Dissertações/Teses

Clique aqui para acessar os arquivos diretamente da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRN

2021
Dissertações
1
  • REBECCA CRUZ PINHEIRO
  • Tomadas de posição em textos de graduandos da UFRN

  • Orientador : SULEMI FABIANO CAMPOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • ADRIANA SANTOS BATISTA
  • JOSÉ ANTÔNIO VIEIRA
  • THOMAS MASSAO FAIRCHILD
  • Data: 20/01/2021

  • Mostrar Resumo
  • Nossa pesquisa surgiu do questionamento: “de que forma os alunos demonstram tomadas de posição em seus textos ao serem confrontados com artigos de divulgação científica/de opinião e as formações discursivas que o perpassam?”. A partir dessa questão de pesquisa, elaboramos como objetivo geral analisar, por meio de indícios linguísticos em suas produções textuais, como os alunos em semestres de entrada na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), em cursos fora do âmbito da formação em Letras, tomam posição frente ao texto trabalhado em sala, isto é, como eles realizam processos de identificação e contra-identificação. A fim de cumprir esse objetivo geral, desenvolvemos como objetivos específicos (1) interpretar como esses alunos realizam suas leituras do texto proposto, a partir dos indícios linguísticos ofertados pela resposta às questões e pela produção das resenhas críticas propostas no instrumento de pesquisa; e (2) analisar como os alunos realizam o processo de escritura das respostas às questões e da resenha crítica. A pesquisa filia-se à Análise do Discurso de linha francesa e fundamenta-se, principalmente, nos postulados de Pêcheux (2014) sobre as tomadas de posição. Partimos de uma abordagem qualitativa, seguindo o paradigma indiciário de Ginzburg (1989). Para aplicação da pesquisa, desenvolvemos quatro questões, em que a última se constituiu como uma proposta de produção de resenha crítica, sobre o texto “Poder e ética na pesquisa social” (DEBERT, 2003) e realizamos as coletas por meio do espaço cedido em disciplinas ofertadas pelo Departamento de Letras da UFRN para os cursos de Matemática, Enfermagem e Jornalismo. Como recorte metodológico, analisamos as respostas às questões e à produção das resenhas críticas de seis alunos, dois de cada coleta. Em nossas análises, percebemos que as tomadas de posição oscilam entre a identificação com discursos que privilegiam os interesses dos sujeitos de pesquisa, a identificação com discursos que conciliam os interesses de pesquisadores e sujeitos de pesquisa, e contra-identificações em relação a ambos discursos, estabelecendo alterações nesses discursos. No entanto, essas tomadas de posição, embora assumidas pelos alunos, muitas vezes ocorrem por meio da reprodução do texto-fonte, com construções muito semelhantes e até apropriações indevidas.


  • Mostrar Abstract
  • Our research arose from the question: “how do students demonstrate their position in their texts when confronted with articles and the discourses that persuade them?”. From this questioning, we developed the general objective to analyze how students from the semesters of admission to the Federal University of Rio Grande do Norte (UFRN) of courses outside the scope of the Letters course position themselves about the text worked on in class, that is, how it performs identification or counter-identification processes. To fulfill this general objective, we developed as specific objectives (1) to interpret how these students perform their readings of the proposed text, based on the linguistic clues offered by the answer to the questions and by the production of the critical reviews proposed in the research instrument; and (2) analyze how students carry out the process of writing answers to questions and critical reviews. The research is affiliated to the French Discourse Analysis, as postulated by Pêcheux (2014), and uses a qualitative approach, following the indicative paradigm of Ginzburg (1989). For the application of the research, we developed four questions, in which the last constituted itself as a proposal for the production of a critical review, about the text “Poder e ética na pesquisa social” (DEBERT, 2003) and the data collections were developed through the space provided in subjects offered by the Department of Letters at UFRN for Mathematics, Nursing and Journalism courses. As a methodological approach, we analyzed the responses to questions and the production of critical reviews by six students, two from each collection. In our analyzes, we realized that the positions taken oscillate between identification with discourses that privilege the interests of research subjects, identification with discourses that conciliate the interests of researchers and research subjects, and counter-identifications with both discourses, establishing changes in these discourses. However, these positions, although assumed by the students, often occur through the reproduction of the source text, with very similar constructions and even misappropriation.

2
  • ALINE LAYANE SOUTO DA SILVA
  • LILITH E MEDEIA: MULHERES-PESADELO DA SOCIEDADE PATRIARCAL

  • Orientador : REGINA SIMON DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA MIRTIS CASER
  • MAURO DUNDER
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • Data: 25/01/2021

  • Mostrar Resumo
  • A presente pesquisa tem como objetivo comparar as obras O Alfabeto de Ben Sira e Medeia, de Eurípides, elucidando o arquétipo de mulher-pesadelo da sociedade patriarcal na literatura.  Esse arquétipo de mulher-pesadelo carrega uma série de características, podendo ser cruel, lasciva, infanticida e até mesmo divina. Posto isso, podemos analisar as narrativas mitológicas identificando os perfis da mulher transgressora do patriarcado, ao passo que se contrasta e se reafirma no corpo e na vida da personagem histórica Dora Vivacqua na pele de Luz del Fuego descrita na obra Luz del Fuego: A bailarina do povo (1994). Disposto em três capítulos, o texto conta com perspectivas comparatistas baseando-se nas discussões teóricas de Gerda Lerner (2019), Monique Wittig (2006), Rosie Marie Muraro (1997), Pierre Bourdieu (2012) e Jean Delumeau (2001) para compreendermos a história do sistema patriarcal, seus mecanismos, ferramentas e discursos. No tocante à teoria sobre as mitologias teremos Joseph Campbell e Bill Moyers (1990), Martha Robles (2006), Robert Graves e Raphael Patai (2018), entre outros. Por meio das teorias costuradas às narrativas literárias, percebe-se que a literatura fala da sociedade onde toma forma; podendo ser tanto descritiva como prescritiva. Dessa forma, entendemos que mulheres mitológicas como Medeia e Lilith, e real como Luz del Fuego, caminham nas duas vias, pois a literatura as descreve porque existiram –ainda que seja em forma de mito –, e as prescreve para que não voltem a existir, devido ao antagonismo que provocam, oscilando entre fascínio e pavor.


  • Mostrar Abstract
  • This research aims to compare the works The Alphabet of Ben Sira and Medea, by Euripides, elucidating the nightmare-woman archetype of patriarchal civilization in literature. This nightmare-woman archetype carries several characteristics, which can be cruel, lustful, infanticidal and even divine. That said, we can analyze the mythological narratives by identifying the profiles of the transgressing woman of the patriarchy, while it is contrasted and reaffirmed in the body and life of the historical character Dora Vivacqua, in the skin of Luz del Fuego described in the work Luz del Fuego: The people's dancer (1994). Arranged in three chapters, the text has comparative perspectives based on the theoretical discussions of Gerda Lerner (2019), Monique Wittig (2006), Rosie Marie Muraro (1997), Pierre Bourdieu (2012) and Jean Delumeau (2001) to understand the history of the patriarchal system, its mechanisms, tools and discourses. Regarding the theory of mythologies, we have Joseph Campbell and Bill Moyers (1990), Martha Robles (2006) Robert Graves and Raphael Patai (2018), among others. Through the theories that are interweave in literary narratives, it is clear that literature speaks of the society where it takes shape; it can be both descriptive and prescriptive. Thus, we understand that women mythological like Medea and Lilith, and real like Luz del Fuego, walk both ways, as the literature describes them because they existed – even if it is in the form of a myth – and prescribes them so that they do not re-exist, due to antagonism that they provoke, oscillating between fascination and dread.

3
  • GABRIELLA KELMER DE MENEZES SILVA
  • PRA NÃO DIZER QUE NÃO FALEI DAS DORES: VIOLÊNCIA E SILÊNCIO NO ROMANCE DE BEATRIZ BRACHER

     

  • Orientador : DERIVALDO DOS SANTOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • JOSÉ EDILSON DE AMORIM
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 25/01/2021

  • Mostrar Resumo
  • A partir de uma abordagem que investiga a criação literária em concomitância com a representação da vida social, conforme a crítica integrativa de Antonio Candido (2014, 2017), esta pesquisa teve como objeto de estudo o romance contemporâneo Não falei, da escritora brasileira Beatriz Bracher. A obra lida com a narração memorialística de um narrador-protagonista que foi torturado durante a ditadura civil-militar brasileira e acusado de ter delatado o cunhado, militante político assassinado pelo regime autoritário. Esses acontecimentos resultam em um silêncio de anos, no qual o sujeito ficcional se recusa a endereçar a acusação. Frente a essa configuração romanesca, o objetivo desta pesquisa foi analisar, no texto literário, as intercorrências entre violência e silêncio. Estudamos a primeira temática segundo as contribuições de Jaime Ginzburg (2012, 2017), Márcio Seligmann-Silva (2000) e Sigmund Freud (1989, 2012), no que tange à estética da violência, à representação da catástrofe e ao trauma decorrente da tortura; a segunda, conforme o entendimento de Roland Barthes (2003) do silêncio como signo, de Eni Orlandi (2007), quanto ao silenciamento como interdição do sentido, e de Lourival Holanda (1992), no que diz respeito à não-verbalização como manifestação que pode permitir entrever opressões sociais. Ao longo do estudo, foram destacados o aspecto fragmentário da representação da tortura, a equivalência entre o silêncio do torturado e a resistência, o impacto da violência na visão de mundo do narrador e o silêncio como uma condição cultivada ao longo da obra, seja no âmbito familiar, perante os conhecidos ou durante a ditadura civil-militar. Percebe-se, então, que a postura linguística reticente e reservada do protagonista em se defender da acusação advém de uma desconfiança com a linguagem e com os homens, cujas raízes estão na sala de interrogatório em que a violência foi exercida. Além disso, notou-se como a representação literária cria uma narração incompleta e polissêmica, na esteira dos traumas que atingiram o narrador durante a tortura, das perdas sofridas por ele e da necessidade pelo silêncio como resguardo de si mesmo. O estudo dessas questões indica a relevância da obra literária na adoção de uma perspectiva singular de um acontecimento histórico traumático, evidenciando, por meio da situação ficcional, aquilo que foi encoberto pelos discursos oficiais.

     


  • Mostrar Abstract
  • Based upon an understanding of literature that considers social life, as proposed by the integralist procedure by Antonio Candido (2014, 2017), this study analysed the contemporary novel Não falei, written by Beatriz Bracher. The novel brings the narrative of a narrator that remembers the time when he was subjected to torture during the Brazilian civil and military dictatorship, time frame in which he suffered, besides physical subjugation, with the loss of his brother-in-law, Armando, a revolutionary activist murdered by the Brazilian state. The capture of Armando is linked, by relatives and acquaintanceships, to the narrator himself, accused of giving away information during torture that occasioned the killing. These facts result in a silence of many years, in which the protagonist refuses to address the accusation. Given the novel’s themes, the goal of this research was to investigate, in the literary text, the intercurrences between violence and silence. We studied the first according to the understanding of Jaime Ginzburg (2012, 2017), Márcio Seligmann-Silva (2000) and Sigmund Freud (1989, 2012) on the aesthetic of violence, on the representation of catastrophe and on the residual trauma from experiencing torture; the second, following the propositions of Roland Barthes (2003), that sees silence as a sign, of Eni Orlandi (2007), on the matter of forceful silencing as the interdiction of signification, and of Lourival Holanda (1992) on non-verbalization as a manifestation of social oppression. During the study, we established the fragmentary aspect of the representation of torture, the equivalence amongst the torture victim’s silence and resistance, the impact of violence in the perspective of the narrator and silence as a condition cultivated in different levels through the novel, be it inside the protagonist’s family in the past, with acquaintances in the present or during the military dictatorship. We concluded, confronted by such results, that the narrator’s reticent and reserved linguistic behaviour in defending himself from the accusation that hovers over his head comes from a distrust in language and in men, a disbelief that has its roots in the torture procedure. Furthermore, it was noted how the literary representation creates an incomplete and polysemic narration after the traumas that hit the narrator. The study of these matters points out the relevance of the novel in adopting a singular perspective of a traumatic historical event, evidencing, through the fictional word, what was covered by the official discourses.

4
  • LAERTE LIRA DA SILVA
  • Da palavra ao traço: a análise dialógica do processo de transposição do cronotopo do sertão, em Grande Sertão: Veredas, para a homônima adaptação em graphic novel

  • Orientador : ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • SANDRA MARA MORAES LIMA
  • Data: 18/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • A produção literária de João Guimarães Rosa foi e é ensejadora de inumeráveis ações e eventos no círculo literário, seja nacional ou internacional: são encontros, seminários, palestras, projetos literários diversos, reportagens, além de uma vasta e relevante produção acadêmica e editorial. Sua obra dá suporte ao desenvolvimento de estudos em diferentes áreas, além do diálogo interdisciplinar entre elas, quais sejam: teoria e crítica literária, estudos culturais, filosofia, psicologia, história e linguística, por exemplo. Aos seus mais conhecidos e apreciados contos, são tributárias, importantes traduções intersemióticas, no universo artístico da música, do cinema e da televisão. Nessa conjuntura, especial atenção é dada a sua mundialmente conhecida obra-prima, traduzida para diversos idiomas: o romance Grande Sertão: Veredas (ROSA, 2001). Tal obra também se tornou objeto de tradução em diferentes adaptações artísticas, tal qual a sua prosa contista. Nesse mote, recebeu lugar nas adaptações do universo dos quadrinhos, com a explosão desses objetos artísticos, no mercado editorial brasileiro, no início do século XXI. Em uma era de enorme exploração dos meios e processos tecnológicos, relativos à esfera comunicativa e informativa, como as mídias sociais, por exemplo, ganha relevo a primazia do enunciado verbo-visual (BRAIT, 2013) como uma nova proposta de letramento e possibilidades artístico-literárias. Nesse diálogo entre o verbal e o visual, formando uma unicidade verbovisualizada nas adaptações quadrinísticas, os estudos teóricos fundamentais de Brait (2009; 2013; 2014), Ramos (2019), McCloud (1993; 2005), Eisner (2010) tornaram-se imprescindíveis para o estabelecimento do diálogo interdiscursivo e intersemiótico entre o texto de Rosa (2001) e da Graphic Novel de Guazzelli Filho (2016). A partir dos estudos teórico-literários e da linguagem calcados nos textos bakhtinianos (BAKHTIN, 2010; 2011; 2016; 2018b), é possível estender toda a compreensão de suas investigações teóricas para diferentes formas de linguagem e expressão artísticas, além da importância do conceito de cronotopo no processo e acabamento destas mesmas formas e expressões. Tudo isso orientou a atividade analítica de nossa pesquisa, com a percepção e desdobramento de categorias cronotópicas no enredo do romance, a saber, o cronotopo do sertão geográfico e o cronotopo do sertão ideológico, e de como se efetiva o processo de suas respectivas transposições do estritamente verbal à interpretação verbo-visual na obra adaptada. Para isso, analisamos como o cronotopo é representado verbo-visualmente naquelas mesmas categorias, ou seja, o sertão cronotopicamente observado no aspecto geográfico, assim como no ideológico. Nesse processo, foram selecionadas passagens da referida graphic novel que apoiem nossa investigação tanto no primeiro quanto no segundo aspecto; contudo, neste último, nossa análise se deu em torno de dois momentos relevantes para o romance, transpostos para a adaptação, pelo valor tenso e criativo que encerram, quais sejam, o pacto demoníaco nas Veredas Mortas e a travessia pelo Liso do Sussuarão. Dessa forma, analisamos os desdobramentos cronotópicos de acordo com a fundamentação teórica, em cada uma das imagens selecionadas e, sempre que possível ou adequado, tanto na presença quanto na ausência, por meio dos seguintes pontos: as sensações cromáticas e acromáticas produzidas, ou seja, o papel das cores; o enquadramento (sarjeta, lacuna, traço e plano de visão); e os elementos verbo-visuais da composição linguística (letreiramento, texto e balões). Com isso, chegamos a compreender as possibilidades, transformações e dificuldades aferidas no resultado da pesquisa, concluindo que a adaptação foi capaz de responder aos projetos arquitetônicos e composicionais (BAKHTIN, 2010) na transposição da obra literária fonte de forma satisfatória.


  • Mostrar Abstract
  • João Guimarães Rosa’s literary output has given rise to innumerable actions and events in national or international literary circles, such as meetings, seminars, lectures, and several literary projects, reports, in addition to a vast and relevant academic and editorial production. His work supports the development of studies in different areas and promotes the interdisciplinary dialogue between them, namely, theory and literary criticism, cultural studies, philosophy, psychology, history, and linguistics, for example. There have been important intersemiotic translations to his best known and most appreciated tales in the artistic universe of music, cinema, and television. In this context, special attention is given to his world-renowned masterpiece, translated into several languages: the novel Grande Sertão: Veredas [The devil to pay in the backlands] (ROSA, 2001). This work, as well as his short stories, has also become the object of translation to different artistic adaptations. Thus, at the beginning of the 21st century it was given a place in the universe of comics, with the explosion of these artistic objects in the Brazilian publishing market. In an era of enormous exploration of technological means and processes of communication and information, such as social media, the primacy of the verbal-visual utterance comes to prominence (BRAIT, 2013) as a new proposal for literacy and artistic-literary possibilities. In this dialogue between the verbal and the visual, forming a verbo-visual unity in graphic adaptation, the fundamental theoretical studies of Brait (2009; 2013; 2014), Ramos (2019), McCloud (1993; 2005), Eisner (2010) have become essential for the establishment of an interdiscursive and intersemiotic dialogue between Rosa’s text (2001) and the graphic novel by Guazzelli Filho (2016). Based on theoretical-literary and language studies grounded in Bakhtinian texts (BAKHTIN, 2010; 2011; 2016 ; 2018b), it is possible to extend the full understanding of his theoretical investigations to different forms of artistic language and expression, in addition to the importance of the concept of chronotope to the process and finishing of these forms and expressions. This understanding guided the analytical activity of our research, with the perception and unfolding of chronotopic categories in the plot of the novel, namely, the chronotope of the geographical backlands and the chronotope of the ideological backlands, and of how the process of their respective transpositions from the strictly verbal to the verbal-visual interpretation occurs in the adapted work. Therefore, we analyzed how the chronotope is represented verbally and visually in those same categories, that is, the backlands chronotopically observed in the geographic as well as in the ideological realm. In this process, excerpts from the aforementioned graphic novel that support our investigation were selected in both the first and second aspects; however, in the latter, our analysis took place around two relevant moments in the novel, transposed to the adaptation, due to the tense and creative value they contain, namely, the demonic pact in Veredas Mortas [Dead Streams] and the crossing by Liso do Sussuarão [Sussuarão Desert]. Thus, we analyzed the chronotopic unfolding, according to the theoretical framework, in each of the selected images and, whenever possible or appropriate, both in its presence and absence, through the following elements: the chromatic and achromatic sensations produced, that is, the role of colors; framing (gutter, gap, line, and view plane); and the verbal-visual elements of the linguistic composition (lettering, text, and balloons). We then came to understand the possibilities, transformations and difficulties measured in the research results, concluding that the adaptation was able to respond to architectural and compositional projects (BAKHTIN, 2010) in the transposition of the source literary work in a satisfactory way.

5
  • ANA SIMONY FERREIRA DE OLIVEIRA
  • TABU, VIOLÊNCIA E OPRESSÃO: VIDA DE MULHER EM AS MENINAS DE LYGIA FAGUNDES TELLES

  • Orientador : REGINA SIMON DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CRISTINA BONGESTAB
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • Data: 22/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • A obra As meninas, de Lygia Fagundes Telles, publicada em 1973, relata a história de três jovens estudantes que enfrentam seus dilemas de vida perante a uma sociedade patriarcal e preconceituosa com relação aos tabus presentes em seus cotidianos. O enredo nos apresenta um cenário opressor e violento, típico do Regime Militar, que ocorria no período em que se passa o romance, mas podemos constatar que a violência mais explícita no livro está presente nos abusos sexuais vividos por uma das personagens, enquanto a opressão, além de observada no cenário político, também se destina em censurar hábitos que, ao serem considerados tabus, enfrentam um discurso preconceituoso que confronta com o estilo de vida dessas personagens que encenam uma história de protagonismo feminino, característica típica nas obras da autora. O objetivo desta dissertação é realizar uma análise dos tabus presentes na narrativa e seus desdobramentos nas personagens femininas, relacionando-os com determinados tabus criados por meio de tradições e costumes provenientes de uma sociedade patriarcal. Pesquisa de base bibliográfica, utiliza autores como Simone de Beauvoir (1967, 1970), Virginia Woolf (2019), Sigmund Freud (2012, 2013), Elizabeth Badinter (1991), Antonio Candido (2007), Jean Delumeau (1989), Mary Del Priore (2011), entre outros, como referencial teórico para a realização deste estudo, que visa dialogar com os conceitos citados no decorrer do texto.  Busca-se enfatizar a importância de se debater a respeito dessa temática, como forma de romper com os paradigmas que envolvem os tabus. Para tanto, analisa-se nesta dissertação figuras literárias que representam o que muitas mulheres vivenciam, considerando que, inclusive, seus próprios corpos são estigmas de um tabu.


  • Mostrar Abstract
  • The work As Meninas by Lygia Fagundes Telles published in 1973, tells the story of three young students who face their life dilemmas before a patriarchal and prejudiced society regarding the taboos present in their daily lives. The plot presents us an oppressive and violent scenario, typical of the Military Regime, which occurred in the period which the romance is taking place, but we can see that the most explicit violence in the book is present in the sexual abuse experienced by one of the characters, while oppression, in addition to being observed in the political scene, it is also intended to censor habits that, when considered taboo, face a prejudiced discourse that confronts the lifestyle of these characters who stage a story of female protagonism, a typical characteristic in the author's works. The objective of this dissertation is to carry out an analysis of the taboos present in the narrative and its developments on female characters, relating them to certain taboos created through traditions and customs from a patriarchal society. Bibliographic based search, uses authors such as Simone de Beauvoir (1967, 1970), Virginia Woolf (2019), Sigmund Freud (2012, 2013), Elizabeth Badinter (1991), Antonio Candido (2007), Jean Delumeau (1989), Mary Del Priore (2011), among others, as a theoretical reference for the accomplishment this study, which aims to dialogue with the concepts cited throughout the text. It seeks to emphasize the importance of debating about this theme, as a way to break with the paradigms that involve taboos. To this end, this dissertation analyzes literary figures that represent what many women experience, considering that even their own bodies are stigmas of a taboo.

6
  • RENATO JOSÉ GALDINO VITOR PEREIRA
  • LES CHOSES, DE PEREC, E O DESEJO DE KIANDA, DE PEPETELA: O POSICIONAMENTO RESPONSIVO DOS PROTAGONISTAS FRENTE À IDEOLOGIA DOMINANTE

  • Orientador : ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • VANESSA NEVES RIAMBAU
  • Data: 23/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • A sociedade tem um papel fundamental na maneira como as obras são pensadas e produzidas, tendo relações importantes tanto com a produção das obras como com as maneiras como são lidas em seu tempo e posteriormente, a partir de suas posições ideológicas. Nesta perspectiva, esta dissertação tem como propósito discutir as relações dialógicas/ideológicas entre os romances Les Choses, de 1965, de Georges Perec, e O Desejo de Kianda, de 1996, de Pepetela. Analisamos estes dois romances, buscando perceber de que forma os protagonistas agem responsivamente em relação aos discursos e sistemas ideológicos que são ali representados. Para tanto, analisamos as obras supracitadas com base em conceitos do Círculo de Bakhtin, dos quais destacamos o heterodiscurso em Bakhtin (2017c) e a ideologia em Volóchinov (2017 e 2019) e Bakhtin (2019), em dialogo com discussões sobre a ideia de ideologia oriundas da tradição marxista e consciência e ideologia em Marx (2008) e Marx e Engels (2007). Como chaves de análise observamos a aceitação/submissão dos discursos ideológicos por parte dos protagonistas, seu questionamento e/ou aceitação parcial, e, por fim, sua negação/rejeição. Com esta análise, percebemos as aproximações existentes nos  romances selecionados que embora separados temporal e geograficamente, compartilham discursos e sistemas ideológicos próximos. Ademais, as ações responsivas das personagens, em ambas as obras, além de refletirem e refratarem as sociedades nas quais foram produzidas, sendo uma forma de melhor compreendê-las, também demonstram a dificuldade de se opor às forças ideológicas dominantes, mas dando margem para que sejam questionadas e até mesmo contestadas. Deste modo, percebemos que através da literatura estrangeira, pode-se discutir ações para compreensão de obras da literatura nacional (BAKHTIN, 2017a).


  • Mostrar Abstract
  • Society plays a fundamental role in the way the works are thought out and produced and establishes important relations with the production of the works and the ways they are read in their time and later, from their ideological positions. In this perspective, this thesis aims to discuss the dialogical / ideological relations between the novels Les Choses, published in 1965 by Georges Perec, and O Desejo de Kianda published in 1996 by Pepetela. We analyzed these novels, trying to understand how the protagonists act responsively in relation to the discourses and ideological systems that are represented in the literary works. To this end, our analysis was based on concepts from the Bakhtin Circle, out of which we highlight heterodiscourse in Bakhtin (2017c) and ideology in Volóchinov (2017 and 2019) and Bakhtin (2019), in dialogue with discussions about the idea of ideology from the Marxist tradition and consciousness and ideology in Marx (2008) and Marx and Engels (2007). As keys of analysis we observe the acceptance / submission of ideological discourses by the protagonists, their questioning and / or partial acceptance, and, finally, their denial / rejection. With this analysis, we perceived the existing similarities between the selected novels that, although temporally and geographically separated, share discourses and similar ideological systems. Furthermore, the responsive actions of the characters in both works, in addition to reflecting and refracting the societies in which they were produced, being a means to better understand them, also demonstrated the difficulty in opposing the dominant ideological forces, but opened the door to their being questioned or even contested. Thus, we realized that through foreign literature, actions to understand works of national literature can be discussed (BAKHTIN, 2017a).

7
  • JAIZA LOPES DUTRA SERAFIM
  • Auscultar a memória: Scholastique Mukasonga e o dever diaspórico de narrar em A mulher de pés descalços

  • Orientador : KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • MARIA ANGÉLICA DE OLIVEIRA
  • Data: 23/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • No campo dos estudos pós-coloniais, a memória tem a difícil tarefa de recuperar o que se perdeu no tempo-passado e, através da história, narrar os acontecimentos que constituem a formação da identidade social, política e cultural de um povo. A evocação da memória e a ruptura com o registro homogêneo da história marcam o comprometimento político com a crítica ao colonialismo e a desconstrução do seu discurso de poder. Nesse contexto investigativo, a produção literária da escritora ruandesa Scholastique Mukasonga desempenha um importante papel no âmbito das teorias críticas contemporâneas; ser porta-voz da história que a história não conta.  A fim de compreendermos essa escrita que transita entre denúncia e testemunho, a presente pesquisa propõe analisar os diálogos que o romance A mulher de pés descalços estabelece com as políticas da memória e da história ruandesa, na segunda metade do século XX, a partir das representações do feminino que são traçadas na obra. Para tal intento, o trabalho apoia-se teoricamente em Piton (2018), Hatzfeld (2005) e Ancel (2018), no que diz respeito à história testemunhal de Ruanda e os impactos do genocídio moderno. Na teoria literária cultural, com os estudos de Noa (2015), Nganang (2007) e Glissant (2005), em articulação com saberes da memória individual e coletiva de Halbwachs (2006), Benjamin (2012) e Seligmann-Silva (2006). Tendo como foco as representações do feminino, abordadas pela autora no fazer literário autobiográfico, ganham destaque os textos de Kilomba (2019), Adichie (2019) e Oyěwùmí (2004; 2017). Os resultados da pesquisa apontam que o acontecimento histórico-traumático narrado pela autora, tem a figura feminina como centro das ações desenvolvidas na luta por sobrevivência. No texto literário, o feminino é representado sob o olhar da tradição ruandesa, centrada nas funções maternas que as mulheres tutsis desempenhavam; abordando também questões como empoderamento feminino e a violência sexual contra as mulheres em situações de conflito armado, como ocorreu na guerra civil em Ruanda.


  • Mostrar Abstract
  • In the field of postcolonial studies, memory has the difficult task of recovering what was lost in time-past and, through history, narrating the events that constitute the formation of the social, political and cultural identity of a people. The evocation of memory and the rupture with the homogeneous record of history mark the political commitment to the criticism of colonialism and the deconstruction of its discourse of power. In this investigative context, the literary production of rwandan writer Scholastique Mukasonga plays an important role in contemporary critical theories; be a spokesperson for the story that the story does not tell. In order to understand this writing that transits between denunciation and testimony, this research proposes to analyze the dialogues that the novel the barefoot woman establishes with the policies of Rwandan memory and history, in the second half of the twentieth century, from the representations of the feminine that are drawn in the work. For this intent, the work is theoretically based on Piton (2018), Hatzfeld (2005) and Ancel (2018), with regard to rwanda's witness history and the impacts of modern genocide. In cultural literary theory, with the studies of Noa (2015), Nganang (2007) and Glissant (2005), in conjunction with knowledge of the individual and collective memory of Halbwachs (2006), Benjamin (2012) and Seligmann-Silva (2006). Focusing on the representations of the feminine, addressed by the author in the autobiographical literary making, the texts of Kilomba (2019), Adichie (2019) and Oyěwùmí (2004; 2017) are highlighted. The results of the research indicate that the historical-traumatic event narrated by the author has the female figure as the center of the actions developed in the struggle for survival. In the literary text, the feminine is represented under the gaze of the Rwandan tradition, centered on the maternal functions that Tutsi women performed; also addressing issues such as female empowerment and sexual violence against women in situations of armed conflict, as ocurred in the civil war in Rwanda.

8
  • NEEMIAS SILVA DE SOUZA FILHO
  • Mecanismos de antecipação lexical em português brasileiro: abordando questões metodológicas
  • Orientador : MAHAYANA CRISTINA GODOY
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • LARISSA SANTOS CIRÍACO
  • MAHAYANA CRISTINA GODOY
  • Data: 24/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • Diversos estudos realizados ao longo dos anos 2000 encontraram evidências de que itens lexicais específicos e alguns de seus traços (e.g., forma fonológica, gênero gramatical) podem ser antecipados durante o processamento da linguagem (DeLong et al., 2005; Van Berkum et al., 2005). A maioria dessas evidências é oriunda de experimentos de eletroencefalografia, mas o estudo realizado em holandês por Van Berkum e colegas (2005) também reporta resultados de um experimento de leitura autocadenciada no qual os autores encontraram maiores tempos de leitura para sentenças que continham substantivos inesperados, mas ainda plausíveis em contexto. Tal efeito foi registrado antes da apresentação dos substantivos críticos nos itens experimentais, o que torna improvável a hipótese de que a diferença encontrada poderia ser explicada por outros fenômenos que não a antecipação. As palavras que desencadearam o efeito em questão eram adjetivos antepostos ao substantivo crítico, e concordavam em gênero com este. Explorando essa mesma propriedade morfossintática, conduzimos um experimento de leitura autocadenciada com 339 participantes que tinham o português brasileiro como primeira língua. Nosso objetivo foi investigar se informações de gênero gramatical são utilizadas em processos de antecipação durante a compreensão da linguagem, gerando efeitos como os reportados na literatura da área. Para tanto, elaboramos 20 itens experimentais formados por duas sentenças: na primeira delas, uma situação simples era introduzida (e.g., “O casal olhou o cardápio do restaurante até conseguirem se decidir”); na segunda, a situação se desdobrava de uma maneira provável (e.g., “Eles chamaram a garçonete, que anotou o extenso e detalhado pedido na comanda”) ou improvável (e.g., “Eles chamaram a garçonete, que anotou a extensa e detalhada mensagem na comanda”). Os substantivos críticos foram controlados de modo a sempre terem gêneros gramaticais distintos (‘pedido’ vs. ‘mensagem’), e isso se refletia nos adjetivos antepostos (‘extenso’ e ‘detalhado’). Se informações de gênero gramatical de fato desencadeiam efeitos de antecipação, maiores tempos de leitura seriam registrados na condição improvável. Nossos resultados apontaram uma divergência entre as análises feitas com os dados normalizados por transformação logarítmica e com os dados mantidos em suas distribuições originais. Diferenças estatisticamente significantes nos tempos de leitura de palavras anteriores ao substantivo crítico foram observadas nestas análises, mas não naquelas.


  • Mostrar Abstract
  • A series of studies conducted in the early 2000s reported evidence suggesting that specific lexical
    items and some of their features (e.g., word form and grammatical gender) could be predicted
    during language comprehension (DELONG et al., 2005; VAN BERKUM et al., 2005). These
    studies mainly reported evidence from electroencephalography experiments, but the work
    conducted in Dutch by Van Berkum and colleagues (2005) included a self-paced reading
    experiment, in which the authors found larger reading times for sentences containing nouns that
    were unlikely in context, but still plausible. Such effect was registered before the presentation of
    the critical nouns themselves in the sentences, making it impossible to attribute the difference in
    reading times to explanations other than prediction. The words that triggered the reported finding
    in the Dutch study were adjectives, all of which preceded the critical noun they modified and were
    inflected for gender to show agreement with it. Exploring the same morphosyntactic property, we
    conducted a self-paced reading experiment with 339 participants who had Brazilian Portuguese
    (BP) as a first language. Our objective was to investigate whether grammatical gender cues can be
    used to make predictions during language comprehension, thus generating effects such as the ones
    previously reported in the literature. To do so, we created 20 experimental items that comprised
    two sentences: in the first, a simple situation was introduced (e.g., “The couple looked at the
    restaurant menu until they could make up their minds”); in the second, the situation unfolded either
    in a way that was likely (e.g., “They then called the waitress, who wrote down the long and detailed
    order on her pad”) or unlikely (e.g., “They then called the waitress, who wrote down the long and
    detailed note on her pad”). The key difference is that the critical nouns in the second sentence
    (‘order’ vs. ‘note’) always had different grammatical genders in BP, which were marked in the
    preceding adjectives (‘long’ and ‘detailed’). If gender cues do trigger prediction effects, larger
    reading times were to be expected in the unlikely condition, both for the critical noun and the words
    that preceded it. Our results, however, indicated clear differences between conditions only in the
    critical nouns’ reading times. A statistically significant difference in preceding words was only
    observed when reading times were analyzed in their raw distribution, without logarithmic
    transformation.

9
  • GUILHERME MATEUS MANIÇOBA FORMIGA
  • SOLIDÃO, EU NÃO ME PERTENÇO: FLUTUAÇÕES LITERÁRIAS E CRISE IDENTITÁRIA NAS VERSÕES DE ROTEIRO E FILME EM MISTER LONELY, DE HARMONY KORINE

  • Orientador : MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • CHARLES ALBUQUERQUE PONTE
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • Data: 25/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho intenciona provocar discussões acerca do roteiro cinematográfico enquanto gênero possível dentro do campo da Literatura, considerando suas múltiplas faces de escritura e concebimento imagético que confrontram paradigmas tradicionais em torno de sua própria natureza escrita. Verificaremos, no percurso, elementos de estrutura e conteúdo que permitem o aguçamento argumentativo para determinado estudo, alçando possibilidades interpretativas sobre a fluidez do gênero, usualmente considerado técnico e, portanto, não literário, em detrimento das aproximações que apresenta com a linguagem e a forma essencialmente poéticas. Também pretendemos apresentar uma leitura analítica da obra Mister Lonely, do cineasta Harmony Korine, em suas duas versões: o roteiro e o filme, a fim de proporcionar apreciações que se debrucem sobre ambas as configurações, por intento de valorizar tanto a peça fílmica quanto a escrita. Além disso, intencionamos verificar como acontece a crise de identidade na narrativa, tomada pelas personagens, especialmente o protagonista. A obra em questão apresenta, em ambas as formas de manifestação, configurações cabíveis dentro da noção de arte literária, especialmente quando se trata do roteiro, o gênero escrito, que dispõe de elementos estéticos sintáticos e semânticos de apreciação. Para suporte, teremos como itinerário teórico autores que versam a respeito de temas relativos à literatura, como Eagleton (2006-2012), Lajolo (1995), Roland Barthes (2004-2005) e Tzvetan Todorov (2017); assuntos concernentes ao roteiro cinematográfico, como Syd Field (2001), Jean Claude-Carrière e Pascal Bonitzer (1996); autores que discutem sobre conteúdos da linguagem do cinema e da adaptação, como Hutcheon (2011), Stam (2006), Henri Mitterand (2014), Ingmar Bergman (1960) e Jennifer Van Sijll (2017); e também estudiosos do sujeito social contemporâneio, como Zygmunt Bauman (1998-2004) e Stuart Hall (1992), entre outros.

     


  • Mostrar Abstract
  • This work intends to provoke discussions about the cinematographic screenplay as a possible genre within the domain of Literature, considering its multiple faces of writing and imagery conception that confront traditional paradigms around its own written nature. We will verify, in the course, elements of structure and content that allow the argumentative sharpening for a determined study, raising interpretive possibilities about the fluidity of the genre usually considered technical and, therefore, non-literary, to the detriment of the approximations it presents with the essentially poetic language and the form. We also intend to present an analytical reading of the work Mister Lonely, by the filmmaker Harmony Korine, in its two versions: the script and the film, in order to provide appraisals that focus on both configurations, with the intention of valuing both the film and the written work. In addition, we intend to verify how the identity crisis occurs in the narrative, taken by the characters, especially the protagonist. The work in question presents, in both forms of manifestation, configurations applicable within the notion of literary art, especially when it comes to the screenplay, the written genre, which has syntactic and semantic aesthetic elements of appreciation. For support we will have as theoretical itinerary authors who deal with themes related to literature, such as Eagleton (2006-2012), Lajolo (1995), Roland Barthes (2004-2005) and Tzvetan Todorov (2017); subjects concerning the screenplay, such as Syd Field (2001), Jean Claude-Carrière and Pascal Bonitzer (1996); authors who discuss the contents of the language of cinema and adaptation, such as Hutcheon (2011), Stam (2006), Henri Mitterand (2014), Ingmar Bergman (1960) and Jennifer Van Sijll (2017); and also theorists who study about the contemporary social subject, such as Zygmunt Bauman (1998-2004) and Stuart Hall (1992), among others.

     

10
  • WENDELL PEREIRA DA SILVA
  • PONTOS DE VISTA E REPRESENTAÇÕES DISCURSIVAS: UMA ANÁLISE DA NARRATIVA EM EVANGELHOS SINÓTICOS

  • Orientador : MARCELO DA SILVA AMORIM
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA GRACA CANAN
  • ANDRÉ CRIM VALENTE
  • MARCELO DA SILVA AMORIM
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • Data: 26/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • Nesta dissertação, são analisados textos bíblicos encontrados nos evangelhos sinóticos de Mateus e Lucas, considerando eventos em comum narrados pelos dois autores. O estudo se interessa pela análise das escolhas sintático-semânticas de cada narrador, buscando interpretar as diferentes construções de ordem discursiva suscitadas pelos evangelistas na concretização de seus textos, entendendo que, ainda que sejam considerados evangelhos sinóticos (o que significa “mesma visão”), cada livro é constituído de marcas autorais que promovem diferentes significados em um determinado co(n)texto, e isto pode ser percebido no modo pelo qual o narrador evidencia determinado personagem. A pesquisa tem por base os postulados da linguística textual em Koch (2015, 2016, 2018) e Marcuschi (2008, 2012), concentrando-se, mais especificamente, nos pressupostos teóricos da Análise Textual dos Discursos (ATD) de Adam (2008, 2018, 2019) e na teorização de Rabatel (2009, 2016, 2019) sobre pontos de vista (PDV). A análise textual estabelecida neste trabalho, portanto, se concentra na identificação de diferentes pontos de vista evocados nas narrativas, sob a hipótese de que as diferenças entre as marcas textuais analisadas nos dois sinóticos e, consequentemente, as imagens discursivas (re)construídas a partir destas marcas são assertivas sobre as perspectivas social, política, cultural de cada evangelista ao constituírem seus textos, partindo da ideia de que o autor faz escolhas para seu texto que remetem a uma proposição de sua realidade e de seus posicionamentos acerca dela. Entende-se, então, que as marcas textuais podem servir de pistas para uma interpretação do mundo psicossocial e cultural de seus locutores/enunciadores. Somou-se também às análises desta pesquisa o conceito de representações discursivas (Rds), visto em Adam (2008) – e trabalhado por Rodrigues (2014), Rodrigues et al (2010, 2012) e Passeggi (2001) – como meio de (re)construir, a partir de objetos de discurso referenciados e predicados, representações discursivas relevantes para a compreensão do universo semântico dos evangelistas. As análises demonstram que, apesar de retratarem um mesmo evento, os evangelistas suscitam, através dos personagens atuantes, pontos de vista diferentes em seus textos, os quais corroboram para a construção de diferentes imagens discursivas sobre o universo da narrativa. Lucas, por exemplo, quando comparado a Mateus, evidencia bem mais o ponto de vista das mulheres, quando estas estão presentes na narrativa, dando ênfase às suas perspectivas. Além disso, dispensa atenção à representação do Messias pautada em sua força e sua humanidade. Mateus, por seu turno, demonstra-se mais incisivo e veemente ao referenciar personagens que se colocam como opositores da missão de Jesus, retratando-os como fracos diante da força do Cristo, e assim o faz atribuindo-lhes predicados semanticamente negativos. O trabalho com os evangelhos sinóticos, dentro da perspectiva teórica desta dissertação, se depara como um objeto de análise ao mesmo tempo amplo e complexo, totalmente útil para uma abordagem que – menos interessada em questões teológicas e mais atenta à importância simbólica da Bíblia – enxerga o texto bíblico primordialmente como texto.


  • Mostrar Abstract
  • In this research, biblical texts found in the synoptic gospels of Matthew and Luke are analyzed, considering common events narrated by these two authors. This study focuses on inquiring into the syntactic-semantic choices made by each narrator and seeks to interpret the different discursive constructions shown by the evangelists in accomplishing their texts. Although considered synoptic (which means “same vision” gospels), the aforementioned Gospels are believed to bear their author’s hallmarks, which bring different meanings in specific “co(n)texts”, and this can be noticed in the way their writers choose to present a certain character. This research is based on the textual linguistic postulates by Koch (2015, 2016, 2018) and Marcuschi (2008, 2012); with a special focus on Adam’s studies of Textual Discourse Analysis (2008, 2018, 2019) and on Rabatel’s theory (2009, 2016, 2019) on points of view. Therefore, textual analysis made in this dissertation seeks to identify different points of view presented in the Gospel narratives in order to discover whether they can be used as signs for an interpretation of a psychosocial and cultural reality of the authors/enunciators. The concept of discursive representations, conceived by Adam (2008) and discussed by Rodrigues (2014), Rodrigues et al. (2010, 2012) and Passeggi (2001), was also added to this research to allow a (re)construction of significant discursive representations of the semantic universe of the evangelists. The analyses reveal that, despite depicting the same events, evangelists elicit, through active characters, different points of view in their texts, which corroborate for the construction of several discursive images that can disclose a lot of the Gospel narrative universe. Luke’s narrative, for example, when compared to that of Matthew, provides quiet a greater visibility to women’s point of view, when they are present in the narrative, emphasizing their perspective. Furthermore, his narrative promotes the construction of the representation of the Messiah based on his strength and his humanity. Matthew’s narrative, on the other hand, unveils a representation of the opponents to Jesus’ mission as weak enemies before the Messiah’s strength, and this is done by attributing negative semantic traits to them. The textual and discursive analysis of the synoptic Gospels, in accordance with the theoretical grounds in this dissertation, works with a broad and complex object, which is totally useful for an approach that treats the Bible mostly as a text, but nevertheless respects the symbolic importance of the Sacred Scripture.

11
  • JOSÉ ELTON DANTAS DE CARDOSO
  • O PROCESSO DE COMING OUT DE ADOLESCENTES GAYS EM SUBMERSO, DE EDUARDO CILTO, E, COM AMOR, SIMON, DE BECKY ALBERTALLI

  • Orientador : MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ASTREIA SOARES BATISTA
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • Data: 26/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho visa explorar o processo de coming out em adolescentes gays representados através da análise de personagens fictícios da literatura. Dimitri e Simon são, respectivamente, protagonistas dos romances Submerso (2018), do brasileiro Eduardo Cilto, e, Com amor, Simon (2018), da estadunidense Becky Albertalli. O coming out é o termo dado ao ato de pessoas não-heterossexuais afirmarem e apresentarem sua sexualidade à sociedade, algo exclusivo a essas pessoas, uma vez que, por pertencerem à norma, pessoas heterossexuais não precisam “assumir” sua sexualidade. Em decorrência disso, esse processo costuma ser lento e bastante conturbado, uma vez que, a repressão de uma parte tão importante de si, como a homossexualidade, pode gerar alguns danos nesses jovens, que podem desenvolver problemas de autoestima, relações sociais, autodepreciação, solidão, depressão e, em casos mais graves, suícidio. Assim, para o melhor desenvolvimento desta pesquisa, a metodologia utilizada é de caráter qualitativo, uma vez que recorremos às teorias e pressupostos de autores e pesquisadores que fizeram suas respectivas contribuições para a área. Entre eles, temos Foucault (1984; 1988), Freud (2002 [1856-1939]; 2012), Sartre (2002), Barthes (2013[1978]; 2004) e Butler (2019). Para as teorias de coming out, recorremos aos estudos de Cass (1979), Coleman (1982) e Cain (1991). Concomitante a isso, a partir do uso das teorias e das análises dos romances, foram exploradas, ainda mais, questões envolvendo os processos de coming out dos personagens Dimitri e Simon, assim como procuramos apresentar o quão complexo e problemático pode ser esse ato de aceitar sua homossexualidade. Além de contribuir para a continuação do debate sobre essa temática, também exploramos a importância e a perpetuação da Literatura Gay não apenas nas listas de best-sellers, que é o mais comum, mas também na Academia, assim como o uso dessa literatura como ferramenta na formação de novos leitores servindo como ponte para a leitura de livros considerados clássicos e cânones da literatura nacional e mundial.


  • Mostrar Abstract
  • This work aims to explore the “coming out” process in gay teenagers represented by analyzing fictional characters in literature. Dimitri and Simon are, respectively, the main characters of the novels Submerso (2018), by the Brazilian author Eduardo Cilto and Love, Simon (2018) written by the American Becky Albertalli. The “coming out” is a term used when non-heterosexual people decide to reveal their sexuality to society. This act is exclusive to those people due to the fact that heterosexual people do not have to reaffirm their sexuality. Therefore, this process is very troubled and takes time once those gays teenagers repress something important in their lives, like their homosexuality. This can develop some issues like low self-esteem, social problems, self-depreciation, loneliness, depression, and, in severe cases, suicide. For the better development of this research, we used the qualitative method since we resort to theories and assumptions of authors and researchers who made their own contributions to the theme. Among those, we used the theories of Foucault (1984; 1988), Freud (2002 [1856-1939]; 2012), Sartre (2002), Barthes (2013[1978]; 2004), and Butler (2019). For the “coming out” theories, we used the works of Cass (1979), Coleman (1982), and Cain (1991). Also, from the use of theories and analyses of the novels, this work explored questions about the “coming out” process of the characters, Dimitri and Simon, just as the complexity and troublesome that those processes can be while accepting their homosexuality. In addition to contributing to the continuation of the debate on this theme, we also explored the importance and the perpetuation of Gay Literature, not only in the best-selling lists, which is usual, but also in the Academy. Those books can also be used to turn non-readers into readers and later as a bridge for, finally, read the books that are considered classics and canons of the national and worldwide literature.


     

12
  • JESSICA MARTINS BEZERRA FELIPE
  • LITERATURA INDÍGENA E RECEPÇÃO: UMA INTERVENÇÃO A PARTIR DO RECONTO DE MITOS NUMA ESCOLA PÚBLICA DO MUNICÍPIO DE EXTREMOZ-RN

  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • RINAH DE ARAÚJO SOUTO
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • Data: 26/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • A pesquisa objetiva investigar como se deu a recepção da obra As serpentes que roubaram a noite e outros mitos (2011), do escritor indígena Daniel Munduruku, por um grupo de três sujeitos participantes, adolescentes entre 14 e 16 anos, alunos de uma turma de oitavo ano de uma escola pública em Extremoz-RN. A pesquisa-ação de caráter qualitativo teve como etapas o reconto dos mitos lidos e a posterior discussão da obra com os sujeitos numa roda de conversa. A dissertação se baseia principalmente na Lei 11.645/2008 da obrigatoriedade do ensino de história e cultura africana, afro-brasileira e indígena e na Base Nacional Comum Curricular- BNCC (2018), que orienta o desenvolvimento da habilidade de contar e recontar histórias no Ensino Fundamental II. Tivemos como aporte teórico os estudos de pesquisadores da contação de histórias como Cléo Busatto (2006), Eliana Yunes (2012) e Élie Bajárd (2016), o último com o conceito de reconto, que é central à pesquisa e diz respeito a uma metodologia que aponta para a tradição oral e para a reconstrução do texto. Quanto à reflexão sobre a literatura indígena, partimos das pesquisas das autoras Janice Thiél (2012, 2013, 2016) e Maria Inês de Almeida e Sônia Queiroz (2004). A concepção de mito e as mitologias indígenas são abordadas a partir das contribuições do antropólogo Cláude Levi-Strauss (1978) e dos mitólogos Mircea Eliade (1972), Joseph Campbell (1990) e dos pensadores indígenas como Daniel Munduruku (2008, 2015, 2017, 2018, 2019) e Ailton Krenak (2019). Na análise dos recontos, interpretamos os dados a partir da Teoria da Estética da Recepção de Hans Robert Jauss (1994) e Bordini e Aguiar (1993) e obtivemos os seguintes resultados: os sujeitos deram aos mitos sentidos que foram influenciados por seus saberes prévios quanto às culturas indígenas, seus horizontes de expectativas e a distância estética entre os leitores e a obra, provocando estranhamento a alguns aspectos culturais, assim como o não reconhecimento da espiritualidade dos seres sobrenaturais. A roda de conversa, por sua vez, possibilitou aos leitores expressarem suas opiniões e inquietações e construírem conhecimentos acerca dos mitos através da mediação da pesquisadora.


  • Mostrar Abstract
  • This reseach has aim to ivestigate how the reception of the book “As serpentes que roubaram a noite e outros mitos" (2011), writen by indigenous author Daniel Munduruku, has given by a group compounded by three participantes, teenagers between 14 to 16 years old, they are students of 8th grade from public school in Extremoz-RN. The action reaseach of qualitative studies had as steps the retelling of myths read before and after the discution of the book with the students in a conversation wheel. This academic work was based, principally, in Brazilian law n° 11.645/2008 that imposes the teaching of african’s, afro-brazilian’s and indigenous’ history and in the Bazilian National Curriculum Basis (BNCC) conduct that the develpoment of habilites to telling and retelling stories in the Ending years of the Elementary School. As theorical contributions, we considered the researchers of storytelling such as Paul Zumthor (1997, 2014), Cléo Busatto (2006), Eliana Yunes (2012) and Élie Bajárd (2016), the last one with the concept of retelling, which is central to this research and talk about of a methodology that goes to meet the oral tradition and the reconstruction of the reading. To reflect about the indigenous literature, this reseach has based on Janice Thiél (2012, 2013, 2016) and Maria Inês de Almeida e Sônia Queiroz (2004). The understanding of myth and indigenous mythologies are approached considering the works of anthropologist Cláude Levi-Strauss (1978) and mythologists Mircea Eliade (1972), Joseph Campbell (1990) and indigenous intellectuals Daniel Munduruku (2008, 2015, 2017, 2018, 2019) and Ailton Krenak (2019). During the analysis of the retelling, we interpreted the data considering the Theoretical from Reader-response of Hans Robert Jauss (1994) and Bordini e Aguiar (1993) and we had the following results: the meanings given by the participants to the myths were influenced by their previous knowledge of indigenous culture, their horizons of expectation and the differences between the reader’s and  book’s historical horizons, provoking a strangeness to some of the cultural aspects, as the non-recognition about the spirituality of supernatural beings. The Conversation wheel possibilited to the readers that express themselves about their inquietations and to they build knowledge about the myths across the researcher’s mediation.

13
  • RAFAEL OLIVEIRA DA SILVA
  • ENTRE O SÉRIO E O CÔMICO NA FANTASIA DISTÓPICA: UMA ANÁLISE DIALÓGICA DAS REPRESENTAÇÕES DE HERÓI, CORPO E SOCIEDADE EM TEMPORADA DOS OSSOS

     

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JENNIFER SARAH COOPER
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • LUCIANE DE PAULA
  • Data: 24/03/2021

  • Mostrar Resumo
  • A fantasia e a distopia parecem ter caído no gosto de leitores jovens por meio de livros como Harry Potter (1997) e Jogos Vorazes (2008). Ambos os livros apresentam uma maneira alternativa de representação da realidade, subvertem a cosmovisão oficial da vida e nos apresentam uma realidade carnavalizada, seja por meio da magia ou de um futuro distópico. Enquanto a fantasia traz o riso, a distopia traz o medo. Em Temporada dos Ossos (2016) somos apresentados a um mundo no qual a clarividência é real e alguns humanos possuem poderes, no entanto, toda o tipo de clarividência é proibida e o governo lança mão do controle da liberdade para manter a proibição. Estamos diante, portanto, do que chamamos nesta pesquisa de fantasia distópica, um gênero híbrido que funde traços da fantasia e da distopia, construindo, assim, o que parece ser um exemplar hipermoderno de um romance do gênero sério-cômico. A problemática da fantasia distópica decorre do embate entre o riso – que corrói a seriedade do mundo ao subvertê-lo de diferentes maneiras, por meio da fantasia – e o medo – que, ao contrário, busca solidificá-lo por meio da manutenção violenta do poder, na distopia. Ademais, reconhecemos que as representações de herói, corpo e sociedade da fantasia distópica diferem das comumente encontradas na fantasia e na distopia. Para ancorar tal posicionamento, o presente trabalho propõe, com base nos postulados do Círculo de Bakhtin, acerca de questões de gênero discursivo, gênero discursivo híbrido e carnavalização, uma análise dialógica da fantasia distópica como gênero que reconverte a fantasia e a distopia na hipermodernidade, como um gênero do sério-cômico, a partir do livro Temporada dos Ossos (2016), da autora inglesa Samantha Shannon. A pesquisa se insere na área mestiça, híbrida e indisciplinar da linguística aplicada e se ancora também num referencial teórico da filosofia, estudos literários e culturais a partir de trabalhos de Han, Hall, Canclini, Bauman e Matangrano. Metodologicamente, se desenvolve a partir de uma perspectiva qualitativo-interpretativista e utiliza o paradigma indiciário, proposto pelo historiador Carlo Ginzburg, para a obtenção dos dados. Os resultados apontam representações de herói, corpo e sociedade que inserem no heterodiscurso do romance de fantasia distópica elementos incomuns à literatura fantástica juvenil. Tais representações apresentam um teor carnavalizado que altera drásticamente a sua relação com o auditório e a oerientação social do romance de fantasia juvenil.


  • Mostrar Abstract
  • Fantasy and dystopia seem to have fallen in the likes of young readers through books like Harry Potter (1997) and Hunger Games (2008). These books present an alternative way of representing reality, subvert the official worldview of life and present us with a carnivalized reality, whether through magic or a dystopian future. While fantasy brings laughter, dystopia brings fear. In Bone Season (2016) we are introduced to a world in which clairvoyance is real and some humans have powers, however, all types of clairvoyance are forbidden and the government uses control of freedom to maintain it. We are, therefore, facing what we call in this research of dystopian fantasy, a hybrid genre that merges traces of fantasy and dystopia, thus building what appears to be a hypermodern example of a serious-comic novel. The problem of dystopian fantasy stems from the clash between laughter – that erodes the seriousness of the world by subverting it in different ways, through fantasy – and the fear – that, on the contrary, seeks to solidify it through the violent maintenance of power, in dystopia. Furthermore, we recognize that the representations of hero, body and society of dystopian fantasy differ from those commonly found in fantasy and dystopia. To anchor this positioning, the present work proposes, based on the postulates of the Bakhtin Circle, about issues of discursive genre, hybrid discursive genre and carnivalization, a dialogical analysis of dystopian fantasy as a gender that converts fantasy and dystopia in hypermodernity, as serious-comical genre, from the book Temporada dos Ossos (2016), by the English author Samantha Shannon. The research is inserted in the mixed, hybrid and undisciplinary area of applied linguistics and is also anchored in a theoretical framework of philosophy, literary and cultural studies based on the works of Han, Hall, Canclini, Bauman and Matangrano. Methodologically, it develops from a qualitative-interpretative perspective and uses the indicative paradigm, proposed by the historian Carlo Ginzburg, to obtain the data. The results point out representations of hero, body and society that insert into the heterodiscourse of the dystopian fantasy novel elements that are unusual to the fantastic youth literature. Such representations have a carnivalized content that dramatically alters their relationship with the audience and the social orientation of the youth fantasy novel.

14
  • NUNA NUNES CORREIA
  • ENSINO DA LÍNGUA PORTUGUESA NO CONTEXTO DA DIVERSIDADE LINGUÍSTICA DA GUINÉ-BISSAU: UMA PROPOSTA PARA O ENSINO BÁSICO

     

  • Orientador : CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EMANOEL LUÍS ROQUE SOARES
  • CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • Data: 07/05/2021

  • Mostrar Resumo
  • A Guiné-Bissau é uma pequena nação na África ocidental cuja língua oficial é o português, sendo, consequentemente, a única língua do ensino em um contexto em que são faladas mais de 20 línguas étnicas e o crioulo, que possui o status de língua de unidade nacional no país. Desde a sua oficialização, o ensino de português tem sido uma das questões discutidas, pelo fato de a língua portuguesa não fazer parte da realidade guineense, pois não é língua materna de muitos guineenses e não é falado no dia a dia. Por isso, neste trabalho, buscamos investigar, a partir dos livros didáticos Histórias dos avós, o ensino da Língua Portuguesa no contexto da diversidade linguística da Guiné-Bissau para, a partir disso, sugerir uma proposta de atividade para aulas de português no Ensino Básico, especificamente para alunos de 4ª classe. Para concretização desta investigação de caráter documental com uma abordagem quantitativo-qualitativa, realizamos análise de dois livros didáticos intitulados Histórias dos avós (livro de leitura e caderno de exercícios), que orientam as aulas de português voltadas aos alunos de 4ª classe. Para isso, tivemos como aporte teóricos os trabalhos de Couto e Embaló (2010) e Freire e Guimarães (2011), que discutem a situação da Língua Portuguesa na Guiné-Bissau, sua oficialização e seu confronto com a língua crioula, que segue ganhando espaço cada vez mais, e as línguas étnicas, que também são faladas diariamente no país. Ao tratarmos do ensino de português em um contexto de múltiplas línguas, baseamos nos escritos de Baldé (2013) e Ntchala Cá e Rúbio (2019); ainda, partimos de Antunes (2003) para discussões das atividades presentes nos dois livros. Os resultados da nossa análise apontam que, em termos de leitura, os materiais didáticos Histórias dos avós são contextualizados, porque trazem textos, ilustrações e histórias que fazem parte da realidade guineense e que são contadas de geração a geração; porém são materiais cujo foco está centralizado na gramática normativa. Assim, analisando esses materiais didáticos, notamos claramente que o ensino de língua portuguesa na Guiné-Bissau ainda deixa muito a desejar, pois baseia-se na perspectiva tradicional, tomando a gramática normativa como centro das atividades pedagógicas; e, dessa forma, contribui para o silenciamento do crioulo e deixa de lado a diversidade linguística, principal característica linguística do nosso país.

     


  • Mostrar Abstract
  • Guinea Bissau is a small West african nation whose official language is Portuguese, and consequently it is the only language of instruction in a context in which more than 20 ethnic languages are spoken and Creole, which has the status of unity language national in the country. Since its officialization, the teaching of Portuguese has been one of the issues discussed, due to the fact that the Portuguese language is not part of the Guinean reality, as it is not the mother tongue of many Guineans and is not spoken on a daily basis. Therefore, in this work, we seek to investigate, from the textbooks Histórias dos avós, the teaching of the Portuguese language in the context of the linguistic diversity of Guinea-Bissau to, from there, suggest an activity proposal for Portuguese classes in Basic Education , specifically for 4th grade students. In order to carry out this documentary investigation with a quantitative-qualitative approach, we carried out an analysis of two textbooks entitled Histórias dos Avós (reading book and exercise book), which guide Portuguese classes aimed at 4th grade students. For that, we had as theoretical contributions the works of Couto & Embaló (2010) and Freire & Guimarães (2011), which discuss the situation of the Portuguese language in Guinea-Bissau, its officialization and its confrontation with the Creole language, which continues to gain space increasingly, and ethnic languages, which are also spoken daily in the country. When dealing with the teaching of Portuguese in a context of multiple languages, we draw on the writings of Baldé (2013) and Ntchala Cá and Rúbio (2019); still, we started from Antunes (2003) to discuss the activities present in the two books. The results of our analysis show that, in terms of reading, the didactic material Histórias dos avós are contextualized, because they bring texts, illustrations and stories that are part of Guinean reality and that are told from generation to generation; however, they are materials whose focus is centered on normative grammar. Thus, analyzing these teaching materials, we clearly notice that the teaching of Portuguese in Guinea-Bissau still leaves much to be desired, as it is based on the traditional perspective, taking normative grammar as the center of pedagogical activities; and, in this way, it contributes to the silencing of Creole and leaves aside linguistic diversity, principal linguistic characteristic of our country.

15
  • ANA LUÍZA DE ANDRADE CAVALCANTE
  • A construção transitiva comitativa sob a ótica da Linguística Funcional Centrada no Uso


  • Orientador : JOSE ROMERITO SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSE ROMERITO SILVA
  • EDVALDO BALDUINO BISPO
  • JOSE DA LUZ DA COSTA
  • RICARDO YAMASHITA SANTOS
  • Data: 31/05/2021

  • Mostrar Resumo
  • Neste trabalho, faz-se um estudo a respeito da Construção Transitiva Comitativa (CTC). A tradição gramatical dá pouca atenção ao verbo transitivo relativo/oblíquo, sendo a exceção disso Rocha Lima (2011). Na fronteira entre a gramática tradicional e a Linguística, encontram-se Bechara (2009) e Azeredo (2009), que fazem breve exposição sobre o complemento relativo. Tratando desse tipo de verbo e de seu complemento em suas gramáticas, de base linguística, Mateus et al. (2003) e Castilho (2012) denomina-os, respectivamente, como verbo transitivo oblíquo e complemento oblíquo, examinando aspectos semânticos e morfossintáticos a eles relacionados. Em abordagens avulsas no campo linguístico, existem os trabalhos de Souza (2011), Jarnalo (2014) e Lerner (2015). Em todos eles, o verbo transitivo relativo e/ou o complemento relativo são vistos ressaltando-se unicamente seus aspectos semântico-sintáticos. Afastando-se, em parte, dessas abordagens, a oração com verbo transitivo relativo/oblíquo (incluindo seu complemento) é tratada aqui em perspectiva construcional. Para tanto, utiliza-se o aparato teórico-metodológico da Linguística Funcional Centrada no Uso de viés construcionista, conforme se encontra em Furtado da Cunha, Bispo e Silva (2013), Rosário e Oliveira (2016), entre outros. O material de análise é composto por dados do Corpus Discurso e Gramática em suas versões do Rio de Janeiro (VOTRE; OLIVEIRA, 1995), Rio Grande (VOTRE; OLIVEIRA, 1996), Juiz de Fora (VOTRE; OLIVEIRA, 1997) e Natal (FURTADO DA CUNHA, 1998). O levantamento preliminar de dados do corpus indicia que a CTC apresenta certa variedade semântica relacionada à extensão de seu significado básico. Ademais, seu complemento parece exibir diferentes graus de integração sintática com o verbo a que se vincula bem como links de herança diversos. Em tais fenômenos, estão implicados fatores de natureza cognitiva (como chunking, analogização, metonimização e metaforização) e discursivo-interacionais (entre eles, perspectivização, intersubjetividade e inferência pragmática).


  • Mostrar Abstract
  • In this work, a study is made about the Comitative Transitive Construction (CTC). The grammatical tradition pays little attention to the relative/oblique transitive verb. The exception is Rocha Lima (2011). At the border between the traditional grammar and Linguistics, there are Bechara (2009) and Azeredo (2009), who make a brief presentation on the relative complement. Regarding this type of verb and its complement in its linguistic-based grammars, Mateus et al. (2003) and Castilho (2012) denominate them, respectively, as oblique transitive verb and oblique complement, examining semantic and morphosyntactic aspects related to them. In separate approaches in the linguistic field, there are the works of Souza (2011), Jarnalo (2014) and Lerner (2015). In all of them, the relative transitive verb and / or the relative complement are seen emphasizing only their semantic-syntactic aspects. Moving away, in part, from these approaches, the sentence with a relative / oblique transitive verb (including its complement) is treated here in a constructional perspective. For this, the theoretical-methodological apparatus of Functional Linguistics Centered on the Use of constructionist bias is used, as found in Furtado da Cunha, Bispo e Silva (2013), Rosário and Oliveira (2016), among others. The analysis material consists of database from Corpus Discurso e Gramática in its versions from Rio de Janeiro (VOTRE; OLIVEIRA, 1995), Rio Grande (VOTRE; OLIVEIRA, 1996), Juiz de Fora (VOTRE; OLIVEIRA, 1997) and Natal (FURTADO DA CUNHA, 1998). The preliminary survey of corpus data indicates that the oblique transitive construction with the preposition with presents a certain semantic variety related to the extension of its basic meaning. In addition, its complement seems to exhibit different degrees of syntactic integration with the verb which it is linked to as well as diverse inheritance links. These phenomena are motivated by cognitive (such as chunking, analogization, metonymization and metaphorization) and discoursive-interactional motivations (among them, perspective, intersubjectivity and pragmatic inference).

16
  • PRISCILLA KELLY SENA DE MEDEIROS
  • PECHAKUCHA: gênero discursivo multissemiótico

  • Orientador : GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS TINOCO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DOROTEA FRANK KERSCH
  • GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS TINOCO
  • JENNIFER SARAH COOPER
  • Data: 11/06/2021

  • Mostrar Resumo
  • A ampliação do acesso a tecnologias digitais favorece o desenvolvimento de uma comunicação cada vez mais rápida e global nas diferentes esferas de atividade humana. Nesse contexto, surgem novos gêneros discursivos para suprir as demandas atuais de interação social: entre eles, a Pechakucha (PK). Para contribuir com essa reflexão, esta pesquisa documental, de natureza qualitativa e interpretativista, toma por objeto de estudo a PK. Nosso objetivo geral é definir a PK como gênero discursivo multissemiótico e, para atingi-lo, estabelecemos dois objetivos específicos: a) identificar os aspectos multissemióticos da PK e b) mapear os movimentos retóricos da PK. A fim dealcançarmos nossos objetivos, fundamentamo-nos na concepção dialógica da linguagem e na de gênero discursivo (BAKHTIN [1929] 2016), bem como na compreensão de que o gênero discursivo está sempre aliado à ação social (BAZERMAN, 2011), nos estudos de letramento de vertente sociocultural (KLEIMAN [1995] 2008; TINOCO, 2008; ROJO, 2015) e em aspectos da multissemiose (ROJO; BARBOSA, 2015). A análise dos dados sinaliza algumas singularidades da PK no que tange às dimensões textuais, cognitivas e sociais desse gênero que é por natureza multissemiótico. Nessa análise, evidenciam-se também as recorrências da PK quanto a seus movimentos retóricos de forma a confirmar a concepção bakhtiniana de relativa estabilidade do gênero, mesmo que se trate de um gênero discursivo tão recente.


