sussuarana (2012) is a “desnovela”, a “recordel” that presents the irregular and complex narrative of the cine-reporter Glauber Rocha. Even with a fictional plot, there is an intense presence of the “self”: in addition to Glauber’s own performance as author, narrator and character in the book, he created his work based on himself, his life, his influences and his urgencies – such as his belonging to the backland, his friendship with Guimarães Rosa and the case of the death of his sister Anecy. In this way, the interest of this Thesis is to investigate how Glauber Rocha works in the same text the autobiographical and the autofictional making, distinct and equally intricate instances within the scope of the writings of the self. For such an analysis, in addition to the book in question, the critical texts and the letters of Glauber himself (ROCHA, 1986; 1997), we have the author’s biographies (BUENO, 2003; PIERRE, 1996; VENTURA, 2000) and the texts of theorists of the notions of an autobiographical pact (LEJEUNE, 2014) and of autofiction (DOUBROVSKY, 1977). As a result, it appears that Glauber, far from fixing himself in categories, presents in Riverão Sussuarana a literary power in which life and work are mixed, and the writings of themselves are muddled. There are no definitions: nor memory, nor autobiography, nor novel, nor autofiction, but all of these at the same time. They are new pacts.

23
  • YANE DE ANDRADE RAMALHO
  • O GUARANI DE JOSÉ DE ALENCAR NA ARGENTINA: MEDIAÇÃO, TRADUÇÃO E CIRCULAÇÃO

  • Orientador : WIEBKE ROBEN DE ALENCAR XAVIER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARTA PRAGANA DANTAS
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • TITO LÍVIO CRUZ ROMÃO
  • WIEBKE ROBEN DE ALENCAR XAVIER
  • Data: 31/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • O tema desta pesquisa é a presença de José de Alencar na memória cultural estrangeira da literatura argentina do século XIX e início do século XX, uma fase crucial na formação da identidade cultural e literária argentina. A partir da tradução argentina do seu romance indianista O Guarani em 1910, realizada pelo linguista, jornalista e tradutor argentino Arturo Costa Álvarez (1870-1929) e publicada pela Biblioteca de la Nación, o foco se volta para o contexto das trocas intelectuais e simbólicas entre o Brasil e a Argentina, envolvendo também a França, através da rede de contatos formada por agentes culturais (tradutores, escritores e diplomatas), instituições (editora e jornal La Nación) e pela crítica literária argentina e brasileira da época. O objetivo do trabalho é o estudo de caso dos processos de transferências culturais entre o Brasil e a Argentina com foco nas dinâmicas de mediação, tradução e circulação desse romance clássico da literatura brasileira do século XIX traduzido na Argentina na virada do século XX. Portanto, trata-se de um estudo bibliográfico, descritivo e analítico, considerando tanto os aspectos contextuais como os (para)textuais. O corpus de análise inclui o romance El Guaraní (1910), os arquivos do jornal La Nación, os discursos do diplomata Oliveira Lima (2012) e as cartas do escritor Aluísio Azevedo (1938). Do ponto de vista teórico-metodológico, este trabalho adota a abordagem das transferências culturais (Espagne, 2012, 2017; Lüsebrink, Mix 2017; Rodrigues, 2010) e a sociologia da tradução (Casanova, 2002; Bourdieu, 2003, 2004; Heilbron, Sapiro, 2009), levando em consideração tanto a análise (para) textual quanto a análise dos elementos culturais específicos conforme proposto por Franco-Aixelá (2013) e a teoria de Venuti (2002; 2021). Em relação ao contexto Brasil-Argentina, podia ser identificada a evidência do papel crucial das atividades político-culturais da rede diplomática na disseminação não somente de O Guarani, mas também, em geral da literatura brasileira traduzida no exterior, tendo repercussões importantes no discurso sobre as identidades culturais nacionais nos dois países vizinhos naquele momento histórico. Destaca-se aqui a rede de contatos do diplomata, jornalista e escritor Aluísio Azevedo, que atuou como financiador de várias traduções, incluindo a do romance O Guarani de José de Alencar. Tendo em vista o perfil do tradutor Arturo Costa Álvarez, pode-se concluir a partir da análise desse estudo de caso, que as estratégias de tradução adotadas pelo tradutor resultaram em uma linha conservadora (Franco Aixelá, 2013) e de tendência estrangeirizante (Venuti,2002), o que proporcionou, de certa forma, a visibilidade do tradutor na obra. Logo, esta visibilidade permitirá a circulação do romance El Guaraní (1910) em diversos espaços e tempos diferentes. O fato, que o romance O Guarani é considerado pela crítica literária além do nacional um dos romances brasileiros mais importantes do período de formação da literatura nacional e do momento histórico da busca por uma identidade cultural própria, resultou numa forte circulação dessa tradução argentina de 1910 no mundo latino-americano do século XX, contando, em 1946, com uma reedição na Argentina; em 1984, com uma edição na Espanha; já em 1983, com outra em Cuba, e em 1992, com mais uma edição no México. Com exceção da edição na Espanha, nenhuma das outas publicações menciona o tradutor argentino. Dessa forma, a presente pesquisa vai contribuir para uma visualização e valorização das atividades tradutórias de Arturo Costa Álvarez e revela que o caso da tradução argentina El Guaraní (1910) é um exemplo chave de dinâmicas de transferências culturais do eixo sul-norte e do eixo sul-sul de circulação de bens culturais.

     


  • Mostrar Abstract
  • The theme of this research is the presence of José de Alencar in the foreign cultural memory of Argentine literature from the 19th and early 20th centuries, a crucial phase in the formation of Argentine cultural and literary identity. Based on the Argentine translation of his Indianist novel O Guarani in 1910, accomplished by the linguist, journalist, and Argentine translator Arturo Costa Álvarez (1870-1929) and published by the Biblioteca de la Nación, the focus shifts to the context of intellectual and symbolic exchanges between Brazil and Argentina, also involving France, through a network of contacts formed by cultural agents (translators, writers, and diplomats), institutions (La Nación publisher and newspaper), and the literary criticism of both Argentine and Brazilian contexts of the time. The goal of the work is a case study of the processes of cultural transfers between Brazil and Argentina, focusing on the dynamics of mediation, translation, and circulation of this classic 19th-century Brazilian literature translated in Argentina at the turn of the 20th century. Therefore, it is a bibliographic, descriptive, and analytical study, considering both contextual and (para)textual aspects. The corpus of analysis includes the novel El Guaraní (1910), archives from the newspaper La Nación, the speeches of the diplomat Oliveira Lima (2012), and the letters of the writer Aluísio Azevedo (1938). From a theoretical-methodological standpoint, this work adopts the approach of cultural transfers (Espagne, 2012, 2017; Lüsebrink, Mix 2017; Rodrigues, 2010) and the sociology of translation (Casanova, 2002; Bourdieu, 2003, 2004; Heilbron, Sapiro, 2009), taking into account both (para)textual analysis and the analysis of specific cultural elements, as proposed by Franco-Aixelá (2013) and the theory of Venuti (2002; 2021). In relation to the Brazil-Argentina context, the evidence of the crucial role of political-cultural activities of the diplomatic network could be identified not only in the dissemination of O Guarani but also, in general of Brazilian literature translated abroad, with significant repercussions on the discourse about national cultural identities in the two neighboring countries at that historical moment. Here, the network of contacts of diplomat, journalist, and writer Aluísio Azevedo stands out, who acted as a sponsor for many translations, including the José de Alencar's novel, O Guarani. Considering the profile of the translator Arturo Costa Álvarez, it can be concluded from the analysis of this case study that the translation strategies adopted by him resulted in a conservative approach (Franco Aixelá, 2013) and a foreignising tendency (Venuti, 2002), which provided, in a way led to the translator's visibility in the work. Thus, this visibility will allow the circulation of the novel El Guaraní (1910) in many different spaces and times. The fact that the novel O Guarani is considered by literary criticism, beyond national boundaries, one of the most significant Brazilian novels in the period of the formation of the national literature and the historical moment of the search for a distinct cultural identity, resulted in a strong circulation of this Argentine translation from 1910, in the Latin American world of the 20th century. It saw a re-edition in Argentina in 1946, an edition in Spain in 1984, another in Cuba in 1983, and yet another in Mexico in 1992. Except for the Spain edition, none of the other publications mention the Argentine translator. Thus, this current research will contribute to the visualization and appreciation of the translation activities of Arturo Costa Álvarez and reveals that the case of the Argentine translation El Guaraní (1910) is a key example of dynamics of cultural transfer in both south-north and south-south axes of cultural goods circulation.

24
  • MADSON BRUNO SOARES ESTEVAM

  •  


    “A MEU VER OUTRA FORMA DE RESOLVER ESSA QUESTÃO SERIA”: DISPOSITIVOS ENUNCIATIVOS E ORIENTAÇÃO ARGUMENTATIVA EM ARTIGOS DE OPINIÃO FINALISTAS DA OLIMPÍADA DE LÍNGUA PORTUGUESA

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ELIS BETÂNIA GUEDES DA COSTA
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MARIA INÊS BATISTA CAMPOS
  • ROSANGELA ALVES DOS SANTOS BERNARDINO
  • SUELI CRISTINA MARQUESI
  • Data: 01/09/2023

  • Mostrar Resumo
  • A Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro vem sendo implementada na melhoria da educação básica brasileira, com foco no ensino dos gêneros discursivos textuais. Na edição de 2016, mais de 90% dos municípios aderiram à competição e promoveram o processo de ensino-aprendizagem. Considerando esse certame como relevante no cenário educacional, neste trabalho, situado no campo dos estudos linguísticos do texto, estabelecemos, como objetivo geral, investigar os dispositivos enunciativos concernentes ao plano de texto, à responsabilidade enunciativa e aos conectores argumentativos, explicitando a orientação argumentativa, em artigos de opinião finalistas da Olimpíada de Língua Portuguesa, produzidos por estudantes das segundas e das terceiras séries do Ensino Médio, na edição de 2016. Como objetivos específicos, apresentamos os seguintes: (1) descrever o plano de texto dos artigos de opinião finalistas da Olimpíada de Língua Portuguesa; (2) descrever as marcas linguísticas que indicam o ponto de vista dos candidatos; (3) analisar a responsabilidade enunciativa nas produções textuais finalistas; (4) verificar como ocorre o gerenciamento de vozes alheias nos textos finalistas, categorizando-as, conforme formações sociodiscursivas a que pertencem; (5) averiguar a orientação empreendida pelos usos dos conectores argumentativos nos artigos de opinião, classificando-os consoante Adam (2011). A teoria que embasou a investigação foi a Análise Textual dos Discursos, quadro teórico fomentado por Adam (2011, 2017, 2019, 2021, 2022), no qual a Linguística Textual é vista com um subdomínio das práticas discursivas. Além desse pressuposto, o trabalho também é embasado por autores que tratam sobre aspectos enunciativos, como Rabatel (2016, 2017, 2018, 2021), Rodrigues et al (2010), Rodrigues (2016, 2021), Passeggi et al. (2010), entre outros. Adotamos uma metodologia com viés qualitativo e quantitativo. Seguimos o método, sobretudo, indutivo, a fim de proceder às generalizações. A pesquisa ancorada nos dados cumpriu, assim, a identificação dos fenômenos, suas descrições, análises e interpretações. Os resultados demonstram que o plano de texto utilizado pelos participantes foi o fixo, possuindo a estrutura típica do gênero, com título, autoria, introdução, desenvolvimento e conclusão; ademais, os locutores enunciadores primeiros (L1/E1) tenderam a assumir a responsabilidade enunciativa, se comportando como articulistas em relação às temáticas de âmbito local, mas utilizaram também vozes alheias, principalmente as dos moradores, dependendo do objetivo empreendido na enunciação, porquanto o tema do concurso foi “O lugar onde vivo”; além disso, concernente à orientação evidenciada pelos conectores argumentativos, os mais utilizados foram o “mas”, o “pois”, o “assim” e o “apesar de”, introduzindo argumentos e contra-argumentos que auxiliaram na construção dos pontos de vista assertados e na postura enunciativa de sobre-enunciação. Por fim, os resultados desse estudo contribuem ao desvelamento desse gênero textual discursivo, em seus aspectos estruturais, enunciativos e argumentativos, e aponta os mecanismos empregados pelos participantes na construção de textos modelos inseridos na composição desse certame tão relevante na conjuntura da educação básica brasileira.


  • Mostrar Abstract
  • The Portuguese Language Olympiad Writing the Future has been implemented to improve basic education in Brazil, focusing on the teaching of textual discursive genres. In the 2016 edition, more than 90% of the municipalities joined the competition and promoted the teaching-learning process. Considering this competition as relevant in the educational scenario, in this work, located in the field of linguistic studies of the text, we established, as a general objective, to investigate the enunciative devices concerning the text plan, the enunciative commitment and the argumentative connectors, demonstrating the argumentative orientation, in finalist opinion articles of the Portuguese Language Olympiad, produced by students of the second and third grades of High School, in the 2016 edition. Our specific objectives are as follows: (1) to describe the text plan of the opinion articles of the 2016 Portuguese Language Olympics Writing the Future competition; (2) to describe linguistic features that indicate the candidates’ points of view; (3) to analyze the enunciative commitment in the finalists’ written production; (4) to verify how the use of other voices occur in the texts, categorizing them according to the socio-discursive formations to which they belong; (5) verify the orientation undertaken by the use of argumentative connectors in opinion articles, classifying them in line with Adam (2011). The investigation is based on the theory of Textual Discourse Analysis – the theoretical framework fomented by Adam (2011, 2017, 2019, 2021, 2022) –, in which Textual Linguistics is seen as a subdomain of discursive practices. Along with this presupposition, the work is also based on authors who deal with aspects of enunciation, such as Rabatel (2016, 2017, 2018, 2021), Rodrigues, et al (2010), Rodrigues (2016, 2021), Passeggi, et al (2010), Guenthéva (1994, 2011, 2014), among others. The methodology we adopt is both qualitative and quantitative. Our methodology is, above all, inductive, with the aim of proceeding to the generalizations. The research is based on the data collected, and thusly, the identification, description, analysis, and interpretation of the phenomena. The results show that the text plan used by the participants was a fixed one, having the typical structure of the genre, with title, author, introduction, development, and conclusion; moreover, the primary speakers/enunciators (S1/E1) tended to assume enunciative commitment, acting as articulators regarding themes of the local context, but also mobilizing other voices, mainly of the residents, depending on the objective pursued in the enunciation, since the theme of the competition was “The place where I live”. In addition, with regard to the argumentative orientation evidenced by the argumentative conjunctions, those most employed were: “but”, “then”, “thus”, and “despite”, introducing arguments and counter-arguments that helped in developing their points of view and in the management of voices in these opinion articles. Ultimately, the results of this study contribute to unveiling structural, enunciative, and argumentative aspects of this textual discursive genre, and point to the mechanisms employed by the participants in the development of model texts within the composition of this competition – a very relevant component of Brazilian Basic Education.

25
  • MARÍLIA MAIA SARAIVA
  • A leitura literária subjetiva no IFRN, Campus Natal-Central: prática docente, romance e tradução intersemiótica

  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • DANIELA MARIA SEGABINAZI
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • MARIA EDILEUZA DA COSTA
  • Data: 01/09/2023

  • Mostrar Resumo
  • Neste trabalho, analisamos o ensino de literatura no ensino médio integrado à prática profissional do Campus Natal-Central do Instituto Federal e Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN). Para isso, partimos de nossa atuação/experiência como docente em turmas do 3º ano do ensino médio técnico integrado à prática profissional dos cursos de Controle Ambiental, Eletrotécnica e Administração do referido Campus. O debate sobre o ensino de literatura no ensino médio regular já é bastante desenvolvido, contando com referenciais teóricos relevantes: Aguiar, Bordini, 1993; Cereja, 2005; Cosson, 2006; Geraldi, 2003; Silva, 2005; Yunes, 2002; Zilberman, 1991. No entanto, estudos sobre o ensino de literatura para o ensino médio integrado à prática profissional ainda são pouco desenvolvidos, demonstrando a importância de nos voltarmos a esse campo, haja vista as especificidades do currículo técnico integrado à prática profissional no ensino médio. Assim, nossa pesquisa, de modo qualitativo e bibliográfico, discute sobre o processo de ensino e aprendizagem de literatura no IFRN, elabora uma proposta didática para a leitura literária do gênero romance e apresenta os resultados dessa proposta em trabalhos desenvolvidos pelos estudantes do 3º ano do ensino médio entre os anos de 2014 e 2017. No desenvolvimento dessa prática, partimos das discussões sobre o letramento literário e da sequência expandida (Cosson, 2006), ampliamos esses direcionamos teóricos e compreendemos a tradução intersemiótica, a partir da leitura subjetiva, como uma alternativa metodológica para o ensino de literatura na educação profissional. Nesse viés, o corpus analítico deste trabalho são as produções de tradução intersemiótica produzidas pelos estudantes a partir da leitura subjetiva do romance São Bernardo, de Graciliano Ramos. Para dar suporte às discussões sobre leitura subjetiva e tradução intersemiótica, amparamo-nos em Rouxel (2013), Langlade (2013), Jouve (2013), Rezende (2013) e Plaza (2010). Como resultado, constatamos que os estudantes demonstraram interesse no exercício da tradução intersemiótica, pois ficou nítida a afinidade com os signos visuais. Além disso, observamos que o contato com o texto literário também foi enriquecido, pois, para transformar a linguagem literária em outra linguagem artística, foi necessária uma aquisição subjetiva do texto base, consolidando, desse modo, o processo de letramento literário na escola.


  • Mostrar Abstract
  • In this work, we analyze the literature teaching  in high school integrated to the professional practice of the Natal-Central Campus of the Federal Institute of Education, Science and Technology of Rio Grande do Norte (IFRN). For this, we start from our performance/ experience as a teacher in classes of the 3rd year of technical high school integrated to the professional practice of the courses of Environmental Control, Electrotechnical and Administration of the said Campus. The debate on the literature teaching in regular high school is already well developed, with relevant theoretical references: Aguiar and Bordini (1993), Cherry (2005), Cosson (2006), Geraldi (2003), Silva (2005), Yunes (2002), Zilberman (1991). However, studies on the literature teaching for high school integrated to professional practice are still poorly developed, demonstrating the importance of turning to this field, considering the specificities of the technical curriculum integrated to professional practice in high school. Thus, our research, in a qualitative and bibliographical way, discusses the process of teaching and learning of literature in IFRN, elaborates a didactic proposal for the literary reading of the novel genre and presents the results of this proposal in works developed by students of the 3rd year of high school between the years 2014 and 2017. In the development of this practice, we start from the discussions about the literary reading and the expanded sequence (Cosson, 2006), we broaden these theoretical directions and understand intersemiotic translation, from subjective reading, as a methodological alternative for teaching literature in professional education. In this bias, the analytical corpus of this work are the intersemiotic translation productions produced by students from the subjective reading of the novel São Bernardo, by Graciliano Ramos. To support the discussions on subjective reading and intersemiotic translation, we relied on Rouxel (2013), Langlade (2013), Jouve (2013), Rezende (2013) and Plaza (2010). As a result, we found that the students showed interest in the exercise of intersemiotic translation, because the affinity with the visual signs was clear. In addition, we observed that the contact with the literary text was also enriched, because to transform the literary language into another artistic language, it was necessary a subjective acquisition of the base text, thus consolidating the process of literary reading in school.

26
  • FERNANDA FAUSTINO DA SILVA RIBEIRO DE AGUIAR
  • A CONCEPÇÃO DE SENTIDO NA LINGUÍSTICA TEXTUAL DE EUGENIO
    COSERIU: CONFLUÊNCIAS E CONTRAPOSIÇÕES ÀS TEORIAS DE JOHN
    SEARLE E JACQUES DERRIDA



  • Orientador : ALESSANDRA CASTILHO FERREIRA DA COSTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALESSANDRA CASTILHO FERREIRA DA COSTA
  • ANA LUCIA TINOCO CABRAL
  • MARCELO DA SILVA AMORIM
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • ÁUREA SUELY ZAVAM
  • Data: 01/09/2023

  • Mostrar Resumo
  • Os trabalhos do linguista romeno Eugenio Coseriu compõem um relevante aporte teórico sobre o conceito de sentido na teoria da linguagem, uma vez que, para este autor, a linguística de texto é uma hermenêutica do sentido, disciplina relacionada ao nível individual do linguístico cuja atribuição central é comprovar e justificar o sentido dos textos. Em outras duas tradições teóricas, como nos estudos de John Searle, um dos continuadores da teoria dos atos de fala, e nos preceitos da teoria da desconstrução de Jacques Derrida, é possível observar que o processo de construção do sentido também constitui o cerne de preocupações filosóficas e linguísticas. Nesse cenário, esta tese compara a concepção de sentido segundo Coseriu com os trabalhos de Searle e Derrida, justificando-se a escolha por entendermos haver, entre suas contribuições, importantes divergências sobretudo quanto à atuação dos interlocutores e das condições de produção para o reconhecimento do sentido. Assumindo um percurso essencialmente teórico, esta pesquisa caracteriza-se, metodologicamente, como bibliográfica, explicativa, de natureza básica (GIL, 2017; SEVERINO, 2017) e apresenta como objetivo maior descrever e analisar, comparativamente, a concepção de sentido na linguística textual coseriana (COSERIU, 1987; 2007), na teoria dos atos de fala (SEARLE, 1984; 1995) e na desconstrução (DERRIDA, 2006; 2009). Para esse fim, intentamos: a) identificar a concepção de sentido presente nos estudos acima citados; b) comparar o entendimento sobre o sentido para cada um dos referidos autores e, por fim, c) elaborar uma síntese para definição do sentido a partir das semelhanças e diferenças existentes em cada uma das abordagens em foco. Com base nas especificidades observadas, constatamos a aproximação entre a linguística de texto coseriana e a teoria dos atos de fala de acordo com Searle, especialmente no que tange aos aspectos pragmáticos mobilizados para a construção e reconhecimento do sentido, diferentemente da perspectiva derridiana, para a qual a intenção do autor deve ser desconsiderada e o sentido é visto como algo continuamente adiado em virtude de ser a escrita, para Derrida, um jogo de significantes. Tais constatações contribuem, portanto, para a sistematização dos registros de uma análise comparativa acerca da concepção de sentido conforme as três teorias mencionadas, para a difusão da linguística de texto de Eugenio Coseriu enquanto hermenêutica do sentido, e evidenciam que a abrangência teórica em torno do sentido faz dessa temática uma fonte de múltiplas e necessárias investigações, seja no âmbito da linguística do texto ou da filosofia da linguagem.


  • Mostrar Abstract
  • The works of Romanian linguist Eugenio Coseriu constitute a significant theoretical contribution to the concept of meaning in language theory, as according to this author, text linguistics is a hermeneutics of meaning, a discipline related to the individual linguistic level and whose central task is to prove and justify the meaning of texts. In two other theoretical traditions, such as in the studies of John Searle ー one of the proponents of speech act theory, and in the tenets of Jacques Derrida’s theory of deconstruction, it is possible to observe that the process of meaning construction also constitutes the core of philosophical and linguistic concerns. In this context, this dissertation compares the conception of meaning according to Coseriu with the works of Searle and Derrida, justifying the choice as we understand that there are significant divergences among their
    contributions, particularly regarding the role of interlocutors and the conditions of production for the recognition of meaning. Assuming an approach essentially theoretical, this research is characterized methodologically as a bibliographic, explanatory study of a basic nature (GIL, 2017; SEVERINO, 2017). Its main objective is to describe and comparatively analyze the conception of meaning in Coserian textual linguistics (COSERIU, 1987; 2007), speech act theory (SEARLE, 1984; 1995), and deconstruction (DERRIDA, 2006; 2009). To this end, we aim to: a) identify the conception of meaning present in the aforementioned studies; b) compare the understanding of meaning for each of the mentioned authors; and, finally, c) develop a synthesis to define meaning based on the similarities and differences found in each of the approaches under scrutiny. Based on the observed specificities, we note the approximation between Coserian textual linguistics and Searle’s theory of speech acts, particularly regarding the pragmatic aspects involved in the construction and recognition of meaning. This differs from the Derridean perspective, in which the author’s intention is disregarded, and meaning is seen as something continually deferred due to writing being, for Derrida, a play of signifiers. These findings contribute, therefore, to the systematization of the records of a comparative analysis about the conception of meaning according to the three theories mentioned, to the
    dissemination of Eugenio Coseriu's text linguistics as a hermeneutics of meaning and show that the theoretical scope around meaning makes this theme a source of multiple and necessary investigations, whether within the scope of text linguistics or philosophy of language.

27
  • MARIA APARECIDA DE ALMEIDA REGO
  • Sob o signo da tradição e da modernidade: O Desterro de Humberto Saraiva e Macau e o multifacetado mundo das letras de Aurélio Pinheiro

  • Orientador : DERIVALDO DOS SANTOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CASSIA DE FATIMA MATOS DOS SANTOS
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • HUMBERTO HERMENEGILDO DE ARAUJO
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 04/09/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa apresenta um estudo acerca da produção literária do escritor Aurélio Pinheiro, situada no contexto dos anos 1930, do século XX, tendo como objeto de investigação literária os romances O Desterro de Humberto Saraiva (1926) e Macau (1934). O objetivo principal do trabalho foi analisar, considerando as tensões entre a tradição e a modernidade que integram a ficção do autor, a representação da melancolia e seus desdobramentos na constituição dos protagonistas frente às experiências de perdas, observando, inclusive, às relações de aproximações e singularidade estabelecidas. Para tanto, o exame das personagens protagonistas se deu à luz do conceito de herói problemático, em Lukács (2009), e de sujeito fracassado, em Mário de Andrade (2002) e Luís Bueno (2006), compreendendo, portanto, a relação de conflito entre o “eu” e a vida em sociedade, além da análise acerca da melancolia nessas mesmas personagens. Tomamos como principais referências: Walter Benjamin (1985; 1989), Kampff Lages (2007), Costa Lima (2017) e Sigmund Freud (1978; 2010). As escolhas metodológicas partiram das orientações de Antonio Candido (1976, 1987, 2012), no que se refere ao estudo entre texto e contexto e literatura e sociedade, a fim de estabelecer possíveis conexões diante dos elementos sociológicos e psicológicos, presentes nas narrativas analisadas. Isso significa dizer que o método dialético do trabalho, além de ser de base bibliográfica (pela necessidade de oferecermos um panorama da produção intelectual de Aurélio Pinheiro), foi também de caráter investigativo-reflexivo e interpretativo, ao considerarmos a configuração sociopolítica do Brasil das primeiras décadas do século XX, além do caráter interdisciplinar, posto que consideramos as categorias de análise voltadas para o social e para a interioridade do sujeito (melancolia). Assim, realizamos uma investigação sobre a produção intelectual de Aurélio Pinheiro, que contempla diversas temáticas, oferecendo uma visão panorâmica sobre os mais variados gêneros trabalhados pelo autor. Inicialmente, trouxemos uma contextualização a respeito do Modernismo e do Regionalismo na literatura brasileira, bem como um estudo no tocante à produção fictícia que compreende o estado do Rio Grande do Norte, referente as primeiras décadas do século XX. Em seguida, expusemos a trajetória da atividade intelectual de Aurélio Pinheiro, através de pesquisas biográficas e bibliográficas, evidenciando sua relação com o cenário amazônico, além da presença do saber científico em sua ficção. A análise dos romances permitiu constatar que as diversas vertentes temáticas, que emergem na escrita de Aurélio Pinheiro, reforçam o escritor humanista que esteve integrado, constantemente, ao espaço e às problemáticas inscritas por toda sua obra. Seus protagonistas vivem experiências conflitantes e tornam-se sujeitos de interioridade decadente e melancólica em decorrência de trajetórias marcadas pelas perdas que enfrentam ao longo de suas jornadas. Em O Desterro de Humberto Saraiva, o protagonista Humberto Saraiva não consegue reagir diante de um contexto conservador e resolve distanciar-se do convívio social. Em Macau, Aluísio enfrenta falência familiar em consequências dos processos da modernização, mas consegue, de algum modo, se adaptar diante do contexto de transformações. As análises nos levam a refletir temas da existência humana, poder, paixões, vileza, dentre outros que a escrita de Aurélio Pinheiro contempla.

     


  • Mostrar Abstract
  • This research presents a study about the literary production of the writer Aurélio Pinheiro, situated in the context of the 1930s, of the twentieth century, having as object of literary investigation the novels O Desterro de Humberto Saraiva (1926) and Macau (1934). The main objective of the work was to analyze, considering the tensions between tradition and modernity that integrate the author's fiction, the representation of melancholy and its consequences in the constitution of the protagonists in the face of the experiences of loss, observing, even, the relations of approximations and singularity established. To this end, the examination of the protagonist characters took place in the light of the concept of problematic hero, in Lukács (2009), and of failed subject, in Mário de Andrade (2002) and Luís Bueno (2006), understanding, therefore, the relationship of conflict between the "I" and life in society, in addition to the analysis of melancholy in these same characters. We take as main references: Walter Benjamin (1985; 1989), Kampff Lages (2007), Costa Lima (2017) and Sigmund Freud (1978; 2010). The methodological choices were based on the guidelines of Antonio Candido (1976, 1987, 2012), regarding the study between text and context and literature and society, in order to establish possible connections in the face of the sociological and psychological elements present in the analyzed narratives. This means that the dialectical method of the work, in addition to being bibliographical (due to the need to offer an overview of the intellectual production of Aurélio Pinheiro), was also of an investigative-reflective and interpretive nature, considering the sociopolitical configuration of Brazil in the first decades of the twentieth century, besides to the interdisciplinary nature, since we consider the categories of analysis focused on the social and the interiority of the subject (melancholy). Thus, we carried out an investigation into the intellectual production of Aurélio Pinheiro, which contemplates several themes, offering a panoramic view of the most varied genres worked by the author. Initially, we brought a contextualization regarding Modernism and Regionalism in Brazilian literature, as well as a study regarding the fictional production that comprises the state of Rio Grande do Norte, referring to the first decades of the twentieth century. Then, we exposed the trajectory of the intellectual activity of Aurelio Pinheiro, through biographical and bibliographical researches, highlighting his relationship with the Amazonian scenario, in addition to the presence of scientific knowledge in his fiction. The analysis of the novels allowed us to verify that the various thematic strands that emerge in the writing of Aurélio Pinheiro reinforce the humanist writer who was constantly integrated into the space and the problems inscribed throughout his work. His protagonists live conflicting experiences and become subjects of decadent and melancholic interiority as a result of trajectories marked by the losses they face throughout their journeys. In O Desterro de Humberto Saraiva, the protagonist Humberto Saraiva is unable to react to a conservative context and decides to distance himself from social life. In Macau, Aluísio faces family failure as a result of  the processes of modernization, but somehow manages to adapt to the context of transformations. The analyses lead us to reflect on themes of human existence, power, passions, vileness, among others that Aurélio Pinheiro's writing contemplates.

28
  • FRANCISCO GEOCI DA SILVA
  • DESINFORMAÇÃO TEM TRATAMENTO: leitura crítica contra a pandemia de fake news e pós-verdade

     

  • Orientador : GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS
  • JOSE ROMERITO SILVA
  • MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • ANGELA DEL CARMEN BUSTOS ROMERO DE KLEIMAN
  • DOROTEA FRANK KERSCH
  • Data: 22/09/2023

  • Mostrar Resumo
  • A sociedade está em processo de digitalização acentuada. Com isso, diversas possibilidades de interações instantâneas em espaços virtuais se abrem aos indivíduos, assim como o acesso a informações provenientes de fontes diversas. Não obstante, não se pode desconsiderar que, para além do potencial benéfico dessas interações, isso tem feito emergir novos problemas, agravados pela grande difusão de conteúdos em rede e à formação de espaços de afinidade, as chamadas bolhas, pouco permeáveis a pensamentos divergentes. Um dos resultados disso é a criação de grupos cujos indivíduos, mutuamente, reforçam vieses de confirmação compartilhados, os quais se fundam em aspectos intersubjetivos, como crenças, valores e ideologias. Nesse contexto, torna-se notável a formação de “ecossistemas” em que fake news e pós-verdades se proliferam com maior intensidade justamente por se servirem desses vieses para manipular a percepção das pessoas em relação à realidade, propondo fatos e verdades alternativas sem o lastro de situações concretas. O resultado disso é uma desestabilização do debate público acerca de temas de grande relevância para a sociedade brasileira, como as opções de enfrentamento da pandemia desencadeada pelo SARS-CoV-2, causador da Covid-19, cujo resultado, como se viu, foi o agravamento dos problemas de saúde pública por levarem parte da população a comportamentos de risco nos momentos mais delicados da pandemia. A crença em panaceias e em discursos anticiência – promovida, inclusive, por figuras políticas – motivou, em parte, o relaxamento quanto a medidas de biossegurança, como o distanciamento social e o uso de máscaras, em contrapartida, estimulou a adoção de supostos tratamentos (sem qualquer eficácia comprovada) em detrimento das medidas anteriormente citadas e da vacinação, principal medida profilática para evitar quadros graves de Covid. Dentre outras consequências, o Brasil teve de lidar com um número de perdas bastante expressivo. Diante disso, e visto que fake news e pós-verdades continuam a influenciar negativamente os rumos do país, tomamos como objeto de estudo a assunção de princípios de leitura crítica voltada à identificação de desinformações veiculadas em textos compartilhados em redes sociais e mensageiros. Em decorrência do cenário descrito e do objeto de pesquisa apresentado, nesta tese, temos como objetivo geral investigar, a partir da análise dos dados, a emergência de princípios de leitura crítica responsivos a fake news e pós-verdades. Para alcançá-lo, traçamos dois objetivos específicos: identificar estratégias recorrentes na construção discursiva de pós-verdades e sua articulação com fake news; e analisar de que forma os princípios emergentes dos dados, se houver, podem ser utilizados para desvelar estratégias adotadas na construção de pós-verdades. A fim de alcançarmos esses objetivos, estabelecemos uma interface, no seio da Linguística Aplicada, entre os estudos de letramento de vertente sociocultural, a pedagogia dos multiletramentos, a Nova Retórica e a argumentação como processo interacional. Quanto aos dados do corpus, eles foram gerados com base nas metodologias documental e bibliográfica, contemplando algumas fake news de grande alcance, compartilhadas em redes sociais e em grupos de mensageiros, e a análise dos discursos veiculados se deu com base no paradigma qualitativo e interpretativista. Nosso estudo identificou a emergência de alguns princípios que podem fundamentar o ensino-aprendizagem de leitura crítica, voltados à formação de leitores capazes de identificar conteúdos falsos e de (re)agir responsivamente diante deles. Ademais, com base nos resultados da pesquisa, elaboramos, como produto destacável, um e-book com 10 oficinas de multiletramentos voltadas ao ensino-aprendizagem dos princípios de leitura crítica inferidos a partir da análise dos dados e em consonância com as estratégias identificadas e mapeadas.


  • Mostrar Abstract
  • Society is in a process of accentuated digitalization. As a result, different possibilities for instantaneous interactions in virtual spaces open up for individuals, as well as access to information from different sources. However, it cannot be disregarded that, in addition to the potential benefit, this has led to the emergence of new problems, aggravated by the great dissemination of content on the network and the formation of affinity spaces, the so-called bubbles, which are not very permeable to divergent thoughts. One of the results of this is the creation of groups whose individuals mutually reinforce shared confirmation biases, which are based on intersubjective aspects, such as beliefs, values and ideologies. In this context, the formation of “ecosystems” becomes remarkable, in which fake news and post-truths proliferate with greater intensity precisely because they use these biases to manipulate people's perception of reality, by proposing facts and alternative truths without the ballast of concrete situations. The result of this it’s the destabilization of the public debate on topics of great relevance to Brazilian society, such as the options for coping with the pandemic triggered by SARS-CoV-2, caused of the Covid-19, the result of which, as we have seen, was the worsening of public health problems by leading part of the population to risky behavior in the most delicate moments of the pandemic. The belief in panaceas and anti-science discourses – even promoted by political figures – partly motivated the relaxation of biosecurity measures, such as social distancing and the use of masks, on the other hand, encouraging the adoption of supposed treatments (without any proven effectiveness) to the detriment of the aforementioned measures and vaccination, the main prophylactic measure to avoid severe cases of Covid. Among other consequences, Brazil had to deal with a very significant number of losses. Therefore, and given that fake news and post-truths still continue to negatively influence the direction of the country, we took as an object of study the assumption of principles of critical reading aimed at identifying misinformation conveyed in texts shared on social networks and messengers. Due to the scenario described and the object of research presented, in this thesis, our general objective is to investigate, based on data analysis, the emergence of principles of critical reading responsive to fake news and post-truths. To accomplish this, we outlined two specific objectives: to identify recurrent strategies in the discursive construction of post-truths and their articulation with fake news; and to analyze how the principles emerging from the data, if any, can be used to reveal strategies adopted in the construction of post-truths. In order to achieve these objectives, we established an interface, within Applied Linguistics, between literacy studies from a sociocultural perspective, the pedagogy of multiliteracies, New Rhetoric and argumentation as an interactional process. As for the corpus data, they were generated based on documentary and bibliographic methodologies, contemplating some far-reaching fake news shared on social networks and in groups of messengers, and the analysis of the transmitted speeches was based on the qualitative and interpretive paradigm. Our study identified the emergence of some principles that can support the teaching-learning of critical reading aimed at training readers capable of identifying false content and (re)acting responsively to them. In addition, based on the results of the research, we were able to elaborate an e-book with 10 multiliteracies workshops aimed at teaching-learning the principles of critical reading inferred from the data analysis and in line with the identified and mapped strategies.

29
  • LARALIS NUNES DE SOUSA OLIVEIRA
  • ENTRE SINAIS E PALAVRAS: A CONSTRUÇÃO IDENTITÁRIA DE SURDOS ACADÊMICOS NA UFRN

     
     
     
     
  • Orientador : MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MARIA BERNADETE FERNANDES DE OLIVEIRA
  • ANA CLAUDIA LODI
  • FLAVIANE REIS
  • LODENIR BECKER KARNOPP
  • Data: 04/10/2023

  • Mostrar Resumo
  • Situada na área de conhecimento da Linguística Aplicada, tenho por objetivo investigar a constituição identitária de sujeitos surdos formados no Curso de Licenciatura em Letras-Libras/Língua Portuguesa (CLLP) da UFRN. Os dados que analiso, enunciados concretos, em Libras, de três surdos, são provenientes da segunda aula do projeto de extensão intitulado “Ser Acadêmico”, realizado em 2021, voltado para alunos veteranos e ex-alunos do CLLP, com o intuito discutir a vida acadêmica e estudar como se constroem textos de gêneros discursivos acadêmicos. Realizamos a análise de tais enunciados tendo por referencial analítico as noções filosóficas do Círculo de Bakhtin sobre linguagem; e por referencial teórico a respeito do ser surdo e das construções identitárias no mundo de hoje, os Estudos Surdos e os Estudos Culturais. Na primeira etapa de nossa análise, em que tivemos por intuito identificar, nos relatos dos sujeitos sobre suas vivências acadêmicas, como são valoradas as práticas discursivas de ensino-aprendizagem de que participaram ao longo da vida, percebemos que (i) sobre suas experiências escolares, prevalece o discurso atinente às privações sofridas no que diz respeito à acessibilidade linguística; (ii) sobre suas experiências no ensino superior, chama a atenção o fato de que cada um dos três sujeitos destaca diferentes aspectos sobre a graduação em seu discurso: Nelson, atravessa temporalmente sua trajetória, narrando suas vivências de calouro a professor do curso que o formou; Rodrigo se detém sobre a experiência que teve na Iniciação Científica; Gladis, apresenta as diferenças entre a primeira e a segunda graduação que cursou (Pedagogia e CLLP, respectivamente); (iii) sobre a pós-graduação, os enunciados destacam a importância da Libras para o acesso a esse nível de ensino. No segundo momento da análise, nos debruçamos sobre os posicionamentos assumidos pelos sujeitos a respeito da Libras e da Língua Portuguesa em uma discussão ocorrida na aula. Na tensa dinâmica do jogo entre essas duas línguas, sobre a qual incidem forças centrípetas e centrífugas, fica evidente que, na comunidade acadêmica surda, convivem (i) a percepção de que, na história surda (individual e coletiva), a imposição da LP ao surdo foi/é símbolo de opressão da cultura ouvinte sobre a cultura surda; (ii) a consciência de que o domínio da LP por parte dos surdos pode ser fator importante para empoderamento do sujeito surdo; (iii)  o reconhecimento de que o alcance da Libras na sociedade majoritariamente ouvinte e grafo-fonocêntrica ainda é restrito; e (iv) o desejo ativo de que a Libras seja considerada, de fato, pela academia, como linguagem legítima para a construção e publicização do conhecimento científico.

     

     
     
     

  • Mostrar Abstract
  • Situated in the field of Applied Linguistics, my objective is to investigate the identity formation of deaf individuals who have graduated from the Letras-Libras/Língua Portuguesa (CLLP) course at UFRN. The data I analyze, concrete utterances in Libras (Brazilian Sign Language), from three deaf individuals, originate from the second class of the extension project titled "Ser Acadêmico", conducted in 2021, aimed at veteran students and alumni of the CLLP course, with the purpose of discussing academic life and studying how academic discourse genres are constructed. We conducted the analysis of these utterances with analytical reference to the philosophical concepts of Bakhtin's Circle on language and with a theoretical framework regarding deafness and identity constructions in today's world, encompassing Deaf Studies and Cultural Studies. In the first stage of our analysis, where our intention was to identify how the discourse practices in teaching and learning that these individuals participated in throughout their lives are valued in their narratives of academic experiences, we observed that (i) regarding their school experiences, discourse related to linguistic accessibility-related hardships prevails; (ii) regarding their experiences in higher education, it is noteworthy that each of the three individuals emphasizes different aspects of their undergraduate journey: Nelson spans his trajectory narratively, recounting his experiences from being a freshman to becoming a professor in the program that educated him; Rodrigo focuses on his experience in Scientific Initiation; Gladis presents the differences between her first and second undergraduate degrees (Pedagogy and CLLP, respectively); (iii) concerning postgraduate studies, the utterances highlight the importance of Libras for access to this level of education. In the second phase of the analysis, we delved into the positions taken by the subjects regarding Libras and Portuguese in a classroom discussion. In the tense dynamics of the interplay between these two languages, influenced by centripetal and centrifugal forces, it becomes evident that within the deaf academic community, coexist (i) the perception that, in the deaf history (both individual and collective), the imposition of Portuguese on the deaf has been and still is a symbol of oppression by the hearing culture over the deaf culture; (ii) an awareness that fluency in Portuguese by deaf individuals can be an important factor for the empowerment of deaf individuals; (iii) the recognition that the reach of Libras in a predominantly hearing and grapho-phonocentric society is still limited; and (iv) the active desire for Libras to be genuinely considered by academia as a legitimate language for the construction and dissemination of scientific knowledge.

     

     
     
30
  • IRANILDO MOTA DA SILVA
  • Literatura e ditadura: análise dialógica da representação da repressão e da resistência em Carlos Heitor Cony

  • Orientador : ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANGELA MARIA RUBEL FANINI
  • JOAO BATISTA DE MORAIS NETO
  • KATIA AILY FRANCO DE CAMARGO
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • SANDRA MARA MORAES LIMA
  • Data: 03/11/2023

  • Mostrar Resumo
  • A contemporaneidade brasileira tem sido marcada com o ressurgimento e a efervescência de discursos sociais que trouxeram à tona visões de mundo acerca da ditadura militar: discursos divergentes e preocupantes que carregam consigo imagens ora positivas, ora negativas dos “anos de chumbo”. Naquele período, a literatura passa a ser uma grande ferramenta de combate da qual se valeram os romancistas, cronistas e poetas que passaram a utilizar as suas produções para materializar nelas discursos contra a ditadura militar e as atrocidades cometidas com aqueles que demonstrassem discursos críticos ao regime como um todo. Por apresentarem uma escrita inovadora, um diálogo com o contexto de produção e um (des)mascaramento crítico nos discursos para com o governo ditatorial brasileiro, entre as quais destacam-se as obras do escritor Carlos Heitor Cony: Pessach: a travessia, Pilatos e Quase memória, quase romance, escritos, respectivamente, antes, durante e depois do AI5, o repressivo decreto da ditadura militar publicado em 13 dezembro de 1968, e que servirão de corpus deste trabalho.  Neste viés, o objeto de estudo desta pesquisa afunila-se na relação existente entre a ditadura militar brasileira e o romance, visto como discurso literário responsável por refletir e refratar diversidades de discursos impregnadas de ideologias. Logo, o objetivo central desta tese é defender a ideia de que os discursos de repressão e de resistência estão presentes nas obras de Cony materializados na forma e no conteúdo dos romances, mais especificamente nas vozes dos narradores, dos personagens e na maneira com a qual os romances foram orquestrados. É por meio das relações dialógicas presentes nas obras com o contexto de produção e da diversidade de discursos que as compõem que se pretende apontar de que forma o discurso de repressão e de resistência foi materializado nos romances. Para tanto, será feita uma análise comparativa entre as três obras tendo como recorte metodológico as vozes dos narradores, os discursos dos personagens e a forma como as obras foram estruturalmente organizadas. Isso posto, verificar-se-á, comparativamente, como esses sujeitos (narradores e personagens), que são responsáveis por compor a plurivocalidade do romance, apresentam suas críticas à ditadura e como este cenário político é refratado. As discussões e análises deste trabalho se fundamentarão, principalmente, nos pressupostos teóricos e metodológicos da teoria bakhtiniana e do chamado Círculo de Bakhtin, especialmente nas contribuições de Valentim Volóchinov e Pavel Medvedev. As reflexões acerca dos impactos da ditadura militar na sociedade brasileira terão como principal sustentação teórica os estudos de Pontes (2013; 2018), Arns (1987), Schwarcz e Starling (2015) e Napolitano (2014), que traçam um panorama dos anos de repressão e censura pelos quais passou a sociedade brasileira daquele período e que foram refratados nas obras aqui analisadas. As análises desenvolvidas nesta tese apontaram, essencialmente, que os discursos de repressão e de resistência preencheram não apenas aquele contexto ditatorial, mas também as três obras aqui estudadas, tendo em vista que  foram refratados, principalmente, nas vozes dos narradores, personagens e na forma estrutural com a qual os romances foram orquestrados. 


  • Mostrar Abstract
  • Brazil’s present has been marked by the resurgence and effervescence of social discourses that brought to light worldviews about the military dictatorship: divergent discourses that carry with them either positive or negative images of the “years of lead.” In that period, literature became a great fighting device used by novelists, chroniclers and poets who began to use their productions to materialize discourses against the military dictatorship and the atrocities committed to those who uttered critical discourses against the regime as a whole. As they present an innovative writing, a dialogue with the context of production, and a critical (un)masking of the military dictatorship in their discourses, literary works, among which are the works of Carlos Heitor Cony, stand out, namely, Pessach: a travessia, Pilatos, and Quase memória, quase romance. These works, which are the corpus of this research, were written, respectively, before, during and after AI5, the repressive decree of the military dictatorship, published on December 13, 1968. In this vein, our object of study focuses on the relationship between the Brazilian military dictatorship and the novel, understood as a literary discourse responsible for reflecting and refracting a diversity of discourses impregnated with ideologies. Thus, the main objective of this dissertation is to defend the idea that the discourses of repression and resistance are present in Cony’s works and are materialized more expressively in the form and content of the novels, more specifically in the voices of the narrators, the characters, and the way in which the novels are orchestrated. It is through the dialogic relations with the context of production and the diversity of discourses that comprise the novels that we intend to point out how the discourse of repression and resistance was materialized in the literary pieces. To do so, a comparative analysis of the three novels will be carried out, methodologically focusing on the voices of the narrators, the discourses of the characters, and the way the novels were elaborated. In this way, we will verify, comparatively, how these subjects (narrators and characters), who are responsible for composing the plurivocality of the novel, present their criticism to the dictatorship and how this political scenario is refracted. The discussions and analyses will be based mainly on the theoretical and methodological assumptions of the Bakhtinian theory and the so-called Bakhtin Circle, especially related to the contributions of Valentim Voloshinov and Pavel Medvedev. Reflections on the impacts of the military dictatorship on Brazilian society will be theoretically based on the studies of Pontes (2013; 2018), Arns (1987) and Schwarcz and Starling (2015), who outline the years of repression and censorship through which the Brazilian society of that period went and that were refracted in the novels we analyze. The analyses done have shown, essentially, that the discourses of repression and resistance penetrated not only that dictatorial context but also the three novels we studied, as they were refracted especially in the voices of the narrators, characters, and the structural form with which the novels were orchestrated. 

31
  • VANESKA OLIVEIRA CALDAS
  • O impacto do planejamento individual ou em dupla na produção oral e na calibração enquanto estratégia metacognitiva de aprendizes bilíngues

     

  • Orientador : JANAINA WEISSHEIMER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DONESCA XHAFAJ
  • INGRID FINGER
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • MAHAYANA CRISTINA GODOY
  • MARIA DA GLÓRIA GUARÁ-TAVARES
  • Data: 08/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • Pesquisas mostram que o planejamento estratégico pode ser um aliado no desenvolvimento da produção oral de aprendizes bilíngues. Assim sendo, este estudo tem como objetivo geral investigar o efeito do planejamento e das estratégias metacognitivas na produção oral em L2. Neste trabalho, elegemos a calibração como estratégia metacognitiva a ser aferida e a medimos pela correspondência entre o grau de percepção do indivíduo em uma tarefa em relação à sua atuação real nela. Nesse sentido, esta pesquisa intenciona verificar de que forma diferentes tipos de planejamento (não planejamento, planejamento individual e planejamento em dupla) podem impactar a produção oral de aprendizes bilíngues (em termos de acurácia, densidade lexical ponderada, fluência e outcome), analisar qual o papel da calibração no desenvolvimento da produção oral desses aprendizes e identificar quais estratégias metacognitivas fazem parte deste processo. O estudo foi composto por 63 aprendizes bilíngues português-inglês. Todos os participantes responderam a um questionário sobre informações pessoais, realizaram três tarefas de produção oral, atribuíram uma nota para cada tarefa proposta e responderam a um questionário sobre as estratégias metacognitivas utilizadas durante as produções orais. Os resultados indicam que, no que concerne à fluência, houve impacto significativo do planejamento em dupla e que, neste tipo de planejamento, os aprendizes também apresentaram um grau de confiança maior no sucesso da sua produção oral. Em contrapartida, o planejamento individual fez com que os aprendizes tivessem uma calibração mais ajustada de suas produções orais. No que diz respeito à acurácia, à densidade lexical ponderada e ao outcome, o fato de ter planejado individualmente ou em dupla não parece ter feito diferença na produção oral dos aprendizes. Além disso, os achados acerca das percepções dos participantes sugerem que eles utilizaram diferentes estratégias de planejamento, como construir uma sequência de fala na cabeça e utilizar papel e caneta, e consideraram o planejamento em dupla mais benéfico ao desenvolvimento das suas produções orais.


  • Mostrar Abstract
  •  

    Research shows that strategic planning may be an ally in the development of bilingual learners’ oral production. Therefore, this study aims to investigate the effect of planning and of metacognitive strategies on oral production in L2. In this work, we chose calibration as the metacognitive strategy to be evaluated and we measured it by the correspondence between the individual's degree of perception in a task in relation to their actual performance in it. In this sense, this research intends to verify how different types of planning (no-planning, individual planning and planning in pairs) may impact bilingual learners’ oral production (in terms of accuracy, weighted lexical density, fluency and outcome), to analyze the role of calibration in the development of these learners' oral production and to identify which metacognitive strategies are part of this process. The study consisted of 63 Portuguese-English bilingual learners. All participants answered a questionnaire about personal information, performed three oral production tasks, gave themselves a grade for each proposed task and answered a questionnaire about the metacognitive strategies used in the oral productions. Results indicate that, in what concerns fluency, there was significant impact of planning in pairs and that, in this type of planning, learners also showed greater degree of confidence in the success of their oral production. However, individual planning resulted in learners having more adjusted calibration of their oral productions. With regard to accuracy, weighted lexical density and outcome, planning individually or in pairs does not seem to have made a difference in learners' oral production. Furthermore, the findings regarding the participants' perceptions suggest that they used different planning strategies, such as building a speech sequence in their head and using paper and pen, and considered planning in pairs to be more beneficial to the development of their oral productions.

32
  • REBECCA CRUZ PINHEIRO
  • AUTORIA, SINGULARIDADE E APAGAMENTO DE AUTORIA EM DISSERTAÇÕES NO ÂMBITO DA ANÁLISE DO DISCURSO

  • Orientador : SULEMI FABIANO CAMPOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • ADRIANA SANTOS BATISTA
  • CLÁUDIA RIOLFI
  • SÍRIO POSSENTI
  • THOMAS MASSAO FAIRCHILD
  • Data: 14/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • Nossos estudos sobre a produção de dissertações têm nos levado à hipótese de que os trabalhos construídos nesse âmbito institucionalizado possuem como característica a oscilação entre uma escrita autoral, em que há busca por singularidade, e uma escrita de apagamento de autoria. Embora não necessariamente seja esperado desse mestrando construções autorais e singulares, percebemos que as indicações oferecidas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) apontam para a autoria. Dessa forma, nos propomos a responder à questão: como o pesquisador em formação constrói sua autoria e manifesta singularidade na escrita da dissertação por meio das relações entre a sua própria voz e as vozes mobilizadas em sua pesquisa? Essa pergunta de pesquisa é base do nosso objetivo geral: analisar como o pesquisador em formação constrói sua autoria e manifesta singularidade em sua dissertação por meio da relação entre sua própria voz e as vozes mobilizadas na pesquisa. Para cumprir o objetivo geral, também elaboramos os objetivos específicos: (1) verificar como os já-ditos perpassam a escrita das dissertações e se/como as relações estabelecidas indicam apagamentos de autoria; (2) investigar como os pesquisadores em formação se constituem como autores de seus textos e como marcam sua singularidade a partir dos indícios presentes na escrita dos trabalhos; (3) analisar como as relações teórico-metodológicas do trabalho contribuem para construção da autoria e de feitos de singularidade nos capítulos analíticos. Norteadas por esses objetivos, analisamos seis dissertações, três de mestrados acadêmicos na área da Análise do Discurso (D1, D2 e D5) e três do Mestrado Profissional em Letras (PROFLETRAS) (D3, D4 e D6). Realizamos essas análises a partir de interpretações da teoria pecheutiana (Pêcheux, 2014a; 2014b; 1990a; 1990b), com apoio nos pressupostos sobre autoria de Foucault (2009), Possenti (2002; 2013) e Maingueneau (2018) – com o tripé pessoa-escritor-inscritor – e da perspectiva de singularidade de Riolfi (2011), que se unem ao aspecto da responsabilização a partir de Jonas (2006), Bakhtin (1993), Lacan (1998; 2007) e Forbes (2012), além do conceito de apagamento de autoria, por meio de Pêcheux (2014a), Schneider (1990), entre outros. A partir dessas lentes teóricas, desenvolvemos uma pesquisa qualitativa, com viés interpretativista (Silva; Araújo, 2017), por meio do paradigma indiciário de Ginzburg (1989). As análises indicam que a construção das dissertações aponta para uma oscilação entre a necessidade de pertencer à academia, reproduzindo seus modelos e autores costumeiramente citados e o despontar de uma escrita autoral, que traga soluções singulares para os problemas de pesquisa.


  • Mostrar Abstract
  • Through the research developed in the master's degree (PINHEIRO, 2021), we noticed that undergraduate students had difficulty in positioning themselves in relation to texts proposed in the classroom. From the results obtained in the research, we sought to investigate whether this problem also remained in graduate studies, in which the subject, in the position of researcher, needs to build an authorial text, in this case a master's dissertation. Thus, we sought to answer the question: how do researchers in training construct the theoretical chapters of their dissertations and how does this writing impacts their analyses and manifests the constitution of their authorship and singularity in academia? This research question is the basis of our general objective: To analyze how the theoretical chapters of dissertations in the field of Discourse Analysis are constructed and sustained, noting how this writing impacts their analyses and how researchers in training constitute themselves as authors of their texts and the nuances between the construction of a singular writing and plagiaristic writing. Through this goal, we also elaborated the specific objectives: (1) To understand how the already said permeate the writing of the theoretical chapters and if they indicate the construction of a plagiaristic writing; (2) to understand how the researchers in training constitute themselves as authors of their texts and how they mark their singularity in writing from the signs present in their theoretical chapters; (3) to analyze how the writing of the theoretical chapters contribute to the construction of authorship and singularity in the analytical chapters. Guided by these objectives, we analyzed the theoretical and analytical chapters of six dissertations, three from academic masters' programs in the field of Discourse Analysis (D1, D2, and D5) and three from the Professional Master's in Letters (PROFLETRAS) (D3, D4, and D6). We conducted these analyses based on Discourse Analysis, from interpretations of Pecheutian theory (PÊCHEUX, 2014a; 2014b; 1990a; 1990b), and with support from assumptions about authorship by Foucault (2009), Possenti (2002; 2013); the perspective of singularity by Riolfi (2011), of plagiarism with Schneider (1990), among others. From these theoretical lenses, we developed a qualitative research, with interpretativist bias (SILVA; ARAÚJO, 2017), through the indicative paradigm of Ginzburg (1989), that is, we analyzed the dissertations through the clues left by the texts about their relationships with the voice itself and with the mobilized theories. The analyses indicate us that the construction of the dissertations is situated between authorial erasure, in which the author's voice disappears to give way to the mobilized theorists - in which we highlight the categories of authorial erasure "Generalizations" (in some data added to the discussion about theoretical incongruities); "Expressions of authorial erasure"; "Grouted text, paraphrases and copies" (in some data accompanied by the highlight for the defense of theories); "Superficial analyses and defense of an opinion"; and the search for building something of their own, singular, by means of the interpretations given to the theories and the analyzed data - aspect analyzed in the category "Signs of authorship". These results point to an oscillation between the need to belong to the academy, reproducing its models and authors usually cited - and also the search for fulfilling the activity of writing in a fast (and bureaucratic) way - and the emergence of an authorial writing, which brings unique solutions to the research problems.

33
  • BRUNA JANINE CABALLERO BEZERRA DE MELO
  • AS DUAS FACES DO TEMPO EM “DIFERENCIA ENTRE LO TEMPORAL Y ETERNO”, DE JUAN EUSEBIO NIEREMBERG

  • Orientador : SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • KALINA ALESSANDRA RODRIGUES DE PAIVA
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 22/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese é um estudo sobre a temática do tempo, a partir da obra Diferencia entre lo temporal y eterno; crisol de desengaños, con la memoria de la eternidade, postrímerias humanas y principales mysterios divinos, do padre jesuíta Juan Eusebio Nieremberg. Nesta pesquisa, objetiva-se mostrar a abordagem do tempo, em sua perspectiva metafísica e religiosa, juntamente à estética barroca, no contexto histórico colonizador dos séculos XVI e XVII. Para isso, realizou-se uma retomada histórica do cenário sócio-político-religioso da Espanha, incluindo a Reforma, Contrarreforma e as conquistas espanholas na América. Em continuidade, refletiu-se sobre o Novo Mundo e seus povos nativos, a colonização e a catequese, a participação da Companhia de Jesus e a formação das Reduções com ênfase no caso do Paraguai. Para tanto, esta pesquisa empreendeu uma análise histórico-literária, a partir de autores como: Morais (2011), Raminelli (2009; 2011; 2023), Acreche (2017), Schell (2010), entre outros, para compreender as origens e o desenvolvimento do processo colonizador à luz das expedições espanholas. Assim, a primeira seção propôs um panorama dos antecedentes da colonização, enfatizando os aspectos culturais, econômicos e sociais da Espanha, perpassando pela estruturação do Novo Mundo e finalizando com o desenvolvimento e atuação dos colonizadores no Paraguai. Ademais, antes de refletirmos sobre a questão do tempo enquanto tal, dedicou-se a terceira seção à formação das Missões e Reduções na América Latina, bem como ao contexto ideológico do processo colonizador e catequizador através da Companhia de Jesus. Em seguida, reservou-se a terceira seção para a análise do tempo enquanto característica principal da obra em análise, partindo das reflexões sobre o tempo de Santo Agostinho, em uma perspectiva dialógica do cristianismo e da cultura do Ocidente, até a contribuição do conceito de tempo na visão dos teóricos modernos. Ao mesmo tempo, evidenciamos a relação do Barroco e o tempo (o efêmero e o eterno) em análise específica na obra do padre Nieremberg. Para isso, realizou-se uma pesquisa bibliográfica, através do levantamento e revisão de obras publicadas sobre as teorias abordadas, direcionando o estudo e análise da obra literária em questão. Desse modo, para uma discussão crítica e pertinente, utilizou-se Mahn-Lot (1990), Gil (2010), Fleck (2023), Santo Agostinho, Affonso Ávila (2012), Blecua (1984) para auxiliar a análise do livro supracitado. Como resultados, a pesquisa traçou a relação da história e da literatura, abordando a colonização da América espanhola, em específico o caso do Paraguai, analisando o espaço enquanto cenário de difusão da obra de Nieremberg em estudo nesta tese. No que concerne à terceira seção, concluímos que a experiência missionária dos jesuítas esteve em consonância com os interesses da coroa espanhola da Igreja Católica. Na quarta, por sua vez, confirmamos que o conceito de tempo perpassa por toda a história da humanidade, com um papel crucial nas discussões filosóficas do catolicismo, partindo das reflexões de Santo Agostinho, Inácio de Loyola e Nieremberg.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis is a study on the theme of time, based on the work 'De la diferencia entre lo temporal, y eterno; crisol de desengaños, con la memoria de la eternidade, postrímerias humanas y principales mysterios divinos' by Father Juan Eusebio Nieremberg. In this research, the objective is to demonstrate the presence of the Baroque alongside the approach to time, from its metaphysical perspective, respecting the historical context that preceded the colonization process, namely, the economic and sanitary crisis established between the 14th and 15th centuries, and the different expeditions in the conquest of America, with emphasis on the case of Paraguay, which, combined with the Spanish desire for expansion and acquisition of wealth, encouraged colonization. To achieve this, the research undertook a historical-literary analysis based on authors such as Morais (2011), Raminelli (2009; 2011; 2023), Acreche (2017), Schell (2010), among others, to understand the origins and development of the colonization process in light of Spanish expeditions. The first chapter proposed an overview of the antecedents of colonization, emphasizing cultural, economic, and social aspects, as well as the development and actions of colonizers in Paraguay. Furthermore, before reflecting on the issue of time itself, the third chapter was dedicated to addressing the historical concepts of the time regarding Spain in the 16th and 17th centuries, the colonization of Latin America, the Society of Jesus, the reductions, and the ideological context of the domination process of the native people, especially in Latin America. Subsequently, the fourth chapter contributed to the analysis of time as the main characteristic of the work under review, starting from the theoretical perspective of Saint Augustine, in a dialogical perspective for Christianity and Western culture, to the contribution of the concept of time in the view of modern theorists. Finally, we delved into the concepts of historical Baroque, highlighting the relationship between Baroque and time (the ephemeral and the eternal) in the specific analysis of Father Nieremberg's work. A bibliographic research was conducted through the collection and review of published works on the theories addressed, directing the study and analysis of the literary work in question. For a critical and relevant discussion, Mahn-Lot (1990), Gil (2010), and Fleck (2023) were used to assist in the analysis of the aforementioned book at the beginning of this abstract. As a result, the second chapter, through the relationship between history and literature, provided a new perspective on the process of colonization of Spanish America, with emphasis on the case of Paraguay through the actions of Nieremberg, namely, that the relations between the colonizer and the indigenous people were not solely oppressive. In the third chapter, we concluded that the missionary experience of the Jesuits was in line with the interests of the Spanish crown and the Catholic Church, making the evangelization of the natives function as a mechanism for recruiting new believers, while opening possibilities for the expansion of Jesuit educational mechanisms in the way colonizers dealt with the indigenous people. In the fourth chapter, we concluded that the concept of time permeates all of human history and plays a crucial role in the emergence and development of the Catholic religion from the perspectives pointed out by Saint Augustine, which, over time, became the subject of Jesuit discourses, where they made the distinction between "ephemeral" and "eternal" time.

2022
Dissertações
1
  • RYANNY BEZERRA GUIMARAES
  •  

     

     

    EXCESSO DE LINGUAGEM EM DECISÕES DE PRONÚNCIA: UMA ANÁLISE TEXTUAL DISCURSIVA DA RESPONSABILIDADE ENUNCIATIVA

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • ROSALICE BOTELHO WAKIM SOUZA PINTO
  • SUELI CRISTINA MARQUESI
  • Data: 24/01/2022

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho está situado no eixo teórico da Análise Textual dos Discursos (ATD), tendo como base os postulados de J-M. Adam (2011, 2017, 2020); dentro dessa perspectiva, trabalha-se com a Responsabilidade Enunciativa (RE). No que diz respeito à metodologia, quanto à abordagem, a pesquisa é qualitativa e indutiva.  Quanto ao objetivo, a pesquisa é descritiva, pois preocupamo-nos em apresentar as características do fenômeno pesquisado. Quanto aos métodos (procedimentos) de pesquisa, ela se constitui, essencialmente, como documental e bibliográfica, pois tem como corpus decisões de pronúncia, de domínio público, e faz uma revisão bibliográfica, contextualizando o que já foi pesquisado, bem como situando a pesquisa em seu aporte teórico. Numa abordagem também em consonância com Adam, são utilizados os conceitos e pressupostos de Alain Rabatel (2007, 2013a, 2013b, 2016a, 2016b), como Ponto de Vista (PDV) e responsabilidade enunciativa, bem como os de Benveniste (1989 [1974], 1991 [1966]) e Kerbrat-Orecchioni (1997 [1980]) no que diz respeito à subjetividade da linguagem. O gênero escolhido para análise é a decisão de pronúncia anulada por excesso de linguagem, bem como a nova decisão produzida em razão da anulação da primeira.  A referida peça jurídica é produzida por um juiz, na primeira fase do Tribunal do Júri, em que são analisados os indícios de materialidade e indícios suficientes de autoria (art. 413, §1º, Código de Processo Penal); sendo o réu pronunciado, ele será julgado pelos jurados no Tribunal do Júri. Com o propósito de compreender linguisticamente o fenômeno denominado “excesso de linguagem”, temos os objetivos de identificar, descrever, analisar e interpretar nas decisões de pronúncia anuladas e nas novas decisões produzidas: (a) o plano de texto e as características do gênero; (b) marcas linguísticas que evidenciam o Ponto de Vista (PDV); (c) marcas linguísticas que evidenciam a Responsabilidade Enunciativa (RE); (d) semelhanças e diferenças entre a decisão anulada e a nova decisão produzida; (e) marcas linguísticas que caracterizam o “excesso de linguagem” e, por fim, (f) a RE e sua relação com as marcas linguísticas de “excesso de linguagem”. As análises evidenciam um plano de texto convencional; quanto ao PDV e à RE, a análise de marcas associadas à gradação entre objetividade e subjetividade, permite delinear, a partir das escolhas lexicais de L1/E1 (juiz), o seu PDV e, no que diz respeito à RE, uma assunção por meio do uso da primeira pessoa do singular, principalmente no que diz respeito ao conteúdo decisório, bem como uma não assunção, com o uso da terceira pessoa do singular; quanto aos limites da decisão de pronúncia e às características do excesso de linguagem, algumas marcas lexicais se mostram proeminentes, tais como modalizações indicando certeza (epistêmicas asseverativas) verbos de opinião e outras marcas de subjetividade, como a não indicação da fonte da informação. Ao comparar as decisões de pronúncia anuladas e as novas decisões de pronúncia, é possível perceber uma tentativa de L1/E1 de distanciar-se do dizer, bem como de preferir a indicação de quadros mediativos (GUENTCHÉVA, 1994, 2011) com o objetivo de demarcar quando não se trata de seu ponto de vista, mas, sim, de informações constantes nos autos. Nesse sentido, observa-se uma tendência de escolher expressões lexicais associados à objetividade, assim como uma troca das modalizações epistêmicas asseverativas e avaliativas por modalizações indicando possibilidade.