  • Mostrar Abstract
  • The expansion of access to digital technologies favors the development of increasingly rapid and global communication in the different spheres of human activity. In this context, new discursive genres appear to meet the current demands for social interaction: among them, Pechakucha (PK). To contribute to this reflection, this documentary research, of a qualitative and interpretative nature, takes PK as its object of study. Our general objective is to define PK as a multisemiotic discursive genre and, to achieve it, we have established two specific objectives: a) to identify the multisemiotic aspects of PK and b) to map the rhetorical movements of PK. To accomplish our goals, we base ourselves on the dialogical conception of language and on the discursive genre (BAKHTIN [1929] 2016), as well as on the understanding that the discursive genre is always allied to social action (BAZERMAN, 2011), in literacy studies of a sociocultural nature (KLEIMAN [1995] 2008; TINOCO, 2008; ROJO, 2015) and aspects of multisemiosis (ROJO; BARBOSA, 2015). The data analysis indicates some singularities of the PK regarding the textual, cognitive and social dimensions of this genre, which is by nature multisemiotic. In this analysis, PK's recurrences regarding its rhetorical movements are also evidenced to confirm the Bakhtinian conception of relative dogmatic stability, even though it is such a recent discursive genre.

17
  • DANIEL BRUNO MIRANDA DA SILVA
  • A FORMAÇÃO VIRGILIANA DE O GUESA DE SOUSÂNDRADE

  • Orientador : SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • CHRISTINA BIELINSKI RAMALHO
  • Data: 28/06/2021

  • Mostrar Resumo
  • Além da escola literária, um ponto importante para analisar uma obra poética é a relação que o texto guarda com produções do mesmo gênero. Tendo em vista essa relação, o presente trabalho estuda as relações entre duas epopeias: a Eneida, de Virgílio, e O Guesa, de Sousândrade. Para tanto, empreende uma revisão do gênero, analisando sua origem, seu desenvolvimento e seus componentes. Depois, descreve a Eneida, detalhando os mitos e eventos históricos que a compõem, descrevendo a ação e o caráter de seu herói e pesando o valor de seu legado para a constituição do gênero épico na cultura ocidental. Por fim, demonstra como Sousândrade reelaborou o modelo épico virgiliano, apontando os pontos nos quais o poeta maranhense seguiu essa referência clássica e os pontos nos quais ele se distanciou dela. Este trabalho toma como principal referência a semiotização épica do discurso, de Anazildo Vasconcelos da Silva.

     


  • Mostrar Abstract
  • Beyond the literary school, an important point to analyze a poetical work is the relation that a text keeps with production of the same genre. Pay attention to that relation, this work concerns the relations between two epics: Virgil’s Aeneid, and Sousândrade’s O Guesa. For that, it performs a review of epic genre, analyzing its origin, its development, and its features. After this, it describes the Aeneid, detailing the myths and historical events that compounding it, describing its hero’s action and character and avaluating its legacy to the constituition of epic genre in Western culture. By the end, it demonstrates how Sousândrade reelaborates the Virgilian epic model, pointing out in which aspects the Brazilian poet follows that classical reference and in which aspects He disagrees with his classical reference. This work takes Anazildo Vasconcelos da Silva’s the epic semiotization of discourse as its main reference.

       

Teses
1
  • HÁLIS ALVES DO NASCIMENTO FRANÇA
  •  

     


    Orientação argumentativa em acordos multilaterais ambientais

     

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ROSALICE BOTELHO WAKIM SOUZA PINTO
  • GIOVANNI DAMELE
  • ANA LUCIA TINOCO CABRAL
  • LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • SUELI CRISTINA MARQUESI
  • Data: 28/01/2021

  • Mostrar Resumo
  • Buscamos formular nesta tese uma proposta de análise textual-discursiva de gêneros discursivos normativos do discurso jurídico, aplicando-a a acordos multilaterais ambientais e utilizando a Convenção-Quadro das Nações Unidas para Mudança do Clima como objeto de investigação. Partindo da premissa de que nessas instâncias de enunciação os sentidos do texto são argumentados, sustentamos nossa formulação em conceitos da linguística do texto, discurso e enunciação, por meio da Análise Textual dos Discursos (ATD) (ADAM, 2011, 2015, 2017, 2018, 2020); da teoria dos atos de discurso (SEARLE, 1969, 1979; SEARLE; VANDERVEKEN, 1985; VANDERVEKEN, 1990); e da teoria pragma-dialética de argumentação (EEMEREN, 2010, 2015, 2017, 2018; EEMEREN; GROOTENDORST, 2004; EEMEREN; SNOECK HENKEMANS, 2017; SNOECK HENKEMANS, 1992; FETERIS, 2017a, 2017b; KLOOSTERHUIS, 2006). Nesse enquadramento teórico, buscamos compreender o papel do processo de argumentação interpretativa no estabelecimento dos sentidos dos gêneros discursivos normativos, com base em elementos da pragmática do discurso e justificação jurídica (DASCAL, 2003; MACCORMICK; SUMMERS, 1991) e adotando esse processo enquanto formulação teórico-metodológica de análise textual-discursiva. Seguindo essa formulação, analisamos nosso objeto de investigação a partir do plano de análise da orientação argumentativa, colocando em evidência os componentes da força ilocucionária, em particular o ponto ilocucionário, seu modo de realização e grau de intensidade, bem como as manobras estratégicas adotadas pelo locutor/enunciador para orientar argumentativamente o enunciado a fim de atingir seu objetivo comunicacional. Ao aplicar essa formulação à análise dos atos ilocucionários compromissivos de segmentos de nosso objeto de investigação, explicamos como o grau de comprometimento do locutor/enunciador em relação ao conteúdo proposicional varia de acordo com a forma com que determinados marcadores discursivos, categorizados à luz de uma abordagem ilocucionário-argumentativa, afetam o modo de realização dos cursos de ação com os quais ele se compromete. Além de buscar compreender como o locutor/enunciador orienta argumentativamente o estabelecimento dos sentidos do texto, a análise foi capaz de gerar quadros e esquemas de representação dos dados obtidos e do processo de argumentação interpretativa envolvido na justificação desses sentidos de uma perspectiva predominantemente linguístico-textual. Espera-se que a proposta formulada por esta pesquisa possa futuramente oferecer contribuições para os estudos linguísticos do discurso jurídico e, de maneira mais ampla, para as investigações que transitam nas intersecções entre o texto, a argumentação e a linguagem.

     

     


  • Mostrar Abstract
  • In the present doctoral thesis, we aim at formulating a proposal of textual-discursive analysis of normative discursive genres in the legal discourse while applying it to the analysis of multilateral environmental agreements. For that purpose, we have selected the United Nations Framework Convention on Climate Change as the object of our investigation. Assuming that the meaning of the text is reasoned in such enunciative settings, we seek theoretical support from the text, discourse and enunciative linguistics, via Textual Discourse Analysis (ATD) (ADAM, 2011, 2015, 2017, 2018, 2020); the speech act theory (SEARLE, 1969, 1979; SEARLE; VANDERVEKEN, 1985; VANDERVEKEN, 1990), and the pragma-dialectical theory of argumentation (EEMEREN, 2010, 2015, 2017, 2018; EEMEREN; GROOTENDORST, 2004; EEMEREN; SNOECK HENKEMANS, 2017; SNOECK HENKEMANS, 1992; FETERIS, 2017a, 2017b; KLOOSTERHUIS, 2006). Within this theoretical framework, we aim at understanding the role played by the interpretative argumentation process in the establishment of meaning within normative discursive genres, based on elements of the legal pragmatics of discourse and legal justification (DASCAL, 2003; MACCORMICK; SUMMERS, 1991) as well as by adopting such a process in the form of a theoretic-methodological formulation towardstextual-discursive analysis. Following this formulation, we analyze our object of study within the argumentative orientation level of textual analysis, highlighting the components of illocutionary force — in particular the illocutionary point, its mode of achievement and degree of strength — and the strategic maneuvers adopted by the speaker/enunciator to orient argumentatively their utterance towards a given communicative goal. By applying this formulation to the analysis of commissive illocutionary acts of certain segments of our object of study, we explain how the degree of commitment of the speaker/enunciator towards their propositional content varies according to the manner with which certain discursive markers, categorized under the light of an illocutionary-argumentative approach, affect the modes of achievement of the courses of actions to which they commit themselves. On top of seeking to understand how the speaker/enunciator orients the establishment of meaning argumentatively, such an analysis was capable of generating frameworks and schemes of representation of the obtained data and of the interpretative argumentation process involved in the justification of meaning from a predominantly textual-linguistic perspective. It is expected that the proposal formulated in this research may be able to provide contributions to future linguistic studies on the legal discourse and, more broadly, to any further research that might transit in the intersections between text, argumentation and language.

2
  • ANTONIO LOUREIRO DA SILVA NETO
  • ANÁLISE ARGUMENTATIVA DO DISCURSO ACADÊMICO A PARTIR DE REPRESENTAÇÕES DISCURSIVAS DA LITERATURA DE CORDEL EM DISSERTAÇÕES DE MESTRADO

  • Orientador : CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • CLAUDIA REJANNE PINHEIRO GRANGEIRO
  • FRANCISCO AFRANIO CAMARA PEREIRA
  • LUCILENE SOARES DA COSTA
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • Data: 26/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • A literatura de cordel, também conhecida no Brasil como literatura de folhetos nordestina, dentre outras denominações, com sua função, valores, demandas, características e história vem sendo objeto de estudos publicados em artigos, dissertações de mestrado e teses de doutorado. Em tais estudos são construídas ou renovadas argumentativamente algumas representações discursivas do cordel. Assim, nesta tese de doutorado, queremos analisar essas representações a partir das estratégias argumentativas e mecanismos de persuasão presentes em dissertações de mestrado. Queremos encontrar respostas para as seguintes perguntas: a) Que expressões linguísticas dos textos examinados concorrem para a construção dessas representações discursivas do cordel? b) Que estratégias e mecanismos de persuasão são utilizados na construção dessas representações? c) Que representações discursivas do cordel surgem dos textos examinados e como elas se articulam para revelar a face do cordel no discurso acadêmico? Com base no objetivo geral e nas perguntas elaboradas, temos os seguintes objetivos específicos: i) identificar os elementos linguísticos que concorrem para a formação das representações discursivas do cordel no discurso acadêmico; ii) discorrer sobre os mecanismos de persuasão utilizados pelos pesquisadores nos processos de construção dessas representações e iii) analisar cada uma das representações resultantes do processo de investigação do discurso acerca do cordel. Para tanto, escolhemos um corpus formado por 65 excertos textuais retirados de 24 dissertações de mestrado. Daqui reunimos 12 grupos de representações discursivas para análise. A base teórica inclui autores como Abreu (1993; 1999; 2006); Bakhtin (2017); Compagnon (2014); Eagleton (2006); Certeau (1995); Luciano (2012); Oliveira, (2012); Cascudo (1953) e autores pertencentes ao quadro do discurso retórico como Aristóteles (2005; 2016), Perelman & Tyteca (2005) Reboul (2000), Fiorin (2015) e outros. Ademais, contamos com Bronkart (1999), Silva (2015) e Bezerril at al (2015). Os resultados indicam que o discurso acadêmico descreve o cordel como uma arte poética de cunho popular que se renova e sobre a qual incidem diversos olhares nem sempre favoráveis. Há também inúmeras possibilidades de análise ao tema considerando-o ora como instrumento de reivindicação social e política, ora como veículo de transmissão de valores educativos úteis aos processos pedagógicos, etc... Há quem o defenda por suas qualidades intrínsecas de resistência aos modelos intelectuais em vigor valorizando sua capacidade de influenciar a literatura hegemônica, o teatro, o cinema e a televisão. É, pois, a partir desse caldo de impressões que os pesquisadores universitários contribuem para construir ou renovar as representações discursivas do cordel. Quanto à argumentação no discurso, pudemos perceber certa semelhança nos modos de proceder argumentativamente. Tal fato se verifica na escolha dos acordos com o auditório imaginado, nas estratégias e movimentos argumentativos de concordância com as teses levantadas. Análogo processo se dá quanto aos mecanismos enunciativos pragmáticos. Entretanto, no tocante à defesa de algumas dessas representações discursivas, os pesquisadores parecem menos incisivos naquilo que defendem admitindo olhares mais variados e menos assertivos, como acontece com alguns grupos de representação analisados. Com este estudo tentamos contribuir com aqueles que valorizam os estudos acadêmicos em torno desse objeto e querem tornar mais claro o valor, a função e a importância do cordel no Brasil.

     


  • Mostrar Abstract
  • The cordel literature (printed pamphlet), also known in Brazil as northeast literature pamphlet (Brazilian popular literature), among other denomination, with its function, values, necessities, characteristics and history has been theme of studies published in articles, master thesis and doctoral dissertations. In these studies, some discursive cordel literature representations are argumentatively renewed. Thus, in this doctoral phase, we intend to analyze these representations from the argumentative strategies and persuasion mechanisms present in master thesis. We search to find answers to the following questions: a) What linguistic expressions of the examined texts compete to the constructions of those discursive representations of the cordel ? b) What strategies and persuasive mechanisms are used in the construction of those representations? c) What discursive representations of the cordel emerge from texts examined and how are they articulate themselves to unveil the face of the cordel in academic discourse? Based on general objective and in the elaborated questions, we have the following specific objectives: i) identify the linguistic elements that compete to the formation of the discursive representations of the cordel in academic discourse; ii) write about the persuasion mechanisms used by researchers in the processes of construction of those representations and iii) analyze each of the resulting representations of the investigation process of the discourse about the cordel. In order to do this, we have chosen a corpus formed by 65 textual excerpts retrieved from 24 master theses. We gathered 12 groups of discursive representation the analysis. The theoretical base include authors as Abreu (1993; 1999; 2006); Bakhtin (2017); Compagnon (2014); Eagleton (2006); Certeau (1995); Luciano (2012); Oliveira, (2012); Cascudo (1953) and authors who belong to the rhetoric discursive chain, as for example, the rhetoric as Aristóteles (2005; 2016), Perelman & Tyteca (2005) Reboul (2000), Fiorin (2015) among others. Furthermore, we consider Bronkart (1999), Silva (2015) and Bezerril at al (2015). The results point out that the academic discourse describes the cordel as a poetic art which has a popular mark that renew itself and about the mark focuses several looks that are not always favorable. There are also innumerable possibilities of analysis to the theme considering it, in a moment as an instrument of claim social and political, one moment as mean of transmission of educative values useful to the pedagogical processes and so on... There are some who defend for its intrinsic qualities of resistance to the intellectual models nowadays highlighting its capacity to influence the hegemonic literature, the theatre, the cinema and the television. It is, indeed, from this gathering of impressions that the university researchers contribute to construct or renew the discursive representations of cordel. Concerning the argumentation in the discourse, we could realize some similarities in the manner of proceeding argumentatively. It is verified the fact that in the choice of the agreements with the imagined auditorium, in the strategies and argumentative movements of concordance with the thesis that was raised. Analogous process is conceived when the process happens and the denunciative mechanism pragmatics. However, concerning the of some of these discursive representations, the researcher seems less incisive that defend and admitting looks more varied and less assertive, as it happens with some groups of analyzed. With this we tried to contribute with those who value the academic studies around this subject and want to make it clearer the value, the function and the importance of the cordel in Brazil.

3
  • BRUNO RAFAEL COSTA VENANCIO DA SILVA
  • Variação Linguística e o ensino de espanhol para brasileiros 

  • Orientador : JENNIFER SARAH COOPER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JENNIFER SARAH COOPER
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • MARIA CELIA ROSA CASADO FRESNILLO
  • ANA BERENICE PERES MARTORELLI
  • CARLA AGUIAR FALCÃO
  • Data: 12/03/2021

  • Mostrar Resumo
  • O espanhol é falado em mais de vinte países ao redor do mundo e sua significativa diversidade linguística é uma de suas maiores riquezas. Este fenômeno, além disso, observa-se de maneira especial quando encontramos distintas variedades que ainda conservam um standard comum que possibilita, quase sempre, a intercompreensão entre falantes de diferentes regiões, especialmente no nível culto. Consideramos que este fato não deveria ser esquecido por profissionais brasileiros que atuam no ensino deste idioma na hora de preparar suas aulas, elaborar materiais e programar cursos. As necessidades, gostos e expectativas dos nossos estudantes com respeito ao conhecimento das variedades linguísticas do espanhol e a proximidade geográfica que nosso país tem com o entorno multidialetal da língua espanhola são razões suficientes para repensar a sua inserção. Infelizmente, observamos tendências homogeneizadoras e eurocêntricas que impedem o tratamento plural da língua espanhola para a educação brasileira. Assim, o objetivo de nossa pesquisa é descrever o panorama do ensino do espanhol em relação à presença e tratamento dos fenômenos de variação linguística, especificamente no nordeste brasileiro, para detectar os problemas que envolvem sua aplicação e propor uma lista de conteúdos de variantes fonéticas e gramaticais para os três anos do ensino médio (EM). Para isto, coletamos dados em diferentes âmbitos onde pode estar presente a variação linguística: formação de professores de espanhol, livros didáticos e crenças, atitudes, conhecimento dos docentes sobre este tema. Devido a esta diversidade de campos de pesquisa, utilizamos vários procedimentos metodológicos no desenvolvimento da coleta e interpretação dos dados. A fundamentação teórica da nossa tese doutoral se baseia em diversos campos do conhecimento mas, sobretudo, nos estudos de variação linguística da Sociolinguística como Labov (2008), Tagliamonte (2006), López Morales (2015), Calvet (2011), Lucchesi (2004), Moreno Fernández (2009, 2012) e de autores que defendem um ensino plural com respeito às variedades do espanhol tais como Andión (2007, 2008, 2013, 2019, 2020), Andión y Casado (2014), Moreno Fernández (2004, 2007, 2010, 2017) e Acuña (2015). Os resultados das análises demostram que as variedades linguísticas do espanhol são tratadas ainda de forma anedótica, superficial e sem uma sequência lógica de conteúdos, apesar de que os professores, os cursos superiores e os manuais dos professores dos livros didáticos enfatizam sua importância na sala de aula. Nossa proposta de lista de conteúdos estabelece critérios para a inclusão e o tratamento dos principais fenômenos de variação fonético-fonológica e gramatical para nosso contexto de ensino. Desta maneira, esperamos contribuir para que tanto docentes quanto elaboradores de materiais didáticos para ELE no Brasil possam encontrar informação sociolinguística e didática sobre as variantes que pretendem ensinar ou contemplar nos livros.

     


  • Mostrar Abstract
  • Spanish is spoken in more than 20 countries around the world and its ample linguistic diversity is one of its greatest riches. This phenomenon, in addition, is especially noted when we find distinct varieties that still preserve a common standard which makes possible, in most cases, intelligibility among speakers of different regions, primarily at the standard level. We hold that this fact should not be forgotten by Brazilian professional in the area of teaching this language when they are preparing their classes, developing materials and syllabi for their courses. The needs, likes and wants of our student, with respect to the knowledge of the linguistic varieties of Spanish and the geographic proximity of our country with the multi-dialectical surrounding of the Spanish language are sufficient reasons for rethinking this inclusion. Unfortunately, we observe homogenizing and Eurocentric tendencies that impede the pluralistic treatment of the Spanish language in Brazilian education. Thus, the objective of our research is to describe the panorama of Spanish language teaching in relation to the presence and treatment of the phenomenon of linguistic variation, specifically in the Brazilian Northeast, to detect the problems that involve their application and propose a list of contents of phonetic and grammatical variants for the three years of High School. To this end, we have collected data in different environments where linguistic variation may be found: Spanish teacher trainings, textbooks and in teachers’ beliefs, attitudes, knowledge of the teachers’ about this theme. Due to this diversity of fields of research, we use various methodological procedures in the development of the data collection and interpretation. This doctoral thesis is based on the theories on a diverse field of knowledge, and, above all, the studies on linguistic variation in the field of Sociolinguistics, such as Labov (2008), Tagliamonte (2006), López Morales (2015), Calvet (2011), Lucchesi (2004), Moreno Fernández (2009, 2012) and others who defend a plurality in teaching with respect to Spanish varieties such as Andión (2007, 2008, 2013, 2019, 2020), Andión y Casado (2014), Moreno Fernández (2004, 2007, 2010, 2017) and Acuña (2015). Results from our analysis show that the linguistic varieties of Spanish continue to be treated in an anecdotal way, superficially and non-systematically with regard to contents, despite the fact that professors in higher education courses, and teachers’ editions of textbooks emphasize its importance in the classroom.  Our list of proposed contents establishes criteria for the inclusion and the treatment of the main phenomena of phonetic-phonological and grammatical variation in our teaching context. Thus, we hope to contribute to aiding teachers of Spanish as a foreign language in Brazil, as they develop didactic materials, enabling them to find sociolinguistic and didactic information about the variants they intend to teach and reflect on in the books used.

4
  • EUNICE MATIAS DO NASCIMENTO
  • AUDIÊNCIA DE CONCILIAÇÃO: ORGANIZAÇÃO INTERACIONAL E REFORMULAÇÃO PARAFRÁSTICA

  • Orientador : MARISE ADRIANA MAMEDE GALVAO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CAIO CÉSAR COSTA RIBEIRO MIRA
  • LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • LUIZ ANTONIO DA SILVA
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVAO
  • Data: 30/04/2021

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa doutoral enfoca aspectos da organização interacional e das reformulações parafrásticas textualizadas pelos falantes que se alternam  na coprodução discursiva, em audiências de conciliação. No âmbito jurídico, audiências de conciliação são definidas como eventos orais, sendo realizados quando as partes envolvidas participam da autocomposição, com vistas à finalização do litígio. Dessa maneira, definimos como objetivo geral compreender como os participantes de um evento oral constroem textual e discursivamente a interação, instaurante em contexto orientado por leis específicas. Desse modo, propomos como objetivos específicos  identificar, descrever, analisar e interpretar: i) a organização interacional das audiências de conciliação, através das dimensões dos turnos e sequências fáticas; ii) as reformulações parafrásticas; iii) os aspectos de natureza formal da distribuição e da realização da paráfrase no desencadeamento da atuação do falante na reformulação textual; iv) os aspectos semânticos-funcionais no fazer parafrástico, por meio da relação de movimento estabelido entre o(s) enunciado(s) matriz (M) e parafraseado (P). Sendo assim, com base em pressupostos da Análise da Conversação e da Linguística Textual, principalmente, buscamos estabelecer um entendimento acerca da interação nessas audiências, como uma atividade em que é possível entrever as diferentes escolhas (textuais e discursivas) realizadas pelos participantes na coprodução de significados. Além disso, fazemos referências às orientações dispostas em documentos legais (entre eles Código de Processo Cível, resolução 125/2010 do Conselho Nacional de Justiça e outros), para tecer considerações acerca das audiências de conciliação. Nesse contexto, metodologicamente, seguimos os princípios de uma abordagem qualitativa e indutiva de investigação, sendo o Corpus constituído por quatro audiências de conciliação, realizadas, especificamente, na Vara Cível de uma Comarca única de uma cidade no estado do Rio Grande do Norte, as quais versam sobre ação de alimentos. Seguindo proposta da Análise da Conversação, gravamos as audiências e transcrevemos as falas constitutivas, utilizando algumas observações propostas por Marcuschi ([1986] 2003) e o sistema normativo adotado pelo Projeto de Norma Urbana Culta (NURC/SP), na série de publicações (14 volumes) organizadas por Preti em sua maioria. As análises realizadas evidenciam que a interação entre os participantes ocorreu de modo que é possível notar um gerenciamento de turnos pelo conciliador, que, muitas  vezes, utiliza perguntas para organizar as participações dos falantes nas audiências.  Os  dados revelam que as audiências são realizadas em um cenário de maior formalidade;  apresentam uma organização estrutural geral, em que nem sempre há a presença de sequências fáticas de abertura e encerramento. Os resultados das análises também apontam as ocorrências de reformulações parafrásticas na constituição discursiva .  Essas evidências se justificam, principalmente, pela necessidade dos falantes serem compreendidos, no jogo interacional instaurado nas negociações que implicam a organização micro e macrotextual de sentidos. Desse modo, compreendemos que tais resultados revelam a necessidade de alcançe dos propósitos dos interactantes, diante da situação de conflito vivenciada.


  • Mostrar Abstract
  • This doctoral research focuses on aspects of interactional organization and textualized paraphrastic reformulations by speakers who alternate themselves in discursive coproduction in the context of conciliation court hearings. In legal settings, conciliation court hearings can be defined as oral events, carried out when the concerned parties take part in negotiations towards dispute resolution. In this way, our main objective consists of understanding how participants of an oral event construct textual or discursively such interactions when established in a context guided by specific directives. Thus, our specific objectives were set to identify, describe, analyze and interpret: i) the interactional organization of conciliation court hearings by means of turn dimensioning and factual sequencing; ii) paraphrastic reformulations; iii) formal aspects in the distribution and implementation of the paraphrase in the unraveling of speaker performance in textual reformulations; iv) semantic-functional aspects in the paraphrastic action by means of movements established in the matricial (M) and paraphrased (P) utterance(s). Consequently, and to a greater extent based on assumptions from Conversation Analysis and Text Linguistics, we sought to establish an understanding surrounding interactions in such hearings, considering them as activities in which it is possible to catch a glimpse of the diversity of (textual and discursive) choices made by the participants in the coproduction of meaning. In addition, we made a number of references to the guidelines included in legal documents (among which the Civil Procedure Code, the Resolution N. 125/2010 from the National Justice Council, and others) in order to make considerations concerning conciliation court hearings. In this context, and in terms of methodology, we have followed the principles of a qualitative and inductive approach in the course of our investigation, with the corpus being composed of four conciliation court hearings that occurred, more specifically, in the civil court of a judicial district of a city in the state of Rio Grande do Norte pertaining to alimony lawsuits. Following the propositions of Conversation Analysis, we recorded the hearings and transcribed their constitutive speeches, using for that purpose certain observations proposed by Marcuschi ([1986] 2003) and the normative system adopted by the Projeto de Norma Culta Urbana (NURC/SP) published in 14 volumes and mostly organized by Preti. The ensuing analyses highlight how the interactions among participants have occurred in such a way that it was possible to observe a pattern of turn management by the conciliator, who, in many occasions, made use of questions to organize the participation of the speakers during the hearings. Data shows that the hearings are held in a setting of higher formality, presenting a generally structured organization while not always following factual sequences of openings or closures. The analyses also yielded results that indicate that there were occurrences of paraphrastic reformulations in their discursive constitution. Such evidence is justified mostly by the need of the speakers to be understood in the interactional game established in the negotiations while bearing implications to the micro and macrotextual management of meaning. Therefore, we understand that such results show how there is a need that the goals of the interactants are achieved in the face of the conflicting situations thus experienced.

5
  • BEATRIZ MENDES E MADRUGA
  • “TRILOGIA DA TORTURA”: MULHERES E SEUS DISCURSOS NOS ROMANCES DE HELONEIDA STUDART

  • Orientador : ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • MAURO DUNDER
  • JULIANE VARGAS WELTER
  • PAULO CÉSAR THOMAZ
  • JOSE VILIAN MANGUEIRA
  • Data: 09/06/2021

  • Mostrar Resumo
  • Durante as décadas de 1970 e 1980, a escritora e jornalista Heloneida Studart publicou, dentre outras obras, três romances aos quais chamou de “Trilogia da tortura”: O pardal é um pássaro azul (1975), O estandarte da agonia (1981), O torturador em romaria (1986). Nessas obras, Studart narra vidas cotidianas que acontecem durante a ditadura civil-militar brasileira. Todas as três obras dão grande protagonismo a figuras femininas, sendo as duas primeiras narradas em primeira pessoa por narradoras que são, também, as personagens protagonistas. O terceiro livro tem como narrador um torturador, que rememora diferentes momentos em que torturava presos políticos, enquanto traça para si um novo caminho presente e futuro. A análise dos livros dessa trilogia possibilitou perceber diferentes nuances em torno das figuras femininas, conduzindo dessa forma a uma análise mediada por duas chaves de leitura: os discursos que as mulheres dizem umas às outras, quando em diálogo direto; e a evolução da personagem feminina protagonista enquanto o enredo avança. Para apoiar tal análise e ampliar nossa compreensão, recorremos à teoria do Círculo de Bakhtin, no que tange a orientações metodológicas e a concepções de discurso e linguagem presentes em Bakhtin (2015, 2016, 2017) e Medviédev (2012) principalmente. Aliadas às ideias bakhtinianas, discussões de autoras como Saffioti (2013, 2015), Butler (2017), Cisne (2012), hooks (2019) e Beauvoir (1980) endossam as análises desses discursos e, especialmente, das personagens mulheres, análises que serão impulsionadas pelo detalhamento dos enredos, em transcrições fortuitas e esclarecedoras. O arremate dessas análises nos faz perceber dois movimentos aparentemente opostos produzidos pelas duas chaves de leitura: discursos diretos com ideias conservadoras, cuja direção é a de estagnar a dependência da figura feminina na sociedade; e evolução de personagens mulheres que vão traçando o caminho inverso, da construção de independência, autonomia e destemor. Essa aparente contradição ilustra o movimento feminino e feminista àquele período, e também o atualiza, mostrando a tensão de forças discrepantes que a sociedade ainda galga no que tange à independência do feminino e às representações de mulher.


  • Mostrar Abstract
  • Between the 1970’s and 1980’s, writer and journalist Heloneida Studart published, among other works, three novels which she called “torture Trilogy”: O pardal é um pássaro azul (1975), O estandarte da agonia (1981), O torturador em romaria (1985). In these novels Studart tells of everyday lives against the backdrop of the Brazilian civil-military dictatorship. All three works grant protagonism to female figures; the first two are first-person narratives by the respective protagonists. The third book is narrated by a torturer who reminisces about different moments during the torture of political prisoners while planning a new present and future path for himself. The analysis of this trilogy made possible for us to point out different nuances around the female figures, which lead to an analysis mediated by two key guidelines: the discourses women say to one another through direct dialogue; and the female protagonist’s evolution throughout the plot. In order to support such analysis and to broaden our understanding, we resorted to the Bakhtin Circle’s theory with regards to methodological guidelines and concepts of discourse and language pertaining to Bakhtin (2015, 2016, 2017) and Medviédev (2012), mainly. In addition to Bakhtinian ideas, authors like Saffioti (2013, 2015), Butler (2017), Cisne (2012), hooks (2019), and Beauvoir (1980) support the analyses of such discourses and, above all, of the women characters. These analyses will be driven by detailing the plots in fortuitous, clarifying transcriptions. The conclusion of these analyses makes us notice two apparently opposite movements generated by the two key guidelines: direct speeches with conservative ideas whose direction is toward the stagnation of the female figure’s independence in society; and the evolution of female characters that shows the opposite path, the building up of independence, autonomy, and fearlessness. This apparent contradiction illustrates the female and feminist movement at that period and updates it, revealing the tension of discrepant forces that society still faces regarding female independence and women representations.

6
  • MÁRCIA REGINA MENDES SANTOS
  • Letramentos: Estágio Supervisionado II em espaços educativos não escolares – projetos de letramento, agência e transformação social

  • Orientador : MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • COSME BATISTA DOS SANTOS
  • CÉLIA ZERI DE OLIVEIRA
  • Data: 10/06/2021

  • Mostrar Resumo
  • O estágio é um espaço de investigação, reflexão e (re)construção de saberes e identidades. O objeto de estudo desta pesquisa, foi o Estágio Curricular Supervisionado II do curso de Letras da Universidade do Estado da Bahia (UNEB) que procurou ressignificar as práticas docentes, a partir da implementação de projetos de letramento em espaços educativos não escolares Nele, focalizam-se os projetos de letramento utilizados pelos estagiários na referida disciplina, observando o potencial desses dispositivos, especialmente nos processos de transformação revelados nesse trabalho docente. Teoricamente, a pesquisa está apoiada nos estudos do letramento de perspectiva etnográfica (STREET, 1984; BARTON, HAMILTON, 1993, 1998; KLEIMAN, 1995, 2000, 2006),  nas reflexões sobre o conceito de projeto de letramento, entendido como um dispositivo didático que pode contribuir para o redimensionamento das práticas didáticas e para o reposicionamento identitário do professor (OLIVEIRA, 2008; OLIVEIRA,  TINOCO, SANTOS, 2011; OLIVEIRA, 2016) e nos estudos sobre formação e profissionalização docente (NÓVOA, 1995; TARDIF, 2002). Metodologicamente, assenta-se na abordagem qualitativa e interpretativista de pesquisa (MOITA-LOPES, 2006). Os dados foram gerados por estagiários da turma do VI semestre do curso de Letras, turno vespertino, 2018.1. São analisados 04 Projetos de Letramento implementados pelos estagiários e documentos por eles produzidos durante e depois da implementação dos projetos, p. ex., materiais didáticos, depoimentos acerca da interação em sala de aula, notas de observação participante em sala de aula, além dos memoriais produzidos pelos estagiários depois da disciplina. O estudo sinaliza que a prática dos projetos de letramento aponta para uma mudança de postura acadêmica do professor de Língua Portuguesa em formação inicial, bem como para possíveis ressignificações no processo de ensino-aprendizagem da língua materna, uma vez que os projetos de letramento estão sistematicamente associados à noção de problema e enfatizam o caráter emancipatório das práticas letradas, além da transformação agentiva dos seus participantes (OLIVEIRA, 2010). Com essa visão, o momento do estágio representou também um período de apropriação e reelaboração de conhecimentos, em que a reflexão sobre a prática constitui um movimento de busca do conhecimento teórico que possibilitou novas escolhas pedagógicas ao futuro professor. Foi um momento que favoreceu a elaboração dos saberes necessários à ação docente, considerando-se que é na relação entre a teoria e a prática que eles são construídos e ou reelaborados.


  • Mostrar Abstract
  • O estágio é um espaço de investigação, reflexão e (re)construção de saberes e identidades. O objeto de estudo desta pesquisa, foi o Estágio Curricular Supervisionado II do curso de Letras da Universidade do Estado da Bahia (UNEB) que procurou ressignificar as práticas docentes, a partir da implementação de projetos de letramento em espaços educativos não escolares Nele, focalizam-se os projetos de letramento utilizados pelos estagiários na referida disciplina, observando o potencial desses dispositivos, especialmente nos processos de transformação revelados nesse trabalho docente. Teoricamente, a pesquisa está apoiada nos estudos do letramento de perspectiva etnográfica (STREET, 1984; BARTON, HAMILTON, 1993, 1998; KLEIMAN, 1995, 2000, 2006),  nas reflexões sobre o conceito de projeto de letramento, entendido como um dispositivo didático que pode contribuir para o redimensionamento das práticas didáticas e para o reposicionamento identitário do professor (OLIVEIRA, 2008; OLIVEIRA,  TINOCO, SANTOS, 2011; OLIVEIRA, 2016) e nos estudos sobre formação e profissionalização docente (NÓVOA, 1995; TARDIF, 2002). Metodologicamente, assenta-se na abordagem qualitativa e interpretativista de pesquisa (MOITA-LOPES, 2006). Os dados foram gerados por estagiários da turma do VI semestre do curso de Letras, turno vespertino, 2018.1. São analisados 04 Projetos de Letramento implementados pelos estagiários e documentos por eles produzidos durante e depois da implementação dos projetos, p. ex., materiais didáticos, depoimentos acerca da interação em sala de aula, notas de observação participante em sala de aula, além dos memoriais produzidos pelos estagiários depois da disciplina. O estudo sinaliza que a prática dos projetos de letramento aponta para uma mudança de postura acadêmica do professor de Língua Portuguesa em formação inicial, bem como para possíveis ressignificações no processo de ensino-aprendizagem da língua materna, uma vez que os projetos de letramento estão sistematicamente associados à noção de problema e enfatizam o caráter emancipatório das práticas letradas, além da transformação agentiva dos seus participantes (OLIVEIRA, 2010). Com essa visão, o momento do estágio representou também um período de apropriação e reelaboração de conhecimentos, em que a reflexão sobre a prática constitui um movimento de busca do conhecimento teórico que possibilitou novas escolhas pedagógicas ao futuro professor. Foi um momento que favoreceu a elaboração dos saberes necessários à ação docente, considerando-se que é na relação entre a teoria e a prática que eles são construídos e ou reelaborados.

7
  • CID AUGUSTO
  • PODER, MÍDIA E DISCURSO NA “CANONIZAÇÃO” do cangaceiro JARARACA

  • Orientador : MARLUCE PEREIRA DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDGLEY FREIRE TAVARES
  • LAURENIA SOUTO SALES
  • MARCILIO LIMA FALCÃO
  • MARIA BERNADETE FERNANDES DE OLIVEIRA
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MARLUCE PEREIRA DA SILVA
  • Data: 25/06/2021

  • Mostrar Resumo
  • Cerca de 50 cangaceiros chefiados por Virgulino Ferreira da Silva, Lampião, tentaram invadir Mossoró-RN em 1927. A defesa liderada pelo prefeito Rodolpho Fernandes derrotou os bandidos. Um deles, José Leite de Santana, Jararaca, a quem atribuem crimes monstruosos, como o de lançar crianças para o alto e apará-las na ponta do punhal, foi preso e enterrado vivo pela polícia, segundo a versão mais comum de sua morte. Desde aquele ano, a mídia faz retomadas frequentes de narrativas que exaltam os heróis locais em detrimento dos inimigos. Apesar dessa suposta regularidade enunciativa, os discursos materializados na imprensa geraram deslizamentos de sentidos à medida que Jararaca virou santo, ofuscando os defensores. Além disso, o túmulo dele atrai fiéis e curiosos, enquanto poucos sabem onde se localiza o do prefeito que salvou os munícipes da sanha lampiônica. As rupturas que propiciaram tal fenômeno motivam este trabalho cujo objetivo, em linhas gerais, é identificar, descrever e analisar discursividades das quais se possam extrair evidências sobre as condições de aparecimento, formação e continuidade dos enunciados em torno da “canonização” do bandoleiro. Projetou-se, para tanto, uma pesquisa de natureza qualitativa com análise documental e com inserção na área da Linguística Aplicada Indisciplinar (MOITA LOPES, 2006). A base teórica parte dos estudos da linguagem, com Foucault (1987, 1988, 2004, 2005, 2006, 2007a, 2007b e 2013), de quem são extraídos conceitos e procedimentos relacionados ao método da Análise do Discurso, ao poder, à resistência e à ostentação dos suplícios; envolve teorizações sociais e da história, recorrendo-se a Hobsbawm (2010), Fernandes (2009), Silva (2007), Pericás (2010) e Falcão (2013) para entender o banditismo no Nordeste; e busca, no campo da comunicação, especialmente em Sousa (2004), Traquina (2001, 2005), Thompson (2004), Charaudeau (2006), Wolf (2003) e Kellner (2001), pistas para interpretar o papel da mídia na transformação do criminoso em milagreiro. A conclusão a que se chega, do exame do corpus formado por matérias jornalísticas de 1927, 1977 e 2017, é a de que o Jararaca que habita o imaginário mossoroense não é aquele homem preso e morto pela polícia, e sim uma figura idealizada e “canonizada” no conjunto de discursividades sobre ele atravessadas por múltiplas influências na subversão dos mecanismos de controle, seleção, organização e redistribuição de signos do discurso oficial, nascidos nos aparelhos de Estado, pelo discurso do cotidiano, produzido nas periferias instáveis, no turbilhão das relações sociais, graças ao processo de agendamento que produz repercussões simbólicas há quase 100 anos.


  • Mostrar Abstract
  • About 50 cangaceiros led by Virgulino Ferreira da Silva, Lampião, tried to invade Mossoró-RN in 1927. The defense commanded by Mayor Rodolpho Fernandes defeated the bandits. One of them, José Leite de Santana, Jararaca, to whom they attribute monstrous crimes, such as throwing children into the air and trimming them on the tip of the dagger, was arrested and buried alive by the police, according to the most common version for his death. Since that year, the media has repeatedly resumed narratives that exalt local heroes to the detriment of enemies. The problematization is centered on the fact that, despite this supposed enunciative regularity, the speeches materialized in the press generated slidings, as Jararaca became a saint, obfuscating the defenders. Besides that, his tomb attracts the faithful and the curious, while few know where the mayor's is located, who saved the citizens from the lampiônica fury. The ruptures that led to such a phenomenon motivate this thesis whose objective is to identify, describe and analyze discursivities from which it is possible to extract evidence about the conditions of appearance, formation and continuity of the statements about the “canonization” of the bandit. For this purpose, a qualitative research with insertion in the interdisciplinary applied linguistic area was projected (MOTA LOPES, 2006). The theoretical basis starts from language studies, with Foucault (1987, 2004, 2005, 2006, 2007a, 2007b and 2013), from whom concepts and procedures related to the method of discourse analysis, power, resistance and ostentation of torments; it involves social and historical theorizations, using Hobsbawm (2010), Fernandes (2009), Nonato (2007), Pericás (2010) and Falcão (2013) to understand banditry in the Northeast of Brazil; and seeks, in communication studies, especially in Maingueneau (2004), Sousa (2004), Traquina (2001, 2005), Thompson (2004), Charaudeau (2006), Wolf (2003), for clues to interpret the role of the media in the transformation from criminal to miracle worker. The provisional conclusion reached, due to the examination of the corpus formed by journalistic articles from 1927, 1977 and 2017, is that the Jararaca that inhabits the Mossoró imaginary is not man, it is a discourse about him, crossed by multiple influences in the subversion of the mechanisms of control, selection, organization and redistribution of signs from the official discourse from the State apparatus, by the quotidian discourse produced in the unstable peripheries in the turmoil of social relations, thanks to the agenda-setting process that has produced symbolic repercussions for almost 100 years.

2020
Dissertações
1
  • DERANCE AMARAL ROLIM FILHO
  •  

    Taoísmo e A Mão Esquerda Da Escuridão: relações dialógicas entre o Tao Te Ching e o romance de Ursula K. Le Guin



  • Orientador : ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • PABLO MORENO PAIVA CAPISTRANO
  • Data: 24/01/2020

  • Mostrar Resumo
  •  

    O presente trabalho tem como objetivo analisar a representação da formação ideológica da personagem protagonista do romance de ficção científica A Mão Esquerda da Escuridão, de Ursula K. Le Guin, de modo a compreender em que medida a filosofia chinesa do Taoísmo se manifesta na obra em questão e poder, então, trazer contribuições para os estudos dialógicos da literatura em seu diálogo com outras áreas do conhecimento — neste caso, com a filosofia — assim como para a fortuna crítica da obra. Para tanto, é realizada uma análise dialógica dos discursos da protagonista, principal narradora do romance, para identificar as reverberações de princípios taoístas — quais sejam, neste caso: yin-yang e não ação (inação, wu wei) —, tendo como corpus filosófico o texto milenar fundante do Taoísmo: o Tao Te Ching, de Lao-Tzu. A pesquisa faz uso da abordagem teórico-metodológica de Bakhtin e o Círculo, dispondo de conceitos como discurso, enunciado, heterodiscurso, refração, alteridade e ideologia, viabilizando a análise dialógica por meio do entendimento da filosofia taoísta como uma criação ideológica, como uma ideologia em sua acepção axiologicamente neutra do termo utilizada por Bakhtin e o Círculo — como um sistema de ideias constituído por refrações e materializado em signos (como palavras). A análise expõe um discurso marcado fortemente pelos princípios taoístas do yin-yang e da não ação (wu wei), os quais constituem o romance em suas várias dimensões: estão presentes nas falas do protagonista Genly, nas suas atitudes, ações e não ações (inações), nas suas escolhas lexicais, na forma como estrutura a narrativa romanesca, como sequencia os capítulos, e até mesmo no cenário — além de se manifestar, em especial, na sua relação com a outra personagem principal do romance, Estraven, com quem divide a narração; esta relação se transforma ao longo da narrativa e representa a integração do protagonista Genly com o outro, com Estraven, a complementaridade dos opostos e a aceitação plena do diferente, a dualidade una do yin-yang.


  • Mostrar Abstract
  •  

    This work aims to analyze the representation of the main character’s ideological development in Ursula K. Le Guin’s science fiction novel The Left Hand of Darkness in order to comprehend to what extent the Chinese philosophy of Taoism is manifested in the novel, and to be able, then, to contribute to the dialogic studies of literature in its dialog with other fields of knowledge — in this case, with philosophy — and to the novel’s body of criticism. To do so, a dialogical analysis of the main character’s discourses — the novel’s main narrator — is carried out in order to identify reverberations of the Taoist principles of yin-yang and non-action (inaction, wu wei). Lao Tzu’s millennial Taoist founder text Tao Te Ching is the philosophical corpus. The research makes use of Bakhtin and the Circle’s theoretical-methodological approach which lays out concepts such as discourse, utterance, heteroglossia (heterodiscourse), refraction, otherness, and ideology, thus making possible a dialogical analysis through the understanding of Taoist philosophy as an ideological creation, as an ideology in the term’s axiologically neutral sense as utilized by Bakhtin and the Circle — as a system of ideas constituted by refractions and materialized in signs (like words). The analysis exposes a discourse strongly marked by the Taoist principles of yin-yang and non-action (wu wei), which informs the novel in several levels: they are in the speech of the main character Genly, in his behavior, actions and non-actions (inactions), in his lexical choices, in the way he structures the novel’s narrative and arranges its chapters, and even in the novel’s setting. The philosophical principles manifest especially in the main character’s relationship with the novel’s other main character Estraven, with whom he shares narration. This relationship transforms as the narrative develops and it represents Genly’s integration with the other, with Estraven; it represents the complementarity of opposites and the full acceptance of the different, the joined duality of yin-yang.

2
  • NAIDE SILVA DIAS
  •  

    EURÍDICE EM A VIDA INVISÍVEL DE EURIDICE GUSMÃO E KAMBILI EM PURPLE HIBISCUS: UMA ANÁLISE DAS PROTAGONISTAS SOB AS LENTES DO DIALOGISMO E DA CRÍTICA FEMINISTA


  • Orientador : ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ILANE FERREIRA CAVALCANTE
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • Data: 31/01/2020

  • Mostrar Resumo
  •  

    Os estudos realizados em literatura comparada ao longo dos anos têm sido de grande contribuição para essa área do conhecimento e respaldado inúmeras pesquisas no âmbito acadêmico. Nessa perspectiva, essa análise acrescenta aos estudos comparatistas a abordagem dialógica dos estudos literários, e busca de que maneira o heterodiscurso em relação à mulher nos moldes de uma sociedade patriarcal/machista é representado nas obras A vida invisível de Eurídice Gusmão (2016) da escritora brasileira Martha Batalha e Purple hibiscus (2003) da autora nigeriana Chimamanda Adichie, corpus desta pesquisa. As obras, que são analisadas com base na teoria do dialogismo do Círculo bakhtiniano (Bakhtin, Volóchinov e Medviédev) em diálogo com a crítica feminista, refletem e refratam a posição da mulher na contemporaneidade, um tema bastante consistente e significativo nas sociedades dos dias atuais, tendo em vista que as narradoras dos romances são personagens centrais que estão postas em posições de inferioridade. Metodologicamente, esta pesquisa bibliográfica segue as orientações do Círculo de que a análise parte do texto, indo ao contexto do pequeno tempo e do grande tempo. Os resultados desse estudo comparativista/dialógico entre os romances trouxeram reflexões não apenas sobre o posicionamento das mulheres representadas nos romances e vivida no mundo da vida de seus contextos de produção, mas também sobre o diálogo entre o dialogismo e a crítica feminista e a sua contribuição para a análise literária.


  • Mostrar Abstract
  •  

    Studies in comparative literature have brought great contribution to this area of knowledge and grounded countless academic research studies over the years. In this regard, this research adds a new component to comparative studies, viz., the dialogic approach to literary studies, and aims to find out at what extent the heterodiscourse related to women in a patriarchal/male chauvinist society is represented in the novels A vida invisível de Eurídice Gusmão (2016), written by Brazilian author Martha Batalha, and Purple hibiscus (2003), written by Nigerian author Chimamanda Adichie, the corpus of this research. These works, which are analyzed from the perspective of the theory of dialogism of the Bakhtin Circle (Bakhtin, Voloshinov, Medvedev) in dialogue with feminist criticism, reflect and refract the position of women in contemporary societies as the main characters of the novels are placed in positions of inferiority. Methodologically, this bibliographical research follows the Circle’s orientation that the analysis of a text starts from the text and reaches the context of small time and great time. The results of this comparative/dialogical study between the novels prompted reflections not only on the position of the women represented in the novels and lived in the world of life of the novel’s context of production, but also on the dialogue between dialogism and feminist criticism and its contribution to literary analysis.  


3
  • THALLYS EDUARDO NUNES DE ARAÚJO OLIVEIRA
  •  No roldão das horas e do vento: o tempo em A ostra e o vento, de Moacir Costa Lopes

  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • JULIANE VARGAS WELTER
  • CONCISIA LOPES DOS SANTOS
  • Data: 31/01/2020

  • Mostrar Resumo
  • Moacir Costa Lopes estreou no cenário literário em 1959, com a publicação de Maria de cada porto, romance que explora com profundidade a temática marítima, na época pouco comum nas letras nacionais, foi recebido com apreço pela crítica de então, que destacou, além desse aspecto inovador, o manejo diferenciado a que o autor submeteu a categoria narrativa do tempo. A preocupação com a temporalidade se mostra evidente em toda a literatura de Lopes, podendo-se, inclusive, apontar o uso experimental desse elemento como marca estética da produção ficcional do autor, que procurou manipulá-lo de forma diferenciada em todos os seus romances, ora em maior ora em menor grau. Será em A ostra e o vento (1964), quarto romance de Moacir C. Lopes, que o tempo se insurgirá na narrativa como elemento central, sendo explorado com engenho pelo autor no âmbito estrutural e no âmbito temático. Esta dissertação objetiva analisar o tempo no romance A ostra e o vento, tanto no que diz respeito à configuração estrutural desse elemento na narrativa em questão quanto no que se refere à relação que nela se estabelece entre o tempo e o fantástico, aspectos de absoluto relevo no corpus selecionado. Fundamentam nossa análise os estudos de Gérard Genette (1979), Benedito Nunes (1988) e A. A. Mendilow (1972) acerca do tempo na narrativa; de Tzvetan Todorov (2008) e Remo Ceserani (2006) acerca do fantástico na literatura, além de outros autores. 


  • Mostrar Abstract
  • Moacir Costa Lopes has started in literature scene in 1959 with Maria de cada porto, a novel that explores a maritime theme with property in the time when it was not so usually to talk about it and he was well received by the critics of the time, who praised not only the groundbreaking work, but also the narrative category of time. The time theme is always present in Lopes literature, and also can be a author’s fictional write kind of style who tried to manipulated it in all his work in different ways, sometimes less and sometimes more manipulation. Only in 1964 when Moacir C. Lopes wrote A ostra e o vento, the time could be seen as a central element in the narrative, it has been wisely explored by the author in structural and thematic area. This dissertation aims analyze the time in the novel A ostra e o vento in aspects of the narrative structural configuration as well the relationship between the time and the fantastic inside the novel that are important aspects in the selected corpus. This work has its bases on studies by Gérad Genette (1979), Benedito Nunes (1988)  and  A. A. Mendilow (1972) about the narrative’s time; also Tzvetan Todorov (2008) and Remo Ceserani (2006)  about the fantastic in literature among others authors.

4
  • MARIA CLARA LUCENA DE LEMOS
  • Plano discursivo em perspectiva funcional: mecanismos textual-discursivos e pragmáticos em artigos de opinião

  • Orientador : EDVALDO BALDUINO BISPO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDVALDO BALDUINO BISPO
  • JOSE ROMERITO SILVA
  • SHEYLA PATRICIA TRINDADE DA SILVA COSTA
  • Data: 11/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa discute a categoria Plano Discursivo em artigos de opinião. O objetivo geral aqui perseguido consiste em analisar como se estrutura essa categoria e como essa estruturação pode ser capturada em termos de um continuum de figuricidade/fundidade, considerando os domínios textual-discursivo e pragmático. O trabalho fundamenta-se na Linguística Funcional norte-americana, partindo do que discutem Hopper (1979) e Hopper e Thompson (1980) sobre Planos Discursivos, das proposições de Haido (1996) para o tratamento das dimensões figura/fundo, da noção de inferência pragmática abordada por Traugott e Dasher (2002) e do conceito de (inter)subjetividade explorado por Traugott (2010), além das definições tomadas de empréstimo dos estudos da Nova Retórica, a partir dos pressupostos de Perelman e Obbrechts-Tyteca (2005) sobre argumentação e da concepção de Gestalt advinda da psicologia (ENGELMANN, 2002). Em termos metodológicos, este estudo foi desenvolvido segundo uma abordagem quali-quantitava e o corpus analisado constituiu-se de vinte artigos de opinião veiculados nas revistas Carta Capital e Veja no primeiro semestre do ano de 2018. Os resultados, quanto ao domínio textual-discursivo, apontam a existência de três níveis de figuricidade, quais sejam, figura absoluta, figura aparente e figura episódica, e quatro níveis de fundidade, que compreendem fundo de justificativa, fundo de exemplificação (nível de fundidade I), fundo de reiteração, fundo de contextualização (nível de fundidade II), fundo de modalização (nível de fundidade III) e fundo de digressão (nível de fundidade IV); evidenciam, também, que, no tocante à distribuição das porções de textos analisados com base nos tipos de fundo, em geral, o fundo que mais ocorre é o fundo de Justificativa. Nesse mesmo domínio, os resultados permitiram capturar um continuum figura/fundo, partindo de porções textuais +figura ® +fundo. Com base nos achados, propôs-se um plano textual para o artigo de opinião a partir de uma perspectiva funcionalista. No tocante ao domínio pragmático, verificou-se que a integração dos tipos de fundo à figura relaciona-se a processos interacionais, como a (inter)subjetividade e a inferência pragmática.


  • Mostrar Abstract
  • This research discusses the Discourse Plan category in opinion articles. The general objective pursued here is to analyze how this category is structured and how this structure can be captured in terms of a continuity of figurivity/fundity, considering the textual-discursive and pragmatic domains. The work is based on North American Functional Linguistics, starting from what Hopper (1979) and Hopper and Thompson (1980) discuss about Discourse Plans, Haido's (1996) propositions for the treatment of figure/background dimensions, the notion of pragmatic inference approached by Traugott and Dasher (2002) and the concept of (inter) subjectivity explored by Traugott (2010), in addition to the borrowed definitions of New Rhetoric studies, based on the assumptions of Perelman and Obbrechts-Tyteca (2005) on argumentation and Gestalt's conception from psychology (ENGELMANN, 2002). In methodological terms, this study was developed according to a quali-quantitative approach and the corpus analyzed consisted of twenty opinion articles published in the magazines Carta Capital and Veja in the first semester of 2018. The results, regarding the textual-discursive domain, point to the existence of three levels of figuration, namely, figura absoluta, figura aparente and figura episódica, and four levels of fundity, which include fundo de justificativa, fundo de exemplificação (fundity level I), fundo de reiteração, fundo de contextualização (fundity level II), fundo de modalização (fundity level III) and fundo de digressão (fundity level IV); They also show that, regarding the distribution of the portions of texts analyzed based on the types of background, in general, the most frequent background is the fundo de Justificativa. In this same domain, the results allowed to capture a figure/background continuum, starting from textual portions +figure > +background. Based on the findings, a textual plan for the opinion article was proposed from a functionalist perspective. Regarding the pragmatic domain, it was found that the integration of background types into the figure is related to interactional processes such as (inter) subjectivity and pragmatic inference.

    KEYWORDS: Opinion article. Functional Linguistics. Discursive plan. 

5
  • ANA PAULA DA MOTTA BOTELHO GADELHA
  • PORTA DOS FUNDOS: UM ESTUDO ECOLÓGICO-COGNITIVO DO HUMOR À BEIRA DO CAOS

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • RICARDO YAMASHITA SANTOS
  • Data: 13/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa busca investigar o humor de esquetes do coletivo Porta dos Fundos. Assim, tem como objetivo principal verificar as estratégias cognitivas e linguísticas (verbais e não verbais) utilizadas na produção desse material audiovisual que proporcionam o riso em seus telespectadores. Para isso, este estudo utiliza as categorias de análise frames (FILLMORE, 1982; LAKOFF, 2012, 2014; DUQUE, 2017) e jogos de linguagem (WITTGENSTEIN, 2012; STEELS, 2012; DUQUE, 2016; 2019), numa perspectiva complexa e adaptativa (RZEVISK, 2011; DUQUE, 2017) e está respaldado na abordagem ecológico-cognitiva da linguagem, vertente da Linguística Cognitiva cuja condição inicial é a relação organismo-ambiente (GIBSON, 2015). Este trabalho segue o paradigma interpretativista de pesquisa e, assim, opta pela abordagem qualitativa, uma vez que seu interesse recai na compreensão e interpretação da semiose das relações humanas (MINAYO, 2009). As análises efetuadas sugerem que os jogos de linguagem simulados nos esquetes são orientados por estruturas cognitivas extremamente dinâmicas que, devido à sua fluidez e dinamicidade, sofrem turbulências com a inserção de informações novas em qualquer um dos componentes do sistema complexo e adaptativo. Tais turbulências estariam vinculadas, portanto, a diversos comportamentos do telespectador, não se restringindo apenas ao humor.


  • Mostrar Abstract
  • This research aims to investigate the humor of the skits by Porta dos Fundos. Thus, its main objective is to verify cognitivea and linguistic strategies (verbal and nonverbal) used in the production of this audiovisual material that provide laughter for their viewers. For doing so, this study uses the categories of analysis frames (FILLMORE, 1982; LAKOFF, 2012, 2014; DUQUE, 2017), and language games (WITTGENSTEIN, 2012; STEELS, 2012; DUQUE, 2016; 2019), in a complex and adaptative perspective (RZEVISK, 2011; DUQUE, 2017). This research is also supported by the ecological approach to language and cognition, a strand of Cognitive Linguistics whose initial condition is the organismo-environment relationship (GIBSON, 2015). Aditionally, this work is based on the interpretative paradigm of research, thus, it adopts the qualitative approach, since its interest is the understanding and interpretation of the human relations semiosis (MINAYO, 2009). The analyzes suggest that the simulated language games in skits are driven by highly dynamic cognitive structures that due to its fluidity and dynamism, suffer turbulence with the inclusion of new information in any of the components of the complex and adaptive system. Such turbulences would be linked, therefore, to various behaviors of the viewer. They are not restricted to humor only.

6
  • RENATA INGRID DE SOUZA PAIVA
  • Redações nota mil do ENEM: um estudo analítico da massificação de sua estrutura e conteúdo

  • Orientador : SULEMI FABIANO CAMPOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • SYLVIA COUTINHO ABBOTT GALVAO
  • THOMAS MASSAO FAIRCHILD
  • Data: 14/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • O contexto de produção textual do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) é um dos principais mobilizadores dos anos preparatórios para os candidatos, inclusive, no tocante ao ensino de língua portuguesa, nos anos finais do Ensino Médio. Com base nos impactos causados pelo exame, a presente pesquisa visa ao estudo analítico na escrita das redações nota mil, tomando como hipótese a massificação estrutural e conteudística dos textos. A pesquisa parte da seguinte questão: de que forma as escolhas estruturais e conteudísticas dos candidatos bem como a utilização da voz do outro influenciam na lógica argumentativa para o êxito das redações nota mil do ENEM 2014, 2015, 2016 e 2017? Como objetivos, delimitamos: i) identificar as marcas estruturais que compõe os textos, atentando para as que se repetem; ii) caracterizar como se dá a utilização e a recorrência, nos textos analisados, da inserção da voz alheia; iii) determinar, de forma comparativa, a funcionalidade dessas vozes inseridas na lógica argumentativa das redações; e iv) investigar, com base na análise feita, em quais aspectos as escolhas estruturais, conteudísticas e a inserção da voz alheia constituem o que consideramos como massificação. Para tanto, recorremos às contribuições de Charaudeau (2012) acerca da organização de textos argumentativos, assim como da lógica argumentativa; Authier-Revuz (1990, 2004) com as reflexões da heterogeneidade enunciativa mostrada; Adorno (1985) para a discussão sobre massificação e Pêcheux (1995) com a posição do sujeito para caracterizar o lugar do discurso dos candidatos autores nas redações. O corpus constitui-se de 32 (trinta e duas) redações distribuídas, igualmente, por quatro anos (2014, 2015, 2016 e 2017) e que foram obtidas por meio do site G1. Os resultados demonstram que, em todos os anos, há uma padronização estrutural e conteudística que não é atribuída em sua totalidade ao que solicitam as cinco competências, além de uma recorrência da utilização da inserção explícita da voz alheia para compor a lógica argumentativa. Quanto à questão da massificação estrutural e conteudística, observamos que há reincidência da construção de uma “forma” de redação moldada e pré-estabelecida para que os candidatos, nos anos preparatórios para o exame, ativem a necessidade de moldar seus textos para que ocupem a posição de redações “modelo”, aqui tidas com a nota máxima.


  • Mostrar Abstract
  • The textual production context of the National High School Examination (ENEM) is one of the main mobilizers of the preparatory years for the candidates, including Portuguese language teaching in the final years of High School. Based on the impacts caused by the exam, the present research aims at the analytical study in the writing of thousand note essays, assuming the structural and content massification of the texts.. The research starts from the following question: how do the structural and content choices of the students as well as the use of the voice of the other influences the argumentative strategies for success in the essays note thousand of ENEM 2014, 2015, 2016 and 2017? As objectives, we delimit: i) identify the structural marks that compose the texts, paying attention to those that repeat: i) identify the structural marks that make up the texts, paying attention to those that are repeated; ii) to characterize how the use and recurrence of insertion of the voice of others is used in the texts analyzed; iii) to determine, in a comparative way, the functionality of these voices inserted in the argumentative sequence of the essays; iv) investigate, based on the analysis made, how the presence of the voice of the other results in the hypothesis of massification of the arguments used by the subjects. To do so, we use the contributions of Charaudeau (2012) about the organization of argumentative texts; Authier-Revuz (1990, 2004) with the reflections of the enunciative heterogeneity shown; Adorno (1985) for the discussion on massification and Pêcheux (1995) with the position of the subject to characterize the place of the discourse of the candidates authors in the essays. The corpus is made up of 32 (thirty-two) essays distributed equally, for four years (2014, 2015, 2016 and 2017) and were obtained through the G1 website. A preliminary result shows that in all years there is a structural standardization that is not attributed in its entirety to the demands of the five competencies, as well as a recurrence of the use of the explicit insertion of the voice of others to compose the argumentative sequence. As to the question of massing the arguments, we observe that there is a recurrence of the construction of a molded and pre-established "form" of writing, so that the candidates, in the preparatory years for the exam, activate the need to shape the text and make explicit the voice of the another decisively in the mechanism of sustaining his arguments so that his texts occupy the occupy the position of essays “model”, here held with the maximum mark.


7
  • JUAN DOS SANTOS SILVA
  • A jornada do herói inacabado no Young adult: embates dialógicos entre sujeitos juvenis e personagens ficcionais contra a Agenda Homo Sapiens

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JENNIFER SARAH COOPER
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • ROXANE HELENA RODRIGUES ROJO
  • Data: 14/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • Trata-se nesta dissertação de estabelecer, a partir dos pressupostos teórico-metodológicos do Círculo de Bakhtin, uma análise da construção discursiva das identidades inacabadas nas narrativas Young adult (doravante YA) e como tais representações literárias refletem e refratam as identidades juvenis da contemporaneidade marcada como líquida (BAUMAN, 2001) e transparente (HAN, 2017a). Para tanto, a obra Simon vs. a agenda homo sapiens (2016), da autora norte-americana Becky Albertalli, será utilizada como forma de evidenciar as questões identitárias em análise a partir do seu protagonista, Simon, um jovem gay que interage anonimamente com um outro rapaz gay chamado Blue, ocorrendo, no meio desse processo, a construção de sua identidade homoafetiva e a geração de embates sociais em uma sociedade que não é muito receptiva à homossexualidade e a outras manifestações tidas como grotescas. O termo Young adult foi utilizado pelo mercado editorial para definir todas as obras surgidas após o lançamento da série Harry Potter (1997) que tinham como foco o público juvenil; no entanto, ao longo do tempo, e sobretudo após o sucesso da obra A culpa é das estrelas (2012), o termo é ressignificado para englobar obras de ficção em que seus personagens principais são adolescentes em processo de descoberta identitária, o que abarca reflexões e desdobramentos que envolvem seus corpos, sua sexualidade, suas raças e demais atributos de linguagem que possam ser objetos de valoração social. Situado na Linguística Aplicada, em seu caráter trans ou indisciplinar para abordar as práticas discursivas/sociais concretas, este estudo adota o método indiciário e o cotejamento dialógico, assumindo uma orientação sócio-histórico-dialógica. Por esse prisma, a pesquisa apresenta a análise de três aspectos principais a partir da obra em estudo: 1) o comportamento do Young adult como gênero; 2) a jornada do protagonista Simon e a transformação da sua identidade ao longo desse percurso heroico; 3) os vestígios discursivos que constroem na imagem identitária de Simon um ser grotesco. A partir dessa análise, percebe-se o YA como recurso linguístico que ancora múltiplas representações da juventude contemporânea, bem como a identidade de Simon como inacabada na medida em que sua condição de sujeito encarnado e homoafetivo não permite que ele finde sua jornada herócia e permaneça sempre em processo de embate ideológico e identitário. Por fim, evidencia-se a ojeriza ao diferente que é transformado em monstro a ser punido ou apagado, refração que vai do mundo da vida para o mundo da arte.


  • Mostrar Abstract
  • This research intended to construct an analysis of the manifestation of unfinalizable identities in the Young Adult narratives (henceforth YA). It also seeks to understand how such literary representations reflect and refract the contemporary youth identities marked as liquid (BAUMAN, 2001) and transparent (HAN, 2017a). Therefore, based on the theoretical and methodological assumptions of the Bakhtin Circle, we investigated these issues from the novel Simon vs. the homo sapiens agenda (2016), by the american author Becky Albertalli. In the narrative, Simon is a young gay man who interacts anonymously with another gay boy named Blue and from this interaction begin to materialize to his homoaffective identity and the generation of social clashes in a society that is not very receptive to homosexuality and others manifestations considered grotesque. The term Young Adult was used by the editorial market to define all the works that emerged after the launch of the Harry Potter series (1997) which focused on the youth audience. However, after the success of the novel The fault in our stars (2012), the term was changed to include novels of fiction in which its main characters are teenagers in the process of identity discovery, including reflections and developments that involve their bodies, their sexuality, their races and other language attributes that can be objects of social valuation. Located in Applied Linguistics, under its trans or undisciplinary perspective to address concrete discursive/social practices, this study adopts the Indicial Paradigm and the Dialogical Comparison, assuming a socio-historical-dialogical orientation. In this light, the research presents the analysis of three main aspects from the work under study: 1) the behavior of Young adult as a genre; 2) the journey of the protagonist Simon and the transformation of his identity along this heroic path; 3) the discursive traces that built a grotesque being in Simon's identity image. From this analysis, YA was perceived as a linguistic resource that anchors multiple representations of contemporary youth. In addition, the unfinished behavior of Simon's identity became evident, insofar as his condition as an incarnated and homo-affective subject does not allow him to end his heroic journey and always remains in the process of ideological and identity conflict. Finally, it is evident the repulsion to the different that is transformed into a monster to be punished or erased, a refraction that goes from the world of life to the world of culture.