  • Mostrar Abstract
  • This work is established in the theoretical pillar of Textual Analysis of Discourses, based on the postulates of Adam (2011, 2017, 2020), considering the text in its necessary connection with co(n)text and discourse and, consequently, understanding it from its materialization in a discursive genre. From this perspective, Commitment is seen as a phenomenon that allows us to analyze the voices raised in a text, allowing us to understand which instance assumes - or not - the propositional content of the utterances. In an approach also in line with Adam, the concepts, and assumptions of Rabatel (2013, 2016), such as Point of view and Emotion, are used, as well as those of Benveniste (1989 [1974], 1991 [1966]) and Kerbrat-Orecchioni (1997 [1980]) regarding the subjectivity of language. In an approach also in line with Adam, the concepts and assumptions of Alain de Rabatel (2012, 2013, 2016), such as Point of View and Emotion, are used, as well as those of Benveniste (1989 [1974], 1991 [1966]) and Kerbrat-Orecchioni (1997 [1980]) in what concerns the subjectivity of language. For the purpose of linguistically understanding the phenomenon called "excess language", we have the objectives of identifying, describing, analyzing and interpreting: (a) the text plan and characteristics of the genre "pronunciation decision"; (b) linguistic marks that show the point of view (PDV); (c) linguistic marks that show Commitment in pronunciation decisions annulled by "excess language" and in the reduced decisions; (d) similarities and differences between the annulled pronunciation decision and the decision for redone pronunciation; (e) Language marks that characterize the "excess language" in the genre; (f) Commitment and its relation to the linguistic marks of "excess language" in pronunciation. The genre chosen for analysis is the pronunciation decision annulled for excessive language, as well as its remade version, using decisions from the public domain. This legal text is produced by a judge, in the first phase of the Jury Court, in which evidence of materiality and sufficient evidence of authorship are analyzed (art. 413, §1, Brazilian Code of Criminal Process); if the defendant is indicted, he will be judged by the jurors on Jury Court. The importance of further studying this legal genre in relation to Commitment is due, firstly, to the fact that it is a decision whose limits are imposed to avoid that the jurors, in the second phase of the Jury Court, have their conviction already formed by this decision, making an effective defense of the defendant impossible, and, secondly, because the previous analysis of the corpus indicates that the annulment of these decisions due to "excess of language" is linked to issues related to the demarcation of the Commitment of the First Enunciator-Speaker (L1/E1), the judge, in relation to what he/she said. Because of this connection, privilege is given to the level of analysis at which it is possible to perceive and study the Commitment in the legal discourse genre of the pronouncement decision. After identifying and detailing the text plan of the genre, based on the analysis categories indicated by Adam (2011), the linguistic marks that characterize the "excess of language" are identified, described, analyzed, and interpreted, as well as marks that evidence the Point of View and Commitment in the annulled and then in the remade decisions.

2
  • GUSTAVO AUGUSTO LIMA DE SOUSA
  • O ACORDO ENTRE COGNIÇÃO E CULTURA NA NOÇÃO DE CATEGORZAÇÃO DE UMBERTO ECO EM KANT E O ORNITORRINCO

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • ERIK FERNANDO MILETTA MARTINS
  • RICARDO YAMASHITA SANTOS
  • Data: 27/01/2022

  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação tem como objetivo analisar como o semioticista italiano Umberto Eco trata do tema da categorização, a fim de que se possam apontar possíveis contribuições aos estudos do processo de categorização nas ciências cognitivas e, em especial, na linguística cognitiva. Da vasta produção intelectual de Eco, este trabalho foca-se na análise do livro Kant e o ornitorrinco (1998 [1997]), pois essa obra compila um conjunto de ensaios sobre o tema da cognição e da linguagem, os quais, direta ou indiretamente, discutem a categorização. Graças à especificidade do objeto de estudo desta pesquisa, esta dissertação é um trabalho de caráter eminentemente teórico-interpretativo (SILVA, 2020; ECO, 2014c) e de natureza qualitativa (CRESWELL, 2013). Em conformidade com essas características de pesquisa, os procedimentos metodológicos utilizados neste estudo são a revisão bibliográfica, a postura do paradigma indiciário proposta por Ginzburg (1989) e o uso de software de análise qualitativa de textos (Iramuteq®). A organização da ordem das etapas em que se inserem os procedimentos metodológicos é inspirada na análise do conteúdo (BARDIN, 2011), visto que o objeto de estudo é fundamentalmente um texto. Assentado nessa metodologia, e com vistas ao objetivo geral proposto, este trabalho realiza pesquisa bibliográfica das diferentes concepções de cognição, de categoria e de categorização, a fim de que a posição teórico-epistemológica do autor estudado possa ser identificada e descrita. Ao longo da primeira parte da análise, os principais constructos teóricos da semântica cognitiva de Umberto Eco são apresentados e explicados. Na segunda parte, propõe-se uma aproximação entre as reflexões do autor italiano no livro analisado e os pressupostos teóricos e metodológicos de uma abordagem ecocognitiva da linguagem (DUQUE, 2015; 2018). Conclui-se que, afinidades tais como uma base fenomenológica comum, a importância da relação corpo-ambiente na construção do sentido, o consequente destaque da semântica como integrada à pragmática e a consideração da capacidade de adaptabilidade/maleabilidade dos significados são indícios do delineamento de uma semântica cognitiva com elementos ecocognitivos na obra estudada.


  • Mostrar Abstract
  • This Masters thesis aims to analyze how the Italian semioticist Umberto Eco treats the theme of categorization, in order to point out possible contributions to the studies of that cognitive mechanism within the cognitive sciences and, above all, cognitive linguistics. Among Eco’s vast intellectual production, this study focuses on the analysis of the book Kant and the platypus (1998 [1997]), as this work comprises a number of essays dealing with cognition and language, which, directly or indirectly, discuss categorization. Considering the nature of the object of this research, this thesis is fundamentally a qualitative theoretical-interpretative work (CRESWELL, 2013; SILVA, 2020; ECO, 2014c). The organization of the steps that compose the methodological procedures is inspired by the content analysis (BARDIN, 2011), for the object of study in this research is fundamentally a text. In conformity with those research characteristics, the methodological procedures used in this study include literature review, Ginzburg’s (1989) indiciary paradigm and software of qualitative analysis of texts (Iramuteq®). Based on that methodology, and aiming the proposed general objective, this work examines different conceptions of cognition, of category and of models of categorization, in order to identify and describe the theoretical-epistemological view of the focused author. Throughout the first part of the analysis, the main theoretical constructs of Umberto Eco’s cognitive semantics are presented and explained. In the second part, an approximation between the Italian author’s reflections in the book analyzed and the theoretical and methodological tenets of an ecocognitive approach to language (DUQUE, 2015; 2018). In conclusion, evidence such as a common phenomenological theory grounding, a shared given importance to the body-environment relationship, the consequent highlighting of semantics as integrated with pragmatics and the account of meaning’s adaptability/malleability to different situations, supports that the cognitive semantics delineated by Umberto Eco in the work studied and the eocognitive approach share affinities. 

3
  • KARLA STÉPHANY DE BRITO SILVA
  •  

     

    DISPOSITIVOS ENUNCIATIVOS CONSTRUINDO A VISADA ARGUMENTATIVA DE ADVOGADOS DE DEFESA NA “SUSTENTAÇÃO ORAL” EM CRIMES DE HOMICÍDIOS

     

     


     

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA LUCIA TINOCO CABRAL
  • EMILIANA SOUZA SOARES
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVAO
  • Data: 27/01/2022

  • Mostrar Resumo
  • Analisar o valor argumentativo presente nas sustentações orais de advogados de defesa em crimes de homicídios e sua relação com o convencimento dos jurados do tribunal do júri é o propósito deste trabalho. Para tanto, o estudo tem por objetivo identificar, descrever, analisar e interpretar a argumentação nas sustentações orais dos advogados criminais no que concerne ao ponto de vista (PDV), à assunção da responsabilidade enunciativa (RE), à emoção e à empatia, a partir da função argumentativa. Dessa maneira, a pesquisa é qualitativa de cunho interpretativista e segue o método indutivo e fundamenta-se nos postulados teóricos da Análise Textual dos Discursos (ATD), com Adam (2011), Rodrigues, Passeggi e Silva Neto (2016) e Rodrigues (2017), em diálogo com teorias linguísticas enunciativas, como Rabatel (2016) e teorias de emoção Plantin (2011), Martineau (2019), Michelli (2010) e empatia linguística com Rabatel (2013). A pesquisa segue alguns critérios bem delimitados, são eles: todos os casos são de crimes de homicídios; todos os casos são de réus que foram absolvidos; todas as sustentações orais estão disponíveis no Youtube; precisava ter um caso em cada uma das cinco regiões do Brasil; e ter acesso a todas as sentenças penais absolutórias dos casos. Com a finalidade de padronizar a transcrição do corpus, que é um texto oral, todas as quatro sustentações orais foram transcritas e passadas para as normas do Projeto da Norma Urbana Oral Culta (NURC). Devido ao corpus apresentar ocorrências que não estavam marcadas nas normas de transcrição do projeto, foram acrescentados alguns sinais além dos previstos no NURC. A análise dos dados aponta para os seguintes resultados: o plano de texto da Sustentação oral assemelhou-se ao próprio plano de texto da Retórica Clássica, apresentando, porém, algumas particularidades; no que diz respeito à sequência argumentativa, foi observado que em todas as regiões apareceram as sequências dos nível justificativo (P.arg1+P.arg2+P.arg3) e em uma, o contra-argumentativo (P.arg 0 e P.arg 4); quanto à assunção da RE, pode ser verificada, principalmente, pelas marcas de índices de pessoas, dêiticos espaciais e temporais e modalidades, presentes em toda sustentação; quanto ao afastamento da RE, ele está marcado por verbos dicendi, atribuindo a responsabilidade do enunciado à Constituição Federal, ao Código Penal, professores de Direito etc; no que se refere ao PDV, compreendemos que as suas marcas linguísticas promoveram a orientação argumentativa do L1/E1 que certamente influenciaram diretamente na decisão final dos jurados, apresentando um PDV assertado na maior parte da sustentação e um PDV narrado, na parte da narração dos fatos; no que tange ao argumento emocional, notamos que ele esteve presente em todas as sustentações e foi marcado por lexemas subjetivos, em especial, por nomes de sentimentos, como: medo, dor, indignação, arrependimento etc; por fim, sobre o argumento empático, verificamos que ele esteve presente em quase todas as sustentações, exceto a da região Sudeste. Os argumentos empáticos mais recorrentes foram de que todos agiriam da mesma forma que o réu, o do L1/E1 se colocar no lugar dos jurados, para evitar arrependimentos futuros, e, o do L1/E1 se colocar no lugar da mãe da vítima.

     


  • Mostrar Abstract
  • The purpose of this work is to analyze the argumentative value present in the oral submissions of defense lawyers in homicide crimes and its relation to the convincing of the Jury Trial jurors. To that end, the study aims to identify, describe, analyze and interpret the arguments in the oral submissions of criminal lawyers regarding the concept of Point of View (POV), the assumption of Enunciative Responsibility (ER), the emotion and empathy, from the perspective of the argumentative claim.Thus, the qualitative interpretive research follows the inductive method and it is based on the theoretical postulates of Textual Discourse Analysis (TDA), with Adam (2011), Rodrigues, Passeggi and Silva Neto (2016) and Rodrigues (2017), in dialogue with linguistic enunciative theories, such as Rabatel (2016), theories of emotion with Plantin (2011), Martineau (2019), Michelli (2010) and linguistic empathy with Rabatel (2013).The research follows some well-defined criteria, which are: all cases are about homicide crimes; all cases concern defendants who have been acquitted; all oral submissions are available on Youtube; it was deemed necessary to have a case in each of the five regions of Brazil, as well as access to all acquittal sentences regarding each of the cases. In order to standardize the transcription of the corpus, which is an oral text, all four oral arguments were transcribed and were adapted in order to comply with the norms of the NURC (from its Portuguese acronym Norma Urbana Oral Culta, Urban Oral Cultivated Variety) Project. Due to occurrences presented in the corpus which differ from the ones marked in the transcription norms of the project, some signs were added in addition to those foreseen in the NURC.Data analysis points to the following results: the text planning of the Oral Submissions was similar to the text planning found in Classical Rhetoric, presenting, however, some peculiarities; in regard to the argumentative sequence, the occurrence of the justification level was observed in all regions (P.arg1+P.arg2+P.arg3), whereas the counter-argumentative level occurred in only one region (P.arg 0 and P.arg 4); as for the assumption of ER, it can be verified, mainly, by the marks of index of persons, spatial and temporal deixis and modalities, which are present in all submissions; as for the repelling of ER, it is marked by verbum dicendi, attributing the responsibility for the statement to the Federal Constitution, the Penal Code, law professors, etc; regarding the POV, it is understood that its linguistic marks promoted the argumentative orientation of the L1/E1, which must certainly have influenced directly the final decision of the jurors, presenting an asserted POV in most of the oral submissions and a reported POV in the narration of the facts; in regard to the emotional argument, its presence was noted in all submissions and it was marked by subjective lexemes, in particular, by names of feelings, such as: fear, pain, indignation, regret, etc; finally, concerning the empathic argument, it was verified as present in almost all the oral submissions, except for the one observed in the Southeast Region. The most recurrent empathic arguments were: everyone would act in the same way as the defendant; L1/E1 should consider the position of the jurors, so as to avoid future regrets; and L1/E1 should consider the feelings experienced by the victim’s mother.


4
  • EWERTON WILLIAM ESTEVAM DE SOUZA
  • O PROCESSO COGNITIVO-DISCURSIVO DA CONSTRUÇÃO DE SENTIDOS METAFÓRICOS DE MEDO EM O CEMITÉRIO À LUZ DA LINGUÍSTICA COGNITIVA

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • ADA LIMA FERREIRA DE SOUSA
  • SOLANGE COELHO VEREZA
  • Data: 31/01/2022

  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação tem o objetivo geral de descrever o processo cognitivo-discursivo da construção metafórica de medo no romance O cemitério (título original: Pet Sematary) de Stephen King. Verificamos como o autor constrói metaforicamente o conceito de medo, por meio da descrição que ele faz desse sentimento e dos efeitos psicológicos nos personagens perante este. Para obter uma visão ampla desse objeto de estudo, tomamos como aporte teórico central o conceito de metáfora conceptual (LAKOFF; JOHNSON, 1980), metáfora situada (VEREZA, 2013b), metonímia (BARCELONA, 2003a, 2003b), frame (DUQUE, 2015, 2017) e frames online/offline (VEREZA, 2013a). Essas categorias fazem parte do arcabouço teórico-metodológico da Linguística Cognitiva, dentro da qual destacamos mais especificamente a Teoria da Mente Corporificada e a Teoria da Metáfora Conceptual, as quais versam, em linhas gerais, sobre o aspecto corporificado da cognição humana e a importância da metáfora para o pensamento. A natureza da pesquisa é interpretativista e, portanto, objetiva compreender como membros de uma comunidade modelam suas realidades particulares, crenças e intenções. Nos procedimentos metodológicos, utilizamos as seguintes ferramentas para construir e analisar os dados: identificação de metáforas – bootstrapping (DUQUE, 2018b) e modelo de representação de frames em grafos (SOUZA; DUQUE, 2018). Os resultados obtidos pela análise nos proporcionam entender mais acuradamente como as estratégias metafóricas ativam processos cognitivos que constroem o conceito de medo. Nesse sentido, a pesquisa é relevante porque contribui, pelo menos numa microescala, para ampliar o estudo cognitivo das metáforas.


  • Mostrar Abstract
  • This Masters thesis aims to describe the cognitive-discursive construction process of metaphors of fear in the novel O cemitério (original title: Pet Sematary) by Stephen King. We examine how the author metaphorically builds the concept of fear through its descriptions and its psychological effects on characters. In order to have a thorough view on that subject, we work with the theory of conceptual metaphor (LAKOFF; JOHNSON, 1980), the concept of situated metaphor (VEREZA, 2013b), the concept of metonym (BARCELONA, 2003a, 2003b), the notion of frame (DUQUE, 2015; 2017) and online/offline frames (VEREZA, 2013a).  These categories are taken from the theoretical framework of Cognitive Linguistics, from which we highlight the Theory of Embodied Mind and the Theory of Conceptual Metaphor. Both of these theories argue for the embodied aspect of the human cognition and the importance of metaphor for thought. The nature of the present research is interpretative, thus its objective of understanding how members of a given community shape their particular realities, beliefs and intentions. Regarding the methodological procedures, we employ the following tools to build and analyze data: identification of metaphors – bootstrapping (DUQUE, 2018b) and a model of frame representation through graphs (SOUZA; DUQUE, 2018). The results acquired during analysis allow us to understand more accurately how metaphoric strategies set off cognitive processes that build the concept of fear.  In that regard, our research is relevant because it contributes, at least on small scale, to the development of the cognitive study of metaphors.

5
  • LARISSA DIAS BARBOSA
  • “NÃO HÁ NADA DE ERRADO CONTIGO”

    A revisitação aos estereótipos e a inscrição da existência lésbica em Amora, de Natalia Borges Polesso

  • Orientador : MAURO DUNDER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JULIANE VARGAS WELTER
  • MARLISE VAZ BRIDI
  • MAURO DUNDER
  • Data: 31/01/2022

  • Mostrar Resumo
  • À luz da crítica feminista e dos estudos de gênero, esta dissertação tem como objetivo analisar as representações e os estereótipos das lesbianidades nos contos “Flor, flores, ferro retorcido” e “Vó, a senhora é lésbica?”. Ambas as narrativas compõem o livro de contos intitulado Amora, publicado em 2015, da escritora Natalia Borges Polesso, que tem por fio condutor histórias de mulheres lésbicas em suas diversas vivências e performances. Na pesquisa, investigamos as maneiras pelas quais Polesso, através da construção das suas personagens, tensiona estereótipos contidos nos imaginários sociais para construir representações plurais das dissidências. A pesquisa discute, ainda, a potência do discurso da escritora, enquanto um viés subversivo dos usos hegemônicos da linguagem no campo literário, ao inscrever em Amora a existência lésbica. Para isso, refletimos a partir da crítica feminista contida em Bonnet (1995), Lauretis (1994), Rich, (2010) e Wiitig (2006), lançando um olhar às construções que a autora faz das personagens lésbicas e dos estudos de gênero cunhados por Butler (2010), Foucault (1999) e Louro (2020), buscando compreender como os aspectos das construções sociais de sexualidade e gênero são engendrados nos contos. Apoiamo-nos, também, a fim de melhor discutir estereótipos, imaginários e representações sociais em Charaudeau (2017) e Moscovici (2015). Diante das análises e discussões dessa pesquisa, compreendemos a importância da obra de Polesso para a construção de um cenário literário brasileiro mais plural e dissidente, que pauta múltiplas mulheres, vivendo sexualidades múltiplas.


  • Mostrar Abstract
  • Based on feminist criticism and gender studies, the present thesis aims to analyze the representations and stereotypes of lesbianities in the short stories “Flor, flores, ferro retorcido”, and “Vó, a senhora é lésbica?”. Both narratives make up the short storybook entitled Amora, published in 2015, by the writer Natalia Borges Polesso, which has as its main thread stories of lesbians women in their diverse experiences and perfomances. In the research, we investigate the ways in which Polesso, through the construction of her characters, tensions stereotypes contained in social imaginaries to build plural representation of dissents. The research also discusses the power of the writer’s discourse, as a subversive bias os the hegemonic uses of language in the literary field, by inscribing lesbian existence in Amora. To this end, we reflect from the feminist criticism contained in Bonnet (1995), Lauretis (1994), Rich, (2010) and Wiitig (2006), taking a look at the author’s constructions of lesbians characters, and from the gender studies coined by Butler (2010), Foucault (1999),, and Louro (2020), seeking to understand how aspects of social constructions of sexuality and gender are engendered in the short stories. We also underpin ourselves, in order to better discuss stereotypes, imaginaries and social representation in Charaudeau (2017) and Moscovici (2015). In face of the analyzes and discussions of this research, we understand the importance of Polesso’s work for the construction of a more plural and dissident Brazilian literary scenario, which guides multiple women, living multiple sexualities.

6
  • RAFAEL VALE GERONCIO BORGES DE ALBUQUERQUE
  • A SOMBRA DO REI: Análise da personagem Xerxes na tragédia Persas de Ésquilo.

  • Orientador : ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ELRI BANDEIRA DE SOUSA
  • MARCOS CESAR TINDO BARBOSA
  • MAURO DUNDER
  • Data: 31/01/2022

  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação propõe uma análise da personagem Xerxes presente na tragédia Persas de Ésquilo. Para a condução desta pesquisa, foram utilizadas bases teóricas sobre a história e a cultura relativas ao mundo grego antigo, a exemplo de Albin Lesky (1995 e 2015), Jacqueline de Romilly (2008) e Maria Helena da Rocha Pereira (2006). A fundação da análise tem como principal base os textos Poética e Retórica, de Aristóteles, este que foi escolhido como principal guia para os estudos aqui desenvolvidos, devido à proximidade temporal de apenas algumas décadas entre ele e o autor da obra aqui estudada. Tendo 472 a.C. como sua data de possível estreia, a peça narra os eventos que foram desencadeados após a derrota persa para os gregos na batalha de Salamina em 480 a.C. Foi levado em consideração o fato de as personagens principais da peça serem figuras da história recente para o público em questão, por isto, foi pertinente para um entendimento mais amplo a seleção de textos do historiador Heródoto que narrou grande parte dos conflitos entre gregos e persas. Para os fins desta pesquisa, foi utilizado apenas o livro VIII, que tem como elemento narrativo principal a batalha de Salamina e o seu desenrolar. O processo de análise teve como metodologia a leitura detalhada das cenas, sendo destas coletadas as opiniões enunciadas pelas personagens em palco. Essas opiniões foram confrontadas pelas ações da personagem analisada para que fosse traçada uma linha das características e motivações desta personagem. Tendo em vista que durante a leitura percebeu-se que Xerxes, muitas vezes, era comparado ao seu pai, Dario, rei anterior que por meio de guerras e invasões acoplou grande quantidade de terras à, já rica, Pérsia. Estas comparações se mostraram pertinentes para o entendimento mais aprofundado de Xerxes, por isso foi feita também uma análise de Dario, que seguiu os mesmos preceitos e técnicas utilizadas na análise do jovem rei Xerxes, porém visando sempre os elementos que ajudariam na análise do jovem rei. A culminância da pesquisa é entender as ações de Xerxes e ponderar se estas estão ou não relacionadas às conquistas de seu pai.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis proposes an analysis of the character Xerxes in Aeschylus’ Persians tragedy. To the conduction of this research, theoretical bases of history and culture related to the ancient Greek world were used. The following authors guide this part: Albin Lesky (1995 and 2015), Jacqueline de Romilly (2008) and Maria Helena da Rocha Pereira (2006). The main text sources of this analysis are Poetics and Art of Rhetoric, by Aristotle, who has been chosen as main guide to the study here developed due to the temporal proximity of only a few decades between him and the author of the work being analyzed. Being 472 BC as the possible time of its first run, Persians unfolds the events triggered after the Persians’ defeat by the Greeks at the Battle of Salamis in 480 BC. The fact that the main characters in the play are characters of recent history for the audience in question was taken into consideration, that’s why it was necessary, for a broader comprehension, a text selection of the historian Herodotus, who narrated the most part of the conflicts between Greek and Persians. For the purposes of this research only the book VIII has been utilized for having as narrative scenery the Battle of Salamis and its unfolded events. The analysis process had as methodology the detailed lecture of the scenes and has collected opinions stated by its characters, opinions which have been confronted by the actions of the analyzed character, Xerxes, so that we could draw a profile through his characteristics and motivations. Bearing in mind that during the reading it was noticed that Xerxes often was compared to his father, Dario, a former king who through wars and invasions attached a huge number of lands to the already rich Persia. Those comparisons proved pertinent to enrich a profound comprehension of Xerxes, and for this reason it was also made an analysis of Dario, that followed that same means and technics utilized to study the young king Xerxes, but always aiming at elements that would help the analysis of the young king. The culmination of this research is to understand Xerxes’ actions and ponder whether these actions are related or not to the conquers of his father.

7
  • ALINE SETÚBAL DA SILVEIRA
  •  

     

    - CORPO-KALUNGA: FLUXOS MEMORIALÍSTICOS E IDENTITÁRIOS EM UM DEFEITO DE COR, DE ANA MARIA GONÇALVES

  • Orientador : KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • MARIA ANGÉLICA DE OLIVEIRA
  • Data: 04/02/2022

  • Mostrar Resumo
  • 1. 

    Em Um defeito de cor (2006), da escritora brasileira Ana Maria Gonçalves, acompanhamos a trajetória memorialística de Kehinde/Luiza, como legado ao seu filho Omotunde/Luiz Gama. O seu corpo-memória pulsa em trabalho de luto. Nas nuances do processo de busca por seu filho, que não se finda, a narradora-protagonista, ex-escravizada, revela ao leitor o movimento simultâneo de uma busca por si. Assim, esta pesquisa tem como objetivo analisar as construções memorialísticas tecidas pela voz narrativa de Kehinde, bem como as (re)construções identitárias da protagonista em fluxo e em diálogo com essas marcas memoriais. Fundamentamos a nossa análise em Abdias Nascimento (2016; 2019), Luciana Brito (2018) e Mônica Lima e Souza (2008), teóricos que suscitam diálogos acerca da diáspora negra e da escravidão no Brasil. Para a categoria analítica de memória, fundamentamo-nos, dentre outros, em Leda Maria Martins (2003), Paul Ricoeur (2007) e Roland Walter (2011). Para a categoria analítica de identidade, fundamentamo-nos, dentre outros, em Frantz Fanon (2008), Paul Gilroy (2012), Stuart Hall (2013; 2014) e W. E. B. Du Bois (2021). A partir da análise empreendida, observamos que a protagonista, em seu fluir narrativo, emerge travessias identitárias, reflexo da experiência do sujeito diaspórico com encontros culturais múltiplos, ora justapostos ora confrontados. Em errância contínua, a memória inscrita representa reconciliação com a perda de si e dos seus.


  • Mostrar Abstract
  • In Um defeito de cor (2006), by the Brazilian writer Ana Maria Gonçalves, the memoirs’ trajectory of Kehinde “Luiza” is depicted as a legacy to her son, Omotunde “Luiz Gama”. Luiza’s grieving process is driven by her body memory. The narrator-protagonist, a former slave, reveals to the reader a quest for herself through the nuances of an endless search for her son. Thus, this paper’s goal is to analyze the memorialistic constructions woven by the narrative voice of Kehinde, as well as the identity (re)constructions of the protagonist in flux and in dialogue with these memorial marks. The analysis is based on Abdias Nascimento (2016; 2019), Luciana Brito (2018), and Mônica Lima e Souza (2008), among others, theorists who promote dialogues about the African Diaspora and slavery in Brazil. The research is based on Leda Maria Martins (2003), Paul Ricoeur (2007), Roland Walter (2011), among others, for the analytical category of memory. Frantz Fanon (2008), Paul Gilroy (2012), Stuart Hall (2013; 2014), and W. E. B. Du Bois (2021) were drawn on for the analytical category of identity. From the analysis undertaken, we observed that the protagonist, in her narrative flow, emerges identity crossings, a reflection of the diasporic subject's experience with multiple cultural encounters, sometimes juxtaposed and sometimes confronted. The wandering memory represents reconciliation to the loss of oneself and one's kinsmen.

8
  • NATÁLIA SOUZA NORO
  • ARAR O ENSINO DE LITERATURA A CONTRAPELO: TORTO ARADO E SEU POTENCIAL PARA O LETRAMENTO LITERÁRIO

  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • FERNANDO MAUÉS DE FARIA JÚNIOR
  • DANIELLE GRACE REGO DE ALMEIDA
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • Data: 21/02/2022

  • Mostrar Resumo
  • Um livro com tiragem de cinco mil costuma ser considerado um sucesso de vendas no Brasil. Por sua vez, Torto Arado já alcançou a marca de cem mil cópias vendidas, além de ter conquistado as principais premiações nacionais de romance. Um dos aspectos que se sobressai na justificativa desse êxito é o fato da literatura de Itamar Vieira Junior ser uma literatura das alteridades, dialogando diretamente com os postulados de Benjamin (1987b) ao propor “escovar a história a contrapelo”, que convida não apenas a pensar em uma inversão da ordem, mas a uma nova fundação da tradição dos oprimidos. Com este estudo, objetiva-se então, analisar o romance a partir de suas representações de resistência à barbárie (Benjamin, 1987a; 1987b) e das cicatrizes do colonialismo (Fanon, 1968) para a composição do discurso literário. Dessa interpretação, delimitam-se também apontamentos para um projeto de letramento levando em consideração um percurso didático-metodológico em que se valoriza a leitura literária como experiência (Bondía, 2002) e compreende a escuta ativa (Bajour, 2012) como importante método de apreensão da realidade por parte dos educandos. Diante das análises suscitadas, conclui-se que Torto Arado traz contribuições enriquecedoras para a formação humana ao se comprometer com um horizonte imaginativo revolucionário para/com os oprimidos, assim como, as temáticas formalizadas em seu discurso apresentam um terreno fecundo para uma educação literária crítica e libertadora.


  • Mostrar Abstract
  • A book with a print run of five thousand is usually considered a best seller in Brazil. In contrast, Torto Arado has already sold one hundred thousand, in addition to having won the main national awards for novels. One of the aspects that stand out in justifying this success is the fact that the literature of Itamar Vieira Junior is a literature of alterities, directly dialoguing with the postulates of Benjamin (1987b) when proposing “brushing history against the grain”, which invites not only to think of an inversion of the order, but of a new establishment of the tradition of the oppressed. With this study, the goal is to analyze the forementioned novel from its representations of resistance to barbarism (Benjamin, 1987a; 1987b) and the scars of colonialism (Fanon, 1968) for the composition of literary discourse. From this interpretation, notes for a literacy project are also delimited, taking into account a didactic-methodological path in which literary reading is valued as an experience (Bondía, 2002) and active listening (Bajour, 2012) is understood as an important method of apprehension. reality on the part of the students. In view of the analyzes raised, it is concluded that Torto Arado brings enriching contributions to human formation by committing to a revolutionary imaginative horizon for/with the oppressed, as well as the themes formalized in his speech present a fertile ground for a critical and liberating literary education.

9
  • MARIA KÉRSIA DA SILVA DOURADO
  • VOZES SURDAS: UM ESTUDO ANALÍTICO DE MEMES DE/SOBRE COMUNIDADES SURDAS

  • Orientador : CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • FLAVIA ROLDAN VIANA
  • SÍRIO POSSENTI
  • Data: 23/02/2022

  • Mostrar Resumo
  • A acessibilidade para pessoas surdas tornou-se humoristicamente visível por meio de memes que retratam a atuação do profissional Intérprete de Libras (Língua de Sinais Brasileira). Tendo em vista sua produção e circulação nas redes sociais por pessoas ouvintes, igualmente cotejamos os imagéticos produzidos na/pela comunidade surda. Neste trabalho, a partir do viés metodológico da Análise do Discurso, objetiva-se descrever e analisar quais efeitos de sentido emergem da leitura analítica dos memes disseminados sobre a/pela comunidade surda. Especificamente propomos i) descrever os possíveis efeitos de sentido pelo imagético; ii) depreender posicionamentos em memes imagéticos ao se confrontar as cenas enunciativas, que representam as culturas surda e ouvinte, iii) conhecer as representações identitárias e culturais que se constituem a partir da construção de determinados ethé para surdos e ouvintes. Para essa análise, respaldamo-nos nas contribuições teóricas de Maingueneau (2008a, 2012, 2016b), para entender como esses memes sobre a/pela comunidade surda se constituem a partir do embate entre posicionamentos, construídos, por sua vez, a partir de cenas enunciativas e ethos. Fazem parte deste estudo, a constituição de memes como fenômeno de linguagem e como exercícios de poder em práticas de comunidade discursiva (BAKHTIN, 2002, 2010, 2016; GUERRA e BOTTA 2018; FOUCAULT, [1970] 2014, 1979, 1986, 2018; FELIPE, 2011; MAINGUENEAU, 2008, 2012; WIGGINS, 2019). As análises indicam os seguintes: (1) memes não apenas entretêm usuários da internet, eles herdam uma prática que é reconhecida e mantida na rede pela comunidade; (2) eles incorporam os ethé que, encenados, apontam para determinados posicionamentos (desqualificantes ou de pertencimento da/à comunidade surda); (3) eles (re)constroem as relações de poder pelos exercícios de seus posicionamentos; (4) eles apontam para representações identitárias e culturais.


  • Mostrar Abstract
  • When it comes to the accessibility for deaf people, humor, in addition to professional and legislative aspects, plays a relevant role, since it is a recognized tool for cultural dissemination. In this context, memes are particularly important, as they portray, for example, the performance of the professional Interpreter of Libras (Brazilian Sign Language). Considering the production and circulation in social networks of this relevant cultural artifact, we intend to investigate these images produced in and by the deaf community. In this work, we start from the methodological point of view of Discourse Analysis to investigate which effects of meaning emerge from the analytical reading of memes disseminated about and by the deaf community. Specifically, we propose i) to identify the possible effects of meaning in imagistic recordings; ii) to infer positions in imagery memes, by comparing enunciative scenes of the deaf and non-deaf culture; iii) analyze the identity and cultural representations from the constitution of certain ethé for the deaf and hearing communities. For this analysis, we rely on the theoretical contributions of Maingueneau (2008a, 2012, 2016b) to understand how these memes about and by the deaf community are constituted in the clash between different positioning. In this study, the expression meme is understood as a language phenomenon and as an exercise of power in discursive community practices (BAKHTIN, 2002, 2010, 2016; GUERRA e BOTTA 2018; FOUCAULT, [1970] 2014, 1979, 1986, 2018; FELIPE, 2011; MAINGUENEAU, 2008, 2012; WIGGINS, 2019). We also work with the theoretical concepts inside the studies of deaf culture (CANCLINI, 2009; HALL, 2002; 1997; QUADROS, KARNOPP, 2004; PERLIN, MIRANDA, 2003; PERLIN, 2016; SÁ, 2006; SKLIAR, 2016; STROBEL, 2009; TESKE, 2016, WOODWARD, 2000), moved mainly by our interest in the cultural and identity constitution of deaf communities and in the hegemonic representations of the deaf person and sign language. Our analysis suggest that the memes (1) not only entertain internet users, but also inherit a practice that is recognized and maintained on the network by the community; (2) incorporate the ethé that, when staged, show determined positions (disqualifying or belonging to/from the deaf community); (3) (re)construct the power relations through the exercise of their positions; (4) point to identity and cultural representations from the demarcation of difference.

10
  • FELIPE FRANÇA FERREIRA
  • TRÓPICOS DIABÓLICOS: BARROCO, NEOBARROCO E MAIS HERESIAS EM "DO AMOR E OUTROS DEMÔNIOS"

  • Orientador : SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOAO BATISTA DE MORAIS NETO
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 11/04/2022

  • Mostrar Resumo
  • A literatura latino-americana da segunda metade do século XX tem sido estudada como uma literatura neobarroca, e as obras do colombiano Gabriel García Márquez, umas sim e outras nem tanto, estão inseridas em tal demarcação. Quando se trata de estudos neobarrocos, ainda há uma certa preferência acadêmica por determinados romances desse autor, o que acaba por deixar outras obras suas contendo menos observações à luz desses estudos. Esta dissertação tem por objetivo principal investigar como se manifestam os artifícios do neobarroco sarduyano na obra Do amor e outros demônios, de Gabriel García Márquez, e de como o mundo que nela se desenha é barroco. O conceito da figura do pícaro desenvolvido por José Antonio Maravall, a ideia de labirinto na literatura latino-americana do século XX presente nos estudos de Affonso Romano de Sant´Anna, a classificação de “romance de provação” que o romance barroco recebe e sobre a qual Mikhail Bakhtin se debruça, o real maravilhoso americano de Alejo Carpentier para tratar de uma linguagem barroca, uma natureza e um cotidiano singulares que tem a América, e a crioulização para além do conceito de mestiçagem que o martinicano Edouard Glissant constrói em seus estudos, são o aporte teórico deste trabalho. As contribuições de Linda Hutcheon e Elzbieta Sklodowska, tanto sobre a pós-modernidade quanto a paródia também fazem parte do arcabouço teórico desta dissertação. A metodologia empregada é quase que inteiramente de cunho bibliográfico, no entanto, aparecerão alguns materiais colhidos na internet.


  • Mostrar Abstract
  • The Latin American literature of the second half of the 20th century has been studied as a neo-baroque literature, and the works of the Colombian Gabriel García Márquez, some yes and others not so much, are inserted in this demarcation. When it comes to neobaroque studies, there is still a certain academic preference for certain novels by this author, which ends up leaving other works of his containing fewer observations in the light of these studies. The main objective of this dissertation is to investigate how the artifices of Sarduy's neobaroque are manifested in Gabriel García Márquez's work On Love and Others, and how the world that is drawn in it is baroque. The concept of the figure of the picaro developed by José Antonio Maravall, the idea of labyrinth in 20th century Latin American literature present in the studies of Affonso Romano de Sant'Anna, the classification of "ordeal novel" that the baroque novel receives and about which Mikhail Bakhtin looks at, Alejo Carpentier's wonderful American real to deal with a baroque language, a unique nature and everyday life that America has, and creolization beyond the concept of miscegenation that the Martinican Edouard Glissant builds in his studies , are the theoretical contribution of this work. The contributions of Linda Hutcheon and Elzbieta Sklodowska, both on postmodernity and parody, are also part of the theoretical framework of this dissertation. The methodology used is almost entirely of a bibliographic nature, however, some material collected on the internet will appear.

11
  • DANIELE AMANDA COSTA DE LIMA
  • O CONCEITO LÍNGUA PORTUGUESA E A CONSTRUÇÃO DE SENTIDOS NA LIBRAS:

    A CONCEPTUALIZAÇÃO EM RELATOS DE SURDOS SOB A ABORDAGEM ECOLÓGICA DE COGNIÇÃO E DE LINGUAGEM

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • FLÁVIA MEDEIROS ÁLVARO MACHADO
  • VERIDIANE RIBEIRO PINTO
  • Data: 22/06/2022

  • Mostrar Resumo
  • Durante uma interação, é necessário recorrer à rede de conhecimentos que se possui acerca da língua, dos conceitos evocados pelos elementos linguísticos e da situação vivenciada. Envolvem-se, nesse processo, os mecanismos cognitivo-ecológicos associados à construção de sentidos de conceitos, isto é, à conceptualização. Com o intuito de compreender o modo como surdos conceptualizam LÍNGUA PORTUGUESA em relatos disponibilizados em formato de vídeos na plataforma YouTube, esta dissertação busca responder às seguintes questões: (1) como se caracteriza o jogo de linguagem (WITTGENSTEIN, 2012) que estrutura a interação investigada?; (2) quais são as pistas verbais e não verbais envolvidas no processo de conceptualização de LÍNGUA PORTUGUESA por surdos?; (3) quais são os mecanismos cognitivo-ecológicos envolvidos na conceptualização evidenciada?; (4) como os surdos constroem a sua cosmovisão acerca de LÍNGUA PORTUGUESA? Mediante a saturação teórica (STRAUSS; CORBIN, 2008), selecionou-se três vídeos produzidos em Libras por youtubers surdos, nos quais são relatadas as suas experiências com o português. Respaldando-se nos pressupostos da abordagem ecológica de cognição e de linguagem (DUQUE, 2017), os relatos foram analisados, visando à identificação dos conceitos evocados pelos sinalizantes. A análise realizada sugere que, para a construção de sentidos de LÍNGUA PORTUGUESA, é preciso evocar uma rede de frames (DUQUE, 2015; 2017) que sustenta a conceptualização de que o aprendizado do português é associado ao estudo assíduo da escrita e das categorias gramaticais, ao treino da oralização, ao uso de recursos criados para aumentar a percepção auditiva e ao apreço à Libras. Além disso, revela que, ao aprenderem português, surdos e ouvintes recorrem a eventos distintos e que, no domínio da comunidade surda, a surdez é perspectivada como um traço identitário.


  • Mostrar Abstract
  • During an interaction, it is necessary to resort to the network of knowledge that one has about language, concepts evoked by linguistic elements and the experienced situation. This process involves cognitive-ecological mechanisms associated with the construction of concepts’ meaning, that is, conceptualization. For the purpose of understanding how Deaf people conceptualize Portuguese language in reports available in videos from YouTube, this Master’s thesis seeks to answer the following questions: (1) how can the language-game (WITTGENSTEIN, 2012) that structures the studied interaction be characterized?; (2) what are the verbal and non-verbal clues involved in the process of conceptualization of Portuguese language by Deaf people?; (3) what are the cognitive-ecological mechanisms engaged in the said conceptualization?; (4) how Deaf people build their worldview of Portuguese language? Through a technique to establish saturation of data (STRAUSS; CORBIN, 2008), three videos produced in Brazilian Sign Language (Libras) by Deaf youtubers were selected, in which they share their experiences with Portuguese. Based on the theoretical framework of the ecological approach to cognition and language (DUQUE, 2017), the reports were analyzed aiming the identification of concepts evoked by signers. The analysis performed suggests that, for the construction of meaning of Portuguese language, it is necessary to evoke a network of frames (DUQUE, 2015; 2017) that supports the conceptualization that associates the learning process of Portuguese with assiduous study of writing and grammatical categories, speech training, the use of devices created to increase auditory perception and the appreciation of Libras. Moreover, the research shows that, by learning Portuguese, Deaf people and hearing people resort to distinct events and, within the Deaf community, deafness is perspectivated as an identity trait.

12
  • ISABELA MAIA COSTA
  • AS BOAS MULHERES DA CHINA: AUTOBIOGRAFIA, MEMÓRIA E TESTEMUNHO

  • Orientador : REGINA SIMON DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • HO YEH CHIA
  • MAURO DUNDER
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • Data: 24/06/2022

  • Mostrar Resumo
  • As Boas Mulheres da China: Vozes Ocultas (2003) consiste em uma obra de literatura de não-ficção composta por testemunhos de mulheres chinesas transcritos sob uma estética literária pela escritora e jornalista Xinran Xue. Esta dissertação tem como objetivo analisar a representação dessas mulheres na obra, que ocorre através do entrelace de suas memórias e testemunhos à vida da autora. A maioria dos relatos é narrada em primeira pessoa por Xinran (2003), por isso a obra possui características predominantemente autobiográficas, mas também conta com os elementos de memória e testemunho já citados e, ainda, contém alguns aspectos jornalísticos, o que faz dela uma obra de gênero híbrido. A maior parte das histórias narradas em As Boas Mulheres da China: Vozes Ocultas (2003) se passa durante os anos do governo de Mao Zedong (1949-1976) e são diretamente influenciadas pelas políticas da época. Na área de literatura da academia brasileira, obras que remetem a esse período ainda são pouco exploradas pelos pesquisadores, portanto, para facilitar a compreensão dos leitores, este trabalho conta com uma recapitulação histórica dos principais eventos ocorridos na China durante o século XX. Além disso, também são discutidas as raízes da literatura feminina na China e, de forma bastante superficial, alguns conceitos do confucionismo, para que, assim, possa-se compreender melhor as concepções arcaicas que influenciam até hoje o significado de ser uma boa mulher nesse país. Este é um estudo de caráter bibliográfico e qualitativo, e tem como principal referencial teórico Halbwachs (1990), Ricœur (2020) sobre o estudo da memória; Lejeune (1975), Hershatter (2011) e Dosse (2015) sobre autobiografia e testemunho; Pomar (2003) e Shu (2012), sobre a história da China no século XX; Denton (2016) sobre a literatura chinesa moderna; e Liu, Karl e Ko (2013) e Pang-White (2018) sobre a literatura de autoria feminina na China; Norden (2018) sobre o confucionismo; e Lerner (2017) sobre o patriarcado. Espera-se com este estudo demonstrar que a história e vivência das mulheres perpassam por uma tradição de domínio determinado pelo patriarcado, de maneira similar, em diferentes culturas.


  • Mostrar Abstract
  • The Good Women of China: Hidden Voices (2003) is a non-fiction work of literature composed of testimonies of Chinese women transcribed under a literary aesthetic by the writer and journalist Xinran Xue. This dissertation aims to analyze the representation of these women in the work, which occurs through the intertwining of their memories and testimonies to the author's life. Most of the accounts are narrated in the first person by Xinran (2003), so the work has predominantly autobiographical characteristics, but also has the elements of memory and testimony already mentioned, and also contains some journalistic aspects, which makes it a hybrid genre work. Most of the stories told in The Good Women of China: Hidden Voices (2003) take place during the years when Mao Zedong was the Chairman of the Communist Party of China (1949-1976) and are directly influenced by the politics of the time. In the area of literature of the Brazilian academy, works that refer to this period are still not much explored by researchers, therefore, to facilitate the understanding of readers, this work has a historical recapitulation of the main events that occurred in China during the 20th century. In addition, the roots of women's literature in China are also discussed and, in a very superficial way, some concepts of Confucianism, so that one can better understand the archaic conceptions that influence until today the meaning of being a good woman in this country. This is a bibliographic and qualitative study, and its main theoretical reference is Halbwachs (1990), Ricœur (2020) on the study of memory; Lejeune (1975), Hershatter (2011) and Dosse (2015) on autobiography and testimony; Pomar (2003) and Shu (2012), on the history of China in the 20th century; Denton (2016) on modern Chinese literature; and Liu, Karl and Ko (2013) and Pang-White (2018) on female-authored literature in China; Norden (2018) on Confucianism; and Lerner (2017) on patriarchy. It is hoped with this study to demonstrate that the history and experience of women permeate a tradition of dominion determined by patriarchy, in a similar way, in different cultures.

13
  • LEILA HELOISE DA SILVA JERÔNIMO
  • A (RE)PRODUÇÃO GROTESCA DO INACABAMENTO IDENTITÁRIO DA COMUNIDADE LGBTQIA+ NA SÉRIE SEX EDUCATION

     

     
  • Orientador : MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LUCIANE DE PAULA
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • Data: 14/07/2022

  • Mostrar Resumo
  • O diálogo entre arte e vida revela de que forma o meio social extralinguístico encontra na arte uma resposta imediata à formação social (VOLÓCHINOV, 2019), criando, de tal modo, inteligibilidade entre esses dois mundos que se completam. Nesse contexto, objetiva-se, neste trabalho, a partir dos postulados teórico-metodológicos de Bakhtin (1993; 2011; 2015) e de Volóchinov (2018; 2019), do viés transgressor da Linguística Aplicada (MOITA LOPES, 2006; PENNYCOOK, 2006) e dos estudos sobre sexualidade (BUTLER, 2018; LOURO, 2001), buscar compreender o processo de construção da identidade sexual de personagens ficcionais na série Sex Education e como isso reflete aspectos contemporâneos voltados à vida. Para alcançarmos nosso objetivo, portanto, levamos em consideração a jornada de Eric Effiong, adolescente negro, afeminado, filho de pais protestantes, que tem sua identidade sexual modificada ao longo da primeira temporada da produção pela interação direta com o meio social. Diante disso, e a partir de um estudo qualitativo-interpretativista, analisamos, verbivocovisualmente (PAULA, 2017), como as forças verbo-ideológicas (BAKHTIN, 2015) atravessam enunciações concretas (BAKHTIN, 2011) retiradas das cenas selecionadas como corpus de análise e como essas forças influenciam no inacabamento identitário de sujeitos sócio-históricos materializados sob o viés de atributos grotescos (BAKHTIN, 1993). Os resultados do estudo mostram que a intervenção cultural hegemônica sobre corpos como o de Eric impede práticas subversivas de sexualidades que não respeitam os trâmites tradicionais como consequência de uma tentativa incansável das forças centrípetas de controlar performances identitárias fora dos padrões sexuais heteronormativos. Além disso, ao reproduzir o inacabamento identitário da comunidade LGBTQIA+, o corpo do jovem, consequentemente, reflete e refrata o mundo da vida, recebendo, pois, acabamentos grotescos que exprimem visões sociais acerca de sua orientação sexual.

     

     

     

     
     

  • Mostrar Abstract
  •  

    The dialogue between art and life reveals how the extralinguistic social milieu finds in art an immediate response to the social formation (VOLÓCHINOV, 2019), thus creating intelligibility between these two worlds that complement each other. Accordingly, this paper aims, based on the theoretical and methodological postulates of Bakhtin (1993; 2011; 2015) and Volóchinov (2018; 2019), the transgressive perspective of Applied Linguistics (MOITA LOPES, 2006; PENNYCOOK, 2006), and studies on sexuality (BUTLER, 2018; LOURO, 2001), to seek to understand the process of sexual identity construction of fictional characters in the series Sex Education and how this reflects life-related contemporary aspects. To achieve our goal, therefore, we consider the journey of Eric Effiong, a black, effeminate teenager, son of Protestant parents, who has his sexual identity modified throughout the show's first season by direct interaction with the social environment. Given this, and from a qualitative-interpretative study, we analyze, verbal-vocal-visually (PAULA, 2017), how verb-ideological forces (BAKHTIN, 2015) permeate concrete enunciations (BAKHTIN, 2011) taken from the scenes selected as the Corpus of analysis and how these forces influence the unfinished identity of socio-historical subjects materialized under the bias of grotesque attributes (BAKHTIN, 1993). The study findings show that hegemonic cultural intervention on bodies like Eric's prevents subversive practices of sexualities that do not respect traditional procedures as a consequence of a relentless attempt by centripetal forces to control identity performances outside heteronormative sexual standards. Moreover, by reproducing the identity unfinishedness of the LGBTQIA+ community, the young man's body reflects and refracts the life world, thus receiving grotesque finishings expressing social views about his sexual orientation.

     

     

     

     
     
14
  • MARIANA FERREIRA DOS SANTOS
  • O FRAME MORAL EM “A VIDA INVISÍVEL DE EURÍDICE GUSMÃO” ATRAVÉS DO USO DE METÁFORAS DE BEM-ESTAR

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • RICARDO YAMASHITA SANTOS
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • Data: 19/07/2022

  • Mostrar Resumo
  • A Literatura e Linguística são áreas complementares das ciências humanas, esbarrando-se em muitos assuntos, sob diferentes pontos de vista que fomentam o pensamento crítico e uma análise profunda da sociedade contemporânea em toda sua complexidade. Nesse trabalho, pretende-se convergir conhecimentos dessas duas áreas em uma análise linguística que permita a compreensão mais profunda e detalhada da moral e motivações dos personagens do romance “A Vida Invisível de Eurídice Gusmão”, que permeiam questões político-sociais, linguísticas e literárias. Para tanto, usa-se Lakoff (2008) e suas categorias de análise de modo instrumental para explorar as metáforas de bem-estar no livro, com o objetivo de entender como elas se constroem no discurso e como isso pode influenciar a maneira que se estruturam os papéis sociais dos personagens, bem como entender a moral que direciona as ações dos personagens no texto. Apesar de adotarmos a metodologia linguística e mentalista de Lakoff para análise, os estudos literários também se fazem presentes para uma compreensão social e linguisticamente fundamentada do assunto. Para atingir o objetivo aqui proposto, usamos a análise de Frames, sendo esses uma porta para compreendermos como o pensamento se estrutura no nosso cérebro. Para entendermos como o frame moral funciona, precisamos compreender como nosso cérebro estrutura o que entendemos por moral através da primeira instituição da qual fazemos parte: a família. É através desse frame moral, que se divide em dois modelos, o do Pai carinhoso e Pai Rigoroso 1 (Lakoff, 2009, p. 77 e 81, tradução nossa), que tentaremos compreender como a autora estrutura os frames morais que guiam as personagens do romance. Para tanto, as metáforas de bem-estar (Lakoff, 2008) são usadas como base para análise, com o objetivo final de apresentarmos os dois modelos de família e entendermos como, possivelmente, esses modelos afetam os personagens do romance, e, sendo esses personagens uma representação literária do cidadão e costumes brasileiros, pode-se também inferir como alguns setores da sociedade brasileira aplicam as morais aqui analisadas.


  • Mostrar Abstract
  • Literature and Linguistics are complementary areas of the human sciences, colliding on many issues, from different points of view that foster critical thinking and a deep analysis of contemporary society in all its complexity. This work intends to converge knowledge of these two areas in a linguistic analysis that allows a deeper and more detailed understanding of the morals and motivations of the characters of the novel “The Invisible Life of Eurídice Gusmão”, which permeate social-political, linguistic and literary issues. To this end, Lakoff (2008) and his categories of analysis are used instrumentally to explore the metaphors of well-being in the book, with the aim of understanding how they are constructed in discourse and how this can influence the way they the characters' social roles are structured, as well as understanding the morals that drive the characters' actions in the text. Although we adopt Lakoff's linguistic and mentalist methodology for analysis, literary studies are also present for a socially and linguistically grounded understanding of the subject. To achieve the objective proposed here, we use the Frame analysis, which is a door to understanding how thought is structured in our brain. To comprehend how moral framing works, we need to understand how our brain structures what we understand by morals through the first institution of which we are a part of: the family. It is through this moral frame, which is divided into two models, Nurturing Father and Strict Father ¹ (Lakoff, 2009), that we will try to understand how the author structures the moral frames that guide the characters in the novel. For that, the metaphors of well-being (Lakoff, 2008) are used as a basis for analysis, with the final objective of presenting the two models of family and understanding how, possibly, these models affect the characters of the novel, and, being these characters a literary representation of Brazilian citizens and customs, one can also infer how some sectors of Brazilian society apply the morals analyzed here.

15
  • CEFLA DE MEDEIROS GONCALVES
  • Entre distopia e ficção científica: a construção identitária de Lacie Pound no episódio Nosedive da série Black Mirror 

     
     
     
  • Orientador : MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LUCIANE DE PAULA
  • MARIA BERNADETE FERNANDES DE OLIVEIRA
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • Data: 19/07/2022

  • Mostrar Resumo
  • Nesta dissertação, objetiva-se estabelecer, a partir dos pressupostos teóricos-metodológicos de BAKHTIN (2002; 2010; 2011; 2015; 2016; 2017; 2018), VOLÓCHINOV (2017) e MEDVIÉDEV (1994), uma análise discursiva do processo de construção identitária da personagem principal, Lacie Pound, a partir do episódio Nosedive, da série britânica Black Mirror, aspirando compreender como as interações que Lacie desenvolve com os outros personagens atravessam a sua identidade (HALL, 2015) e como a jornada da protagonista reflete e refrata questões da sociedade atual. Nesse sentido, pretende-se analisar como a série Black Mirror e, principalmente, o episódio Nosedive, aponta para temáticas ligadas à sociedade hipermoderna (LIPOVETSKY, 2020) e digital (HAN, 2019). Além disso, dentro da esfera de extremismo social da narrativa, intenciona-se analisar como se dá o hibridismo de gênero, o qual ocorre por meio da junção dos gêneros discursivos ficção científica (SUVIN, 1979; BRUNNER, 1971) e distopia (MOYLAN, 2016). Por fim, esta pesquisa também pretende analisar como ocorre a construção do corpo grotesco no enredo ficcional por meio do corpo de Lacie, evidenciando as práticas sociais que excluem aqueles que fogem do padrão de arquétipo corporal difundido na hipermodernidade. Situando-se na Linguística Aplicada, sobretudo em seu caráter indisciplinar (MOITA LOPES, 2006), e com o fito de abordar as práticas sociais dos sujeitos ficcionais, este estudo adota o método indiciário (GINZBURG, 1989), o cotejamento dialógico (GERALDI, 2012; MIOTELLO, 2017) e a perspectiva verbivocovisual (PAULA, 2017), assumindo, portanto, uma orientação dialogizada. Nesse viés, elencamos 19 cenas de Nosedive, as quais serão nosso arcabouço de análise, apresentadas por meio de figuras e diálogos retirados do episódio. Como resultados de pesquisa, percebemos que o hibridismo de gênero entre a distopia e a ficção científica formula a narrativa de Black Mirror e do episódio em análise, bem como possibilita ao espectador reflexões acerca de um cronotopo hipermoderno e hiperconectado. Por fim, identificamos, em nossa análise, que o processo de construção identitária de Lacie é marcado pela relação conflituosa de alteridade que a personagem mantém com os sujeitos que integram a sua vida, na medida em que seu fascínio e suas expectativas quanto ao ranqueamento existente na sociedade são corrompidos. Nesse sentido, a identidade da protagonista se mostra fluida e inacabada, tendo em vista que a sua jornada possibilita contínuas transformações.

     

     

     

     

     
     
     
     

  • Mostrar Abstract
  • This thesis has the objective to establish, from The Bakhtin Circle’s theoretical and methodological assumptions, a discursive analysis of the identity construction process as regards the characters of the episode Nosedive, from the British series Black Mirror, mainly about the protagonist’s identity, Lacie Pound, and from which ways the identity constructions reflect and refract the identities of contemporary persons, marked by a unfinished identity (HALL, 2006). In addition, it aims to analyze how Black Mirror series, through literary language, represents the current reality, defined as liquid (BAUMAN, 2001), digital (HAN, 2019a), transparent (HAN, 2020), hypermodern (LIPOVETSKY, 2020a) and nimble (LIPOVETSKY, 2020b). To achieve these pretensions the audiovisual work (CANTORE and PAIVA, 2020) Nosedive, co-written by Michael Schur and Rashida Jones, will be used as a way to emphasize the identity questions as of interactions between Lacie Pound and other characters, since Lacie’s identity construction occurs through the relationships built along the plot, evincing social questions in an extremely excluding universe, regards to the acceptability of people who escaped from socially imposed standards and reverberate characteristics of the grotesque (BAKHTIN, 1989). In this social extremism sphere, it intends to analyze how the dystopian discourse genre, along with the Science Fiction discourse genre build a new genre, which results in the series concerned. Moreover, it is intended to study how the grotesque bodies are constituted throughout the Nosedive plot, in particular the main character’s body – since the grotesque is remarkable in its corporeal image – and in what ways they are linked to the ideal body archetype widespread in hypermodernity (LIPOVETSKY, 2020a) and in the society of beauty (HAN, 2019b). At length, seeks to evince the aversion that Nosedive’s society has to the different, metamorphosed into the monstrous figure, becoming liable to punishment and social exclusion, which ends up reflecting the world in contemporary life in art.

     

     

     

     

     
     
     
     
16
  • MAIARA DO NASCIMENTO ARAÚJO
  •  

    IMAGENS DA CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE DE PROFESSORES DE LÍNGUA ESPANHOLA EM RELATÓRIOS DE ESTÁGIO DA UFRN

  • Orientador : SULEMI FABIANO CAMPOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • FÁBIO BARBOSA DE LIMA
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • VALNECY OLIVEIRA CORRÊA SANTOS
  • Data: 22/07/2022

  • Mostrar Resumo
  • Nesta pesquisa temos como objeto de estudo a escrita de futuros professores de espanhol, em relatórios de estágio relativos à etapa de formação que deveria dar-se no ensino fundamental regular, mas que devido a falta de campo de estágio se desenvolve a partir de modalidades, oferecendo assim outras formas aos graduandos para sua realização. Considerando este contexto, estabelecemos como objetivo geral: analisar os efeitos de sentido que a experiência de estágio por modalidades provoca na construção da imagem da identidade docente nos relatórios de estágios produzidos por licenciandos, do curso de Letras – Língua Espanhola e Literaturas da UFRN. A hipótese é de que a realização do estágio a partir das modalidades possibilita a emergência, nos textos dos estagiários, de diferentes imagens do que seria um professor de língua espanhola, podendo essas serem percebidas a partir da escrita dos relatórios de estágio. Para alcançar o nosso propósito elaboramos os seguintes objetivos específicos: a) investigar as formas como os estagiários se relacionam, na escrita dos relatórios, com os textos lidos dentro da disciplina de estágio; b) analisar as imagens do professor de língua espanhola nos relatórios de estágio das diferentes modalidades; c) analisar os efeitos de sentido que o estágio por modalidades provoca na construção da identidade docente; d) examinar a partir de operações linguístico-discursivas as imagens presentes nos relatórios sobre o lugar do espanhol no ensino fundamental. Para tanto, este trabalho fundamenta-se na Análise do Discurso de linha francesa, partindo dos conceitos de formações imaginárias, formações ideológicas e forma-sujeito, propostos por Pêcheux (2014a; 2014b). Também contribuíram os estudos de Guimarães (2016), Rodrigues (2012) e Paraquett (2009) relativos ao ensino de espanhol no contexto brasileiro; e os de Hall (2006) e Pimenta e Lima (1997; 2004) sobre construção identitária. Esta pesquisa é de natureza qualitativa, de caráter descritivo-interpretativista baseado no método indiciário apresentado por Ginzburg (1989), bem como na proposta teórico-metodológica de leitura dos dados orientada por Pêcheux (1997). O corpus é composto por 06 relatórios de estágio produzidos por licenciandos do curso de graduação em língua espanhola da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Os relatórios são relativos à disciplina de Estágio Supervisionado de Formação de Professores para o Ensino Fundamental (Espanhol) e foram desenvolvidos durante os anos de 2018 e 2019, o acesso aos relatórios foi autorizado pelo professor responsável pela disciplina, como também pelos alunos que os produziram. Os resultados apontaram que os estagiários estabeleceram três tipos de relações em sua escrita com as leituras realizadas dentro da disciplina: menção constitutiva, menção acessória e a não-menção constitutiva. As imagens do professor de espanhol nos relatórios não se mostraram de forma unificada, sinalizando assim que vários sentidos as constituem, alguns destes se fazem presentes em todos os relatórios como o professor de espanhol é mediador do processo de aprendizagem, é aquele que ensina a língua tendo como foco o aluno e a sua realidade social e cultural.  Outros sentidos permeiam a imagem do professor somente em modalidades específicas. Quanto a imagem do lugar do espanhol no ensino fundamental esta se constitui majoritariamente como um lugar inexistente, tendo os futuros professores se posicionado contrários a esta imagem.


  • Mostrar Abstract
  • Esta pesquisa aborda a construção discursiva da identidade docente do professor de língua espanhola em relatórios de estágio, de uma disciplina de estágio supervisionado que deveria ocorrer no ensino fundamental regular, mas que pela falta de campo de atuação, acaba por se desenvolver por meio de modalidades. Considerando este contexto, estabelecemos como objetivo geral: analisar os efeitos de sentido que a experiência de estágio por modalidades provoca na construção da imagem da identidade docente dos licenciandos, do curso de Letras – Língua Espanhola e Literaturas da UFRN. A hipótese é de que a realização do estágio a partir das modalidades possibilita a emergência, nos textos dos estagiários,  de diferentes imagens do que seria um professor de língua espanhola, podendo essas serem percebidas a partir da  escrita dos relatórios de estágio. Para alcançar o nosso propósito elaboramos os seguintes objetivos específicos: a) investigar as formas como os estagiários se relacionam, na escrita dos relatórios, com os textos lidos dentro da disciplina de estágio; b) analisar as imagens do professor de língua espanhola nos relatórios de estágio das diferentes modalidades; c) examinar a partir de operações linguístico-discursivas as imagens presentes nos relatórios sobre o lugar do espanhol no ensino fundamental. Para tanto, este trabalho fundamenta-se na Análise do Discurso de linha francesa,  partindo dos conceitos de formações imaginárias, formações ideológicas e forma-sujeito, propostos por Pêcheux (2014a; 2014b). Também contribuíram os estudos de Guimarães (2016), Rodrigues (2012) e Paraquett (2009) relativos ao ensino de espanhol no contexto brasileiro; e os de Hall (2006), Leffa (2012) e Pimenta e Lima (1997; 2004) sobre construção identitária. Esta pesquisa é de natureza qualitativa, de caráter descritivo-interpretativista baseado no método indiciário apresentado por Ginzburg (1989), bem como na proposta teórico-metodológica de leitura dos dados orientada por Pêcheux (1997). O corpus é composto por 06 relatórios de estágio produzidos por licenciandos do curso de graduação em língua espanhola da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Os relatórios são relativos à disciplina de Estágio Supervisionado de Formação de Professores para o Ensino Fundamental (Espanhol) e foram desenvolvidos durante os anos de 2018 e 2019, o acesso aos relatórios foi autorizado pelo professor responsável pela disciplina, como também pelos alunos que os produziram. Os resultados preliminares apontam que a experiência de estágio por modalidades produz efeitos na construção discursiva da identidade docente dos licenciandos. Um deles seria a ressignificação da imagem do professor de língua espanhola, através do contato com os discursos presentes nas leituras realizadas e/ou com os discursos que perpassam a prática dos professores supervisores. Outro efeito seria a reafirmação do ensino fundamental como um não lugar de atuação para esse profissional.

17
  • EMILLY VALÉRIA RIBEIRO ARAÚJO
  • UM VÉRTICE DE ÂNGULO: CONTOS CASCUDIANOS SOBRE AS HISTÓRIAS QUE O TEMPO LEVA

  • Orientador : JOSE LUIZ FERREIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • MARIA SUELY DA COSTA
  • Data: 25/07/2022

  • Mostrar Resumo
  • Em Histórias que o tempo leva... (1924), Luís da Câmara Cascudo narra ficcionalmente episódios inspirados na História norte-rio-grandense. Matizando as curtas narrativas com as cores dos componentes locais, figuram em seus contos representações oriundas da cultura popular e da espacialidade citadina. Frente a esses conteúdos, o presente trabalho analisa as temáticas históricas, culturais e citadinas em articulação com as ideias do movimento modernista brasileiro, tendo em vista que Câmara Cascudo assumiu um papel de protagonismo nas discussões e na divulgação do movimento na província. Assim, esta pesquisa dialoga com as orientações teóricas de Antonio Candido (2014) e Mário de Andrade (1978) sobre o Modernismo; Walter Benjamin (1987), Le Goff (1990) e Alfredo Bosi (1992), para o estudo dos eventos correlatos ao campo histórico; Gaston Bachelard (1993) e Borges Filho (2007), para a análise das representações espaciais. A partir da análise empreendida, identificamos que a retomada de acontecimentos volvidos, pelo viés literário, propicia a apreensão de um passado caracterizado pela pluralidade, favorecendo o desrecalque histórico. Além disso, notou-se que as latências socioespaciais refletem indícios do universo colonial ao lado de uma tímida aspiração cosmopolita. Desse modo, compreende-se que o livro contribuiu para a renovação do pensamento intelectual nacional, o que se dá pelo regaste da tradição regional em consonância com as ideias em voga no modernismo.