8
  • CLÁUDIA CYNARA COSTA DE SOUZA
  •  

     

     

     

    DISPOSITIVOS ENUNCIATIVOS EM PROJETOS DE LEI DA CÂMARA DOS DEPUTADOS

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • CELIA MARIA DE MEDEIROS
  • ANA LUCIA TINOCO CABRAL
  • Data: 19/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • A diversidade de gêneros discursivos textuais produzidos na formação sociodiscursiva jurídica oferece ampla possibilidade de investigação das estratégias linguístico-discursivas nesses textos concretos. Nesse âmbito, essa dissertação centra-se na interface Linguagem e Direito, cujo corpus é constituído por Projetos de Lei produzidos por Deputados Federais do estado do Rio Grande do Norte, que consistem em um gênero discursivo textual formulado pelo legislativo com vistas à inserção de novos direitos no ordenamento jurídico. Nesse sentido, estabelecemos como objetivo geral investigar os dispositivos enunciativos inseridos na materialidade textual de Projetos de Lei por meio do estudo dos níveis enunciativo e argumentativo. Definimos como objetivos específicos, identificar, descrever, analisar e interpretar como a estrutura composicional é construída nos Projetos de Lei por meio do estudo dos planos de textos e das sequências;  como a Responsabilidade Enunciativa (RE) se manifesta nos Projetos de Lei, a partir do estudo das marcas linguístico-discursivas presentes nos textos; e como os dispositivos enunciativos contribuem para a Orientação Argumentativa dos Projetos. Do ponto de vista teórico, esta pesquisa fundamenta-se nos pressupostos da Linguística Textual (LT), na Análise Textual dos Discursos (ATD), na Linguística da Enunciação, nos estudos da Argumentação na Língua (ANL), na argumentação e na formação sociodiscursiva jurídica. Metodologicamente, nosso trabalho seguiu a abordagem qualitativa de natureza interpretativista e o método indutivo de análise, sendo um estudo documental do tipo exploratório. Nossas análises evidenciaram que o plano de texto dos Projetos de Lei é convencional ou fixo, organizado por meio de sequências narrativas, argumentativas, explicativas e descritivas. Esse conjunto de sequências textuais compõe a visada argumentativa. No que se refere à Responsabilidade Enunciativa, observamos a presença recorrente de marcas linguísticas que manifestam a assunção da RE, como índices de pessoa, dêiticos espaciais e temporais e modalidades, assim como categorias linguísticas que apontam para a não assunção da RE, ainda diferentes tipos de representação da fala e quadros mediadores, em um movimento de engajamento e de distanciamento do conteúdo proposicional ao longo da tessitura textual. A interpretação desses dados aponta para o reconhecimento de uma Orientação Argumentativa conferida aos textos em consonância com o propósito comunicativo objetivado pelo gênero. Desse modo, nossos resultados sugerem que a partir do estudo da estruturação textual e dos posicionamentos enunciativos é possível chegar à argumentação. Por fim, os resultados desta pesquisa contribuem para melhor compreensão de aspectos textuais, discursivos e enunciativos de Projetos de Lei, tornando, assim, o gênero mais compreensível e utilizável, tendo em vista seu caráter social e determinante para a renovação normativa do país.



  • Mostrar Abstract
  • The diversity of textual discourse genres produced in the legal socio-discursive legislation offers ample possibility of investigating the linguistic-discursive strategies in these concrete texts. In this context, this dissertation focuses on the interface between Language and Law, comprising a corpus constituted by Legislative Bills produced by the Federal Representatives of Rio Grande do Norte, which consists of a normative textual discursive genre written by the political representatives with a view to guarantee rights in the legal system. In this sense, we established as a general objective to investigate the enunciative devices inserted in the textual materiality of Legislative Bills through the study of the enunciative and argumentative levels. We defined as specific objectives, to identify, describe, analyze and interpret how the compositional structure is built in the Legislative Bills through the study of text plans and sequences; how the Enunciative Responsibility (ER) manifests itself in the Legislative Bills, from the study of the linguistic-discursive marks present in the texts; and how enunciative devices contribute to the Argumentative Orientation of Projects. From a theoretical point of view, this research is based on the assumptions of Textual Linguistics (TL), Textual Discourse Analysis (TDA), Enunciation Linguistics, Studies of Argumentation in Language (AL), argumentation and socio-discursive legal formation. Methodologically, our work followed the qualitative approach, interpretative in nature, and inductive analysis, being an exploratory bibliographic study. Our analyzes showed that the draft text of the Legislative Bills is conventional or fixed, organized through narrative, argumentative, explanatory and descriptive sequences. This set of textual sequences composes the argumentative aim. With regard to Enunciative Commitment, we observe the recurrent presence of linguistic marks that manifest the assumption of EC, such as person indexes, spatial and temporal deictics, and modalities, as well as linguistic categories that point to the non-assumption of EC, still different types of speech representation and mediating frames, in a movement of engagement and distancing from the propositional content throughout the textual fabric. The interpretation of these data points to the recognition of an Argumentative Orientation given to the texts in line with the communicative purpose objectified by the genre. Thus, our results suggest that from the study of textual structure and enunciative positions it is possible to get to the argumentation. Finally, the results of this research contribute to a better understanding of textual, discursive and enunciative aspects of Legislative Bills, thus making the genre more understandable and usable, in view of its social and determinant character for the normative renewal of the country.

     

9
10
  • JÉSSICA SANTOS DE OLIVEIRA
  • A COERÊNCIA NA PERSPECTIVA DA TEORIA DA LINGUAGEM DE EUGÊNIO COSERIU

  • Orientador : CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALESSANDRA CASTILHO FERREIRA DA COSTA
  • CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • VALÉRIA SEVERINA GOMES
  • Data: 17/03/2020

  • Mostrar Resumo
  • Em trabalhos já historicamente reconhecidos na Linguística Textual, a coerência, de forma geral, tem sido concebida como mensagem ou conteúdo do texto, ou ainda como uma rede de relações conceituais que se estabelecem na tessitura textual, e tem sido estudada como propriedade do texto ou como processo textual. No entanto, a partir da teoria da linguagem de Eugenio Coseriu (1980, 2007), na qual ele propõe a existência de três níveis da linguagem (universal, histórico e textual), é possível rever a multiplicidade de traços (nem sempre conciliáveis) imputados à coerência. Neste trabalho, temos como objetivo apresentar uma proposta de compreensão da coerência com base na teoria dos níveis da linguagem, deslindando a relação entre os conceitos de coerência, significado e sentido. No que concerne à metodologia, trata-se de uma pesquisa teórica e exploratória, que recorre aos procedimentos de levantamento bibliográfico e análise de exemplos que estimulem a compreensão (Gil, 2007). O referencial teórico básico é a obra de Eugenio Coseriu (1980, 2007), a qual é contraposta a obras que tratam o fenômeno da coerência, de ampla repercussão na Linguística Textual, tais como Charolles (1978, 1995), Beaugrande e Dressler (1997), Travaglia (1994, 1999); e Bernardez (1982, 2003). Como resultado, consideramos que a coerência não é um fenômeno único e homogêneo. Trata-se, ao contrário, de um fenômeno tripartido, do qual emergem três objetos teóricos, cada um deles alinhado a um nível da linguagem.


  • Mostrar Abstract
  •  Coserian theory; Levels of language; Textual coherence.

11
  • JOÃO PEDRO LOBO ANTUNES
  • DUAS IDEIAS EM CAMPO: CONSTRUÇÃO DE OBJETOS DE DISCURSO EM DEBATES DO PROGRAMA FLA-FLU

  • Orientador : CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • EDWIGES MARIA MORATO
  • MARCELO DA SILVA AMORIM
  • Data: 12/06/2020

  • Mostrar Resumo
  • Nos últimos anos, o acirramento das históricas tensões político-ideológicas no Brasil resultou em um processo de polarização da sociedade brasileira. Essa polarização se intensificou a partir das eleições gerais de 2014 e dividiu o país em torno de importantes eventos da conjuntura política nacional. O presente trabalho parte desse contexto para investigar, do ponto de vista dos estudos sociocognitivos do texto, a dimensão discursiva da polarização em meio a um confronto de ideias. O nosso objetivo é analisar a construção interativa de objetos de discurso no Fla-Flu, um programa de debates realizado pela Folha de S. Paulo, com o intuito de observar o impacto do discurso polarizado nos processos de referenciação ao longo da interação. Para isso, primeiramente mapeamos a progressão referencial de dois debates do Fla-Flu, por meio da seleção e da categorização de determinadas expressões referenciais segundo a noção de estratégias de referenciação (MARCUSCHI & KOCH, 2002; 2006). Em seguida, reconstituímos as cadeias referenciais formadas ao longo da construção de objetos de discurso ligados ao contexto de polarização política e social. Por fim, analisamos essas cadeias a luz das noções de polarização (AMOSSY, 2017) e de disputa como tipo de discurso polêmico (DASCAL, 1994). Os nossos resultados sugerem que os participantes do Fla-Flu se engajam não para buscar acordos ou soluções, mas para perpetuar os discursos polarizados e reforçar os posicionamentos opostos. Essa tendência observada impacta a construção da referência nas interações analisadas, pois acarreta em um aprofundamento das já pré-existentes instabilidades na relação entre as categorias discursivas e a realidade extralinguística.


  • Mostrar Abstract
  • Since 2014, Brazil has been noticing the continuing rise of its historical political-ideological conflicts. The result of this process is the polarization of Brazilian society concerning relevant events of national political scenario. This work starts from this context to investigate the discursive dimension of the polarization amid a verbal confrontation. Our main objective is to analyze the interactive construction of objects-of-speech in Fla-Flu, an online TV show which promoted debates along 2016. Our purpose is to observe the impacts of the polarized speech in the referencing processes during interaction in two of the Fla-Flu debates. To achieve this, we firstly map the referential progress of these debates following the concept of referencing strategies (MARCUSCHI & KOCH, 2002; 2006). Then, we reconstitute the referential chains formed along the construction of objects-of-speech related to the context of political and social polarization. Finally, we analyze these referential chains in the light of the notions of polarization (AMOSSY, 2017) and of dispute as a kind of polemic speech (DASCAL, 1994). Our results reveal that the participants of Fla-Flu debates engage not to achieve understandings or solutions, but to perpetuate the polarized speech and reinforce the opposing positions. This suggests that the polarized interaction impact the referencing processes, as it implies in a deepening of the preexistent instability between discursive categories and the reality itself.

12
  • RAFAEL BARROS DE ALENCAR
  • A PALO SECO: Uma aproximação neobarroca entre Belchior e João Cabral de Melo Neto

  • Orientador : SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • JOAO BATISTA DE MORAIS NETO
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • Data: 25/06/2020

  • Mostrar Resumo
  • “Eu quero é que esse canto torto feito faca corte a carne de vocês” (NETO, 2019, p. 74). Esta pesquisa é desenvolvida na Literatura Comparada e tem como objetivo analisar características neobarrocas na obra de Belchior a partir do diálogo com signos poéticos presentes na obra de João Cabral de Melo Neto. O mote para esta pesquisa é “A Palo Seco”, um poema em João Cabral e uma canção em Belchior, do disco Mote e Glosa (1974). No poema cabralino, “A Palo Seco”, expressão espanhola que remete à matriz do flamenco, aparece associado à imagem da lâmina, ao “cante sem,/ a esse cante despido,/ é um cante desarmado:/ só a lâmina da voz/ sem a arma do braço” (SECCHIN, 1985, p. 146), signo poético utilizado também em outros poemas. A imagem da lâmina também é usada na obra de Belchior, não só na canção “A Palo Seco”, mas também em “Apenas um rapaz latino-americano”, “Pequeno mapa do tempo”, entre outras. Na pesquisa, duas perspectivas artísticas (João Cabral e Belchior), duas formas poéticas (a literatura e a música), um diálogo (Barroco e neobarroco) e cenários de análises (sertão, global, retirante, medo, cante a palo seco, a voz e a vida). O trabalho tem a organização em quatro capítulos, passando pela questão da aproximação da literatura com a música e mais especificamente pelo imbricamento desses temas na Literatura Comparada, seguida de um capítulo que observa as pesquisas já realizadas que envolvem Belchior e João Cabral de Melo Neto e, por fim, o capítulo analítico, que desenvolve o tema do neobarroco na obra do cancioneiro Belchior. Na sequência, temos o diálogo da literatura com a música partindo da teoria de autores como Francisco Ivan (2013), Verônica Moura (2014), Perrone-Moises (2016), Tania Franco Carvalhal (1991), Antônio Candido (1994), entre outros. Realizamos um levantamento sobre as pesquisas que envolvem Belchior e João Cabral, passando pelos trabalhos de autores como Josely Carlos (2007), Eurídice Figueiredo (2013), Jotabê Medeiros (2017), Glenda Moura (2014), José Américo Saraiva (2007), Lenise dos Santos Santiago (2007 e 2011), entre outros.  O caminho de análise passa por signos poéticos cabralinos barrocos, como a lâmina, a faca, o retirante, o regional e o global, o cante e a vida, que são apropriados na obra do cearense e, como aporte teórico para entender o neobarroco, trabalhamos com autores a exemplo de Severo Sarduy (1987), Francisco Ivan (2013), Francisco Israel de Carvalho (2012). Os resultados desta análise buscaram perceber características neobarrocas na obra de Belchior a partir desse contato com o barroco em João Cabral, presente nos signos poéticos que fazem diálogo entre as obras de ambos.


  • Mostrar Abstract
  • “Eu quero é que esse canto torto feito faca corte a carne de vocês” (NETO, 2019, p. 74). This research is developed in Comparative Literature and aims to analyze neo-baroque characteristics in Belchior's work from the dialogue with poetic signs present in the work of João Cabral de Melo Neto. The starting point for this research is “A Palo Seco”, a poem in João Cabral and a song in Belchior, from the album ‘Mote e Glosa’ (1974). In the poem, “A Palo Seco” which is a Spanish expression that refers to the flamenco matrix, appears associated with the image of the blade, to “cante sem,/ o cante despido,/ é cante desarmado:/ só a lâmina da voz/ sem a arma do braço” (SECCHIN, 1985, p. 146), poetic sign used also in other poems. The image of the blade is also used in the work of Belchior, not only in the song “A Palo Seco”, as well as in “Apenas um rapaz latino-americano”, “Pequeno mapa do tempo”, among others. In research, two artistic perspectives (João Cabral de Melo Neto e Belchior), two poetic forms (literature and music), a dialogue (Baroque and Neo-Baroque), and analysis scenarios (arid region, global, retreat, fear, a palo seco, the voice and the life. The work is organized in 4 chapters, going through the question of the approximation of literature with music and more specifically the intermingling of these themes in Comparative Literature, followed by a chapter that observes the research already carried out involving Belchior and João Cabral de Melo Neto and finally, the analytical chapter, which develops the neo-baroque theme in the work of the songwriter Belchior. In this sequence we have the dialogue between literature and music based on the theory of authors such as Francisco Ivan (2013), Verônica Moura (2014), Perrone-Moises (2016), Tania Franco Carvalhal (1991), Antônio Candido (1994), among others. We conducted a survey on research involving Belchior and João Cabral, including work by authors such as Josely Carlos (2007), Eurídice Figueiredo (2013), Jotabê Medeiros (2017), Glenda Moura (2014), José Américo Saraiva (2007), Lenise dos Santos Santiago (2007 and 2011), among others. The path of analysis goes through Baroque Cabraline poetic signs, such as the blade, the knife, the retreatant, the regional and the global, the sing and the life, which are appropriate in the work of the Ceará and, as a theoretical contribution to understand the neo-baroque we work with authors such as: Severo Sarduy (1987), Francisco Ivan (2013), Francisco Israel de Carvalho (2012). The results of this analysis sought to perceive neo-baroque characteristics in Belchior's work from that contact with the baroque in João Cabral, present in the poetic signs that make dialogue between the works of both.

13
  • TASSIANA DE BRITO VIANA MARQUES
  • TRADUÇÃO ANOTADA DOS MEDICAMINA FACIEI FEMINEAE, DO POETA OVÍDIO

  • Orientador : MARIA HOZANETE ALVES DE LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • FRANCISCO EDI DE OLIVEIRA SOUSA
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MARIA HOZANETE ALVES DE LIMA
  • Data: 09/07/2020

  • Mostrar Resumo
  •  De acordo com a historiografia literária, Medicamina Faciei Femineae (Cosméticos Para o Rosto da Mulher) escrito pelo poeta Ovídio, no século I a.C. nos chegou através de 100 versos, de um total de 800. O poema recebeu pouca atenção, provavelmente, em função das seguintes questões: tamanho do texto, tecnicismo excessivo da linguagem, pouco interesse à temática e, até mesmo, por ser dedicado ao público feminino. Se muitas nos parecem as razões ou a problemática evidenciadoras da pouca importância que se tenha atribuída a um texto escrito por um poeta de  reconhecida notoriedade, evidenciamos que Medicamina Faciei Femineae se integra muito bem no conjunto da obra desse poeta que se inseriu de uma maneira particular com o tempo histórico em que viveu. Marcada pelo tom professoral, a poesia de Ovídio se insere no quadro do que a tradição clássica denominou “escrita didática” e há, nos Medicamina, dois pontos fundamentais quando consideramos esse didatismo: o interlocutor ovidiano, sendo este a puella da poesia elegíaca clássica, e o diálogo que o texto estabelece com as próprias obras ovidianas e com obras de outros autores, particularmente com aqueles que lhes são contemporâneos. É possível identificar, também no texto Ovidiano, mais do que um tom jocoso, como muitos defendem, pois os “medicamentos” – remédios, utilizados como cosméticos – são apresentados consoante o que se encontra em tratados reconhecidos no mundo clássico. Este trabalho apresenta uma tradução comentada desse poema. Recorremos e reativamos problematizações já evidenciadas por estudiosos da obra ovidiana, e propomos uma tradução anotada que envolve aspectos linguísticos, estilísticos e textuais do poema, situados no contexto histórico, político e social em que viveu o autor. Visualizamos, em nossas reflexões, que Medicamina Faciei Femineae guardam as marcas de uma historicidade que deve ser ressaltada, ao se lidar com a literatura clássica, e que é necessário reconhecer o valor da obra em seu contexto de criação e iluminá-la no conjunto dos escritos de Ovídio.


  • Mostrar Abstract
  • According to the Literary Historiography, Medicamina Faciei Femineae (Cosmetics to Woman’s Face), written by the poet Ovid in 1 BC is structured in 100 verses from a total of 800. The poem received little attention, probably because of the following issues: text size, excessive language technicism, little interest on the theme and even because it was dedicated to the feminine public. If, on one hand, there seems to be plenty of reasons why this work is not important even though it is a text written by a notorious poet, we emphasize, on the other hand, that Medicamina Faciei Femineae fits quite well in Ovid’s work collection, and it was inserted in a particular way, considering the historical period in which he lived. Marked by a teaching tone, Ovid’s poetry is located in the frame that classic tradition called “educational writing” and there is, in Medicamina, two main points when we consider this educational: the Ovidian interlocutor, considered the puella from classic elegiac poetry, and the dialogue the text stablishes with the Ovidian works themselves and with other authors’ works, particularly with those that are contemporary. It is possible to identify, also in the Ovidian text, more than one jocular tone, as many defend, for the “medication” – remedies used as cosmetics – is presented according to what is found in well-known agreements from the classic world. This work presents a commented translation of this poem. We consulted and reactivated issues already discussed by studies about Ovidian works, and we propose a commented translation which involves linguistic, stylistic and textual aspects of the poem, situated in a historical, political and social context in which the author lived. We visualized, in our reflections, that Medicamina Faciei Femineae preserves marks of a historicity which might be emphasized, when dealing with classic literature, and that it is necessary recognize the value of the work in its creation context and enlighten it in the collection of Ovid writings.

     

14
  • JULIANA DA SILVA FERNANDES
  • ENGAJAMENTO COGNITIVO E A SALA DE AULA DE LÍNGUA ESPANHOLA: UM ESTUDO COM APLICATIVOS DE SISTEMAS DE RESPOSTA

  • Orientador : JANAINA WEISSHEIMER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CARLA AGUIAR FALCÃO
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • THAYANE SILVA CAMPOS
  • Data: 16/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • O desenvolvimento de tecnologia na área de ensino e aprendizagem multiplicou, nos últimos anos, a quantidade de objetos de pesquisa possíveis dentro da Linguística Aplicada. Este estudo tem como objetivo investigar o impacto do uso de aplicativos de sistemas de resposta (do inglês, SRS) no desempenho e no engajamento cognitivo dos aprendizes em revisões de conteúdo pré-avaliação da disciplina de espanhol como L2 no nível médio. Ao total, quarenta e nove participantes foram observados durante aulas de revisão sob três condições diferentes: uma intervenção sem aplicativos, uma com um aplicativo SRS não-gamificado (Plickers) e uma com um aplicativo SRS gamificado (Kahoot). Após as revisões havia a gravação de um protocolo verbal e a avaliação era realizada. Adotamos uma metodologia de abordagem mista (DÖRNYEI, 2007) com coleta e análise de dados qualitativos e quantitativos. Os resultados indicam que houve um impacto estatisticamente significativo do SRS gamificado quanto ao engajamento cognitivo dos alunos e do SRS não-gamificado quanto ao desempenho deles na avaliação subsequente. Por fim, as percepções dos aprendizes se mostraram positivas quanto à inserção dos aplicativos em sala de aula.


  • Mostrar Abstract
  • The development of technology in teaching and learning has multiplied, in recent years, the number of possible research objects within Applied Linguistics. This study aims to investigate the impact of using response system applications (SRS) on learners' performance and cognitive engagement in pre-test content reviews of the L2 Spanish course at high school. In total, forty-nine participants were observed during review classes under three different conditions: one intervention without applications, one with a non-gamified SRS application (Plickers) and one with a gamified SRS application (Kahoot), after the reviews there was the recording of a verbal protocol and the test was performed. We adopted a mixed approach methodology (DÖRNYEI, 2007) with collection and analysis of qualitative and quantitative data. Results indicate that there was a statistically significant impact of gamified SRS on engagement and non-gamified SRS on performance. Finally, the learners' perceptions were positive regarding the insertion of applications in the classroom.

15
  • JOCYLENA BANDEIRA DANTAS
  • ALICE E ELA: APROXIMAÇÕES SOB UMA PERSPECTIVA PÓS-MODERNA

  • Orientador : SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • FELICIANO JOSÉ BEZERRA FILHO
  • Data: 21/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • A pós-modernidade emerge no século XX, como uma condição social contemporânea, inicialmente apontada por François Lyotard na filosofia. Essa condição trouxe rupturas com os pilares sociais e crenças que antes sustentavam a sociedade no período anterior, permeada pela legitimação do saber, avanço científico, individualismo e revolução industrial e tecnológica. Para basear esta discussão foram utilizados Lyotard (1998), Linda Hutcheon (1991), Steven Connor (2004), Terry Eagleton (2006-2016), Gilles Deleuze (2000-2012), Gilles Lipovestky (2005-2014) e Sigmund Bauman (2001), iremos analisar através de método investigativo, de forma qualitativa, como as obras escolhidas para a visitação desta pesquisa representaram ficcionalmente estas características na literatura e no cinema. Nesse contexto, essa pesquisa desenvolve o objetivo de analisar as principais características da estética pós-moderna especificamente na obra Alice no país das maravilhas (2000) de Lewis Carroll e no filme Ela (2014), originalmente Her (2013), de Spike Jonze. Apontadas como Homologias conceituadas por Umberto Eco (2015-2016), as semelhanças estruturais entre cinema e literatura, diante da perspectiva pós-moderna, nas obras do corpus encontrou-se características aproximadoras tais quais o individualismo e crise de identidade, apoiados em Freud, Hall e Bauman; ausência de Deus como visto em Eagleton e, por fim, desterritorialização, apoiados em Deleuze & Guattari (1997); Augé (1994) conceituando o não-lugar; o deslocamento do sujeito, também analisado através da ótica de Stuart Hall (2006), confirmando a influência da pós-modernidade sobre os dois componentes do corpus.


  • Mostrar Abstract
  • Post-modernity emerges in the 20st century as a contemporary social condition, initially acknowledged by François Lyotard in his philosophical work. Such condition has brought ruptures between social pillar and beliefs which used to support society during the former period. It was permeated by the legitimization of knowledge, scientific progress, individualism, as well as industrial and technological revolutions. This study is based on the works of selected author such as François Lyotard (1998), Linda Hutcheon (1991), Steven Connor (2004), Terry Eagleton (2006-2016), Gilles Deleuze (2000-2012), Gilles Lipovestky (2005-2014) e Zygmunt Bauman (2001), the analysis, which will make use of the investigative method, in a qualitative perspective, in order to verify how the corpus fictionally represent the studied characteristics in literature and in cinema. In this context, this research aims to analyze the main characteristics of the post-modern aesthetics, more specifically in the novel Alice in Wonderland (1965) by Lewis Carrol and the film Her (2013) by Spike Jonze. Highlighted as renowned homologies by Umberto Eco, the structural similarities between cinema and literature, throughth post-modern perspective utilized on the corpus were found as approximation characteristics such as individualism e identity crisis, supported by Freud, Hall, and Bauman; absence of God as seen in Eagleton, and, lastly, deterritorialization, supported in Deleuze & Guattari (1997); Augé (1994) who conceptualizes the non-place; the dislocation of the subject, also analyzed through the optics of Stuart Hall (2006). Thus, confirming the post-modern influence over the two components of the corpus.

16
  • BIANCA POLINE DANTAS DE MEDEIROS
  • O ATO DE APELIDAR: CONSTRUÇÃO IDENTITÁRIA DE SUJEITOS EM JARDIM DO SERIDÓ-RN

     

  • Orientador : MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • HÉLIO MÁRCIO PAJEÚ
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • Data: 23/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Os sujeitos são nomeados, após seu nascimento, com uma finalidade: serem reconhecidos como cidadãos no meio social. Contudo, atravessando o olhar jurídico, as práticas sociais apresentam formas de nomeação que vão além desse âmbito, chegando a serem consideradas até, em alguns casos, como hábitos de determinada região. Um exemplo disso é o que ocorre em Jardim do Seridó-RN, cujos sujeitos recorrem ao apelido como também uma possível forma de nomeação. Baseando-se nisso, esta pesquisa objetiva compreender a importância do apelido na construção identitária de sujeitos em Jardim do Seridó-RN. Para tanto, apresenta como aporte teórico a concepção dialógica da linguagem, do ato ético e da ideologia, propostas pelo Círculo de Bakhtin (2013; 2014; 2016; 2017; 2018), além de se apoiar nos estudos culturais, com enfoque na noção de identidade cultural, desenvolvida por Hall (2003; 2011) e Bauman (2005). Desenvolve-se, pois, uma pesquisa qualitativo-interpretativista – situada na área da Linguística Aplicada – cuja construção de dados se dá com a realização de entrevistas semiestruturadas com nove jardinenses. Os resultados apontam que a construção identitária dos sujeitos jardinenses sofre a influência do apelido à medida que singulariza esses sujeitos em meio ao todo social, reafirmando a noção de pertencimento à região.

     


  • Mostrar Abstract
  • Subjects are named after their birth, with one purpose: to be legally recognized in the social environment. However, through the legal perspective, the social practices present forms of naming that go beyond this scope, even being considered, in some cases, as habits of a particular region. An example of this is what happens in Jardim do Seridó-RN, whose subjects use nickname as well as a possible form of naming. Based on this, this research aims to understand the importance of nickname in the identity construction of subjects in Jardim do Seridó-RN. Therefore, it presents as a theoretical basis the dialogical conception of language, the ethical act and ideology, proposed by the Bakhtin Circle (2013; 2014; 2016; 2017; 2018), besides relying on cultural studies, focusing on the notion of cultural identity, developed by Hall (2003; 2011) and Bauman (2005). For this purpose, a qualitative-interpretative research - developed in the area of Applied Linguistics - whose data construction takes place through semi-structured interviews with nine jardinenses. From the preliminary analysis, it appears that the identity construction of jardinenses subjects is influenced by nickname as it singles out these subjects among the social whole, reaffirming the notion of belonging to the region.

     

17
  • GENILMA GALGANO CAMPOS ROSENDO DE LIMA
  •  


    MOVIMENTOS ARGUMENTATIVOS NO LIVRO DIDÁTICO DE LÍNGUA PORTUGUESA

     

     

  • Orientador : MARIA HOZANETE ALVES DE LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA HOZANETE ALVES DE LIMA
  • GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS TINOCO
  • WILLIANY MIRANDA DA SILVA
  • Data: 23/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação investiga modos de argumentar em um livro didático (LD) de Língua Portuguesa. Concentramo-nos em dois momentos do livro didático: o primeiro respeita aos enunciados que compõem os textos introdutórios – que nomeamos “textos didáticos” – que abrem o LD para comentar, expor, apresentar qual gênero textual será abordado em cada Unidade; o segundo respeita aos enunciados de uma seção específica, nomeada “Antes da Leitura”. O que há em comum entre essas duas seções é a interlocução que o LD mantém com seu principal interlocutor, o aluno. Assim, nessas seções, percebe-se uma interlocução direta com o aluno, desenhada através de modos específicos de argumentar, cujo objetivo é capturar a atenção ou o interesse do aluno. Esses modos são os operadores argumentativos, os modalizadores, os pressupostos e os subentendidos. Por operadores argumentativos, entendemos os elementos responsáveis pelo encadeamento dos enunciados, estruturando-os em textos e determinando a sua orientação discursiva. Os modalizadores são elementos linguísticos que funcionam como indicadores das intenções, sentimentos e atitudes do locutor com relação ao discurso. O subentendido permite significações na dependência do raciocínio do interlocutor em torno do enunciado. O pressuposto, por sua vez, não depende apenas do raciocínio do interlocutor, pois está na língua, presente nas frases dos enunciados. Tratam-se de conceitos oriundos de pressupostos teóricos da Linguística Textual e da Teoria da Argumentação da Língua, perspectivas teóricas adotadas em nossa pesquisa. Analisamos esses modos de argumentar nos textos didáticos do Livro Didático “Universos: Língua Portuguesa” do 9º ano do ensino fundamental, usado nas escolas públicas do estado do Rio Grande do Norte nos anos de 2017 a 2019. Como resultados, nossa investigação possibilitou uma verificação dos encadeamentos argumentativos e dos indicadores de intenção presentes nos enunciados por meio da análise das marcas linguísticas. Verificamos que o livro didático apresenta uma arquitetura que busca capturar o aluno, tendo-o como principal interlocutor, mas, por outro lado, considera estar diante de aluno ideal, cujos conhecimentos prévios, por exemplo, são, em grande maioria das vezes, supostos. 


  • Mostrar Abstract
  •  

     

     

    This dissertation investigates ways of arguing in a Portuguese language textbook (LD). We focus on two moments in the textbook: the first concerns the statements that make up the introductory texts - which we name “didactic texts” - that open the LD to comment, expose, present which textual genre will be addressed in each Unit; the second concerns the statements of a specific section, named “Before Reading”. What there is in common between these two sections is the dialogue that the LD maintains with its main interlocutor, the student. Thus, in these sections, a direct dialogue with the student is perceived, designed through specific ways of arguing, whose objective is to capture the student's attention or interest. These modes are the argumentative operators, the modalizers, the assumptions and the implied ones. By argumentative operators, we understand the elements responsible for the chain of statements, structuring them in texts and determining their discursive orientation. Modalizers are linguistic elements that act as indicators of the speaker's intentions, feelings and attitudes towards speech. The implication allows meanings depending on the interlocutor's reasoning around the statement. The assumption, in turn, does not depend only on the interlocutor's reasoning, as it is in the language, present in the sentences of the utterances. These are concepts derived from theoretical assumptions of Textual Linguistics and Theory of Language Argumentation, theoretical perspectives adopted in our research. We analyzed these ways of arguing in the didactic texts of the Didactic Book “Universos: Língua Portuguesa” of the 9th grade of elementary school, used in public schools in the state of Rio Grande do Norte in the years 2017 to 2019. As a result, our investigation enabled a verification of the argumentative chains and indicators of intention present in the statements through the analysis of linguistic marks. We verified that the textbook presents an architecture that seeks to capture the student, having him as the main interlocutor, but, on the other hand, he considers himself to be an ideal student, whose previous knowledge, for example, is, in most cases, supposed.

18
  • IGOR DESSOLES BRAGA
  • À SOMBRA DO OUTRO OUVINTE: valorações da língua portuguesa na constituição identitária de surdos

  • Orientador : MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ADRIANE CENCI
  • JOAO MARIA PAIVA PALHANO
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • Data: 28/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • O curso de Letras – Libras/Língua Portuguesa da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) foi criado em 2009 e representa um grande avanço no contexto acadêmico-científico local. Diferentemente de outras graduações em Letras – Libras encontradas pelo país, a da UFRN apresenta no Projeto Pedagógico do Curso (PPC), para além do núcleo-base, um enfoque em componentes curriculares voltados ao português como segunda língua. Considerando esse curso como o nosso lócus investigativo, neste trabalho objetivamos 1) discutir a valoração atribuída à língua portuguesa na construção das identidades de surdos e 2) caracterizar os contextos socioculturais em que a língua portuguesa é valorada, no que se refere à construção das identidades de surdos. Situados na linguística aplicada, de vertente inter/transdisciplinar, tomamos como aporte teórico os Estudos Surdos (PERLIN, 2003; LADD, 2005), os Estudos Culturais (HALL, 2006; BAUMAN, 2005), e os pressupostos do Círculo de Bakhtin (BAKHTIN, 2011; VOLÓCHINOV, 2017). Nosso corpus é composto de uma roda de conversa em Libras, com a presença de cinco surdos, que foi gravada e, posteriormente, traduzida para o português. Amparados numa abordagem qualitativa, de paradigma interpretativista, procedemos à leitura preliminar do corpus, momento em que as seguintes categorias de análise emergiram: relações familiares, emoções e sentimentos, experiências educacionais e lugares e espaços. Os nossos resultados sugerem que os posicionamentos axiológicos dos sujeitos de pesquisa apontam para a língua portuguesa como traço indissociável da constituição identitária; necessária à ascensão no mercado profissional; indiferente (não desperta emoção); sacrifício, atividade desgastante; obrigação; causa de embaraço; importante, durante o contato social. Lembramos que as posições dos nossos sujeitos frente à língua portuguesa não estão dissociadas de um contexto semântico-axiológico: elas se revestem de um sentido maior se tomadas como substância viva na circunstância discursiva. Os pontos de vista deles estão imersos em redes valorativas, originadas dos diferentes interesses sociais e das tensões entre relações de poder assimétricas.

     


  • Mostrar Abstract
  • The undergraduate course of Libras and Portuguese Language is offered by Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) since 2009 and represents relevant improvement in the academic-scientific local context. Differently from other Libras undergraduate courses, it’s pedagogical project (PPC) focus on the studies of Portuguese as a Second Language. Considering this course as our investigative locus, we aim to 1) discuss the valuation given to the Portuguese language regarding the construction of the Deaf identity and 2) characterize the sociocultural contexts in which the Portuguese language is valuated, regarding this same construction. We include this research in the studies of Applied Linguistics, in its inter/transdisciplinary branch, and use, as theoretical support, the Deaf Studies (PERLIN, 2003; LADD, 2005), the Cultural Studies (HALL, 2006; BAUMAN, 2005) and the premises of Bakhtin Circle (BAKHTIN, 2011; VOLÓCHINOV, 2017). Our corpus is constituted by a conversation circle in Libras with five subjects, which was recorded and then translated into Portuguese.  Supported by an interpretive and qualitative approach, we firstly read our corpus, which resulted in the emergence of the following categories of analysis: family relationships, emotions and feelings, educational experiences and places and spaces. Our results suggest that the axiological positionings of the subjects point to the Portuguese as an inseparable trait of the identity construction, which is necessary to the ascension in the job market; indifferent (it does not bring emotion); sacrifice, dispendious activity; obligation; cause of embarrassment; important, during social contact. We highlight that the positionings of our subjects regarding the Portuguese language are not dissociated from a semantic-axiological context: they assume a greater meaning if seen as a living substance in the discursive circumstance. Their points of view are immersed in valorative networks which have their origins in the distinctive social interests and in the strains of symmetric relations of power.

19
  • ALANA PATRICIA MATIAS RODRIGUES
  •  

     


    PONTO DE VISTA E RESPONSABILIDADE ENUNCIATIVA EM TERMO DE DEPOIMENTO REFERENTE À VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER: UMA ANÁLISE TEXTUAL DISCURSIVA

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANDERSON SOUZA DA SILVA LANZILLO
  • CELIA MARIA DE MEDEIROS
  • EMILIANA SOUZA SOARES
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • Data: 29/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Os estudos linguísticos na interface Linguagem e Direito estão cada vez mais ganhando força, os gêneros discursivos textuais da esfera jurídica são terrenos férteis para análise textual discursiva, desvelando estratégias e elementos linguísticos relevantes. Nessa perspectiva, esta dissertação tem como objetivos identificar, descrever, analisar e interpretar o fenômeno do ponto de vista e da responsabilidade enunciativa (RE) em Termos de Depoimento de violência contra a mulher, gênero discursivo textual do domínio jurídico. Para isso, selecionamos seis Termos de Depoimento de crimes cometidos em Natal que datam de 2014 a 2017. No viés metodológico, seguimos uma abordagem qualitativa de natureza interpretativista, com o método indutivo de análise. Como aporte teórico, este estudo centra-se na Análise Textual dos Discursos (ATD), que tem sua origem no âmbito da Linguística Textual (LT) e da Linguística Enunciativa (LE).  Em consonância com Adam (2011), consideramos o texto em sua relação indissociável com o co(n)texto, com o discurso e com os diversos gêneros discursivos textuais. O trabalho fundamenta-se nos estudos sobre o Ponto de vista (PDV), conforme Rabatel (1997, 2004, 2005, 2008, 2008a, 2009, 2015, 2016), tendo em vista a relevância para os estudos da responsabilidade enunciativa; e nos postulados de Guentchéva (1994, 1996, 2011, 2014) sobre as manifestações da categoria do Mediativo (MED). Nesse contexto, seguimos, ainda, estudos de autores da Linguística Textual, entre eles, Rodrigues, Passeggi e Silva Neto (2014), assim como Lourenço (2013), Gomes (2014), Cabral (2014, 2016), Medeiros e Rodrigues (2018) e Rodrigues (2017, 2018).  A partir das análises, averiguamos, no que concerne à estrutura composicional, que o plano de texto é ocasional, pois nem todos os Termos de Depoimentos possuíam as partes fixas recorrentes. Foi possível identificar e interpretar a presença dos pontos de vista narrado e representado, por meio da identificação e interpretação do ponto de vista do locutor-testemunha e dos enunciadores-segundos. Para tanto, consideramos os recursos linguístico-textuais, como marcas de responsabilidade enunciativa, em consonância com Adam (2011), ou seja, ancoramo-nos em marcas linguísticas de dêiticos espaciais e temporais, diferentes tipos de representação da fala, indicações de quadros mediadores e indicações de um suporte de percepções e de pensamentos relatados, os quais apontavam ora para uma assunção da Responsabilidade Enunciativa e ora para uma quase Responsabilidade Enunciativa. À medida que as testemunhas presenciavam a cena da agressão, observamos que elas se responsabilizavam e assumiam a responsabilidade enunciativa, quando não viam o fato, imputavam à vítima a responsabilidade pelo conteúdo proposicional do dito. Portanto, os resultados desta pesquisa fornecem uma compreensão mais ampla dos elementos textuais, discursivos e enunciativos em Termos de Depoimento, contribuindo para as análises linguísticas, uma vez que sua compreensão efetiva auxilia na produção e compreensão desse gênero.


  • Mostrar Abstract
  • Linguistic studies at the interface of Language and Law are increasingly gaining more ground as the textual discursive genres in the sphere of law prove to be fertile terrain for textual discursive analysis, revealing strategies and relevant linguistic elements. From this perspective, this thesis aims to identify, describe, analyze and interpret the phenomenon of Point of View (POV) and Enunciative Responsibility (ER) in witness statements of violence against women, a textual discursive genre in the legal domain. To this end, we select six witness statements of crimes committed in Natal that date from 2014 to 2017. The methodological angle we follow is an approach that is qualitative and interpretivist in nature, using an inductive method of analysis. The theory that supports, this study relies on Textual Discourse Analysis (TDA), which has its origins in the realm of Textual Linguistics (TL) and Enunciative Linguistics (EL). In accordance with Adam (2011), we consider the text in its indissociable relationship with the co(n)text, the discourse, and with  the diverse discursive textual genres. The work is based on studies regarding Point of View (POV) by Rabatel (1997, 2004, 2005, 2008, 2008a, 2009, 2015, 2016), in light of their relevance in studies of enunciative responsibility; and on the premises of Guentchéva (1994, 1996, 2011, 2014) about the manifestation of the Mediative (MED) category. In this context, we also follow the studies of authors in Textual Linguistics, among them, Rodrigues, Passegi and Silva Neto (2014), as well as Lourenço (2013), Gomes (2014), Cabral (2014, 2016), Medeiros and Rodrigues (2018), and Rodrigues (2017, 2018). From the analyses, we verify, with regard to the compositional structure, that the text plan is occasional, given that not all of the witness statements have recurring fixed parts. It was possible to identify and interpret the point of view of the witness-speaker and the second enunciators. For this, we considered the linguistic-textual resources, such as marks of enunciative responsibility, in accordance with Adam (2011), or rather, we moored our analysis on spatial and temporal deitic linguistic marks, different types of representations of speech, indications of mediating frames, and indications of a support of related perceptions and thoughts, which point to, at times, the assumption of enunciative responsibility, and at others, to an almost enunciative responsibility. Insofar as the witnesses were present at the time of the aggression, we observed that they took responsibility, and assumed enunciative responsibility, and when they did not see the fact, they imposed on the victim the responsibility for the propositional content said. Therefore, the results of this research provided a broader understanding of the textual, discursive and enunciative elements in witness statements, contributing to lingustic analysis in general, since effectively understanding them helps in the production and comprehension of this genre.

20
  • SHEILA CRISTIANE DE JESUS
  • TRANSCULTURAÇÃO E REALISMOS IMAGINÁRIOS NA COMPOSIÇÃO LITERÁRIA DA OBRA CEM ANOS DE SOLIDÃO

  • Orientador : SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • JOAO BATISTA DE MORAIS NETO
  • LEILA MARIA DE ARAUJO TABOSA
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • Data: 29/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação tem como objeto de análise o romance Cem Anos de Solidão a partir dos precedentes narrativos oriundos dos Realismos imaginários que inspiraram a sua escrita, perpassando pelo contato de culturas distintas que possibilitaram o fenômeno da transculturação presente na sua unidade narrativa em seus três níveis: o linguístico, o composicional e o da cosmovisão do autor. Destacamos o nível transculturador da composição literária do enredo e personagens para estabelecer a análise de corpus do próprio romance e sua pertinência com os elementos regionais e modernos que originam o fenômeno transculturador. O objetivo é analisar a obra sob a perspectiva transcultural proposto por Rama e seus elementos dos realismos imaginários somados à cultura universalista adquirida do elemento externo. Estabelecemos os critérios de análise no nível da composição literária, já que dela deriva os outros dois níveis, ou seja, o linguístico e da cosmovisão do autor. A análise se pauta pelo método teórico-metodológico de pesquisa qualitativa e análise crítica, se propõe a destacar as regulares aparições de elementos dos realismos imaginários, elemento interno e a simbiose com elementos das culturas ocidentais externas e a recorrência mítica no romance escolhido, para constatar a utilização desses elementos na estrutura textual e o fenômeno transculturante. Para isso, tomamos por base os postulados teóricos de Becerra (2008), Peña Gutiérrez (1987) sobre os realismos imaginários, Lezama Lima (1979), sobre a imagem da América latina e suas culturas múltiplas, Ángel Rama (1987; 2001) e sua visão sobre o fenômeno transcultural e Greimas (2013) sobre os elementos de interpretação da narrativa mítica. Os resultados indicam que todo o romance foi configurado de maneira que a transculturação estivesse articulada com os elementos dos realismos imaginários, inscrevendo a composição original como fruto da somatória de elementos míticos das diferentes etnias e elementos culturais prefiguradas nas personagens e suas ações na fábula construída.


  • Mostrar Abstract
  • This dissertation has as its object of analysis the novel Cem Anos de Solão (Hundred Years of Solitude) based on the preceding narratives from the imaginary Realisms that inspired his writing, going through the contact of different cultures that enabled the phenomenon of transculturation present in his narrative unit in its three levels: the linguistic, the compositional and the worldview of the author. We highlight the cross-cultural level of the literary composition of the plot and characters to establish the corpus analysis of the novel itself and its relevance to the regional and modern elements that originate the cross-cultural phenomenon. The objective is to analyze the work from the cross-cultural perspective proposed by Rama and his elements of imaginary realisms added to the universalist culture acquired from the external element. We established the criteria for analysis at the level of literary composition, since it derives from the other two levels, that is, the linguistic and worldview of the author. The analysis is guided by the theoretical-methodological method of qualitative research and critical analysis, proposing to highlight the regular appearances of elements of the imaginary realisms, internal element and the symbiosis with elements of external Western cultures and the mythical recurrence in the chosen novel, to verify the use of these elements in the textual structure and the cross-cultural phenomenon. For this, we take as a basis the theoretical postulates of Becerra (2008), Peña Gutiérrez (1987) on imaginary realisms, Lezama Lima (1979), on the image of Latin America and its multiple cultures, Ángel Rama (1987; 2001) and his view on the cross-cultural phenomenon and Greimas (2013) on the elements of interpretation of the mythical narrative. The results indicate that the whole novel was configured in such a way that transculturation was articulated with the elements of imaginary realisms, inscribing the original composition as the result of the sum of mythical elements from different ethnicities and cultural elements prefigured in the characters and their actions in the constructed fable.


21
  • DÂNGELA MACÊDO DE LIMA
  •  

     

     

    “GRAÇAS A DEUS TE ENCONTREI PARA PROVAR MINHA INOCÊNCIA”: RESPONSABILIDADE ENUNCIATIVA NOS ACÓRDÃOS DO PROCESSO-CRIME DOS IRMÃOS NAVES"

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CELIA MARIA DE MEDEIROS
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MARIA ELIETE DE QUEIROZ
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • Data: 29/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Nesta dissertação de mestrado, investigamos o fenômeno da Responsabilidade Enunciativa no gênero discursivo/textual jurídico acórdão do processo-crime dos irmãos Naves, considerado como um dos maiores erros do judiciário brasileiro. Para isso, apoiamo-nos principalmente nos constructos teóricos de Jean-Michel Adam (2011), quanto à Responsabilidade Enunciativa, que se ancora na teoria do Ponto de Vista e na Responsabilidade Enunciativa, proposta por Rabatel (2005, 2009, 2016, 2017), na Mediatividade de Guentchéva (1996, 2011, 2014), e em diálogo com os estudos de Passeggi et al. (2010), Rodrigues, Silva Neto e Passeggi (2010) e Rodrigues (2016, 2016a, 2017). Nesse sentido, propusemos como objetivo geral investigar como se materializa o fenômeno da Responsabilidade Enunciativa no gênero jurídico acórdão do processo-crime dos irmãos Naves (1937), e, como objetivos específicos identificar, descrever e interpretar a estrutura configuracional do plano de texto dos 5 (cinco) acórdãos proferidos no processo-crime dos irmãos Naves, assim como as vozes e os pontos de vistas que os desembargadores do Tribunal de Justiça de Minas Gerais mobilizaram para dar e/ou negar provimento aos recursos interpostos e, por fim, as marcas linguísticas que assinalam a (não) assunção da responsabilidade enunciativa nos acórdãos. Do ponto de vista metodológico, a pesquisa é de natureza qualitativa, do tipo documental, na qual elegemos como corpus cinco acórdãos criminais proferidos pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais, nos anos de 1938, 1939, 1940 e 1953. O processo judicial foi coletado na página eletrônica do Museu do Judiciário Mineiro – MEJUD. A análise dos dados da pesquisa demonstra que, nos acórdãos, a estrutura composicional apresenta variação, uma vez que dois dos cinco acórdãos revelam um plano de texto ocasional e os demais se mostram fixos, estes, por sua vez, apresentam um plano que compõe a tríade: relatório, fundamentação e dispositivo, conforme orienta ordenamento jurídico. No que concerne à responsabilidade enunciativa, observamos que os desembargadores (L1/E1) na maioria dos exemplos analisados, assumem uma responsabilidade limitada, denominada de “quase-RE” (Rabatel, 2009, 2016), evidenciada pelo uso de diferentes marcas linguísticas, destacando-se as modalidades e os diferentes tipos de representação da fala (Adam, 2011). Outrossim, constatamos que os desembargadores evocam múltiplas vozes para os acórdãos, demonstrando posicionamentos de acordo, desacordo e “neutralidade” sobre o conteúdo proposicional veiculado pelos enunciadores segundos (e2), quais sejam: as confissões, os testemunhos, a denúncia, o parecer, os artigos de lei, entre outras, em prol da visada argumentativa.


  • Mostrar Abstract
  • In this Master’s thesis, we investigate the phenomenon of Enunciative Responsibility in the discursive/textual genre court ruling in the Naves brothers’ criminal trial, considered one of the greatest errors of the Brazilian justice system. For this investigation, we rely mainly on the theoretical constructs of Jean-Michel Adam (2011), with regard to Enunciative Responsibility, which is based on the theory of Point of View, and Enunciative Responsibility, proposed by Rabatel (2005, 2009, 2016, 2017), also on Guentchéva’s concept of Mediativity (1996, 2011, 2014), and these in dialogue with the studies of Passegi et al. (2010), Rodrigues, Silva Neto and Passeggi (2010), and, finally Rodrigues (2016, 2016ª, 2017). Given this framework, our general objective is to investigate how the phenomenon of Enunciative Responsibility in the genre, court ruling of the Naves brothers’ criminal trial (1937), is materialized. Our specific objectives are to identify, describe and interpret the configurational structure of the text plan of the 5 (five) rulings proffered in the Naves brothers’ criminal trial, as well as the voices, and the points of view that the Justice Tribunal judges of Minas Gerais mobilize to uphold and/or negate the rectification of the decision rendered and, finally, the linguistic marks that assign the (non) assumption of enunciative responsibility in the rulings. The methodology of the research is characterized as qualitative and documentary of our selected corpus of five criminal rulings presented by the Justice Tribunal of Minas Gerais, in the years: 1938, 1939, 1940 and 1953. The court proceedings were collected on the web page of the Justice Museum of Minas – MEJUD (acronym in Portuguese). The analysis of the research data demonstrates that, in the rulings, the compositional structure presents variation, given that two of the five rulings are found to possess occasional text plans, while the others are shown to be fixed, and these comprising a triad plan: report, foundation and device, according to the court order. With regard to the enunciative responsibility, we observe that the judges (S1/E1) in the majority of the examples analyzed, assumes a limited responsibility, denominated “almost-ER” (RABATEL, 2009, 2016), evidenced by the use of different linguistic marks, highlighting the modalities, and the different types of representation of speech (ADAM, 2011). On the other hand, we found that the judges evoked multiple voices for the rulings, demonstrating stances in agreement, disagreement and “neutrality” about the propositional content driven by the secondary enunciators (e2), which are: the confessions, the testimonies, the complaint, the court report, the articles of law, among others that also favor the targeted argumentative thrust.

22
  • ALINE DOS SANTOS SILVA CHAVES
  •  

     

    DAR CONTA NÃO SIGNIFICA ENTREGAR FATURA: A CONSTRUÇÃO [SN + V + SNNU] SOB PERSPECTIVA DA LINGUÍSTICA FUNCIONAL CENTRADA NO USO

     

  • Orientador : MARIA ANGELICA FURTADO DA CUNHA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA ANGELICA FURTADO DA CUNHA
  • NEDJA LIMA DE LUCENA
  • SHEYLA PATRICIA TRINDADE DA SILVA COSTA
  • Data: 30/07/2020

  • Mostrar Resumo
  •  

    Esta dissertação tem como objeto de estudo a construção de estrutura argumental Sintagma Nominal+Verbo+Sintagma NominalNU [SN+V+SNNU]. O objetivo é investigar os construtos da construção que constituem chunks em textos da esfera digital do Português Brasileiro, a exemplo de pedir demissão, marcar encontro e abrir mão. Para tanto, caracterizamos os subesquemas da construção em termos dos verbos que são recrutados e das propriedades de esquematicidade, produtividade e composicionalidade, conforme Traugott e Trousdale (2013). Buscamos demonstrar como esses padrões construcionais se distribuem num continuum, segundo o grau de enfraquecimento do sentido lexical do verbo. A análise está pautada no modelo teórico-metodológico da Linguística Funcional Centrada no Uso (FURTADO DA CUNHA; BISPO; SILVA, 2013), a qual conjuga aspectos funcionais e cognitivos, examinando os usos linguísticos em situações comunicativas reais. Atrelada a esta abordagem está a Gramática de Construções, que concebe o conhecimento linguístico do falante como um grande inventário de construções organizadas em uma rede (GOLDBERG, 2006). Logo, a cognição tem papel fundamental na emergência e no uso da língua, sendo descrita e interpretada por meio de processos cognitivos de domínio geral, como chunking (BYBEE, 2016[2010]). Metodologicamente, trata-se de uma pesquisa qualitativa, que se propõe a evidenciar regularidades semântico-sintáticas nas instâncias de SN+V+SNNU, com suporte quantitativo, a fim de observar suas frequências de uso. Os dados analisados são provenientes de textos públicos coletados da internet, com predominância dos padrões discursivos notícia, comentários de notícia, publicações em redes sociais, como Facebook e Twitter, e textos que não são de natureza digital, mas têm circulação virtual, representando os padrões discursivos notícia, entrevista, artigo de opinião e sentença judicial. Os resultados indicam que os chunks instanciadores da construção apresentam unidade semântica e versatilidade sintática, refletindo motivações de natureza cognitiva e causando efeitos discursivos particulares.

     


  • Mostrar Abstract
  •  

    The object of study of this work is the argument structure construction Nominal Phrase+ Verb+ Bare Nominal Phrase (NP+ V+ NPBARE). The aim is to examine the constructs of this construction that constitute chunks in digital texts in Brazilian Portuguese. Therefore, we identify the subschemas of this construction in terms of the verbs that constitute them and the properties of schematicity, productivity, and compositionality. We seek to demonstrate how these constructional patterns are distributed along a continuum, according to the degree of weakening of the verb lexical meaning. The analysis is grounded on the theoretical-methodological model of Functional Usage-Based Linguistics (FURTADO DA CUNHA; BISPO; SILVA, 2013), with contributions of Construction Grammar (GOLDBERG, 1995; TRAUGOTT; TROUSDALE, 2013; BYBEE, (2016 [2010]). The method of the research is qualitative, in order to show syntactic-semantic regularities in the instances of NP+V+NPBARE, with quantitative support, aiming to observe the frequency of use. The analyzed data are from web texts, which are placed into the field of digital communication and virtual interactions. The results indicate that the chunks instantiating this construction show both syntactic versatility and semantic unity, which manifest cognitive motivations and lead to discursive effects that seem to express more clearly the communicative intent of the speakers.

     

     

     

23
  • ADENILTON DA SILVA ROCHA
  • IMAGENS DA ESCOLA, DA DISCIPLINA LÍNGUA PORTUGUESA, DO PROFESSOR E DO ALUNO CONSTRUÍDAS EM PLANOS DE CURSO DOS ANOS FINAIS, ORIUNDOS DE ESCOLAS MUNICIPAIS SITUADAS NO EXTREMO SUL DA BAHIA

  • Orientador : SULEMI FABIANO CAMPOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ADRIANA SANTOS BATISTA
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • THOMAS MASSAO FAIRCHILD
  • Data: 30/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Nesta pesquisa, definiu-se como objetivo analisar as imagens que são construídas da escola, da disciplina Língua Portuguesa, do professor e do aluno no discurso sobre o ensino de Língua Portuguesa, materializadas em planos de curso (documento escolar) da disciplina Língua Portuguesa, ofertada no Ensino Fundamental (anos finais). Para tanto, buscou-se (a) verificar os elementos linguístico-textuais, os sujeitos a quem são dirigidos os objetivos educacionais, as práticas de linguagem que são recorrentes na estrutura composicional dos planos de curso; (b) examinar se os aspectos locais – onde as escolas estão situadas – são referenciados na tessitura do texto; (c) observar as posições discursivas atribuídas aos objetos de ensino, à escola, ao professor e ao aluno; e (d) averiguar os discursos que atravessam os planos de curso. O corpus foi composto por três planos de curso, selecionados em três escolas da rede municipal de ensino, situadas no Território de Identidade Extremo Sul da Bahia. A pesquisa fundamenta-se na Análise do Discurso de vertente francesa. Valeu-se, ainda, dos estudos de Geraldi (2005), Pietri (2003), Soares (2002), Apple (1982), Fernandes (2007) e Libâneo (1992) referentes ao ensino de Língua Portuguesa e ao currículo escolar. Como metodologia, adotou-se o método “paradigma indiciário” – proposto por Ginzburg (1989). Os resultados das análises indicaram a proeminência das seguintes imagens nos planos de curso: 1) de que a escola é o lugar de excelência para a transformação social do aluno, de conservar a variedade padrão e do controle da prática docente e do desempenho do aluno; 2) de que a disciplina Língua Portuguesa é o lugar de aprender a ler e a escrever a partir do ensino gramatical, de ensinar e valorizar a variedade padrão e de avaliar o comportamento do aluno; 3) de que o professor é o “guardião” da variedade padrão, é o responsável pelo desempenho do aluno e o fiscal da conduta do aluno; 4) de que o aluno é indisciplinado, não tem domínio da leitura e da escrita, deve obedecer o comando do professor e dominar a variedade padrão para ascender socialmente.


  • Mostrar Abstract
  • The objective of this research was to analyze the images that are constructed of the school, Portuguese subject, the teacher, and the student in the discourse on the teaching of Portuguese, adopted in the Portuguese subject school curricula (school document), offered during the final years of elementary school. For this reason, the aim was (a) to verify the linguistic-textual elements, the individuals to whom the educational objectives are directed, the language practices that are recurrent in the compositional structure of the school curricula; (b) to examine whether the local aspects - the areas where the schools are situated- are referred in the text organization; (c) to observe the discursive positions attributed to the objects learning, the school, the teacher, and the student; and (d) to ascertain the different discourses that cross school curricula. The corpus was composed of three school curricula, selected in three schools in the public education system, located in the Territory of Identity extreme south of Bahia. The research is based on the Discourse Analysis of French tradition. We also made use of references, such as Geraldi (2005), Pietri (2003), Soares (2002), Apple (1982), Fernandes (2007), and Libâneo (1992), concerning the teaching of Portuguese and the school curriculum. The indiciary paradigm, created by Ginzburg (1989), was used as methodology. The analysis results indicated the prominence of the following images in the curricula: 1) that the school is the place of excellence for the student’s social transformation, to maintain the standard language and control of teaching practice and student performance; 2) Portuguese subject is the best place to learn how to read and write from grammar teaching, to teach and value the standard language, and assess the learner’s behavior; 3) the teacher is the “guardian” of the standard language, is the responsible for the student’s academic performance, and the supervisor of the student's conduct; 4) that the student is unruly, has no mastery of reading and writing, must obey the teacher's instruction, and master the standard language to ascend socially.

24
  • GRACIELA SALDANHA MARQUES
  • O trajeto mortal: uma análise cognitivo-ecológica sobre a concepção de doença na cultura Yanomami da comunidade de Halikato-ú. 

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ADA LIMA FERREIRA DE SOUSA
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • RICARDO YAMASHITA SANTOS
  • Data: 30/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Halikato-ú é uma comunidade Yanomami, localizada ao norte do estado de Roraima, de aproximadamente duzentos índios que vivem, em sua maioria, da caça, da coleta, e da plantação de mandioca. Durante o meu tempo de permanência na comunidade, percebi que possuíam uma concepção diferente sobre as doenças que os acometiam, concepção essa evidenciada em constantes desencontros e embates com agentes de saúde e integrantes de organizações não-governamentais. Enquanto os agentes de saúde tentavam prestar socorro médico, a comunidade se negava, ou aceitava somente depois dos ritos xamânicos. Diante disso, o objetivo deste trabalho é caracterizar a concepção geral de DOENÇA da comunidade Yanomami de Halikato-ú, por meio da análise de depoimentos adquiridos durante dois meses em que morei lá. Para tanto, uso o modelo de análise de dados baseado em frames (DUQUE,2015), o que possibilita observar o acionamento desses aparatos cognitivos a partir de suas várias dimensões e, com isso, identificar a forma como os conceitos se organizam na construção dos sentidos que regem a concepção de DOENÇA da comunidade. O arcabouço teórico desse trabalho está alicerçado nos pressupostos defendidos pela abordagem Ecológica de Cognição e Linguagem (DUQUE, 2015; 2016; 2017; 2018; 2019). Em relação aos aspectos metodológicos, esta pesquisa é de natureza qualitativa, uma vez que se propõe a analisar e descrever elementos que compõem uma determinada concepção (GERHARDT;SILVEIRA,2009) e, também, de cunho interpretativista (SÁ, 2001) com desdobramentos etnográficos (WEBER, 2009; MEINERZ, 2007), tendo em vista que considera a minha subjetividade, enquanto pesquisadora, como um recurso a mais na investigação cultural. As informações adquiridas na análise apresentam evidencias que parecem sugerir que a comunidade de Halikato-ú, concebe a DOENÇA pela perspectiva da morte, como se adoecer fosse um estado de morte, sendo o xamã o único capaz de vivificar o doente.


  • Mostrar Abstract
  • Halikato-ú is a Yanomami Community located in the north of the state of Roraima, of approximately two hundred indians who live, mostly, from hunting, collecting fruits and plantin manioc. During my time in the Community, i realized thar they had a diferente conception of the deseases, a concept evidenced in constant disagreements and conflicts with nurses and members of nongovernmental organizations. While nurses tried to provide medical help, the community refused, or accepted, only after shamanic rituals. Therefore, the objectives of this paper is to characterize the conception of DIASESE in the the Yanomami Community of Halikato-ú, by the analysis of testimonies acquires during the two months i lived there. For that, i use the analysis model based on frames (DUQUE, 2015), Which makes it possible to observe the activation of these cognitive devices from their various dimensions and, then, identify the way concepts are organized in the construction of meanings that govern the community´s conception of DISEASE. The theoretical foundation of this paper is based on the assumptions made by the Ecological Aprroach to Cognition and Language (DUQUE, 2015; 2016; 2017; 2018; 2019). Regarding the methodological aspects, this research is of a qualitative nature, since it proposes to analyse and describe elements thar make up a certain conception (GERHARDT; SILVEIRA, 2009), and, also, of an interpretative nature (SÁ, 2001) with ethnographic developments (WEBER, 2009; MEINERZ, 2007), considering that i consider my subjectivity, as a researcher, as an additional resource in cultural research. The information acquired in the analysis shows evidence that seems to suggest that the Community of Halikato-ú, conceives the DISEASE from the perspective of death, as a way to be death, and the only one able to relive the patient is the shaman.

25
  • ISABELLE CAROLINNE MELO DE SOUSA
  • MULHERES INSCRITAS INSUBMISSAS: Estudo sobre a representação das mulheres em Insubmissas lágrimas de mulheres, de Conceição Evaristo

  • Orientador : MAURO DUNDER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JULIANE VARGAS WELTER
  • MARIA DA CONCEIÇÃO CRISOSTOMO DE MEDEIROS GONÇALVES MATOS FLORES
  • MAURO DUNDER
  • Data: 31/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação tem como propósito analisar as protagonistas dos contos “Isaltina Campo
    Belo”, “Natalina Soledad” e “Aramides Florença” com o foco na construção das personagens
    e sua importância como representação de mulheres em nossa sociedade. Os contos fazem
    parte da obra Insubmissas lágrimas de mulheres, publicada em 2011, da escritora mineira
    Conceição Evaristo, uma das maiores escritoras em atividade no Brasil e baluarte da escrita
    das vozes femininas e afro-brasileiras. Além disso, a pesquisa discute as relações entre o
    desequilíbrio do número de autoras mulheres publicadas no mercado literário, como aponta
    pesquisa de Dalcastagnè (2005), A personagem do romance brasileiro contemporâneo: 1990-
    2004, e a escassez de representações femininas que fujam aos estereótipos cristalizados em
    nossa literatura. Na tentativa de compreender a forma como as protagonistas são
    representadas e observar o diferencial da escrita de Conceição Evaristo, o trabalho tem como
    base as reflexões sobre a mulher na sociedade a partir de Simone de Beauvoir (2016), Angela
    Davis (2016, 2017, 2018), Lauretis (1994), Monshipouri (2004) e Muzart (1999, 2003).
    Questões que envolvem representação Bakhtin (1988), identidade, sexualidade e gênero e
    suas opressões e violências são analisadas em diálogo com Butler (2017), Bourdieu (2012),
    Nichanian (2012), Saffioti (1992) Tyson (2006) e Wittig (2006). Em sequência, a fim de
    complementar as reflexões sobre a questão afro-brasileira Du Bois (1999), Evaristo (2009) e
    Ribeiro (2018). No decorrer da pesquisa, mostrou-se latente a necessidade do reconhecimento
    da importância da escrita de Conceição Evaristo e sua relevância para uma representação
    emancipatória de mulheres e negras na vida e na arte, transportando identidades antes
    invisibilizadas tanto pela literatura quanto pela sociedade.


  • Mostrar Abstract
  • This master thesis aims to analyze the protagonists of the tales “Isaltina Campo Belo”,
    “Natalina Soledad” and “Aramides Florence” with the focus on the construction of the main
    characters and their importance as a representation of women in our society. The tales are in
    the book Insubmissas lágrimas de mulheres, published in 2011, wrote by Conceição Evaristo,
    one of the biggests writers in activity in Brazil and exponent of the writing of women and
    Afro-Brazilian voices. Besides that that research discuss the relations between the inequality
    of the number of women authors published by literary Market, as pointed out by
    Dalcastagnè's research, A personagem do romance brasileiro contemporâneo: 1990-2004
    (2005), and the scarcity of female representations that escape the crystallized stereotypes in
    our literature. In an attempt to understand the way the protagonists are represented and
    observe the differential of Conceição Evaristo's writing. The research is based on the
    reflections on women in society from Simone de Beauvoir (2016), Angela Davis (2016, 2017,
    2018), Lauretis (1994), Monshipouri (2004) and Muzart (1999, 2003), issues that involves
    representation Bakhtin (1988), identity, sexuality and gender and their oppression and
    violence are analyzed in dialogue with Butler (2017), Bourdieu (2012), Nichanian (2012),
    Saffioti (1992) Tyson (2006) and Wittig (2006); in order to complement the reflections on the
    Afro-Brazilian question Du Bois (1999), Evaristo (2009) and Ribeiro (2018). In the course of
    the research, showed up latent the necessity to acknowledgment the importance of Conceição
    Evaristo's writing and its relevance to an emancipatory representation of women and black
    women in life and in art, carrying identities previously invisible as by literature as by society.