  • Mostrar Abstract
  • In Histórias que o tempo leva… (1924), Luís da Câmara Cascudo fictionally narrates episodes inspired by the history of the brazilian state of Rio Grande do Norte. The short narratives intertwine with the colors of the local components, representing popular culture and urban spatiality in the tales. Given these contents, this work analyzes the historical, cultural, and urban themes in articulation with the ideas of the Brazilian modernist movement, considering that Câmara Cascudo assumed a leading role in the discussions and dissemination of the movement in the province. Thus, this research dialogues with the theoretical orientations of Antonio Candido (2014) and Mário de Andrade (1978) on Modernism; Walter Benjamin (1987), Le Goff (1990), and Alfredo Bosi (1992) for the study of events related to History; and Gaston Bachelard (1993) and Borges Filho (2007) for the analysis of spatial representations. Based on the analysis carried out, we identified that the return to past events, from the literary point of view, provides the apprehension of a past characterized by plurality, favoring a historical inclusion. In addition, it was noted that socio-spatial latencies reflect evidence of the colonial universe alongside a subtle cosmopolitan aspiration. Therefore, it is understood that the book has contributed to renewing the national intellectual thought, which is due to the rescue of regional tradition in consonance with the ideas in vogue in Modernism.

18
  • DAYANA BENTO DE SOUZA
  • ESTUDO CRÍTICO/PROPOSITIVO DAS FORMAS DE FAZER PEDIDOS EM LIVROS DIDÁTICOS DE PLE (PB)

  • Orientador : MARCELO DA SILVA AMORIM
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALESSANDRA CASTILHO FERREIRA DA COSTA
  • LUIZ HERCULANO DE SOUSA GUILHERME
  • MARCELO DA SILVA AMORIM
  • Data: 28/07/2022

  • Mostrar Resumo
  • No contexto de ensino-aprendizagem de Português Língua Estrangeira (PLE), deve-se considerar que o ensino da gramática precisa ser abordado pela perspectiva estritamente pedagógica, ou seja, ela precisa ter um papel ativo no desenvolvimento da consciência linguística do aprendente no vernáculo, possibilitando-lhe fazer uso crítico das formas e funções que os falantes nativos empregam de forma espontânea, extrapolando a norma preconizada nos manuais prescritivos e reproduzidas no Livro Didático (LD) de PLE. Sendo assim, é preciso compreender as lacunas do LD de PLE e trabalhar no sentido de proporcionar melhores condições para abordagens que gerem real comunicação e que a língua em uso seja o foco das possibilidades de interação. Dito isso, nossa investigação, que é de natureza qualitativa, tem como objetivo analisar como se dá a apresentação da competência fazer pedidos nos livros didáticos de PLE, abordada de maneira pouco prática e/ou funcional além do que recomenda a norma gramatical. Utilizamos, em nossas análises, trêsmanuais para o ensino de PLE que contêm a competência mencionada: Novo Avenida Brasil 1 (LIMA et al., 2008); NOTA 10: Português do Brasil (DIAS; FROTA, 2015); e SAMBA!: Curso de Língua Portuguesa para Estrangeiros (FERRAZ; PINHEIRO, 2020). Mapeamos os usos propostos pelos supramencionados LD, confrontando-os às variedades recorrentes na língua em uso. Teoricamente, fundamentamo-nos nas acepções sobre métodos de ensino de língua estrangeira com Larsen-Freeman (2000); etapas da aprendizagem gramatical com abordagem comunicativa com Brown (2007); Bizarro (2017); Kramsch (2013); Mendes (2011); Meyer (2013); Silveira (1998); Santos e Alvarez (2010); dentre outros teóricos.


  • Mostrar Abstract
  • In the teaching-learning context of Portuguese as a Foreign Language (PFL), one must keep in mind that teaching grammar must be approached from a strictly pedagogical perspective. It needs an active role in the development of the linguistic conscience of the learner, thus making possible the critical usage of forms and functions which native speakers employ spontaneously, extrapolating the norm professed in the prescriptive manuals and reproduced in the PFL Textbook (TB). Therefore, it is necessary to comprehend the PFL TB’s gaps and to work to foster better conditions to approaches which generate real communication, and so that language in use is the focus of the possibilities of interaction. That said, our investigation, which is of qualitative nature, aims to analyze how the competence fazer pedidos is presented in PFL textbooks, how it is approached in a less practical and/or functional way besides what the grammar rule recommends. In our analysis we use three manuals for teaching PFL which include said competence: Novo Avenida Brasil 1 (LIMA et al., 2008); NOTA 10: Português do Brasil (DIAS; FROTA, 2015); and SAMBA!: Curso de Língua Portuguesa para Estrangeiros (FERRAZ; PINHEIRO, 2020). We map the uses proposed by the aforementioned Textbooks, comparing them to the reoccurring varieties in the language in use. Theoretically, we are supported by the interpretations on methods of teaching foreign language by Larsen-Freeman (2000); stages of grammatical learning with communicative approach by Brown (2007); Bizarro (2017); Kramsch (2013); Mendes (2011); Meyer (2013); Silveira (1998); Santos and Alvarez (2010); among other theoreticians.

19
  • LUCAS DA SILVA RODRIGUES
  • A fala potiguar em talk show: a alternância dos pronomes pessoais NÓS e A GENTE

  • Orientador : MARIA ALICE TAVARES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDAIR GÖRSKI
  • ERICA REVIGLIO ILIOVITZ
  • MARIA ALICE TAVARES
  • Data: 28/07/2022

  • Mostrar Resumo
  • Sob os fundamentos teórico-metodológicos da sociolinguística variacionista, esta dissertação tem por objetivo descrever e analisar a alternância entre os pronomes de primeira pessoa do plural NÓS e A GENTE na fala de entrevistados e do entrevistador do talk show potiguar Agora é com Danilo. O corpus é constituído por 407 dados de NÓS e de A GENTE na função de sujeito provenientes de 19 entrevistas feitas com convidados do programa e 228 dados desses pronomes na fala do apresentador da atração. Os dados dos entrevistados foram codificados de acordo com fatores de natureza linguística (determinação do referente, paralelismo e preenchimento do sujeito) e social (sexo, idade e profissão). Os dados do entrevistador foram codificados de acordo com os mesmos fatores linguísticos. Quanto aos fatores sociais, a codificação para o entrevistador considerou o perfil dos entrevistados, em uma perspectiva de acomodação ao interlocutor. A codificação dos dados foi submetida ao programa estatístico GOLDVARB X para obtenção de frequências e pesos relativos. Todos os fatores linguísticos foram estatisticamente significativos para os entrevistados e, entre os sociais, destacaram-se a profissão e o sexo. Os padrões de distribuição de NÓS e A GENTE quanto a esses fatores foram similares aos padrões observados em pesquisas realizadas em diferentes regiões brasileiras. Para o apresentador do talk show, os fatores significativos foram o paralelismo e o preenchimento do sujeito. Não houve indícios de acomodação ao interlocutor. O tom de informalidade do programa pode ter sido determinante para a preferência do apresentador pelo A GENTE, independentemente do perfil social do entrevistado.   


  • Mostrar Abstract
  • Guided by theoretical and methodological foundations of variationist sociolinguistics, this dissertation aims to describe and analyze the alternation between subject plural first-person pronouns NÓS and A GENTE in the speech of interviewees and the interviewer of the talk show Agora é com Danilo. The corpus contains 407 data of NÓS and A GENTE in the subject function from 19 interviews done with the guests of the television talk show and 228 data of these pronouns in the interviewer's speech. We codify the data from the interviewees according to linguistic (referent determination, parallelism, and subject filling) and social (sex, age, and occupation) factors. We did the same with the interviewer’s data for the linguistic factors. However, for social factors, we codified the data according to the social profile of the interviewees, from the perspective of accommodation to the interlocutor. Then we submit the codification to the statistical program GOLDVARB X to obtain frequencies and relative weights. All linguistic factors were statistically significant for respondents, and, regarding social factors, occupation and sex were significant. NÓS and A GENTE distribution patterns for these factors were similar to patterns observed in investigations carried out in different Brazilian regions.  The significant factors for the talk show host were parallelism and subject filling. There was no evidence of accommodation to the interlocutor. The informal tone of the program could have been the reason for the greater use of A GENTE in the host’s speech, regardless of the interviewee’s social profile.

20
  • ANA KAROLINE ABRANTES OLIVEIRA
  • Variação entre NÓS e A GENTE na fala da apresentadora do programa Resenhas do RN (2019-2020)

  • Orientador : MARIA ALICE TAVARES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CELIA MARIA DE MEDEIROS
  • MARIA ALICE TAVARES
  • MARIA JOSE DE OLIVEIRA
  • Data: 26/09/2022

  • Mostrar Resumo
  • Sob a ótica da Sociolinguística Variacionista, esta dissertação tem como objetivo analisar a variação entre os pronomes de primeira pessoa do plural NÓS e A GENTE na fala da apresentadora do programa televisivo de variedades Resenhas do RN nos anos de 2019-2020. Para tanto, transcrevemos 16 programas gravados em diferentes cidades do Rio Grande do Norte. Controlamos quantitativamente os seguintes elementos como influenciadores da escolha entre os pronomes: (i) os diferentes momentos que compõem o programa de variedades; (ii) a possibilidade de acomodação da apresentadora ao perfil social dos entrevistados. No entanto, os fatores vinculados à acomodação da apresentadora ao interlocutor não foram significativos. O Resenhas do RN pode ser dividido em três momentos. Na narração inicial, a apresentadora faz uso de um estilo de fala mais formal e permeado pela escrituralidade. No segundo momento, ao apresentar o episódio e falar diretamente com o público, sua fala é menos formal. Por fim, enquanto entrevista os convidados, sua fala se aproxima de uma conversa cotidiana. Nossa hipótese era de que, no momento da entrevista, a apresentadora utilizaria mais o A GENTE, o pronome mais recente, o que foi confirmado. Concluímos que, dependendo do gênero textual que fornece os dados, é necessário tomá-lo não como um todo, mas considerando as diferentes partes de que é composto. Cada parte pode permitir graus de formalidade distintos, o que é relevante para a seleção de formas variantes.  


  • Mostrar Abstract
  • From the perspective of Variationist Sociolinguistics, this thesis aims to analyze the variation between the first-person plural pronouns NÓS and A GENTE in the speech of the TV hostess of the variety program Resenhas do RN in the years 2019-2020. We transcribed 16 episodes recorded in different cities of Rio Grande do Norte. We controlled the following factors as restrictors of the choice between pronouns: (i) the different phases that constitute the variety show; (ii) the possibility of accommodating of the hostess to the social profile of the interviewees. However, the factors linked to the accommodation of the hostess to the interlocutor were not significant. The Resenhas do RN can be divided into three phases. In the initial narration, the hostess uses a more formal style of speech permeated by writing. In the second moment, when presenting the episode and speaking directly to the audience, her speech is less formal. Finally, as she interviews the guests, her talk approaches an everyday conversation. Our hypothesis was that, at the time of the interview, the hostess would use the most recent pronoun A GENTE, which was confirmed. We conclude that, depending on the textual genre that provides the data, it is necessary to take it not as a whole, but considering the different parts of its composition. Each part may allow for different degrees of formality, which is relevant for the selection of variant forms.

21
  • LUCAS VICTOR DE OLIVEIRA ARAUJO
  • Real e ideologia em The ones who walk away from Omelas.

  • Orientador : ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • TITO MATIAS FERREIRA JÚNIOR
  • Data: 04/11/2022

  • Mostrar Resumo
  • A presente dissertação objetiva analisar a representação da composição ideológica do narrador no conto The ones who walk away from Omelas, parte da coletânea The wind’s twelve corners, da autora estadunidense Ursula K. Le Guin, de modo a compreender em que medida o conto sob análise contém uma transição entre os conceitos de utopia e distopia, como a narrativa constrói a proposta utópica de forma crível e de que forma a visão žižekiana da teoria do Real contribui para a análise da narrativa leguiniana. Para tanto, são realizadas análises partindo dos conceitos de ideologia como vistos pelo dialogismo, ideologicamente neutra e valorada apenas quando ligadas aos discursos da vida social. Dispõe-se também de conceitos como autor-criador, bivocalidade e enunciado para uma melhor compreensão do processo do fazer literário enquanto materialização de ideologias do mundo social vivo. Dialoga-se com estes conceitos os estudos psicanalíticos do filósofo esloveno Slavoj Žižek o qual aproxima a ideologia do conceito lacaniano de Simbólico, uma camada de distorção na percepção do Real. Ainda que provindas de áreas distintas com premissas diferentes, através da metodologia “a visão em paralaxe” do próprio filósofo esloveno, pode-se obter uma perspectiva que engloba pontos de vista mutuamente excludentes de forma que se possa melhor compreender onde as duas teorias se aproximas e se afastam e, assim, compor uma visão analítica mais completa do objeto literário em questão. A análise expõe através dos mecanismos dialógicos a maneira pela qual os discursos do narrador são construídos para dialogar com discursos da vida social de um leitor presumido, enquanto a perspectiva psicanalítica žižekiana demonstra de que maneira esta conexão ideológica lida com a percepção de utopia enquanto não pertencente ao Real e da distopia enquanto uma paixão pelo Real.

     


  • Mostrar Abstract
  • This work aims to analyze the representation of the narrator’s ideological composition in the short story The ones who walk away from Omelas, part of the collection The wind’s twelve corners¸by the American writer Ursula K. Le Guin in order to comprehend to what extent the analyzed text contains a transition between the concepts of utopia and dystopia, how the narrative builds an utopic proposal, and by what mean the žižekian view on the Real may contribute to the leguinian studies. To do so, analyses are performed regarding the concept of ideology as seen from the dialogical perspective, ideologically neutral and given valor only when connected to the speeches of social life. The research also makes use of the Circle’s concepts of author-creator, double-voiced discourse, and utterance in order to better comprehend the literary writing process as materializing ideologies from the live social world. We dialogue these concepts with the psychoanalytic studies of the Slavic philosopher Slavoj Žižek. The Slavic author has ideology as a similar concept to the lacanian Symbolic, a layer of distortion on one’s perception of the Real. Although both theories come from distinct areas of knowledge and different premises, through Žižek’s “parallax vision” method it is possible to attain perspective that contains mutually exclusive points of view. Thus, it allows for a better comprehension of how two different theories are similar and or not, an understanding that would otherwise be impossible. Through this understanding one may trace a more complete reading of the literary object. The analysis exposes through the dialogical mechanisms the manner through which the narrator’s discourses are constructed with the objective of dialoguing with the discourses from social life present in the presumed reader. The žižekian perspective elucidates how this ideological connection deals with the perception of utopia as non-existing in the realm of the Real and dystopia as a passion for the Real.

     

     

22
  • ANA CAROLINA LOURENÇO DE ASSIS
  • OS OGROS TÊM CAMADAS (DIALÓGICAS): a corrosão carnavalesca dos elementos prototípicos dos contos de fadas tradicionais fílmicos em Shrek (2002)

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • JULIO CESAR MACHADO
  • Data: 01/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • Os contos de fadas sempre fizeram parte das tradições culturais de diversos povos. Por meio das contações orais, esses gêneros discursivos engendraram-se na formação de gerações, no que se refere aos costumes, às religiosidades e aos comportamentos. A partir de então, o irreal, o mágico e o irracional, categorias comuns nas representações arquetípicas dos contos de fadas, tornaram-se concepções recorrentes na criação de histórias, cujas fenomenologias proibidas, banidas ou rejeitadas pela sociedade passaram a ser consideradas possíveis no mundo maravilhoso. No âmbito da escrita, alguns nomes se destacaram produzindo ou coligindo coletâneas de contos de fadas para infantes, sendo eles, os irmãos os alemães Grimm (Branca de Neve e os sete anões); o francês Charles Perrault (A bela adormecida) e o dinamarquês Hans Christian Andersen (A Pequena Sereia). Já com o avanço tecnológico, esses mesmos contos ganharam novas versões por meio da imagem cinematográfica. A ascensão do cinema de animação, principalmente pelas indústrias Disney, contribuiu para que essas narrativas, que resistem há milênios, se firmassem com as características que possuem na atualidade. Contudo, no filme Shrek (2001), somos apresentados a um conto de fadas de animação às avessas dessas histórias de cunho oral e cinematográfico. A problemática gira em torno da corrosão dos textos orais e fílmicos que apresentam o enredo das histórias ditas “tradicionais”. No enredo, somos levados a acompanhar a aventura do ogro Shrek em busca da Princesa Fiona, pela qual ele se apaixona na estrada. É nesse caminho que são revelados os dilemas existenciais, as problemáticas identitárias, assim como as interferências cronotópicas da estrada nos sujeitos. Como corroboração para discussão desta problemática, utilizamos os preceitos basilares norteadores dos postulados do Círculo de Bakhtin, no que se refere aos gêneros discursivos (BAKHTIN, 2016) (voltados para os contos e os filmes); à cosmovisão carnavalesca e a filosofia do riso (BAKHTIN, 2010, 2018a) como princípios de subversão e de corrosão, a partir do filme Shrek (2001), da DreamWorks tradução brasileira, e ao conceito de cronotopo (BAKHTIN, 2018); além disso, a pesquisa está inserida na área mestiça, híbrida, INdisciplinar e radical da Linguística Aplicada (LA) e se fundamenta nas teorias filosóficas de Byung-Chul Han (2017a, 2017b, 2019, 2021), bem como no conceito de hipermodernidade de Lipovetsky (2004). No tocante à metodologia, a construção e obtenção dos dados, desenvolveu-se por uma perspectiva qualitativa-interpretativista e se utilizou do paradigma indiciário de Ginzburg (1986) e do cotejamento dialógico pensado inicialmente por Bakhtin (2017) e posteriormente elaborado por Manfrim (2017) e Sobral (2017). Acreditamos que nosso corpus apresenta uma concepção do herói, da princesa e do corpo grotesco cuja desconstrução das imagens idealizadas dos contos infantis apresentam, no heterodiscurso do filme, representações que diferem daqueles presentes nos contos de fadas.


  • Mostrar Abstract
  • Fairy tales have always been part of the cultural traditions of different peoples. Through oral accounts, these discursive genres were engendered in the formation of generations, with regard to customs, religiosities and behaviors. From then onwards, the unreal, the magical and the irrational, common categories in the archetypal representations of fairy tales, became recurrent conceptions in the creation of stories, whose prohibited, banned or rejected phenomenologies by society came to be considered possible in the wonderful world. In terms of writing, some names stood out by producing or assembling collections of fairy tales for children, some of them being the german brothers Grimm (Snow White and the seven dwarfs); the french Charles Perrault (Sleeping Beauty) and the danish Hans Christian Andersen (The Little Mermaid). With technological advances, these same tales gained new versions through the cinematographic image. The rise of animation cinema, mainly by the Disney industries, contributed to these narratives, which have resisted for millennia, to establish themselves with the characteristics they have today. However, in the film Shrek (2001), we are presented with an upside-down animated fairy tale of these stories of an oral and cinematographic nature. The problematic revolves around the corrosion of oral and filmic texts that present the plot of so-called “traditional” stories. In the plot, we are taken to follow the adventure of the ogre Shrek in search of Princess Fiona, with which he falls in love on the way. It is on this path that existential dilemmas, identity issues, as well as the chronotopic interferences of the road in the subjects are revealed. As corroboration for the discussion of this problematic, we used the basic precepts guiding of the postulates of the Bakhtin Circle, with regard to discursive genres (BAKHTIN, 2016) (focused on short stories and movies); the carnival cosmovision and the philosophy of laughter (BAKHTIN, 2010, 2018) as principles of subversion and corrosion, from the film Shrek (2001), by DreamWorks, brazilian translation, and the concept of chronotope; furthermore, the research is inserted in the mestizo, hybrid, multidisciplinary and radical area of Applied Linguistics and is based on the philosophical theories of Byung-Chul Han (2017a, 2017b, 2019, 2021), as well as in the concept of hypermodernity by Lipovetsky (2004). Regarding the methodology, the construction and collection of data was developed from a qualitative-interpretative perspective and was used the evidential paradigm of Ginzburg (1986) and the dialogical comparison at first thought by Bakhtin (2017) and later elaborated by Manfrim (2017) and Sobral (2017). It's believed that our corpus presents a conception of the hero, the princess and the grotesque body whose deconstruction of idealized images of children's tales present, in the movie's heterodiscourse, representations that differ from those present in fairy tales.

23
  • EMILIANA OLIVEIRA DE LIMA
  • CONSTITUIÇÃO IDENTITÁRIA DE SUJEITOS APRENDIZES DE LIBRAS NO CAS NATAL 
     
  • Orientador : MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • RAQUEL ELIZABETH SAES QUILES BENINI
  • Data: 09/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa busca investigar como se dá o processo de constituição identitária de sujeitos aprendizes de Libras no Centro Estadual de Capacitação de Educadores e de Atendimento às Pessoas com Surdez – CAS Natal. A interação dialógica é inerente ao ímpeto humano de se relacionar socialmente, acontecendo por meio de diferentes linguagens, sejam orais ou visuais. Nessas relações de alteridade, somos, inevitavelmente, refratados pelos discursos que nos circundam, o que reverbera nossas constituições identitárias. Sendo assim, situamo-nos no grande terreno (in)disciplinar da Linguística Aplicada (FABRÍCIO, 2017; MOITA LOPES, 2006, 2013; PENNYCOOK, 2006; KLEIMAN, 2013), cujos pressupostos dialogam a partir do sujeito em sua singularidade, com o objetivo de criar inteligibilidade sobre problemas sociais em que a língua tem papel central. Para robustecer as discussões desta investigação, recorremos aos estudos do Círculo de Bakhtin (BAKHTIN, 2011, 2015, 2016, 2017a, 2018;  VOLÓCHINOV, 2018, 2019), para nos amparar quanto à questão de linguagem enquanto prática social; para fundamentar as discussões acerca das identidades, nos baseamos nos Estudos Culturais (HALL, 2014, 2020; CANCLINI, 2016, 2019; WOODWARD, 2014); e para as fundamentações relacionadas à Libras e às constituições identitárias dos seus aprendizes surdos e ouvinte, nos ancoramos nos Estudos Surdos (ALBRES, 2016; LODI, 2004, 2006, 2019, 2021; GESSER, 2009a, 2009b; PERLIN e MIRANDA, 2003; PERLIN e REIS, 2012; QUADROS, 2017, 2019; ROSA, 2012; SÁ, 2010; SKLIAR, 1998). A construção dos dados constituiu-se na perspectiva da LA embasada na abordagem qualitativo-interpretativista, realizada por meio da aplicação de questionário e de entrevista com onze sujeitos surdos e ouvintes do referido Centro. A partir das análises, reconhecemos que, por meio de seus discursos, os sujeitos revelam identidades plurais, desde interessadas pelo outro e pela língua, envolvidas nas causas surdas, a orgulhosas dos seus posicionamentos identitários de aprendizes de Libras enquanto pessoa surda, mãe de surdo e professora de surdos. Ou seja, todas elas atravessam a ressignificação da surdez, que se dá por intermédio de diversificadas experiências dialógicas.

     


  • Mostrar Abstract
  • This research seeks to investigate how the process of identity constitution of Libras learners takes place at the State Center for Training Educators and Assistance for People with Deafness - CAS Natal. Dialogical interaction is inherent to the human urge to relate socially, taking place through different languages, whether oral or visual. In these relationships of otherness, we are inevitably refracted by the discourses that surround us, which reverberates our identity constitutions. Therefore, we are situated in the great (in)disciplinary terrain of Applied Linguistics (FABRÍCIO, 2017; MOITA LOPES, 2006, 2013; PENNYCOOK, 2006; KLEIMAN, 2013), whose assumptions dialogue from the subject in his uniqueness, with the objective of creating intelligibility about social problems in which language plays a central role. To strengthen the discussions of this investigation, we resorted to studies of the Bakhtin Circle (BAKHTIN, 2011, 2015, 2016, 2017a, 2018; VOLÓCHINOV, 2018, 2019), to support us on the issue of language as a social practice; to support the discussions about identities, we based ourselves on Cultural Studies (HALL, 2014, 2020; CANCLINI, 2016, 2019; WOODWARD, 2014); and for the foundations related to Libras and the identity constitutions of its deaf and hearing learners, we are anchored in Deaf Studies (ALBRES, 2016; LODI, 2004, 2006, 2019, 2021; GESSER, 2009a, 2009b; PERLIN and MIRANDA, 2003; PERLIN and REIS, 2012; QUADROS, 2017, 2019; ROSA, 2012; SÁ, 2010; SKLIAR, 1998). The construction of the data consisted of the AL perspective based on the qualitative-interpretative approach, carried out through the application of a questionnaire and interviews with eleven deaf and hearing subjects from the referred Center. Based on the analyses, we recognize that, through their speeches, the subjects reveal plural identities, from being interested in the other and in the language, involved in deaf causes, to being proud of their identity positions as Libras learners as a deaf person, mother of a deaf person and teacher of the deaf. That is, they all go through the redefinition of deafness, which takes place through diverse dialogic experiences.

     


24
  • ALYNNE FONSECA DE OLIVEIRA
  • “SOU MELHOR QUE A MINHA FAMA”: A PRESENÇA DE SCHILLER NOS JORNAIS DO BRASIL OITOCENTISTA

     

  • Orientador : WIEBKE ROBEN DE ALENCAR XAVIER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • TITO LÍVIO CRUZ ROMÃO
  • WIEBKE ROBEN DE ALENCAR XAVIER
  • Data: 09/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho objetiva analisar a presença de Friedrich Schiller na Imprensa Oitocentista brasileira, contribuindo para novos olhares nas áreas de Literatura Comparada, História da Imprensa e Estudos Germanísticos no Brasil. Os jornais, essencialmente no período oitocentista, assumiram um papel significante: além de informar, exerceram a função de formar novos leitores.  O contexto social e histórico da época proporcionou um aumento significativo da circulação transatlântica de ideias e bens culturais, fazendo com que autores estrangeiros como Schiller, Goethe, Schlegel e muitos outros chegassem até os leitores brasileiros.  Utilizando o acervo de dados da Hemeroteca Digital Brasileira (BNDigital) - Fundação Biblioteca Nacional são  investigadas as conjunturas e argumentos que envolvem a circulação, tradução e a construção imagética do autor alemão, representante do movimento Tempestade e Ímpeto e do Classicismo de Weimar. Destacamos os seguintes jornais: o Diário do Rio de Janeiro, o Jornal de Recife e o Publicador Maranhense, no período que compreende 1822 a 1890, para exemplificar as ocorrências de Schiller nos periódicos brasileiros de língua portuguesa na fase inicial da sua formação sócio-cultural e identitária. Schiller é introduzido primeiramente no país a partir de apresentações teatrais, e posteriormente o seu nome figura entre as páginas dos jornais brasileiros. Entre os seus tradutores estão o poeta maranhense Antônio Gonçalves Dias, o professor gaúcho Bernardo Taveira Júnior e o escritor sergipano Tobias Barreto. As publicações jornalísticas sobre Schiller demonstram uma heterogeneidade  de estratégias de informação e divulgação do referido autor. Considerado referência na Alemanha, Schiller é incluído via dinâmicas de tradução e circulação de periódicos como parte de um cânone universal de homens de letras que serviram como referência ou modelo no contexto de discursos nacionais. Entendemos a presença schilleriana como mosaico relevante na formação da memória cultural estrangeira da literatura brasileira. Tratamos o nosso corpus, as ocorrências jornalísticas que envolvem Schiller e as suas obras, por análises quantitativas e qualitativas. Para a análise quantitativa nos apoiaremos no trabalho de Lima (2010). Baseamos a análise qualitativa no conceito teórico-metodológico de Transferências culturais de Michel Espagne (2017), somadas as pesquisas apresentadas na coletânea Trânsitos, trocas e transferências culturais de Xavier; Augusti e Mollier (2019). Além do conceito de Antropofagia como procedimento cultural relativo ao estrangeiro, através dos estudos de  Berman (1984), Schwarz(1987), Schwarz (2006) e Bernd (2008). Para a abordagem socioeconômica recorremos a Pascale Casanova (2002) e Pierre Bourdieu (2002). Utilizamos como referencial os periódicos brasileiros, presentes na BNDigital enfocando a presença de Schiller a partir da perspectiva transatlântica da história dos impressos, aplicada nas coletâneas de Granja e Luca (2018), Poncioni; Levin (2018), Abreu (2016), Guimarães (2012) e Barbosa (2007). Destacamos com esse trabalho o potencial ainda pouco explorado dos jornais históricos brasileiros e as suas contribuições para além da História da Imprensa periódica.


  • Mostrar Abstract
  • The present work aims to analyze the presence of Friedrich Schiller in the Brazilian 19th century press, contributing to new insights in the Comparative Literature, History of the Press and German Studies areas in Brazil. Essentially in the nineteenth-century period, periodicals assumed a significant role: In addition to informing, they formed new readers. The social and historical context of the period provided a significant increase in the transatlantic circulation of ideas and culture, making foreign authors such as Schiller, Goethe, Schlegel, and many others Brazilian readers. Using the data collection of Hemeroteca Digital Brasileira (BNDigital) - Fundação Biblioteca Nacional, it is possible to investigate the conjunctures and arguments involving the circulation, translation, and imagetic construction of the German author, representative of the Tempestade e Ímpeto movement and of Weimar Classicism. We highlight the following periodicals: the Diário do Rio de Janeiro, the Jornal de Recife and the Publicador Maranhense, in the period between 1822 and 1890, to exemplify the occurrences of Schiller in the Brazilian Portuguese-speaking periodicals during the initial phase of his socio-cultural and identity formation. Schiller is first introduced in the country from theatrical performances, and later his name figures among the pages of Brazilian periodicals. Among his translators are the poet Antônio Gonçalves Dias from Maranhão, the professor Bernardo Taveira Júnior from Rio Grande do Sul, and the writer Tobias Barreto from Sergipe. The journalistic publications about Schiller demonstrate the author's heterogeneity of strategies for information and dissemination. Considered a reference in Germany, Schiller is included via the translation dynamics and periodicals circulation as part of a universal canon of men who served as a reference or model for the context of national discourses. We understand the Schillerian presence as a relevant mosaic in the formation of foreign cultural memory in Brazilian literature. We treat our corpus, the journalistic occurrences involving Schiller and his works, by quantitative and qualitative analysis. For the quantitative analysis we will rely on the Lima's work (2010). We base the qualitative analysis on the theoretical-methodological concept of Cultural Transfers by Michel Espagne (2017), added to the research presented in the collection Transits, exchanges and cultural transfers by Xavier; Augusti and Mollier (2019). In addition to the concept of Anthropophagy as a cultural procedure concerning the foreigner, through the studies of Berman (1984), Schwarz (2006)) and Bernd (2008). For the socioeconomic approach we resorted to Pascale Casanova (2002) and Pierre Bourdieu (2002). We use Brazilian periodicals as a reference, present in BNDigital focusing on the presence of Schiller from the transatlantic perspective of the printed history, used in the collections of Granja and Luca (2018), Poncioni; Levin (2018), Abreu (2016), Guimarães (2012) and Barbosa (2007). This work highlights the under-explored Brazilian's potential of historical periodicals and their contributions beyond the History of the Periodical Press.

     

25
  • LUMA VIRGÍNIA DE SOUZA MEDEIROS
  •  


    MAS AFINAL, O QUE VEM A SER A MULHER?”: REPRESENTAÇÃO DA MULHER OITOCENTISTA E FORMAÇÃO DA LEITORA NO JORNAL DAS SENHORAS

  • Orientador : REGINA SIMON DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • RAQUEL DE ARAÚJO SERRÃO
  • Data: 19/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • A imprensa oitocentista brasileira guarda uma profunda intercomunicabilidade com a literatura, principalmente no que concerne à escrita feminina. Por ser anterior à cultura livresca, vários escritores trabalhavam no papel de editores para financiar suas obras, ao passo que essas contribuíam com a manutenção do jornal. Os textos formavam não apenas a opinião pública como também rascunhavam o/a leitor(a) brasileiro(a). Nessa vanguarda, Juana Paula Manso (1819-1875), escritora exilada argentina, disputava na arena pública, tipicamente masculina, a atenção das leitoras com um jornal feito por e para mulheres, com o intuito promover a emancipação moral da mulher a partir da sua ilustração. “A mulher! O que vem a ser a mulher?”, provocava Manso na primeira edição do Jornal das Senhoras com a mesma pergunta feita quase cem anos depois por Simone de Beauvoir (1949), para criticar a pretensa neutralidade epistemológica e expor as desigualdades das relações entre os sexos. Visitando a fortuna crítica de Juana Manso, o objetivo central desta dissertação é analisar como foram construídas e representadas as imagens da mulher e da leitora oitocentista brasileira, presentes nos artigos e no folhetim do Jornal das Senhoras, no período em que esteve sob a direção de Juana Manso – janeiro a junho de 1852. Estudo de caráter qualitativo busca, a partir de uma revisão bibliográfica da imprensa no Brasil no século XIX, verificar como o Jornal das Senhoras encontra-se inserido nesse contexto histórico e social, para, em seguida, identificar as estratégias utilizadas para orientar as leitoras em jornais da época e viabilizar seu discurso de emancipação, tendo como suporte teórico os estudos de Duarte (2016), Lajolo e Zilberman (2019), Candido (2006), Velasco y Arias (1937), Morel (2008), Costa (2012), entre outros. Foi possível com este trabalho identificar os valores que animavam os personagens femininos no folhetim e nas crônicas, assim como a construção da imagem da mulher e da leitora oitocentista brasileira nos artigos do Jornal das Senhoras, desde a perspectiva da mulher.