26
  • RICARDO ALEXANDRE PEIXOTO BARBOSA
  • O papel discursivo dos enunciados proverbiais e détournements/desvios na materialidade das formações discursivas

  • Orientador : MARCELO DA SILVA AMORIM
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CLEMILTON LOPES PINHEIRO
  • MARCELO DA SILVA AMORIM
  • ROSA MARINA DE BRITO MEYER
  • Data: 31/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • No âmbito da Análise do Discurso, as pesquisas voltadas para a distinção das Formações Discursivas e a relação interdiscursiva não privilegiam o estudo e a análise do gênero proverbial e tampouco se assentam sobre o estudo da heterogeneidade enunciativa e polifonia dos enunciados proverbiais e dos détournements/desvios, os quais são reflexo do lugar que o sujeito ocupa em uma dada estrutura social. As coerções e antagonismos perceptíveis nas vozes que assomam nos provérbios populares e nos détournements/desvios situam o sujeito discursiva e ideologicamente. Nesse sentido, nesta pesquisa analisamos os provérbios e os détournements/desvios em seu contexto de uso, com a finalidade de aferir a sua participação e relevância nas Formações Discursivas. Nossa questão de pesquisa refere-se ao contributo dos provérbios populares e détournements/desvios na materialidade das FDs, apoiando-nos na hipótese de que os enunciados proverbiais, proferidos por um enunciador genérico-ON, guardam relação estreita com a ideologia dominante, permitindo, por seu caráter polifônico e heterogêneo, a distinção das FDs que perpassam um dado campo discursivo. Outrossim, os détournements/desvios representam uma espécie de militância/oposição ideológica, sobretudo nos casos de subversão. A contribuição dos provérbios e détournements/desvios para a materialidade discursiva é, portanto, ideológica. Nosso objetivo geral é distinguir qual o contributo dos provérbios populares e détournements/desvios na materialidade das FDs. Especificamente, procuramos analisar a imitação dos enunciados proverbiais – captação e subversão; analisar a heterogeneidade e polifonia dos provérbios e détournements/desvios; e distinguir as formações discursivas em que os enunciados proverbiais e détournements/desvios se inscrevem. Para tanto, nosso aporte teórico é constituído por Maingueneau (1997; 2001; 2008; 2010; 2014; 2015; 2016), Foucault (2008), Althusser (1985), Pêcheux (1969; 1997), Authier-Revuz (1990), Ducrot (1987), Mussalim (2016), dentre outros. A pesquisa é de natureza qualitativa, com suporte quantitativo, na qual são analisados enunciados proverbiais e détournements/desvios extraídos das páginas do Facebook do “Brasil 247” e de “O Antagonista”. Metodologicamente, nossa pesquisa obedeceu a momentos/processos distintos: 1. tabulação de comentários com enunciados proverbiais coletados nas fontes de coleta supramencionadas; 2. relação integral dos provérbios, détournements/desvios e frases destacáveis coletados, distinguindo seu significado, possíveis variações e indexações; 3. categorização dos détournements/desvios – captação e subversão; 4. tabulação dos enunciados proverbiais e/ou détournements/desvios aspeados, visando à aferição/distinção das implicações do uso das aspas, um exemplo de heterogeneidade mostrada marcada; e 5. aplicação dos princípios de Ducrot (1987), observando particularmente os casos de negação e de pressuposição, de maneira a distinguirmos, em um mesmo enunciado, a emergência de mais do que uma voz. Como resultado preliminar, avançamos que os enunciados proverbiais e détournements/desvios contribuem para a materialidade das FDs na medida em que são o que Réboul (1975, p. 123, grifo do autor) chama de “éclat de ideologia”. Eminentemente ideológicos e argumentativos, transparecem nitidamente as fronteiras entre o interior e exterior próprio dos discursos, possibilitando o vislumbre das regularidades das formações discursivas.


  • Mostrar Abstract
  • In the field of Discourse Analysis, researches that address the distinction of Discursive Formations (DF) and interdiscursive relations do not prioritize the study and analysis of the genre proverb, nor do they address the study of enunciative heterogeneity and polyphony of the proverbial utterances, and of the détournements/detours, which are a reflection of the place the subject occupies in a given social structure. The perceptible coercions and antagonisms in the voices that emerge in the popular proverbs, and in the détournements/detours situate the discursive subject, moreover ideologically. Along these lines, in this research we analyze proverbs and the détournements/detours in their context of use, to verify their participation and relevance in DFs. Our research question refers to the contribution of popular proverbs and détournements/detours in the materiality of the DFs, relying on the hypothesis that the proverbial utterances provided by a generic speaker,  keep a direct relationship with the dominant ideology, enabling, through its polyphonic and heterogenous character, the distinction of the FDs, which infuse a given field of discourse. Also, the détournements/detours represent a type of ideological militancy/opposition, aboveall in the cases of subversion. The contribution of the proverbs and détournements/detours to the discursive materiality is, therefore, ideological. Our general objective is to distinguish what is the contribution of the popular proverbs and détournements/detours in the materiality of the FDs. Specifically, we seek to analyze the imitation of the proverbial utterances – caption and subversion; analyze the heterogeneity and polyphony of the proverbs and détournements/detours; and distinguish the discursive formations in which the proverbial utterances and détournements/detours are inscribed. To this end, we rely on the theories of Maingueneau (1997; 2001; 2008; 2010; 2014; 2015; 2016), Foucault (2008), Althusser (1985), Pêcheux (1969; 1997), Authier-Revuz (1990), Ducrot (1987), Mussalim (2016), and others. The research is characterized as qualitative, with quantitative support, in which proverbial utterances are analyzed and détournements/detours are extracted from Facebook Pages of “Brasil 247” and “The Antangonist”. Methodologically, our research followed these distinct phases/processes:1. Tabulation of commentaries with proverbial utterances, détournements/detours and highlighted phrases collected in aforementioned sources; 2. integral relation of the proverbs, détournements/detours and highlighted phrases collected, distinguishing their meaning, possible variations and indexations; 3 categorization of the détournements/detours-captação and subversão; 4. Tabulation of the proverbial utterances and/or détournements/detours in quotes, aiming to verify/distinguish the implications of the use of quotation marks, an example of shown marked heterogeineity; and 5. Application of the principles of Ducrot (1987), particularly observing the cases of negation and  pressupositon,  to distinguish, in a single utterance, the emergence of more than one voice. Preliminary results show that the proverbial utterances and détournements/detours contribute to the materiality of the FDs in so far as they are what Réboul (1975, p. 123, author’s emphasis) calls “ideological style”. Eminently ideological and argumentative, they neatly cross the borders between the very interior and exterior of the discourses, showing a glimpse of the regularities of the discursive formations.

27
  • SÉRGIO LINARD NEIVA PIMENTA
  • Vozes sem sonoridade: tramas do silêncio em Anacrusa, de Ricardo Daunt

  • Orientador : DERIVALDO DOS SANTOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • FRANCISCO FABIO VIEIRA MARCOLINO
  • PEDRO FERNANDES DE OLIVEIRA NETO
  • Data: 31/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • O silêncio é reconhecido como um signo que guarda em si múltiplos significados, podendo ser construído no texto literário mediante a ausência da palavra, o cerceamento da voz de personagens, a ocultação de pensamentos e atitudes por parte do narrador, a utilização de expressões que remetam a esse campo semântico e, ainda, no texto contemporâneo, por meio de modificações tipográficas. Essas materializações possibilitam a análise desse signo que, de acordo com Barthes (2003), é reproduzido para não ser signo, mas rapidamente recuperado como tal. Diante dessas perspectivas, objetivamos, com este trabalho, apresentar como o signo do silêncio é constituído no romance Anacrusa (2004), de Ricardo Daunt. No que se refere à problemática do silêncio, a análise tem como principais bases teóricas as proposições de Barthes (2003), Holanda (1992), Orlandi (2002); quanto à especificidade da narrativa, tem-se como aporte teórico o pensamento de Adorno (2012), sobre o narrador contemporâneo, e Candido (2014a), sobre a personagem do romance. O estudo do texto em foco possibilitou-nos a percepção de que, em diversas fases do texto, as falas de personagens são oprimidas pelo poder enunciativo do narrador que conduz os acontecimentos em prol de uma construção hermética do romance, a fim de que se lancem dúvidas sobre os atos ilícitos por ele cometidos, uma vez que a superfície do texto se apresenta de maneira fragmentada e caótica. Tal fragmentação ganha ênfase mediante a utilização do signo do silêncio, que acaba por construir “vozes sem sonoridade”, vozes que são silenciadas por meio de movimentos opressores praticados por aquele que conduz a narrativa

    Silêncio; Romance contemporâneo; Anacrusa; Daunt.


  • Mostrar Abstract
  • Silence is acknowledged as a sign embracing multiple meanings, being at times built on the literary work as the absence of speech, the curtailment of the characters' voices, the concealment of thoughts and attitudes by its narrator, the use of expressions alluding to this semantic field and, still, on the contemporary prose, through typographical alterations. These embodiments enable the analysis of this sign, that, according to Barthes (2003), is conveyed to not be a sign, but promptly recognized as such. In face of these perspectives, our work aims at presenting how the sign of silence is depicted on the novel Anacrusa (2004) by Ricardo Daunt. In relation to the problem of silence, the analysis has as its theoretical basis the propositions of Barthes (2003), Holanda (1992), Orlandi (2002) e Homem (2011); with regard to the specificity of the narrative, the theory is supported by the thoughts of Adorno (2012) on the contemporary narrator, as well as Candido (2014) on the novel's character. The study of the text at issue led to the perception that, throughout the text, the characters’ lines are oppressed by the enunciative power from its narrator, who orchestrates the events on behalf of a hermetical construction of his prose, thus casting a shadow on his illegal actions, once the textual surface presents in a piecemeal, chaotic way. Such fragmentation is highlighted via the use of the sign of silence, which ends up producing “soundless voices”, muted by the oppressive moves practiced by the narrative’s ultimate conductor.

28
  • FRANCISCO GESIVAL GURGEL DE SALES
  • A ESCRITURA QUE SE FAZ COM O OUTRO: Diálogo e Transferências Culturais entre Machado de Assis e Madame de Staël

  • Orientador : WIEBKE ROBEN DE ALENCAR XAVIER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARTA PRAGANA DANTAS
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • WIEBKE ROBEN DE ALENCAR XAVIER
  • Data: 31/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa, inserida na perspectiva metodológica das transferências culturais, a partir de Michel Espagne (2017), visa verificar a recepção machadiana das ideias de Madame de Staël (1766-1817) em trânsito no século XIX. A partir das noções de cruzamento, assimilação e ressemantização e nos debruçando sobre os recentes resultados do projeto sobre a circulação transatlântica de impressos (ABREU, 2016), (GRANJA; LUCA, 2018) e (PONCIONI; LEVIN, 2018), e as pesquisas do Dossiê “Trânsitos, trocas e transferências culturais” (XAVIER; AUGUSTI & MOLLIER, 2019), analisamos as menções (SENNA, 2008) a Madame de Staël em escritos de Machado de Assis na tentativa de delinearmos o cruzamento de ideias entre os dois autores. Para tanto, recorremos a fontes como periódicos, catálogos de livreiros, catalogação da biblioteca de Machado de Assis (MASSA, 1961), anúncios de venda de livros e leilões de obras e escritos gerais de intelectuais cariocas do oitocentos, de onde confirmamos a presença de obras e ideias de Mme. de Staël em circulação no Brasil. A pesquisa mostrou a afinidade literária entre a escritora franco-suíça e o autor brasileiro, dada a presença comprovada de alusões a baronesa de Staël em diversos segmentos da escritura machadiana: na ficção, nos textos críticos e em cartas.


  • Mostrar Abstract
  • This research, inserted in the methodological perspective of cultural transfers, from Michel Espagne (2017), aims to verify the Machadian reception of the ideas of Madame de Staël (1766-1817) in transit in the 19th century. Based on the notions of crossing, assimilation and re-assertion and focusing on the recent results of the project on the transatlantic circulation of printed matter (ABREU, 2016-2020), (GRANJA; LUCA, 2018) and (PONCIONI; LEVIN, 2018), and the research of the Dossier "Transits, exchanges and cultural transfers" (XAVIER; AUGUSTI & MOLLIER, 2019), we analyzed the mentions (SENNA, 2008) to Madame de Staël in the writings of Machado de Assis in an attempt to outline the crossing of ideas between the two authors. To this end, we have used sources such as periodicals, catalogues of booksellers, catalogues of the Machado de Assis library (MASSA, 1961), book sales announcements and auctions of works and general writings of Rio de Janeiro intellectuals of the eighteen hundred, from which we have confirmed the presence of works and ideas of Mme. de Staël in circulation in Brazil. The research showed the literary affinity between the Franco-Swiss writer and the Brazilian author, given the proven presence of allusions to Staël's baroness in various segments of machadian writing: in fiction, critical texts and letters.

29
  • JANDARA ASSIS DE OLIVEIRA ANDRADE
  • EMBATES DE UMA MULHER PROFANA: UMA ANÁLISE DIALÓGICA DA CONSTRUÇÃO DE BELLA SWAN NA FIC BLOODY LIPS

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JENNIFER SARAH COOPER
  • LUCIANE DE PAULA
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • Data: 31/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa realiza uma investigação acerca da constituição da personagem Isabella Swan na fanfiction (ficção de fã) Bloody Lips. Com base nos estudos do Círculo de Bakhtin (2011, 2015a, 2015b, 2016), este estudo considera a fanfic como um texto que está em dialogia com uma matriz. Essa relação é indissociável, pois o sentido daquele só pode ser estabelecido por essa ligação. Além disso, os sujeitos que realizam essa prática escriturística subvertem os textos matrizes, a fim de inserirem suas marcas de subjetividade neles. Assim, personagens, universos narrativos e enredos são apropriados e moldados a partir dos posicionamentos valorativos e ideológicos dos fãs. Nesta pesquisa, o foco é a constituição da personagem feminina, por refratar as vozes sociais que enunciam discursos acerca do feminino bem como a relação dialógica (BAKHTIN, 2011) com a personagem no texto matriz (Saga Crepúsculo, escrita por Stephanie Meyer). Para compreender a forma como a identidade da personagem é formada, foram utilizados os pressupostos teórico-metodológicos do Círculo de Bakhtin, principalmente, no que concerne à prima filosofia, à linguagem, ao enunciado concreto, ao dialogismo, à bivocalidade e à constituição do sujeitos (a noção de acabamento e incompletude). Além disso, as discussões de Henry Jenkins (2009; 2015), sobre fandom e as práticas dos fãs, e Anne Jamison (2017) acerca da constituição histórica da fanfic foram somadas à discussão. Para completar o arcabouço teórico da pesquisa, os estudos feministas, com ênfase, nos textos de Heleieth Saffioti (1987) e Naomi Wolf (1992) foram introduzidos. A opção pelo uso de estudos de diferentes áreas é justificado por esta pesquisa estar inserida na Linguística Aplicada, área do conhecimento em que as pesquisas são realizadas nas fronteiras com outras áreas das Ciências Humanas. Ao fim, esta pesquisa compreende que a identidade de Isabella Swan, em Bloody Lips, é construída dialogicamente, por meio do embate entre as vozes sociais que são materializadas no processo de escrita, sobretudo com o discurso religioso, o qual constrói imagens femininas dentro da dicotomia sagrado x profano.


  • Mostrar Abstract
  • This research carries out an investigation about the constitution of the character Isabella Swan in the fanfiction (fan fiction) Bloody Lips. Based on the studies of the Circle of Bakhtin (2011, 2015a, 2015b, 2016), this study considers fanfic as a text that is in dialogue with a matrix. This relationship is inseparable, since the meaning of the relationship can only be established by this connection. In addition, the subjects who perform this scriptural practice subvert the matrix texts in order to insert their marks of subjectivity in them. Thus, characters, narrative universes and plots are appropriated and shaped from the fans' valuesand ideological positions. In this research, the focus is on the constitution of the female character, for refracting the social voices that enunciate speeches about the feminine as well as the dialogical relationship (BAKHTIN, 2011) with the character in the matrix text (Saga Twilight, written by Stephanie Meyer). To understand how the character's identity is formed, the theoretical and methodological assumptions of the Bakhtin Circle were used, especially with regard to the prime philosophy, language, concrete utterance, dialogism, bivocality and the constitution of the subjects (the notion of finish and incompleteness). In addition, the discussions of Henry Jenkins (2009; 2015), about fandom and fan practices, and Anne Jamison (2017) about the historical constitution of the fanfic were added to the discussion. To complete the theoretical framework of the research, feminist studies, with emphasis, in the texts of Heleieth Saffioti (1987) and Naomi Wolf (1992) were introduced. The option of using studies from different areas is justified by the fact that this research is part of Applied Linguistics, an area of knowledge in which research is carried out at the borders with other areas of Human Sciences. In the end, this research understands that the identity of Isabella Swan, in Bloody Lips, is built dialogically, through the clash between the social voices that are materialized in the writing process, especially with the religious discourse, which constructs female images within the sacred x profane dichotomy.

30
  • RENATA NOGUEIRA MACHADO
  • A construção de sentidos por Indicadores Não Manuais em Língua Brasileira de Sinais (Libras): um estudo baseado em frames

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • RICARDO YAMASHITA SANTOS
  • Data: 31/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • A expressividade das pessoas que se comunicam por meio das línguas de sinais geralmente é algo que chama bastante atenção. Nesse sentido,  foi o interesse  em investigar qual a influência dos movimentos feitos pelo corpo (expressão do rosto, direcionamento do olhar, movimento dos ombros, cabeça, tronco e similares) e que não estão relacionados às mãos, que conduziu este estudo, que tem como objetivo verificar como e em que medida esses indicadores não manuais contribuem na construção de sentido do discurso em Libras. Portanto, ancorados na teoria de frames (FILLMORE, 1982; Duque 2015) escolhemos um sinal da Libras (como não possui uma equivalência exata no português, foi demonstrado por imagens na introdução) e examinamos o seu uso em três vídeos, disponíveis no Youtube, com diálogos de pessoas sinalizantes, surdas e ouvintes, envolvendo diferentes jogos de linguagem (WITTGENSTEIN, 1932; DUQUE, 2016). Respaldados na abordagem ecológico-cognitiva da linguagem (DUQUE, 2017), verificamos que são os indicadores não manuais que vão conduzir interlocução fazendo com que os envolvidos partilhem dos mesmos jogos de linguagem,  servindo como gatilho para o acionamento dos frames. A principal evidência é o fato de que são esses indicadores que trarão as informações indispensáveis para a compreensão do enunciado, mas que não foram explícitas por meio dos componentes manuais.


  • Mostrar Abstract
  • The expressiveness of people who communicate through sign languages is usually something that draws a lot of attention. In this regard, it was the interest in investigating the influence of movements made by the human body (face expression, gaze direction, movement of the shoulders, head, torso and the like) that are not related to the hands which conducted this study, which has as objective verifying how and to what extent these non-manual indicators contribute to the meaning construction in Libras. Therefore, anchored in the framework theory  (FILLMORE, 1982; DUQUE 2015) we chose a sign of Libras (as it does not have an exact equivalence in Portuguese, it was demonstrated by images in the introduction) and we examined its use in three videos, available on Youtube, with dialogues of signaling, deaf and hearing people, involving different language games (WITTGENSTEIN, 1932; DUQUE, 2016). Supported by the ecological-cognitive approach of language (DUQUE, 2017), we found that it is the non-manual indicators that will lead to dialogue, making those involved share the same language games, serving as a trigger for activating the frames. The main evidence is the fact that it is these indicators that will bring the information that is essential for understanding an utterance, but that was not explicit through the manual components.

31
  • GLÊNIO MORAIS RÉGIS
  • LETRAMENTO DIGITAL E FORMAÇÃO DOCENTE COM FOCO NOS RECURSOS INTERACIONAIS DO SIGEDUC

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARLUCIA BARROS LOPES CABRAL
  • Data: 31/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • No contexto educacional brasileiro, nos últimos anos, os ambientes virtuais têm contribuído para tornar a prática do Letramento Digital (LD) uma realidade nas instituições de ensino. No entanto, nem todos os professores aderiram ao uso dessa tecnologia, seja por resistência, seja falta de cursos de formação capazes de orientar para a relevância e benefícios que a utilização das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) podem gerar ao trabalho docente e à interação com alunos. Pensando nisso, procuramos, com base em diagnóstico, realizado junto aos professores da educação básica da rede estadual de ensino vinculados à 9ª Diretoria Regional de Educação (DIREC), planejar e aplicar Projeto Didático de Gênero (PDG) com vistas a atenuar as dificuldades e resistências quanto ao uso das ferramentas interacionais do Sistema Integrado de Gestão da Educação (SIGEDUC). A partir dessa realidade, a presente pesquisa tem por objetivo investigar as possíveis contribuições da aplicação de uma atividade interventiva, por meio do PDG, para a melhoria do Letramento Digital do professor no tocante ao aproveitamento cotidiano das ferramentas interativas oferecidas pelo SIGEDUC. Metodologicamente, esta investigação se insere nas orientações da Linguística Aplicada (MOITA LOPES, 1996, 2009; PENNYCOOK, 2009) e se caracteriza como uma pesquisa-ação (THIOLLENT, 2002) com abordagem de dados qualitativa (BODGAN, BIKLEN, 1994). Em termos aportes teóricos, buscamos fundamentar as discussões e práticas nos aportes dos Estudos de Letramento (KLEIMAN, 1995; OLIVEIRA, 2008), especificamente, no que diz respeito ao Letramento Digital (SOARES, 2002; COSCARELLI; RIBEIRO, 2007; XAVIER, 2011; RIBEIRO, 2008) e à formação docente (COSCARELLI; RIBEIRO, 2007; BNCC, 2017; RIBEIRO, 2016; KENSKI, 1998). Sendo assim, a análise dos dados nos permitiu evidenciar que: (i) antes do curso, as práticas de LD dos professores não incluíam o uso dos recursos interacionais do SIGEDUC; (ii) ao longo do desenvolvimento da proposta, eles desenvolveram novas práticas de LD em suas  atividades laborais, mediante a utilização do referido sistema, mais precisamente no que se reporta aos seus artefatos interativos.  


  • Mostrar Abstract
  • In the brazilian educational context, in recent years, virtual environments have contributed to making the practice of Digital Literacy (LD) a reality in educational institutions. However, not all teachers have adhered to the use of this technology, either due to resistance or the lack of training courses capable of guiding the relevance and benefits that the use of Information and Communication Technologies (ICT) can generate for teaching work and interaction with students. With that in mind, we sought, based on a diagnosis, carried out with teachers of basic education in the state education network linked to the 9th Regional Directorate of Education (DIREC), to plan and apply the Didactic Gender Project (PDG) in order to mitigate the difficulties and resistance to the use of the interactive tools of the Integrated Education Management System (SIGEDUC). Based on this reality, the present research aims to investigate the possible contributions of the application of an interventional activity, through the PDG, for the improvement of the teacher's Digital Literacy regarding the daily use of the interactive tools offered by SIGEDUC. Methodologically, this investigation is part of the guidelines of Applied Linguistics (MOITA LOPES, 1996, 2009; PENNYCOOK, 2009) and is characterized as an action research (THIOLLENT, 2002) with a qualitative data approach (BODGAN, BIKLEN, 1994). In theoretical terms, we seek to base the discussions and practices on the contributions of Literacy Studies (KLEIMAN, 1995; OLIVEIRA, 2008), specifically, with regard to Digital Literacy (SOARES, 2002; COSCARELLI; RIBEIRO, 2011; XAVIER, 2011 ; RIBEIRO, 2008) and teacher training (COSCARELLI; RIBEIRO, 2007; BNCC, 2017; RIBEIRO, 2016; KENSKI, 1998). Therefore, the data analysis allowed us to show that: (i) before the course, the teachers' LD practices did not include the use of SIGEDUC's interactive resources; (ii) throughout the development of the proposal, they developed new LD practices in their work activities, using this system, more precisely with regard to their interactive artifacts.

32
  • DANIELE CAROLINE GONÇALVES LIMA
  • DE PESSOA COM DEFICIÊNCIA AUDITIVA A SURDO: EMBATES DIALÓGICOS E OBJETIFICAÇÃO COLONIAL NO PROCESSO DE TRANSIÇÃO IDENTITÁRIA

     
     
  • Orientador : MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • ANA CLAUDIA LODI
  • Data: 14/12/2020

  • Mostrar Resumo
  •  

     

    A educação especial em uma perspectiva inclusiva e os estudos surdos travaram, nos últimos anos, batalhas no campo acadêmico a respeito da pessoa surda. No que se liga à questão social, mais precisamente, muitas foram as abordagens e também inúmeros os enfoques adotados, culminando, inclusive, em terminologias distintas. Alguns dos exemplos já largamente discutidos na literatura científica são o termo "pessoa com deficiência auditiva", em contraposição a "pessoa surda". Quaisquer que sejam as polêmicas em torno da adoção de um ou de outro termo, é fato que as pessoas com deficiência auditiva, estejam elas expostas à língua de sinais ou não, foram deixadas de lado pelos estudos no campo social, motivo pelo qual se encontram tão poucas pesquisas a elas relacionadas. Isto posto, está pesquisa tem como objetivo identificar os embates dialógicos e as formas de objetificação colonial no processo de transição identitária de pessoas com deficiência auditiva. Para tanto, orientamos nossas leituras com base nos estudos sobre: objetificação colonial com Bhabha (1994;1998), Fanon (1961) e Boaventura Santos e Meneses (2009); identidade com Hall (2006) e Bauman (2005), a concepção de linguagem do Círculo de Bakhtin (1997; 2002), Faraco (2009), Volóchinov (2017), Brait (2005; 2017), Sobral (2019) - divulgadores das discussões do Círculo do Bakhtin - e, finalmente,  no que tange à cultura surda com Perlin (2003; 2016), Strobel (2008; 2009), Quadros (2019) e Ladd (2013). Os sujeitos da pesquisa foram seis (6) estudantes surdos do Curso de Letras: Libras/Língua Portuguesa da UFRN. Os dados foram construídos por meio de uma entrevista semiestruturada, em Libras, realizada na configuração de roda de conversa. A partir da análise dos dados emergiram as seguintes categorias: transição identitária, objetificação colonial e embates dialógicos. Ao final, observamos que, os deficientes auditivos usufruem da possibilidade de realização da transição identitária quando entram em contato com a língua de sinais e, por conseguinte, com os surdos. Nesse processo, acentuam-se as forças da linguagem visto que, o alcance do padrão ouvinte pode ser substituído pela(s) identidade(s) surda(s). Entretanto, tais forças continuam em ebulição posto que, na comunidade surda também existem forças de contenção/monologização e resistência/subversão. Diante disso, evocamos a importância de que os jeitos surdos de ser estejam afastados de dicotomias orientadas a normalidade/anormalidade e que possamos desaprender para aprender para que os surdos oralizados possam (re)existir.

     

     

     
     

  • Mostrar Abstract
  • In an inclusive perspective, the special education and deaf studies have fought battles in the academic field regarding the deaf people along the last years. In what concerns to the social issue, there were many distinct approaches and focuses adopted, which even culminated in different terminologies. One of the most discussed example in scientific literature is the terms “person with hearing disability” in opposition to “deaf person”. Above any controversies around the option for one of those terms, there is the fact that people with hearing disabilities, whether exposed or not to signal languages, were left aside by social studies. As a result, there are very few researches about them. With that said, this research aims to identify the dialogical clashes and the forms of colonial objectification in the process of transition of identity of people with hearing disabilities. To do so, our theoretical perspective is based on the studies about colonial objectification (BHABHA, 1994; 1998; FANON, 1681; BOAVENTURA SANTOS E MENEZES, 2009), identity (HALL, 2006; BAUMAN, 2005), the conception of language of Bakhtin Circle (BAKHTIN, 1997; 2002; FARACO, 2009; VOLÓCHINOV, 2017; BRAIT, 2005; 2017; SOBRAL, 2019) and, finally, Deaf Culture, (PERLIN, 2003; 2016; STROBEL, 2008; 2009; QUADROS, 2019; LADD, 2013). Our subjects were six (6) deaf students of the undergraduate course Letras – Libras and Portuguese Language at UFRN. The data were collected through a half-structured interview, in Libras, using the round of conversation format. From this analysis, the following categories emerged: transition of identity, colonial objectification and dialogical clashes. We observed that the people with hearing disabilities enjoy the possibility of transition of identity when they get in touch with signal language and with other deaf people. In this process, the forces of language are accentuated, once they enable the Identity of the deaf to substitute the reach of the hearing standard. However, those forces remain in the process of boiling, since forces of containment/monologization and resistance/subversion also exist in deaf communities. That said, we evoke the importance that deaf ways of being are kept away from dichotomies oriented towards normality / abnormality, and that we can unlearn to learn, so that speaking deaf people can (re)exist.

     

     

     

     

     
     
Teses
1
  • LEONARDO MEDEIROS DA SILVA
  •  

    Entre socialistas de iPhone e capitalistas sem capital: análise da 
    construção de sentido em memes baseada em frames
  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • ADA LIMA FERREIRA DE SOUSA
  • DIEGO DA SILVA VARGAS
  • MARCUS VINÍCIUS BROTTO DE ALMEIDA
  • RODRIGO SLAMA RIBAS
  • Data: 16/03/2020

  • Mostrar Resumo
  • A presente tese de doutoramento se pauta em uma das categorias discursivas mais proeminentes das redes sociais, o meme. Sabendo que meme representa um grande número de fenômenos típicos da internet, o tipo de meme objeto desta análise é o constituído por elementos verbais e não verbais, mais precisamente memes que tratam a respeito – o que os usuários entendem por – “política”, na rede social Facebook. O ponto de partida para este trabalho é que essa categoria discursiva, massivamente presente na vida dos brasileiros, apresenta elaborados recursos para construção de sentido, os quais foram investigados a partir da análise de frames acionados por compreendedores dos memes. Para tanto, além de memes, os comentários sobre os memes também foram levados em consideração exatamente para que se possa verificar quais recursos foram empregados para a construção de sentido. Para que fosse possível desenvolver essa análise, o aporte teórico do presente trabalho situa-se no campo da Linguística Cognitiva, mais precisamente na concepção Ecológica de linguagem e cognição, de acordo com a qual a interação do organismo com o ecossistema é o ponto inicial do desenvolvimento cognitivo (DUQUE, 2015b; 2016; 2017; 2018). Nessa visão, é na interação social que a construção linguística do sentido entra em cena. Do ponto de vista metodológico, duas páginas do Facebook foram selecionadas, uma de cunho conservador e outra de cunho progressista, sob o critério de maior relevância para os usuários (maior quantidade de curtidas). Feita essa seleção, os recursos para construção de sentido, os tipos de frames evocados, são comparados entre as duas perspectivas políticas citadas. Memes conservadores e progressistas utilizam-se de recursos semelhantes para construção de sentido, como algumas dimensões específicas do frame, bem como confrontação entre teoria apregoada e prática de indivíduos conservadores e capitalistas. Com este trabalho, espera-se contribuir para os estudos que consideram a cognição como resultado da interação mente-corpo-ecossistema, bem como para a análise baseada em frames de processos de construção de sentido em memes.

    Palavras-chave: Linguística Cognitivo Ecológica. Construção de Sentido. FramesFrame moral. Redes sociais. Facebook.


  • Mostrar Abstract
  • The present doctoral thesis is based on one of the most prominent discursive categories of social networks, the meme. Knowing that meme represents a large number of typical internet phenomena, the type of meme object of this analysis is that consisting of verbal and non-verbal elements, more precisely memes that deal with –  what users mean by – “politics”, in Facebook social network. The starting point for this work is that this discursive category, massively present in the life of Brazilians, presents complex resources for the construction of meaning, which will be investigated from the analysis of frames triggered by meme comprehenders. For this purpose, in addition to memes, comments on memes will also be taken into account exactly so that it is possible to verify which resources were used for the construction of meaning. In order to be able to develop this analysis, the theoretical contribution of the present work is located in the field of Cognitive Linguistics, more precisely in the Ecological conception of language and cognition, according to which the interaction of the organism with the ecosystem is the starting point of cognitive development (DUQUE, 2015b; 2016; 2017; 2018). In this view, it is in social interaction that the linguistic construction of meaning comes into play. From the methodological point of view, two Facebook pages were selected, one of a conservative nature and the other of a progressist nature, under the criterion of greater relevance for users (greater amount of likes). Having made this selection, the resources for constructing meaning, the types of frames evoked, are compared between the two political perspectives mentioned. Conservative and progressive memes use similar resources to construct meaning, such as some specific dimensions of the frame, as well as confrontation between touted theory and practice by conservative and capitalist individuals. With this work, it is expected to contribute to studies that consider cognition as a result of the mind-body-ecosystem interaction, as well as to the analysis based on frames of processes of construction of meaning in memes.

2
  • FRANCISCO GEONILSON CUNHA FONSECA
  • ARGUMENTAÇÃO E ASPECTOS RETÓRICOS DAS REPRESENTAÇÕES DISCURSIVAS NA DENÚNCIA CONTRA RENAN CALHEIROS, ANÍBAL GOMES E PAULO TWIASCHOR:  O CASO SERVENG



  • Orientador : JOAO GOMES DA SILVA NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANANIAS AGOSTINHO DA SILVA
  • CELIA MARIA DE MEDEIROS
  • CELIA MARIA MEDEIROS BARBOSA DA SILVA
  • JOAO GOMES DA SILVA NETO
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • MARIA ELIETE DE QUEIROZ
  • Data: 15/06/2020

  • Mostrar Resumo
  • Investigamos nesta tese de doutoramento a composição e os efeitos de sentido dos recursos argumentativos e retóricos observáveis nas representações discursivas da denúncia contra Renan Calheiros, Aníbal Gomes e Paulo Twiaschor – denominada a denúncia do caso SERVENG. Para nortear a investigação, buscamos responder como as representações discursivas – imagens do enunciador, do coenunciador e dos temas tratados – contribuem para a eficácia persuasiva da argumentação, de que forma as provas pelo logos, pelo páthos e pelo éthos são construídas a favor de uma argumentação eficaz e como as escolhas linguísticas e discursivas são usadas pelo enunciador para a construção das representações discursivas e das provas lógicas, éticas e patéticas. Em consonância com essas questões, objetivamos esclarecer a função argumentativa das representações discursivas construídas no texto e no discurso; explicitar os efeitos das representações discursivas na eficácia da argumentação; explicar como logos, phátos e éthos são construídos e usados a favor de determinada orientação argumentativa, bem como  esclarecer como as escolhas linguísticas e discursivas são usadas pelo enunciador em função de interesses argumentativos e retóricos para construção das representações discursivas e das provas lógicas, éticas e patéticas. Nossa filiação teórica segue os constructos da Análise Textual dos Discursos – ATD -, de Adam (2011), com contribuições de Rodrigues, Passeggi e Silva Neto (2010). No que tange ao estudo da argumentação, apoiamo-nos em Aristóteles (1969 [384–322 a.C.]), Perelman e Olbrechts-Tyteca (1996),  Plantin (2008), Koch (2009, 2011), Pinto (2010) e Fiorin (2014, 2015). Especificamente nos estudos sobre logos, páthos e éthos, apoiamo-nos nos trabalhos de Maingueneau (2008, 2014), Amossy (2014, 2018) e Adam (2014). De modo metodológico, adotamos o método dedutivo e indutivo, pois, partimos de conhecimentos gerais (teorias e categorias teóricas) para casos particulares e, a partir da análise, por indução, elencamos conhecimentos particulares com possibilidades de se chegar a certas generalizações. Quanto à natureza das fontes utilizadas, classificamos a pesquisa como do tipo bibliográfica e documental, tendo, segundo seus objetivos, a denominação de uma investigação de caráter descritivo e explicativo, com modo qualitativo de abordagem do material estudado. O corpus da pesquisa é a denúncia do caso SERVENG, entregue em 2016 ao Ministro Teori Zavascki, que denuncia a prática de crime contra a administração pública. Os resultados revelaram que o plano de texto adotado – segundo as partes do discurso retórico – exerce papel fundamental para esclarecer os fatos e dar à situação relatada e denunciada a verossimilhança necessária quanto à formulação do problema, a narração dos fatos, bem como a demonstração e elaboração das provas. Revelaram também que os polos do logos, do páthos e do éthos são mais complementares do que concorrentes e que, nos diversos movimentos argumentativos, esses polos cruzaram-se na construção e na manutenção de certos esquemas argumentativos e interpretativos, com a construção de campos semânticos negativos no que se refere às ações e às representações discursivas dos três denunciados.


  • Mostrar Abstract
  • We investigate in this Ph.D. thesis the composition and meaning effects of the observable argumentative and rhetorical resources in the discursive representations of the charge against Renan Calheiros, Aníbal Gomes and Paulo Twiaschor – named charges the SERVENG case. To guide the investigation, we seek to answer how do discursive representations - images of the enunciator, co-enunciator and the topics dealt with - contribute to the persuasive effectiveness of argumentation, in which ways do the proofs by the logos, pathos and ethos are constructed in favor of an effective argumentation and how linguistic and discursive choices are used by the enunciator to construct discursive representations and logical, ethical and pathetic proofs. Consistent with these questions, we aim to clarify the argumentative function of the discursive representations constructed in the text and discourse; to explain the discursive representations effects on the effectiveness of argumentation; explain how logos, pathos and ethos are constructed and used in favor of a certain argumentative orientation, as well as to clarify how the linguistic and discursive choices are used by the enunciator for argumentative and rhetorical interests in the construction of discursive representations and for the logical, ethical and pathetic proofs. Our theoretical affiliation follows the constructs of the Textual Analysis of Discourses (TAD), by Adam (2011), with contributions by Rodrigues, Passeggi and Silva Neto (2010). In what concerns the study of argumentation, we rely on Aristotle (1969 [384-322 a.C]), Perelman, Olbrechts-Tyteca (1996), Plantin (2008), Koch (2009; 2011), Pinto (2010) and Fiorin (2014, 2015). Specifically, in the studies on logos, pathos and ethos, we rely on the works of Maingueneau (2008, 2014), Amossy (2014, 2018) and Adam (2014). In a methodological way, we adopt the deductive and inductive approach, since we start from general knowledge (theoretical theories and categories) for particular cases and, from the analysis, by induction, we list particular knowledge with possibilities of reaching certain generalizations. Regarding the nature of the sources used, we classify the research in a bibliographical and documentary approach, having, according to its objectives, an investigation of descriptive and explanatory character, with a qualitative approach to the studied material. The corpus of the investigation is the charge of the SERVENG case, delivered in 2016 to Minister Teori Zavascki, who denounces the practice of crime against the public administration. The results showed that the text plan adopted - according to the parts of the rhetorical discourse - plays a fundamental role in clarifying the facts and giving the situation reported and denounced the necessary verisimilitude regarding the formulation of the problem, the narration of the facts, as well as the demonstration and preparation of evidence. It also reveals that the poles of logos, pathos and ethos are more complementary than competitors and, in the various argumentative movements, these poles crossed in the construction and maintenance of certain argumentative and interpretative schemas, with the construction of negative semantic fields in which refers to the actions and the discursive representations of the three denounced.

3
  • LARISSA CRISTINA VIANA LOPES
  •  

     

     

    O PASSADO NO CHÃO DO PRESENTE EM CAETÉS, SÃO BERNARDO E ANGÚSTIA

  • Orientador : KATIA AILY FRANCO DE CAMARGO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • KATIA AILY FRANCO DE CAMARGO
  • AFONSO HENRIQUE FAVERO
  • MANOEL FREIRE RODRIGUES
  • MARIA EDILEUZA DA COSTA
  • Data: 15/06/2020

  • Mostrar Resumo
  • RESUMO

     

     

    Esta pesquisa tem como objetivo analisar os personagens João Valério, Paulo Honório e Luís da Silva, dos respectivos romances Caetés (1933), São Bernardo (1934) e Angústia (1936), de Graciliano Ramos, diante do processo de rememoração que os narradores conduzem, tendo em vista que as narrativas estão em primeira pessoa. Trata-se, por conseguinte, de personagens que contam seus passados. Neste viés, a pesquisa, de caráter bibliográfico e indutivo, fundamenta-se nas formulações teóricas sobre memória e rastro segundo Platão (2001), Aristóteles (1962), Ricœur (2007), Todorov (2000), Bergson (1991), Halbwachs (1990), Bosi (1994), Benjamin (2006;2012a; 2012b) e alguns de seus estudiosos, entre outros. Tais leituras indicam que as lembranças são constituídas de imagens conforme aquele que as busca, o que aponta para seu caráter dinâmico, para os rastros impregnados na alma e, expressamente, para o traço constitutivo de seleção da memória. Embasados nessas discussões e de acordo com as análises empreendidas nesta pesquisa, dizemos que os personagens e seus processos de rememorações estudados passam por diferentes vertentes por causa de suas singularidades do passado, que se diferenciam, inclusive, nos períodos de tempo narrados, mas se entrecruzam ao passo que convergem para um ontem do qual os sentimentos irremediáveis de angústia e fracasso exasperam o hoje do guarda-livros, do fazendeiro e do funcionário público. Os respectivos personagens se dão conta da injustiça do mundo em virtude da condição social inferior na qual se encontram e que os levam a questões mais profundas sobre a existência a partir de seus olhares para o passado no qual estão, na devida ordem, Luísa, Madalena e Marina. As histórias de vida narradas por cada um deles perpassam relacionamentos amorosos complicados a partir dos quais é possível elucidar os caminhos trilhados para sentirem, no presente, o desarranjo interior de um vencido.

     

     

     

     

     

     


  • Mostrar Abstract
  •  

    ABSTRACT

     

     

    This research aims to analyze the characters João Valério, Paulo Honório and Luís da Silva, from the respective books Caetés (1933), São Bernardo (1934) and Angústia (1936), by Graciliano Ramos, before the remembrance process that the narrators, in the first person, conduct. These are, therefore, characters who tell their past. So, this bibliographic and inductive research is based on the theoretical formulations of memory and trace according to Plato (2001), Aristotle (1962), Ricœur (2007), Todorov (2000), Bergson (1991), Halbwachs (1990), Bosi (1994), Benjamin (2006; 2012a; 2012b), among others. Such readings indicate that memories are made up of images according to who seeks them, which points to their dynamic, to the tracks impregnated in the soul and, expressly, to the constitutive trait of selection of memory. Based on these discussions and according to the analyzes undertaken in this research, we say that the characters and their studied remembrance processes go through different strands because of their singularities of the past, which differ even in the narrated periods of time, but intertwine at the same step which converge on a past from which the irremediable feelings of anguish and failure exasperate the present of the bookkeeper, the farmer and the civil servant. The characters, Luísa, Madalena and Marina, are aware of the injustice of the world due to the inferior social condition in which they find themselves and which lead them to deeper questions about existence from their looks at the past. The life stories narrated by each of them go through complicated love relationships from which it is possible to elucidate the paths taken to feel, in the present, the inner disarray of a loser.

     

    KEYWORDS: Memory. Theory of the trace. The first-person narrator. Graciliano Ramos.

4
  • ALAN MARINHO CÉSAR
  • EVENTO DE MOVIMENTO TRANSITIVO: USO, COGNIÇÃO E REDE CONSTRUCIONAL

  • Orientador : MARIA ANGELICA FURTADO DA CUNHA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • IVO DA COSTA DO ROSÁRIO
  • JOSE ROMERITO SILVA
  • MARIA ANGELICA FURTADO DA CUNHA
  • MARIA MAURA DA CONCEIÇÃO CEZARIO
  • TIAGO DE AGUIAR RODRIGUES
  • Data: 24/06/2020

  • Mostrar Resumo
  • Nesta tese, examino a codificação semântica e sintática do evento de movimento transitivo com o objetivo final de propor uma rede hierárquica da construção que perfila esse evento, composta de um verbo de movimento complementizado por um sintagma nominal objeto direto (SNOD) e um sintagma preposicionado (SP). Conceituo o verbo de movimento transitivo (VMT) como aquele predicador de dois ou de três argumentos que implica o movimento total de, pelo menos, uma entidade de um lugar a outro, cuja noção de deslocamento de algo ou de alguém se configura como a ideia principal. A partir da observação dos contextos de uso de construtos com esse verbo, proponho uma rede construcional hierárquica que acomode os diferentes padrões que podem instanciar a construção de movimento transitivo (CMT), tendo em vista aspectos da configuração argumental dos VMT e dos esquemas cognitivos subjacentes a esses padrões. A base teórica desta tese conjuga pressupostos advindos da Linguística Funcional Centrada no Uso (LFCU), da Linguística Cognitiva (LC) e da Gramática de Construções (GC). As categorias de análise adotadas dizem respeito, principalmente, a transitividade, papéis semânticos, prototipicidade, semântica de frames, esquemas imagéticos e metáforas conceptuais. A investigação empreendida é de natureza dedutiva, com caráter metodológico que parte de uma abordagem mista (quali-quantitativa). Os dados que fundamentam a análise foram coletados de fontes diversas: o Corpus Discurso & Gramática (FURTADO DA CUNHA, 1998), o Banco de Sentenças da JFRN,o Banco de Dados do Programa de Estudos Sobre o Uso da Língua da UFRJ (Projeto PEUL) e textos disponíveis online em sites de revistas de ampla circulação. Os resultados revelaram a existência de um esquema construcional organizado sintaticamente como SNSUJEITO + VMOV + SNOD + (SP), o qual sanciona três subesquemas e sete microconstruções, que, por sua vez, revelam noções de movimento causado, movimento percorrido e movimento associado.

     

    Linguística Funcional Centrada no Uso. Linguística Cognitiva. Gramática de Construções. Evento de Movimento Transitivo. Rede Construcional.

     

     


  • Mostrar Abstract
  • TRANSITIVE MOVEMENT EVENT: USE, COGNITION AND CONSTRUCTION NETWORK

     

    In this thesis, I examine the semantic and syntactic coding of the transitive movement event with the final objective of proposing a hierarchical network of construction with movement verbs complemented by a direct object noun phrase (NPOD) and a prepositioned phrase (PP). I conceptualize the verb of transitive movement (VMT) as one complemented by two or three arguments that involves the total movement of at least one entity from one place to another, whose notion of displacement of something or someone is configured as the main idea. Based on the observation of the contexts of use of constructs with this verb, I propose a hierarchical construction network that accommodates the different patterns that can instantiate the construction of transitive movement (CMT), considering aspects of the VMT's argumentative configuration and the cognitive schemes underlying these patterns. The theoretical basis of this thesis combines assumptions arising from Linguística Funcional Centrada no Uso (LFCU), Cognitive Linguistics (LC) and the Construction Grammar (GC). The analysis categories adopted are mainly related to transitivity, semantic roles, prototypicity, frame semantics, image schemes and conceptual metaphors. The research carried out is of a deductive nature with a methodological character starting from a mixed approach (qualitative and quantitative). The data supporting the analysis were collected from different sources: O Corpus Discurso & Gramática (FURTADO DA CUNHA, 1998); the JFRN’s Sentencing Bank; the Database of the “Program for Studies on the Use of Language at UFRJ”, Project PEUL; and texts available online on websites of widely circulated magazines. The results revealed the existence of a construction scheme organized syntactically as NPSUBJECT + VMOVEMENT + NPDIRECT OBJECT + (PP) which sanctions three subschemas and seven micro-constructions, which, in turn, reveal notions of caused movement, traveled movement and associated movement.

     


      

5
  • MARÍLIA CAMPOS SABINO
  • A construção estativa com o verbo ser no português brasileiro

  • Orientador : JOSE ROMERITO SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSE ROMERITO SILVA
  • MARIA ANGELICA FURTADO DA CUNHA
  • NEDJA LIMA DE LUCENA
  • DIONEY MOREIRA GOMES
  • SHEYLA PATRICIA TRINDADE DA SILVA COSTA
  • Data: 20/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Nesta tese, objetiva-se examinar a construção estativa com o verbo ser no português atual considerando o continuumléxico – gramática.Até o momento, grande parte do material disponível e das pesquisas já empreendidas enfatiza, sobretudo, a análise do processo de gramaticalização desse verbo e o classifica, de um ponto de vista apenas morfossintático, como o representante mais geral dos verbos de ligação ou como um verbo auxiliar, semanticamente enfraquecido e com valor procedural. Entretanto, amostras da construção estativa com o verboserno português contemporâneo revelam um processo de variação em seus usos. Nesse sentido, busca-se analisar padrões construcionais (gramaticais e lexicais) instanciados por essa construção na atualidade, considerando sua multiplicidade semântica, aspectos cognitivos e interacionais. A análise proposta tem natureza quali-quantitativa e se fundamenta na Linguística Funcional Centrada no Uso, que conjuga a tradição funcionalista norte-americana com a Linguística Cognitiva, em especial, a corrente vinculada à Gramática de Construções, entre outros. Os dados advêm de textos reais extraídos do Corpus Discurso & Gramática, em sua modalidade escrita, do Banco Conversacional de Natal e de canções coletadas na internet. Resultados indicam que os padrões da construção em estudo evidenciam um deslizamento que vai, em um continuum, de verbo pleno a verbo de ligação e a verbo auxiliar, havendo ainda ocorrências em construções das parcialmente especificadas e flexíveis às mais idiossincráticas. Ratifica-se, nesse sentido, a relevância da interface entre os aspectos formais e funcionais na análise dos usos linguísticos.


  • Mostrar Abstract
  •  

    This thesis audits constructions using to be verb under the lexical-grammar continuum. So far, much of the available material and already undertaken and consulted research emphasizes, above all, the analysis of the grammaticalization process of this verb and classifies it, only from morphosyntactic viewpoint, as the most generally representative of the linking verbs or as an auxiliary verb, semantically faded and of procedural value. However, occurrences of this verb reveal a variation process in its uses. Accordingly, we seek to evaluate constructive patterns instantiated by this verb present-day, considering its semantic multiplicity as well as cognitive and interactional aspects involved. The proposed inquiry has qualitative and quantitative traits and is set under Usage-based Functional Linguistics, which gathers the North-American functionalist praxis, and Cognitive Linguistics, notably the approach linked to the Construction Grammar. The data comes from real life documents taken from Corpus Discurso & Gramática, in its written form, from the Banco Conversacional de Natal and songs collected on the internet. Partial results indicate that the constructive patterns of verb to be show a slip that goes, in a continuum, from full verb to linking and auxiliary verb, with occurrences in constructions from partially specified and flexible to the most idiosyncratic. Therefore, the relevance of the interface between formal and functional aspects in the analysis of linguistic uses is ratified.

6
  • RENATA CALLIPO FUJII
  • FUNÇÕES EXECUTIVAS EM CRIANÇAS COM DESENVOLVIMENTO TÍPICO EM NÍVEIS SOCIOECONÔMICOS VARIADOS E O IMPACTO DO TREINO SOBRE AS FUNÇÕES EXECUTIVAS E A HABILIDADES DE LEITURA

  • Orientador : JANAINA WEISSHEIMER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • INGRID FINGER
  • AUGUSTO BUCHWEITZ
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • MAHAYANA CRISTINA GODOY
  • NATALIA BEZERRA MOTA
  • Data: 20/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • A compreensão de leitura pode ser entendida como uma habilidade cognitiva complexa que demanda uma diversidade de competências e processos linguísticos. Funções Executivas desempenham um importante papel para a cognição e para o processamento da linguagem. Desta feita, pautado em estudos sobre Funções Executivas, Processamento da Leitura e Condições Socioeconômicas, o presente estudo investigou: (i) as relações entre Funções Executivas, Condições Socioeconômicas e medidas de habilidades cognitivas; (ii) a eficácia de uma intervenção que fez uso de jogos que diretamente e especificamente requerem o uso do sistema de Funções Executivas sobre as mesmas funções (transferência direta); (iii) a eficácia de uma intervenção que fez uso de jogos que diretamente e especificamente requerem o uso do sistema de Funções Executivas sobre o processamento da leitura  (transferência indireta). Participaram deste estudo 122 alunos de 3o e 4os anos da rede privada e pública das escolas de Natal/RN. Os participantes foram randomicamente divididos em 2 grupos. Um deles treinou com jogos que ativam funções executivas (experimental). O outro grupo (controle ativo) treinou com jogos que não ativam Funções Executivas. Testes escritos também foram administrados com o intuito de mensurar o processamento da leitura bem como a atenção dos alunos. Os resultados indicaram que existem relações íntimas entre Funções Executivas e desempenho escolar. Os dados sugerem que funções executivas e atenção seletiva melhoram consideravelmente após o treino. A habilidade de leitura de pseudopalavras também melhorou depois do treino, especificamente em relação à fluência de decodificação, o que sinaliza para uma importante contribuição da intervenção em trazer benefícios para os processos de aquisição de linguagem e leitura. As principais contribuições do presente estudo são os caminhos que ele pode oferecer para propósitos pedagógicos (ajustando treinos de funções executivas para melhor se encaixar em grupos específicos de alunos), portanto, servindo de ajuda para professores, como também servir de guia para políticas públicas educacionais.  


  • Mostrar Abstract
  • Based on research about Executive Functions (EF), Training of Executive Functions and Socioeconomic Status (SES), the present study investigated: (a) training of executive functions using tablet like games and its impact on scholastic achievement (b) the relationship between socioeconomic status and Executive Functions. Seventy-two students enrolled in the third and fourth years of two schools in the city of Natal / RN - one public and one private - were volunteers of this study. The students were divided into two groups: an experimental group and another active control group. The students participated in ten training sessions (using specific games for each group). The main contributions of this study are: the possibility to better understand the relationships between SES, executive functions and school performance related to this specific group; the possibilities for adjustments and application of games that are effective for the same group; and to diminish the differences in learning progress of children from underprivileged socioeconomic conditions.

7
  • ALINE DANIELLY LEAL DA SILVA
  • Dei uma olhada na playlist: a construção [SN DAR UMA V-DA (SP)] em perspectiva funcional-construcionista

  • Orientador : EDVALDO BALDUINO BISPO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDVALDO BALDUINO BISPO
  • MARIA ANGELICA FURTADO DA CUNHA
  • NEDJA LIMA DE LUCENA
  • IVO DA COSTA DO ROSÁRIO
  • MARCIA DOS SANTOS MACHADO VIEIRA
  • Data: 24/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese toma como objeto de estudo a construção [SN DAR UMA V-DA (SP)], que licencia construtos como “Dei uma olhada na playlist [...]”. Objetivamos analisar aspectos morfossintáticos, semântico-pragmáticos e cognitivos implicados em instâncias dessa construção e explicitar a organização de sua rede hierárquica com base em subesquemas e microconstruções que ela sanciona. Trata-se de uma construção de predicado complexo, em que o núcleo do sintagma verbal é preenchido pelo verbo leve dar e um SN indefinido, cujo núcleo é uma nominalização deverbal com o sufixo –da (dar uma caminhada, por exemplo). A investigação fundamenta-se em pressupostos teórico-metodológicos da Linguística Funcional Centrada no Uso (LFCU) e também utiliza categorias da Gramática de Construções (GC). A pesquisa é de natureza qualitativa com suporte quantitativo. Os dados empíricos analisados advêm de blogs da internet e se caracterizam por ser escritos e informais. A hipótese geral de trabalho é que essa construção carreia o sentido de atenuação e os efeitos decorrentes dessa atenuação variam conforme as propriedades aspectuais do verbo base da nominalização. Os resultados evidenciam que ocorrências com dar uma V-da podem ter o slot V preenchido por verbos de ação, ação-processo e processo (CHAFE, 1979; BORBA, 2002) e podem apresentar no máximo dois argumentos, representados pelos slots SN e SP. Esses tipos semânticos de verbo são dinâmicos e podem apresentar o potencial aspectual de atividade, accomplishment e achievement. A análise dos dados indica, ainda, uma rede hierárquica composta por três subesquemas, com base nos tipos semânticos de verbos que preenchem o slot V, e sete microconstruções, considerando a configuração aspectual das eventualidades predicadas. Além de noções aspectuais, as ocorrências com dar uma V-da também se relacionam à avaliação subjetiva e a processos subjetivos e intersubjetivos, de negociação de sentidos, via inferência pragmática (invited inference, TRAUGOTT; DASHER, 2002) e cognitivos, como categorização e chunking. Por fim, considerando a língua como um inventário de construções, observamos que a construção com dar uma V-da possui relações de herança múltipla com a construção ditransitiva e com outras construções de predicado complexo com dar (dar um beijo, por exemplo).

    Esta tese toma como objeto de estudo a construção [SN DAR UMA V-DA (SP)], quelicencia construtos como “Dei uma olhada na playlist [...]”. Objetivamos analisaraspectos morfossintáticos, semântico-pragmáticos e cognitivos implicados eminstâncias dessa construção e explicitar a organização de sua rede hierárquica com baseem subesquemas e microconstruções que ela sanciona. Trata-se de uma construção depredicado complexo, em que o núcleo do sintagma verbal é preenchido pelo verbo levedar e um SN indefinido, cujo núcleo é uma nominalização deverbal com o sufixo –da(dar uma caminhada, por exemplo). A investigação fundamenta-se em pressupostosteórico-metodológicos da Linguística Funcional Centrada no Uso (LFCU) e tambémutiliza categorias da Gramática de Construções (GC). A pesquisa é de naturezaqualitativa com suporte quantitativo. Os dados empíricos analisados advêm de blogs dainternet e se caracterizam por ser escritos e informais. A hipótese geral de trabalho é queessa construção carreia o sentido de atenuação e os efeitos decorrentes dessa atenuaçãovariam conforme as propriedades aspectuais do verbo base da nominalização. Osresultados evidenciam que ocorrências com dar uma V-da podem ter o slot Vpreenchido por verbos de ação, ação-processo e processo (CHAFE, 1979; BORBA,2002) e podem apresentar no máximo dois argumentos, representados pelos slots SN eSP. Esses tipos semânticos de verbo são dinâmicos e podem apresentar o potencialaspectual de atividade, accomplishment e achievement. A análise dos dados indica,ainda, uma rede hierárquica composta por três subesquemas, com base nos tipossemânticos de verbos que preenchem o slot V, e sete microconstruções, considerando aconfiguração aspectual das eventualidades predicadas. Além de noções aspectuais, asocorrências com dar uma V-da também se relacionam à avaliação subjetiva e aprocessos subjetivos e intersubjetivos, de negociação de sentidos, via inferênciapragmática (invited inference, TRAUGOTT; DASHER, 2002) e cognitivos, comocategorização e chunking. Por fim, considerando a língua como um inventário deconstruções, observamos que a construção com dar uma V-da possui relações deherança múltipla com a construção ditransitiva e com outras construções de predicadocomplexo com dar (dar um beijo, por exemplo).


  • Mostrar Abstract
  • The focus of this thesis is the construction NP DAR uma V-da, which licenses constructs such as dei uma olhada no playlist ‘I had a look at the playlist’. The objective of this study is to analyse the morphosyntactic, semantic-pragmatic, and cognitive aspects of this construction and to specify the structure of the constructional network by making reference to the subschemas and constructs licensed by this construction. This construction is a complex predicate in which the verbal slot is filled by a light verb dar ‘give’ and an NP slot which is filled by a deverbal noun ending in the suffix -da (e.g. dar uma caminhada ‘have a walk’). This study is based in a Usage-based Functional Linguistics framework, looking closely at some of the assumptions of Construction Grammar (CxG). This study is mainly qualitative in nature, though it does draw on some quantitative methodology. The data analysed in this study is in the written medium and consists of internet blogs, which are informal in nature. The thesis supports the hypothesis that this construction connotes attenuation, by which I mean a reduction in intensity and duration of the action denoted by the verb, and that the effects of this reduction vary depending on the aspectual properties present in the semantics of the deverbal noun. The results of the study show that the verb slot of the NP DAR uma V-da construction can be filled by a verb denoting an action verb, an action-process verb, or a process verb (CHAFE, 1979; BORBA, 2002) and can take at most two arguments, which fill the NP and PP slots. These types of verbs are dynamic, and can represent either an accomplishment or an achievement. The analysis of the data supports the existence of a constructional network consisting of three subschemas centred around the type of verb that fills the V slot, and seven microconstructions based on the aspectual properties of the predicate. As well as aspect, the DAR uma V-da construction also involves a subjective evaluation on the part of the speaker and processes of subjectivisation and intersubjectivisation, negotiation of meaning via ‘invited inference’ (TRAUGOTT; DASHER, 2002), as well as cognitive processes such as categorisation and chunking. Finally, anlaysing language as an inventory of constructions, it is shown that the DAR uma V-da construction exhibits multiple inheritance from the ditransitive construction and other constructions with the verb dar (e.g. dar um beijo ‘give a kiss’).

8
  • ADRIANA VIEIRA DE SENA
  • A presença da melancolia em Clarice Lispector

  • Orientador : SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • KATIA AILY FRANCO DE CAMARGO
  • SAMUEL ANDERSON DE OLIVEIRA LIMA
  • VANESSA NEVES RIAMBAU
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 28/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • O vocábulo “melancolia” é tido pelos pesquisadores da área como de conceito escorregadio, pois pode designar desde uma inspiração filosófica, no dizer do filósofo grego Aristóteles, passando por uma prostração mórbida, como bem assinala Freud (1980), por um estar à deriva contemporâneo, no entendimento de Denilson Lopes (1999), para, finalmente, Lambotte (2000) afirmar que tal termo adquire um lugar independente, pois nem se localiza no conjunto das neuroses, nem no das psicoses. Um sopro de vida – Pulsações (1999) e A hora da estrela (1998) são obras complexas, uma vez que tratam de assuntos existenciais, sendo que seus enredos são marcados por uma força e uma beleza inimagináveis. Aquela possui apenas dois personagens: Autor e Ângela Pralini; esta traz a nordestina Macabéa como protagonista. O objetivo principal do atual texto é tentar compreender a melancolia do ponto de vista teórico, além de entendê-la nas referidas obras literárias. No primeiro capítulo, priorizou-se abrir a tese com uma introdução acerca do tema discutido. Já, no segundo, foi feito um levantamento da fortuna crítica das obras de Clarice Lispector. No terceiro capítulo, as duas narrativas foram estudadas pelo viés do corpo enquanto registro melancólico. Para tanto, este capítulo teve o amparo teórico dos livros O que é corpo (1994), de José Gaiarsa, O discurso melancólico (1997), de Marie-Claude Lambotte e Luto e Melancolia (1980), de Sigmund Freud. Depois, sendo um quarto capítulo, tais obras literárias foram investigadas pelo foco da linguagem melancólica. Por meio do falar ininterrupto de Ângela, percebe-se um movimento no qual seu discurso revela o seu interior decadente frente ao mundo erigido pelos homens. Já Macabéa é uma “estrela” que se revela mais pelo silêncio. Nessa pausa, a melancolia se faz presente por meio da inocência de uma moça pobre e solitária, desvelando as duas obras temas tão caros à psicanálise: a inibição generalizada, a problemática especular e o negativismo. Finalmente, num quinto capítulo, buscou-se tecer uma relação entre beleza e melancolia. História da Feiura (2014) e História da Beleza (2014), do autor italiano Umberto Eco, contribuem para, via história e criticidade, trazer a origem do conceito de beleza a fim de ir, aos poucos, ao conceito de feiura, bem como o fato de ter adquirido relevância na sociedade. Outrossim, foi escolhido o conto A bela e a fera ou a ferida grande demais, de Clarice Lispector, como forma de compreender essa beleza emanada do olhar do melancólico. No último capítulo, realizou-se a conclusão de todo o trabalho desenvolvido até o momento presente. Quanto à metodologia, houve o uso da busca bibliográfica literária e teórica para alcançar o fim por ora proposto. O texto teórico base para essa empreitada é o de Lambotte (1997). Denilson Lopes (1999) e Kristeva (1987) – além de outros textos, agregaram teoricamente o entendimento dessa inter-relação. Por fim, com o resultado, espera-se ampliar o aprofundamento da melancolia, contribuindo para uma sociedade mais informada, principalmente a respeito da diferença entre melancolia e depressão, além de que o estudo daquela nas obras de Clarice Lispector será alargado.


  • Mostrar Abstract
  • The term melancholy is considered a slippery slope concept by researchers in the field because it can designate from a philosophical inspiration, in the words of the Greek philosopher Aristotle, passing through a morbid prostration, as Freud (1980) points out, by a being adrift of existence, in the contemporary understanding of Denilson Lopes (1999), finally , to be situated by Lambotte (2000) in an independent configuration, because neither it is located in the set of the neuroses nor of the psychoses. The novel A breath of life - Pulsations (1999) and The Hour of the Star (1998) are a complex work, because it addresses existential and deep issues. The story is marked by unimaginable strength and beauty. It revolves around only two characters: the Author and Angela Pralini. This brings the northeastern Macabéa as the protagonist. The main objective of the current text is to try to understand melancholy from a theoretical point of view, in addition to understanding it in the referred literary works. In the first chapter, it was prioritized to open the thesis with an introduction about the topic discussed. In the second, there was a survey of the critical fortune of Clarice Lispector's works. In the third chapter, in order to do so, this chapter had the theoretical support of the book O que é corpo (1994), by José Gaiarsa, O discurso melancólico (1997) by Marie-Claude Lambotte and Mourning and Melancholia (1980) by Sigmund Freud. Then, in a second opportunity, the novel was analyzed by the bias of the melancholic language. Through her uninterrupted speech, she moves between paths in her discourse that reveals her decaying interior before the world erected by men. Through this eclipsed temporal space, between the flow and the mobility, it reveals subjects so valued to psychoanalysis: generalized inhibition, specular problematic and negativism. Finally, in a fifth chapter, we sought to weave a relationship between beauty and melancholy. Thus, the theoretical text, the basis for this work, is Umberto Eco's On Ugliness (2014) and Umberto Eco’s On Beauty (2014). The author equates the concept of beauty historically and critically in order to gradually arrive at the concept of ugliness, and the way it socially acquired relevance, from the concept of beauty to gradually go to the concept of ugliness, as well as having acquired relevance in society. Furthermore, Clarice Lispector's short story Beauty and the Beast or the Wound Too Large was chosen as a way of understanding this beauty emanating from the eyes of the melancholy. In the last chapter, all the work carried out to date has been completed. As for the methodology, there was the use of the literary and theoretical bibliographic search to reach the end proposed for the time being. The basic theoretical text for this endeavor is that of Lambotte (1997). Denilson Lopes (1999) and Kristeva (1987) - in addition to other texts, theoretically added the understanding of this interrelation. Finally, with the result, it is expected to expand the deepening of melancholy, contributing to a more informed society, mainly about the difference between melancholy and depression, besides that the study of that in the works of Clarice Lispector will be extended

     

9
  • ANDRÉA CRISTINA SOARES COSTA
  •  LETRAMENTOS NO MUSEU: AGÊNCIA E DESENVOLVIMENTO SOCIAL

  • Orientador : MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MARIA CECÍLIA FILGUEIRAS LIMA GABRIELE
  • NADIA MARIA SILVEIRA COSTA DE MELO
  • Data: 28/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Os museus são espaços educativos não formais que propiciam a organização de atividades e ações que englobam, ao mesmo tempo, diversas áreas do conhecimento, sendo a inter/transdisciplinaridade uma característica inerente desses espaços e que atravessa toda a sua dinâmica de funcionamento e rotinas. Em vista da compreensão de que o espaço museal pode ser percebido sob diversos olhares e perspectivas, este estudo se desenvolve tendo como cenário uma instituição museológica situada no interior do estado do Ceará. A pesquisa está situada na Linguística Aplicada, campo que se reconhece transdisciplinar e aberto a diálogos com outros campos/áreas do conhecimento. O principal objetivo da pesquisa é compreender como o referido museu atua como agência catalisadora de letramentos. No âmbito teórico, o estudo está fundamentado nas postulações dos Estudos do Letramento (STREET, 1984; BARTON e HAMILTON, 1993, 1998; KLEIMAN, 1995; 2001; OLIVEIRA, 2008; ROJO, 2009; PAZ, 2008), elegendo como categorias de análise os elementos: participantes, domínio, artefatos e atividades, estabelecidos por Hamilton (2000); na abordagem social de gênero inspirada na Nova Retórica (BAZERMAN, 2005, 2006, 2007; MILLER, 1984, 2009); na Nova Museologia (CHAGAS, 1994; MOUTINHO, 2014; GABRIELE, 2014; TOLENTINO, 2016).  No aspecto metodológico, a pesquisa acolhe a abordagem qualitativa (BOGDAN; BILKLEN, 1994; CHIZZOTTI, 2000) de base interpretativista (MOITA LOPES, 2006), assumindo viés etnográfico. O corpus da pesquisa compreende 05 eventos de letramento observados no museu, observações e anotações de campo, questionários aplicados a 05 profissionais do museu (funcionários e diretores), roda de conversa com uma turma de 7° ano, visitante do museu. A relevância da pesquisa reside em três aspectos: a) nas contribuições que proporcionará aos Estudos do Letramento, sobretudo em pensar o museu como agência catalisadora de letramentos; b) na colaboração para o desenvolvimento dos trabalhos na Linguística Aplicada; c) no destaque da potencialidade de diálogos transdisciplinares entre os Estudos do Letramento e a Museologia. A análise dos dados evidencia que o museu assume papéis sociais diversos, evidenciando a sua capacidade multifacetada de informar, educar, catalisar letramentos e estimular agentes de letramento, mediante a promoção de exposições permanentes e temporárias, atividades de visitação, lançamentos de livros, viabilização de palestras e rodas de conversa, bem como outras atividades/eventos que possam emergir de novas demandas. Nesse sentido, concluímos que a troca de saberes entre a Museologia e os Estudos do Letramento é capaz de gerar uma aproximação entre esses campos e também de produzir uma significativa discussão entre a atuação do museu como agência catalisadora de letramentos e sua predisposição na colaboração do desenvolvimento social local.


  • Mostrar Abstract
  • Museums are non-formal educational spaces that provide the organization of activities and initiatives that encompass many areas of knowledge since interdisciplinarity and transdisciplinarity are inherent characteristics of theses places and, at the same time, traverses its entire dynamics of working and routines. In sight of the understanding that museums may be perceived through different viewpoints and approaches, this study is developed having as its scenery a museum institution located in the countryside of the state of Ceará. The research is based on the field of Applied Linguistics, a field that understands itself as transdiciplinar and open to dialogues with other areas and fileds of knowledge. The main goal of this research is to comprehend how the aforementioned museum acts as a literacy catalytic agent. In the theoretical scope, the study is based on the postulations of the Literacy Studies (STREET, 1984; BARTON e HAMILTON, 1993, 1998; KLEIMAN, 1995; 2001; OLIVEIRA, 2008; ROJO, 2009; PAZ, 2008), electing as categories of analysis the elements: participants, dominance, artefacts and activities as established by Hamilton (2000); in the genre social approach inspired by New Rhetoric (BAZERMAN, 2005, 2006, 2007; MILLER, 1984, 2009); in New Museology (CHAGAS, 1994; MOUTINHO, 2014; GABRIELE, 2014; TOLENTINO, 2016).  Regarding methodology, the research follows a qualitative approach (BOGDAN; BILKLEN, 1994; CHIZZOTTI, 2000) of interpretative basis (MOITA LOPES, 2006), assuming an ethnographic perspective.  The corpus of the research comprises 5 different events devoted to literacy observed at the museum, field observation and notes, questionnaries answered by 5 professionals from the museum (staff members and directors), a Conversation Circle with 7th grade visiting students. The relevance of this research resides in three aspects: a) in the contributions it will provide to Literacy Studies, especially in thinking the museum as a literacy catalytic agent; b) in the colaboration for the development of works of Applied Linguistics; c) in the emphasis on the potential of transdisciplinary dialogues between Literacy Studies and Museology. The data analysis shows that the museum plays diverse social roles, making it clear its multifaceted capability to inform, educate, catalyze literacies and motivate literacy agents, through the promotion of permanent and temporary exhibitions, visitation activities, book lauching, enablement of lectures and Conversation Circles as well as other activities and events that may emerge from new requests. In this sense, we conclude that the exchange between Museology and Literacy Studies is capable of generating a convergence between these fields and also produce a considerably meaningful discussion about the role of museums as literacy catalytic agents and their propensity for the colaboration of local social development.

     

10
  • MARIA DAS VITÓRIAS DOS SANTOS MEDEIROS
  •  

     

     

    A RESPONSABILIDADE ENUNCIATIVA NO GÊNERO DISCURSIVO DEFESA CONTRA A ACUSAÇÃO E AO PEDIDO DE IMPEACHMENT DA EX-PRESIDENTA DILMA ROUSSEFF

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CELIA MARIA DE MEDEIROS
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MARIA DAS VITORIAS NUNES SILVA LOURENCO
  • SUELI CRISTINA MARQUESI
  • Data: 30/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Os domínios discursivos jurídico e o político apresentam uma variedade de gêneros discursivos textuais. Esse universo apresenta gêneros que estão inseridos tanto no domínio jurídico como no político. É o caso do nosso objeto de investigação: defesa contra a acusação e ao pedido de impeachment da ex-presidenta Dilma Vanna Rousseff, ocorrido em 2016. Para realizar a pesquisa, propusemos como objetivo geral analisar o Ponto de Vista (PDV), a Responsabilidade Enunciativa (RE) e a Argumentação no texto da defesa a respeito da Denúncia por Crime de Responsabilidade nº 1, de 2015. Estabelecemos como objetivos específicos: i) identificar as marcas linguísticas que contribuem para a construção do PDV; ii) identificar a materialização da (não) assunção da responsabilidade enunciativa; iii) reconhecer os organizadores e marcadores argumentativos que contribuem para a construção do PDV do autor; iv) descrever as estratégias linguísticas que direcionam para a (não) assunção da responsabilidade enunciativa; v) analisar e interpretar as marcas e estratégias linguísticas que proporcionam o reconhecimento do PDV e a (não) assunção da Responsabilidade Enunciativa. A escolha desse gênero se justifica por seu significado social, já que trata de um caso que envolveu o país, implicando consequências políticas, econômicas e sociais, além de apresentar características que são pertinentes à nossa abordagem teórica. O corpus favorece a convocação de diferentes vozes, muitas vezes, instaurando o uso da argumentação discursiva. A pesquisa seguiu uma metodologia qualitativa, de caráter interpretativista, do tipo documental. Nossa ancoragem teórica está embasada nos estudos de Adam (2011, 2018, 2018a), o qual objetiva estudar a produção (con)textual de sentidos em textos concretos. Nessa direção, entre os níveis propostos, focalizaremos o PDV, a responsabilidade enunciativa e a orientação argumentativa. Dialogando com essa abordagem, trazemos os estudos de Rabatel (2008, 2009, 2015, 2016, 2017), acerca dessas categorias, configurando, assim, uma abordagem enunciativa e discursiva. Igualmente, acompanhamos Guentchévá (1994, 2011, 2014) para tratarmos da mediatividade e da evidencialidade. A análise dos dados revela a ocorrência do PDV do L1/E1(locutor enunciador primeiro), em relação à responsabilidade enunciativa em dois movimentos: (1) a imputação, ou seja, da não assunção da responsabilidade enunciativa e (2) da assunção da responsabilidade enunciativa. Os fatores mais evocados pelo L1/E1, o Advogado-Geral da União, José Eduardo Cardoso, foram: discurso reportado (direto e indireto), o quadro mediativo (enunciadores segundos), índices de pessoa, expressões verbais em­ primeira pessoa, expressões modais (lexemas avaliativos), além de marcas tipográficas (em negrito e itálico) e sinal gráfico das aspas. A argumentação se manifesta também a partir de lexemas avaliativos que revelam o posicionamento do L1/E1. O uso desses dispositivos enunciativos, no gênero discursivo textual em análise, revela posicionamentos enunciativo-argumentativos de L1/E1 em relação aos PDV de enunciadores-segundos. Isso ocorre das seguintes formas: (1) o acordo, por meio da conjunção do PDV do L1/E1 com o do e2 e (2) o desacordo, por meio de dispositivos textuais que refutam o PDV de e2, revelando, assim, ponto de vista contrário. Por fim, a análise mostra que o gerenciamento das vozes e a organização dos PDV orientaram a construção da visada argumentativa em defesa da acusada.


  • Mostrar Abstract
  •  Judicial and political discursive domains present a variety of discursive textual genres. This universe presents genres that belong to both judicial as well as political domains, which is the case of our object of investigation: the defense against an accusation, and the solicitation for the impeachment of ex-president Dilma Vanna Rousseff, which occured in 2016. In carrying out the research, our general objective was to analyze the Point of View (POV), the Enunciative Responsibility (ER), and the Argumentation in the defense text regarding the Denunciation of the Crime of Responsability nº 1, de 2015. To achieve this, our specific objectives are as follows: i) to identify the linguistic marks that contribute to the construction of the POV; ii) to identify the materialization of the (non)assumption of enunciative responsibility; iii) to recognize the argumentative organizers and markers that contribute to the construction of the author’s POV; iv) to describe the linguistic strategies that lead toward the (non) assumption of the enunciative reponsibility; v) to analyze and interpret the linguistic marks and strategies that provide the recognition of the POV, and of the (non) assumption of the enunciative responsibility. The choice of this genre is justified in its social significance as it deals with a case involving the entire country, implicating political, economic and social consequences, besides presenting characteristics that are pertinent to our theoretical approach. The corpus favors the gathering of different voices, oftentimes establishing the use of discursive argumentation. This study is characterized as qualitative-interpretivist documentary research. Our theoretical mooring is based on researches by Adam (2011, 2018, 2018a), which aim to study the (con)textual production of meanings in concrete texts. Along this line, among the angles proposed, we focus on POV, enunciative responsibility, and argumentative orientation. Dialoguing with this approach we present studies by Rabatel  (2008, 2009, 2015, 2016, 2017), addressing these categories, configuring thus, an enunciative and discursive approach. Similarly, we include Guentchévá (1994, 2011, 2014) to address mediativity and evidentiality. The analysis of the data reveals the presence of the POV of the S/E1 (first speaker enunciator), in relation to the enunciative responsibility in two moves: (1) the imputation, in other words, the (non)assumption of enunciative responsibility, and (2) the assumption of enunciative responsibility . The factors most frequently evoked by the S1/E1, the Attorney General, José Eduardo Cardoso, were: reported discourse (direct and indirect), the media framework (secondary enunciators), indexes of people, verbal expressions in the first person, modal expressions (evaluative lexemes), along with typographical marks (in bold and italics) and the graphic sign of quotation marks. The argumentation appears also from the evaluative lexemes that reveal enunciative-argumentative stances of the S1/E1. The use of these enunciative devices, in the textual discursive genre under analysis, reveals enunciative-argumentative stances of the S1/E1 in relation to the POVs of the secondary-enunciators. This occurs in the following ways: (1) in the agreement, through the conjunction of the POV, of the S1/E1 with the e2, and (2) the disagreement, through textual devices that refute the POV of the S1/E1 with the POV of the e2, revealing, thus a contrary POV. Finally, the analysis shows that the managing of voices and the organization of the POV frame the construction of the argumentative sway in defense of the accused.

11
  • JOSÉ IRANILSON DA SILVA
  • PLANO DE TEXTO E ORIENTAÇÃO ARGUMENTATIVA: ACUSAÇÃO E DEFESA NO IMPEACHMENT DE DILMA ROUSSEFF

  • Orientador : JOAO GOMES DA SILVA NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANANIAS AGOSTINHO DA SILVA
  • CELIA MARIA MEDEIROS BARBOSA DA SILVA
  • JOAO GOMES DA SILVA NETO
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MARIA ELIETE DE QUEIROZ
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • Data: 31/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Investigamos, nesta tese de doutoramento, como se estabelece a relação entre o plano de texto e a orientação argumentativa em textos de acusação e de defesa no processo de impeachment da presidenta Dilma Vana Rousseff. O plano de texto e a orientação argumentativa constituem dois níveis de análise propostos pelo quadro teórico-metodológico da análise textual dos discursos (ATD), abordagem desenvolvida por Jean-Michel Adam (2011). Realizamos uma análise linguística com o objetivo de relacionar esses dois níveis, em que, no nível 5 (N5), focalizamos no plano de texto, e no nível 8 (N8), na orientação argumentativa. O corpus é constituído por textos de dois documentos do referido processo, a saber: a denúncia (peça acusatória), onde analisamos a seção “Dos fatos” e a defesa (resposta à acusação), peça de defesa da denunciada, a seção “Da contextualização geral”. Como questões de pesquisa, temos: como são constituídas as estruturas dos planos de texto; como os planos de texto incidem sobre a orientação argumentativa; como a orientação argumentativa é evidenciada e como ela se realiza nos planos de texto; e, que funções exercem as marcas linguísticas da argumentação nos planos de texto. Objetivamos, assim, investigar como se estabelece a função argumentativa do plano de texto e, mais especificamente, identificar e descrever o plano de texto dos documentos e descrever a relação dos dois níveis de análise textual, plano de texto e orientação argumentativa, a partir de seus elementos linguísticos. A fundamentação teórica da pesquisa baseia-se na Linguística Textual (LT) e no quadro teórico-metodológico da Análise Textual dos Discursos (ATD) Adam (2011). No que se refere aos estudos sobre a argumentação, apoiamos-nos em Aristóteles (1969 [384-322 a.C]), Perelman e Olbrechts-Tyteca (1996), Koch (2009, 2011), Pinto (2010), Fiorin (2014, 2015) e Adam (2014). Além das categorias do plano de texto e da orientação argumentativa, analisamos também as marcas linguísticas da argumentação através dos operadores argumentativos, da pressuposição, das modalidades do discurso e da autoridade polifônica. Quanto à metodologia, utilizamos os métodos dedutivo e indutivo. No que se refere a natureza das fontes, caracteriza- se documental e bibliográfica, com uma interpretação analítica de caráter descritivo. Os resultados revelam que os planos dos textos analisados apresentam estratégias argumentativas que se especificam de acordo com as intenções de acusar e de defender, estabelecendo relação com a orientação argumentativa, identificada através de marcas linguísticas.


  • Mostrar Abstract
  • In this doctoral thesis, we have investigated the relation between text plan and arguing guide in the making of prosecution and defense of President Dilma Rousseff’s Impeachment process. text plan and arguing guide act as two levels of analysis present in the theoretical-methodological framework of the discourse textual analysis, developed by Jean-Michel Adam (2011).  We set up a linguistic analysis intended to interconnect these two theoretical levels so that in level 5 (N5) we focused on text plan, and in level 8 (N8), arguing guide was privileged. The corpus is made up of texts composed by two papers of this same process, that is, the accusation (accusatory piece), where we analyze the section “Of the facts”, and the defense (answer to accusation), the defense piece of the accused president, the section “of general contextualization”. As research subjects, we investigated the structures of the text plan, how it acts upon the arguing guide, how the arguing guide stands out and how it manifests on the text plans, and what is the role of the arguing linguistic marks in the text plans. The objective behind this procedure was to investigate how the arguing function of the text plan is established and, further, to identify and describe the text plan of the documents and capture the connection of these two levels of textual analysis, that is, text plan and arguing guide, especially their linguistic elements. In its theoretical aspects, the research foundation is based on Adam’s (2011) Textual Linguistic (TL) and theoretical background of the Discourse Textual Analysis (DTA). In what concerns the studies on argumentation, our supports are Aristotle (1969 [384-322 a.C]), Perelman e Olbrechts-Tyteca (1996), Koch (2009, 2011), Pinto (2010), Fiorin (2014, 2015) e Adam (2014). Besides the text plan and the arguing guide categories, we also analyzed the linguistic marks of argumentation through argumentative operators, presupposition of the discourse modalities and polyphonic authority. Respecting methodology, it consisted of deductive and inductive procedures. The nature of the resources was documental and bibliographic, without neglecting an analytical interpretation of descriptive character. Results show that the plans of the analyzed texts reveal arguing strategies which gain a specific trace in accordance with the accusation or defense roles, establishing relation to an arguing guide that comes up with the aid of linguistic marks.

12
  • DIONE MARQUES FIGUEIREDO GUEDES PEREIRA
  • Corporeidade, práticas discursivas e cuidado de si: a constituição de subjetividades de celebridades idosos (as) na mídia

  • Orientador : MARLUCE PEREIRA DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARLUCE PEREIRA DA SILVA
  • CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • JOSENILDO SOARES BEZERRA
  • DEGMAR FRANCISCA DOS ANJOS
  • LAURENIA SOUTO SALES
  • Data: 31/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese tem como objeto de estudo a constituição de subjetividades de artistas idosos (as), considerados celebridades no meio artístico, oriundas de práticas discursivas veiculadas em sites e revistas eletrônicas e publicadas entre o período de 2011 e 2020. A questão central reside no modo como as celebridades se munem de técnicas de si, em ­­­­­­seus enunciados, buscando construir tipos de subjetividades que não as inscrevam como indivíduos decrépitos e fadados ao ostracismo social ou à condição de “refugo humano” de forma a contribuir para a manutenção de sua visibilidade após os 60 anos. Objetiva-se analisar como artistas idosos relatam, em seus posicionamentos discursivos, veiculados pela mídia, a utilização de técnicas de si voltadas à estética corporal visando à manutenção de padrões de beleza ao constituírem suas subjetividades; problematizar enunciados em matérias veiculadas nas mídias cujos autores constroem subjetividades e ainda interpretar sentidos em falas dessas/desses celebridades que apontam técnicas de si na construção de subjetividades que não as inscrevam como indivíduos decrépitos e fadados ao ostracismo social ou à condição de “refugo humano”. As discursividades presentes nas falas das entrevistas concedidas ou nos artigos de opinião do ambiente midiático foram categorizadas a partir de enunciados cujos efeitos de sentido apontam para a utilização de técnicas voltadas ao cuidado de si. O corpus é composto de discursos emanados por 22 celebridades. O estudo, vinculado à Linguística Aplicada, tem como base os postulados teóricos de Foucault (2002a) e Bauman (2015) e teóricos da linguagem, com ênfase nos modos de subjetivação, da arte do cuidado de si (FOUCAULT, 2002a) e na noção de refugo (BAUMAN, 2015). As análises demonstram discursividades voltadas a práticas de resistência à inclusão na condição de refugo humano. Os cuidados com o corpo tendem a refutar as questões estéticas em detrimento das condições básicas para a atividade no trabalho. Enquanto tecnologias de si, os cuidados com o corpo são ancorados na resistência a partir do autogoverno e utilizados como instrumentos de mobilidade social, esta não mais como condição de ascensão profissional, mas como permanência das condições de empregabilidade.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis has as its object of study the constitution of subjectivities of elderly artists, considered celebrities in the artistic milieu, derived from discursive practices whose meanings permeate the media artifacts, among them the advertising ones, published on websites and electronic magazines and published between 2011 and 2020.The central issue lies in the way in which celebrities use self-techniques in their utterances, seeking to build types of subjectivities that do not inscribe them as decrepit individuals and doomed to social ostracism or the condition of “human refuse” in order to contribute to maintaining its visibility after 60 years.The discursivities present in the speeches of the interviews granted or in the opinion articles of the media environment were categorized based on statements whose effects of meaning originated from discursive positions that point to techniques aimed at self-care. The corpus is initially composed of speeches by 22 celebrities, including actors, singers and journalists.The study, linked to Applied Linguistics, is based on the theoretical postulates of Foucault and Bauman and language theorists, with an emphasis on modes of subjectivity, the art of self-care (FOUCAULT, 2002) and the notion of refuse (BAUMAN, 2015) . The initial analyzes suggest discursivities that point to the concern about the finitude of the individual and the care of the self focused on attention to the body.

13
  • MARIA APARECIDA DA COSTA
  • O GÊNERO QUESTIONÁRIO DE PESQUISA DO [NO] IBGE: PRODUÇÃO, USOS E IMPLICAÇÕES

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • ANGELA DEL CARMEN BUSTOS ROMERO DE KLEIMAN
  • GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS TINOCO
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • RISOLEIDE ROSA FREIRE DE OLIVEIRA
  • Data: 31/08/2020

  • Mostrar Resumo
  • Nesta tese, investigamos o gênero questionário de pesquisa e as implicações sociais propiciadas por seu uso nas atividades de trabalho desenvolvidas por servidores públicos da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Concentramos a análise nos questionários da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNADC), produzidos pelo IBGE para as edições de 2011 e 2017, por se tratar de um importante inquérito probabilístico que se vale das narrativas orais fornecidas pela população brasileira para compor a sua base de informações. Em atendimento às orientações da etnopesquisa crítica com abordagem de dados qualitativa, o corpus foi constituído mediante os seguintes instrumentos: pesquisa documental, visando à coleta de gêneros de texto do domínio investigado; realização de entrevistas semiestruturadas com os Técnicos; e aplicação remota de questionários aos Agentes de Pesquisa. Para a fundamentação teórico-conceitual de gêneros, recorremos aos postulados de Bakhtin (2011 [1992]) e de autores filiados à Sociorretórica, notadamente Bazerman (2005; 2015a; 2015b) e Miller (2012 [1984]). Sobre os estudos interessados na produção escrita de questionários de pesquisa, apoiamo-nos nas discussões de Vieira (2009), Dörnyei (2003) e Gil (2008), dentre outros. As análises evidenciam que os questionários da PNADC: (i) embora operem sob a responsabilidade enunciativa de escritores do campo da Estatística, são textos produzidos colaborativamente, devido a seu amplo arcabouço temático, demandante de saberes especializados que apontam para uma ontologia própria; (ii) assumem características de um gênero sócio-catalisador e circulam em outros domínios discursivos pela ação dos Técnicos e dos Agentes, que atuam no convencimento do público informante e na retextualização de conceitos institucionais; e (iii) desencadeiam a produção e posterior circulação de outros textos que gravitam em torno dos questionários, viabilizando, no contexto do inquérito, um sistema de gêneros marcado por formas padronizadas de organização profissional envolvendo atividades e pessoas.

     


  • Mostrar Abstract
  • At this thesis, we discussed the genre survey questionnaire and the social implications from its use in the scope of activities of work developed by government employees of the Brazilian Institute of Geography and Statistics Foundation (IBGE). We concentrated the analysis on the questionnaire of the Continuous National Household Sample Survey (PNADC), produced by IBGE to the 2011 and 2017 editions, on account of being a relevant probabilistic inquiry, which makes use of the oral narratives provided by Brazilian population to compose its database. Following the orientations of the critical ethno-research with a qualitative approach of data, the corpus was constituted through the followed tools: documentary research, aimed at collected textual genres of the investigated area; realization of semi-structured interviews with the Technicians; and remote application to the Research Agents. For the theoretical-conceptual comprehension of textual genres, we use postulates of the Bakhtin (2011 [1992]) and authors affiliated to Socio-rhetoric, notably Bazerman (2005; 2015a; 2015b) and Miller (2012 [1984]). About the studies interested in the written production of survey questionnaires, supported by the discussions of Vieira (2009), Dörnyei (2003), Gil (2008), among others. The analyzes highlighted that the questionnaires of the PNADC: (i) although operate under the enunciative responsibility of writers of the statistical field, they are texts produced collaboratively, due to their broad thematic framework, demanding technical and specialized knowledge that points to their own ontology; (ii) assume characteristics of a socio-catalytic genre and move into other discursive domains by the action of Technicians and Research agents that actuates in the persuasion of the informer public and the retextualization of the institutional concepts; and (iii) trigger the production and subsequent circulation of countless other texts that gravitate around the questionnaires enabling, in the context of the investigation, a system of genres marked by standardized forms of professional organization involving activities and people.

     

14
  • DANIELLE BRITO DA CUNHA
  • Penso e (Re)Posto, Logo Existo: Uma Análise Dialógica das Identidades Através do Signo #Enemfeminista

     

  • Orientador : RENATA ARCHANJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • HÉLIO MÁRCIO PAJEÚ
  • LUCIANE DE PAULA
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • RENATA ARCHANJO
  • Data: 04/09/2020

  • Mostrar Resumo
  •  

     

     

    Hall (2006), em suas pesquisas no campo dos Estudos Culturais, nos aponta para a fragmentação da identidade em suas diferentes e possíveis construções; Bauman (2005), por sua vez, discorre sobre a liquidez identitária, sua propriedade de mudança constante de forma. Bakhtin, finalmente, defende que o sujeito não é uma entidade fixa, mas transita em um movimento de (re)significação, em constante relação consigo mesmo e com o outro. Para ele e seu Círculo, a partir do momento que algo é enunciado, passa a significar, refratar e refletir. É a partir dessa pluralidade identitária que emerge o discurso e nele percebemos uma constante tensão, isto é, os enunciados estão embebidos em: ideologias, responsabilidade/responsividade, alteridade e memória discursiva. As (des) construções desses sujeitos são fruto dessa tensão e para tentar resolvê-la, o sujeito sente a necessidade de falar sobre ela. Dessa maneira, a dinâmica da identidade, fluída e plural, perpassa o discurso, mostrando a relação que o sujeito constrói consigo e com o outro, o que Bakhtin já apontava como uma relação dialógica. Ou seja, há uma necessidade crescente e urgente do sujeito de pertencer, de ser, de estar e de ter sua verdade ouvida, seja através de reivindicações - como, por exemplo, pela adesão a movimentos sociais, movimentos feministas, movimentos partidários,- ou por desconstruções desvinculadas a esses movimentos ou por posicionamentos, oriundos de experiências pessoais, mostrando as imposições sociais, construções e subversões de padrões, ideologias acolhidas e rejeitadas. A fragmentação se faz no tempo e espaço, numa relação de exotopia e cronotopia, nessa direção, as fronteiras entre o público e o privado se estreitam, por meio de redes sociais, ficam fluidas, esmaecem, enquanto também mudam. O formato velho e novo coexistem de forma líquida, tornando novas as estruturas, ou retornando às mesmas assim o sujeito deseje, por isso, meu eu físico e meu eu virtual, minha vida pessoal e minha vida pública, minhas relações reais e intimas e minhas relações apenas através de uma tela já se misturam de tal forma que podem ser confundidas entre si. Nessa fragmentação que nos leva a pensar para além dos aspectos estruturais e composicionais da linguagem, percebemos a necessidade de analisar e compreender como determinados discursos são (re)produzidos, circulam e são (ou não) aceitos nas práticas sociais, como eles contribuem ou não para essa (re)significação identitária. Sendo assim, com o intuito de analisar essa dimensão multifacetada, tomamos um corpus de cinquenta  Tweets sob a hashtag #enemfeminista, dos quais foram escolhidos vinte e quatro como amostragem, signo esse que surge a partir do tema “a persistência da violência contra a mulher” da redação do Enem 2015. O objetivo deste trabalho é, assim, compreender como determinados discursos são (re)produzidos, circulam e são (ou não) aceitos nas práticas sociais, como eles contribuem ou não para essa (re)significação identitária. Para subsidiar a pesquisa, recorreremos aos Estudos Culturais, aos Estudos feministas e à Linguística Aplicada, partindo do arcabouço teórico metodológico da Análise Dialógica do Discurso, e por fim, aos textos de Bakhtin e Círculo. A pesquisa nos apontou, em primeira instância, a confirmação das identidades fragmentadas, coexistindo em meio a uma turbulenta conjuntura político-social; em segunda instância, percebemos a forte necessidade de pertencimento emitida pelos sujeitos em seus enunciados, assim como a forte influência das esferas comunicativas, através de discursos que mostram macrogrupos – feministas x antifeministas-, ao mesmo tempo em que se fragmentam em micro identidades plurais.

     


  • Mostrar Abstract
  • 1.      RESUMO EM INGLÊS:

     

     

     

    Hall (2006), in his research in the field of Cultural Studies, points to the fragmentation of identity in its different and possible constructions; Bauman (2005), in turn, discusses identity liquidity, its property of constant change of form. Finally, Bakhtin argues that the subject is not a fixed entity, but transits in a movement of (re) signification, in constant relationship with itself and with the other. For him and his Circle, from the moment that something is stated, it starts to mean, refract and reflect. It is from this plurality of identity that the discourse emerges and we perceive a constant tension in it, that is, the statements are embedded in: ideologies, responsibility / responsiveness, otherness and discursive memory. The (de) constructions of these subjects are the result of this tension and to try to resolve it, the subject feels the need to talk about it. In this way, the dynamics of identity, fluid and plural, permeates the discourse, showing the relationship that the subject builds with himself/herself and with the other, which Bakhtin already pointed out as a dialogical relationship. That is, there is a growing and urgent need for the subject to belong, to be, to stay and to get his/her truth heard, either through demands - for example, by joining social movements, feminist movements, partisan movements, - or by deconstructions disconnected from these movements or by positions, derived from personal experiences, showing the social impositions, constructions and subversions of patterns, accepted and rejected ideologies. Fragmentation takes place in time and space, in a relationship of exotopia and chronotopy, in this direction, the boundaries between public and private are narrowed, through social networks, they become fluid, they fade, while also changing. The old and new format coexist in a liquid form, enabling the structures new, or returning to them as soon as the subject wishes, therefore, my physical self and my virtual self, my personal and public life, my real and intimate relationships and my relationships only through a screen are already mixed in such a way that they can be confused with each other. In this fragmentation that leads us to think beyond the structural and compositional aspects of language, we realize the need to analyze and understand how certain discourses are (re) produced, circulate and are (or are not) accepted in social practices, how they contribute or not for this identity (re) signification. Thus, in order to analyze this multifaceted dimension, we took a corpus of fifty Tweets below the hashtag #enemfeminista, of which twenty-four were chosen as samples, a sign that arises from the theme “The persistence of violence against women” by the ENEM (acronym for Exame Nacional do Ensino Médio; translation High School National Exam) 2015 essay. The objective of this paper is, therefore, to understand how certain discourses are (re) produced, circulate and are (or are not) accepted in social practices, how they or not to this (re) identity meaning. To subsidize the research, we will use Cultural Studies, Feminist Studies and Applied Linguistics, starting from the theoretical methodological framework of Dialogic Discourse Analysis, and finally, the texts of Bakhtin and Circle. The research showed us, in the first instance, the confirmation of fragmented identities, coexisting in the midst of a turbulent political-social conjuncture; in the second instance, we perceive the compelling need for belonging emitted by the subjects in their statements, as well as the considerable influence of the communicative spheres, through discourses that show macrogroups - feminists x anti-feminists-, at the same time that they are fragmented into plural micro identities.

15
  • VALNECY OLIVEIRA CORRÊA SANTOS
  • ESCRITA E ACONTECIMENTO DISCURSIVO: uma análise discursiva do processo formativo do professor em dissertações do ProfLetras

  • Orientador : SULEMI FABIANO CAMPOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • IVEUTA DE ABREU LOPES
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MARINALVA VIEIRA BARBOSA
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • VALDIR HEITOR BARZOTTO
  • Data: 14/09/2020

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta um estudo sobre a escrita acadêmica, compreendida como parte constitutiva do processo de formação de professores. O objeto da investigação é a escrita de dissertações do Programa de Mestrado Profissional em Letras (ProfLetras), com enfoque na forma como o sujeito incorpora teorias e práticas às atividades de pesquisa e intervenção. Questiona-se: como a escrita pode revelar dados acerca do sujeito professor e de seu processo formativo? Parte-se da hipótese de que, ao desenvolver uma pesquisa e propor uma intervenção na realidade escolar, o sujeito precisa considerar os dados presentes no universo investigado, apropriar-se de teorias e mobilizá-las para fundamentar a prática. A escrita permite realizar esses movimentos. Para responder à pergunta de pesquisa, respondemos antes a outros três questionamentos, quais sejam: Diante do desafio de propor uma intervenção na realidade escolar, ao escrever uma dissertação de mestrado no ProfLetras, de que forma o sujeito articula a realidade observada, a teoria e o método de ensino utilizados para fundamentar o trabalho de intervenção? Como o sujeito, frente ao imperativo de desenvolver uma intervenção na realidade, define o objeto de ensino a ser utilizado? Como se constitui a intervenção nas dissertações do ProfLetras (DP)? O corpus utilizado para investigação é constituído por trinta DP produzidas nas diferentes regiões do Brasil. A análise objetiva investigar a constituição do sujeito professor mestre em Letras no processo formativo vivido no ProfLetras. Tem-se como objetivos específicos: discutir a forma como o sujeito articula as partes constituintes de uma dissertação ao propor uma intervenção na realidade escolar; apontar, a partir da análise da escrita de DP, os processos discursivos presentes na constituição do objeto de ensino de língua portuguesa; analisar os processos discursivos que constituem o discurso da intervenção em dissertações do ProfLetras. A análise do corpus busca depreender o discurso a partir da materialidade textual. Utilizam-se, como fundamentos teóricos, os postulados de Pêcheux para a leitura em Análise do Discurso (2009, 2014, 2015), bem como o método de Análise Relacional proposto por Apple (1982). As análises permitiram depreender que as DP apoiam-se em diferentes teorias, mas apresentam intervenção com estruturas similares, nas quais há a presença de uma lógica do consenso acerca do objeto e do método de ensino-aprendizagem; as dificuldades dos alunos em leitura e escrita que sustentam a elaboração da intervenção não provêm de um diagnóstico da realidade escolar, mas de um discurso anterior ao processo de elaboração, marcando, nos deslocamentos da escrita, o acontecimento discursivo; o discurso da intervenção aponta o professor como sujeito não agente ou pouco agente no ensino de língua portuguesa, indicando ser necessário intervir na prática docente; a escrita das DP não traz marcas de apropriação teórica, a teoria é reiterada, ficando seu uso restrito a um protocolo da escrita acadêmica, o que impede sua mobilização para a prática docente. O sujeito-responsável apresenta-se, na escrita das DP, como um sujeito dividido entre as posições de professor e de pesquisador. Essa divisão é dicotômica, o que impede a constituição de um sujeito professor-pesquisador. 


  • Mostrar Abstract
  • This research presents a study regarding academic writing, composed as a constitutive part of the process of teacher training. The object of investigation is the thesis writing of the Professional Master's Degree in Letters Program (ProfLetras), focusing on how the subject incorporates theories and practices into the research and intervention activities. The following question is posed: how can writing reveal data about the teacher and his formative process? It is based on the hypothesis that when developing a research and proposing an intervention within the school reality, it is necessary for the subject to consider the data found in the universe investigated, appropriate of theories, and mobilize these theories in order to substantiate the practice. Writing enables these actions to be executed. In order for us to answer the research question, we must answer three other questions first, whatever they are: Regarding the challenge of proposing an intervention in the school reality, when writing a Master's thesis at ProfLetras, how can the subject articulate the reality observed, the theory, and the teaching method used to support the intervention process? How does the subject, faced with the strong necessity to develop an intervention in the school reality, define the teaching object used in the intervention? How is the intervention constituted in ProfLetras’ theses (PT)? The corpus used in this research consists of thirty PTs produced in the different regions of Brazil. The analysis aims to investigate the constitution of the teacher-subject with a Master’s degree in Letters in their training process throughout the ProfLetras program. The specific objectives of this study are: to discuss how the subject articulates the constituent parts of a thesis when proposing an intervention in the school environment; to indicate, based on the analysis of PT writing, the discursive processes present in the constitution of the object of teaching Portuguese; to analyze the discursive processes that constitute the discourse of the intervention in the ProfLetras’ theses. The corpus analysis attempts to surmise discourse from material textuality. The postulates of Pêcheux for reading Discourse Analysis (2009, 2014, 2015) were used as theoretical background, as well as the method of Relational Analysis proposed by Apple (1982). The analysis showed that the PTs are based on different theories, but present interventions with similar structures, in which there is a consensus regarding the object and method of teaching-learning; the students’ difficulties in reading and writing that support the development of interventions do not originate from a diagnosis of the school reality, but from a discourse prior to the development process, marking the discursive event in writing displacements; the intervention discourse indicates the teacher as a non-agent or as a minor subject in the teaching of Portuguese, indicating the need to intervene in teaching practice; the writing of the PTs does not present marks of theoretical appropriation; therefore, the theory is confirmed, maintaining its use restricted to a protocol of academic writing, which prevents its mobilization for teaching practice. The responsible-subject presents him/herself, in the writing of PTs, as a subject divided between the positions of professor and researcher. Such division is dichotomous, which prevents the constitution of a researcher-professor subject.

16
  • FERNANDA ISABELA OLIVEIRA FREITAS
  • AS REPRESENTAÇÕES TEXTUAL-DISCURSIVAS DE JOSÉ DIRCEU E DA OPERAÇÃO LAVA JATO (RE)CONSTRUÍDAS NO ACÓRDÃO DE HABEAS CORPUS PROLATADO PELO TRF4  

  • Orientador : LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANAHY SAMARA ZAMBLANO DE OLIVEIRA
  • ANANIAS AGOSTINHO DA SILVA
  • CELIA MARIA DE MEDEIROS
  • LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • Data: 29/10/2020

  • Mostrar Resumo
  • Investigamos nesta tese as Representações textual-discursivas (Rtd) de José Dirceu e da
    Operação Lava Jato (OLJ) (re)construídas no acórdão de habeas corpus do TRF4. Para isso,
    buscamos fundamento nos pressupostos teóricos da esquematização e onipresença da
    argumentação de Grize e da Análise Textual dos Discursos (ATD), abordagem teóricometodológica
    proposta por Adam (2011, 2017, 2019), com contribuições de Rodrigues, Silva
    Neto e Passeggi (2010). No que concerne a essa abordagem, a pesquisa tem seu foco no nível
    semântico do texto, com destaque para a noção de esquematização e de Rtd, com Grize (1990,
    1996, 1997) e Adam (2011), respectivamente, e no nível argumentativo, com a orientação
    argumentativa. No âmbito do discurso jurídico, o estudo tem por base pesquisas de vários
    autores, entre eles, Lourenço (2015), Nucci (2019), Rodrigues (2016) e outros. De modo
    metodológico, adotamos o método misto (dedutivo e indutivo) e quanto à natureza das fontes
    utilizadas, classificamos a pesquisa como do tipo bibliográfica e documental, tendo, segundo
    seus objetivos, a denominação de uma investigação de caráter descritivo e explicativo, com
    modo qualitativo de abordagem do material estudado. O corpus da pesquisa é o acórdão
    resultante de julgamento de habeas corpus (503454282.2015.4.04.0000/PR), oriundo da
    prisão preventiva de José Dirceu, que foi decretada, no contexto da 17ª fase da cognominada
    “Operação Lava Jato”, em 03.08.2015, pelo Juízo da 13ª Vara Federal da Subseção Judiciária
    de Curitiba/PR, sob a argumentação de ausência de fundamentação da ordem prisional, a
    defesa formalizou habeas corpus no contexto do TRF4, ocasião em que a ordem restou
    denegada. Para a análise dessas Rtd, este estudo utiliza operações de textualização específicas:
    referenciação, modificação da referenciação, predicação e modificação da predicação. Os
    resultados apontam diferentes Rtd de José Dirceu nas esferas jurídica (paciente, investigado e
    jurisprudencial), política (Ex- Ministro da Casa Civil e político de alto escalão) e pessoal (sócio do
    irmão, assessor e consultor e titular da empresa JD Assessoria e Consultoria Ltda) e da OLJ
    (operação de dimensão extraordinária, maior operação, investigação de um dos mais promíscuos
    relacionamentos entre o público e privado e maior caso de corrupção investigado). Para isso, a
    seleção lexical e a recategorização (re)constrem as Rtd de José Dirceu e da OLJ de forma
    interligadas e se encontram discursivamente no texto de forma individualizada e coletiva nas
    esferas sociais, podendo ser consideradas, enunciativamente, como o efeito de estratégias
    argumentativas no acórdão pelos desembargadores para orientar argumentativamente José
    Dirceu como mentor de uma organização criminosa a fim de denegar o pedido de habeas
    corpus em virtude da fundamentação na garantia da ordem pública. Os processos de
    (re)construção dessas Rtd surgem na continuidade textual e dizem respeito aos recursos de
    construção de sentidos do texto a partir da esquematização e da onipresença da argumentação.
    Além disso, as estratégias linguísticas de introdução e de retomada do referente
    caracterizam/qualificam de forma peculiar o objeto de discurso a partir do processo de
    referenciação anafórico. Assim, diante da importância social do texto forense e, em especial,
    do acórdão na vida dos cidadãos e no contexto acadêmico, foi possível perceber a relevância
    em desenvolver pesquisas que abordem o estudo da dimensão semântica do texto,
    principalmente na construção das representações dos objetos de discurso a partir de uma
    orientação argumentativa.


  • Mostrar Abstract
  • This work aims to analyse the textual-discursive representations enunciated by
    José Dirceu at his trial sessions in TRF4, STJ and STF in the context of Operação
    Lava-Jato (Operation Carwash). Such study is relevant both for its interdisciplinary
    approach of Linguistics and Law and for the great interest that Brazilian society
    has shown in Operation Carwash, highlighted in the juridical, political and mediatic
    sceneries. The currency of the subject justifies the attention it has received of
    Linguistics researches. This work, particularly, has the goal of identifying José
    Dirceu’s textual-discursive representations (re)constructed by the judges and
    ministers in their respective court judgments; and of investigating the linguistic
    strategies that (re)constructed those textual-discursive representations,
    considering the argumentative purposes that the judges of the Courts of Justice
    and the ministers of the High Courts attempt to articulate in their discourses of
    denegation or concession of the habeas corpus asked by the accused, whilst
    describing possible motives for those discursive choices in the settlement of a
    certain signification in the court judgements. Based on that, this study pertains to
    the Textual Linguistics and, more specifically, to the Textual Discourse Analysis
    (ATD), theory developed by Jean-Michel Adam (2011 [2008]). The concept of
    textual-discursive representation proposed by ATD is one of the most important
    aspects of the text’s semantics dimension and of the Natural Logic by J. B. Grize
    (1996[1990]). Alongside those theories, this work considers the court judgement a
    social fact, inserted in a system of genres, as proposed by Bazerman (2006, 2007,
    2009). Aiming to discuss the textual-discursive representations and its textualizing
    operations – referencing and predication –, the research resorts to the studies of
    Castilho (2010), Rodrigues, Passeggi (2001, 2012), Mateus (2003), amongst
    others. Through a qualitative and documentary approach, based on inductive
    reasoning, the description and interpretation of our corpus is realized with the
    intent of (re)constructing José Dirceu’s textual-discursive representations. The
    corpus is compounded by 5 (five) court judgements of the habeas corpus number
    503454282.2015.4.04.0000/PR, judged by the aforementioned Brazilian courts, in
    the context of the preventive detention of defendant José Dirceu, former minister
    of the Civil House in president Luis Inácio Lula da Silva’s government. Initial
    results indicate that the textual-discursive representations restrain the
    schematization process of construction and/or interpretation of a reality in a given
    textual materiality, being, furthermore, inserted in an interactive, dialogic and
    argumentative sphere. That seems to be a consequence of the textual-discursive
    representations of the defendant being made by the description and interpretation
    of the linguistic, textual and discursive choices of the judges in writing their
    judgments, to which text and context are articulated to produce the desired effects
    of signification. Therefore, the defendant’s textual-discursive representations can
    be considered, enunciatively, as the result of argumentative strategies aimed to
    promote discursive actions particular to social, discursive and juridical realms.

17
  • MARIA HELISSA DE MEDEIROS
  • RASTROS E RESÍDUOS DA TRADIÇÃO REGIONALISTA NA TRAMA COSMOPOLITA DE GALILEIA 

  • Orientador : DERIVALDO DOS SANTOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • KALINA ALESSANDRA RODRIGUES DE PAIVA
  • MARIA APARECIDA DA COSTA GONCALVES FERREIRA
  • Data: 18/11/2020

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho parte do pressuposto de que o romance Galileia, de Ronaldo Correia Brito, prolonga o passado no presente à base do resíduo cultural (Williams) e do rastro (Benjamin) acoplado ao de memória. Lembrar o passado se caracteriza por aquilo que resta, que remanesce de um tempo em outro, podendo significar a presença de uma sociedade que vive o passado à luz de vestígios culturais. Interessa-nos, pois, analisar o duplo movimento que constitui tal romance: um voltado para a busca de uma vida moderna com a ideia de que a modernidade está impregnada de acasos e acúmulo de experiências renovadas; outro vinculado a modos de vida baseados na experiência tradicional, representada na imagem de uma família patriarcal decadente, em que a experiência vem sob a forma de rastro no texto literário. No tocante à fundamentação teórica, tomaremos a noção de resíduo cultural empreendida por Raymond Williams (1979), e de rastro, defendida por Walter Benjamin (1994) para subsidiar nossa análise, a fim de pensarmos sobre o modo como componentes da tradição regionalista são incorporados ao romance, ao mesmo tempo que atualizados. Tais categorias analíticas, salvaguardando as singularidades que lhes são próprias, trazem como base comum do pensamento crítico a relação da vida presente com o passado histórico. Durante a análise foi possível perceber que o romancista investiu, literariamente, numa imagem de sertão atual, livre de estereótipos, uma vez que reaparecem em Galileia (2008) cenas entrelaçadas a discursos outros que possibilitam a ressignificação da região, compreendida não mais como espaço meramente inscrito na natureza, mas a partir de seu caráter histórico e político e delineado pelas representações culturais.

     

     


  • Mostrar Abstract
  • This work starts from the assumption that the novel Galileia, by Ronaldo Correia Brito, prolongs the past in the present based on cultural residue (Williams) and the trail (Benjamin) coupled with memory. Remembering the past is characterized by what remains, which remains from one time to another, which may mean the presence of a society that lives the past in the light of cultural traces. We are interested, therefore, in analyzing the double movement that constitutes such a novel: one aimed at the search for a modern life with the idea that modernity is impregnated with chance and accumulation of renewed experiences; another linked to ways of life based on traditional experience, represented in the image of a decadent patriarchal family, in which the experience comes in the form of a trail in the literary text. Regarding the theoretical foundation, we will take the notion of cultural residue undertaken by Raymond Williams (1979), and of trail, defended by Walter Benjamin (1994) to support our analysis, in order to think about the way in which components of the regionalist tradition are incorporated to the novel, while updated. Such analytical categories, safeguarding their singularities, bring the relationship of present life to the historical past as a common basis for critical thinking. During the analysis it was possible to notice that the novelist invested, literarily, in an image of the current hinterland, free of stereotypes, since scenes intertwined with other speeches reappear in Galileia (2008) that make possible the resignification of the region, understood no longer as merely a space inscribed in nature, but from its historical and political character and outlined by cultural representations.

18
  • ALANA DRIZIÊ GONZATTI DOS SANTOS
  • Letramento comunitário: engajando saberes locais aos saberes escolares 

  • Orientador : MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • DENISE MARIA DE CARVALHO LOPES
  • MOISES ALBERTO CALLE AGUIRRE
  • ARTHUR LUIS DE OLIVEIRA TORQUATO
  • MARIA TERESA JACINTO PEREIRA
  • Data: 16/12/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa parte do princípio de que discussões acerca de engajamento, empoderamento e transformação nas esferas familiar, comunitária e escolar se fazem necessárias na conjuntura atual, caracterizando-se metodologicamente como qualitativa (ERICKSON, 1990; BORTONI-RICARDO, 2008; LAKATOS; MARCONI, 2010) de natureza etnográfico-crítica (THOMAS, 1993; HEATH, STREET, 2008; MATTOS, CASTRO, 2011). Os ambientes da investigação são a Escola Municipal Professor Ulisses de Góis e o bairro de Nova Descoberta – Natal – RN. Os cem colaboradores são constituídos por membros da equipe escolar, alunos de uma turma de primeiro ano do Ensino Fundamental, familiares e agentes externos vinculados a dez estabelecimentos diferentes. No que tange aos procedimentos de geração de dados, foi realizado, em 2017, um projeto de letramento comunitário, durante um ano letivo, com os colaboradores envolvidos, efetuando ações de leitura, fala e escrita que possibilitassem o engajamento escola-família-comunidade, registradas no recurso online e-book intitulado “Nova(s) Descoberta(s) do nosso bairro: famílias, memórias e histórias”. O objetivo geral da pesquisa foi discutir um projeto de letramento comunitário e seus impactos no redimensionamento das práticas de fala, leitura e escrita no espaço escolar. Especificamente, procuramos (i) caracterizar a rede de atividades desenvolvida no projeto de letramento comunitário; (ii) identificar estratégias de ações, eventos e práticas que favoreçam a articulação entre escola-família-comunidade; (iii) refletir acerca de espaços de aprendizagem na comunidade a partir da escola como agência catalisadora de ações; (iv) estabelecer articulação entre os saberes locais e os saberes escolares por meio das práticas de letramento mobilizadas. São assumidos como referencial teórico os estudos de letramento (STREET, 1984, 2011, 2014; BARTON; HAMILTON; IVANIC, 1993; HAMILTON, 2000; KLEIMAN, 1995, 2005, 2006, 2016; ROJO, 2009; OLIVEIRA, 2010a, 2010b; OLIVEIRA; TINOCO; SANTOS, 2014), com foco em questões de letramento comunitário (HEATH, 1983; BARTON, HAMILTON, 1998; HEATH, 2004; BARTON, IVANIC, APPLEBY, HODGE, TUSTING, 2007).  São trabalhados de forma central, também, conceitos de desterritorialização, comunidade de aprendizagem, saberes locais e saberes escolares. A partir das discussões empreendidas, foram elencadas como categorias analíticas rede de atividades, engajamento escola-família-comunidade, desterritorialização dos lugares de aprendizagem e artefatos culturais e saberes locais. As análises indicam que, por meio do projeto “Nova(s) Descoberta(s): escola, família e comunidade”, saberes não tradicionalmente disponibilizados no espaço escolar foram mobilizados via linguagem, focalizando nos interesses dos sujeitos e na valorização da cultura local, o que contribui para a compreensão crítica do ambiente em estudo e para a criação de novas relações entre professor, pesquisador, aluno, família e comunidade.


  • Mostrar Abstract
  • This qualitative research of ethnographic-critical nature is based on the principle that discussions about engagement, empowerment and transformation in the family, community and school spheres are necessary in our current situation. The research environments are the Municipal School Professor Ulisses de Góis and the neighborhood of Nova Descoberta - Natal - RN. The 100 collaborators are made up of members of the school team, students from a first-year class of elementary school, family members and external agents linked to ten different establishments. With regard to data generation procedures, a community literacy project was carried out in 2017, during an academic year, with the collaborators involved, carrying out reading, speaking and writing actions that enabled school-family-community engagement, registered in the online resource e-book entitled “Nova(s) Descoberta(s) of our neighborhood: families, memories and stories”. The general objective of the research was to discuss a community literacy project and its impacts on the resizing of speech, reading and writing practices in the school space. Specifically, we seek to (i) characterize the network of activities developed in the community literacy project; (ii) identify strategies for actions, events and practices that favor the articulation between school-family-community; (iii) reflect on learning spaces in the community from the school as a catalyst for actions; (iv) establishing articulation between local knowledge and school knowledge through mobilized literacy practices. Literacy studies (Street, 1984, 2011, 2014; Barton; Hamilton; Ivanic, 1993; Hamilton, 2000; Kleiman, 1995, 2005, 2006, 2016; Rojo, 2009; Oliveira, 2010a, 2010b; Oliveira; Tinoco; Santos, 2014) are assumed as a theoretical reference, focusing on community literacy issues (Heath, 1983; Barton, Hamilton, 1998; Heath, 2004; Barton, Ivanic, Appleby, Hodge, Tusting, 2007). The concepts of deterritorialization, learning community, local knowledge and school knowledge are also worked on centrally. From the discussions undertaken, analytical categories were listed as network of activities, school-family-community engagement, deterritorialization of places of learning and cultural artifacts and local knowledge. The analyzes indicate that, through the project “Nova(s) Descoberta(s): school, family and community”, knowledge not traditionally made available in the school space was mobilized via language, focusing on the interests of the subjects and the valorization of local culture, which contributes to the critical understanding of the study environment and to the creation of new relationships between teacher, researcher, student, family and community.

19
  • NOURAIDE FERNANDES ROCHA DE QUEIROZ
  •  

     

     

    PONTOS DE VISTA E RESPONSABILIDADE ENUNCIATIVA EM RELATÓRIOS TÉCNICOS DE PROCEDIMENTOS RESTAURATIVOS NO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE

     

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVAO
  • CELIA MARIA DE MEDEIROS
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • ANA LUCIA TINOCO CABRAL
  • SUELI CRISTINA MARQUESI
  • Data: 16/12/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa tem como objetivos identificar, descrever, analisar e interpretar o plano de texto, o ponto de vista (PDV) e a Responsabilidade Enunciativa (RE) em Relatórios Técnicos de Procedimentos Restaurativos. Trata-se de gênero discursivo do domínio jurídico, no âmbito do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte (MPRN). O corpus está constituído de 19 (dezenove) Relatórios, os quais se referem a conflitos comunitários, escolar e/ou familiar, que implicaram a aplicabilidade de práticas restaurativas, solicitadas por Promotorias de Justiça da Infância e Juventude, na busca de resoluções pacíficas desses conflitos.  A pesquisa ancora-se na Análise Textual dos Discursos (ATD) proposta por Adam (2011), que se originou a partir da Linguística Textual (LT) e da Linguística Enunciativa (LE). Essa abordagem permitiu descrever o plano de texto dos Relatórios e analisar estratégias linguísticas que indicam a (não) assunção da RE, por parte do locutor/enunciador primeiro (L1/E1), ou seja, pelos facilitadores das práticas restaurativas. Além disso, a abordagem enunciativa nos permitiu, a partir dos estudos de Rabatel (2003, 2005, 2008, 2009, 2010, 2017, 2016, 2017, 2018), aprofundar a análise do PDV e da RE. A análise desses fenômenos dialógicos e polifônicos considerou os diferentes tipos de representação da fala na circulação do discurso e no papel do L1/E1, quando assume a responsabilidade pelo conteúdo proposicional do próprio dizer ou quando a imputa a outrem. A investigação seguiu Guentchéva (1990, 1993, 1994, 1996, 2011, 2014, 2015), no que diz respeito ao quadro mediativo (MED), a partir de marcas linguísticas, as quais permitiram identificar o engajamento ou distanciamento do enunciador em relação ao conteúdo proposicional dos enunciados. Igualmente, seguimos estudos de Rodrigues, Passeggi e Silva Neto (2010, 2014, 2016), Rodrigues (2016a, 2016b, 2016c, 2017, 2018), Rodrigues e Passeggi (2016), Lourenço (2013, 2015, 2017), Lourenço e Rodrigues (2013) na interface linguagem/discurso jurídico. Para desenvolver a pesquisa, adotamos a metodologia qualitativa, bibliográfica e documental e o método indutivo. Em suma, a análise do corpus nos permitiu identificar um plano de texto convencional. As análises dos pontos de vista, conforme os pressupostos rabatelianos mostram-nos a prepominância de um PDV representado, havendo ainda recorrência de PDV narrado e assertado. Verificamos, nesse sentido, que L1/E1 por vezes imputa a RE a e2, e em outras assume-a, explicitamente, de forma específica, na zona textual de encerramento dos Relatórios. Identificamos, ainda, a ocorrência de quadro mediativo, introduzido por conectores conformativos e por verbos discendi.


  • Mostrar Abstract
  •  

    This research aims to identify, describe, analyze and interpret the phenomena,  Text Plan, Point of View (PDV) and Enunciative Commitment (EC), in Technical Restorative Procedure Reports. It deals with the discursive genre circumscribed in the domain of legal discourse, within the Public Ministry of the State of Rio Grande do Norte (PMRN). The corpus comprises 19 (nineteen) Reports that refer to conflicts in the realm of community, school and/or family relations, which implicate the applicability of restorative practices, solicited by the District Attorney’s Juvenile Justice department, seeking conciliatory solutions to these conflicts. The research relies on the theoretical support of Textual Discourse Analysis (TDA), proposed by Adam (2011), based on Textual Linguistics (TL) and Enuniciative Linguistics (EL). The research describes the compositional structure of the Reports, its text plan, and seeks to analyze linguistic strategies that indicate the assumption or not of the EC, by the first speaker/enunciator (S1/E1), or rather, by the facilitators of the restorative practices. Thus, studies by Rabatel (2003, 2009, 2010, 2016, 2017, 2018) are also highlighted, with respect to POV and EC. The enunciative approach, with its foundation in theories of polyphony and dialogic discourse make it possible to investigate EC taking into account the different types of representations of speech embedded in the transmission of the discourse and in the role the speaker plays, on attributing it to some other speaker or assuming responsibility for the propositional content of his/her own speech. To investigate the mediating frameworks, the theoretical basis is drawn from Guentchéva (1990, 1993, 1994, 1996, 2011, 2014) who analyzes the gramatical category of mediativity (MED) from the linguistic marks, which allows for the identification of the engagement or distancing of the speaker in relation to the propositional content of the utterances. Studies by Rodrigues, Passeggi and Silva Neto (2014), Rodrigues (2016a, 2016b, 2017, 2018), Rodrigues e Passeggi (2016), Lourenço (2008, 2015, 2018), among others are focused on the approaches to analyzing legal discourse. To achieve the aims of the proposed study, in this thesis two categories of analysis were chosen: the different types of representation of speech and the indications of the mediating frameworks that characterize, in textual materiality, the degree of EC in propositional enunciations. In this sense, the methodology can be characterized as qualitative, bibliographic and documentational, interpretivist in nature, and using the inductive method. the analysis of the corpus allowed us to identify a conventional text plan. The analysis of the points of view, according to the rabatelian assumptions, shows us the preponderance of a represented PDS, with recurrence of narrated and asserted PDS. In this sense, we find that L1 / E1 sometimes attributes RE to e2, and at other times it explicitly assumes it in a specific way in the textual zone for closing the Reports. We also identified the occurrence of a mediative framework, introduced by conformative connectors and by discendi verbs.

     

20
  • DIÊGO CESAR LEANDRO
  • Planejamento pré-tarefa, memória operacional e produção oral em inglês como L2: um estudo exploratório usando análise de grafos


  • Orientador : JANAINA WEISSHEIMER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • INGRID FINGER
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • MAHAYANA CRISTINA GODOY
  • NATALIA BEZERRA MOTA
  • RAQUEL CAROLINA SOUZA FERRAZ D''ELY
  • Data: 17/12/2020

  • Mostrar Resumo
  •  

    Este estudo transversal de métodos mistos (Dörnyei, 2007) objetiva investigar a relação entre planejamento pré-tarefa, memória operacional e produção oral em inglês como Segunda Língua (L2). Cinquenta e seis falantes de inglês como L2, nos níveis pré-intermediário (n = 46) e avançado (n = 10), integraram o estudo. Os aprendizes de nível pré-intermediário foram expostos a uma tarefa de descrição de imagens na qual usaram a L2 para descrever três imagens, cada uma por um minuto.  Cada imagem foi descrita sob uma condição de planejamento pré-tarefa. Na condição no-planning, os participantes descreveram a imagem imediatamente, sem planejar a sua fala. Nas condições oral e escrita, os participantes planejaram a fala por um minuto antes de realizar a tarefa, ensaiando oralmente a fala ou fazendo anotações. A produção oral foi analisada em termos de complexidade (número de t-unidades), acurácia (número de erros por 100 palavras), densidade lexical ponderada (proporção de palavras novas produzidas com propriedades lexicais e gramaticais) e fluência (velocidade de fala, nas versões pruned e unpruned). O processo de planejamento foi investigado por meio de um protocolo verbal e a memória operacional foi mensurada por meio do speaking span test (Weissheimer, 2007) em L1 (Português do Brasil). Adicionalmente, as amostras de fala foram analisadas por meio de grafos em que cada nó representa uma palavra e as arestas representam a trajetória das palavras produzidas (Mota et al., 2016, 2019). As análises foram conduzidas intra-sujeito, de forma a investigar quais das condições experimentais resulta em uma produção oral mais complexa, mais gramaticalmente precisa, mais densa lexicalmente e mais fluente, e entre sujeitos, incluindo memória operacional como fator de acordo com uma análise do tipo extreme-group. A análise de grafos foi conduzida para investigar a produção oral no contínuo entre os níveis pré-intermediário e avançado de proficiência na L2. Em geral, os resultados indicam uma vantagem do planejamento pré-tarefa sobre a condição no-planning, independentemente da modalidade de planejamento. A fala produzida sob as condições oral e escrita obtiveram maiores médias do que a fala produzida sob a condição no-planning e os efeitos positivos emergiram com apenas um minuto de planejamento. A mesma tendência foi observada quando a memória operacional foi inclusa como fator, mas os dois grupos de memória (alta e baixa memória operacional) divergiram em relação às variáveis mais afetada pelo planejamento pré-tarefa. Em relação aos processos de planejamento, os participantes parecem ter preferido ter pelo menos um minuto para planejar a sua fala ao invés de não poder planejá-la e identificaram tanto vantagens como desvantagens das condições de planejamento oral e escrito.


  • Mostrar Abstract
  • This cross-sectional mixed-method study (Dörnyei, 2007) aims at investigating the relationship between pre-task planning, working memory capacity and L2 speech production. Fifty-six speakers of English as L2, at a pre-intermediate (n = 46) and a near-native (n = 10) level of speaking proficiency, integrated the cohort of the study. The pre-intermediate learners were exposed to a here-and-now picture-description task in which they used the L2 to described three pictures, for one minute each. Each picture was described under a pre-task planning condition. Under the no-planning condition, participants described the picture immediately, without planning their output. Under the oral and written conditions, participants planned their output for one minute prior to task performance, by orally rehearsing it or by taking notes. Speech production was analyzed in terms of complexity (number of t-units), accuracy (number of errors per 100 words), weighted lexical density (proportion of new words produced with lexical and grammatical properties) and fluency (speech rate unpruned and speech rate pruned). Planning processes were investigated by means of a delayed verbal protocol and working memory capacity was measured through the speaking span test (Weissheimer, 2007) in L1 (Brazilian Portuguese). Additionally, speech samples were analyzed through graphs in which the nodes represent the words and the edges represent the trajectory of the words produced (Mota et al., 2016, 2019). Analyses were conducted within-subjects, in order to find out which planning condition yields better results in terms of more complex, more accurate, more lexically dense and more fluent speech, and between-subjects, including memory as a factor following an extreme-group design. Graph analysis was conducted with the purpose of investigating speech production within the continuum between the pre-intermediate and the nativelike level of L2 proficiency. In general, results indicate an advantage of pre-task planning over the no-planning condition, irrespective of the modality it assumes. Speech planned under the oral and written planning conditions outscored the speech produced under the no-planning condition and the positive effects emerged with only one minute of planning. The same trend was observed when working memory capacity was included as a factor, although the two memory groups (higher and lower spans) diverged in relation to the variables most affected by pre-task planning. With regard to planning processes, participants seem to have preferred planning for a least one minute to not planning at all and identified advantages and disadvantages of the oral and written planning conditions.

21
  • LÍGIA MARIA DA SILVA
  • ABORDAGEM FUNCIONALISTA DA ORAÇÃO ADJETIVA: DESCRIÇÃO E ENSINO

  • Orientador : EDVALDO BALDUINO BISPO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDVALDO BALDUINO BISPO
  • JOSE ROMERITO SILVA
  • NEDJA LIMA DE LUCENA
  • MARIANGELA RIOS DE OLIVEIRA
  • PATRÍCIA FABIANE AMARAL DA CUNHA LACERDA
  • Data: 21/12/2020

  • Mostrar Resumo
  • Nesta pesquisa, desenvolvemos uma interface entre a descrição e o ensino da oração adjetiva, objetivando caracterizá-la em termos morfossintáticos, semânticos e discursivo-pragmáticos e contribuir para a melhoria do ensino desse tópico gramatical por meio de uma abordagem funcionalista. Para tanto, temos por base a Linguística Funcional norte-americana, inspirada em Givón, Bybee, Traugott, entre outros. Consideramos também as orientações de documentos norteadores do ensino de Língua Portuguesa para a Educação Básica: as Orientações Curriculares Nacionais (BRASIL, 2006) e a Base Nacional Comum Curricular (BRASIL, 2018). A descrição da oração adjetiva com base em pesquisas funcionalistas, como as de Oliveira (2001), Bispo (2009, 2014a, b, 2018) e Souza (2009), contempla aspectos de diferentes naturezas, relacionados ao nível de encaixamento morfossintático, à classificação semântica, às estratégias de relativização, dentre outros. Quanto ao ensino, os documentos orientam que a prática de análise linguística possa expandir as possibilidades de uso da linguagem, ampliando a capacidade crítica do aluno. A hipótese geral de trabalho é que a descrição funcionalista das adjetivas contempla os diferentes modos de organização desse tipo oracional bem como aspectos estruturais e funcionais vinculados a essas formas de expressão e que a abordagem das adjetivas em sala de aula, nessa perspectiva, deve partir de usos efetivos dessas formas, canônicas ou não, associando-as aos diferentes contextos comunicativos e aos efeitos de sentido que se pretende alcançar. A partir disso, elaboramos uma proposta didática que foi aplicada em turmas dos níveis fundamental e médio de uma escola pública da rede estadual em Natal/RN. Trata-se de uma pesquisa de cunho quali-quantitativo, tendo em vista a interpretação e análise do material obtido na intervenção. Quanto à descrição da adjetiva, esta tese resultou na proposição de um continnum de integração com base nas discussões sobre as diferentes configurações da adjetiva em pesquisas funcionalistas. Foram considerados os critérios de definitude do Sintagma Nominal (SN) antecedente, informatividade do SN antecedente, presença/ausência de pronome relativo, fundidade da adjetiva, pausa, inserção e ruptura sintática. As adjetivas foram dispostas nesta sequência, do menor ao maior nível de encaixamento: desgarrada > explicativa finita prototípica > explicativa não finita > explicativa finita não prototípica > relativa livre > restritiva finita não prototípica > restritiva finita prototípica > restritiva não finita.Em relação à proposta didática, os resultados revelam que, após as aulas fundamentadas na abordagem funcional, alguns alunos conseguiram correlacionar usos linguísticos a motivações cognitivas e comunicativas quanto aos diferentes modos de organização das orações adjetivas e, em particular, quanto ao emprego das diferentes estratégias de relativização. Ademais, os resultados denotam a necessidade de ajustes devido à realidade das turmas e ao atendimento às bases teóricas que fundamentaram a intervenção. Tais ajustes incluem, por exemplo, o tempo destinado às atividades e a readequação de algumas questões dos exercícios.