  • Mostrar Abstract
  • The 19th century Brazilian press maintains a deep intercommunication with the literature, especially with regard to women's writing. Because it predates the book culture, several writers worked in the role of editors to finance their works, while these contributed to the maintenance of the newspaper. The texts formed not only the public opinion as also sketched the Brazilian reader. In this vanguard, Juana Paula Manso (1819-1875), Argentine exiled writer, disputed in the public arena, typically male, the readers' attention with a newspaper made by and for women, with the aim to promote the moral emancipation of women from her illustration. “The woman! What comes to be a woman?”, teased Manso in the first edition of Jornal das Senhoras with the same question asked almost a hundred years later by Simone de Beauvoir (1949), to criticize the alleged epistemological neutrality and expose the inequalities of relations between the sexes. Visiting the critical fortune of Juana Manso, the main objective of this dissertation is to analyze how the images of the 19th century brazilian women and the female reader were constructed and represented in the articles and in the serial of Jornal das Senhoras, in the period in which was under the direction of Juana Manso – January to June 1852. The Qualitative study seeks, from a bibliographic review of the press in Brazil in the 19th century, to verify how Jornal das Senhoras is inserted in this historical and social context, in order to then identify the strategies used to guide the readers in newspapers of the time and enable their emancipation discourse, having the theoretical support of the studies of Duarte (2016), Lajolo and Zilberman (2019), Candido (2006), Velasco y Arias (1937), Morel (2008), Costa (2012), among others. It is hoped with this work to identify the values that animated the female characters in the serial and in the chronicles, as well as the construction of the image of Brazilian woman and female reader in the articles of Jornal das Senhoras, from the woman's perspective.

26
  • ANA CLARA DOS SANTOS OLIVEIRA COSTA
  • BILITERACIA SIMULTÂNEA NA EDUCAÇÃO BILÍNGUE: EFEITOS NA CONECTIVIDADE DA FALA E NA FLUÊNCIA DA LEITURA DE CRIANÇAS DO 5º ANO

  • Orientador : JANAINA WEISSHEIMER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • ANGELA MARIA CHUVAS NASCHOLD
  • INGRID FINGER
  • NATALIA BEZERRA MOTA
  • Data: 19/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • Recentemente temos observado um crescimento significativo no número de crianças matriculadas em escolas que oferecem currículos bilíngues ou programas bilíngues no Brasil. Uma revisão detalhada feita por Williams e Lowrance-Faulhaber (2018) analisou 35 artigos sobre leitura e escrita em crianças bilíngues e mostrou vantagens no caso da biliteracia simultânea. A compreensão de uma língua deu suporte ao da outra língua, ou seja, as crianças utilizavam seus conhecimentos das duas línguas, utilizando a translinguagem durante o processo, de forma bidirecional; assim, uma língua dando suporte em paralelo à outra. A presente pesquisa investiga os efeitos da Educação Bilíngue e da biliteracia simultânea nos níveis de conectividade da fala e da fluência de leitura em português e inglês em uma amostra de 31 crianças de 10 anos matriculadas no 5º. Ano em uma escola bilíngue em Natal/RN. Nessa pesquisa, aplicamos tarefas individuais de produção oral e leitura na L1 e L2 e, ainda, aferimos a  proficiência na L2 dos participantes. Os achados reportados em nosso estudo evidenciam possíveis vantagens da biliteracia simultânea para o desenvolvimento linguístico e cognitivo das crianças em biliteracia. Portanto, argumentamos a favor de um desenvolvimento concomitante na fluência e compreensão de leitura das crianças bilíngues, assim como na conectividade de fala da produção oral, sem gerar prejuízos para nenhuma das duas línguas, quando analisadas nesse contexto.


  • Mostrar Abstract
  • Recently we have seen a significant increase in the number of children registered in schools that offer bilingual curriculum or bilingual programs in Brazil. A detailed review by Williams and Lowrance-Faulhaber (2018) analyzed 35 articles on reading and writing in bilingual children and showed advantages in simultaneous biliteracy. The development of one language supported the other language, so, children used their knowledge of both languages, using translanguaging, bidirectionally; thereby, one language supporting the other in parallel. This research investigates the effects of bilingual education and simultaneous biliteracy on the levels of speech connectivity and reading fluency in portuguese and english with 31 students who are 10 years old and study in a bilingual school in Natal/RN. In this research, we used individual oral production and reading tasks in L1 and L2, also, we assessed proficiency in L2. Our  findings argue for possible advantages of simultaneous biliteracy for the linguistic and cognitive development of children in biliteracy. Therefore, we argue that there is a concomitant development in the fluency and reading comprehension of bilingual students, as well as in the connectivity of oral production, without causing disadvantage to both, when we analyze the two languages in this context.

27
  • HIAGO ALVES TEIXEIRA
  • VOZES AO ABISMO: OS CONTORNOS DE NARRATIVAS INCOATIVAS EM AMULETO E MONSIEUR PAIN

  • Orientador : SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 22/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • Monsieur pain e Amuleto representam dois pontos distintos na obra de Roberto Bolaño: o primeiro ambientado na Paris de 1938, prestes a ser invadida pela Alemanha nazista, o segundo, um romance que surge a partir de uma obra maior e que se passa no ano de 1968, ambientado na Cidade do México, no dia em que a UNAM foi invadida pelo exército mexicano. Mesmo assim, sem aparentar ligação direta, os dois romances podem ser tomados como pontos de partida para uma reflexão tensionada em toda a obra do autor: o fragmento como matéria-prima da violência. Desse modo, este trabalho tem como objetivo analisar como a obra do autor chileno, dando ênfase nesses dois romances, esboça os contornos entre a forma fractal e a continuidade da violência no século XX ao usar a ficcionalização das experiências como mediadora de uma compreensão histórica das perdas de sentido na modernidade tardia. Assim, para desenvolver essa reflexão partimos de autores como Theodor W. Adorno, Idelber Avelar, Walter Benjamin, Bolívar Echeverría, Jeanne Marie Gagnebin, Juan José Saer e Paul Ricouer, para num primeiro plano desenvolver uma reflexão ética e estética de como o chamado “progresso” ocidental nos encaminha para esse ponto de tensão e ruptura que transforma-se num ethos da modernidade tardia e, num segundo momento, compreender como ambas as obras absorvem essas discussões impulsionando essas vozes ficcionais ao “limite” de uma representação da barbárie da história. 


  • Mostrar Abstract
  • Monsieur Pain and Amuleto represent two distinct points in Roberto Bolaño's work: the first is set in Paris in 1938, about to be invaded by Nazi Germany, and the second, a novel that arises from a larger work and takes place in the year 1968, set in Mexico City, on the day the UNAM was invaded by the Mexican army. Even so, without any direct connection, the novels can be taken as starting points for a reflection that is tensioned throughout the author's work: the fragment as the raw material of violence. In this way, this paper aims to analyze how the Chilean author's work, emphasizing these two novels, outlines these contours between a fractal form and the continuity of violence in the twentieth century, without imposing direct opposition, but using the fictionalization of experiences as a mediator of a historical understanding of the loss of meaning in late modernity by overcoming contradictory elements in this compositional process. Thus, to develop this reflection we start with authors such as Theodor W. Adorno, Idelber Avelar, Walter Benjamin, Bolívar Echeverría, Jeanne Marie Gagnebin, Juan José Saer, and Paul Ricouer, to develop an ethical and aesthetic reflection on how the so-called western "progress" leads us to this point of tension and rupture that becomes an ethos of late modernity and, in a second moment, to understand how both works absorb these discussions propelling these fictional voices to the "limit" of a representation of the barbarity of history.

     

28
  • MARIA STELLA GALVAO SANTOS
  • MARCOS DA NOVA NOVELA HISTÓRICA LATINO-AMERICANA EM EL SIGLO DE LAS LUCES 

  • Orientador : SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • RAQUEL DE ARAÚJO SERRÃO
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • Data: 23/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • O romance El Siglo de las Luces, de Alejo Carpentier, aborda o impacto social e político da Revolução Francesa nas Antilhas, transpondo para a região as turbulências e o jogo de incertezas e questionamentos que marcaram a Ilustração ou século das luzes (XVIII). Trata, desde as primeiras páginas, de retratar os ecos da história europeia no mar do Caribe, e também de registrar os incipientes movimentos pró-independência das então colônias. Nossa proposta é lê-lo tendo como principal referente teórico o estudo do teórico norte-americano Seymour Menton (1993), que fixou seis critérios para classificar a Nueva Novela Histórica (NNH) na América Latina, da qual El Siglo, publicado em 1962, aparece como narrativa inaugural desta vertente de análise literária. Neste contexto, esta dissertação desdobra-se em três abordagens principais, que condensam os tópicos propostos pela assim denominada nova abordagem histórica. A primeira volta-se ao vínculo conceitual entre literatura e história pensado por Menton e outros teóricos, examinando o modo como ele é particularizado neste romance; em seguida, abordamos o primeiro elemento da estética de Bakhtin presente na análise mentoniana – a intertextualidade –, explicitada pelas referências ao pintor espanhol Francisco de Goya. Finalmente, demonstramos os modos pelos quais Carpentier utiliza os conceitos bakhtinianos do carnavalesco e da paródia em seu romance e como, ao fazê-lo, acrescenta elementos explicitamente barrocos à história narrada. Este estudo aponta, portanto, para um caminho metodológico [via NNH] que possibilita uma dialogia estreita entre um segmento da teoria literária e o romance analisado, neste caso, El Siglo de las Luces.


  • Mostrar Abstract
  • The novel El Siglo de las Luces, by Alejo Carpentier, addresses the social and political impact of the French Revolution in the Antilles, transposing to the region the turbulence and the game of uncertainties and questions that marked the Enlightenment or Enlightenment (XVIII). It tries, from the first pages, to portray the echoes of European history in the Caribbean Sea, and also to record the incipient pro-independence movements of the then colonies. Our proposal is to read it having as its main theoretical reference the study of the North American theorist Seymour Menton (1993), who established six criteria to classify the Nueva Novela Histórica (NNH) in Latin America, of which El Siglo, published in 1962, appears as the inaugural narrative of this strand of literary analysis. In this context, this dissertation unfolds into three main approaches, which condense the topics proposed by the so-called new historical approach. The first turns to the conceptual link between literature and history thought by Menton and other theorists, examining the way in which it is particularized in this novel; then, we address the first element of Bakhtin's aesthetics present in Menton's analysis – intertextuality –, made explicit by references to the Spanish painter Francisco de Goya. Finally, we demonstrate the ways in which Carpentier uses the Bakhtinian concepts of carnivalesque and parody in his novel and how, in doing so, he adds explicitly baroque elements to the narrated story. This study therefore points to a methodological path [via NNH] that enables a close dialog between a segment of literary theory and the analyzed novel, in this case, El Siglo de las Luces.


29
  • HADASSA FREIRE GOMES RODRIGUES DE ARAÚJO
  • O9os) (des)encontros polifônicos nas práticas discursivas e no fazer pedagógico de professores Surdos do curso de Letras Libras da UFRN

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • SIMONE LORENA DA SILVA PEREIRA
  • RAQUEL ELIZABETH SAES QUILES BENINI
  • Data: 29/12/2022

  • Mostrar Resumo
  •  Essa pesquisa objetiva entender como se dá a produção de materiais didáticos por professores Surdos da UFRN e buscamos entender os modos de construção do corpo polifônico do Sujeito Surdo. Observamos que há um vasto conteúdo inexplorado nesse campo discursivo da Libras o que pode possibilitar uma análise discursiva abrangente, o que permite uma análise do enunciado concreto, da esfera e da situação enunciativa em que se insere e dos corpos envolvidos no processo de enunciação, o que se associa aos estudos da Linguística Aplicada (LA), pois como área científica que tem como objeto de investigação a linguagem enquanto prática social, nos mais diversos contextos em que surjam questões importantes sobre seu uso, entendemos que a análise a ser realizada é de grande relevância para estudos teóricos metodológicos na LA por se tratar de um corpus linguístico, didático, pedagógico e que dá ênfase às vozes do sul, às vozes da margem, abrangendo assim as características da transdisciplinaridade e transgressividade da pesquisa ação que a LA contemporânea propõe (MOITA LOPES, 2018).


  • Mostrar Abstract
  • xxx

Teses
1
  • JUZELLY FERNANDES BARRETO MOREIRA
  • LINGUÍSTICA TEXTUAL COSERIANA: ORIENTAÇÕES PARA A TAREFA DE INTERPRETAR O SENTIDO DOS TEXTOS

  • Orientador : CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANTONIA COUTINHO
  • OSCAR LOUREDA LAMAS
  • CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • MARIA HOZANETE ALVES DE LIMA
  • ÁUREA SUELY ZAVAM
  • Data: 28/01/2022

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho adota uma abordagem específica dos estudos do texto: a linguística textual coseriana. De acordo com Eugenio Coseriu, a linguagem possui três níveis: 1) o nível universal, 2) o nível histórico e 3) o nível individual. Segundo o autor, a linguística do texto está situada no nível individual da linguagem, tem como objeto de estudo o texto (entendido como ato linguístico de um falante em uma situação determinada) e a sua tarefa central é explicar o processo de interpretação do sentido dos textos. Embora estabeleça os conceitos basilares que norteiam e delimitam o estudo do texto, o autor reconhece que a sua linguística do texto está em fase de esboço, pois, apesar de conter os principais fundamentos acerca do tema, ainda carece de propostas de ampliação e aprofundamento. Do nosso ponto de vista, para que tal desenvolvimento seja alcançado, um dos pontos a serem considerados repousa sobre a investigação da relação entre os entornos e os procedimentos textuais no que diz respeito à explicação da análise heurística do sentido.  É partindo das indicações deixadas por Coseriu (2007) que encaminhamos este trabalho, cuja questão norteadora interroga: como os constructos teóricos coserianos podem ser mobilizados em prol da tarefa de interpretação do sentido dos textos? Nosso objetivo central é, portanto, apresentar uma proposta capaz de demonstrar, de maneira sistematizada, como os constructos teóricos coserianos podem ser mobilizados em prol da tarefa de interpretação do sentido dos textos. Em decorrência desse objetivo capital, nossos objetivos específicos são: deslindar as relações epistemológicas que unem a teoria dos entornos e os procedimentos textuais, explicar como cada elemento do arcabouço teórico do nível individual da linguagem atua em prol da construção do sentido dos textos, apresentar um quadro que reúna orientações capazes de nortear a tarefa da hermenêutica do sentido e demonstrar o alcance empírico desse dispositivo, a partir de uma amostra de textos concretos. Para isso, revisitamos a teoria dos entornos, os quais são definidos como as circunstâncias do falar, que orientam todo o discurso e lhe dão sentido, podendo, até, determinar o nível de verdade dos enunciados (COSERIU, 1979, p. 228) e explicamos a natureza do seu vínculo com o nível individual da linguagem; apontamos por que entornos e procedimentos textuais atuam de maneira constitutiva e colaborativa na construção do sentido dos textos; sistematizamos o procedimento analítico do sentido, a saber: o sentido é objetivado pelos procedimentos textuais e circunstanciado pelos entornos; apresentamos um plano de orientações que demonstra, do ponto de vista operacional, como os constructos teóricos da LT coseriana podem ser mobilizados em prol de uma heurística analítica do sentido dos textos e exemplificamos a aplicabilidade desse plano, através de uma amostra constituída por um texto em prosa, um texto em verso e um texto multimodal. Consideramos que a nossa proposta pode ser utilizada como um instrumento eficaz em termos de investigação empírica da hermenêutica do sentido dos textos e, desse modo, acreditamos que pode contribuir, em alguma medida, na tarefa de transmissão, sistematização e ampliação da obra de Eugenio Coseriu.


  • Mostrar Abstract
  • This paper adopts a specific approach to text studies: a coserian textual linguistics. According to Eugenio Coseriu, language has three levels: 1) the universal level, 2) the historical level, and 3) the individual level. According to the author, text linguistics is situated at the individual level of language, its object of study is the text (understood as the linguistic act of a speaker in a given situation) and its central task is to explain the process of interpreting the meaning of texts. Although he establishes the basic concepts that guide and delimit the study of the text, the author recognizes that his linguistics of the text is in its draft stage, for, although it contains the main foundations of the theme, it still lacks proposals for expansion and deepening. From our point of view, for such a development to be achieved, one of the points to be considered rests on the investigation of the relationship between the surroundings and the textual procedures with regard to the explanation of the heuristic analysis of meaning. It is based on the indications left by Coseriu (2007) that we forward this work, whose guiding question asks: how can Coserian theoretical constructs be mobilized in favor of the task of interpretation of the meaning of texts? Our central objective is, therefore, to present a proposal capable of demonstrating, in a systematized way, how Coserian theoretical constructs can be mobilized in favor of the task of interpreting the meaning of texts. As a result of this main goal, our specific objectives are: to unravel the epistemological relations that unite the theory of environments and textual procedures, to explain how each element of the theoretical framework of the individual level of language acts in favor of the construction of meaning in texts, to present a framework that brings together guidelines capable of guiding the task of the hermeneutics of meaning, and to demonstrate the empirical reach of this device based on a sample of concrete texts. For this, we revisit the theory of environments, which are defined as the circumstances of speech that guide the whole discourse and give it meaning, and can even determine the level of truth of the utterances (COSERIU, 1979, p. 228). 228) and we explain the nature of their link with the individual level of language; we point out why contexts and textual procedures act in a constitutive and collaborative way in the construction of the meaning of texts; we systematize the analytical procedure of meaning, namely: meaning is objectified by textual procedures and circumstantiated by environment; we present a guideline plan, from an operational point of view, how the theoretical constructs of the coserian LT can be mobilized in favor of an analytical heuristic of the meaning of texts and we exemplify the applicability of this plan through a sample consisting of a prose text, a verse text and a multimodal text. We consider that our proposal can be used as an effective tool in terms of empirical investigation of the hermeneutics of the meaning of texts and, in this way, we believe that it can contribute, to some extent, to the task of transmitting, systematizing and extending the work of Eugenio Coseriu.

2
  • DAVIDSON DOS SANTOS
  • VINHETAS NARRATIVAS NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR DE PORTUGUÊS: POSICIONAMENTOS VALORATIVOS E PROPOSIÇÕES DIDÁTICAS

  • Orientador : MARIA BERNADETE FERNANDES DE OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA BERNADETE FERNANDES DE OLIVEIRA
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • LIVIA SUASSUNA
  • THAIS FERNANDES SAMPAIO
  • Data: 10/02/2022

  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho tem por objetivos compreender as concepções sobre o trabalho do
    profissional de português que ancoram os atos responsivos de estudantes estagiários ao se
    confrontarem com a esfera escolar e propor um trabalho pedagógico para formadores de
    professores a partir das vinhetas narrativas produzidas por esses estudantes. Situados no
    campo da Linguística Aplicada Crítica (MOITA LOPES, 2006; SIGNORINI, 2006;
    PENNYCOOK, 2006; RAJAGOPALAN, 2006), ancoramo-nos nas postulações do
    Círculo de Bakhtin acerca do Ato Responsável, do Enunciado, das Relações dialógicas,
    das Vozes sociais e do Cronotopo (BAKHTIN, 2003[1924], 2010[1919], 2015;
    VOLOSHINOV, 2017). Para ampliar a compreensão do objeto de estudo, assumimos a
    perspectiva de formação que se coloca como crítica libertadora (FREIRE, 1974[2018];
    1992; 1996; HOOKS; 2013) dentro de uma perspectiva Decolonial (MIGNOLO,
    SANTOS, QUIJANO, WALSH, 2013). Para que seja possível cumprir com os objetivos
    desta tese, trabalhamos com a perspectiva qualitativa interpretativista de fazer pesquisa
    (FLICK, 2009), assumindo, especificamente, o procedimento da pesquisa documental
    (GUBA & LINCOLN, 1981), a partir do uso de narrativas como registro da experiência
    (CLANDININ E CONNELY, 2000). Nosso corpus é composto por 18 vinhetas narrativas
    (MODL & BIAVATI, 2016), produzidas por 9 alunos na disciplina de Estágio
    Supervisionado de Formação de Professores para Ensino Fundamental, no primeiro
    semestre do ano de 2019, das quais 9 referem-se ao período de observação do estágio e 9
    ao momento de regência realizada pelos estagiários. Para cumprir o primeiro objetivo,
    utilizamos as vinhetas relativas ao período de observação. Compreendendo o estágio
    como um entrelugar socioprofissional (REICHMANN, 2012, 2014, 2015), da leitura e
    análise das nove vinhetas de observação do estágio emergiram cinco cronotopos, quais
    sejam: i) cronotopo da entrada/chegada à escola, ii) cronotopo do pátio, iii) cronotopo da
    sala dos professores, iv) cronotopo dos corredores, v) cronotopo da aula. Neles, diferentes
    vozes são mobilizadas para construir um posicionamento negativo acerca das práticas
    vividas e observadas na escola. Ocorrem, também, diferentes relações dialógicas nesses
    espaços-tempo, sendo a maioria de controle, hierarquia e automatismo - especialmente no
    cronotopo da sala de aula. Para responder ao segundo objetivo, ampliamos o corpus,
    incluindo, além das vinhetas de observação, as da regência e construímos uma proposta
    didática que propiciasse reflexões críticas sobre o trabalho do professor de língua
    portuguesa. Esse material didático se organiza em 4 momentos: i) levantamento do
    conhecimento prévio sobre o tema, ii) leitura e compreensão das vinhetas, iii) reflexão
    sobre a relação entre formação e prática profissional, iv) produção textual. Os principais
    ganhos desta tese são: a) valorizar a voz dos estudantes em formação no que tange à
    prática profissional b) propiciar aos professores formadores de professores de português
    material inspirador para a construção de práticas mais ancoradas na realidade concreta da
    profissão.


  • Mostrar Abstract
  • The present work aims to understand the conceptions about the work of the professional of
    Portuguese that anchor the responsive acts of trainee students when confronted with the
    school sphere as future Portuguese language teachers and to propose a pedagogical work
    for teacher educators from narrative vignettes . Situated in the field of Critical Applied
    Linguistics (MOITA LOPES, 2006; SIGNORINI, 2006; PENNYCOOK, 2006;
    RAJAGOPALAN, 2006), we are anchored in the postulations of the Bakhtin Circle about
    the Responsible Act, the Utterance, Dialogical Relations, Social Voices and the Chronotope
    (BAKHTIN, 2003[1924], 2010[1919], 2015; VOLOSHINOV, 2017). In order to broaden
    the understanding of the object of study, we assume the perspective of training that stands
    as a liberating critique (FREIRE, 1974[2018]; 1992; 1996; HOOKS; 2013) within a
    Decolonial perspective (MIGNOLO, SANTOS, QUIJANO, WALSH, 2013). In order to
    fulfill the objectives of this work and respond to such demands, we work with an
    interpretative qualitative perspective of doing research (FLICK, 2009), specifically
    assuming the documental research procedure (GUBA & LINCOLN, 1981), based on the
    use of narratives as a record of experience (CLANDININ AND CONNELY, 2000). Our
    corpus is composed of 18 narrative vignettes (MODL & BIAVATI, 2016), produced by 9
    students in the Supervised Teacher Training Internship for Elementary School, in the first
    semester of 2019, of which 9 refer to the period of observation of the internship and 9 at the
    time of conducting performed by the interns. To fulfill the first objective, we used the
    vignettes related to the observation period. For the second, we worked with the 18
    narratives. Thus, understanding the internship as a socio-professional in-between
    (REICHMANN, 2012, 2014, 2015), from the reading and analysis of the eight observation
    vignettes of the internship, five chronotopes emerged, namely: i) chronotope of
    entry/arrival at school, ii) chronotope of the courtyard, iii) chronotope of the teachers'
    room, iv) chronotope of the corridor, v) chronotope of the class. In them, different voices
    are mobilized to build a negative position about the different practices experienced and
    observed at school and also about the school environment. There are also different dialogic
    relationships in these spaces-time, the majority being of control, hierarchy and automatism,
    especially in the chronotope of the classroom. In view of these results, we deem it
    necessary to build a didactic proposal that would provide critical reflections on the work of
    the Portuguese language teacher. For this, we increased the number of narrative vignettes to
    18, in order to contemplate a greater diversity of themes and questions, which emerged
    from the narratives themselves, referring to the teaching work. Thus, based on the need to
    think about practices in training that take the concrete reality of the school and have the
    teacher's work as their core, this pedagogical material presents 18 didactic proposals, each
    one organized into 4 moments: i) exploration of knowledge on the topic, ii) reading and
    understanding comp the narrative vignette, iii) reflecting on the relationship between
    topics/content of training and professional practice, iv) encouraging the textual production
    of a discursive genre related to professional practice. In view of this, two are the main gains
    of this thesis: a) to place as central the process of listening to the voice of students in
    training with regard to professional practice and, from this listening, b) to provide teachers
    who train Portuguese teachers with material inspiring for the construction of practices more
    anchored in the concrete reality of the profession.

3
  • EDUARDO ALVES DA SILVA
  • MODELO RECURSIVO DE INTEGRAÇÕES CONCEPTUAIS: UM ESTUDO ECOCOGNITVO

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MAÍRA AVELAR MIRANDA
  • DIOGO OLIVEIRA RAMIRES PINHEIRO
  • KALINE GIRÃO JAMISON
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • RODRIGO SLAMA RIBAS
  • Data: 07/03/2022

  • Mostrar Resumo
  • Este estudo objetiva o entendimento da integração conceptual através de um modelo construído embasado numa visão ecocognitiva. Tal fenômeno se caracteriza pela junção de dois ou mais conceitos ocasionando um terceiro conceito com características novas não previstas inicialmente. O MRIC (Modelo Recursivo de Integração Conceptual) é acrescido de uma visão corporificada embasada na abordagem ecológica de cognição e linguagem (DUQUE, 2015b, 2016, 2017), que postula que nossa cognição está em consonância com o entorno. O modelo dá ênfase à observação física corporal que ocorre online à medida que as situações de comunicação se apresentam em jogos de RPG (jogos de interpretação). Levamos em consideração não apenas a fala e o texto escrito, mas também gestos e contextos existentes numa situação efetiva de comunicação dentro desse recorte. Para tanto, usamos como corpus partidas de RPG capturadas de canais públicos do youtube.com. A abordagem é essencialmente qualitativa e interpretativista com objetivos exploratórios (GIL, 1991). Quanto à metodologia, o estudo é guiado por grounded theory (STRAUSS; CORBIN, 2015), a qual permite a construção das interpretações a partir dos dados encontrados pelo pesquisador. Quanto à natureza, a pesquisa é do tipo básica (CASELL; SYMON, 1994) e interpretativa (CRESWELL, 2003). No percurso, revisitamos teorias, ferramentas analíticas e conceitos operacionais da Linguística Cognitiva como as noções de simulação (BARSALOU, 1999), frames e framing (LAKOFF, 2004; FILLMORE, 1976; DUQUE, 2015a, 2017; DUQUE; SILVA 2019) e integração conceptual (FAUCONNIER; TURNER, 1996, 2002). Durante os estudos foi possível perceber que tanto o ambiente quanto a produção linguística e movimentação física dos jogadores tem acentuada participação no processo de Integração Conceptual. Outro fator preponderante nessa construção de sentido foi o resgate de situações análogas às experimentadas dentro do jogo. O jogador parece lançar mão de estratégias colaborativas entre os demais participantes para compreender o discurso e ele o faz de forma ecológica, adaptando-se às situações sempre em mudanças proporcionadas pela atividade narrativa do RPG.


  • Mostrar Abstract
  • This research aims to understand conceptual integration through a built model based on an ecocognitive vision. Such phenomenon is characterized by the junction of two or more concepts causing a third concept with new characteristics not initially foreseen. The MRIC (Recursive Model of Conceptual Integration) is added by an embodied vision based on the ecological approach to cognition and language (DUQUE, 2015b, 2016, 2017), which postulates that our cognition is in line with the environment. The model emphasizes the physical observation of the body that occurs online as communication situations are presented in roleplaying games. We take into account not only speech and written text, but also gestures and contexts that exist in an effective communication situation within this framework. To this end, we used RPG games captured from public channels on youtube.com as corpus. The approach is essentially qualitative and interpretive with exploratory objectives (GIL, 1991). As for the methodology, the study is guided by grounded theory (STRAUSS; CORBIN, 2015), which allows the construction of interpretations from the data found by the researcher. As for the nature, the research is of the basic type (CASELL; SYMON, 1994) and interpretative (CRESWELL, 2003). Along the way, we revisit theories, analytical tools and operational concepts of Cognitive Linguistics such as the notions of simulation (BARSALOU, 1999), frames and framing (LAKOFF, 2004; FILLMORE, 1976; DUQUE, 2015a, 2017; DUQUE; SILVA 2019) and conceptual integration (FAUCONNIER; TURNER, 1996, 2002). During the studies it was possible to realize that both the environment and the linguistic production and physical movement of the players have a strong participation in the process of Conceptual Integration. Another important factor in this construction of meaning was the rescue of situations similar to those experienced within the game. The player seems to use collaborative strategies among the other participants to understand the discourse and he does it in an ecological way, adapting to the ever-changing situations provided by the narrative activity of the RPG.

4
  • KASSIOS CLEY COSTA DE ARAÚJO
  • A ARQUITETÔNICA DISCURSIVA DOS SUJEITOS DA ESCOLA DA ESCOLHA: responsabilidade, responsividade e ato ético

     

  • Orientador : RENATA ARCHANJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • RENATA ARCHANJO
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • VALDEMIR MIOTELLO
  • HÉLIO MÁRCIO PAJEÚ
  • Data: 31/03/2022

  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho de investigação origina-se a partir de um estudo realizado por ocasião da implantação de um modelo basilar para o gerenciamento das escolas de tempo integral na rede pública de ensino do estado do Rio Grande do Norte, qual seja: Modelo Escola da Escolha. Esta tese tem objetivo geral analisar os discursos que concebem e orientam os sujeitos da Escola da Escolha. Para tanto, construímos um corpus de análise documental e empírico que reuniu, por um lado, o caderno Introdução às Bases Teóricas e Metodológicas do Modelo Escola da Escolha, que situa as bases fundantes para a implantação desse modelo e, por outro, questionários aplicados ao corpo docente e ao corpo discente de uma escola pública estadual, localizada em Natal/RN, escolhida como piloto para a implantação do projeto e, posteriormente, lócus de pesquisa deste estudo. Trata-se de uma investigação, cuja característica premente dispensa as generalidades e se apoia na análise qualitativa dos dados de base interpretativista, em colaboração com o paradigma indiciário. Referendado pelas Ciências Humanas, este estudo se inscreve no campo da Linguística Aplicada, cuja natureza heterocientífica se espraia em seus aspectos inter/transdisciplinares para encontrar eco nas questões de ordem prática da vida social, num contexto sócio-histórico específico sob o qual se realiza este ato. Assim, busca-se estabelecer uma ponte entre os discursos proferidos pela Escola da Escolha e seus interlocutores – público-alvo deste trabalho – aos quais se destinam: professores e estudantes. O trabalho ancora-se em enunciados documentais e empíricos, a fim de construir uma arquitetônica teórico-metodológica, cujo escopo se reveste da filosofia bakhtiniana, notadamente no que tange à concepção de linguagem, sujeito, relações dialógicas, vozes sociais, signo ideológico, enunciado concreto e ato ético. Esses conceitos se entrelaçam e travam um profícuo diálogo com estudiosos, pensadores e filósofos da contemporaneidade da área dos Estudos Culturais. Sob essa ótica, intentamos: 1 identificar as vozes sociais que se manifestam nos discursos orientadores da Escola da Escolha; 2 interpretar essas vozes, do ponto de vista da ética, da responsividade e da responsabilidade; 3 analisar os posicionamentos dos estudantes e professores, frente à implantação do modelo da Escola da Escolha; e, por fim, 4 elencar os sentidos e valores atribuídos à Escola da Escolha pelos estudantes e professores. Os resultados da análise dos dados apontam para uma dissonância discursivo-ideológica entre o que concebe o modelo Escola da Escolha e o que os sujeitos, para quem esses discursos são direcionados, de fato, vivenciam no seu cotidiano escolar. Sob o viés do discurso formador monologizante desse modelo, as vozes dos professores se insurgem na denúncia de não terem sido ouvidas, por ocasião da sua implantação. Sob tal perspectiva, há ainda uma clara falta de identificação entre o nome do modelo e os sentidos e valores que suscitam no seu público-alvo, sobretudo pela possibilidade mínima de escolhas para alguns, ou a total ausência de escolhas para outros. Dessa feita, tais resultados entram em conformidade com a tese de que enunciados concretos que circulam em esferas discursivas diferentes podem revelar sujeitos e produzir novas identidades.