  • Mostrar Abstract
  • In this research, we develop an interface between the description and the teaching of relative clause. We intend to describe its morphosyntactic, semantic and discursive-pragmatic aspects and to improve the teaching of this grammatical topic through a functionalist approach. The theoretical support is the North American Functional Linguistics, inspired by Givón, Bybee, Traugott, among others. It also considers orientations from the guiding documents of Portuguese Language teaching for Basic Education: National Curricular Guidelines (BRASIL, 2006) and the Common National Curricular Base (BRASIL, 2018).The relative clause description, based on functionalist researches, such as Oliveira (2001), Bispo (2009, 2014a, b, 2018) and Souza (2009), contemplates various aspects, related to the level of morphosyntactic embedding, semantic classification, relativization strategies, among others. In terms of Portuguese teaching, documents orient that the practice of linguistic analysis can expand possibilities of language use, increasing student’s critical capacity. This research has as general hypothesis that the functionalist description of relatives clauses contemplates the different modes of organization of this orational type as well as structural and functional aspects linked to these forms of expression and that the approach to adjectives in classrooms, by this perspective, should start from effective uses of these forms, whether canonical or not, associating them to the different communicative contexts and to the effects of meaning that one intends to achieve. From this, it was elaborated a didactic proposal that was applied in elementary and high school classes of a state public school in Natal/RN. It is an eminently qualitative and quantitative research, considering interpretation and analysis of the material obtained during the application of the proposal. As for the description of the adjective, this thesis resulted in the proposal of an integration continuum based on discussions about the different configurations of the adjective in functionalist research. The criteria for definitiveness of the antecedent NP (Nominal Phrase), informativeness of the antecedent NP, presence/absence of relative pronoun, background of relative clause, pause, insertion and syntactic rupture were considered. The relative clauses were arranged in this sequence from the lowest to the highest level of embedding: untied relative clause > prototypical finite non-restrictive relative > non-finite non-restrictive relative > non-prototypical finite non-restrictive relative > headless relative > non-prototypical finite restrictive relative > prototypical finite restrictive relative > non-finite restrictive relative. Regarding the didactic proposal, results show that, after classes based on the functional approach, students were able to correlate linguistic uses with cognitive and communicative motivations regarding the different modes of organization of relative clauses and, in particular, the use of different relativization strategies. In addition, the results denote the need for adjustments due to the reality of the classes and to the attendance of the theoretical bases that supported the intervention. Such adjustments include, for example, the time allotted for activities and the readjustment of some exercise questions.

2019
Dissertações
1
  • CAMILA FERNANDES DA COSTA
  • NARRATIVAS DE ESTUPRO: A REPRESENTAÇÃO DA VIOLAÇÃO FEMININA SOB DIFERENTES PROJEÇÕES

  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • JULIANE VARGAS WELTER
  • WELLINGTON FURTADO RAMOS
  • Data: 11/02/2019

  • Mostrar Resumo
  • Este estudo analisa as cenas de estupro presentes nas obras: Capitães da Areia (1937), de Jorge Amado e Terra Sonâmbula (1992), de Mia Couto. Tendo como objetivo investigar o pressuposto de que, diante desse crime, na maioria das vezes insere-se a culpa na vítima, seleciona-se como foco central as personagens femininas Negrinha e Farida, avaliando a forma como ambas são representadas diante de uma mesma situação – o abuso sexual. Parte-se das seguintes questões-hipóteses: (i) há uma supremacia do homem nas relações sociais apresentadas nas narrativas?; (ii) a escolha do léxico na descrição das cenas e das personagens femininas remete a uma situação de subalternidade da mulher?; (iii) há a inserção de um valor de desejo feminino durante o estupro que perpetua a ideia da vítima como responsável pela violência?; (iv) quais as diferenças e similitudes principais entre as descrições das personagens e cenas nos dois romances e quais os efeitos de sentido que as problemáticas em torno da representação de mulheres desencadeiam no leitor? Tomamos por base as contribuições da Literatura Comparada para os estudos literários (COUTINHO e CARVALHAL, 2011; NITRINI, 1997); em seguida, inserimos a definição de violência sexual e violência ética para chegarmos à pretensão de uma não violência, amparadas em (BUTLER, 2016; GOMES, 2016; SOLNIT, 2017 e ZOLIN, 2009). Por fim, analisamos os heterodiscursos presentes nas obras (BAKHTIN, 2014; 2015). Os resultados da pesquisa ilustram que as obras possuem descrições do abuso sexual com enfoques distintos, os quais remetem às questões sociais e aos valores incutidos, uma critica a postura do agressor, a outra objetifica o agredido.


  • Mostrar Abstract
  • The rape scenes presented in Capitães da Areia (1937) by Jorge Amado and Terra Sonâmbula (1992) by Mia Couto are investigated in this study. Therefore, this research aims to analyze the assumption that the blame for such crime is often placed on the victim. For this purpose, the female characters Negrinha e Farida were selected as the main focus of this study, emphasizing the way that both are represented in the same situation – the sexual abuse. This study analyzed the following inquiries: (i) is there a male supremacy in the social relations presented in the narratives? (ii) do the lexical choices in the descriptions of scenes and female characters refer to a situation of female inferiority? (iii) is there a female desire in the rape scene that perpetuates the idea that the victim is responsible for the violence? (iv) what are the main similarities and differences between the characters and scenes descriptions in both novels and what are the meaning effects that the women representation subject cause on the reader? The contributions of the Comparative Literature were used as theoretical background to the literary studies (Coutinho and Carvalhal, 2011; Nitrini, 1997). Furthermore, the definition of sexual and ethical violence was addressed in this research in order to achieve a state of non-violence, which is backed by Butler (2016), Gomes (2016), Solnit (2017) and Zolin (2009). At last, the heterodiscourses approached in Bakhtin (2014 and 2015) were analyzed. In conclusion, the results showed that the literary works forementioned present sexual abuse descriptions with different approaches, which refer to social issues and inner values – one of the novels criticizes the posture of the abuser one while the other objectifies the abused one.

2
  • PEDRO LUCAS DE LIMA FREIRE BEZERRA
  • A IMPOSSIBILIDADE DE MANTER-SE A SALVO: A LITERATURA E O MAL EM ROBERTO BOLAÑO

  • Orientador : EDUARDO ANIBAL PELLEJERO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDUARDO ANIBAL PELLEJERO
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • JONNEFER BARBOSA
  • Data: 18/02/2019

  • Mostrar Resumo
  • Segundo Georges Bataille, a Literatura consiste em uma busca obstinada pela liberdade, jamais se curvando à ordem e às regras impostas pelas sociedades constituídas, posicionando-se sempre nos antípodas da duração e do projeto de preservação da vida proposto pela modernidade. A Literatura, destarte, responderia às exigências de um mundo do Mal, mundo contrário à harmonia e à existência durável, postulante do desastre, do despudor e da negatividade. No centro dessas relações entre A Literatura e o Mal, o objeto do nosso estudo é o autor chileno Roberto Bolaño Ávalos (1953 - 2003), de obra alentada produzida a partir do final da década de 80 até o início dos anos 2000, consolidada, em parte, pela figura mítica do autor. Morto precocemente, Bolaño se inseriu como principal nome do pós-Boom latino-americano, uma nova leva de escritores latino-americanos que chamaram atenção da crítica a partir dos anos 90, com obras singulares em relação às produções de Vargas Llosa, García Márquez, Donoso, Cortázar, Fuentes e Carpentier. Funcionando até mesmo como oposição à consagração desses autores, a geração de Bolaño está situada entre o trauma das ditaduras na América, a necessidade do exílio e a produção primordialmente urbana, alheia ao realismo fantástico que caracterizou a literatura latino-americana. Esses traumas surgem na obra do autor chileno como uma reverberação de um Mal profundo, que se anuncia na impotência de suas personagens, na sua escrita ao mesmo tempo fragmentária e caudalosa, nos diversos episódios históricos que se confundem com histórias privadas menores, nos poetas e escritores que se convertem em detetives ou assassinos, nas experiências transgressoras que levam os sujeitos à ruína sem adiamento. Para refletir sobre essas questões em nossa dissertação, além de Bataille, utilizamos Blanchot (2011, 2002), Barthes (2005), Lévinas (2001) e outros autores, a fim de abordar as fulgurações simbólicas do Mal na obra Amuleto, do escritor chileno. Amuleto é um desdobramento de uma das várias narrativas contidas em Detetives Selvagens (1998), obra prima de Roberto Bolaño; aqui, Auxilio Lacouture, uma uruguaia exilada no México, narra suas aventuras junto aos poetas e intelectuais mexicanos, enquanto está sitiada no banheiro da Universidade Autónoma do México no dia em que a instituição fora invadida por militares, em 1968. Esse romance é central na obra de Bolaño por trazer questões presentes em toda sua obra e servir como uma visão em paralaxe de todas as dimensões da Literatura desse escritor, funcionando também para nossa abordagem sobre as figuras do Mal em seus livros.


  • Mostrar Abstract
  • According to Georges Bataille, Literature consists of a stubborn search for freedom, never bowing to the order and rules imposed by constituted societies, always standing in the antipodes of the duration and the project of preservation of life proposed by modernity. Literature, therefore, would respond to the demands of a world of Evil, a world contrary to harmony and durable existence, postulant of disaster, shamelessness and negativity. At the center of these relations between Literature and Evil, the object of our study is the Chilean author Roberto Bolaño Ávalos (1953 - 2003), an authoritative work produced from the end of the 1980s until the beginning of the 2000s, consolidated, in part, by the mythical figure of the author. Early dead, Bolaño was included as the main name of the Latin American post-Boom, a new wave of Latin American writers that caught the attention of critics from the 90s, with singular works in relation to the productions of Vargas Llosa, García Márquez, Donoso, Cortázar, Fuentes and Carpentier. Functioning even in opposition to the consecration of these authors, Bolaño's generation is situated between the trauma of dictatorships in America, the need for exile and the primordially urban production, oblivious to the fantastic realism that characterized Latin American literature. These traumas appear in the work of the Chilean author as a reverberation of a deep Evil, which is announced in the impotence of his characters, in his writing at the same time fragmentary and mighty, in the various historical episodes that are confused with smaller private stories in poets and writers who become detectives or assassins, in the transgressive experiences that lead subjects to ruin without postponement. To reflect on these issues in our dissertation, in addition to Bataille, we use Blanchot (2011, 2002), Barthes (2005), Lévinas (2001) and other authors to address the symbolic flashes of Evil in the Chilean’s writer work. Amuleto is an unfolding of one of several narratives contained in Detetives Selvagens (1998), masterpiece of Roberto Bolaño; here, Auxilio Lacouture, a Uruguayan exiled in Mexico, recounts her adventures with Mexican poets and intellectuals while she was besieged in the bathroom of the Autonomous University of Mexico on the day the institution was invaded by the military in 1968. This novel is central in Bolaño's work for bringing issues present throughout his work and serving as a parallax view of all dimensions of this writer's Literature, also working for our approach to the figures of evil in his books.

3
  • YOUSSEF UD ALIGHIERE DE PAIVA MACENA DA SILVA
  • JUNTORES DE CONDICIONALIDADE E FINALIDADE EM NOTÍCIAS DO IMPEACHMENT DE DILMA ROUSSEFF EM JORNAIS ONLINE DE NATAL: IDENTIFICANDO TRADIÇÕES DISCURSIVAS

  • Orientador : ALESSANDRA CASTILHO FERREIRA DA COSTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALESSANDRA CASTILHO FERREIRA DA COSTA
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • JOHANNES KABATEK
  • Data: 09/04/2019

  • Mostrar Resumo
  • O presente estudo busca investigar juntores de condicionalidade e finalidade em um corpus composto por 138 notícias online sobre o impeachment de Dilma Rousseff, de quatro jornais da cidade de Natal-RN, visando constatar em que ponto do continuum de oralidade e escrituralidade, postulado por Koch e Oesterreicher (1992), as notícias se encontram. Para tanto, unimos o modelo de Tradições Discursivas (TD) (KOCH, 1997) e o modelo de categorização sintático-semântico dos principais conectores, proposto por Blühdorn (1999), que leva em conta os domínios conceptuais temporal, epistêmico e deôntico (LYONS, 1977; SWEETSER, 1990), buscando responder as seguintes questões de pesquisa: Quais juntores de condicionalidade e finalidade se fazem presentes no corpus? Em que domínios conceptuais se encontram esses juntores e como se distribuem nas notícias? Em que posição do continuum se localizam as notícias consideradas e os jornais em relação um ao outro? Tomando como base essas inquisições, traçamos os seguintes objetivos: Identificar os juntores de condicionalidade e finalidade presentes no corpus, segundo os critérios de nível de integração, relação semântica, ordem das entidades e domínio conceptual; analisar quantitativa e qualitativamente a distribuição desses juntores nos textos considerados; e localizar no continuum de oralidade-escrituralidade as notícias e os jornais. Os resultados permitem visualizar um comportamento parecido de todos os portais, com uma inclinação em direção ao polo da escrituralidade e elevado uso de integração sintática por preposição simples referentes às relações de finalidade nos domínios temporal/deôntico, seguido pelo uso de relações de condicionalidade no domínio temporal. Essa distribuição dos juntores pode ser explicada por três principais TD encontradas: o caráter prioritariamente narrativo das notícias, a linguagem jornalística recomendada pelos manuais de redação e estilo, e o espelhamento em jornais de circulação nacional, que muitas vezes são recortados e adaptados pelos jornais locais. A presente pesquisa busca contribuir para o estudo da mudança semântica, cooperando para a história do português brasileiro no âmbito do estado do Rio Grande do Norte.


  • Mostrar Abstract
  • .This dissertation investigates conditional and final junctors in a corpus composed by 138 online news about DilmaRousseff‘s impeachment from four journals produced in Natal city (Rio Grande do Norte-Brazil), in order to verify in which point of the continuum between orality and literacy, postulated by Koch & Oesterreicher (1992), the news are detected. For this purpose, we join the Discoursive Traditions model (TD) (KOCH, 1997) and the syntactic-semantic categorization model, proposed by Blühdorn (1999), which considers the temporal, epistemic and deontic domain (LYONS, 1977; SWEETSER, 1990), trying to answer the following questions: which conditional and final junctors are present in the corpus? In which conceptual domains are these junctors and how are they distributed among the news? In which point of the continuum are the news and the journals in relation to each other? Based on those enquiries, the following aims were stablished: identify conditional and final junctors in the corpus¸ according to the integration levels criteria, semantic relations, entities order and conceptual domain; analyze qualitatively and quantitatively the distribution of these junctors in the considered texts; and indicate where news and journals are in the continuum between orality and literacy. The results allow the view of a similar behavior in all portals, with a drift towards the literacy pole and a high use of simple preposition in the temporal/deontic domains, followed by the use of conditional relations in the temporal domain. This distribution of the junctors can be explained by three main TDs found: the narrative ethos of the news, the journalistic language recommended by the writing and style manuals, and the mirroring in newspapers of national circulation, which are often cut and adapted by local newspapers. This research seeks to contribute for the study of the semantic changing, cooperating for the Brazilian Portuguese‘s history within the state of Rio Grande do Norte.

4
  • ANIELLE BRUNA FONSECA LOPES
  • O PAPEL DAS ORAÇÕES ADJETIVAS NA ANCORAGEM DE REFERENTES NOMINAIS

  • Orientador : EDVALDO BALDUINO BISPO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDVALDO BALDUINO BISPO
  • MARIA ANGELICA FURTADO DA CUNHA
  • EMANUEL CORDEIRO DA SILVA
  • Data: 25/04/2019

  • Mostrar Resumo
  • A relação entre a tipologia semântica de orações adjetivas e as propriedades dos referentes a que elas se vinculam é um assunto pouco explorado por pesquisadores. Tal temática constitui nosso objeto primário de pesquisa. Neste trabalho, temos como objetivo compreender a relação existente entre orações adjetivas e seus referentes nominais, elucidando que propriedades do SN antecedente podem favorecer o uso de orações adjetivas restritivas ou de adjetivas explicativas. Para esta pesquisa, nosso recorte incide sobre as adjetivas desenvolvidas que possuem um referente explícito. Metodologicamente, trata-se de uma pesquisa de abordagem quali-quantitativa que toma como corpus notícias e reportagens de 25 edições do jornal Tribuna do Norte, datadas de maio a agosto de 2017. Desenvolvemos este trabalho sob a perspectiva do Funcionalismo Linguístico Clássico, inspirado em Talmy Givón, Joan Bybee, Elizabeth Traugott, Mário Martelotta, Angélica Furtado da Cunha, entre outros. Utilizamos mais diretamente os princípios e parâmetros da informatividade, figuricidade e iconicidade, além do cline de integração oracional desenvolvido por Hopper e Traugott (1993), a proposta de Oliveira (2001) para um contínuo de adjetivação e a proposta de Souza (2009) de um contínuo de especificação de SN. Os resultados indicam que orações adjetivas restritivas tendem a ocorrer mais com antecedentes menos definidos, enquanto as explicativas ocorrem em maior número com antecedentes mais definidos. Quanto ao status informacional, notamos que a maioria dos antecedentes novos são ancorados por orações restritivas. Do ponto de vista discursivo, vemos também que as restritivas desempenham uma função de compensar o baixo nível de informação do antecedente. Já a explicativa atua como fundo de informação, desempenhando uma função mais discursiva e argumentativa, por focalizar qualidades do antecedente relevantes dentro do contexto discursivo da oração matriz e do texto em que ocorre.


  • Mostrar Abstract
  • The relationship between the semantic typology of adjective clauses and the properties of the referents to which they are attached is a subject little explored by researchers. Such a theme is our primary object of research. In this work, we have as main goal to understand the relationship between adjective clauses and their nominal referents, elucidating which properties of the NP antecedent can favor the use of restrictive adjectives or nonrestrictive adjectives. For this research, our clipping focuses on developed adjectives that have an explicit referent. Methodologically, this is a qualitative-quantitative research that takes as corpus news and reports from 25 issues of the newspaper Tribuna do Norte, from May to August 2017. We develop this work from the perspective of Classic Linguistic Functionalism, inspired by Talmy Givón, Joan Bybee, Elizabeth Traugott, Mário Martelotta, Angelica Furtado da Cunha, among others. We use more directly the principles and parameters of informativeness, figuricity and iconicity, besides the cline of sentence integration developed by Hopper and Traugott (1993), Oliveira's proposal (2001) for a continuum of adjectivation and Souza's proposal (2009) a continuum of NP specification. The results indicate that restrictive adjective clauses tend to occur more with less defined antecedents, whereas nonrestrictive clauses occur in greater numbers with more defined antecedents. In relation to the informational status, we note that most of the new antecedents are anchored by restrictive sentences. From the discursive point of view, we also see that the restrictive ones play a function of compensating for the low level of information of the antecedent. Already the nonrestrictive acts as an information fund, playing a more discursive and argumentative function, by focusing antecedent relevant qualities within the discursive context of the main clause and the text in which it occurs.

5
  • DAYVESON NOBERTO DA COSTA PEREIRA
  • Letramento e educação escolar indígena: análise de uma experiência descolonial

  • Orientador : MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • REGINA CELI MENDES PEREIRA DA SILVA
  • Data: 27/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Muitos desafios são enfrentados, cotidianamente, pelos índios brasileiros em suas comunidades. No âmbito da educação escolar, em especial, um dos maiores problemas consiste na interferência do currículo hegemônico– reproduzido largamente entre as instituições de ensino de todo o país – nas práticas pedagógicas de professores e alunos indígenas. Na contramão da homogeneidade e da inflexibilidade curricular, esses professoresnãotêm medido esforços para construir, nas escolas em que atuam, uma educação específica, diferenciada, intercultural, bilíngue/multilíngue e comunitária, que esteja de acordo com as crenças e os costumes de seu grupo e que atenda às suas reais necessidades. Dentre as alternativas que se adequam a essa realidade, sugerimos os projetos de letramento (KLEIMAN, 2000), compreendidos nesta pesquisa como um dispositivo didático que considera a prática social como eixo organizador do ensino. Concentrado na Linguística Aplicada, área transgressiva na teoria e na disciplinaridade (PENNYCOOK, 2006), este estudo, de natureza qualitativa-interpretativista e de viés etnográfico, tem como objetivo geral investigar os impactos de um projeto de letramento desenvolvido, de forma colaborativa, em uma escola pública do Amarelão, comunidade tradicional norte-rio-grandense constituída, etnicamente, por índios Potiguara. Para tanto, tomamos como objeto de análise as práticas de leitura, escrita e fala nele suscitadas. Como subsídio teórico, amparamo-nos, sobretudo, nos Estudos de Letramento (GEE, 1998; BARTON e HAMILTON, 2000; STREET, 1984; JANKS, 2010; KLEIMAN, 1995; OLIVEIRA, TINOCO e SANTOS, 2014); na Pedagogia Crítica (MCLAREN, 2005; GIROUX, 2003; APPLE, 1993; FREIRE, 1967), com foco na Pedagogia Vermelha (GRANDE, 2004); e nos Estudos Pós-Coloniais e Subalternos (BHABHA, 1998; WOODWARD, 2005; SAID, 1990; SPIVAK, 2010; WEEDON, 2004; HALL, 2005).Os dados gerados no decorrer das ações nos permitem afirmarque os projetos de letramento, em harmonia com os documentos oficiais que atualmente regem a educação escolar indígena, a exemplo do Referencial Curricular Nacional para as Escolas Indígenas (RCNEI), configuram-seuma prática social que, ao invés de reproduzir silenciamentos, oportunizam aos alunos indígenas agirem com/sobre/para sua cultura.


  • Mostrar Abstract
  • Many challenges are faced, daily, by the Brazilian indigenous communities. In the context of school education, in particular, one of the major problems is the interference of the hegemonic curriculum - reproduced widely among educational institutions throughout the country - in the pedagogical practices of indigenous teachers and students. Contrary to homogeneity and curricular inflexibility, these teachers try hard to build a specific, differentiated, intercultural, bilingual/multilingual and community education into the schools in which they work, which is in accordance with the beliefs and customs of their group and also that meets their real needs. Among the alternatives that fit this reality, we suggest the literacy projects (KLEIMAN, 2000), understood in this research as a didactic device that considers social practice as the organizing axis of teaching. Based on the Applied Linguistics, transgressive area in theory and disciplinarity (PENNYCOOK, 2006), this study aims, with a qualitative-interpretative nature and an ethnographic bias,  to investigate the impacts of a collaborative literacy project in a public school of the Amarelão, a local traditional community constituted, ethnically, by the Potiguara. To do so, we take as the object of analysis the practices of reading, writing and speech employed in the aforementioned school. As a theoretical support, we rely mainly on Literature Studies (GEE, 1998; BARTON and HAMILTON, 2000; STREET, 1984; JANKS, 2010; KLEIMAN, 1995; OLIVEIRA, TINOCO and SANTOS, 2014); in Critical Pedagogy (MCLAREN, 2005; GIROUX, 2003; APPLE, 1993; FREIRE, 1967), focusing on Red Pedagogy (GRANDE, 2004); and in Postcolonial and Subaltern Studies (BHABHA, 1998; WOODWARD, 2005; SAID, 1990; SPIVAK, 2010; WEEDON, 2004; HALL, 2005). The data generated during the actions allow us to affirm that the literacy projects, in harmony with the official documents that currently govern indigenous school education, such as the National Curriculum Framework for Indigenous Schools, constitute a social practice that, instead of reproducing silences, allow the indigenous students to act with/on/for their culture.

6
  • MARIA ADRIANA VIEIRA DAS GRAÇAS
  • LETRAMENTOS DE RESISTÊNCIA: mulheres na luta por terra e território na Chapada do Apodi

  • Orientador : GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS TINOCO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS TINOCO
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • ANDREA LORENA BUTTO ZARZAR
  • Data: 07/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • A luta por terra e território que vem sendo travada, desde 2011, na porção norte-rio-grandense da Chapada do Apodi evidencia a disputa entre dois modelos de agricultura. De um lado, estão o agro e hidronegócio que, fundamentados na utilização de grandes áreas de terra e elevada quantidade de água, associada ao uso de agrotóxicos na produção, ameaçam a vida no campo e priorizam o lucro. Do outro, a agricultura familiar e camponesa que, a partir da produção, na maioria dos casos de base agroecológica, em pequenas propriedades, prioriza a vida e a biodiversidade no campo. Essa disputa mobiliza diversos movimentos e organizações locais, nacionais e internacionais contra as desapropriações e a favor das famílias ameaçadas de expulsão de suas terras, constituindo, dessa maneira, um movimento de luta e resistência na (e pela) Chapada do Apodi. Nesse processo, destacamos, nesta dissertação, as ações de leitura, escrita e oralidade – denominadas neste estudo de letramentos de resistência – que foram desenvolvidas por trabalhadoras rurais de Apodi. Inserida no campo da Linguística Aplicada (MOITA-LOPES, 1994; 2006; PENNYCOOK, 1998, 2006), esta pesquisa assume uma abordagem qualitativa-interpretativista (CHIZZOTTI, 2005; MOITA-LOPES, 1994) e está amparada nos estudos de letramento de vertente etnográfica (KLEIMAN, 1995; 2016; STREET, 1993; 2014; TINOCO, 2008; SOUZA, 2009; SITO, 2010), na concepção dialógica da linguagem (BAKHTIN/VOLOSHINOV, 2006 [1929]) e da educação popular (FREIRE, 2016 [1974]; 1992; 2001; GIROUX, 1997). Seu objetivo geral é analisar os impactos sociais que resultam dos letramentos de resistência protagonizados pela Comissão de Mulheres do Sindicato dos Trabalhadores e das Trabalhadoras Rurais de Apodi (STTR) no processo de luta por terra e território na Chapada do Apodi norte-rio-grandense. Os objetivos específicos são (i) compreender o processo de construção de eventos de letramento de resistência na luta por terra e território na Chapada do Apodi e, nesses eventos, (ii) examinar estratégias e táticas de linguagem construídas por trabalhadoras rurais de Apodi para fortalecer suas práticas de agricultura familiar e, ao mesmo tempo, contrapor-se ao discurso das grandes empresas do agro e hidronegócio. Os dados foram gerados por meio da rememoração do processo de luta contra a desapropriação de terras na Chapada do Apodi em seis eventos: duas oficinas com trabalhadoras rurais de Apodi; quatro sessões de entrevistas com coordenadoras e ex-coordenadoras da Comissão de Mulheres do STTR de Apodi. Os resultados apontam que práticas de letramento de resistência, mobilizadas em âmbito local e aliadas a outras práticas sociais de organização popular, podem transformar um problema local em uma luta coletiva internacional e contribuir no fortalecimento da autonomia feminista de trabalhadoras rurais que, independentemente da escolaridade, atuam como importantes agentes de letramento na luta por terra e território no Rio Grande do Norte e além-fronteiras.


  • Mostrar Abstract
  •  

    LITERACIES OF RESISTANCE: women fighting for land and territory in Chapada do Apodi

    ABSTRACT: The fight for land and territory waged since 2011 at the Chapada do Apodi portion located in the state of Rio Grande do Norte (RN) presents the dispute between two agriculture models. On one side are agricultural and water businesses that, based on the usage of large land areas and high amount of water, associated with the use of pesticides in agricultural production,  jeopardize country life and favor the profit. On the other side are family-based and peasant agriculture that, from the production in small properties, mostly agro-ecological based, prioritize life and biodiversity in the countryside. The dispute previously mentioned gathers several movements as well as local, national and international organizations that are against the expropriation and in favor of the families threatened of being evicted from their own lands, composing a movement of fight and resistance at and for the Chapada do Apodi. In this process, the actions of reading, writing and orality are emphasized, in this study denominated as literacies of resistance, which were developed by farm workers from the city of Apodi. This research is inserted in the field of Applied Linguistics (MOITA-LOPES, 1994; 2006; PENNYCOOK, 1998, 2006), also presents a qualitative-interpretative approach (CHIZZOTTI, 2005; MOITA-LOPES, 1994) and is supported by literacy studies of ethnographic brench (KLEIMAN, 1995; 2016; STREET, 1993; 2014; TINOCO, 2008; SOUZA, 2009; SITO, 2010), as well as by the dialogical conception of language (BAKHTIN/VOLOSHINOV, 2006 [1929]) and through popular education (FREIRE, 2016 [1974]; 1992; 2001; GIROUX, 1997). The general objective is to analyze the social impacts that result from the literacies of resistance headed by the Women’s Commission of the Rural Workers’ Organization (STTR) of Apodi regarding the fight for land and territory at the RN portion of Chapada do Apodi. The specific objectives are (i) to comprehend the construction process of the literacy of resistance events in the fight for land and territory at Chapada do Apodi and, in these events, (ii) examine strategies and language tactics created by rural workers from Apodi to reinforce their family farming practices and, at the same time, compare it with the discourse of the big companies of agricultural and water businesses. The data were gathered by recalling the process of fighting the land expropriation at Chapada do Apodi in six events: two workshops with female rural workers from Apodi; four interview sessions with coordinators and ex-coordinators of the Women’s Commission of STTR from Apodi. In conclusion, the results presented that the practice of literacies of resistance, in local level and allied with the others social practice of popular organization, enable the transformation of a local problem into a international collective struggle and contributes to the strengthening of the feminist autonomy of rural workers that, regardless their education level, act as key agents of literacy fighting for land and territory at Rio Grande do Norte and beyond the border.

     

7
  • CARLA IRIANE DA COSTA NASCIMENTO
  • Role-plays: promovendo a produção oral nas aulas de língua inglesa.

  • Orientador : ANA GRACA CANAN
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA GRACA CANAN
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • EVA CAROLINA DA CUNHA
  • Data: 10/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • A presente dissertação discorre acerca de uma pesquisa-ação baseada nos conceitos teórico-metodológicos de Tripp (2005) que teve como intuito promover uma mudança nas aulas de Língua Inglesa I através do uso do Modelo de Aula Comunicativa de Língua Estrangeira para a Escola de Almeida Filho (2007) e da inserção da técnica de role-play (HAYCRAFT, 1986; LADOUSSE,1989; CROOKALL E OXFORD, 1990), com vistas a promover a produção oral dos alunos em sala de aula. Para tanto, contamos com a participação de 33 alunos, como faixa etária entre 16 e 22 anos de idade, que cursavam o Ensino Médio Integrado no campus do IFRN na cidade de João Câmara. Os dados concernentes à intervenção foram obtidos através de um questionário aberto tratado de modo qualitativo e quantitativo. Os resultados das análises das respostas ao questionário apontaram que o modelo de aula comunicativa é eficaz e que os role-plays são uma técnica fomentadora da produção oral dos alunos em sala de aula.


  • Mostrar Abstract
  • This is an Action Research study based on the theoretical and methodological concepts developed by Tripp (2005) which aim to promote a change in the English language classes (Level 1) using the model designed by Almeida Filho (2007) for Foreign-language teaching using communicative methods in schools, and also by implementing the role-play technique in the classroom (HAYCRAFT, 1986; LADOUSSE,1989; CROOKALL & OXFORD, 1990) in order to promote the students’ oral skills. The study involves the participation of 33 students aged between 16 to 22 at the Integrated Technical High School in IFRN, Campus João Câmara. The data used for this intervention was first collected by questionnaire, after which the responses were analysed both qualitatively and quantitatively. The results of that analysis showed that the communicative-classroom model is actually effective and that roleplays offer an excellent technique for fostering oral production in the classroom.

8
  • KARLA RODRIGUES DE ALMEIDA
  • AS FÁBULAS EM AULA DE LÍNGUA INGLESA: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO

  • Orientador : ANA GRACA CANAN
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA GRACA CANAN
  • EVA CAROLINA DA CUNHA
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • Data: 10/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho tem como objetivo geral explorar fábulas com vistas à elaboração de atividades de ensino e aprendizagem de inglês como língua estrangeira que viabilizem reflexão crítica de valores morais/culturais. Com base nisso, realizamos uma pesquisa-ação (TRIPP, 2005; THIOLLENT, 2011) que contou com a participação de alunos do 6º ano do ensino fundamental de uma escola pública situada na cidade de Natal - RN. Para intervenção na sala de aula utilizamos sequências didáticas baseadas na sequência básica de Cosson (2018) para o letramento literário. Os dados foram coletos por meio da análise de documentos e da aplicação de questionários com perguntas fechadas e abertas, além da observação e reflexão de todo o processo de intervenção. Nosso referencial teórico tem por base os estudos de Cosson (2018), Dezzoti (1989), Ferreira (2014), Portella (1983), Almeida Filho (2001), Zilberman (2009), Byram (1989), Kramsch (1996), entre outros.

     

     

     

     


  • Mostrar Abstract
  • This work aims to explore the use of fables elaborating teaching and learning activities of English as a Foreign Language that would enable a critical reflection of moral/cultural values. It is also the purpose of this research to elaborate a didactic sequence, apply it and verify the effects of this application. Based on this, we carried out an action research (TRIPP, 2005; THIOLLENT, 2011) that included the participation of 6th grade elementary school students from a public school located in the city of Natal - RN. For classroom intervention, we use didactic sequences based on Cosson's basic sequence (2018) for literary literacy. The data has been gathered by means of analysis of documents such as Political-Pedagogical Project, annual teaching plans and didactic material used in the researched context. In addition, we applied a questionnaire and we had the observation and reflection of the entire intervention process. Our theoretical framework is based on studies such as Cosson (2018), Dezzoti (1989), Ferreira (2014), Portella (1983), Almeida Filho (2001), Zilberman (2009), Byram (1989), Kramsch (1996), among others. The analysis of the documents show that the teaching of English does not have clear guidelines, revealing that there is no articulation between the documents analyzed. The questionnaires applied in the post-intervention phase indicate that fables constitute a rich text for English language teaching and learning which make it possible to illustrate uses of language and reflect on the moral values that permeate social life and that reflect our own attitudes.

     

     

     

9
  • D'AVILLE HENRIQUE VIANA GARCIA
  • FILME ACESSÍVEL: A AUDIODESCRIÇÃO COMO A RECRIAÇÃO DE UMA IMAGEM EM PALAVRAS.

  • Orientador : MARIA BERNADETE FERNANDES DE OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA BERNADETE FERNANDES DE OLIVEIRA
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MARIA DO SOCORRO MAIA FERNANDES BARBOSA
  • Data: 13/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • A audiodescrição é um gênero discursivo que consiste na tradução intersemiótica de imagens, ou seja, de um sistema de signos para outro, a fim de garantir a autonomia de pessoas com deficiência visual no processo de inclusão no mundo da vida e da cultura (ALVES, 2012, 2014; ALVES; TELES; PEREIRA, 2011, 2017; MOTTA; ROMEU FILHO, 2010). Dessa forma, este estudo, de cunho qualitativo-interpretativista, vinculado à Linguística Aplicada INdisciplinar (MOITA LOPES, 2006), compreende a audiodescrição de filmes como um recurso de acessibilidade para pessoas com deficiência visual, produzido por meio de signos verbais que se apoiam e se subordinam tematicamente a signos imagéticos. A pesquisa toma como objetos empíricos um roteiro e duas revisões feitas para ele, produzidos por três grupos de sujeitos: audiodescritores-roteiristas videntes, audiodescritores-consultores videntes e, por fim, audiodescritores-consultores não videntes. Para tanto, tem seu aporte em teóricos da semiótica da cultura, mais especificamente Bakhtin (2011, 2015, 2016, 2017), Medviédev (2012) e Volóchinov (2013, 2017), principais representantes dos estudos dialógicos da linguagem, para entender como se dá o processo de apropriação e transmissão do enunciado alheio. Além disso, busca suporte no filmólogo Sergei Eisenstein (2002a, 2002b), defendendo a noção de filme como um produto artístico construído dialogicamente, como uma manifestação das relações de interação entre sujeitos e, portanto, atravessadas por valor e posicionamentos ideológicos. A reunião das vozes desses sujeitos permitirá investigar as maneiras de apropriação e transmissão da voz alheia, na tradução intersemiótica de um vídeo para a linguagem verbal, por meio de um processo de audiodescrição, capaz de promover, na perspectiva da autonomia responsiva da pessoa com deficiência visual, seu acesso a recursos videográficos. Para tanto, será necessário compreender o processo de apropriação do tema/sentido predominante no material audiovisual pelos audiodescritores videntes e sua tradução em seus enunciados verbais; bem como comparar os posicionamentos dos audiodescritores videntes - tanto roteiristas como revisores - com o posicionamento dos audiodescritores-consultores não videntes, materializados nos enunciados concretos. Para que isso ocorra, lançamos mão da noção de sentido que o filme transmite, de valoração social e de olhar exotópico e das formas de transmissão da temática, por meio de recursos linguístico-discursivos, para pessoas com deficiência visual. Os resultados mostram que o processo de roteirização de uma audiodescrição se dá, majoritariamente, pela estilização do discurso alheio, uma vez que não exerce a função apenas de construir uma tradução, mas de recriar um enunciado que diálogo com as imagens, bem como com a intenção proposta pelo filme. Na audiodescrição, precisam ser exploradas, antes de mais nada, a sensibilidade do olhar e a criatividade discursiva do audiodescritor.


  • Mostrar Abstract
  • Audio-description is a discursive genre that consists of the inter-semiotic images translation, in other words, it is a translation from one sign system to another, with intention to guarantee autonomy of visually impaired people in the process of inclusion into life and culture (ALVES, 2012, 2014; ALVES; TELES; PEREIRA, 2011, 2017; MOTTA; ROMEU FILHO, 2010). Thereby, this study comprehends movie with audio-description as a “sound movie”, produced by verbal signs that support and subordinate themselves thematically to imagetic signs. For this reason, this dissertation has as theoretical approach cultural semiotics theorists Mikhail Bakhtin (2011, 2015, 2016, 2017), Pavel Medvedev (2012) and Valentin Voloshinov (2013, 2017), main representatives of language dialogical studies, trying to understand how is the process of appropriation and transmission of the other person statement. In addition, it has base in the filmmaker Sergei Eisenstein (2002), defending the notion of movie as an artistic product dialogically constructed, as a presentation of interaction relationships between subjects and, therefore, crossed by ideological value and positioning, not as a neutral artistic object. The voices union of these subjects will allow reflect about ways of appropriating and transmitting the others’ voice in the audio-description, able to promote the inclusion accessible to video-graphic resources in the perspective of the responsive autonomy of the visually impaired person. To this, it tries to understand the appropriation process of main theme/meaning in audiovisual material and how the seeing audio-describers translate it to words. In addition, it analyzes relationships between disabled audio-describers and audio-descriptor-writers point of view related to the appropriation and transmission of the audiovisual other’ discuss materialized in the scripts audio-descripts. To this, it aims to comprehend a sense notion that movie (image and sound) brings of social valuation and outsider’s eye and ways to transmit theme, by some linguistic-discursive resources to people with visual impairment.It takes as an empirical object the script building process, made by three groups of people: seeing audiodescriptor-writers, seeing audiodescriptors-consultants and, finally, blind audiodescriptors-consultants. This research has a qualitative-interpretative essence, linked to Applied Linguistics (MOITA LOPES, 2006), as well as to accessible audio-visual translation, art and inclusion and cinema studies.

     

     

10
  • KLEITON DA SILVA
  • AS MULTIFACETAS DO MEDO CÓSMICO NA FICÇÃO WEIRD DE H.P. LOVECRAFT

  • Orientador : WIEBKE ROBEN DE ALENCAR XAVIER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • WIEBKE ROBEN DE ALENCAR XAVIER
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • LUCIANE ALVES SANTOS
  • Data: 13/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • O presente estudoanalisa as multifacetas do medo cósmico, como elemento estilístico, nas narrativas What the Moon Brings(1922), The Colour Out of Space (1927), The Shadow Over Innsmouth (1931) e At the Mountains of Madness (1931)do autor norte-americano Howard Phillips Lovecraft (1890–1937).O discurso presente em narrativas da ficção weirdleva ao medo cósmicoporintermédiodo pacto ficcional entre o narrador e o leitor e pelas categorias de análise que contribuem para a construção de uma atmosfera de medo e horror presente no enredo das narrativas propostas.A identificação desse pacto ficcional e dessas categorias de análisefornecem os procedimentos adotados pela escrita do autor para estabelecer o medo cósmico na configuração das narrativas pertencentes ao corpus. Tendo em vista esta literatura, osubgênero weird aproxima-sedo Fantásticopor desestabilizara realidade, diante das perspectivas de Roas (2014)e dos princípios teóricos de Todorov (2010). O trabalho investigatemas importantes na configuração e ambientação dos contos, assim como explora e observa o papel do narrador edas categorias do medo cósmico, como parte do universo da ficção weird e subgênero próprio da literatura fantástica.Considera-se a temática do medo cósmico presente nas narrativas analisadas diante das teorias do conto weird, por Joshi (2003); do leitor, por Jauss (1979) e Iser (1979); do leitor modelo por Eco (1979);e de o ponto de vista na ficção, por Friedman (1967). Assim, com enfoque no pacto ficcional entre o narrador e o leitor, as categoriasde medo cósmico surgempor intermédio do discurso do narrador e do seu comportamento, dos personagens, do enredo e da linguagem, da forma e do corpo do texto, que integram o sentimento de horrorna definiçãoda realidade, frente a uma atmosfera que remete ao medocósmico.Conclui-se que o medo cósmico é parte indispensável das narrativas weird. A sua percepção por parte do leitor faz-se presente no conto mediante a aceitação do que é apresentado pelo narrador, a estética textual, aoselementos que se mostramsob a forma de categorias, a capacidade deproporcionar a desestabilização da realidade conhecida pelo leitor afim de que ele duvide dos fenômenos apresentados e que os personagens sejam recursos com os quais o leitor possa se identificar.


  • Mostrar Abstract
  • The present study analyzes many aspects of cosmic horror as a style in the short stories: What the Moon Brings (1922), The Colour Out of Space (1927), The Shadow Over Innsmouth (1931) and At the Mountain of Madness (1931) by the American author Howard Phillips Lovecraft (1890-1937). We explore the discourse in the tales of weird fiction, which leads to the cosmic fear conceived by the reader through the categories: phenomenon, oxymorons, verisimilitude, narrator, figures of speech, imagery and symbolism. They contribute to the creation of an atmosphere filled with fear and horror in the plot of the tales proposed. We state that the identification of these categories provides us with the procedures adopted by the author in his writing to establish the cosmic horror in the weird narrative style. Considering the point of view from this literature genre, we try to approach it with the Fantastic, as the destabilization of the real, by Roas’ (2014) perspective and in addition to theoretical principles by Todorov (2010). The work investigates important themes in the configuration and setting of the stories, as well as explores and observes the categories of cosmic horror, as part of the universe of weird fiction, becoming a subgenre of the fantastic literature. We examine the theme of cosmic horror in the short stories, considering the theories referring to the weird tale, by Joshi (2003); the reception theory and the reader, by Jauss (1979) and Iser (1979); the imaginary and symbolism, by Durand (1997) and Frye (2006). Thus, with a focus on the reader, we explore the categories of cosmic horror through the narrator’s discourse and his behavior, the characters, the plot and the language, the form and the body of the text, that integrate the feeling of horror, in opposition between the imaginary and the reality, before an atmosphere that refers to the cosmic horror from the narratives. We have concluded that the cosmic horror is an essential part from the weird fiction. Its perception on the reader’s aspect is presented in the tales through the textual aesthetics, the elements, which are shown in the form of categories, the ability to provide the destabilization of reality known by the reader, so that the reader can question the phenomenon and that the characters can be resources of identification by the reader.

11
  • MANUELLY VITÓRIA DE SOUZA FREIRE XAVIER
  •  

     

    O PROCESSO DE CONSTITUIÇÃO IDENTITÁRIA DOCENTE DOS ALUNOS DE LETRAS DA UFRN DO TURNO NOTURNO.
     
     
  • Orientador : RENATA ARCHANJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • RENATA ARCHANJO
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • JOAO MARIA PAIVA PALHANO
  • Data: 13/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Este estudo tem seu aporte teórico no âmbito da Linguística Aplicada. Trata das representações de alunos de Letras sobre ser professor de Língua Portuguesa atreladas à construção da identidade profissional no contexto da formação inicial. Tem como participantes os alunos iniciantes, intermediários e concluintes do curso de Letras com habilitação em Língua Portuguesa da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, do Campus Central Natal. Parte das concepções de sujeito e linguagem propostas por Bakhtin (1992, 1998, 2011) e seu círculo e da noção de identidade a partir da perspectiva sócio-histórica e cultural, evidenciada por Hall (2015) para quem o conceito de identidade é pautado no seu caráter múltiplo e instável; além dos estudos sobre identidade profissional conforme Dubar (2005), para quem as identidades profissionais se constroem e se reconstroem ao longo da vida. O objetivo geral consiste em compreender o processo de constituição identitária desses alunos, por compreender que as identidades docentes são (re)construídas especialmente nesse espaço de formação, não somente por meio do diálogo mas sobretudo no embate revelado pelas vozes externadas e carregadas de valores, ideologias, posicionamentos, que permitem uma possível identificação desses sujeitos, e tentar perceber até que ponto esse espaço de formação contribui com a escolha pela docência. A proposta metodológica é retrospectiva ou quase-longitudinal em um modelo de análise qualitativo-interpretativista de um corpus empírico construído por meio de um questionário com perguntas abertas e fechadas, aplicado nos semestres 2017.2 e 2018.2 com alunos em três momentos distintos do curso. A análise dos dados evidenciou que as construções identitárias profissionais, embora possam ter iniciado em vivências anteriores ao processo de formação inicial, são predominantemente constituídas e externadas a partir de experiências travadas nos espaços de socialização que têm interfaces tanto com processos de construção dos saberes da profissão quanto com a reflexão sobre a docência. Como resultado, aponta a existência de uma reflexão sobre o ensino, a construção da identidade profissional docente e uma inquietação sobre a construção dos saberes docentes construídos na formação como uma relação permanentemente constitutiva.


  • Mostrar Abstract
  • This study aims to work on some Languages College students’ representations about being Portuguese teachers tied to how they build their professional identity during their first semesters. Fresh students, junior and senior students from the Languages College at the main campus, in the city of Natal, from the Federal University of Rio Grande do Norte state, who will become Portuguese teachers, were the research participants. It has been guided by the theoretical background on the concept of people’s language, subject and language by Bakhtin and his circle (1992, 1998, 2011); also on identities adopted from the social and historic-cultural perspective which highlights its multiple, unstable character as it is proposed by Hall (2015), besides also being guided by the studies about professional identity proposed by Dubar (2005). The general objective is to investigate the identity process of some Portuguese Language Students’ identity process at the Federal University of Rio Grande do Norte state, because it is understood that the teaching identities are (re)built specially in this teaching/learning space and not only by talks but above all showed by the voices expressed, full of values, ideologies, positions which permit some possible identification of these subjects. A semi structured questionnaire, in a qualitative-interpretative approach, was applied for Portuguese Language students during the semesters 2017.2 and 2018.2 at UFRN in three different moments of the course. By analyzing the data, at first it was showed that, even though the professional identities is built before the first semesters at college, they are mostly made and shown from experiences they live at college and these experiences has some links to the process of building professional skills as well as during the reflection about their teaching. As result, our study points at the existence of reflection about their teaching, the build of their professional identity as teachers and also some concerns on their teaching/leaning process as teachers which is not always a passive experience.

     

     

12
  • JÉSSICA MONALISA DA COSTA SOUZA
  • RAP, MULHERES E NORDESTE: CONEXÕES EM UM DISCURSO DE EMPODERAMENTO

  • Orientador : CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • NELSON BARROS DA COSTA
  • Data: 17/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • A cena hip hop do Nordeste, em expansão e fortalecimento constante, garante aos
    debates circulantes na atualidade frutíferas colaborações, destacando-se dentre elas
    os raps compostos por grupos majoritariamente femininos, cujo interesse se mostra
    orientado às dinâmicas de poder e às contingências que as envolvem. Tendo em vista a
    crescente irrupção e relevância das produções lítero-musicais ligadas a essa tônica, o
    presente estudo objetiva compreender como se dá a construção do discurso de
    empoderamento ressoante em três canções de rap assinadas por mulheres nordestinas
    dos grupos Donas (Recife/PE), Caboclas MC’s (Mossoró/RN e Natal/RN) e Sinta a
    Liga Crew (João Pessoa/PB). Dessa forma, esta pesquisa se debruça sobre um lugar
    não-formal de produção do conhecimento, no que atende à perspectiva da Linguística
    Aplicada como área de investigação. A abordagem teórica está ancorada nos
    pressupostos de Maingueneau (1997, 2006, 2008, 2013), conjugando no essencial com
    os estudos sobre empoderamento feminino e nordestino (ALBUQUERQUE JR, 2001;
    SARDENBERG, 2006; BAQUERO, 2012, entre outros) e elemento rap no
    movimento hip hop (SALLES, 2007; ZANETTI; SOUZA, 2008; TEPERMAN, 2015;
    AMARAL; CARRIL, 2015). A análise indica a configuração do discurso de
    empoderamento pautada, em suma, pelos seguintes pontos: a afirmação do eu com base
    na ideia de pertencimento ao gênero identitário, às raízes regionais e ao nicho artístico-
    cultural; e o posicionamento de embate frente às convenções sociais marcado por uma
    voz predominantemente coletiva.


  • Mostrar Abstract
  • The Brazilian Northeast Hip Hop scene, constantly growing and getting stronger,
    ensures fruitful contributions to the ongoing debate, highlighting the rap songs mostly
    composed by female groups that show interest in the power dynamics and their
    contingences. In view of the increasing irruption and relevance of litero-musical
    production related to that theme, this study aims to understand how the empowerment
    discourse is constructed in three songs composed by Brazilian northeast women from
    the following groups: Donas (Recife/PE), Caboclas MC’s (Mossoró/RN and Natal/RN)
    and Sinta a Liga Crew (João Pessoa/PB).Thus, this research investigates a non-formal
    place of knowledge production, regarding to the perspective of the Applied Linguistics
    as area of research. The theoretical approach is based on assumptions of authors like
    Maingueneau (1997, 2006, 2008, 2013), essentially combining with studies about
    Northeast and female empowerment (ALBUQUERQUE JR, 2001; SARDENBERG,
    2006; BAQUERO, 2012, among others) and the Rap element in the Hip Hop movement
    (SALLES, 2007; ZANETTI; SOUZA, 2008; TEPERMAN, 2015; AMARAL; CARRIL,
    2015). The analysis results indicates the configuration of the empowerment discourse,
    taking the following topics in the account: the affirmation of the self based on the idea
    of belonging to the identitary gender, to the regional roots and to the artistic niche; and
    the position of confrontation against the social mores marked predominantly by a
    collective voice.

13
  • LÚCIA DE FÁTIMA MEDEIROS SILVA
  • PEDAGOGIA DE GÊNERO NO ENSINO DA LÍNGUA INGLESA COMO LÍNGUA ADICIONAL: PESQUISA-AÇÃO NO ENSINO FUNDAMENTAL DA REDE PÚBLICA EM RN

  • Orientador : JENNIFER SARAH COOPER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • ORLANDO VIAN JUNIOR
  • Data: 17/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Este estudo relata uma pesquisa-ação de uma intervenção pedagógica voltada para a produção escrita, a partir da perspectiva da Pedagogia do Gênero (ROSE; MARTIN, 2012) no ensino/aprendizagem de Inglês como Língua Adicional (ILA), no contexto de uma turma de 9º ano da Escola Municipal Francisca de Oliveira, situada em Natal, Rio Grande do Norte. Esta pesquisa caracteriza-se como pesquisa-ação (TRIPP, 2005), qualitativa e baseia-se na Teoria de Gênero e Registro (TGR) (MARTIN, ROSE, 2008), que, por sua vez, é baseada nas premissas da Linguística Sistêmico-Funcional (LSF) (HALLIDAY, MATHIESSEN, 2014; EGGINS, 2004, dentre outros). A metodologia da intervenção pedagógica baseia-se nas estratégias do Ciclo de Ensino (Teaching Cycle - CE) do programa Ler para Aprender (Reading to Learn - R2L) (ROSE, 2013), que constituem uma série de oficinas de estratégias de ensino da compreensão e produção escrita, as quais aplicamos por um período de 9 semanas. Adaptamos essas estratégias, que visam nivelar as salas de aula de forma acelerada, através da aprendizagem explícita, para que todos os alunos leiam e escrevam no nível apropriado. Assim, estabelecemos como objetivos: identificar o impacto do Ciclo de Ensino (CE) no grupo de alunos com menor desempenho em uma aula de inglês do 9o ano; registrar como o CE contribui para a prática da professora-pesquisadora; e identificar as impressões dos colaboradores sobre a intervenção pedagógica. Para atingir esses objetivos, os métodos incluíram: a aplicação de pré e pós-programas e a quantificação das pontuações dos alunos com base nos critérios estabelecidos na rubrica de avaliação do R2L; o registro de impressões e adaptações da professora-pesquisadora em um diário de reflexões sobre a intervenção; a aplicação de um questionário pós-intervenção metodológica com cinco questões abertas, cujas respostas foram submetidas a uma análise das marcas linguísticas no Sistema de Avaliatividade (MARTIN; WHITE, 2005). Os resultados mostram que todos os colaboradores obtiveram acréscimo em suas pontuações de, no mínimo, um semestre e que as impressões dos estudantes que foram caracterizadas dentro do sistema de Avaliatividade sob o subsistema de Atitude, foram classificadas amplamente na categoria de Apreciação e avaliadas positivamente primeiramente nos seguintes tipos: reação: qualidade, impacto; valoração: relevância. Assim, esperamos que os resultados possam promover reflexões sobre práticas pedagógicas e, ao mesmo tempo, contribuir para a pesquisa em LA no ensino de Inglês como língua adicional (ILA) nas escolas públicas do Nordeste.


  • Mostrar Abstract
  • This study reports on an action research of a pedagogical intervention focused on written production from a perspective of Genre Pedagogy (ROSE;MARTIN, 2012) in the teaching/learning of English as an Additional Language (EAL), in the context of a 9th grade class of a public City School in Natal, Rio Grande do Norte. This research is characterized as action research (TRIPP, 2005), quali-quantitative and is based on the Theory of Genre and Register (TGR) (MARTIN, ROSE, 2008), which, in turn, is based on the premises of Systemic-Functional Linguistics (HALLIDAY, MATHIESSEN, 2014, EGGINS, 2004, among others). The methodology of the pedagogical intervention is based on the strategies (Teaching Cycle) in the Reading to Learn program (R2L) (ROSE, 2013), which constitute a series of workshops in written comprehension and production some of which we applied over a 9 week period. We adapted these strategies, which aim to close the gap in classrooms in an accelerated way through explicit learning so that all students read and write at the appropriate level. Thus, we established as objectives: to identify the impact of the Teaching Cycle (TC) on the group of lowest performing students in one 9th grade English class; record how the TC contributes to the professor-researcher's practice; and identify the collaborators' impressions regarding the pedagogical intervention. To achieve these objectives, methods included: the application of pre and post intervention programs and quantification of the students' scores based on the criteria established in the R2L rubric; the register of impressions and adaptations of the teacher-researcher in a journal of reflections on the intervention; the application of an exit questionnaire to the participants with narrative questions in which lexical items within the Appraisal system (MARTIN; WHITE, 2005) were identified and quantified. Results show that all of the participants increased their scores at least one semester level and the majority increased four semester levels and higher -- including those in the group of the lowest scoring initially, some of whom advanced up to 7 semester levels. In addition, teacher-researcher reflections point to the need and benefits of further applications and adaptations, and more formal training in this method; and finally, the impressions of the student participants can be characterized within the Appraisal system under the subtype Attitude, as largely falling in the category of appreciation evaluating positively, primarily in the following types - reaction: quality, impact; and valuation: relevance. Thus, we hope that the results can promote reflections on pedagogical practices and at the same time contribute to the research in Applied Linguistics with regard to teaching English as an Additional language in the public schools of the Northeast.

     

     

14
  • MARIA AMÁLIA ROCHA SATIRO DE BARROS
  • A IDENTIDADE CULTURAL CONTEMPORÂNEA DAS PRINCESAS DA DISNEY NO SÉCULO XXI

     

  • Orientador : MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • ARACELI SOBREIRA BENEVIDES
  • Data: 28/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Os filmes da Disney são ainda os que mais conseguem tirar o público infantil de suas casas e levá-lo aos cinemas. Existe no gênero determinado encanto que serve de atrativo e isto é usado em prol da integração de diversas comunidades em determinadas discussões sobre a sociedade, pois sempre há nos filmes da Disney minuciosas críticas sociais, mesmo que elas apareçam de forma singela. Com isso, esta pesquisa tem como objetivo compreender as identidades culturais das princesas da Disney do século XXI, tendo como foco três personagens: Merida (Valente), Anna (Frozen) e Moana. Essas personagens serviram de bússola para entender como as princesas são representadas em seus filmes e de que forma essas representações são significativas para as identidades das mulheres atuais.O estudo usa como aporte o que foi proposto pelo Círculo de Bakhtin (1998, 2011, 2013, 2015, 2016, 2017) sobre dialogismo e linguagem e também encontra suporte nos Estudos Culturais, buscando compreender identidade por meio da ótica de Stuart Hall (2003, 2015). Ainda, é uma pesquisa inserida na área da Linguística Aplicada, buscando suporte na proposta de Moita Lopes (2015) sobre uma linguística indisciplinar. Além disso, trata-se de uma pesquisa de cunho qualitativo-interpretativista, a qual utiliza o paradigma indiciário, de Ginzburg (1989), para a análise dos dados. Os primeiros resultados apontam para a construção de novas identidades dessas personagens, por meio da forma como elas são representadas nos filmes da Disney.


  • Mostrar Abstract
  • Disney films are still the ones that mostly take the public from their homes to cinemas. There is in the genre a certain charm that serves as an attraction and this is used for the integration of several communities in certain discussions about society, due to the fact that there are always some social critiques in the Disney movies, even if they appear in a simple way. Thereby, this research aims to understand the cultural identities of the Disney princesses from the 21st century, focusing on three characters: Merida (Valente), Anna (Frozen) and Moana. These characters served as a compass to understand how the princesses are represented in their films, and how these representations are significant to the identity of the contemporary woman. The study is based on what was proposed by the Circle of Bakhtin (1998, 2011, 2013, 2015, 2016, 2017) about dialogism and language and finds support in Cultural Studies, seeking to understand identity through the perspective of Stuart Hall (2003, 2015). Furthermore, this research is inserted in the area of Applied Linguistics, based on the idea of an indisciplined linguistics, proposed by Moita Lopes (2015). Besides, it is a qualitative-interpretative research and uses the evidential paradigm (GINZBURG, 1989) for data analysis. The first results point to the construction of new identities of these characters, through the way they are represented in the Disney films.

15
  • FERNANDO LAERTY FERREIRA DA SILVA PEDRO
  • O uso dos conectores adversativos “mas” e “só que” na fala do natalense em entrevistas sociolinguísticas

  • Orientador : MARIA ALICE TAVARES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA ALICE TAVARES
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • SANDERLÉIA LONGHIN
  • Data: 28/06/2019

  • Mostrar Resumo
  •  

    Esta dissertação analisa, à luz da sociolinguística variacionista (LABOV, 1994, 2001a, 2001b, 2008 [1972]; TAGLIAMONTE, 2012, 2016), o fenômeno de variação discursiva entre conectores adversativos MAS – conjunção adversativa prototípica –  e SÓ QUE – forma inovadora  –, utilizando dados coletados de entrevistas sociolinguísticas pertencentes ao Banco de Dados FALA-Natal, contribuindo para a descrição do português falado no Rio Grande do Norte. Para a delimitação das diferentes funções do MAS e do SÓ QUE, ancoramo-nos na proposta de Longhin (2003), que se baseia nos estudos de Lakoff (1971), Dascal e Katriel (mimeo), e Ducrot (1977, 1981, 1983, 1987). A autora propõe que a indicação de contraste se divide em dois tipos: contraste por oposição e por quebra de expectativa. A quebra de expectativa envolve subtipos: marcação de diferença, marcação de acontecimento inesperado/indesejado, marcação de refutação, marcação de não satisfação de condições e marcação de contra-argumentação. As conjunções MAS e SÓ QUE coocorrem apenas na indicação de contraste por quebra de expectativa, portanto, consideramos essa função e seus subtipos ou microfunções como objeto de nossa pesquisa. Essas conjunções foram analisadas quanto ao sexo do informante (feminino, masculino), à idade (pré-adolescentes, adolescentes e adultos), ao grau de escolaridade (cursando o ensino fundamental I, com ensino fundamental I completo, ensino fundamental II completo e ensino médio completo), à sequência textual (narrativa, descritiva e argumentativa) e à microfunção (marcação de diferença, marcação de acontecimento inesperado/indesejado, marcação de refutação, marcação de não satisfação de condições e marcação de contra-argumentação). Os dados foram submetidos ao programa estatístico GOLDVARB X (SANKOFF; TAGLIAMONTE; SMITH, 2005). Os resultados quanto às microfunções mostraram que o SÓ QUE, variante inovadora na indicação de contraste por quebra de expectativa, foi favorecido nas microfunções mais recentes: marcação de diferença, marcação de acontecimento inesperado/indesejado e marcação de não satisfação de condições, enquanto o MAS foi favorecido na indicação da marcação por contra-argumentação, mais antiga. No que se refere à escolaridade, obtivemos indícios de que o ambiente escolar é responsável por inibir o uso da variante informal SÓ QUE. Os demais grupos de fatores não foram significativos para o processo de variação entre MAS e SÓ QUE.  


  • Mostrar Abstract
  • This dissertation analyses, through variational sociolinguistics' point of view (LABOV, 1994, 2001a, 2001b, 2008 [1972]; TAGLIAMONTE, 2016, 2012), the phenomenon of discursive variation between adversative connectors MAS - prototypical adversative conjunction - and SÓ QUE - an innovative form -, through the use of sociolinguistic interviews' collected data that belong to the FALA-Natal Database, contributing to the description of the Portuguese spoken in Rio Grande do Norte. For the delimitation of the different functions of MAS and SÓ QUE, we based our work on Longhin's (2003) proposal, which is, in turn, based on Lakoff's (1971), Dascal and Katriel's (mimeo) and Ducrot (1977, 1981, 1983, 1987) studies. The author proposes that the contrast indication is divided into two types: contrast by opposition and by breach of expectation. The breach of expectation involves several subtypes: marking the difference, marking the unexpected/unwanted event, marking the refutation, marking the non-satisfaction of conditions and marking the counter-argumentation. The conjunctions MAS and SÓ QUE co-occur only in the contrast indication by breach of expectation, so we consider this function and its subtypes as our research's object. These conjunctions were analysed taking into account the informant's gender (female, male), age (preadolescents, adolescents and adults), education level (still in elementary school, complete elementary school, complete middle school and complete high school), the textual sequence (narrative, descriptive and argumentative) and function (marking the difference, marking the unexpected/unwanted event, marking the refutation, marking the non-satisfaction of conditions and marking the counter-argumentation). The data were submitted to the statistical program GOLDVARB X (SANKOFF; TAGLIAMONTE; SMITH, 2005). The results about the microfunctions showed that SÓ QUE, which is an innovative variant for the contrast indication representing a breach of expectation, was favoured in the most recent microfunctions: marking a difference, marking an unexpected/unwanted event and marking a non-satisfaction of conditions, while MAS was favored in the indication of the a counter-argument marking, which is older. As for the schooling process, we obtained indications that the school environment is responsible for inhibiting the use of the informal variant SÓ QUE. The other groups of factors were not significant in the variation process between MAS and SÓ QUE.

16
  • POLLYANNA LIMA DE BARROS
  • Le Ventre De l’atlantique: uma análise dialógica da valoração ideológica da mulher de fronteira

  • Orientador : ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • ROSILDA ALVES BEZERRA
  • Data: 01/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Temas referentes à (i)migração têm sido, cada vez mais, alvo de debates sociais, políticos e acadêmicos. A literatura, por sua vez, preenchida ideologicamente por posições axiológicas em torno deles, representa mundos ficcionais em que a experiência migratória se torna uma arena de discursos que refletem e refratam o processo de hifenização de personagens migrantes. Dentre esses discursos, há o referente à mulher e seu posicionamento diante do patriarcalismo social. Esta pesquisa visa, portanto, participar desse diálogo, tendo como corpus um romance cujo enredo está centrado nessa experiência de migração, a saber, Le ventre de l’atlantique de Fatou Diome (2003). Com base em pressupostos do dialogismo (BAKHTIN, 2011; 2015; 2016; 2017; VOLOCHÍNOV, 2013; VOLÓCHINOV, 2017), discutindo conceitos, como palavra, ideologia, dialogismo, enunciado, discurso na vida e na arte, e o discurso no romance, buscamos compreender como se dá a formação ideológica feminina da mulher de fronteira nesse romance. Metodologicamente, seguimos a proposta de análise sociológica de Volochínov (2013), por meio da qual o ponto de partida de uma análise é a materialidade do texto, que, por ter a palavra, signo ideológico (VOLÓCHINOV, 2017), como sua matéria e instrumento, busca significação social (BAKHTIN, 2015). Diante disso, buscamos encontrar por meio dos discursos de e sobre Salie, protagonista do romance Le ventre de l’atlantique, como se deu a sua formação ideológica que, segundo Bakhtin (2015), é um processo de constante embate entre discursos autoritários e discursos interiormente persuasivos. Percebemos que a luta entre esses discursos em uma situação de fronteira, permitiu, por meio de uma assimilação seletiva de discursos (BAKHTIN, 2015), que ela se reconhecesse como mulher daqui e de lá, ou seja, uma mulher para quem o termo ‘hibridização’ deixou de significar prisão aos discursos da tradição para a liberdade da experiência migratória.


  • Mostrar Abstract
  •  

    Topics related to (im)migration have continuously been the focus of social, political and academic discussions. Literature, ideologically filled with axiological positions in regard to them, represents fictional worlds in which the migration experience becomes an arena of discourses that reflect and refract the process of hyphenation of migrating characters. Among these discourses, we find the one related to women and their position in social patriarchy. This research aims, thus, to participate in this dialogue by analyzing the novel Le ventre de l’atlantique by Fatou Diome (2003), the corpus of this study, whose plot is centered around the migration experience. Theoretically based on dialogism (BAKHTIN, 2011; 2015; 2016; 2017; VOLOCHÍNOV, 2013; VOLÓCHINOV, 2017), discussing concepts, such as word, ideology, dialogism, utterance, discourse in life and in art as well as discourse in the novel, we seek to understand the feminine ideological formation of a woman on the border in the novel. Methodologically, we adopted Volochínov’s (2013) sociological analysis, through which an analysis must start from the materiality of the text, which, as the word, an ideological sign (VOLÓCHINOV, 2017), is its material and instrument, seeks social significance (BAKHTIN, 2015). Therefore, through discourses by and about Salie, the protagonist of Le ventre de l’atlantique, we tried to understand her ideological formation, which, according to Bakhtin (2015), is a process of ongoing battle between authoritative and internally persuasive discourses. We found that the battle between these discourses in a border situation allowed her, through the selective assimilation of discourses (BAKHTIN, 2015), to recognize herself as belonging here and there, that is, as a woman to whom the term “hybridization” does not mean imprisonment to the discourse of tradition anymore; now it means the freedom of the migration experience.

17
  • CLARICE DA CONCEIÇÃO MONTEIRO DE LIMA SAFO
  • O Discurso Religioso do Alcorão: Formação Teórica, Ideológica e Identitária para o Feminismo Islâmico

  • Orientador : RENATA ARCHANJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • RENATA ARCHANJO
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • JOSE CEZINALDO ROCHA BESSA
  • Data: 03/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa visa compreender a relação dialógica que existe entre o discurso religioso do Alcorão e a constituição teórica, ideológica e identitária do feminismo islâmico. Para tanto, foram cotejados dialogicamente excertos selecionados de entrevistas de três feministas islâmicas que teorizam sobre o feminismo islâmico e/ou militam pela causa das mulheres no Marrocos em consonância com os versículos do Alcorão, a fim de entender como o discurso presente no Alcorão é capaz de influenciar a construção da teoria feminista islâmica e constituição identitárias dessas mulheres em particular, bem como das demais mulheres nessa sociedade. Para analisar esse fenômeno recorreu-se a diferente tipos de literaturas. Para analisar a relação dialógica dos versículos com os enunciados das feministas islâmicas, utilizou-se a teoria desenvolvida pelo Círculo de Bakhtin (2002; 2007; 2010; 2015), Volochinov (2010), especificamente no que tange o conceito de dialogismo, enunciado, ideologia e vozes sociais. Para entender a construção das identidades dessas mulheres, foi indispensável recorrer aos estudos culturais para construir a compreensão da identidade sob a visão de Stuart Hall (2003; 2005; 2006; 2013), Woodward (2013). Além das teorias de análises, esta pesquisa também buscou referência tanto nas teorias feministas ocidentais, para historiar o feminismo no Ocidente: Consolim (2017) Ângela Davis (1982) Butler (1990), quanto na teoria feminista islâmica, para entender sua constituição: Asma Lamrabet (2007/2012/2015), Stéphanie Latte Abdallah (2010/2012), Margot Badran (2010), Souad Eddouada e Renata Pepicelli (2010), e Malala Yousafzai (2013) Zahra Ali (2012) Cila Lima (2014). Como resultado, considerou-se que a presença do discurso religioso corânico dentro do discurso feminista islâmico proporciona uma proximidade entre as demandas da vertente, uma vez que os direitos reivindicados possuem base religiosa, sendo possível a conciliação com a religião por elas professada. Além disso, percebeu-se que os enunciados demonstraram que o discurso corânico perpassa as vozes das três feministas/militantes e refrata-se para todos os domínios de suas vidas, o que evidentemente, impacta em suas identidades enquanto muçulmanas e defensoras dos direitos das mulheres.

     


  • Mostrar Abstract
  • ABSTRACT

     

    This research aims at understanding the dialogic correlation that exists between the religious discourse of the Koran and the theoretical, ideological, and identitary constitution of islamic feminism. To achieve so, select excerpts were collated dialogically from interviews with three islamic feminists who theorize about  islamic feminism and/or fight for the cause of women in Morroco in consonance with the verses of the Koran, with the end goal of understanding how the discourse that exists in the Koran is capable of influencing the construct of the islamic feminist theory and the identitary constitution of those women in particular, as well as of other women in that society. To analyze this phenomenon we resorted to different types of literature. To analyze the dialogic correlation of the aforementioned verses with the statements of the islamic feminists, we used the theory developed by the Bakhtin Circle (2002; 2007; 2010; 2015), Volochinov (2010), specifically when it comes to the concept of dialogism, discourse, ideology, and social voices. To understand the construct of the identity of those women, it was crucial to resort to cultural studies made to construct the comprehension of identity under the vision of Stuart Hall (2003; 2005; 2006; 2013), Woodward (2013). Aside from analytic theory, this research also pursued references in ocidental feminist theory, to document feminism in the Ocident: Consolim (2017) Ângela Davis (1982) Butler (1990), as well as islamic feminist theory, to understand its constitution: AsmaLamrabet (2007/2012/2015), Stéphanie Latte Abdallah (2010/2012), Margot Badran (2010), SouadEddouada e Renata Pepicelli (2010), e Malala Yousafzai (2013) Zahra Ali (2012) Cila Lima (2014). As a result, it was considered that the presence of Koranic religious discourse inside islamic feminism provides a certain proximity between the demands of this vernacular, since the reclaimed rights are based on religion, making possible the reconciliation with the religion professed by them. Finally, it was understood that the statements demonstrate that the Koranic discourse pass through the voices of the three feminists/activists and refracts in all domains of their lives, which evidently impacts in their identities as muslim women and defenders of women’s rights.

     

     

    Keywords: Islamic Femionism. Dialogism. Identity. Koran’s Religious Discourse. Muslim woman.

18
  • CORINA FURTADO BRAÚNA BRAGA
  • PRODUÇÃO ESCRITA NO ENSINO/APRENDIZAGEM DE INGLÊS COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA NO CONTEXTO DE UMA ESCOLA PARTICULAR DE NATAL, RN: UMA PESQUISA- AÇÃO EM PEDAGOGIA DO GÊNERO



  • Orientador : JENNIFER SARAH COOPER
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • ORLANDO VIAN JUNIOR
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • Data: 05/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho caracteriza-se como uma pesquisa-ação (TRIPP, 2005) e visa investigar o efeito da implementação do Ciclo de Ensino desenvolvido por Rose e Martin (2012) e Rose (2015), nesse caso aplicado no ensino/aprendizagem da compreensão e produção escrita de aprendizes da língua inglesa como língua estrangeira (ILE). A pesquisa foi realizada em um programa bilíngue de uma escola particular em Natal, RN. O foco da pesquisa está em atividades de produção escrita, em categorias específicas – contextuais, discursivas e gramaticais. O arcabouço teórico se baseia primeiramente nos conceitos da Linguística Sistêmico Funcional (LSF) de Halliday e Matthiessen (2004, 2014) e seguidores da Escola de Sydney, e da Teoria de Gênero e Registro (TGR) (MARTIN; ROSE, 2008; 2012) oriunda da LSF, além da Pedagogia de Gênero (PG) elaborada nos conceitos da TGR. Foram considerados também trabalhos implementados internacionalmente pela perspectiva da Escola de Sydney de Rose e Martin (2012). Estas práticas pedagógicas se baseiam também no ensino explícito teorizado por Bernstein (1975). Seguindo os métodos de pesquisa-ação, perante os desafios do ensino/aprendizagem da produção escrita em ILE no contexto desta escola particular, elaboramos uma intervenção pedagógica sistematizada pelo Ciclo de Ensino, (ROSE, 2015), da produção escrita de um gênero factual, do tipo ‘descrição’, da pintura Christina's world, de Andrew Wyeth (1948). Analisamos as produções escritas a partir das categorias de avaliação incluídos no Ciclo de Ensino (ROSE, 2015). Dados gerados das produções escritas dos 19 alunos, participantes da intervenção pedagógica com o CE, de duração de um mês, mostram um aumento nos escores em geral, e particularmente nas categorias contextuais – estágios, fases, além da categoria gráfica de apresentação. Além disso, este instrumento de avaliação da escrita, com um conjunto de categorias que salienta aspectos específicos de cunho contextual e discursivo, além dos gramaticais, fomentou uma ampla visão e desenvolvimento nestes aspectos. Resultados mostram que a intervenção prática pedagógica representa uma melhoria na prática pedagógica da professora-pesquisadora e no contexto escolar da pesquisa. Trabalhos futuros podem incluir um estudo longitudinal e o uso de outros gêneros discursivos e tipos de textos.


  • Mostrar Abstract
  • This study is characterized as an action research (TRIPP, 2005), (TRIPP, 2005) and aims to investigate the effect of the implementation of the Teaching Cycle developed by Rose and Martin (2012) and Rose (2015), in this case applied to the teaching/learning of reading and writing of English as a Foreign Language (EFL). The research was carried out in a bilingual program at a private school in Natal, RN. The focus of the research is on the development of elements of student writing within specific contextual, discursive and grammatical categories. The theoretical framework is mainly based on the concepts of the Systemic Functional Linguistics (LSF) of Halliday e Matthiessen (2004, 2014) and followers from the Sydney School. It is also based on Theory of Genre and Register (TGR) (MARTIN; ROSE, 2008; 2012) derived from LSF, as well as Genre Pedagogy (PG) developed from the concepts of TGR. International studies from the perspective of the Sydney School of Rose and Martin (2012) were also considered. These pedagogical practices are based also on the theory of explicit teaching developed by Bernstein (1975). Following the methods of action research, faced with the challenges of teaching/learning writing in EFL in the context of this private school, we developed a pedagogical intervention systematized by the Teaching Cycle, (ROSE, 2015), for writing the factual genre, ‘description’, about the painting Christina's world, by Andrew Wyeth (1948). We analyzed the writing production based on the assessment categories included in the Teaching Cycle (ROSE, 2015). Data generated from the writing of the 19 students who participated in the pedagogical intervention with the Teaching Cycle, which was carried out over a period of one month, showed an increase in the writing scores in general, and particularly in the contextual categories of genre stages and phases, as well as in the graphic category of presentation. In addition, this writing assessment instrument, with its set of categories that highlights specific contextual and discursive categories, rather than merely grammatical, fostering a broad awareness and targeted development of these aspects through explicit teaching. Results indicate that this practice contributed to an improvement in the teaching practice of the teacher researcher and in the scholastic environment of the research context. Future work includes a longitudinal study and the use of other discursive genres and types of texts.

19
  • MORGANA LOBÃO DOS SANTOS PAZ
  • ARENA CONTEMPORÂNEA: o embate dialógico nas fanpages “Verdade Sem Manipulação” e “Movimento Endireita Brasil”

  • Orientador : MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSENILDO SOARES BEZERRA
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • ROXANE HELENA RODRIGUES ROJO
  • Data: 23/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • A modernidade se apresenta fluida (BAUMAN, 2001), uma vez que o tempo e o espaço se mostram marcados pela dinamicidade e pelo movimento incessante (HAN, 2015; CRARY, 2016). A quebra dos sólidos, das verdades inabaláveis, dos discursos engessados e das instituições impenetráveis, tem nos lançado para a investigação de práticas discursivas que se dão em esferas que demandam a construção de conhecimento a fim de se compreender o sujeito que se gesta nessa modernidade fluida. As redes sociais, especificamente, o Facebook, estão no cotidiano das pessoas, como espaços sóciodiscursivos que ampliam/potencializam/amplificam e promovem o surgimento de vários gêneros discursivos e suportes de texto nesse cronotopo virtual (MELO, 2016). As novas interações, construídas e constituídas pela/na internet, geram novas relações sociais, novos padrões de relacionamento com o outro e com o mundo. Este trabalho objetiva analisar os embates dialógicos que foram/são construídos pelos sujeitos, na rede social em questão, mais especificamente, nas fanpages: Verdade Sem Manipulação e Movimento Endireita Brasil, e como se constituem, discursivamente, esses embates encontrados nos enunciados concretos que compõem o corpus de análise. O recorte se deu temático-temporalmente, delimitando-se a tema “impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff” no período que compreende desde a sua aceitação pelo presidente da Câmara até a sua admissibilidade pela mesma. Para analisar esse corpus, recorre-se ao aporte teórico de Círculo de Bakhtin (1998, 2003, 2009, 2015, 2016, 2017, 2018) no que diz respeito à concepção de linguagem, constitutivamente dialógica; de embate dialógico e posicionamentos/valorações. No que concerne à modernidade líquida, recorre-se às postulações de Bauman (2001) e de cultura da conexão de Jenkins (2014). A construção dos dados, deu-se a partir do enfoque da pesquisa qualitativo-interpretativista, lançando mão da interpretação dos índices linguístico/discursivos, a partir do paradigma indiciário de Ginzburg (1989). Os resultados apontam para presença de polêmicas abertas cujos processos dialógicos se configuraram por meio de bivocalidade, de subversão, de reacentuação, de reenquadramento de enunciados alheios em uma luta encarniçada na arena discursiva, Facebook.

     

     

     


  • Mostrar Abstract
  • Modernity presents itself fluid (BAUMAN, 2001), since time and space show themselves marked by dynamicity and by ceaseless moviment (HAN, 2015; CRARY, 2016). The rupture of the solids, of the unshakeable truths, of the plastified speeches and the impenetrable institutions, has launched us to the investigations of the discursive practices that happen in spheres that demand the construction of knowledge in order to comprehend the subject that is conceived in this fluid modernity. The social media, specifically, the Facebook, are part of people’s daily lives, as socio discursive spaces that magnify/potentialize/amplify and promote the emergence of varied discursive genres and text supports in this virtual chronotope (MELO, 2016). The new interactions, built by and on the internet, generate new social relationships, new relationship patterns with the other and with the world. This work aims to analyze the dialogical clashes that were/are constructed by, on the specified social media, more specifically, on the fanpages: Verdade Sem Manipulação (Truth without manipulation) and Movimento Endireita Brasil (Right Brazil Moviment), and how are constituted, discursively, these clashes on the concrete statements that compose the corpus of analysis. The cutout happened thematically-temporally, delimiting the theme “impeachment of former president Dilma Rousseff” in the period that comprehends since her acceptance by the president of the Chamber until her admissibility by her own self. To analyze this corpus, it is referred to the theoretical foundation of the Bakhtin Circle (1998, 2003, 2009, 2015, 2016, 2017, 2018) in what concerns the conception of language, constitutively dialogical; the dialogical clash and positioning/valuations. In what concerns the liquid modernity, it is resorted upon the postulations of Bauman (2001) and the culture of connection of Jenkins (2014). The construction of data, happened from the focus of the qualitative-interpretivist research,  making usage of the interpretation of linguistic/discursive indexes, from the indiciary paradigm of Ginzburg (1989). The results point to the presence of open controversies, whose dialogical processes are configured by means of bivocality, of subversion, of reaffirmation, of reframing, of disconnected statements in a fierce clash in the discursive arena, Facebook.

     

20
  • MARIA CLARA COSTA MENEZES DA ROCHA
  • A construção da personagem Celie como mulher negra em A Cor Púrpura, de Alice Walker.

  • Orientador : ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • TANIA MARIA DE ARAUJO LIMA
  • ROSILDA ALVES BEZERRA
  • Data: 26/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • A presente pesquisa investiga no romance epistolar A Cor Púrpura (1982) da autora afro-americana Alice Walker, as diferentes vozes sociais (BAKHTIN, 2015) que constroem, ao longo da obra, a personagem principal e narradora, Celie. Para tal, percorremos um trajeto que abrange, principalmente, os discursos presentes nas diferentes teorias feministas desde o feminismo implicitamente branco até o feminismo negro e mulherismo, estes últimos, sobretudo, consistindo em teorias que utilizam a interseccionalidade (CRENSHAW, 2002; COLLINS, 2016) como ferramenta analítica. Observamos apectos referentes a gênero, raça, classe e contexto histórico, assim como analisamos também as características do gênero discursivo (BAKHTIN, 2017), aspectos linguísticos e a simbologia das cores presente no título da obra (HELLER, 2013; GAGE, 2012). Nosso foco é expor como é traçado o percurso que irá consolidar a personagem como mulher negra na sociedade norte-americana pós-escravista na qual vive e como se dá sua caminhada para o sentimento de reconhecimento e pertencimento a tal gênero e raça. Como base teórica para a reflexão acerca do feminismo, feminismo negro e mulherismo contamos com o pensamento de Virginia Woolf (2013), Rebecca Solnit (2013), Virginie Despentes (2016), Audre Lorde (2017) Angela Davis (1998, 2016), bell hooks (2018) e a própria Alice Walker (1988) em seus textos ensaísticos.


  • Mostrar Abstract
  • The present research investigates in the epistolary novel The Color Purple (1982) by the African American author Alice Walker, the different social voices (BAKHTIN, 2015) that construct, throughout the work, the main character and narrator, Celie. To that end, we have covered a path that mainly encompasses the discourses present in the different feminist theories from implicitly white feminism to black feminism and womanism, the latter, mainly, consisting of theories that use intersectionality (CRENSHAW, 2002; COLLINS, 2016) as an analytical tool. We have analyzed aspects related to gender, race, class and historical context, as well as the characteristics of the discursive genre (BAKHTIN, 2017), linguistic aspects and the color symbology present in the title of the work (HELLER, 2013; GAGE, 2012). We focused on exposing how the path have consolidated the character as a black woman in the post-slavery North American society in which she lives and how her journey towards the feeling of recognition and belonging to such a genre and race takes place. As a theoretical basis for reflection on feminism, black feminism, and womanism we had the thoughts of Virginia Woolf (2013), Rebecca Solnit (2013), Virginie Despentes (2016), Audre Lorde (1998, 2016), bell hooks (2018) and Alice Walker herself (1988) in her essays.

21
  • ANA EMÍLIA DE LIMA FERREIRA
  • NO TERRITÓRIO DA CONTRADIÇÃO: ASPECTOS DA DITADURA CIVIL-MILITAR BRASILEIRA EM DOIS CONTOS DE A MORTE DE D.J. EM PARIS

  • Orientador : ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • JULIANE VARGAS WELTER
  • ARTURO GOUVEIA DE ARAÚJO
  • Data: 26/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • A morte de D.J. em Paris (1975), coletânea de contos assinada pelo escritor mineiro Roberto Drummond, foi publicada em um contexto em que o regime autoritário da ditadura civil-militar brasileira tornou ainda mais difícil a escrita literária no país. Assim, os escritores, muitas vezes, tiveram de lidar com um impasse: escrever literatura de modo a dizer o que se almejava que fosse dito e, ao mesmo tempo, passar pelo crivo da censura sem prejudicar a mensagem e o critério estético. Tomando por base as influências do contexto sobre a literatura da época, a presente pesquisa visa a, sobretudo, investigar a forma como os contos “Objetos pertencentes a Fernando B, misteriosamente desaparecido” e “A morte de D.J. em Paris” internalizam algumas contradições do contexto da ditadura civil-militar e descrever os principais procedimentos estéticos utilizados pelo autor com essa finalidade. Para atingir esses objetivos, a análise foi desenvolvida a partir da concepção metodológica de Candido (1993); da perspectiva dialógica de Bakhtin (2003; 2015) e com base nas considerações de Eco (2013) sobre ambiguidade e "obra aberto" e de Gouveia (2009) sobre os limites da teoria do conto.


  • Mostrar Abstract
  • A morte de D.J. em Paris (1975), a collection of short stories signed by the Brazilian writer Roberto Drummond, was published in a context in which the authoritarian regime of the Brazilian civil-military dictatorship made literary writing even more difficult in the country. Thus, writers often had to deal with an impasse: to write literature in order to say what was intended, and at the same time to pass through the scrutiny of censorship without harming the message and the aesthetic criterion. Based on the influences of the context on the literature of the time, this research aims mainly to investigate the way the short stories “Objetos pertencentes a Fernando B, misteriosamente desaparecido” e “A morte de D.J. em Paris” internalizes some contradictions of the context of the military dictatorship and to describe the main aesthetic procedures used by the author with this goal. In order to achieve these aims, the analysis was developed from methodology conception from Candido (1993); from Bakhtin's (2003; 2015) dialogic perspective and based on Eco (2013) considerations on ambiguity and "open work" e de Gouveia (2009) about the limits of short story theory.

22
  • ANA CLARISSA VIANA DUARTE
  • Variação discursiva e gramaticalização: extensores gerais na fala natalense

  • Orientador : MARIA ALICE TAVARES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA ALICE TAVARES
  • ERICA REVIGLIO ILIOVITZ
  • EDAIR GÖRSKI
  • Data: 29/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Extensores Gerais são expressões discursivo-pragmáticas, características da fala, que exibem uma estrutura composicional em comum. No português brasileiro, as variantes apresentam como núcleo os pronomes tudo e tal ou o substantivo coisa. Embora haja diversos pesquisadores que analisam esse fenômeno em outros idiomas (cf. CHESHIRE, 2007; TAGLIMONTE e DENIS, 2010; PICHLER, 2010; PICHLER e LEVEY, 2011; FERNÁNDEZ, 2015; SECOVA, 2017), até o momento, não há trabalhos destinados a analisar a variação das formas no português brasileiro, que seja de nosso conhecimento. Nesta dissertação, temos como objeto de estudo o uso dos Extensores Gerais na comunidade de fala natalense. Nosso corpus é composto por 48 entrevistas sociolinguísticas constituintes do Banco de Dados FALA-Natal (cf. TAVARES, 2016). O principal objetivo desta pesquisa é circunscrever os contextos de ocorrência de cada variante, além de descrever e analisar os fatores envolvidos nesse fenômeno variável. No que se refere à fundamentação teórica, empregamos a sociolinguística variacionista – teoria que defende que a variação, embora seja inerente à língua, não ocorre de modo aleatório, por isso pode ser sistematizada e analisada quantitativamente – somada à gramaticalização, do ponto de vista do funcionalismo norte-americano, – responsável pelos estudos da mudança linguística que objetivam demonstrar como itens lexicais, em certos contextos linguísticos, passam a desempenhar funções gramaticais. Desse modo, seguimos uma interface variação-gramaticalização, visto que a análise da gramaticalização “permite a elaboração de explicações mais refinadas para os padrões sincrônicos de distribuição de variantes discursivas cuja origem histórica reside em processos de gramaticalização” (TAVARES, 2017, p. 188). No tocante à análise, de cunho quantitativo, consideramos as seguintes variantes independentes: sexo, faixa etária, função desempenhada pela forma e extensão composicional da forma. Quanto à função, os resultados mostraram que tal foi favorecido pela requisição de solidariedade, a função mais gramaticalizada, e coisa e tudo foram favorecidos pela função de marcação de categoria, a menos gramaticalizada. Esses resultados apontam para a possibilidade de que tal seja a forma mais gramaticalizada. A variável independente extensão estrutural da forma não pode ser analisada uma vez que as formas variantes apresentam, em sua maioria, apenas um ou dois elementos composicionais. No que diz respeito ao sexo, as mulheres favoreceram coisa e tudo e os homens favoreceram tal, o que pode ter duas explicações. Pode se tratar de avanço da gramaticalização de tal liderada por homens ou disseminação social de coisa e tudo liderada por mulheres. Quanto à idade, os resultados obtidos para coisa nos permitem aventar a possibilidade de mudança liderada pelos pré-adolescentes. Por sua vez, tal pode estar passando por mudança liderada pelos adolescentes, com a manifestação de um pico de uso, embora o fenômeno de age grading não possa ser descartado. Por fim, tudo não parece estar passando por mudança. Há uma polaridade em seu uso: ele é favorecido pelos dois grupos etários mais velhos e desfavorecido pelos dois grupos etários mais jovens. Em suma, nossa pesquisa, de modo pioneiro, descreve e analisa o comportamento dos Extensores Gerais na comunidade de fala de Natal.


  • Mostrar Abstract
  • General Extenders are discourse-pragmatic expressions, characteristics of speech, which exhibit a compositional structure in common. In Brazilian Portuguese, the features present as a core the pronouns tudo and tal or the noun coisa. Although there are several researchers that analyze this phenomenon in other languages (cf. CHESHIRE, 2007; TAGLIMONTE e DENIS, 2010; PICHLER, 2010; PICHLER e LEVEY, 2011; FERNÁNDEZ, 2015; SECOVA, 2017), until now, there are no papers intended to analyze the variation of the forms in Brazilian Portuguese, which we know of. In this dissertation, we have as object of study the usage of General Extenders in the speech community of Natal. Our corpus is composed by 48 sociolinguistic interviews constituents of Banco de Dados FALA-Natal (cf. TAVARES, 2016). The main objective of this research is to circumscribe the occurrence contexts of each feature, in addition to describe and analyze the factors involved in this variable phenomenon. With regard to the theoretical basis, we use the variacionist sociolinguistic – a theory that argues that variation, although inherent in the language, does not occur in a random way, so it can be systematized and analyzed quantitatively – added to grammaticalization, from the point of view of American functionalism – responsible for the studies of language change that aim to demonstrate how lexical items, in certain linguistic contexts, begin to perform grammatical functions. Thus, we follow the variation-grammaticalization interface, because the analysis of grammaticalization "allows the elaboration of more refined explanations for the synchronic patterns of distribution of discursive features whose historical origin resides in grammaticalization processes" (TAVARES, 2017, p. 188). Regarding the analysis, from quantitative nature, we consider the following independent variants: gender, age, function performed by the form and compositional extension of the form. In relation to the function, the results showed that tal was favored by the solidarity request, the more grammaticalized function, coisa and tudo were favored by the function of category marking, the less grammaticalized. These results point to the possibility of tal be the most grammaticalized form. The variable independent structure of form couldn’t be analyzed because the variant forms have, for the most part, only one or two compositional elements. With regard to gender, women favored coisa and tudo and men favored tal, which may have two explanations. It could be the advance of the grammaticalization of tal led by men or social spread of coisa and tudo led by women. As for age, the results obtained for coisa allow us to assume the possibility of change led by the pre-adolescents. In turn, tal may be undergoing change led by adolescents, with the manifestation of a peak of use, although the phenomenon of age grading can’t be excluded. Finally, tudo does not seem to be going through change. There is a polarity in its use: it is favored by the two older age groups and disadvantaged by the two younger age groups. Summarizing, our research, in a pioneering way, describes the behavior of General Extenders in the speech community under analysis.

23
  • ALTIERRES SANTOS DE MEDEIROS
  • MEMÓRIA CULTURAL NA POESIA DE LUÍS CARLOS GUIMARÃES

  • Orientador : JOSE LUIZ FERREIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • HUMBERTO HERMENEGILDO DE ARAUJO
  • CASSIA DE FATIMA MATOS DOS SANTOS
  • Data: 29/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa analisa a memória cultural seridoense em excertos da obra poética do escritor currais-novense Luís Carlos Guimarães. Dois são os livros de poesia estudados: O aprendiz e a canção(1961) e As cores do dia(1965). Da primeira obra escolheu-se “Galo”, da segunda “Curral” e “O pai”. Em primeiro plano tem-se uma tendência poética a representar/relembrar símbolos que marcam a identidade arquitetônica da mesorregião, a anotar: a casa da fazenda, os currais, entre outros; por outro lado, vê-se também um eu-lírico que busca registrar, ao seu modo particular, várias práticas culturais que, assim como os marcos arquitetônicos, permeiam a cultura e o imaginário seridoense. Listam-se a agricultura e a pecuária enquanto práticas culturais que tiveram maior influência e recorrência. Em meio à representação de símbolos arquitetônicos e práticas culturais surgem também elementos fundamentas à integridade cultural dos cenários e, portanto, notadamente interligados a ambos os polos discutidos anteriormente. Tratam-se dos animais - com ênfase ao gado e galo – e culturas agrícolas como o milho e o algodão. O resultado deste complexo jogo de turnos é uma representação singular e particular de um ambiente sertanejo. As memórias culturais são organizadas em um fluxo de imagens hermético e por vezes indistinto, tornando clarividente a escolha por um processo de construção poética que evoca paisagens e práticas culturais priorizando a defesa da expressão artística sem muitos entraves da razão. Todos os poemas recuperam, por intermédio de memórias institucionalizadas, ícones de alto teor identitário, possibilitado tanto uma análise de representação poética, como também o estudo da perspectiva singular do poeta que os reinterpretam. Para a discussão proposta, a pesquisa vale-se dos estudos de: Nora (1993), Bosi (2007), Le Goff (2013), Halbwachs (2006), Ricœur (2007) para fundamentar as discussões sobre memória; Assmann (1995; 1998; 2008;), A. Assmann (2011), Erll e Nunning (2003; 2008) no que concerne à perspectiva teórica de memória cultural adotada; os postulados de Cascudo (1956; 1984; 1999; 2012), J. Lamartine (2006),O. Lamartine (1965; 1980; 2012; 2016); P. Lamartine (2004); Cirne (1979; 2013), Medeiros (1980) Medeiros Filho (1983), Mariz e Suassuna (2005), Trindade (2010) e Macêdo (2012; 2015), Macêdo et al. (2018), Diniz (2008) no que se refere à cultura/história seridoense e potiguar.


  • Mostrar Abstract
  • This research analyzes the seridoensecultural memory in excerpts of the poetry work of the currais-novense’s writer Luís Carlos Guimarães. Two are the books of poetry studied: O aprendiz e a canção (1961) and As cores do dia (1965). From the first work was chosen “Galo”, the second “O Curral” and “O pai”. In the foreground there is a poetic tendency to represent/remember symbols that mark the architectural identity of the mesoregion, to note: the farm house, the corrals, among others; on the other hand, there is also a lyrical self that seeks to register, in its particular way, various cultural practices that, like the architectural landmarks, permeate the culture and the Seridó’s imaginary. Agriculture and livestock are listed as cultural practices that have had greater influence and recurrence. In the midst of the representation of architectural symbols and cultural practices also appear fundamental elements to the cultural integrity of the scenarios and, therefore, especially interconnected to both poles discussed above. They are animals - with emphasis on cattle and roosters - and agricultural crops such as corn and cotton. The result of this complex turn-based game is a singular and particular representation of a sertanejo’s environment. Cultural memories are organized in a hermetic and sometimes indistinct flow of images, making clairvoyant choice through a process of poetic construction that evokes landscapes and cultural practices prioritizing the defense of artistic expression without many barriers of reason. All the poems recover, by means of institutionalized memories, true icons of high identity content, made possible both an analysis of poetic representation and the study of the singular perspective of the poet who reinterprets them. For the proposed discussion, the research is based on the studies of: Nora (1993), Bosi (2007), Le Goff (2013), Halbwachs (2006), Ricœur (2007) to base discussions on memory; Assmann (1995; 1998; 2008;), A. Assmann (2011), Erll and Nunning (2003; 2008) regarding the theoretical perspective of cultural memory adopted; the postulates of Cascudo (1956, 1984, 1999, 2012), J. Lamartine (2006), O. Lamartine (1965, 1980, 2012, 2016); P. Lamartine (2004); Cirne (1979; 2013), Medeiros (1980) Medeiros Filho (1983), Mariz e Suassuna (2005), Trindade (2010), Macêdo (2012; 2015), Macêdo et al. (2018), Diniz (2008)with regard to the seridoense’s and potiguar’s culture/history.

     

24
  • DAVID RAPHAEL ARAUJO DA FÉ
  • Liames intertextuais - Os rastros de Virginia Woolf na obra The Hours, de Michael Cunningham.

  • Orientador : REGINA SIMON DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • RAQUEL DE ARAÚJO SERRÃO
  • Data: 29/07/2019

  • Mostrar Resumo
  •  

    A Literatura é palimpséstica. Um pergaminho antropofágico que cria inúmeras conexões e interpretações com outras artes e, sobretudo, alimenta-se de si mesma. Ao longo do século XX, vários autores marcaram a história da literatura mundial. Nesse período de revoluções literárias, estéticas e sociais, uma mulher surgiu como marco nesse novo modo de escrever: Virginia Woolf. Em 1925, a canônica autora inglesa publicara seu quarto romance, Mrs Dalloway, um dos livros precursores de uma técnica de escrita chamada fluxo de consciência. Com ele, Woolf cunhou seu nome na história da literatura moderna e serve, até os dias atuais, como arquétipo para novos escritores. O livro The Hours (1999), do autor estadunidense Michael Cunningham, realiza uma imersão no universo da prestigiada literata. As personagens de sua narrativa explicitam a crítica e a quebra de padrões estéticos e consagrados por Woolf em seus livros, tendo como nítida inspiração o já citado Mrs Dalloway. O romance de Cunningham bebe da fonte de woolfiana e recria o seu olhar para as novas horas da modernidade. Utilizando de dados biográficos e bibliográficos da própria Virginia Woolf, construções linguísticas e personagens de Mrs Dalloway, Cunningham produz e recompõe sua história cheia de simbolismos e intrincamentos com a obra da britânica, fazendo com que seus ideais sejam reforçados e perpetuados dentro de um outro tempo e espaço. O objetivo desse trabalho é observar e demonstrar os rastros de Woolf dentro do romance cunninghaniano por meio das teorias de Mikhail Bakhtin com sua Estética da Criação Verbal (2000); Julia Kristeva e a Introdução à Semanálise (2012) e Robert Humphrey com O fluxo de consciência: um estudo sobre James Joyce, entre outros autores que versem sobre os mecanismos intertextuais dos estudos literários. Tendo em vista os pontos mencionados, espera demonstrar-se a intertextualidade entre os dois escritos que nos servem de objetos contemplativos e reflexivos acerca de temas que ainda são tão pertinentes em nossa sociedade.


     


  • Mostrar Abstract
  •  

    Literature is palimpsestic. An anthropophagic parchment that creates innumerable connections and interpretations with other arts and, above all, feeds on itself. Throughout the twentieth century, several authors have marked the history of world literature. In this period of literary, aesthetic and social revolutions, a woman emerged as a milestone in this new way of writing: Virginia Woolf. In 1925, the canonical English author had published her fourth novel, Mrs. Dalloway, one of the pioneering books of a writing technique called the stream of consciousness. With the novel, Woolf coined his name in the history of modern literature and serves, in nowadays, as an archetype for new writers. The novel The Hours (1999), by the American author Michael Cunningham, makes an immersion in the universe of the prestigious writer. The characters of his narrative explain the criticism and the breaking of aesthetic standards and consecrated by Woolf in her books, having as clear inspiration the already mentioned Mrs Dalloway. Cunningham's novel drinks from the source of Woolf and recreates his gaze to the new hours of modernity. Using biographical and bibliographical data of Virginia Woolf, linguistic constructions and the characters of Mrs Dalloway, Cunningham produces and recomposes her history full of symbolism and intricacies with the work of the British, making their ideals reinforced and perpetuated within another time and space. The aim of this work is to observe and demonstrate the traces of Woolf within the Cunningham novel through the theories of Mikhail Bakhtin with  Estética da Criação Verbal (2000); Julia Kristeva and the Introdução à Semanálise (2012) and Robert Humphrey with O fluxo de consciência: um estudo sobre James Joyce, among other authors dealing with the intertextual mechanisms of literary studies. In view of the aforementioned points, we hope to demonstrate the intertextuality between the two writings that serve as contemplative and reflective objects about themes that are still so pertinent in our society.


25
  • LEONARDO GUIMARÃES DE FARIAS
  • A SORTE NÃO ESTÁ DO NOSSO LADO: A DISTOPIA THE HUNGER GAMES COMO CRÍTICA À SOCIEDADE OCIDENTAL

  • Orientador : ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • KLÉBER JOSÉ CLEMENTE DOS SANTOS
  • Data: 30/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação tem como objetivo, a partir da visão que a literatura é uma possível ferramenta de crítica à sociedade (BOOKER, 1994a), perceber como The hunger games contesta o mundo contemporâneo. Para tanto, investigar-se-á quais as semelhanças entre o mundo do romance e o contexto histórico de sua publicação. Lançado em 2008, The hunger games, escrito pela autora americana Suzanne Collins, traz temáticas comuns às discussões sobre o controle e domínio ideológico da sociedade capitalista do século XXI também presentes na ficção distópica.  Esta pesquisa entende por distopia as ficções influenciadas por textos utópicos em que a sociedade apresentada é radicalmente pior que a do autor e que buscam alertar o leitor sobre problemas do presente (BOOKER, 1994b; SUVIN, 2015). A partir do entendimento de que as temáticas das distopias variam de acordo com a conjuntura de seu tempo, é necessário compreender: quais as temáticas comuns às distopias e quais mudanças de abordagem ocorreram no gênero; como The hunger games discute os temas comuns ao distópico e como os ressignificou; por fim, qual o paralelo entre o romance e a sociedade ocidental do início do século XXI. A pesquisa baseou-se nos estudos dos filósofos pós-marxistas Žižek e suas influências marxistas modernas para compreender a sociedade pós 11 de setembro. Para entender as relações entre literatura e sociedade, levou-se em consideração os estudos teóricos sobre distopias de Booker (1994a, 1994b), Gottlieb (2001) e Suvin (2015). Por fim, utilizou-se de parte da fortuna crítica de The hunger games – Averill (2013), Barbosa (2017), Gresh (2012) e Olthouse  (2013) – como aporte para analisar as temáticas abordadas no romance. Percebe-se que The hunger games critica a espetacularização da realidade e as relações de poder presentes na sociedade. Além disso o romance sugere um comportamento baseado no cuidado e na solidariedade pelo próximo como possibilidade de superar esses problemas.


  • Mostrar Abstract
  • This dissertation aims, from the point of view that literature is a possible tool for denouncing society problems (BOOKER, 1994a), to understand how The hunger games criticizes the contemporary world, and, in order to do that, it intends to investigate the similarities between the world of the novel and the historical context of its publication. The Hunger Games (COLLINS, 2008) alludes to common to the discussions on the control and ideological domination of capitalist society of the 21st century and to dystopian fiction. This work understands dystopia as fictions influenced by utopian texts in which the presented society is radically worse than the one of the author and that seek to alert the reader about problems of present. Based on the understanding that the dystopian themes change according to their time, it is important to understand: which  themes are usually present in dystopias and what changes occurred in their approach through time; how the novel discusses the motif of dystopic literature and how the it resignify the themes; finally a parallel between the novel and the western society of the beginning of the 21st century is made. The research used the studies of the post-Marxist philosopher Žižek and his modern Marxist influences to understand post-9/11 society. In order to understand the relations between literature and society, the theoretical studies on dystopias of Booker (1994a, 1994b), Gottlieb (2001) and Suvin (2015) were examined. Finally, the studies of Averill (2013), Barbosa (2017), Gresh (2012) and Olthouse (2013) were used to analyze the subjects discussed in the novel. It is noticed that The hunger games criticizes the spectacularization of the reality and the relations of power present in the society. In addition, the novel suggests a behavior based on care and solidarity for the neighbor as a possibility to overcome these problems.
26
  • MARIA VAGNEIDE DE OLIVEIRA FERREIRA
  •  

    Construção da identidade e da alteridade em processo pós-colonial: A escravidão contada à minha filha (2002) de Christiane Taubira

  • Orientador : KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • ENILCE DO CARMO ALBERGARIA
  • Data: 30/07/2019

  • Mostrar Resumo
  •       

    O lugar que a literatura de expressão francesa, em particular guianense, ocupa no contexto brasileiro é quase inexistente. Existe uma penúria de artigos científicos, de traduções de obras, de estudos críticos e literários. Ora, o debate sobre o colonialismo e o pós-colonialismo do século XX interessa pensadores de diversos países, como Homi Bhabha (1949), Edward Saïd (1978; 1995) e Gayatri Spyvak (1985). Poetas como Léon-Gontran Damas (1937) ou Aimé Césaire (1950) e filósofos antilhanos como Frantz Fanon (1952) e Édouard Glissant (1981) refletiram profundamente sobre o mundo no qual estamos inseridos, a partir da condição colonial e da herança da escravatura que tanto marcou a Guiana, a Martinica, enfim, as Antilhas Francesas. Eles interpretaram estes espaços e desestabilizaram os lugares comuns e as narrativas coloniais, interrogando-as a partir dos territórios, da presença física das pessoas e das suas subjetividades, fundando assim a base, e a prática teórica dos estudos pós-coloniais. Neste contexto, Christiane Taubira escreveu, em 2002, o livro L’esclavage raconté à ma fille, com o propósito de revisitar e interrogar a história silenciada do tráfico negreiro e da escravidão nas Américas, no Caribe e no Oceano Indico como crimes contra a humanidade. O principal objetivo da pesquisa se constitui na identificação e na análise dos procedimentos utilizados pela autora para a construção da identidade individual e da alteridade coletiva da pluriétnica sociedade guianense. Para tanto, utilizaremos como principal aporte teórico os estudos de Édouard Glissant (1981; 1990; 1996; 1997; 2007) que apontam para às questões identitárias e as relações entre as culturas no mundo contemporâneo. A presente dissertação visa, em um primeiro momento, trazer um recorte histórico com o propósito de situar a obra em estudo, além de apresentar um conjunto de informações relativas ao período colonial francês e seu vínculo com o passado da Guiana. Em um segundo momento, procura examinar o percurso de busca da identidade de comunidades negras nas Américas e na França, que originarão os movimentos culturais nas primeiras décadas do século XX; para em seguida, investigar a evolução da teoria pós-colonial, em particular na literatura guianense e caribenha; para uma maior compreensão do pensamento de Glissant  (1981; 1990; 1996; 1997; 2007) se faz necessário traçar o perfil da pluriétnica sociedade guianense. Em um terceiro momento, a intenção é de realizar uma leitura analítica da obra L’esclavage raconté à ma fille (2002), em seus aspectos textual, estrutural e temático enfocando o diálogo produzido pela autora entre a literatura e os eventos históricos que constituem a trama, a fim de romper o processo de representação dos negros enquanto atrasados, incivilizados, inferiorizados, odiados, intoleráveis, que a literatura colonial elaborou durante séculos.


  • Mostrar Abstract
  • The status that Literature of French expression, in particular the Guyanese one, takes place in Brazilian context is almost non-existent. There is a shortage of academic papers, translations or even literary studies. Currently, the debate on colonialism and postcolonialism in the twentieth century brings to the light ideas from experts of several countries, such as, Homi Bhabha (1949), Edward Saïd (1978; 1995) and Gayatri Spyvak (1985).  Poets as Léon-Gontran Damas (1937) or Aimé Césaire (1950) and Antilles philosophers as Frantz Fanon (1952) and Édouard Glissant (1981), have reflected deeply on which world we are inserted, taking as a starting point colonial condition and slavery heritage that have marked so much both Guyana and Martinique, the French Antilles. They have interpreted such spaces and have questioned some common places and colonial narratives, approaching them considering dominions, people physical presence and their subjectivities, founding the basis for practical and theoretical studies on postcolonialism. In this context, Christiane Taubira wrote, in 2002, her book entitled L’esclavage raconté à ma fille aiming at revisiting and questioning the silent history of slave trade and slavery in Americas, Caribbean and Indian Ocean as crimes against humanity. Thus, the main purpose of this research is identifying and analyzing procedures used by the author to construct individual identity and collective otherness from Guyanese multiethnic society. For such approach, it has been used as theoretical framework studies developed by Édouard Glissant (1981; 1990; 1996; 1997; 2007) concerned to identity questions and relationships among cultures in contemporary world. Therefore, this dissertation aims, at first glance, to bring a historical clipping to contextualize the studied piece, besides introducing an information set concerned to French colonial period and its link to Guyana past time. Secondly, it will be examined identity search trajectory of black communities in Americas and France, which originate cultural movements in the first decades of the 20th century. Then, the evolution of the postcolonial theory will be investigated, particularly in Guyanese and Caribbean literature. To understand Glissant’s thought, especially Glissant (1981; 1990; 1996; 1997; 2007), it is necessary to construct a profile from Guyanese multiethnic society. In a third moment, the purpose is to develop an analytical reading from the piece  L’esclavage raconté à ma fille (2002), considering its textual, structural and thematic aspects, focusing interrelations produced by the author between literature and historical events which constitute the plot, in order to break up the process of representation for blacks as antiquated, uncivilized, slighter, hated and intolerable, which colonialist literature worked out for centuries.

27
  • ROSINEIDE TERTULINO DE MEDEIROS GUILHERME
  • LETRAMENTO RELIGIOSO: UM OLHAR SOBRE OS EVENTOS DE LETRAMENTO DA ORGANIZAÇÃO MENSAGEIRAS DO REI

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • NADIA MARIA SILVEIRA COSTA DE MELO
  • Data: 30/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho trata de um estudo acerca da relação do letramento religioso e a sociedade, buscando focalizar evidências alusivas às transformações sociais ocasionadas através da agência de letramento a Organização Mensageira do Rei, existente desde 1949, fundada pela missionária americana Minnie Lou Lanier, trabalhando com meninas de 09 a 16 anos. Essa organização teve seu marco no Rio de Janeiro. Atualmente, se faz  presente em cada estado brasileiro. A pesquisa proposta se insere no campo da Linguística Aplicada (MOITA LOPES, 2013); Linguística Aplicada Crítica (RAJAGOPALAN, 2003). Quanto a nossa abordagem metodológica trilhamos a qualitativa (CHIZZOTTI, 2005; BOGDAN, BIKLEN,2006; ANDRÉ, 1996; CANÇADO, 1994). Em termos de abordagem teórica, a pesquisa se baseia nos postulados dos Estudos de Letramento (KLEIMAN,2005; BAYNHAM, 1995; OLIVEIRA, 2010), como também nos estudos do Letramento Crítico (FAJARDO, 2015; VASQUEZ; 2016; FREIRE, 1979) e por fim, no letramento Religioso (COULMAS, 2014; LOPES, 2006; WEBER,2004; MONTEZANO, 2006). Tivemos como objetivo identificar essa organização como agência de letramento a partir das categorias de Hamilton (2000) e também evidenciar como o exercício da leitura e escrita, na vida da mensageira do Rei, é influenciado pela prática do letramento religioso. No trajeto da construção desse trabalho encontramos apontamentos positivos da influência dessa organização gerando agentes catalizadores de mudanças sociais.


  • Mostrar Abstract
  • The present research deals with a study about the relation of religious literacy and society, seeking to bring into focus evidences of the social transformations occasioned by the King 's Message Organization, existing since 1949, founded by the American missionary Minnie Lou Lanier, working with girls from 09 to 16 years. It had its mark in Rio de Janeiro, but today, we have presence of this organization in each Brazilian state. Our research is part of the field of Applied Linguistics (MOITA LOPES, 2013); Applied Critical Linguistics (RAJAGOPALAN, 2003). As far as our methodological approach is concerned, it is qualitative (CHIZZOTTI, 2005; BOGDAN, BIKLEN, 2006; ANDRÉ, 1996; CANÇADO, 1994). In terms of a theoretical approach, the research is based on the postulates of Literacy Studies (KLEIMAN, 2005; BAYNHAM, 1995; OLIVEIRA, 2010), as well as in Critical Literacy studies (FAJARDO, 2015, VASQUEZ, and finally, in Religious literacy (COULMAS, 2014; LOPES, 2006; WEBER, 2004; MONTEZANO, 2006). We aimed to identify this organization as an agency of literacy from the categories of Hamilton (2000) and also to show how the exercise of reading and writing in the life of the messenger of the King is influenced by the practice of religious literacy. In the course of the construction of this work we find positive notes of the influence of this organization generating agents that catalyze social changes.

28
  • ALIZANDRA DE ASSIS CÂNDIDO LOPES
  • SESSÕES ORDINÁRIAS DO LEGISLATIVO MUNICIPAL COMO EVENTOS DE LETRAMENTO

     

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • GLICIA MARILI AZEVEDO DE MEDEIROS TINOCO
  • RISOLEIDE ROSA FREIRE DE OLIVEIRA
  • Data: 30/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Partindo da concepção de letramento como prática social, sendo a leitura e a escrita inseridas em praticas sociais e linguísticas que fazem uso real da língua dentro de  contextos específicos e em domínios variados, pretende-se, nesta pesquisa, descrever como se efetivam as sessões ordinárias do legislativo municipal como eventos de letramento. No que concerne aos pressupostos teóricos, adota-se os fundamentos dos Estudos do Letramento visto como prática social (BARTON; HAMILTON, 1993; 1998; 2000;  KLEIMAN, 1995; 2008; STREET, 1984; OLIVEIRA, 2008, 2010); ROJO (2009), nos embasamentos que tematizam Linguagem e Trabalho (SOUZA-E-SILVA, 2002; DUARTE; FEITOSA, 1998) e na perspectiva do Letramento Laboral (PAZ (2008). Utiliza-se também de alguns pressupostos referentes aos estudos de crenças BARCELOS, 2006). O presente estudo está inserido também no campo de investigação da Linguística Aplicada (LA), tomando como aportes teóricos (MOITA LOPES, 2006;  PENNYCOOK, 2006; SIGNORINI, 2006; CELANI, 2000), ressaltando o caráter problematizador da área, que se preocupa em dar conta de investigar além do campo de ensino de línguas. A pesquisa adota os pressupostos metodológicos da investigação qualitativa de inspiração etnográfica (ANDRÉ,1995; BOGDAN; BIKLEN, 1994; CANÇADO, 1994; CHIZZOTTI, 2005). Realizou-se com a colaboração de vereadores que constituem a décima sétima legislatura da Câmara Municipal de um município do interior do estado do Rio Grande do Norte.  O corpus da pesquisa foi gerado por meio da observação de eventos de letramento realizados durante as sessões legislativas da referida Câmara Municipal, além de entrevistas semiestruturadas. A discussão dos dados indicam que os eventos de letramento investigados assumem um papel fundamental na vida dos cidadãos, tendo em vista, o poder que exercem as práticas de leitura e escrita no tocante a tomada de decisões que irão conduzir os investimentos feitos pelo poder executivo para implementar as políticas públicas para a melhoria de vida da população. Esses eventos apresentam características definidas em termos de participantes, domínio, artefatos e atividades. A relevância deste trabalho reside nas contribuições que poderá fornecer aos estudos da linguagem, especialmente aos Estudos de Letramento voltados para a focalização das atividades de trabalho.


  • Mostrar Abstract
  • It starting from the conception of literacy as a social practice, reading and writing being inserted into social and linguistic practices that make real use of the language within specific contexts and in varied domains, it is intended in this research to describe the events and practices of literacy during the Ordinary Sessions of the municipal legislature. With regard to theoretical assumptions, we have adopted the foundations of literacy studies seen as a social practice and supported by (BARTON, HAMILTON, 1993, 1998, 2000, KLEIMAN, 1995, 2008, STREET, 1984, OLIVEIRA, 2008, 2010; , 2009), in the foundations that theme language and work (SOUZA-E-SILVA, 2002; DUARTE; FEITOSA, 1998) and in the perspective of labor literacy (PAZ, 2008). We also taking some considerations about the concept of beliefs (BARCELOS, 2006). The present study is also part of the research field of Applied Linguistics (LA), taking as theoretical contributions (MOITA LOPES, PENNYCOOK, SIGNORINI, 2006; CELANI, 2000), highlighting the problematizing character of LA, to investigate beyond the field of language teaching. The research adopts the methodological assumptions of qualitative research of ethnographic inspiration, (BOGDAN; BIKLEN, 1994; CANZADO, 1994; CHIZZOTTI, 2005; ANDRÉ, 1995). It was held with the collaboration of city councilmen who constitute the seventeenth legislature of a  interior's city of the state of Rio Grande do Norte. The Corpus of the research was generated through the observation of literacy events carried out during the legislative sessions of said City Hall, in addition to semi-structured interviews. The discussion of the data indicates that the literacy events investigated play a fundamental role in the lives of citizens, considering the power that play of reading and writing practices with respect to decision-making that will drive the investments made by the executive branch to implement the public policies to improve the lives of the population. The relevance of this study is found in the contributions that it will can to provide to the language studies, especially to Literacy Studies focused in the work activities.

     

     

     

29
  • BIA CRISPIM DE ALMEIDA
  • IDENTIDADE(S) EM TRÂNSITO: UMA ESQUIZOANÁLISE DO PERSONAGEM NARRADOR EM ACENOS E AFAGOS DE JOÃO GILBERTO NOLL

  • Orientador : MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • ALEX BEIGUI DE PAIVA CAVALCANTE
  • Data: 30/07/2019

  • Mostrar Resumo
  •  

    Tendo como corpus principal o romance Acenos e afagos (2008) do escritor portalegrense João Gilberto Noll, o presente trabalho tem por objetivo principal fazer uma análise sobre a construção do narrador personagem e consequentemente da narrativa contemporânea, aproximando-os à teoria do neobarroco de Severo Sarduy (1979). Este trabalho tem como suporte a esquizoanálise proposta por Deleuze e Guattari (2014) e outros referenciais como o “corpo sem órgãos” de Artaud – filtrado pelos estudos de Deleuze e Guattari (2014/2015), a desterritorialização, o devir, e o rizoma, a partir dos estudos da mesma dupla de filósofos (2014/2015/2017), assim como também os conceitos de barroco e de compossibilidade deleuzianos (2015). Apresentamos um panorama breve sobre o romance contemporâneo e o papel do narrador nesse romance e tratamos do romance barroco e seus artifícios, além de fazer a aproximação entre os conceitos supracitados que ajudam a estudar a narrativa contemporânea, apresentando uma pequena amostra de obras de outros autores, a saber: Cobra (1975) de Severo Sarduy, Nossa Senhora das flores (1983) de Jean Genet e Orlando (1986) de Virginia Woolf, cujos narradores personagens, personagens e/ou narrativas em trânsito, já se situam dentro de uma perspectiva do romance contemporâneo, cujas características rizomáticas, em que as compossibilidades em que são concebidos se dão, apontam para a escritura barroca. Apresentamos uma análise concisa sobre a escrita ficcional de Noll e sua fortuna crítica em que será feito um percurso sobre outras obras de Noll, analisando aspectos da composição narrativa e de personagens nollianos, a saber: O cego e a dançarina (2008), A fúria do corpo (2008), Hotel Atlântico (1990), Lord (2004), e A céu aberto (2008). O estudo, aqui, concentra-se no trânsito identitário dos narradores personagens e/ou personagens de tais obras e como a fortuna crítica colabora para entendermos melhor a obra. Centrarmo-nos exclusivamente na análise da transitoriedade das identidades do narrador personagem da obra Acenos e afagos(2008), tomando como ponto de partida os conceitos já mencionados. Este trabalho tem como objetivo secundário desenvolver ferramentas de análise para as narrativas da modernidade e pós-modernidade que carregam em suas estruturas novas formas de “organização” e concepção, construídas dentro de um processo barroco de mutações, fluxos, instabilidades, rupturas, intensidades e transitoriedades.


  • Mostrar Abstract
  • With the main corpus of the novel Acenos e afagos (2008) by the writer João Gilberto Noll, the present work aims to make an analysis on the construction of the character-narrator and consequently of the contemporary narrative approaching the Neobarroque theory of Severo Sarduy (1979), this work will be given, supported by the schizoanalysis proposed by Deleuze and Guattari (2014) and other referential as the "body without organs" of Artaud – Filtered by the studies of Deleuze and Guattari (2014/2015), deterritorialization,  devir, and  rhizome, from the studies of the same duo of philosophers (2014/2015/2017), as well as the concepts of Baroque and Compossibility Deleuzian (2015). It will present a brief overview of the contemporary novel and the role of the narrator in this novel. We will deal with the Baroque novel and its artifices, besides making the approximation between the aforementioned concepts that help to study the contemporary narrative presenting a small sample of works by other authors, namely: Cobra (1975) by Severo Sarduy, Nossa Senhora das Flores (1983) by Jean Genet and Orlando (1986) by Virginia Woolf, whose narrators-characters, characters and/or narratives in transit, are already within a perspective of contemporary romance, whose rhizomatic characteristics, where the compossibilities in which they are conceived are given, point to the Baroque scripture. We will present a concise analysis of the fictional writing of Noll and his critical fortune in which will be made a journey on other Noll works, analyzing aspects of the narrative composition and of Noll's characters, namely: O cego e a dançarina (2008), A fúria do corpo (2008), Hotel Atlântico (1990), Lord (2004), and A céu aberto (2008). The study, here, focuses on the transit identity of the narrators' characters and/or characters of such works and how the critical fortune collaborates to better Bury Noll's work. We will make an exclusive analysis of the transience of the identities of the character-narrator of the work Acenos e afagos (2008), taking as starting point the concepts already mentioned. This work has as a secondary objective to develop analytical tools for the narratives of modernity and postmodernity that carries in their structures new forms of "organization" and conception, built within a Baroque process of mutations, flows, instabilities, ruptures, intensities, and transitivities.

     

30
  • ISABEL CAMILA ALVES DA SILVA
  • A AVENTURA DO ESTRANHAMENTO EM PALOMAR, DE ITALO CALVINO

  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • VILANI MARIA DE PADUA
  • Data: 31/07/2019

  • Mostrar Resumo
  •  

     

    Este estudo tem como objetivo analisar as relações entre homem e espaço da cidade presentes no romance Palomar (1983), última obra de ficção do escritor Italo Calvino (1923-1985), sob a perspectiva do estranhamento, procurando investigar, também, como o autor utiliza conceitos e aspectos do romance de aventura num romance moderno. Através das explorações do senhor Palomar, temos o confronto entre indivíduo e metrópole que, na aparente banalidade de seu cotidiano, proporciona imagens exóticas que dependem de interpretações diferentes do que parece já estabelecido. Além disso, temos o impulso para o desbravamento, o que nos leva a pensar na obra como elaboração aventuresca. Nesse sentido, a partir de uma análise imanentista, observaremos como a percepção particular do personagem senhor Palomar caminha para um sentido universal a partir do estranhamento, com a criação de um segundo olhar sobre o que já é conhecido; ele desautomatiza o significado banal de objetos, seres e espaços, redefinindo-os. Para isso, observação e descrição são pontos-chave da narrativa, no trabalho calviniano de discutir a linguagem através da criação de uma poética singular. As perspectivas teóricas que permeiam nosso estudo são, principalmente, a obra ensaística de Calvino (1990; 2007; 2009; 2010; 2015) - publicada em jornais e resultado de conferências -, sobretudo no que tange à linguagem, ao conceito de aventura discutido pelo autor, ao deslocamento e à percepção do estrangeiro; as abordagens de estranhamento feitas por Chklovsky (1917) e Friedrich (1978); e o pensamento sobre a cidade a partir das concepções de Baudelaire (2006) e Certeau (1998). Como resultados, chegamos à conclusão de que Palomar é uma obra significativa para Calvino ficcionista e ensaísta. Tanto o pensamento acerca do romance de aventura quanto a cidade como proposta fundamental de sua obra estão presentes em seus ensaios e transformam-se em material para forma e conteúdo de sua escrita literária. Assim, Palomar encerra a produção do autor reunindo num personagem moderno, da forma mais contundente e expressiva, temas como o estrangeiro, o deslocamento, a cidade e a sensação do estranhamento (de leitor e personagens), sempre pensados e discutidos por Calvino. 


    Palavras-chave: Italo Calvino. Palomar. Aventura. Estranhamento. Cidade. 

     

    ABSTRACT


    THE ADVENTURE OF ESTRANGEMENT EFFECT IN PALOMAR, OF ITALO CALVINO


    This study aims to analyze the relations between man and space in the city present in the novel Palomar (1983), the last fictional work by the Italian writer Italo Calvino (1923-1985), from the perspective of the estrangement effect, trying to investigate, as well, how the author uses concepts and aspects of the adventure novel in a modern novel. Through Mr. Palomar's explorations, we have the confrontation between the individual and the metropolis, which, in the apparent banality of their daily life, provides exotic images that depend on different interpretations of what seems already established. In addition, we have the impetus for the clearing, which leads us to think of the work as an adventurous elaboration. In this sense, from an immanentist analysis, we will observe how the particular perception of the character Mr. Palomar walks toward a universal sense from the strangeness, with the creation of a second look on what is already known; he deautomates the banal meaning of objects, beings and spaces, redefining them. For this, observation and description are key points of the narrative, in the Calvinian work of discussing language through the creation of a singular poetics. The theoretical perspectives that permeate our study are, mainly, the essay work of Calvin (1990, 2007, 2009, 2010, 2015) - published in newspapers and conference results - especially with regard to language, the concept of adventure discussed by the author, the displacement and the perception of the foreigner; the approaches of estrangement made by Chklovsky (1917) and Friedrich (1978); and thinking about the city from the conceptions of Baudelaire (2006) and Certeau (1998). As a result, we come to the conclusion that Palomar is a significant work for Calvin's fictionist and essayist. Both the thought about the adventure novel and the city as the fundamental proposal of his work are present in his essays and become material for form and content of his literary writing. Thus, Palomar ends the production of the author by bringing together in a modern character, in the most forceful and expressive way, themes such as the foreigner, the displacement, the city and the sensation of estrangement (of reader and characters), always thought and discussed by Calvino.


    Keywords: Italo Calvino. Palomar. Adventure. Estrangement Effect. City.

     

  • Mostrar Abstract


  • This study aims to analyze the relations between man and space in the city present in the novel Palomar (1983), the last fictional work by the Italian writer Italo Calvino (1923-1985), from the perspective of the estrangement effect, trying to investigate, as well, how the author uses concepts and aspects of the adventure novel in a modern novel. Through Mr. Palomar's explorations, we have the confrontation between the individual and the metropolis, which, in the apparent banality of their daily life, provides exotic images that depend on different interpretations of what seems already established. In addition, we have the impetus for the clearing, which leads us to think of the work as an adventurous elaboration. In this sense, from an immanentist analysis, we will observe how the particular perception of the character Mr. Palomar walks toward a universal sense from the strangeness, with the creation of a second look on what is already known; he deautomates the banal meaning of objects, beings and spaces, redefining them. For this, observation and description are key points of the narrative, in the Calvinian work of discussing language through the creation of a singular poetics. The theoretical perspectives that permeate our study are, mainly, the essay work of Calvin (1990, 2007, 2009, 2010, 2015) - published in newspapers and conference results - especially with regard to language, the concept of adventure discussed by the author, the displacement and the perception of the foreigner; the approaches of estrangement made by Chklovsky (1917) and Friedrich (1978); and thinking about the city from the conceptions of Baudelaire (2006) and Certeau (1998). As a result, we come to the conclusion that Palomar is a significant work for Calvin's fictionist and essayist. Both the thought about the adventure novel and the city as the fundamental proposal of his work are present in his essays and become material for form and content of his literary writing. Thus, Palomar ends the production of the author by bringing together in a modern character, in the most forceful and expressive way, themes such as the foreigner, the displacement, the city and the sensation of estrangement (of reader and characters), always thought and discussed by Calvino.

31
  • DÉBORA LOANE DO AMARAL E SOUZA
  • O tempo e espaço utópicos em La guerra del fin del mundo

  • Orientador : REGINA SIMON DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • REGINA SIMON DA SILVA
  • FRANCISCO ERNESTO ZARAGOZA ZALDIVAR
  • JOAO BATISTA DE MORAIS NETO
  • Data: 31/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Para Pedro Henríquez Ureña (1978) “a utopia é o motor da história e no caso da América Latina, onde o caos e o desconcerto predominam, só sua luz pode indicar o caminho da esperança aos espíritos cansados”. A partir dessa afirmação desenvolvemos esta dissertação com o objetivo de analisar a obra La Guerra del Fin del Mundo (2010), do escritor peruano Mario Vargas Llosa, cujo plano de fundo se revela a Guerra de Canudos (1896-1897). O principal objetivo da pesquisa constitui-se na identificação e na análise das utopias presentes na obra. Para tanto, utilizaremos como aporte teórico os estudos de Fernando Aínsa (1990) e de Thierry Paquot (1999) como referências para realizar tanto o mapeamento das utopias quanto a discussão das mesmas. O estudo, assim, contará com a seguinte organização: em primeiro lugar procuraremos localizar a obra no contexto da literatura hispano-americana a partir de meados do século XX, enfocando o diálogo produzido pelo autor entre a literatura e os eventos históricos que formam o palco em que o enredo se desenvolve; em seguida apontaremos elementos intertextuais (KRISTEVA, 2012) encontrados na obra de Vargas Llosa (2010) com a narrativa que deu suporte à obra, isto é, Os Sertões (1902) de Euclides da Cunha; finalmente discutiremos o conceito de utopia, com destaque para a utopia da Justiça Social, também denominada de Milenarismo, já suposta no próprio título do livro. Para esse tema, toma-se como base os estudos de Jean Delumeau (1997) e de Hilário Franco Jr. (1992), que apontam o Milenarismo como a espera de um reino deste mundo, de um paraíso terrestre reencontrado, à espera de um messias que deve instaurar um “reino de paz que antecede o Juízo Final”. Dessa maneira, o Milenarismo se relaciona à utopia do Paraíso, também abordada no trabalho.


  • Mostrar Abstract
  • For Pedro Henríquez Ureña (1978) "utopia is the motor of history and in the case of Latin America, where chaos and bewilderment prevail, only its light can indicate the path of hope to tired spirits." From this statement we develop this dissertation with the objective of analyzing the work La Guerra del Fin del Mundo (2010) by the Peruvian writer Mario Vargas Llosa, whose background reveals the Canudos War (1896-1897). The main objective of the research is to identify and analyze the utopias present in the work. For that, we will use as a theoretical contribution the studies of Fernando Aínsa (1990) and Thierry Paquot (1999) as references to carry out both the mapping of utopias and the discussion of them. The study, therefore, will count on the following organization: first, we will seek to locate the work in the context of Hispanic-American literature from the mid-twentieth century, focusing on the dialogue produced by the author between literature and historical events that form the stage in which the plot unfolds; then we will point out intertextual elements (KRISTEVA, 2012) found in the work of Vargas Llosa (2010) with the narrative that supported the work, ie, Os Sertões (2012), by Euclides da Cunha; we will finally discuss the concept of utopia with emphasis on the utopia of Social Justice, also called Milenarism, already supposed in the title of the book. For this theme, the studies of Jean Delumeau (1997) and Hilário Franco Jr. (1992), who point to Millennialism as the expectation of a kingdom of this world, of a terrestrial paradise rediscovered, waiting for a messiah that must establish a "kingdom of peace that precedes the Last Judgment". In this way, Millenarism is related to the Paradise utopia, also addressed in the work.

32
  • EDUARDO ALVES DA SILVA
  • INTEGRAÇÃO CONCEPTUAL SOB A ÓTICA DA COGNIÇÃO ECOLÓGICA NOS JOGOS DE RPG

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DUQUE
  • MEMBROS DA BANCA :
  • PAULO HENRIQUE DUQUE
  • JANAINA WEISSHEIMER
  • ANA CRISTINA PELOSI
  • Data: 16/09/2019

  • Mostrar Resumo
  • Este estudo revisa a teoria da mesclagem conceptual (FAUCONNIER; TURNER, 2002) e investiga de que maneira as experiências do nosso entorno físico e situacional estão presentes no fenômeno da integração de conceitos durante a produção de discurso no jogo de interpretação de papéis (RPG de mesa). Essa revisão pormenoriza aspectos físicos e motores na construção de sentido. Nesse tipo de jogo, o participante deve fazer uso de um discurso baseado em simulações (BARSALOU, 1999) para a formação de sentido. No RPG de mesa, o jogador usa uma complexa rede de integração de conceitos para a negociação conceptual. Para tanto, usa estratégias para integrar conceitos prévios com situações novas e criar outros totalmente diversos do que inicialmente pensou. A pesquisa demonstra como os jogadores de RPG de mesa fazem para integrar um novo conceito que deve ser criado ad hoc (BARSALOU, 1983) para suprir suas necessidades de entendimento entrando não apenas na superfície do texto, mas realizando uma simulação mental (BARSALOU, 1999). Durante o processo de integração conceptual, o participante realiza uma imersão simulativa através de modelos situacionais (ZWAAN; RADVANSKY, 1998) criados especialmente para atender a demanda conceptual exigida no jogo passando a entrar “na pele do personagem”. Devido à ressonância motora (ZWAAN; TAYLOR, 2006) exigida pelo recrutamento cognitivo no processo de integração conceptual, defendemos que o jogador se vale de estratégias ecológicas para atingir sua meta (DUQUE, 2015, 2016). A pesquisa toma como método o processo explicativo e empírico-analítico de forma qualitativa no sentido de rever a atual teoria de Integração conceptual na área de Linguística Cognitiva. No método, realizamos uma aplicação das situações narradas no jogo dentro de nosso modelo de análise e avaliamos em que medida os aspectos ecológicos estão presentes na integração conceptual usando transcrições das falas e observação de vídeo. Os resultados sugerem que os aspectos físicos e ambientais são maiores do que se esperava, numa integração de conceitos, do que a mera correlação de análogos e compressões de relações vitais (FAUCONNIER; TURNER, 2002), o que deixa imanente o caráter ecológico de nossa cognição nesse tipo de fenômeno.