  • Mostrar Abstract
  •  

    This research originates from a study carried out on the occasion of the implementation of a fundamental model for the management of full-time schools in the public education network of the state of Rio Grande do Norte, namely: Escola da Escolha Model. The thesis’s general objective is the analysis of the discourses that conceive and guide the subjects of the Escola da Escolha. To this end, the research is based on a corpus of documentary and empirical analysis that brought together, on the one hand, the book named Introduction to Theoretical and Methodological Basis of the Escola da Escolha Model, which lays the foundations for the implementation of this model and, on the other hand, the questionnaires applied to the teaching staff and students of a state public school, located in Natal/RN, chosen, at first, as a pilot for the implementation of the project and, later, for the research locus of this study. From the methodological point of view this research is supported by a qualitative and interpretative analysis of data in the interface with the indiciary paradigm. It is set in the scope of the Human Sciences and the field of Applied Linguistics, whose heteroscientific nature demonstrate its inter/transdisciplinary aspects to find an echo in the practical questions of social life, in a specific socio-historical context under which this study, as an act, is carried out. Therefore, we seek to establish a bridge between the institutional discourses of the Escola da Escolha and its interlocutors – the target audience of this work – to whom they are intended: teachers and students. The research makes use of documentary and empirical statements in order to build a theoretical-methodological architecture, whose scope is covered by Bakhtinian philosophy, notably with regard to the conception of language, subject, dialogic relations, social voices, ideological sign, concrete utterance and ethical act. These concepts intertwine and engage in a fruitful dialogue with contemporary scholars, thinkers and philosophers in the field of Cultural Studies. Thus, our specific goals have been determined as follows: 1 to identify the social voices that are manifested in the guiding discourses of the Escola da Escolha; 2 to understand those social voices, from the point of view of ethics, responsiveness and responsibility; 3 to analyze the stands of teachers and students, in view of the implementation of the Escola da Escolha model; and, finally, 4 to determine the meanings and values attributed to the Escola da Escolha by its teachers and students. The results of the data analysis point to a discursive-ideological dissonance between what the Escola da Escolha model conceives and what the subjects, for whom these discourses are directed, actually experience in their school routine. Under the bias of the monologizing formative discourse of this model, the voices of the teachers arise in the denunciation of not having been heard, at the time of its implementation. From this perspective, there is still a clear lack of identification between the model's name and the meanings and values that it evokes in its target audience, especially due to the minimal possibility of choices for some, or the total absence of choices for others. Thus, these results are in accordance with the thesis that concrete utterances that circulate in different discursive spheres can reveal subjects and produce new identities.

     

     

     

     

5
  • JARDIENE LEANDRO FERREIRA
  • LETRAMENTO LABORAL, REPRESENTAÇÕES E IDENTIDADES: A DOCÊNCIA NO INSTITUTO FEDERAL DO SERTÃO PERNAMBUCANO

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • FRANCISCA MARIA DE SOUZA RAMOS LOPES
  • MARIA AUGUSTA GONÇALVES DE MACEDO REINALDO
  • Data: 20/04/2022

  • Mostrar Resumo
  • Relações de trabalho são investigadas desde as problematizações decorrentes do período pós-revolução industrial, a exemplo das produções de Karl Marx sobre força de trabalho, salário, preço e lucro. Nos dias atuais, essas relações tornaram-se, também, preocupação nos Estudos da Linguagem, mais especificamente, no campo da Linguística Aplicada. As relações entre linguagem e trabalho puderam, assim, ser interesse de pesquisa. Dentre essas possibilidades de investigação, os Estudos de Letramento oferecem alternativas teórico-metodológicas com foco na análise do papel da linguagem escrita como mediadora das práticas sociais no local de trabalho. Considerando o trabalho docente nessa seara de relações laborais, esta tese se propôs a investigar como docentes do IFSertãoPE, campus Salgueiro, representam seu trabalho no interior de práticas letradas e, consequentemente, depreender como esses profissionais se constituem identitariamente através de suas práticas de letramento laboral. Metodologicamente, esta pesquisa está inserida na área inter e transdisciplinar da Linguística Aplicada (MOITA LOPES, 2006; 2013; SIGNORINI, 1998) e se configura como uma investigação do tipo qualitativa de vertente etnográfica (BARTON, 2012), com a abordagem de dados interpretativista (BOGDAN; BIKLEN, 1994; CHIZZOTTI, 2005). Os aportes teóricos estão ancorados, interdisciplinarmente, nos pressupostos dos Estudos do Letramento (KLEIMAN, 1995; KLEIMAN; ASSIS, 2016; STREET, 1995), nas contribuições das pesquisas sobre Letramento Laboral (PAZ, 2008), nas discussões dos Estudos Culturais sobre identidades (HALL, 2011; BAUMAN, 2005) e na teoria das Representações Sociais (MOSCOVICI, 2013; JODELET, 2001). A análise dos dados aponta para a ocorrência de práticas de letramento laboral docente, pertencentes a domínios institucionais, pedagógicos, burocráticos e digitais. As representações de trabalho docente percebidas sinalizam a influência das demandas dos alunos e das orientações dos documentos normativos institucionais. Estes últimos parecem contribuir, na visão dos professores, para a consolidação da concepção mecanizadora de trabalho. Em relação às constituições identitárias nos depoimentos desses professores, foi percebida uma forte marcação de gênero, na medida em que parece haver diferenças entre ser professor e ser professora no contexto de educação profissional e tecnológica.


  • Mostrar Abstract
  • Labor relations are investigated from the problematizations arising from the post-industrial revolution period, such as Karl Marx's productions on workforce, wages, price and profit. Nowadays, these relationships have also become a concern in Language Studies, more specifically, in the field of Applied Linguistics. The relationships between language and work could therefore be of interest for research. Among these possibilities of investigation, Literacy Studies offer theoretical-methodological alternatives focused on the analysis of the role of written language as a mediator of social practices in the workplace. Considering the teaching work in this field of labor relations, this thesis proposed to investigate how teachers from IFSertãoPE, Salgueiro campus, represent their work within literate practices and, consequently, to understand how these professionals constitute themselves through their work literacy practices. Methodologically, this research is inserted in the inter and transdisciplinary area of Applied Linguistics (MOITA LOPES, 2006; 2013; SIGNORINI, 1998) and is configured as an investigation of the qualitative type with an ethnographic approach (BARTON, 2012), with an interpretative data approach. (BOGDAN; BIKLEN, 1994; CHIZZOTTI, 2005). The theoretical contributions are anchored, in an interdisciplinary and transdisciplinary way, in the assumptions of Literacy Studies (KLEIMAN, 1995; KLEIMAN; ASSIS, 2016; STREET, 1995), in the contributions of research on Labor Literacy (PAZ, 2008), in the discussions of Cultural Studies on identities (HALL, 2011; BAUMAN, 2005) and in the theory of Social Representations (MOSCOVICI, 2013; JODELET, 2001). Data analysis points to the occurrence of teacher labor literacy practices, belonging to institutional, pedagogical, bureaucratic and digital domains. Perceived representations of teaching work signal the influence of students' demands and the guidelines of institutional normative documents. The latter seem to contribute, in the view of the teachers, to the consolidation of the mechanising conception of work. Regarding the identity constitutions in the testimonies of these teachers, a strong gender marking was perceived, insofar as there seem to be differences between being a male teacher and being a female teacher in the context of professional and technological education.

     

6
  • SIMONE LORENA DA SILVA PEREIRA
  • OLHAR O OUTRO NOS OLHOS E PARA SI COM OS OLHOS DO OUTRO: Políticas Linguísticas para Surdos no Brasil e na Turquia

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • BAHTIYAR MAKAROGLU
  • FLAVIANE REIS
  • PAULO JEFERSON PILAR ARAÚJO
  • Data: 26/04/2022

  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho tem como objetivo compreender as políticas linguísticas voltadas para a comunidade Surda, no contexto do Brasil e da Turquia, e as suas contribuições para o reconhecimento das respostas oferecidas, por tal planejamento linguístico, para as demandas da vida social dos sujeitos surdos. Dentre as motivações que nos levaram a realização de atravessamentos pelas perspectivas semânticas e axiológicas da comunidade surda turca está o seguinte cenário: embora a Turquia seja um país transcontinental (localizado entre a Europa e a Ásia) sua localização na garante o escape de ser classificada no lado Sul, periférico, na linha abissal do conhecimento (SANTOS, 2009). Desse modo, convidamos os povos de língua de sinais da Turquia e do Brasil para o diálogo entre “dois diferentes mundos” para que pudéssemos olhar a nós mesmos com os olhos de outra cultura, conforme Bakhtin (2011). Para tanto, nossas discussões nossas lentes teórico-metodológicas foram ajustadas com base na desaprendizagem e indisciplina da Linguística Aplicada, na concepção de linguagem de Bakhtin e do Círculo, nos Estudos Surdos e nas Políticas Linguísticas atravessadas pela Teoria do Direito Linguístico. Dito isso, elegemos como corpus de nossa pesquisa onze documentos jurídico-linguísticos brasileiros (2000-2016) e cinco legislações turcas (2005-2019) voltados para as línguas de sinais e, por conseguinte, para as comunidades surdas. Após o cotejamento das jurisprudências, ora citadas, evocamos as vozes sociais de surdos por meio de metáforas pertencentes a documentários e livros que tem o posicionamento axiológico da pessoa surda como centro de valor. No contexto de nossa pesquisa emergiram três categorias de pesquisa, a saber: (1) alteridade e vozes sociais: o voo da gaivota; (2) forças discursivas: um ouvido ambulante ou um corpo falante?; e, por fim,  (3) o cronotopo de luta nas políticas linguísticas implícitas e explícitas. Observamos que, o excedente de visão, possibilitou o distanciamento do que já conhecemos (as políticas linguísticas voltadas para os surdos brasileiros), a apreciação do valor cultural do existir fora-de-mim questionando ao outro (o planejamento linguístico para surdos turcos) e encontrando alternativas de respostas dialógicas e axiológicas que transgredem a nossa própria vivência. Portanto, ao nos tornamos outros com o acabamento provisório refletido e refratado pela pupila cognoscente de um outro, potencializa-se a possibilidade de ver localmente (Brasil) o que ainda não foi visto, e/ou pensar de outra forma nas “categorias da nossa própria vida”.


  • Mostrar Abstract
  • The present work aims to understand the language policies aimed at the Deaf community, in the context of Brazil and Turkey, and their contributions to the recognition of the answers offered , for such linguistic planning, for the demands of the social life of deaf subjects. Among the motivations that led us to cross the semantic and axiological perspectives of the Turkish deaf community is the following scenario: although Turkey is a transcontinental country (located between Europe and Asia), its location does not guarantee the escape from being classified in the South side, peripheral, in the abyssal line of knowledge (SANTOS, 2009). In this way, we invited the sign language peoples of Turkey and Brazil to dialogue between “two different worlds” so that we could look at ourselves with the eyes of another culture, according to Bakhtin (2011). In order to do so, our discussions, our theoretical-methodological lenses, were adjusted based on the unlearning and indiscipline of Applied Linguistics, on Bakhtin's and Circle's conception of language, on Deaf Studies and on Linguistic Policies crossed by the Theory of Linguistic Law. That said, we chose eleven Brazilian legal-linguistic documents (2000-2016) and five Turkish legislations (2005-2019) focused on sign languages and, therefore, on deaf communities as the corpus of our research. After comparing the jurisprudence mentioned above, we evoke the social voices of the deaf through metaphors belonging to documentaries and books that have the axiological positioning of the deaf person as a center of value. In the context of our research, four research categories emerged, namely: (1) otherness and social voices: the flight of the seagull; (2) discursive forces: a walking ear or a talking body?; (3) the chronotope of struggle in implicit and explicit language policies and, finally, (4) Heteroscience: “die of laughter: alternation and renewal”. We observed that the surplus of vision made it possible to distance ourselves from what we already know (linguistic policies aimed at Brazilian deaf people), to appreciate the cultural value of existing outside of myself by questioning the other (linguistic planning for Turkish deaf people) and finding alternatives for dialogical and axiological responses that transgress our own experience. Therefore, when we become others with the provisional finish reflected and refracted by the cognizant pupil of another, the possibility of seeing locally (Brazil) what has not yet been seen is enhanced, and/or thinking differently about the “categories of our own life".

7
  • GEOVÁ BEZERRA GUIMARÃES
  • ENSINO DA ESCRITA: análise crítica da imposição de um arbitrário cultural tornado suposto consenso

  • Orientador : SULEMI FABIANO CAMPOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ADILSON CREPALDE
  • ANDRÉ CAMPOS MESQUITA
  • JOSÉ ANTÔNIO VIEIRA
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • THOMAS MASSAO FAIRCHILD
  • Data: 15/07/2022

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese estuda produções textuais de alunos da última etapa do ensino fundamental em condição de concurso com o objetivo de analisar a relação entre o discurso sobre o ensino da escrita, entendido como o conjunto de metodologias didáticas previstas em documentos oficiais, e a constituição em sujeito do aluno-concorrente, concebido como efeito ideológico produzido pela inserção histórica deste em uma tradição didática. A partir da Análise de Discurso introduzida por Pêcheux (2014; 2015) e ampliada por Courtine (2014) e das discussões sobre educação, ensino e produção de texto propostas por Larossa (2014), Comenius (2001), Bourdieu e Passeron (1992), Apple (1979; 2001), Geraldi (1984; 1991), Gnerre (1992), Fabiano-Campos (2011) e Fairchild (2012), problematiza-se o ensino da escrita que toma os gêneros textuais/discursivos como objetos de ensino, uma vez que há indícios de que essa prática contemporânea nutre e se nutre de discursos que, reproduzindo concepções antigas, tornaram-se suposto consenso. Isso possibilitaria, frente às diretrizes pedagógicas oficiais, a emergência da generização, um didatismo que é igualmente atualidade (acontecimento discursivo) e sempre já dito (memória discursiva). A leitura de enunciados (PÊCHEUX, 2016) e de formulações, associando forma sintática e conteúdo léxico-semântico (COURTINE, 2014), cotejados de 43 (quarenta e três) redações escritas possibilita-nos interpretar, a partir da análise dos modos de escrita dos sujeitos-concorrentes, o funcionamento da formação discursiva neoliberal materializada em documentos oficiais. A análise dos textos permite que se identifique uma tendência de incorporação do controle técnico sobre o dizer do sujeito-concorrente, marcada pela sistematicidade e pela reintrodução, sob o rótulo da generização, de rituais de reprodução, um amálgama que contrasta com o dialogismo bakhtiniano. Em relação à constituição do sujeito, notam-se movimentos que indiciam certa aderência a temas do discurso neoliberal ao mesmo tempo em que há ocorrências de oscilações contrastivas que se aproximam de procedimentos de diferenciação, apontando uma tentativa de trabalho do sujeito-concorrente.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis studies the textual productions of students in the last stage of elementary school in contest condition with the objective of analyzing the relationship between the discourse on the teaching of writing, understood as the set of didactic methodologies provided for in official documents, and the constitution of a subject of the student-competitor, conceived as an ideological effect produced by the historical insertion of the student in a didactic tradition. Based on the Discourse Analysis introduced by Pêcheux (2014; 2015) and expanded by Courtine (2014) and the discussions on education, teaching and text production proposed by Larossa (2014), Comenius (2001), Bourdieu and Passeron (1992) , Apple (1979; 2001), Geraldi (1984; 1991), Gnerre (1992), Fabiano-Campos (2011) and Fairchild (2012), the teaching of writing that takes textual/discursive genres as objects of teaching is problematized, since there are indications that this contemporary practice nourishes and is nourished by discourses that, reproducing ancient conceptions, have become a supposed consensus. This would allow, in the face of official pedagogical guidelines, the emergence of gendering, a didacticism that is equally current (discursive event) and always already said (discursive memory). Reading statements (PÊCHEUX, 2016) and formulations, associating syntactic form and lexical-semantic content (COURTINE, 2014), compared to 43 (forty-three) written essays allows us to interpret, based on the analysis of writing modes of the subject-competitors, the functioning of the neoliberal discursive formation materialized in official documents. The analysis of the texts allows to identify a tendency of incorporation of the technical control in the process of production of classes through the embedding of the competence (object of learning) codified in the exercise proposed in the classroom, marked by the systematicity and by the reintroduction, under the label of gendering, of reproduction rituals, an amalgamation that contrasts with Bakhtinian dialogism. The analysis of the texts allows us to identify a tendency towards the incorporation of technical control over the subject-competitor's saying, marked by systematicity and by the reintroduction, under the label of gendering, of reproduction rituals, an amalgamation that contrasts with Bakhtinian dialogism. In relation to the constitution of the subject, there are movements that indicate a certain adherence to themes of neoliberal discourse at the same time that there are occurrences of contrastive oscillations that approach differentiation procedures, indicating an attempt to work by the subject-competitor.

8
  • JEFFERSON EDUARDO DA PAZ BARBOSA
  • A FORMA E O SÍMBOLO DO LABIRINTO NA ESCRITA LITERÁRIA DE CARLOS LLORÓ

  • Orientador : EDUARDO ANIBAL PELLEJERO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDUARDO ANIBAL PELLEJERO
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • CID OTTONI BYLAARDT
  • JONNEFER BARBOSA
  • Data: 28/07/2022

  • Mostrar Resumo
  • A obra Inferno, de Carlos Lloró, em seus tomos Kounboum (2009) e Cinis Cinerum (2012), se apropria do labirinto, em suas características formais e simbólicas. Como forma, aosimular textualmente o meandro retorcido e sua complexidade estrutural; como símbolo, na medida em que proporciona uma experiência transcendente do caos e da escrita literária. Dessa forma este estudo analisa a transposição do labirinto enquanto forma e símbolo na obra de Carlos Lloró. A metodologia consistiu em estabelecer a morfologia e o simbolismo do labirinto a fim de situar a sua transmissão a partir de mitos, textos literários, religiosos e filosóficos (integrando um referencial bibliográfico diversificado, capaz de proporcionar uma visão ampla da questão). Como resultado, observamos o labirinto objetivado em três aspectos: na construção e constituição da autoria; no tratamento do fantástico e sua relação com o onirismo; e nos procedimentos de escrita literária, utilizados e tematizados no texto.


  • Mostrar Abstract
  • The work Inferno, by Carlos Lloró, in its volumes Kounboum (2009) and Cinis Cinerum (2012), appropriates the labyrinth, in its formal and symbolic characteristics.As a form, by textually simulating the twisted meander and its structural complexity; as a symbol, insofar as it gives a transcendent experience of chaos and literary writing.In this way, this study analyzes the transposition of the labyrinth as a form and symbol in the work of Carlos Lloró. The methodology consisted of establishing the morphology and symbolism of the labyrinth in order to situate its transmission from myths, literary, religious and philosophical texts (integrating a diversified bibliographic reference, capable of providing a broad view of the issue).As a result, we observed the labyrinth objectified in three aspects: in the construction and constitution of authorship; in the treatment of the fantastic and its relationship with oneirism; and in the procedures of literary writing, used and thematized in the text.

     

9
  • MARIA DE JESUS MELO LIMA
  • Novas formações, velhas práticas: o discurso tecnicista no ensino de sequências didáticas nas Dissertações do ProfLetras

     

  • Orientador : SULEMI FABIANO CAMPOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • DANIELA EUFRÁSIO
  • MARINALVA VIEIRA BARBOSA
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • VALNECY OLIVEIRA CORRÊA SANTOS
  • Data: 29/07/2022

  • Mostrar Resumo
  • A presente tese filia-se à concepção teórica da Análise do Discurso (AD), perspectiva por meio da qual se busca compreender a produção escrita de sujeitos professores em condição de formação no Mestrado Profissional em Letras (ProfLetras). Para tanto, intenta-se defender a hipótese de que as forças que conduzem os discursos se engendram, quase ocultamente, para manter o tecnicismo em atividade, por meio das Sequências Didáticas (SD), haja vista que as atuais propostas de ensino da escrita enfatizam uma abordagem única de texto para todos. Com base nessa hipótese, questiona-se: O ensino da escrita na universidade e na escola prioriza a concepção técnica, através das sequências didáticas como proposta de ensino da escrita? Como e qual é o movimento que controla e induz o ensino de Língua Portuguesa (LP) da década de 1960 tem se estabelecido até os dias atuais, estabelecendo o discurso pedagógico de que os gêneros, juntamente com as SD, se transformaram em palavras e práticas obrigatórias na sala de aula? O que constitui o discurso dos sujeitos professores do ProfLetras ao utilizar a SD como metodologia de ensino de LP na dissertação ao passo que exigem uma escrita de modo tão homogêneo, padronizada e idealizada? Quais os efeitos de sentido que subjetivam o ensino da escrita por meio de SD como se fossem verdades inconstestáveis de uma escrita igual para todos, onde os sujeitos professores estão constituídos por um discurso cada vez mais técnico que controla e induz para um único modo de escrita? O objetivo desta pesquisa é problematizar como os discursos de verdades, através das regularidades discursivas, se formam para a constituição de suas subjetividades, ao investigar que forças atuam no discurso das SD utilizadas como metodologia de ensino de LP, elaboradas pelos sujeitos professores do ProfLetras, a partir dos resíduos que reportam e que impelem a práticas discursivas de controle e condução da conduta do professor o que remete a concepção tecnicista de ensino. Como objeto de estudo, analisaremos o discurso de verdade dos sujeitos professores em condição de formação, materializadas em SD, para tanto temos como corpus 26 dissertações do ProfLetras. Para fundamentar a pesquisa, descrever, analisar e interpretar recorre-se a “Arqueologia do saber” que reflete as relações dos saberes fabricados, a “A ordem do discurso” que amplia a relação do poder/saber e o “O sujeito e o poder” que aborda a constituição das subjetividades (FOUCAULT, 1995; 2013; 2014a; 2014b, 2017). Nessa direção, acompanhamos Geraldi (1984; 1992; 2010, 2018) e Larrosa (2017; 2002) para nos remeter a importância da experiência, da escrita no contexto escolar. Os resultados revelam que ainda prevalece a presença de marcas oriundas da perspectiva da concepção tecnicista de linguagem engendrado na prática do sujeito professor em processo de formação. Em suma, encontramos um discurso tecnicista nas SD das dissertações o que decorre de práticas neoliberais que visam a condução da conduta através de rituais tecnicistas oriundos do discurso pedagógico que remete a um movimento regulador do ensino da escrita que tende a diminuir a experiência dos sujeitos professores para focar em práticas de repetição/reprodução que revelam modelos e receitas para manter o discurso de verdade que o poder/saber opera. Tais técnicas de controle e condução impedem a produção do conhecimento.


  • Mostrar Abstract
  • The present thesis is affiliated with the theoretical conception of Discourse Analysis (AD), a perspective through which we seek to understand the written production of subject teachers in training conditions in the Professional Master's Degree in Letters (ProfLetras). To this end, we intend to defend the hypothesis that the forces that drive the discourses are engendered, almost covertly, to keep technicism in activity, through Didactic Sequences (DS), given that the current proposals for teaching writing emphasize a one-size-fits-all approach to text. Based on this hypothesis, the question is: Does the teaching of writing at university and at school prioritize the technical conception, through didactic sequences as a proposal for teaching writing? How and what is the movement that controls and induces the teaching of Portuguese Language (LP) from the 1960s has been established until the present day, establishing the pedagogical discourse that genres, along with DS, have become words and practices mandatory in the classroom? What constitutes the discourse of ProfLetras professors when using SD as a teaching methodology for LP in the dissertation, while demanding writing in such a homogeneous, standardized and idealized way? What are the meaning effects that subjectivize the teaching of writing through SD as if they were incontestable truths of an equal writing for all, where the teachers subjects are constituted for an increasingly technical discourse that controls and induces to a single writing mode? The objective of this research is to problematize how the discourses of truths, through the discursive regularities, are formed for the constitution of their subjectivities, by investigating what forces act in the discourse of the SD used as a teaching methodology of LP, elaborated by the subjects professors of ProfLetras , from the residues that they report and that impel to discursive practices in control and conduct of conduct of teacher, which refers to the technicist conception of teaching. As an object of study, we will analyze the truth speech of the subjects teachers in training condition, materialized in SD, for that we have as corpus 26 dissertations from ProfLetras . To substantiate the research, describe, analyze and interpret the “Archeology of knowledge” that reflects the relations of manufactured knowledge, the “The order of discourse” that expands the relationship of power/knowledge and the “The subject and the power” are used” that addresses the constitution of subjectivities (FOUCAULT, 1995; 2013; 2014a; 2014b, 2017). In this direction, we follow Geraldi (1984; 1992; 2010, 2018) and Larrosa (2017; 2002) to remind us of the importance of experience, of writing in the school context. The results reveal that the presence of marks arising from the perspective of the technicist conception of language engendered in the practice of the teacher subject in the training process still prevails. In short, we find a technicist discourse in the DS of the dissertations, which stems from neoliberal practices that aim to conduct conduct through technicist rituals arising from the pedagogical discourse that refers to a regulatory movement in the teaching of writing that tends to reduce the experience of the teacher subjects. to focus on practices of repetition/reproduction that reveal models and recipes to maintain the discourse of truth that power/knowledge operates. Such control and conduction techniques impede the production of knowledge.

10
  • FRANCISCO HUMBERLAN ARRUDA DE OLIVEIRA
  • LIMA BARRETO: O ESCRITOR DO NOMADISMO

  • Orientador : KATIA AILY FRANCO DE CAMARGO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALVARO SANTOS SIMÕES JUNIOR
  • ARIVALDO SACRAMENTO DE SOUZA
  • KATIA AILY FRANCO DE CAMARGO
  • MANOEL FREIRE RODRIGUES
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • Data: 22/08/2022

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese de doutoramento tem como objeto de estudo os contos do escritor carioca Afonso Henriques de Lima Barreto por meio de análise literária sob uma nova perspectiva teórica, o nomadismo. Por mais que os estudos acadêmicos tenham, na atualidade, a preferência pela produção contemporânea, é salutar que a escrita de Lima Barreto seja presente na academia, contudo, desde a segunda metade do século XX, é dispensada a ela um tratamento por meio de critérios mais sociológicos que literários, isto é, as pesquisas em torno das suas obras têm focalizado aspectos temáticos, em especial, os da contemporaneidade como a questão racial, social, cultural e de representatividade. Nesse sentido, o objetivo principal dessa tese é identificar, por meio do gênero textual conto, que não é possível entender a produção de Lima Barreto como engajada com temáticas específicas, mas como uma escrita em permanente trânsito, situada no entre-lugar, ou ainda, caracterizada por uma escrita nômade. No que se refere à problemática do nomadismo, usamos os preceitos conceituais de Flusser (2003, 2007); em relação à fortuna crítica e teórica sobre as obras de Lima Barreto se utilizou, como principais proposições discursivas, Barbosa (2002), Schwarcz (2017), Oakley (2011) e Figueiredo (2017); quanto à especificidade do gênero textual este trabalho tem como aporte teórico Gotlib (2006) e Cortázar (2006); Em relação à narrativa, o suporte teórico utiliza de Candido (2004) sobre a função da literatura e Adorno (2012) sobre o artista como representante. A pesquisa é de ordem qualitativa já que se detém na análise das categorias estéticas – como os tipos de discursos e linguagem empregada – e culturais, como a experiência da subjetividade e da função do escritor, que permeiam os textos selecionados. Os contos utilizados foram publicados entre 1915 e 1922, época de maior produção e participação de Lima Barretos em revistas, jornais e livros. Os contos foram produzidos sob o contexto político, social e cultural da belle époque carioca e apresentam leitmotiv de temas em que é possível compará-los para evidenciar em que medida há o engajamento com a arte – que seria próprio do gesto nômade – ou com as demandas sociais. A hipótese desta tese é de que a escrita de Lima Barreto se encontra em movimento, isto é, ela rompe com o habitual como forma de crítica, ao mesmo tempo que tenta fazer parte daquilo que é objeto de sua crítica. Esse movimento paradoxal se explica pelo nomadismo de Flusser (2003, 2007) que parte da premissa de que não há valores eternos na humanidade, mas sim funções mutáveis. E isso Barreto vai realizando ao longo da sua produção, seja para entrar na Academia Brasileira de Letras ou, ainda, para viver da glória das letras, como o escritor dizia. Porém, Lima Barreto faz isso de forma consciente e norteado pela idealização que fazia da função do escritor e da literatura, em que acreditava que só por intermédio da arte era possível superar as limitações impostas pelos diversos preconceitos.

     


  • Mostrar Abstract
  • The object of this doctoral thesis is to study the short stories of the writer born in Rio de Janeiro, Afonso Henriques de Lima Barreto, through a literary analysis from a new theoretical perspective, the nomadism. However, since the second half of the 20th century, Lima Barreto's writing has been treated according to more sociological than literary criteria, that is, the researches on his works have focused on thematic aspects, especially those of contemporaneity, such as racial, social, cultural and representational issues. In this sense, the main objective of this thesis is to identify, by means of the short story textual genre, that it is not possible to understand Lima Barreto's production as engaged with specific themes, but as a writing in permanent transit, situated in between places, or characterized by a nomadic writing. Regarding the problematic of nomadism, we used the conceptual precepts of Flusser (2003, 2007); regarding the critical and theoretical fortune on the works of Lima Barreto, we used, as main discursive propositions, Barbosa (2002), Schwarcz (2017), Oakley (2011), and Figueiredo (2017); As for the specificity of the textual genre, this work has Gotlib (2006) and Cortázar (2006) as theoretical support; Regarding the narrative, the theoretical support uses Candido (2004) about the function of literature and Adorno (2012) about the artist as representative. The research is qualitative in nature since it dwells on the analysis of aesthetic categories - such as the types of discourses and language employed - and cultural categories, such as the experience of subjectivity and the writer's function, which permeate the selected texts. The short stories used were published between 1915 and 1922, the time of Lima Barreto's greatest production and participation in magazines, newspapers and books. The short stories were produced in the political, social and cultural context of the belle époque carioca and present leitmotif themes in which it is possible to compare them in order to show to what extent there is engagement with art - which would be proper of the nomadic gesture - or with social demands. The hypothesis of this thesis is that Lima Barreto's writing is in movement, that is, it breaks with the usual as a form of criticism, at the same time that it tries to be part of that which is the object of its criticism. This paradoxical movement is explained by Flusser's (2003, 2007) nomadism, which starts from the premise that there are no eternal values in humanity, but mutable functions. And this is what Barreto does throughout his production, either to get into the Brazilian Academy of Letters or to live off the glory of letters, as the writer used to say. However, Lima Barreto does it consciously and guided by his idealization of the writer's and the literature's function, in which he believed that only through art it was possible to overcome the limitations imposed by the several prejudices.

     

     

     

     

11
  • ELIENE MEDEIROS DA COSTA
  • A VIOLÊNCIA ESTRUTURAL EM MAÇÃ AGRESTE, DE RAIMUNDO CARRERO

     

  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DANGLEI DE CASTRO PEREIRA
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • RONIE RODRIGUES DA SILVA
  • ROSANA CRISTINA ZANELATTO SANTOS
  • Data: 29/08/2022

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese analisa o romance Maçã agreste do escritor Raimundo Carrero, a partir do percurso narrativo de seis de suas personagens. A construção dessa categoria literária, assim como os demais aspectos que compõem a narrativa, contribui para tornar visível a violência que está presente na sociedade. Um dos traços que contribui para isso é o fato de a obra apresentar personagens marginalizadas e que ocupam espaços sociais pouco valorizados. Desse modo, o objetivo deste trabalho é investigar se a estética, a construção das personagens, a linguagem e a organização estrutural da obra Maçã agreste são utilizadas como instrumentos para explicitar a violência estrutural presente na sociedade contemporânea. No que se refere à temática da violência, nos baseamos nos conceitos de violência ética de Butler (2015), simbólica de Bourdieu (2001, 2012), estrutural de Galtung (1990, 2018) e de disciplina de Foucault (1988, 2014); para a análise da categoria personagem, nos fundamentamos nos preceitos de Candido (2007) e Brait (1985); quanto à relação entre a literatura e a violência, nos embasamos em Lins (1990). A pesquisa é de natureza qualitativa, uma vez que busca investigar os elementos que compõem a estética da obra, tais como foco narrativo, tipo de discurso, linguagem utilizada para compor cada personagem e sua importância para compreender e justificar a presença da temática da violência. A recorrência da violência na obra pode ser compreendida como uma estratégia para chamar a atenção em relação à violência produzida constantemente sobre as pessoas, especialmente aquelas que vivem em situação de vulnerabilidade social, a partir das normas de conduta existentes e da produção de situações de injustiça social. 


  • Mostrar Abstract
  • This thesis analyzes Maçã agreste, a novel by Raimundo Carrero, from the narrative path of six of its characters. The construction of this literary category, as well as the other aspects that compose the narrative, contributes to making visible the violence that is present in society. One of the traits that make this possible is the fact that the work brings marginalized characters who occupy undervalued social spaces. Thus, the objective of this work is to investigate whether the aesthetics, the construction of characters, the language, and the structural organization of Maçã agreste are used as instruments to explain the structural violence present in contemporary society. In relation to the theme of violence, we rely on the concepts of ethical violence by Butler (2015); symbolic violence by Bordieu (2001, 2012); structural violence by Galtung (1990, 2018); and discipline by Foucault (1988, 2014). As for the analysis of the characterization, we based this study on the precepts of Candido (2007) and Brait (1985). In relation to the relationship between literature and violence, we rely on Lins (1990). This research is of a qualitative nature since it seeks to investigate the elements that compose the aesthetics of the work, such as narrative focus, type of discourse, language used to create each character, and its importance in understanding and justifying the presence of the theme of violence. The recurrence of violence in the novel can be understood as a strategy to draw attention to the violence constantly suffered by people, especially those who live in situations of social vulnerability, based on existing norms of conduct and the production of situations of social injustice.

12
  • JOATAN DAVID FERREIRA DE MEDEIROS
  • LUIS DA CASCUDO CASCUDO E ROBERT LEHMANN-NITSCHE: TRANSFERÊNCIAS CULTURAISDO SERTÃO AO PAMPA


  • Orientador : JOSE LUIZ FERREIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • HUMBERTO HERMENEGILDO DE ARAUJO
  • MARIA SUELY DA COSTA
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 29/08/2022

  • Mostrar Resumo
  • Na década de 1920, Luís da Câmara Cascudo fez parte de um proeminente circuito de sociabilidades intelectuais que aproximou brasileiros e argentinos num movimento que percorreu, pela literatura, caminhos para a afirmação de uma identidade política, artística e cultural latino-americana. Somando-se aos esforços de autores como Monteiro Lobato, Mário de Andrade, Ronald de Carvalho entre outros, o autor potiguar se tornou um importante interlocutor nas travessias de ideias, bens e valores por meio das quais artistas e intelectuais no Brasil e na Argentina aspiraram um desenvolvimento cultural orientado pelo conhecimento recíproco e pela construção de entendimentos no âmbito do próprio continente. Esses dados são parte dos registros da pesquisa de mestrado Câmara Cascudo e a Argentina intelectual: um joio na seara latino-americana (MEDEIROS, 2016), apresentada ao Programa de Pós-graduação em Estudos da Linguagem (PPgEL/UFRN), que reconstituiu o itinerário de aproximação do norte-riograndense à cena cultural platina, distinguindo seu papel de receptor, divulgador e mediador de produções literárias entre as matrizes culturais aludidas. A partir da ampliação documental da pesquisa e da necessidade de delimitar um novo objeto de estudo, esta tese cumpre mais uma etapa de revisões e discussões no campo dessas mobilidades, propondo uma leitura analítica da correspondência de Câmara Cascudo com  Robert Lehmann-Nitsche, ocorrida nas décadas de 1920 e 1930. Radicado na Argentina entre os anos de 1897 e 1930, onde exerceu a função principal de diretor do Departamento de Antropologia do Museo de La Plata, o etnólogo alemão foi um dos mais relevantes pesquisadores das tradições populares e do folclore daquele país, atuando como um importante intermediário nos processos de importação e exportação de bens culturais entre a Europa e América do Sul. O diálogo entre os dois autores, empreendido num contexto de intensa circulação de ideias na América Latina do início do século XX, é um testemunho de uma dinâmica de espírito, transversal às fronteiras, pela qual a intelectualidade buscou compreender problemáticas das culturas nacionais pela via do elemento regional. Situado nesse tempo-espaço, este estudo vincula-se às novas perspectivas da literatura comparada e da historiografia literária latino-americanas (CANDIDO, RAMA, NITRINI, COUTINHO, PIZARRO, PERRONE-MOISÉS) que, desde os anos 60, apontam para a necessidade de descolonização e para a construção de uma análise e interpretação próprias. Dado o caráter transdisciplinar dos estudos comparativos, esta pesquisa também busca orientações teórico-metodológicas na História dos Intelectuais (DOSSE, COSTA) e no campo das Transferências Culturais (ESPAGNE, RODRIGUES), a fim de sugerir uma análise de processos de mediação, tomando como base as ações circunstanciadas de Luís Câmara Cascudo como “passeur culturel” no contexto evidenciado.  


  • Mostrar Abstract
  • In the 1920s, Luís da Câmara Cascudo was part of a prominent circuit of intellectual sociability that brought Brazilians and Argentines together in a movement that, through literature, covered paths for the affirmation of a Latin American political, artistic and cultural identity. Adding to the efforts of authors such as Monteiro Lobato, Mario de Andrade, Ronald de Carvalho among others, the author from Rio Grande do Norte became an important interlocutor in the journeys of ideas, goods and values through which artists and intellectuals in Brazil and Argentina aspired to a cultural development guided by mutual knowledge and the construction of understandings within the continent itself. These data are part of the records of the master's research “Câmara Cascudo and intellectual Argentina: a darnel in the Latin American harvest” (MEDEIROS, 2016), presented to the Programa de Pós-graduação em Estudos da Linguagem (PPgEL/UFRN), which reconstituted the itinerary of the author's approach to the platina cultural scene, distinguishing his role as receiver, disseminator and mediator of literary productions between the aforementioned cultural matrices. From the research documentary expansion and the need to delimit a new study object, this thesis fulfills another stage of revisions and discussions in the field of these mobilities, proposing an analytical reading of the correspondence between Câmara Cascudo and Robert Lehmann-Nitsche, which took place in the 1920s and 1930s. Settling in Argentina between 1897 and 1930, where he developed his main function as director of the Anthropology Department of the Museo de La Plata, the German ethnologist was one of the most relevant researchers of the popular traditions and folklore of that country, acting as an important intermediary in the import and export cultural processes of goods between Europe and South America. The dialogue between the two authors, carried out in a intense circulation context of ideas in Latin America at the beginning of the 20th century, is testimony to a dynamic of spirit, transversal to borders, through which artists and intellectuals sought to understand national issues through the regional element. Situated in this time-space, this study is linked to the new perspectives of comparative literature and Latin American Literary historiography (CANDIDO, RAMA, NITRINI, COUTINHO, PIZARRO, PERRONE-MOISÉS) which, since the 1960s, point to the need for decolonization and the construction of one's own analysis and interpretation. Given the transdisciplinary nature of comparative studies, this research also seeks theoretical-methodological guidelines in the Intellectual History  (DOSSE, COSTA) and in the area of Cultural Transfers (ESPAGNE, RODRIGUES), in order to suggest a characterization of mediation processes, taking as based on the detailed actions of Luís Câmara Cascudo as a “passeur culturel” in the evidenced context.


13
  • MÁRCIA REJANE BRILHANTE CAMPÊLO
  • TÓPICO DISCURSIVO EM TEXTOS PLURISSEMIÓTICOS: PROPOSTA DE FORMALIZAÇÃO TEÓRICA

  • Orientador : CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CLEBSON LUIZ DE BRITO
  • CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVAO
  • PAULO EDUARDO RAMOS
  • SILVIO LUIS DA SILVA
  • Data: 01/09/2022

  • Mostrar Resumo
  • O tópico discursivo é uma categoria analítica adotada pela Perspectiva Textual-Interativa (PTI) para operar na descrição e análise da organização de textos. Pensada inicialmente para o estudo do texto falado, na conjuntura do Projeto Gramática do Português Falado (PGPF), os estudos no âmbito da PTI foram gradativamente reformulando-a com a finalidade de empregá-la também em textos escritos, mas não se discute ainda de forma aprofundada como seria a organização tópica de textos plurissemióticos (entendido como evento linguageiro que mobiliza signos verbais e não verbais). Assim sendo, a presente pesquisa propõe a seguinte questão: por quais revisões teóricas a categoria tópico discursivo precisa passar para dar conta da análise, também, de textos plurissemióticos? Tendo em vista essa problemática, o objetivo geral da investigação é repensar o conceito de tópico discursivo, de modo que essa categoria seja aplicável, também, à análise de textos plurissemióticos. Considerar elementos não verbais nas propriedades definidoras do tópico é um desafio que requer, além de repensar os princípios que estão na base da teoria, a própria concepção de texto, e formalizar a análise a partir do emprego de categorias próprias da Linguística Textual. A discussão acerca das propriedades do tópico em textos plurissemióticos apontou para a possibilidade de a categoria ser adaptada: a propriedade de centração pode ser demonstrada por referentes verbais e não verbais; já a organicidade, precisa ser auxiliada pela noção de relevo. Com estas adaptações, a PTI amplia seu potencial de aplicação para um objeto teórico pensado a partir de outros predicados e relações.


  • Mostrar Abstract
  • Discursive topic is an analytical category adopted by the Textual-Interactive Perspective (TIP) to operate in the description and analysis of textual organization. Being initially conceived for the study of spoken text in the context of the Grammar of Spoken Portuguese Project (GSPP), the discursive topic was gradually reformulated by studies within the scope of TIP in order to be also used in written texts. However, an in-depth discussion on how the topical organization of multi-semiotic texts (language events that mobilize verbal and non-verbal signs) must be set has not been developed yet. Therefore, this research proposes the following question: which theoretical revisions does the discursive topic category need to undergo in order to carry out the analysis of multi-semiotic texts, as well? Given this problem, the main objective of the investigation is to rethink the concept of discursive topic, so this category may also be applicable to the analysis of multi-semiotic texts. Considering non-verbal elements in the defining properties of the topic is a challenge that requires, in addition to rethinking the principles that underlie the theory, the very conception of text, and formalizing the analysis through the use of categories specific to Textual Linguistics. The discussion on the properties of the topic in multi-semiotic texts pointed to the possibility for the category to be adapted: the property of centering can be demonstrated by verbal and nonverbal references; organicity, however, needs to be assisted by the notion of relief. Through these adaptations, TIP expands its application potential for a theoretical object considered from other predicates and relationships.

14
  • JUCELY REGIS DOS ANJOS SILVA
  • POÉTICA QUEBRADA PELO MEIO: A POESIA CRÍTICA DE ANA CRISTINA CESAR

  • Orientador : EDUARDO ANIBAL PELLEJERO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CASSIA DE FATIMA MATOS DOS SANTOS
  • EDUARDO ANIBAL PELLEJERO
  • OTÁVIO GUIMARÃES TAVARES
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • TANIA MARIA DE ARAUJO LIMA
  • Data: 23/09/2022

  • Mostrar Resumo
  • Professora, poeta, tradutora e crítica literária, Ana Cristina Cesar elaborou uma obra
    de destaque no contexto da poesia marginal devido à sua literatura pensante, reconhecida pela
    crítica literária. Logo, este trabalho investiga a construção de uma poesia crítica na obra de
    Ana Cristina Cesar, com enfoque nas “transcriações” (CAMPOS, 2015) que realizou da
    “tradição moderna” (PAZ, 2013) e das propostas da geração mimeógrafo. A análise abrangeu
    a confrontação dos poemas de Cacaso, Chacal e Ana Cristina Cesar com os discursos críticos
    de maior relevância sobre a poesia marginal, presentes nas obras de Pereira (1981), Hollanda
    (2004; 2007; 2016) e Santiago (2000; 2002). Também contemplou a análise comparativa de
    textos de Ana Cristina Cesar, Manuel Bandeira e João Cabral de Melo Neto, especialmente
    dos livros Antologia poética (BANDEIRA, 2013), Uma faca só lâmina (do volume Poesia
    completa, MELO NETO, 2020), Poesia crítica (MELO NETO, 1982), A teus pés e Crítica e
    tradução (CESAR, 1998; 1999a). Por fim, este estudo investigou como a poesia de Ana C.
    questiona ideias acríticas sobre a poesia e o gênero lírico a partir dos seus próprios textos
    poéticos, realizando-se, para tanto, uma revisão da teoria dos gêneros literários. Resulta dessa
    investigação a compreensão de que a poesia de Ana Cristina Cesar se alia à tradição, mas não
    se limita à tradição da ruptura, pois complexifica ainda mais o modo de se posicionar
    historicamente por meio da escrita. Em sua obra, a artista será alguém que concilia
    subjetividade, leitura crítica e novas propostas de linguagem.


  • Mostrar Abstract
  • Literature, Communication and Translation student, professor, poet and literary critic, Ana Cristina Cesar is cited as one of the important names of Brazilian marginal poetry of the 1970’s. Many of the critics who studied her works pointed how different they were from the poetry that was being developed at the time and noticed a restless and productive thought on literature. Considering the singular place of works such as A teus pés (CESAR, 1999) and Crítica e tradução (CESAR, 1998), this research aims to investigate the construction of a critic poetry in Cesar’s works, from negotiations, displacements and transcreations in dialogues performed with the so-called “modern tradition” (PAZ, 2013) and the proposals of the mimeograph generation. This investigation includes the identification of correlations and contradictions between the generational discourse, the critic discourse, and the way the poems of the main poets of this generation are presented. The analysis of conceptual and poetic appropriations carried out by Ana C. for the construction of markedly metalinguistic texts and the shattering of constituted areas of knowledge, Literature Theory being one of them, are also part of this study. Through the construction of a hybrid poetic, in what regards the form of presentation, and of a fundamentally critic text, be it written in the form of poetry or of an essay, the work of Cesar brings important reflections regarding the classificatory potential of discursive systems, the limits between experience and language and the restrictions of lyricism in contemporaneity. It is possible to observe in the analyzed works: the work with genres considered non-literary, such as letters and diaries, in order to deconstruct limiting perspectives about what can be understood for an “I” writing; the wearing of lyricism through metalanguage, irony and poetic pretense; the transcreation of poetry through composition from the voices of other poets and fragments of the individual and historic experience; the reinvention of the critic text from strategies of fictionalization, fragmentation and construction. All the adopted proceedings showed an indissociability between poetry, critic and translation in Ana Cristina Cesar works, that were able to bring issues that are still fundamental in regard to the Literary institution and the act of writing itself.

15
  • FRANCISCO LEILSON DA SILVA
  • O CORPO SE FEZ FALA: DIALOGIA, TRANSENUNCIAÇÃO E MOVIMENTO PENDULAR DIALÓGICO EM PROTÓTIPOS  PARA O ENSINO DA ORALIDADE EM LÍNGUA PORTUGUESA

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • FRANCISCA ELISA DE LIMA PEREIRA
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MARIA DO SOCORRO MAIA FERNANDES BARBOSA
  • RENATA ARCHANJO
  • ROXANE HELENA RODRIGUES ROJO
  • Data: 26/10/2022

  • Mostrar Resumo
  • A pesquisa apresentada investiga o processo formativo continuado dos professores da educação básica em relação à oralidade corporificada. Seu cerne é trazer um conjunto de protótipos que requer a relação entre corpo e oralidade no ensino de língua portuguesa na educação básica brasileira. Para a construção do corpus, reúne material de estudo dos seguintes programas: Programa de Gestão de Aprendizagem Escolar I, Programa de Gestão de Aprendizagem Escolar II, Pró-letramento, Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa e Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio. O estudo busca estabelecer uma perspectiva encarnada da oralidade, após indicializar essa realidade das produções de gêneros discursivos orais nos documentos, contexto que revelou melhorias desde o primeiro programa até o mais  recente. Mediante esse cenário, desenvolve alguns conceitos a partir da perspectiva do círculo bakhitiniano sobre enunciado/enunciação, linguagem, perspectiva dialógica, vozes sociais, projeto de dizer e fala como elemento da vivência social. Os indícios teóricos estabelecem inter-relações com os conceitos advindos dos Estudos Culturais que servem como efetivação deste trabalho na área da linguagem, assentada na insubordinação da Linguística Aplicada, em sua constituição de alargar fronteiras para margear discursos outros, assim a metodologia é marcada pelo social, histórico e embates do diálogo. A teoria utilizada cunha o termo Movimento Pendular Dialógico como realidade inspirada no movimento pendular da Geografia que aponta para a força do silêncio e da fala; além da Transenunciação, que é o corpo como elemento que compõe a archacia dos gêneros discursivos orais. A realidade corpórea, em seus atos (locucionário-enunciativo, ilocucionário-proposicional e perlocucionário ilocucional), chega ao homem do triuvi-ATO e seus gêneros primários, secundários e terciários. Como resultado de reflexões sobre a oralidade corporificada, o estudo desenvolve seis protótipos que consumam essa perspectiva de um trabalho com a oralidade que amplifica os horizontes da prática docente a partir da completude do sujeito que fala e transenuncia tudo no corpo, com o outro para outros corpos.


  • Mostrar Abstract
  • xx

16
  • GABRIELLE LEITE DOS SANTOS
  • ARENA DISCURSIVA DO OMEGAVERSE: CORO DE VOZES NA CONSTRUÇÃO DE UM UNIVERSO FICCIONAL EM COMUNIDADES DE FANFIC

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARICE FIUZA GELETKANICZ
  • ANA CAROLINA SIANI LOPES
  • JENNIFER SARAH COOPER
  • LUCIANE DE PAULA
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • Data: 28/10/2022

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa doutoral se debruça sobre as comunidades online de fanfics, seu modo
    de funcionamento e produtos, nas suas relações com as práticas culturais de fãs e com
    a cibercultura, que conformam em grande medida os modos pelos quais criamos,
    armazenamos e disseminamos conhecimento, cultura e memória na atualidade. Aqui,
    avanço em explorar essa cultura a partir de um ponto de vista macroscópico, por meio
    da observação de um fenômeno interno às comunidades de fanfic, controverso e
    certamente curioso: o Omegaverse. Omegaverse é um universo ficcional ou tropo
    ficcional surgido dentro das comunidades de fanfic, criado, utilizado, expandido e
    disputado por fãs de diversos fandoms midiáticos nas últimas décadas. Sua archaica se
    confunde com o próprio surgimento do fandom de mídia, no slash de Star Trek, e se
    ramifica em uma fusão de diversas referências e experimentações, a partir da sua
    estabilização e complexificação em fandoms mais recentes. Esse tropo tornou-se centro
    de diversas discussões e polêmicas, não apenas dentro do próprio movimento de fãs,
    em torno de disputas das representações de corpo, gênero e sexualidade, mas também
    nas páginas do New York Times, numa disputa judicial por direito autoral, explodindo a
    bolha do universo de fã e ganhando espaço de discussão na grande mídia. O objetivo
    do presente trabalho é compreender o Omegaverse como um produto dialógico das
    comunidades de fanfic e observar o coro de vozes e a arena discursiva que constitui a
    produção crítica em fandoms, dentro da lógica participativa, tanto no ambiente virtual
    quanto no ambiente acadêmico, para onde os aca fans levam, muitas vezes, essas
    discussões. Parto do aporte teórico-metodológico do Círculo de Bakhtin, amparado
    ainda pelos estudos sobre cultura de fã e fanfic, e empreendo a investigação por meio
    do cotejamento de textos e do método indiciário. Utilizo como corpus de análise dois
    artigos em formato wiki, especificamente os do Wikipedia (2022) e do Fanlore (2022),
    que descrevem o universo, além da produção acadêmica de fãs hoje publicada em
    torno do tropo e suas questões, referenciadas nos respectivos artigos. Os resultados
    apontam para a expressão do Omegaverse em suas relações com uma archaica
    principalmente caracterizada pela ficção científica da década de 70 e 80, notavelmente
    debruçada sobre questões de corpo, gênero e sexualidade testadas em seu limite
    imaginativo; seu papel na produção de sentidos ambivalentes dentro do movimento de
    fãs, ora refratando e em disputa aberta com sentidos sexistas que atravessam nossa
    sociedade, ora reproduzindo-os: o que não passa despercebido pela comunidade de
    fãs, em especial parte significativa dessa comunidade composta por mulheres
    feministas dispostas a disputar tais sentidos.


  • Mostrar Abstract
  • This doctoral research focuses on online fanfic communities, their way of functioning
    and products, as well as on their relationships with the cultural practices of fans and with
    cyberculture, which largely shape the ways in which we create, store and disseminate
    knowledge, culture and memory nowadays. Here, I advance in exploring this culture
    from a macroscopic point of view, through the observation of an internal, controversial
    and certainly curious phenomenon inherent to fanfic communities: the Omegaverse.
    Omegaverse is a fictional universe or fictional trope that emerged within fanfic
    communities, created, used, expanded, and disputed by fans of various media fandoms
    in recent decades. Its archaica merges with the emergence of media fandom itself, in
    the Star Trek slash, and ramifies into a fusion of diverse references and
    experimentation, from its stabilization and complexity in more recent fandoms. This trope
    has become the center of several discussions and controversies, not only within the fan
    movement itself, around disputes over representations of body, gender and sexuality,
    but also in the pages of the New York Times, in a legal dispute over copyright, bursting
    the bubble of the fan universe and gaining space for discussion in the mainstream
    media. The objective of the present work is to understand the Omegaverse as a
    dialogical product of fanfic communities and to observe the chorus of voices and the
    discursive arena that constitutes critical production in fandoms, within the participatory
    logic, both in the virtual environment and in the academic environment, to where aca
    fans often lead these discussions. Starting from the theoretical-methodological
    contribution of the Bakhtin Circle, also supported by studies on fan culture and fanfic, I
    undertake the investigation through the collation of texts and the evidentiary method. I
    use as corpus of analysis two articles in wiki format, specifically those from Wikipedia
    (2022) and Fanlore (2022), which describe the universe, in addition to the academic
    production of fans currently published around the trope and its issues, referenced in the
    respective articles. The results point to the expression of the Omegaverse in its relations
    with an archaica mainly characterized by science fiction from the 70's and 80's, notably
    focused on issues of body, gender and sexuality tested to their imaginative limits; its role
    in the production of ambivalent meanings within the fan movement, sometimes refracting
    and in open dispute with sexist meanings that cross our society, sometimes reproducing
    them: which does not go unnoticed by the fan community, especially a significant part of
    this community composed of feminist women willing to contest such meanings.

17
  • ARTHUR BARROS DE FRANÇA
  • A PEQUENA TEMPORALIDADE: O CRONOTOPO DA CIDADE EM MASTER OF NONE

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • GILVANDO ALVES DE OLIVEIRA
  • JOAQUIM ADELINO DANTAS DE OLIVEIRA
  • LUCIANE DE PAULA
  • MARCO ANTÔNIO VILLARTA NEDER
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 02/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • O tempo é objeto de análise desde os filósofos da natureza, sendo entendido, de início, como ordem mensurável do movimento. Pela Física, muito depois, passou a ser tratado no período que se confunde com o próprio estabelecimento da área enquanto ciência. O conceito de espaço, por sua vez, apesar de seguir um itinerário semelhante, sempre gozou, ao menos na filosofia, de menor prestígio. Com Einstein, protagonista no abalo à mecânica clássica, os dois conceitos foram entendidos conjuntamente, um constituindo o outro. Bakhtin, valendo-se à época do abalo paradigmático, projeta o que denominou cronotopo para, dentre outras significações, explicar as estabilidades nos gêneros da literatura. Alargando a categoria, esta tese lida com outro material de análise: o seriado. Neste gênero, assim como o é na vida, determinados atos têm tempos e espaços distintos, de forma que a escolha por um ou outro recurso fílmico valora ideologicamente o acontecimento fictício, dando-lhe o acabamento que desejarem os profissionais responsáveis pela produção. Esses recursos constroem, ao retomar índices emotivo-volitivos, cronotopos menores (motivos cronotópicos ou pequenos cronotopos), podendo demonstrar, no conjunto, um tempo-espaço predominante. Nesse sentido, investiga-se, sob ângulo dialógico – isto é, ancorando-se na Análise Dialógica do Discurso (ADD) –, o tempo-espaço na formação da cidade, tendo como corpus cenas das duas (2) temporadas do seriado Master of None, produzido pela Netflix. Objetiva-se, ao identificar, analisar e discutir os cronotopos menores mais regulares – as coordenadas do tempo no espaço –, compreender o cronotopo dominante da cidade no universo da série, de maneira a revelar as relações mobilizadas na cidade fictícia, manifestando, assim, os centros organizacionais basilares dos acontecimentos e, por sua vez, a representação particular de homem e de vida. Para tal, os seguintes objetivos específicos são requeridos: (i) interpretar os cronotopos menores, identificando padrões; (ii) relacionar os cronotopos menores, problematizando a imagem de homem sugerida e a cultura inerente a sua atuação; (iii) discutir as relações dialógicas implícitas. A presente pesquisa insere-se na Linguística Aplicada (LA), com abordagem qualitativa, enfoque sócio-histórico e paradigma indiciário.


  • Mostrar Abstract
  • Time has been an object of analysis since the philosophers of nature, being understood, at first, as a measurable order of movement. Much later, it started to be examined by Physics, during the period that is confused with the very establishment of the area as a science. The concept of space, on the other hand, despite following a similar path, has always enjoyed less prestige, at least in philosophy. With Einstein, protagonist in the shakeout of classical mechanics, the two concepts were understood together, one constituting the other. Bakhtin, taking advantage of the paradigm shift, projects what he called chronotope to, among other significations, explain the stabilities in the genres of Literature. Expanding the category, this thesis deals with another material for analysis: the series. In this genre, as it is in life, certain acts have distinct times and spaces, so that the choice for one or another film feature, ideologically values the fictitious event, giving it the finish desired by the professionals responsible for the production. When resuming emotive-volitive indices, these features build minor chronotopes (chronotopic motifs or small chronotopes), therefore being able to, as a whole, demonstrate a predominant time-space. In that sense, it is investigated, from a dialogical angle - that is, anchoring itself in Dialogical Discourse Analysis (DDA) -, the time-space in the formation of the city, using as corpus scenes from the two (2) seasons of the series Master of None, produced by Netflix. The objective is to identify, analyze and discuss the most regular minor chronotopes - the coordinates of time in space -, to understand the dominant chronotope of the city in the universe of the series, in order to reveal the relations mobilized in the fictional city, thus manifesting the basic organizational centers of events and, in turn, the particular representation of man and life. For that, the following specific objectives are required: (i) to interpret the smaller chronotopes, identifying patterns; (ii) relate the smaller chronotopes, problematizing the suggested image of man and the culture inherent to his performance; (iii) discuss implicit dialogic relationships. This research is part of Applied Linguistics (AL), with a qualitative approach, socio-historical focus and evidential paradigm.

18
  • MAIRA MORAES CARDOSO LEAL
  • Ressemantização e Edição. A Reescrita do Passagen-Werk de Walter Benjamin na tradução brasileira Passagens 

  • Orientador : WIEBKE ROBEN DE ALENCAR XAVIER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • MARLENE HOLZHAUSEN
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • TITO LÍVIO CRUZ ROMÃO
  • WIEBKE ROBEN DE ALENCAR XAVIER
  • Data: 07/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • Ressemantização e Edição. A Reescrita do Passagen-Werk de Walter Benjamin na tradução brasileira Passagens tem como objeto de estudo a tradução brasileira da obra Das Passagen-Werk de Walter Benjamin (1892-1940), intitulada Passagens, organizada pelo germanista Willi Bolle e publicada em 2006. O foco do interesse é a análise da relação texto-contexto no aparato tradutório/editorial da tradução e como essas escolhas vão ressemantizar a obra no novo contexto cultural abrindo espaço para novas leituras dessa obra inacabada de Benjamin. A base da tradução brasileira é a edição histórico-crítica do conjunto de textos e dos fragmentos benjaminianos, realizada por Rolf Tiedemann em 1982. A descoberta de novos manuscritos por Giorgio Agamben em 1981, levantaram questões sobre a edição de Tiedemann já desde os meados dos anos 1980. A partir dos questionamentos levantados por ESPAGNE e WERNER (1984,1987,1989) a ressemantização do artefato traduzido se torna uma forma de reescrita da edição do texto-fonte em uma nova edição no texto-alvo (LEFEVERE, 2007). Para mostrar esse diálogo entre ressemantização e edição analisamos os textos e paratextos (GENETTE, 2012) porque em Passagens esses últimos têm a função de reescrita do texto benjaminiano no novo contexto cultural. Utilizamos parcialmente o modelo de tradução descritiva de TOURY(2012), a sistematização de Itens Culturais Específicos de AIXELÁ (2003),  além de levar em conta a visibilidade e invisibilidade do tradutor de VENUTI (2019) e o discurso sobre a edição histórico-crítica de NUTT-KOFOTH (2016), para analisar texto e paratextos da tradução brasileira a partir do víeis do conceito de transferências culturais (ESPAGNE 2012; 2017). Interessam especificamente os processos de ressemantização e metamorfose. Apesar do vínculo evidente entre o Passagen-Werk, obra de saída, e Passagens, obra de chegada, a tradução se distancia dessa ao omitir a uma parte significativa do aparelho editorial e acréscimo de novos paratextos, criando Passagens como um novo original que permite uma leitura diferente desses fragmentos. Entretanto, essa edição impressa também promove um paradoxo na Transferência Cultural (JORGENSEN, LÜSEBRINK, 2021): Passagens oferece duas posições contraditórias da concepção do livro na mesma edição. Por um lado, a edição brasileira tratados fragmentos de Notas e Materiais benjaminianos já como um grande arquivo de fragmentos (BOLLE, 2017). Por outro lado, essa concepção benjaminiana de leitura aberta sugere uma nova forma de ler os fragmentos para a qual o formato livro não é mais um veículo suficiente (BENJAMIN, 2012) e na qual outros métodos de produção do conhecimento como o Zettelkasten [Caixa de anotações], de Niklas Luhmann (1981), devem ser introduzidos. Diante dessa complexidade textual e paratextual benjaminiana oferecemos com a nossa pesquisa também uma nova maneira de leitura aberta da tradução brasileira, levando em consideração o mundo de edições acadêmicas hibridas totalmente transformado pela revolução digital (KRAFT, 2021). É ela abre que abre novos caminhos para a edição e ressemantização de Passagens no meio digital. Por isso, o anexo da presente pesquisa oferece também um modelo inicial de possível editoração e tradução cultural no sentido mais amplo possível, podendo provocar uma maneira de criar um maior engajamento dos leitores contemporâneos de língua portuguesa dessa obra e possivelmente abrir também novas passagens para o uso de Benjamin no contexto brasileiro de sala de aula.

     


  • Mostrar Abstract
  • Ressemantization and Edition: The Rewriting of Walter Benjamin's Passagen-Werk in the Brazilian Translation Passagens has the Brazilian translation of Walter Benjamin's (1892-1940) work Das Passagen-Werk, entitled Passagens as object of study, the work organized and published by the Germanist Willi Bolle in 2006. The focus of interest is the analysis of the text-context relationship in the translation/editorial apparatus of the translation and how these choices will resemanticize the work in the new cultural context opening space for new readings of this unfinished work of Benjamin. The basis of the Brazilian translation is the historical-critical edition of the set of Benjamin texts and fragments by Rolf Tiedemann in 1982. The discovery of new manuscripts by Giorgio Agamben in 1981 raised questions about Tiedemann's edition since the mid-1980s. From the questions raised by ESPAGNE and WERNER (1984,1987,1989) the resessemantization of the translated artifact became a form of rewriting the edition of the source text into a new edition in the target text (LEFEVERE, 2007). To show this dialogue between ressemantization and editing we analyze the texts and paratexts (GENETTE, 2012) because in Passagens the latter have the function of rewriting the Benjaminian text in the new cultural context. We partially use the descriptive translation model of TOURY(2012), the systematization of Specific Cultural Items of AIXELÁ (2003), as well as taking into account the visibility and invisibility of the translator of VENUTI, (2019) and the discourse on historical-critical editing of NUTT-KOFOTH ( 2016), to analyze text and paratexts of the Brazilian translation from the vise of the concept of cultural transfers (ESPAGNE 2012; 2017). Of specific interest are the processes of resemantization and metamorphosis. Despite the evident link between Passagen-Werk, the souce-text, and Passagens, the target-text, the translation distances itself from this by omitting a significant part of the editorial apparatus and adding new paratexts, creating Passagens as a new original that allows a different reading of these fragments. However, this print edition also promotes a new form of paradox in Cultural Transfer (JORGENSEN, LÜSEBRINK, 2021): Passagens offers two contradictory positions about the book's conception in the same edition. On the one hand, the Brazilian edition treats the fragments of Benjaminin’s Notas e Materiais as a large archive of fragments (BOLLE, 2017). On the other hand, the Benjaminian conception of open reading suggests a new way of reading fragments for which the book format is no longer a sufficient vehicle (BENJAMIN, 2012) and in which other methods of knowledge production such as Niklas Luhmann's Zettelkasten [Notes Box] (1981) must be introduced. In the face of this Benjaminian textual and paratextual complexity we offer with our research also a new way of open reading of Brazilian translation, taking into consideration the world of hybrid scholarly editions totally transformed by the digital revolution (KRAFT, 2021). It opens new paths for editing and resemanticizing of Passagens in a digital medium. Therefore, the appendix of the present research also offers an experimental model of possible cultural editing and translation in the broadest possible sense, and may provoke a way to create greater engagement of contemporary Portuguese-speaking readers of this work and possibly also open new Passagens for the use of Benjamin in the Brazilian classroom context.

     

     

19
  • MARAISA DAMIANA SOARES ALVES
  • A NEGOCIAÇÃO NO PROCESSO DE TRADUÇÃO COLABORATIVA EM SALA DE AULA: O JOGO REFLEXIVO SOBRE AS LÍNGUAS LATINA E PORTUGUESA

  • Orientador : MARIA HOZANETE ALVES DE LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JENNIFER SARAH COOPER
  • MARIA HOZANETE ALVES DE LIMA
  • SILVIO LUIS DA SILVA
  • SINARA DE OLIVEIRA BRANCO
  • SONIA CRISTINA SIMOES FELIPETO
  • Data: 09/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • O processo de tradução a dois, ou tradução colaborativa, é um evento de linguagem fortemente marcado pela interação entre agentes tradutores. (O’BRIEN, 2011). A partir desse evento, podemos descrever e analisar os movimentos metalinguísticos e metaenunciativos circunscritos no processo de tradução que envolvem as organizações morfossintáticas, lexicais e os aspectos culturais constitutivos no texto fonte ou texto de partida em sua relação com o texto meta ou texto de chegada (NORD, 2016, HURTADO, 2011). Esta pesquisa se insere no campo dos estudos de tradução e escrita colaborativa, tendo como objetivo principaldescrever e analisara incidência e a natureza da