  • Mostrar Abstract
  • This master thesis investigates how the experiences of our physical and situational environment are present in the phenomenon of conceptual integration (FAUCONNIER; TURNER, 2002) during the production of discourse in the role-playing games (RPG). In this game, the participant should make use of a discourse based on simulations (BARSALOU, 1999) for the formation of meaning. In RPG, the player uses a complex network of concept integration for conceptual negotiation. To do so, the player uses strategies to integrate previous concepts with new situations and create totally different ones from what initially thought to suit the game. The research demonstrates how RPG players absorb a new concept that must be created ad hoc (BARSALOU, 1983) to supply their understanding needs by entering not only the surface of the text but by performing a mental simulation (BARSALOU, 1999). During the process, the participant performs a simulative immersion through situational models (ZWAAN; RADVANSKY, 1998) specially created to meet the conceptual demand required in the game and entering "on the character’s skin". Due to the motor resonance (ZWAAN; TAYLOR, 2006) required in cognitive recruitment during the conceptual integration process, we believe the players use ecological strategies to achieve their goals (DUQUE, 2015, 2016). The research takes as a method the explicative and empirical-analytical process in a qualitative way in order to review the current theory of conceptual integration in the Cognitive Linguistics area. The results suggest that the physical and environmental bias is greater than expected in an integration of concepts than the mere correlation of analogues and compressions of vital relationships, which immanently shows the ecological character of our cognition in this type of phenomenon.

33
  • LANUK NAGIBSON ARAÚJO SILVA
  •  

    A POÉTICA DO ANÔNIMO NA POESIA DE ANA PAULA TAVARES


  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • JULIANE VARGAS WELTER
  • MARIA DA CONCEIÇÃO CRISOSTOMO DE MEDEIROS GONÇALVES MATOS FLORES
  • Data: 02/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • Nascida em 1952, na cidade de Huíla, Angola, Ana Paula Tavares é graduada em História pela Faculdade de Letras do Lubango. Possui Mestrado e Doutorado na área de Literaturas Africanas. Diante dos tabus impostos sobre a sexualidade feminina, Paula Tavares nos confronta ao nos colocar diante do corpo da mulher e apresentá-lo como território misterioso que somente a dona o conhece com profundidade. A escritora apresenta uma escrita marcada por temas que tratam sobre o que é ser mulher em Angola pós-descolonização. Este trabalho tem como corpus poemas da antologia poética Amargos como os frutos, publicada no Brasil em 2011, e objetiva um estudo sobre a voz do anônimo, sobre quem são esses anônimos que compõem a poesia de Tavares e como a poetisa utiliza sua escrita e voz para representar e ficcionalizar os oprimidos. A pesquisa tem como aporte teórico os conceitos de literatura comparada e influência de Sandra Nitrini (2015), a distinção entre sexualidade e erotismo dado por Octávio Paz em A dupla chama (1995), o conceito de erotismo por Georges Bataille (2014), os estudos acerca do corpo, oferecidos pela crítica feminista de Lúcia Osana Zolin e de Elódia Xavier (2007), assim como as considerações da teoria pós-colonial de Thomas Bonnici (2009). Os estudos acerca do anonimato se dão por Jacques Rancière em La palabra muda (2009), O fio perdido (2017), Políticas da escrita (2017) e os estudos de subalternidade por Gayatri Spivak em Pode o subalterno falar? (2014), as considerações sobre lugar de fala por Djamila Ribeiro no ensaio: O que é lugar de fala (2017) e os apontamentos sobre feminismo e estudos de gênero pela escritora nigeriana Chimamanda Ngozi Adichie em Sejamos todos feministas (2015) e Para educar crianças feministas: um manifesto (2017).


  • Mostrar Abstract
  • Ana Paula Tavares was born in 1952, in the city of Huíla, Angola. Ana Paula Tavares was graduated in History from the Faculdade de Letras de Lubango. She holds a Master's and Ph.D. in the African’s Literatures. Faced with the taboos imposed on women's sexuality, Paula Tavares confronts the woman's body and presents as a mysterious should de discovered. The writer presents a writing marked by themes that deal with women in Angola after decolonization, but all her poemas were published in Brazil just in 2011. This master’s work aims study the voice of the anonymous, who are these anonymous that compose a poetry of Tavares and how the poet uses her writing to give voice to the oppressed. The research has as a theoretical contribution, the concepts of comparative literature and influence by Sandra Nitrini, the distinction between sexuality and eroticism given by Octavio Paz in A dupla chama (1995), the concept of eroticism by Georges Bataille, studies about the body, offered by the feminist critique of Lúcia Osana Zolin and Eloída Xavier, as well as the considerations of the postcolonial theory of Thomas Bonnici. Studies on anonymity are based on Jacques Rancière’s studies like La palabra muda (2009), O fio perdido (2017), Políticas da escrita (2017) and the subaltern studies by Gayatri Spivak in Pode o subalterno falar? (2014), and on the Djamila Ribeiro's essay: O que é lugar de fala? (2017) and Notes on feminism was based in Studies of feminism by the Nigerian Writer, Chimamanda Ngozi Adichie, in Sejamos todos feministas (2015) and Para educar crianças feministas: manifesto (2017).

34
  • NADJA CRISTINA TORRES PINTO
  • A ESTÉTICA DO HORROR EM MIA COUTO E LUÍS ROMANO: DO DELEITE AO ABJETO

  • Orientador : MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • LUISA DE MARILAC DE CASTRO SILVA
  • Data: 06/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa tem como foco analisar a categoria do horror em duas narrativas: A estrada de martírio, um dos textos que integra o romance Famintos, de Luís Romano (1962) e o conto O homem da rua, que faz parte da obra Contos do nascer da Terra, de Mia Couto (1997), observando como essa categoria se apresenta tanto no âmbito textual como no que se refere à recepção por parte do leitor. Para a análise, optamos pelateoria do Sublime, de Edmond Burke(1993), por compreender que ela é de fundamental importância para a reflexão crítica contemporânea sobre as narrativas de horror, além do conceito de abjeto proposto por Kristeva(1980)e que dialoga com o sublime burkeano, tendo neste um precursor do que seria chamado de abjeto no século XXI.


  • Mostrar Abstract
  • This study focus on analyze the horror category between two narratives: A estrada de martírio, one of the texts that is part of Famintos a novel written by Luís Romano (1962) and the short story O homem da rua, which is part of the book Contos do nascer da Terra written by Mia Couto (1997), observing how this category presents itself in textual area as reception by the reader. To analyze, we choose Edmond Burke’s (1993) theory of Sublime as we understands that it is very important for contemporary critical reflection on horror narratives, in addition Kristeva’s (1980) concept about abject which dialogues with sublime Burkean, having in this a precursor that would be called abject in the 21st century.

35
  • MADSON BRUNO SOARES ESTEVAM
  •  

     

    A (NÃO) ASSUNÇÃO DA RESPONSABILIDADE ENUNCIATIVA EM REDAÇÕES NOTA MIL DO EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO – ENEM

     

     

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CELIA MARIA DE MEDEIROS
  • Elis Betânia Guedes da Costa
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • ROSANGELA ALVES DOS SANTOS BERNARDINO
  • Data: 27/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • A responsabilidade enunciativa é um fenômeno que recobre as vozes presentes no texto, o que atesta o seu caráter polifônico, e permite ao analista, nos estudos linguísticos, perceber a instância que assume, ou não, o conteúdo proposicional dos enunciados proferidos pelos locutores enunciadores. Considerando esse postulado, neste trabalho, estabelecemos como objetivo geral investigar a responsabilidade enunciativa em redações nota mil do Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM, nas edições de 2013 a 2017. Definimos como objetivos específicos: (1) descrever o plano de texto; (2) analisar a imputação do ponto de vista e a responsabilidade enunciativa em redações nota mil; (3) identificar e descrever marcas linguísticas que indicam o ponto de vista dos candidatos; (4) verificar como ocorre o uso de vozes alheias nas redações nota mil, categorizando-as conforme formações sociodiscursivas a que pertencem. A teoria que embasa a investigação é a Análise Textual dos Discursos, quadro teórico fomentado por Adam (2011, 2017, 2018), no qual o texto e o discurso são vistos sob um novo olhar. Além desse pressuposto teórico, o trabalho também é embasado por autores que tratam sobre aspectos enunciativos, como Rabatel (2016, 2017, 2018), Rodrigues et al (2010), Passeggi et al (2010), Costa (2015), Guenthéva (1994), entre outros. Adotamos uma metodologia com viés qualitativo e quantitativo. Seguimos o método, sobretudo, indutivo, a fim de proceder às generalizações.  O trabalho com os dados cumpriu, assim, a identificação do fenômeno, sua descrição, análise e interpretação. Os resultados demonstram que os locutores enunciadores primeiros (L1/E1) utilizam vozes para embasar posicionamentos acerca das temáticas debatidas, com um recurso argumentativo conhecido como argumento de autoridade. Com isso, tendem a assumir o grau da responsabilidade enunciativa pelos discursos proferidos, usando com ênfase, para mostrar conhecimento enciclopédico, as formações sociodiscursivas filosófica, sociológica e jurídica. Além disso, observamos que o plano de texto das redações vem mudando com o passar o tempo, com a estrutura prototípica sendo firmada com a falta de título nos textos, um parágrafo de introdução, dois de desenvolvimento e um de conclusão. Por fim, os resultados desse estudo contribuem para o desvelamento do gênero discursivo textual redação do ENEM, em seus aspectos estruturais e enunciativos, e apontam os mecanismos empregados pelos participantes na construção de textos modelos inseridos na composição do maior exame educacional do país.


  • Mostrar Abstract
  • Commitment in discourse is a phenomenon that refers to the voices within the text, affirming its polyphonic nature and allowing the analyst to understand which enunciative instance assumes or not the propositional content in any utterances uttered by speakers/enunciators, specially in the realm of linguistics. Following this notion, the current research had the purpose of investigating commitment in top-scoring essays from the Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) from 2013 to 2017. More specifically, it aimed at: (1) describing the text plan of these essays; (2) analyzing the attribution of point of view and commitment in their top-scoring essays; (3) identifying and describing linguistic marks indicating the point of view of the candidates; (4) verifying how other voices came to be handled in such essays, as well as categorizing them according to the socio-discursive formations to which they belong. This research was grounded on Textual Discourse Analysis, a theoretical framework developed by Adam (2011, 2017, 2018), in which text and discourse are considered under a new perspective. Moreover, it was also based on theoretical accounts regarding enunciation in discourse, such as from Rabatel (2016, 2017, 2018), Rodrigues et al (2010), Passeggi et al (2010), Costa (2015), Guentchéva (1994), and others. Throughout this dissertation, we adopt a quali-quantitative methodology, following the inductive method with the purpose of raising generalizations from the obtained data. The treatment of the data was, thus, consistent with the identification of the phenomenon, followed by its description, analysis and interpretation.  Results show that the first speakers/enunciators (L1/E1) use voices to support their standpoints on the themes being discussed on the essay, representing argumentative resources recognized as arguments of authority. In that sense, they tend to assume a degree of commitment towards the different discourses in the utterance, using philosophical, sociological and legal socio-discursive formations in order to emphasize and show a certain degree of encyclopedical knowledge. Moreover, we observed that the text plan pertaining to such essays has been through a number of transformations in more recent years. Their prototypical structures, for instance, have been marked by the absence of a title, and by the recurring presence of a paragraph presenting the introduction, two paragraphs presenting the development and one paragraph presenting the conclusion. The results of this study may, ultimately, contribute to the understanding of ENEM essays as a textual-discursive genre in its structural and enunciative elements, indicating which are the mechanisms employed by its participants in the construction of the benchmarking texts selected in the making of the most important tertiary education admissional exam in Brazil.

Teses
1
  • RHENA RAIZE PEIXOTO DE LIMA
  • DIÁRIO DE LEITURA, VERBO-VISUALIDADE E A PRAÇA PÚBLICA MEDIEVAL: UMA POSSIBILIDADE DE RESPOSTA AOS DISCURSOS OFICIAIS NA SALA DE AULA

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • HÉLIO MÁRCIO PAJEÚ
  • MARIA BERNADETE FERNANDES DE OLIVEIRA
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MARIA DO SOCORRO MAIA FERNANDES BARBOSA
  • TATYANA MABEL NOBRE BARBOSA
  • Data: 25/02/2019

  • Mostrar Resumo
  • Conforme sabemos, os escritos deixados por Bakhtin e seu círculo oferecem, até os dias de hoje, relevantes contribuições para o estudo da linguagem. Para este trabalho, consideramos a análise do estudioso sobre carnavalização e sobre as demais festas populares ocorridas em praça pública na Idade Média. Para o autor, a praça constituía-se como um espaço privilegiado, onde, por meio de práticas subversivas, os sujeitos contestavam os discursos oficiais impostos pela realidade social da época. Atualmente, há outras formas de contestação. No espaço escolar, por exemplo, selecionamos o diário de leitura como um gênero motivador para a construção de discursos que objetivam subverter alguns dos discursos oficiais e, a partir disso, contribuir para a construção de uma nova realidade. Para essa discussão, analisaremos dez enunciados verbo-visuais/visuais registrados em diários de leitura produzidos em 2015 por alunos do 3º ano do Ensino Médio do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia (IFRN), campus João Câmara/RN. A principal metáfora da pesquisa relaciona a atividade do diário com a praça pública medieval, uma vez que os momentos de interação na praça são considerados significativos pelo autor por proporcionarem o questionamento e destronamento temporário dos discursos hegemônicos da época, sobretudo aqueles ligados à Igreja Católica. Diante disso, o nosso principal objetivo é analisar os posicionamentos dos alunos nos diários, mais especificamente aqueles que se orientam como resposta aos discursos ditos oficiais, que circulam dentro ou fora da esfera escolar. A pesquisa segue orientada por concepções acerca de sujeito e de pesquisa nas Ciências Humanas, as quais estão em harmonia com a proposta bakhtiniana para essa grande área. Nesse sentido, orientamo-nos por estudos de autores como Amorim (2004), Petrilli (2013) e Geraldi (2016), os quais prezam pela pesquisa interessada no aprofundamento dos dados, na escuta atenciosa do outro-pesquisado, juntamente com a imprevisibilidade do percurso e das conclusões possíveis ao fim do trabalho. Acreditamos que a compreensão de enunciados como esses pode nos levar a rever as nossas práticas, além de ressignificar concepções acerca do nosso aluno e, sobretudo, acerca de toda a configuração do sistema escolar a que estamos submetidos. Ou seja, espera-se que esta pesquisa propicie uma renovação da vida escolar e, consequentemente, uma renovação da vida dos sujeitos participantes.


  • Mostrar Abstract
  • xx

2
  • JOÃO VICTOR COSTA TORRES
  • O TESTEMUNHO DO CUIDADO DE SI NO PRESENTE: MODOS DE SUJEIÇÃO NA MÍDIA EVANGÉLICA

  • Orientador : ADRIANO LOPES GOMES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • RENATA ARCHANJO
  • CELLINA RODRIGUES MUNIZ
  • DANIEL DANTAS LEMOS
  • AVELINO ALDO DE LIMA NETO
  • GILTON SAMPAIO DE SOUSA
  • Data: 08/03/2019

  • Mostrar Resumo
  •  

     

    Esta pesquisa, situada no campo de estudos da Linguística Aplicada (L.A), objetiva analisar como ocorre a produção de subjetividade e os modos de sujeição nos testemunhos de fé da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), quando essas narrativas de si discursivizam uma experiência de felicidade. Para isso, busca apoio no momento derradeiro das análises de Michel Foucault (1984, 1985, 2010c), isto é, o instante ético. Os cinco testemunhos que compuseram o corpus estão localizados no espaço virtual, em um canal particular da IURD na internet. A metodologia, de natureza qualitativa, delineada por meio da Análise do Discurso (AD), teve como ponto de partida a noção de cuidado de si, resgatada por Foucault (1984, 1985, 2010c). Partindo do pressuposto da descontinuidade, oferece uma chave de inteligibilidade para o gênero discursivo testemunho de fé, por meio de quatro prescrições analíticas: a ruminação, a bifurcação, a vitrine discursiva e a incitação. O exame chega a algumas inferências, quais sejam: os modos de sujeição, embora distintos, compartilham de uma concepção antitrágica e dialética da existência. As condutas circunscrevem o desejo à falta e não à produção. Essa perspectiva deu àquelas subjetividades um traço de dependência do outro. O modo empresarial ou de capital humano, ancorado no lastro da teologia da prosperidade, também se torna presente nas narrativas, especialmente na enunciação de uma felicidade de bem-estar pessoal. As tecnologias do eu, como a ideia de sacrifício e jejum, tem atualização pelos diagramas do poder. Elas despontam pelas vias do consumo, do acúmulo e pelo desejo de recompensa. Finalmente, as imagens identitárias ou narcísicas – apoiadas em sua maioria, pela esteira da produtividade e pelo desejo de uma felicidade crônica – produziram outro acabamento nos fenômenos da parrhesia, da conversão e da salvação, temas ancestrais do cuidado de si.


  • Mostrar Abstract
  • This research, located in the field of studies of Applied Linguistics (A.L.), aims at analyzing how the production of subjectivity and the modes of subjection occur in the testimonies of faith in the Universal Church of the Kingdom of God (IURD), when these narratives of themselves discursive an experience of happiness. To this end, this research seeks support in the last moment of Michel Foucault's analysis, that is, the ethical moment. The five testimonies that compose the corpus are located in the virtual space, in a particular channel of the IURD on the internet. The methodology, of a qualitative nature, delineated through Discourse Analysis (AD), had as its starting point the notion of self-care, rescued by Foucault (1984, 1985, 2010c). Starting from the presupposition of discontinuity, this research offers a key of intelligibility for the discursive genre of faith, by means of four analytical prescriptions: rumination, bifurcation, discursive showcase and incitement. In fact, this exam comes to some inferences: the modes of subjection, although distinct, share an antitragic and dialectical conception of existence. The conducts circumscribe desire to failure and not production. This perspective gave these subjectivities a trace of dependence on the other. The business or human capital mode, anchored in the ballast of theology of prosperity, also becomes present in the narratives, especially in the enunciation of a happiness of personal well-being. The technologies of the self, such as the idea of sacrifice and fasting, have update by the diagrams of power. They emerge by the ways of consumption, accumulation, and the desire for reward. Finally, identity or narcissistic images, supported in their majority by the maturity of productivity and the desire for chronic happiness, have produced another finish in the phenomena of parrhesia, conversion and salvation, ancestral themes of self-care.

3
  • CIRO JOSÉ PEIXOTO PEDROZA
  • QUE RÁDIO É ESSA?
    Radiodifusão Universitária em Natal/-RN
  • Orientador : ADRIANO LOPES GOMES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDIVANIA DUARTE RODRIGUES
  • HELCIO PACHECO DE MEDEIROS
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • OLGA MARIA TAVARES SETUBAL
  • SEBASTIAO FAUSTINO PEREIRA FILHO
  • Data: 15/03/2019

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa tem seu aporte no campo dos Estudos da Linguagem e percorre o caminho da interdisciplinaridade estimulado pela concepção contemporânea da Linguística Aplicada (MOITA LOPES, 2006; VIEIRA, 2012), bebendo em várias fontes para ajustar seu foco em um segmento da radiodifusão ainda marginalizado: as emissoras universitárias, a partir do estudo de caso da rádio Universitária-FM de Natal/RN. Como método, adota o estudo de caso (YIN, 2015; DUARTE, 2010) e a pesquisa qualitativa, com ênfase na entrevista em profundidade (YIN, 2016; DUARTE, 2010). A pesquisa promove uma cartografia da radiodifusão, revisita suas origens e expõe as características identitárias dos sistemas estatal, privado e público, estabelecidos à luz da Constituição de 1988 (DEL BIANCO et al., 2012; RAMOS, 2008; BUCCI, 2008, 2012, 2013). Tem por objetivo analisar a pres ença das rádios do autodenominado campo público em Natal (Senado-FM e MarinhaFM) e aprofundar sua análise na radiodifusão universitária (MARTIN-PENA et al., 2016; DIDO; BARBERIS, 2006; HUÉRFANO, 2001; DEUS, 2003; KISCHINHEVSKI et al., 2017; ZUCULOTO, 2010, 2011, 2012), a partir das práticas da emissora vinculada à Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). 


  • Mostrar Abstract
  • This research is based on Language Studies and it takes the way to the interdisciplinarity due to Applied Linguistic in nowadays (MOITA LOPES, 2006; VIEIRA, 2012), seeking many sources to focus on a radiodifusion segment that is standing outside: radio station from universities, with a case of study based on Universitária-FM radio station from Natal/RN. As a method, it adopts case of study (YIN, 2015; DUARTE, 2010) and a qualitative research, with an emphasis on in-depth interview (YIN, 2016; DUARTE, 2010). This research promotes a cartography of the radiodifusion, revisiting origins and it exposes the identity characteristics of state, private and public sistems, based on Constitution in 1988 (DEL BIANCO et al., 2012; RAMOS, 2008; BUCCI, 2008, 2012, 2013). It aims to analyze the presence of the radio station from the auto-claimed public field in Natal (Senado-FM and Marinha-FM), focusing on universitary radiodifusion (MARTIN-PENA et al., 2016; DIDO; BARBERIS, 200 6; HUÉRFANO, 2001; DEUS, 2003; KISCHINHEVSKI et al., 2017; ZUCULOTO, 2010, 2011, 2012), related to its practices in the Rio Grande do Norte Federal University (UFRN). 

4
  • ODARA RAQUEL KUNKLER
  • NAS VEREDAS DO DUPLO: UM OLHAR BORGEANO

  • Orientador : EDUARDO ANIBAL PELLEJERO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDUARDO ANIBAL PELLEJERO
  • EDUARDO CESAR MAIA
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • OTÁVIO GUIMARÃES TAVARES
  • Data: 05/04/2019

  • Mostrar Resumo
  • O interesse da presente tese é estudar o tema do duplo na obra do autor argentino Jorge Luis Borges. No intuito de delimitar a pesquisa, escolhemos primeiramente os contos “Las ruinas circulares” (1942), “Borges y yo” (1960),  “El otro”(1975), “Veinticinco de agosto, 1983” (1983), e com o avanço da pesquisa, acrescentamos ao corpo da análise “Pierre Ménard: autor del Quijote” e “A palavra do deus”. As representações do duplo nestas narrativas podem ser observadas a partir de determinados ângulos de análise que propomos durante toda a pesquisa. O escritor argentino reconhece no tema do duplo questões metafísicas de potencial labiríntico e infinito, e conta histórias que possibilitam muitas formas de leitura. Percebemos ao longo da pesquisa que os temas dos contos de Borges são inspirados em hipóteses metafísicas acumuladas durante séculos de história e filosofia, e nos sistemas teológicos que são o arcabouço de diversas religiões. Entre os favoritos estão a Cabala, o Islamismo, o Cristianismo, o Ocultismo, o Hinduísmo e o Budismo. Como caminho teórico elegemos o campo da metafísica e suas perspectivas, diante do apelo de Borges ao tema, entendendo que na maioria das vezes ele o faz para questioná-la. A intenção de trazer estes conceitos à tona é relacionar os mais diversos pensamentos, histórias, culturas e ficções com a obra borgeana. Além deles, trazemos também conceitos da psicologia e da psiquiatria, onde o tema do duplo pode ser analisado direta ou figuradamente, principalmente a partir de personagens ou conteúdos psicológicos em conflito, duplicados num mesmo sujeito: um consciente e outro inconsciente. Trabalhamos a psicanálise com Freud e Otto Rank, e a psicologia analítica de Jung. Supomos que são sempre hipóteses sem uma solução e, que isso é o menos importante. O intuito aqui é colocar em causa questionamentos humanos em forma de parábolas e pensar sobre eles. Reforçamos, nesse sentido, que os conceitos apresentados nessa tese não devem ser entendidos como chaves de leitura e sim como suporte para diálogos possíveis entre tantos mundos que Borges visitou e nos presenteou através de seus escritos. 


  • Mostrar Abstract
  • The interest of this thesis is to study the theme of the double in the work of the Argentine author Jorge Luis Borges. In order to delimit the research, we first chose the short stories "The Circular Ruins" (1942), "Borges y yo" (1960), "El otro" (1975), "Twenty-fifth of August, 1983", and with the progress of the research, we added to the body of the analysis "Pierre Ménard: author of Don Quixote" and "The word of God". The representations of the double in these narratives can be observed from certain angles of analysis that we proposed throughout the research. The Argentine writer recognizes in the subject of the double metaphysical questions of labyrinthine and infinite potential, and tells stories that make possible many forms of reading. We realised throughout the research that the themes of Borges' short stories are inspired by metaphysical hypotheses accumulated during centuries of history and philosophy, and in the theological systems that are the framework of several religions. Among the favorites are Kabbalah, Islam, Christianity, Occultism, Hinduism and Buddhism. As a theoretical path and in the face of Borges's appeal to the theme, we focused on the field of metaphysics and its perspectives, understanding that most of the time he does so in order to question it. The intention of bringing up these concepts is to relate the most diverse thoughts, histories, cultures and fictions with Borges' work. Beyond them, we also brought concepts of psychology and psychiatry, where the theme of the double can be analyzed directly or figuratively, mainly from psychological characters or conflicting contents, duplicated in the same subject: one conscious and the other unconscious. We worked psychoanalysis with Sigmund Freud and Otto Rank and with Jung's analytical psychology. We assumed that they are always hypotheses without a solution, and that is the less important. The purpose here is to challenge human questions in the form of parables and to think about them. We reinforced, in this sense, that the concepts presented in this thesis should not be understood as keys to reading-keys, but as a support for possible dialogues between so many worlds that Borges visited and presented us through his writings.

5
  • CYRO ROBERTO DE MELO NASCIMENTO
  • Stella Manhattan, de Silviano Santiago, e Onde andará Dulce Veiga?, de Caio Fernando Abreu: dois romances homotextuais brasileiros.

  • Orientador : ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • MAURO DUNDER
  • JULIANE VARGAS WELTER
  • MANOEL FREIRE RODRIGUES
  • WANDERLAN DA SILVA ALVES
  • Data: 10/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Na presente tese analisamos como a escrita homoerótica brasileira, a que chamaremos de homotextualidade, se reconfigura a partir dos anos 1960 e 1970. Neles, a emergência de novos sujeitos de direito, influenciados pelo rápido desenvolvimento urbano do país e seus valores culturais em transformação, vai permitir uma escrita sobre a homossexualidade a partir de um prisma até então inédito, em que os próprios sujeitos podem falar de seu desejo de forma aberta. Para nortear nossa análise, elegemos os romances Stella Manhattan (1985) de Silviano Santiago e Onde andará Dulce Veiga? (1990) de Caio Fernando Abreu, dois autores de grande repercussão entre crítica e público e cujas obras, mesmo escritas posteriormente, situam suas narrativas à época. Recorremos às ideias de Michel Foucault (1988) e Judith Butler (2000, 2013) sobre a sexualidade como um dispositivo historicamente demarcado e discursivamente instituído, rompendo com uma concepção do desejo e identidade dos indivíduos como algo previamente predeterminado por aspectos meramente biológicos. Essas concepções serão fundamentais para entendermos como a abordagem do homoerotismo varia entre épocas ao retratar sujeitos que se revelam muito diversos entre si. Recorremos também à ideia de entre-lugar do discurso latino-americano apresentada por Silviano Santiago (2013) para pensar como a identidade das personagens é marcada pela experiência do exílio e pelas trocas entre culturas distintas. Nessa complexa ligação, verificamos a possibilidade da escrita do homoerotismo e do desejo de liberdade de seus sujeitos dentro de uma sociedade que passou por profundas transformações ao longo de seu processo de modernização.


  • Mostrar Abstract
  • In this thesis we analyze how Brazilian homoerotic writing, which we will call homotextuality, was reconfigured in the 1960s and 1970s. During those decades, the emergence of new subjects of rights, influenced by the country's rapid urban development and its changing cultural values, allowed a writing about homosexuality from a new prism, in which the subjects themselves can speak openly about their desire. To guide our analysis, we chose the novels Stella Manhattan (1985) by Silviano Santiago and OndeandaráDulceVeiga? (1990) by Caio Fernando Abreu, two authors of great repercussion both for critics and public, whose works, even written later, situate their narratives at the 1960s and 1970s. We use Michel Foucault (1988) and Judith Butler´s (2000, 2013) concepts about sexuality as a historically demarcated and discursively instituted sexual device, breaking the conceptions of the desire and identity as something previously predetermined by purely biological aspects. These conceptions will be fundamental to understand how the approach of homoeroticism varies between different times when portraying subjects that prove very diverse among themselves.We also use the concept of “The place in-between of Latin-American discourse” presented by Silviano Santiago (2013) in order to think how the identity of characters is marked by the exile experience and by exchanges among different cultures. In this complex connection, we verify the possibility of writing homoeroticism and the desire for freedom by subjects within a society that underwent through profound transformations throughout its modernization process.

6
  • FÁBIO DE SOUSA DANTAS
  • LEITURA DA POESIA DE AUGUSTO DOS ANJOS: DA IMANÊNCIA ESTÉTICA AO(S) DIÁLOGO(S) TRANSCENDENTE(S)

  • Orientador : HUMBERTO HERMENEGILDO DE ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • HUMBERTO HERMENEGILDO DE ARAUJO
  • FRANCISCO FABIO VIEIRA MARCOLINO
  • ARTURO GOUVEIA DE ARAÚJO
  • DANIELA MARIA SEGABINAZI
  • Data: 10/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Estudo sobre a abordagem estética da poesia de Augusto dos Anjos, tendo como ponto de partida a premissa de que o objeto estético em análise no texto será promulgado a partir dos sentidos projetados na sua leitura. Com isso, são estabelecidos diálogos entre a estética (forma) e o contexto, na tentativa de reconhecer as interferências / representações históricas, sociais, políticas, filosóficas, bem como de outros textos ou de outras manifestações artísticas que convirem. A leitura do texto literário aparece ainda hoje como procedimento desafiador para o docente de literatura no Brasil. Tal desafio reside, entre outras questões, no efetivo exercício do que se reconhece como leitura crítica, ou seja, aquela que eleva o aluno à condição de sujeito-leitor e pode ser vista, segundo elucida Todorov (1971), como aquela capaz de lançar compreensão do(s) sentido(s) do texto, induzindo a uma lúcida e coerente interpretação. Theodor Adorno, Hannah Arendt, Roland Barthes, José Bernardes, Antonio Candido, Anne-Marie Chartier, Jean Hébrard, Leahy-Dios, Perrone-Moisés, Anne Rouxel são alguns teóricos que nos legam orientações referencias. A proposta deste trabalho consiste no intento de quatro ações básicas: demonstrar a historicidade do ensino de literatura no Brasil, em especial, do século XX até os dias atuais, a fim de confrontar as diversas concepções, e, com isto, estabelecer posicionamento com a devida pertinência teórica sobre a crise no ensino da leitura de texto literário; discutir as transformações impelidas às funções do texto literário, no cerne das legislações e documentos oficiais que legitimam a importância do texto literário no ensino do Brasil; desenvolver, através da contínua verificação de fortuna crítica, análise da poesia de Augusto dos Anjos, de modo a identificar os pressupostos estéticos que melhor elucidem o(s) sentido(s) de seus textos; efetuar leituras e análises de textos poéticos de Augusto dos Anjos, selecionados a partir das relevâncias estéticas e temáticas, com o intuito de tornar o Professor apto a trabalhar, em sala, munido do texto literário como uma genuína manifestação artístico-cultural que pode dialogar intensamente com a realidade dos jovens alunos.


  • Mostrar Abstract
  • Our work will discuss the aesthetic approach of Augusto dos Anjos' poetry, starting with the premise that the aesthetic object under analysis in the text will be promulgated from the senses projected in its reading. With this, we will establish dialogues between the aesthetics (form) and the context, in the attempt to recognize the historical, social, political, philosophical interferences/representations, as well as of other texts or other artistic suitable manifestations. The reading of literary texts is still as a challenging procedure for the Literature teacher in Brazil. This challenge lies, among other issues, in the effective exercise of what we recognize as critical reading, that is, that which elevates the student to the condition of subject-reader; let us say that, as Todorov (1971) elucidates it for some time, that one capable of introducing an understanding of the meaning (s) of the text, inducing a lucid and coherent interpretation. Theodor Adorno, Hannah Arendt, Roland Barthes, José Bernardes, Antonio Candido, Anne-Marie Chartier, Jean Hébrard, Leahy-Dios, Perrone-Moses, Anne Rouxel are some theorists who give us guidance references. Our proposal then consists of four basic actions: Our proposal consists in the attempt of four basic actions: to demonstrate the historicity of Literature teaching in Brazil, especially from the twentieth century to the present day, in order to confront the different conceptions, and, with this, to establish a position with the pertinent theoretical relevance of the crisis in teaching reading literary texts; to discuss the transformations impelled to the functions of the literary text, in the core of the legislations and official documents that legitimize the importance of the literary text in Brazilian Literature teaching; to develop, through the continuous verification of a critical fortune, an analysis of the poetry of Augusto dos Anjos, in order to identify the aesthetic assumptions that best elucidate the meanings of his texts; to make readings and analyzes of poetic texts by Augusto dos Anjos, selected from the aesthetic and thematic relevances, in order to make the teacher able to work, in room, equipped with the literary text as a genuine artistic-cultural manifestation which dialogues intensely with the reality of the young students.

7
  • ALBA VALÉRIA SABOIA TEIXEIRA LOPES
  • De “Governante Máxima” a “denunciada”: as representações discursivas de Dilma Rousseff na denúncia do processo de impeachment

  • Orientador : JOAO GOMES DA SILVA NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOAO GOMES DA SILVA NETO
  • LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • MARCELO DA SILVA AMORIM
  • CELIA MARIA DE MEDEIROS
  • ANANIAS AGOSTINHO DA SILVA
  • MARIA ELIETE DE QUEIROZ
  • MARIA DAS VITORIAS NUNES SILVA LOURENCO
  • Data: 17/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese tem como propósito explicar a construção das representações discursivas de Dilma Rousseff na denúncia, documento que inaugura o processo de impeachment da Presidente. O interpretante constrói as representações discursivas no texto a partir de seus objetivos, finalidades e intenções. Esta pesquisa busca fundamento nos pressupostos teóricos da Linguística Textual, com Koch (2004, 2011), Marcuschi (2008, 2012) e, mais especificamente, na Análise Textual dos Discursos, abordagem teórico-metodológica proposta por Adam (2011). No que concerne a essa abordagem, a pesquisa tem seu foco no nível semântico do texto, com destaque para a noção de representação discursiva, com Adam (2011) e Grize (1996, 1997). No âmbito do discurso jurídico, o estudo tem por base pesquisas de vários autores, entre eles, Capez (2012), Lourenço (2015), Pimenta (2007), Rodrigues (2016) e outros. Metodologicamente, consiste em uma pesquisa de caráter qualitativo, descritivo e explicativo. O corpus eleito é o texto da denúncia de Dilma Rousseff apresentado pelos juristas Hélio Pereira Bicudo, Miguel Reale Júnior, Janaína Conceição Paschoal e Flávio Henrique Costa Pereira. O Presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, em 02 de dezembro de 2015, aceitou a denúncia sendo amplamente divulgada na mídia nacional e internacional, portanto, é um documento de domínio público. A análise consta das seguintes etapas: na primeira, faz a descrição do estabelecimento do texto em investigação; na segunda, descreve o plano de texto da denúncia, destacando uma estrutura fixa, formal, normativa, apresentando um texto híbrido, ou seja, uma interface jurídico-política; na terceira, trata da composição sequencial da denúncia ao identificar que os textos apresentam em conjunto as sequências narrativa, descritiva, explicativa, injuntiva e argumentativa, havendo uma predominância argumentativa, pois tem como propósito a persuasão do seu leitor ou do seu auditório sobre os fatos abordados no texto. Em relação às sequências textuais, retoma os três modos de textualização – a descrição, a narração e a argumentação –, por entender que essas são as principais sequências que constroem e representam discursivamente no texto o objeto de discurso, “Dilma Rousseff”. Para análise, utiliza as categorias semânticas da Rd, a saber: a referenciação, a predicação, a modificação, a relação, a conexão e a isotopia. A análise dessas categorias ocorre em cada sequência textual selecionando enunciados que são parte da seção “Dos fatos”. Os resultados apontam diferentes representações de “Dilma”, entre elas, a partir de suas designações como “Presidente”, “Governante Máxima”, “Chefe da nação” e “denunciada”. A seleção dos designadores constrói representações discursivas de Dilma que interligam dois polos, o de sua ascensão como “Presidente da República” e o de sua queda, como “denunciada”. Em relação às predicações, observa que o referente assume papel semântico de agente. Nesse sentido, o destaque é para a forma verbal “praticar” e sua ligação com o termo “crime”, construindo a representação discursiva de Dilma como “criminosa”. A construção das várias representações/imagens de Dilma ocorre discursivamente no texto de forma coletiva ou individualizada, considerando as intenções do enunciador e a orientação argumentativa pretendida na denúncia.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis aims to explain the construction of discursive representation in the complaint against Dilma Rousseff, a document that starts President’s impeachment process. The interpreter constructs discursive representations in the text according to his/her aims, purpose and intents. This research has bases in the theoretical presupposes of textual linguistic (LT), with authors as Koch (2004, 2011), Marcuschi (2008, 2012) and, specifically, in the textual discourse analyzes (ATD), with theoretical-methodological approach by Adam (2011). Related to this approach, this research focuses on semantical level of the text, detaching discursive representation notion by Adam (2011) and Grize (1996, 1997). About juridical discourse, this study takes many authors as Capez (2012), Lourenço (2015), Pimenta (2007), Rodrigues (2016) among others. Methodologically, it consists on a qualitative, descriptive and explanatory research. The corpus is the text of the complaint against Dilma Rousseff presented by the jurists Hélio Pereira Bicudo, Miguel Reale Júnior, Janaína Conceição Paschoal and Flávio Henrique Costa Pereira. The Presidente of the Chamber of Deputies, Eduardo Cunha, in 2015 December 2nd, accepted this complaint, with national and international media reports, therefore, this is a public document. This analyzes has the following steps: the first, it describes the text as an investigation; the second, it describes the complaint text plan, detaching its fix, formal and normative structure, considering juridical and discursive tradition, presenting a mixed text, that is, with a juridical-political interface; the third, it treats the complaint sequential composition, identifying narrative, descriptive, explicative, injunctive and argumentative sequences, pointing the predominance of argumentative ones, since they have a persuasive purpose, aiming to convince the lector or the audience to the facts showed in the text. Related to the textual sequences, it takes three planning ways – description, narration and argumentation – considering these are the main sequences that construct and represent discursively the object of this research, “Dilma Rousseff”. To analyze, it uses Rd semantic categories that are reference, predication, modification, relation, connection and isotopy. Analyzes of those categories occurs in each textual sequence since statements in the “Dos fatos” section. Results point to the diverse representations of “Dilma”, among them, she is named “President”, “Maximum leader”, “Head of the nation” and “denounced”. This selection constructs Dilma’s discursive representations that link two sides, her ascension as “Republic President” and her brought down as denounced. Related to predications, it sees the referent with a semantic paper as agent. In this sense, it detaches the verbal form “to commit” and its link to the term “crime”, constructing Dilma’s discursive representation as a “criminal”. The construction of various Dilma’s representations/images occurs discursively in the text in a collective or an individual way, considering enunciator intent and the argumentative support of the complaint.

8
  • TITO MATIAS FERREIRA JÚNIOR
  • SOBRE-VIVÊNCIA(S): TRAVESSIAS DE (RE)CONHECIMENTO(S) NA ESCRITA DIASPÓRICA DE CHIMAMANDA ADICHIE, JULIA ALVAREZ E CONCEIÇÃO EVARISTO

  • Orientador : ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • TANIA MARIA DE ARAUJO LIMA
  • JOICY SUELY GALVÃO DA COSTA FERNANDES
  • MOAMA LORENA DE LACERDA MARQUES
  • VIRNA LÚCIA CUNHA DE FARIAS
  • Data: 17/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese investiga a maneira como a escritora nigeriana Chimamanda Adichie (1977 – ), a dominicana-estadunidense Julia Alvarez (1950 – ), e a afro-brasileira Conceição Evaristo (1946 – ) tratam do deslocamentos culturais, políticos, sociais e econômicos vivenciados por suas personagens femininas para compreender a maneira que suas identidades se configuram após serem submetidas, de forma voluntária ou não, a deslocamentos geográficos que, por consequência, fomentam seus conhecimentos e reconhecimentos enquanto mulheres no mundo contemporâneo. Os deslocamentos vivenciados pelas personagens Ifemelu, Yolanda e Ponciá, das obras Americanah (2014a), How the García Girls Lost their Accents (1991) e ¡Yo! (1997), e de Ponciá Vicêncio (2003), de Chimamanda Adichie, Julia Alvarez e Conceição Evaristo, respectivamente, funcionam como o retrato de um dos procedimentos mais recorrentes da humanidade: o ato de deslocar-se. Nesse sentido, escrever seus enredos diaspóricos, ao retratar tanto o não pertencimento, quanto a desterritorização de suas personagens, faz com que a escrita se torne um ato de resistência, pois não se pode resistir em falar; contar histórias sobre a experiência singular de mulheres que se assemelham a experiência coletiva de sua transitoriedade. Outrossim, a realização deste trabalho fornece um estudo comparativo entre o fazer literário destas escritoras com o objetivo de examinar como as mulheres retratadas em seus romances, assim como as próprias autoras, lidam com sua condição diaspórica e refletem em suas narrativas conceitos a ela entrelaçados, tais como questões de gênero, de identificação, assim como questões étnico-raciais. As narrativas ficcionais em questão buscam dar voz às mulheres subalternas em uma nova localidade geográfica, além de problematizar as configurações de gênero a partir dos itinerários percorridos pelas personagens. Dessa forma, examinou-se o posicionamento das personagens dos romances face à sua condição diaspórica, assim como foram investigadas suas questões de identificação enquanto mulheres em trânsito. Para tal, o fio narrativo atentou para pluralidade de olhares com o objetivo de realizar uma abordagem comparativa das sobrevivências das personagens adichiana, alvareziana e evaristana após seus deslocamentos, forçados ou não, bem como suas possíveis ressignificações identitárias ao averiguar seus esforços para se (re)conhecerem em seu novo espaço. Dentre os autores estudados, citamos os trabalhos de Audre Lorde (1979), Avtar Brah (1996), Aníbal Quijano (2000), Chérrie Moraga (1983), Djamila Ribeiro (2018), Glória Anzaldúa (1983, 1987), Jurema Werneck (2000), Maria Lugones (2008), Patricia Collins (2003), Paul Gilroy (1993), Salman Rushdie (1990), Sueli Carneiro (2011), Stuart Hall (2003), Walter Mignolo (2013a, 2013b, 2013c, 2017) e outras contribuições que foram imprescindíveis para a finalização desta pesquisa.


  • Mostrar Abstract
  • This dissertation studies the way in which the Nigerian writer Chimamanda Adichie (1977 – ), the Dominican-American Julia Alvarez (1950 – ) and the African-Brazilian Conceição Evaristo (1946 – ) deal with the cultural, political, social and economic dislocation lived by their female characters. Such dislocations foster the comprehension of the manner in which the characters identities are configured after being subjected, voluntarily or not, to geographical dislocations that, as consequence, promote the knowledge and recognition of the characters as modern world women. The dislocations experienced by the characters Ifemelu, Yolanda and Ponciá, from the books Americanah (2014a), How the García Girls Lost their Accents (1991) and ¡Yo! (1997), and also Ponciá Vicêncio (2003), by Chimamanda Adichie, Julia Alvarez and Conceição Evaristo, respectively, are used as an illustration of one of the most recurrent procedures of humanity: the act of moving. In this regard, writing about diasporic storylines, when representing both the feeling of not belonging and the deterritorialization of their characters, induces writing to become an act of resistance, since one cannot resist to tell stories about the unique experience of women that resembles the collective experience of their transience. Therefore, this work provides a comparative study between the literary craft of the writers aiming to examine how the women represented in their novels, as well as the authors themselves, handle their diasporic condition and reflect associated concepts in the novels, such as gender, identification and ethnic-racial questions. The fictional narratives discussed aim to provide voice to subaltern women in a new geographic location, in addition to problematize the gender configurations from the characters travelled paths. Thus, the positioning of the characters from the novels was examined according to their diasporic condition, as well as investigate their identification as dislocated women. For this purpose, the narrative thread focused on the plurality of perspectives aiming to perform a comparative approach of the adichian, alvarezial and evaristian characters survival after their forced or not dislocation, as well as the possible redefinition of identity when examining their effort to recognize and discover themselves in a new place. The works of Audre Lorde (1979), Avtar Brah (1996), Aníbal Quijano (2000), Chérrie Moraga (1983), Djamila Ribeiro (2018), Glória Anzaldúa (1983, 1987), Jurema Werneck (2000), Maria Lugones (2008), Patricia Collins (2003), Paul Gilroy (1993), Salman Rushdie (1990), Sueli Carneiro (2011), Stuart Hall (2003), Walter Mignolo (2013a, 2013b, 2013c, 2017) were used along with other contributions that were fundamental to finish this research.

9
  • MARIA APARECIDA DA SILVA MIRANDA
  • ARTICULAÇÃO DE VOZES NA ESCRITA DO PESQUISADOR EM FORMAÇÃO: uma análise sobre os processos de produção escrita acadêmica

  • Orientador : SULEMI FABIANO CAMPOS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA VIRGINIA LIMA DA SILVA ROCHA
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MARIANA APARECIDA DE OLIVEIRA RIBEIRO
  • SULEMI FABIANO CAMPOS
  • THOMAS MASSAO FAIRCHILD
  • Data: 18/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa tem como objeto de estudo arranjos linguísticos que engendram os discursos no processo de produção escrita do pesquisador em formação. Partindoda perspectiva de que a heterogeneidade é fundante em relação à escrita acadêmica, de modo que o escrever vai além da linguagem apreendida pelas palavras e observável na materialidade da língua, elaboramos a questão de pesquisa: de que modo se constituem os processos de produção escrita acadêmica por meio de arranjos linguísticos vistos pela materialidade da língua? Nossa hipótese é que a produção escrita acadêmica – um processo discursivo que se constitui por meio de arranjos linguísticos que engendram os discursos na escrita de dissertação de mestrado – pode ser observada: ora por meio de paráfrase, ora de alusão, ora de simulacro. A heterogeneidade, que própria da língua,carrega marcas do outro na materialidade do texto que deixam flagrar o lugar de enunciação do pesquisador em formação. Nosso objetivo geral é investigar como arranjos linguísticos, articulados pelo pesquisador em formação, engendram as diferentes vozes no processo de produção escrita acadêmica.Osobjetivos específicos são: a) analisar como o pesquisador em formação, por meio de paráfrase, articula as diferentes vozes no processo de produção escrita acadêmica; b) observar como o pesquisador em formação engendra as diferentes vozes na escrita; c) verificar em que medida o modo como as vozes são articuladas indicia especificidades na escrita do pesquisador em formação; d) investigar como se constitui o simulacro, efeito da articulação de vozes por meio da inserção do outro. Fundamentamo-nos em estudos enunciativos de Authier-Revuz (1990; 1998; 2004; 2011) sobre as formas heterogêneas de inserção do outro no discurso pelas formas de alusão, e paráfrase de Fuchs (1985), e simulacro de Baudrillard (1981). Tomamos como corpus, duas dissertações de mestrado, coletadas em programas de pós-graduação da área de Linguística do Portal de Domínio Público. Tratamos metodologicamente os arranjos linguísticos como indícios (GINZBURG, 1981) que deixam ver a articulação de vozes inscritas e categorizar os processos produção de escrita acadêmica. Os resultados confirmam a hipótese levantada e mostram que, pela materialidade da escrita, é possível observar diferentes arranjos linguísticos definidos a partir das formas de articulação do outro mobilizado pelo pesquisador em formação, na escrita de dissertação de mestrado.


  • Mostrar Abstract
  • Thisresearchhas as objectofstudylinguisticarrangementsthatengenderthediscourses in theprocessofwrittenproductionoftheresearcher in training. Startingfromthe perspective thatheterogeneityisfoundational in relationtoacademicwriting, sothatwritinggoesbeyondthelanguagelearnedbywordsandobservable in thematerialityofthelanguage, weelaboratetheresearchquestion: how are the processes ofacademicwrittenproductionconstitutedthroughlinguisticarrangementsseenbythematerialityofthelanguage? Ourhypothesisisthattheacademicwrittenproduction - a discursiveprocessthatisconstitutedbymeansoflinguisticarrangementsthatengenderthediscourses in thewritingofthemaster'sdissertation - canbeobserved: sometimesthrough a paraphrase, sometimesthroughallusion, sometimesthroughsimulacrum. Heterogeneity, whichischaracteristicofthelanguage, bearsthemarksoftheother in thematerialityofthetextthatlet catch theplaceofenunciationoftheresearcher in training. Our general objectiveistoinvestigatehowlinguisticarrangements, articulatedbytheresearcher in formation, engenderthedifferentvoices in theprocessofacademicwritingproduction. The specificobjectives are: a) toanalyzehowtheresearcher in formation, bymeansof a paraphrase, articulatesthedifferentvoices in theprocessofacademicwritingproduction; b) to observe howtheresearcher in formationengendersthedifferentvoices in writing; c) toverifytowhatextentthewaythevoices are articulatedindicatesspecificities in thewritingoftheresearcher in formation; d) toinvestigatehowthesimulacrumisconstituted, effectofthearticulationofvoicesthroughtheinsertionoftheother. Werelyonenunciativestudiesby Authier-Revuz (1990; 1998; 2004; 2011) ontheheterogeneousformsofinsertionoftheother in speech bytheformsofallusion, andparaphraseby Fuchs (1985), andsimulacrumby Baudrillard (1981). Wetook as corpus, twomaster'sdissertations, collected in graduateprograms in theareaofLinguisticsofthePublic Domain Portal. Wetreatedmethodologicallythelinguisticarrangements as evidence (GINZBURG, 1981) thatallowustoseethearticulationofenrolledvoicesand categorize the processes ofacademicwritingproduction. The resultsconfirmthehypothesisraisedand show that, duetothematerialityofwriting, it ispossibleto observe differentlinguisticarrangementsdefinedfromtheformsofarticulationoftheothermobilizedbytheresearcher in training, in thewritingofthemaster'sdissertation.

10
  • CONCISIA LOPES DOS SANTOS
  • A CONSTRUÇÃO DE UMA CARTOGRAFIA LITERÁRIA: O HUMOR NA OBRA DE ADRIANA FALCÃO

  • Orientador : ILZA MATIAS DE SOUSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ILZA MATIAS DE SOUSA
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • MARTA APARECIDA GARCIA GONCALVES
  • JOAO BATISTA DE MORAIS NETO
  • RONIE RODRIGUES DA SILVA
  • Data: 25/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Adriana Falcão é uma escritora brasileira contemporânea cuja obra, marcante pela multiplicidade de tendências, ganhou destaque no início deste século, especialmente pela prosa inovadora das histórias que inventa. Com experiência em diferentes áreas de criação – literatura, teatro, cinema e televisão – Adriana Falcão aborda com profundidade e perícia o humor e as questões a ele relacionados, num tipo de escrita que denominamos, com Guattari (2012), como máquina derrisória, compreendida como um movimento artístico capaz de traçar diferentes linhas de fuga criadoras na construção de uma cartografia literária. O objetivo geral deste estudo é cartografar o humor que compõe a escritura da autora, tendo como recorte de sua obra os romances Luna Clara e Apolo Onze (2002), A comédia dos anjos (2004) e Sonho de uma noite de verão (2007). Em termos teóricos, esta pesquisa está fundamentada em Gilles Deleuze, nos conceitos de pensamento nômade (1985) e humor (2011); em Gilles Deleuze e Félix Guattari, a partir dos conceitos de perceptos, afectos e sensações (1992), de território, assinatura, agenciamento, ritornelo e máquina de guerra (2012; 2014); em Félix Guattari (2012), Félix Guattari e Suely Rolnik (2013), pelo conceito de agenciamentos coletivos de enunciação; e em Roland Barthes (1987), a partir do conceito de mito, nomeadamente, bem como em outros teóricos contemporâneos que subsidiariamente ofereceram perspectivas para esta abordagem. Em termos metodológicos, esta pesquisa assume um caráter cartográfico (DELEUZE; GUATTARI, 2011), uma vez que não comparece como um método pronto, trazendo uma proposta ad hoc, a ser construído capítulo a capítulo, a partir de uma abordagem geográfica e transversal, o que permite acompanhar os processos que ocorrem a partir de forças ou linhas que atuam simultaneamente, ao mesmo tempo em que sua transversalidade desestabiliza os eixos cartesianos de formas previamente categorizadas.


  • Mostrar Abstract
  • Adriana Falcão is a contemporary Brazilian writer whose work, marked by the multiplicity of tendencies, gained prominence at the beginning of this century, especially by the innovative prose of the stories she invents. With experience in different areas of creation - literature, theater, cinema and television - Adriana Falcão approaches with depth and expertise the humor and the issues related to it, in a type of writing that we call derisory machine, understood as an artistic movement capable of tracing different creative lines of flight in the construction of a literary cartography. The main aim of this study is to map the humor that composes the author's writing, having as scope of her work the novels Luna Clara and Apolo Onze (2002), A Comédia dos Anjos (2004) and Sonhos de uma Noite de Verão (2007). In theoretical terms, this research is based on Gilles Deleuze and Félix Guattari (2012, 2014), Gilles Deleuze and Claire Parnet (1998), Félix Guattari (2012), Felix Guattari and Suely Rolnik (2013) in particular, as well as on other contemporary theorists who alternatively offered perspectives for this approach. In methodological terms, this research assumes an explanatory feature, since it demonstrates the humor in the work of Adriana Falcão, clarifying which factors contribute to its emergency, and a cartographic one, since it does not appear as a ready method, bringing an ad hoc proposal, to be constructed chapter by chapter, from a geographic and transversal approach, which allows to follow the processes that occur from forces or lines that act simultaneously, at the same time that its transversality destabilizes the Cartesian axes of previously categorized forms.

11
  • WILLAME SANTOS DE SALES
  • IMPLICAÇÕES DO CICLO DO ALGODÃO SERIDOENSE NA TECITURA ESTILÍSTICA DOS ROMANCES RURAIS DE JOSÉ BEZERRA GOMES

  • Orientador : MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ISABEL CRISTINA MICHELAN DE AZEVEDO
  • JOAO MARIA PAIVA PALHANO
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
  • ORISON MARDEN BANDEIRA DE MELO JUNIOR
  • Data: 19/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese tem por objetivo central criar inteligibilidades acerca das implicações do Ciclo do Algodão seridoense na tecitura estilística dos seguintes romances de temática rural do escritor currais-novense José Bezerra Gomes: Os Brutos (1938), Ouro Branco (inédito) e A Porta e o Vento (1974). Para tanto, assume, do ponto de vista teórico-metodológico, os postulados do Círculo de Bakhtin, especialmente, as concepções de linguagem, de enunciado literário, de cronotopo, de vozes sociais, de estilo e de autor-criador. A pesquisa situa-se no escopo da Linguística Aplicada e adota, como fundamento metodológico, o paradigma indiciário-interpretativista de base sócio-histórica. Durante o percurso investigativo, as análises dos três romances possibilitaram perscrutar diversas vozes sociais e diversos discursos estratificados, atravessados por (e refratários de) visões de mundo em constante embate dialógico e ideológico, os quais contribuem para a tecitura do estilo bezerriano nos romances, principalmente: 1) vozes defensoras do casamento e do modelo patriarcal de família e vozes contestadoras desses discursos; 2) imagens antagônicas de sertão, negação de estereótipos e assunção de descrições de sertão valoradas positivamente; e 3) dialogizações em torno do título das obras e a poetização da linguagem prosaica. A pesquisa revela, em sede de conclusão: 1) o gerenciamento e o acabamento dados pelo autor-criador ao coro de vozes e de discursos presentes nas obras imprime aos enunciados um tom social-individual, um posicionamento socioideológico-estilístico diferenciado frente aos discursos circulantes na cadeia discursiva de que fazem parte; e 2) essa tecitura estilística das obras é perpassada pelo ideário do cronotopo do Ciclo do Algodão seridoense, configurando o que se nomeou de Poética do Algodão. 


  • Mostrar Abstract
  • This thesis has as its central objective to create intelligibilities ascertaining the implications of the Seridó's Cotton Cycle on the stylistic weaving of the following rural themes novels from the Currais Novos' writer José Bezerra Gomes: Os Brutos (The brutes, 1938), Ouro Branco (White gold, most recent) and A Porta e o Vento (The door and the wind, 1974). For such, it is assumed, from the theoretical-methodological point of view, the postulates of the Bakhtin Circle, especially, the language conceptions, the literary statements, the chronotope, the social voices, the style and the author-creator. The research is situated on the scope of Applied Linguistics and adopts, as methodological fundament, the indicial-interpretative paradigm of social-historical basis. During the investigative process, the analysis of the three novels allowed to search into several social voices and varied stratified discourses, traversed by (and refractories of) worldviews in constant dialogical and ideological clash, which contribute to the weave of bezerrian style in the novels, mainly: 1) defendant voices of marriage and patriarchal model of family and contestant voices of such discourses; 2) antagonistic images of sertão, denial of stereotypes and assumption of descriptions of sertão valued positively; and 3) the dialogical processes around the titles of such works and the poeticization of the prosaic language. The research reveals, in place of completion: 1) the management and the finishing given by the author-creator to the choir of voices and of present discourses on the works impress to the statements a social-individual tone, a differentiated socio-ideological-stylistic positioning facing the circulating discourses in the discursive chain they are part of; and 2) this stylistic weave of these works is permeated by the ideas of the Seridó's Cotton Cycle chronotope, configuring what is named as Poética do Algodão (Poetics of the Cotton).

12
  • ANA CLAUDIA PINHEIRO DIAS NOGUEIRA
  • Bouvard e Pécuchet de Gustave Flaubert: a antecipação de técnicas estéticas vanguardistas na literatura do século XIX

  • Orientador : KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • KARINA CHIANCA VENÂNCIO
  • MARCIO VENICIO BARBOSA
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • RENATA GONÇALVES GOMES
  • MARCOS VINÍCIUS FERNANDES
  • Data: 29/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho tem por objetivo analisar elementos precursores na literatura do século XIX, através das obras de Gustave Flaubert (1820-1880), mais especificamente em seu último livro, Bouvard e Pécuchet (1881). O escritor francês se consagrou na prosa com Madame Bovary, em 1857, trazendo uma nova concepção literária, perpassando a temática à estruturação inovadora da narrativa. Ademais, sob o tema “Bouvard e Pécuchet de Gustave Flaubert: a antecipação de técnicas estéticas vanguardistas na literatura do século XIX, emitimos a hipótese de que Flaubert antecipa aspectos estéticos que serão concernentes aos processos pictóricos dos vanguardistas no século XX, como os cubistas e os dadaístas, criando uma narrativa fragmentária, não linear e intertextual a partir da técnica da colagem de ideias e da desfuncionalização de alguns processos da prosa tradicional, configurando, na segunda parte do livro, o Dicionário de ideias feitas. Além desses processos estruturais, o referido escritor, nesse livro, constrói uma atmosfera irônica em referência aos conhecimentos científicos e enciclopédicos em voga na época, a fim de denunciar a tolice humana em tentar abarcar todo o conhecimento vigente e ditá-los como verdades irrefutáveis, através da figura de seus dois personagens principais. Para isso, consideramos necessário entendermos o contexto histórico e estético em que Gustave Flaubert configurou-se escritor, utilizando, como aporte teórico basilar, visões de Sartre (2013), Tadié (2011), Bourdieu (1996), Grombrich (2003) e Bergez (2011). Em convergência com esse processo, sob a ótica de Barthes (1974; 2004), Biasi (2011), Thibaudet (1992), Dord-Crouslé (2000), entre outros, abordamos a influência da ciência e como essa relação interferiu na formação de seu estilo literário e na sua obsessão pela forma escritural, além de ressaltarmos o caráter pessimista que cada obra flaubertiana carrega, com fins estéticos. Por fim, com intuito de analisar a antecipação estética em Bouvard e Pécuchet (1881), adotamos a abordagem da intertextualidade trazida por Kristeva (2005), Compagnon (1996), Genette (2010) e Samoyault (2008), criando um paralelo comparativo com os movimentos cubista e dadaísta no século XX, com discurso embasado em conceitos de Francastel (1990), Cottington (1999) e Tassinari (2001).


  • Mostrar Abstract
  • his work aims to analyze precursor elements in nineteenth-century literature through the oeuvres of Gustave Flaubert (1820-1880), more specifically in his last book, Bouvard and Pécuchet (1881). The French writer was consecrated in prose with Madame Bovary, in 1857, bringing a new literary conception, going from the subject to the innovative structuring of the narrative. Furthermore, regarding the theme "Bouvard and Pécuchet by Gustave Flaubert: the anticipation of avant-garde aesthetic techniques in nineteenth-century literature", we hypothesized that Flaubert anticipates aesthetic aspects that will be concerned with the pictorial processes of the avant-garde in the twentieth century, such as the Cubists and the Dadaists, creating a fragmentary, non-linear and intertextual narrative based on the technique of collage of ideas and the de-functionalization of some processes of traditional prose, configuring, in the second part of the book, the Dictionary of Received Ideas. In addition to these structural processes, the writer in this book constructs an ironic atmosphere in reference to the scientific and encyclopedic knowledge in vogue at the time in order to denounce human foolishness in attempting to embrace all existing knowledge and dictate them as irrefutable truths, through the figure of its two main characters. For this, we consider it necessary to understand the historical and aesthetic context in which Gustave Flaubert became a writer, using, as a theoretical basilar contribution, visions of Sartre (2013), Tadié (2011), Bourdieu (1996), Grombrich (2003) and Bergez (2011). In convergence with this process, from the perspective of Barthes (1974, 2004), Biasi (2011), Thibaudet (1992), Dord-Crouslé (2000), and others, we approached the influence of science and how this relation interfered in the formation of his literary style and his obsession with the scriptural form, besides emphasizing the pessimistic character that each Flaubertian oeuvre carries with aesthetic purposes. Finally, in order to analyze the aesthetic anticipation in Bouvard and Pécuchet (1881), we adopted the approach of intertextuality brought by Kristeva (2005), Compagnon (1996), Genette (2010) and Samoyault (2008), creating a comparative parallel with the Cubist and Dadaist movements in the twentieth century, with a discourse based on concepts by Francastel (1990), Cottington (1999) and Tassinari (2001).

13
  • ANGELICA FERREIRA DA FONSECA ROCHA
  •  

     

     

    Emoções no Libelo Introdutório de Nulidade Matrimonial

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
  • CELIA MARIA DE MEDEIROS
  • MARIA DAS VITORIAS NUNES SILVA LOURENCO
  • MICHELINE MATTEDI TOMAZI
  • Data: 29/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa interroga os domínios linguagem e direito a fim de caracterizar o gênero textual/discursivo libelo introdutório para declaração de nulidade matrimonial. No âmbito do Direito Canônico, o libelo funciona como um texto peticional, no qual os nubentes usam a sequencia narrativa para a argumentar as razoes que os levaram a demandar a nulidade matrimonial. Nessa direção, o estudo considera a inteligibilidade das emoções como um elemento argumentativo, inserida em uma tríade Responsabilidade Enunciativa - Representação Discursiva - Orientação Argumentativa. Objetiva, assim, investigar a relação emoções e orientação argumentativa em 7 (sete) libelos introdutórios de declaração de nulidade matrimonial. Para tanto, a pesquisa situa-se na abordagem metodológica da Análise Textual dos Discursos (ADAM, 2011 [2008]); nos estudos da Linguística da Enunciação, por meio de Rabatel (1997, 2007, 2008, 2009, 2010, 2013, 2016), e das emoções, a partir da retórica das paixões (atribuída a Aristóteles), de Plantin (1995, 2008, 2010, 2011, 2012), Micheli (2008, 2010), Rodrigues e Passeggi (2015). Trata-se de uma pesquisa social, descritiva e documental, com abordagem qualitativa, paradigma interpretativista e método indutivo. Os resultados revelam emoções de compaixão, indignação, confiança, amor, imprudência, temor, favor, vergonha, cólera, calma, desprezo e emulação. Em decorrência, as conclusões pontuam as emoções racionalizadas em função de uma ação visada, entendidas sob uma perspectiva de movimentos argumentativos, imbricadas por uma escala de intensidade e um lugar psicológico, configurando a categoria do ponto de vista (PDV) emocionado.


  • Mostrar Abstract
  •  This research questions the domains of language and law with the objective of characterizing the textual/discursive genre introductory libel for the annulment of marriage declaration. In the realm of Canonical Law, libel functions as a petition text, in which the newlyweds use a narrative sequence to argue the reasons that brought them to demand the annulment of the marriage. In this way, the study considers the lack of intelligibility of emotions as an argumentative element, inserted in a triad of Enunciative Responsibility, Discursive Representation, and Argumentative orientation. The study aims, thus, to investigate the relationship of emotions and argumentative orientation in 7 (seven) introductory libel for the annulment of marriage declaration. To do this, the research is grounded in a methodological approach from Textual Discourse Analysis (ADAM, 2011 [2008]); in Linguistic Enunciation studies of Rabatel (1997, 2007, 2008, 2009, 2010, 2013, 2016), and emotions from the rhetoric of passions (attributed to Aristotle), of Plantin (1995, 2008, 2010, 2011, 2012), Micheli (2008, 2010), Rodrigues and Passeggi (2015). It is characterized as a social, description and documental research, with a qualitative approach, interpretivist paradigm, and inductive method. The results show emotions of compassion, indignation, assurance, love, imprudence, fear, favor, shame, cholera, calm, contempt, and emulation. In virtue of this, the conclusions indicate that emotions rationalized in function of a seen action, understood through a perspective of argumentative moves, linked by a scale of intensity and a psychological place, configuring the point of view (POV) category given emotions).

14
  • FRANCISCO FRED LUCAS LINHARES
  •  

     

    PRÁTICAS DISCURSIVAS E CUIDADO DE SI:

    A CONSTITUIÇÃO DE SUBJETIVIDADES DE ALUNAS DO PROGRAMA MULHERES MIL NA ESCRITA DOS MAPAS DA VIDA

  • Orientador : MARLUCE PEREIRA DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARLUCE PEREIRA DA SILVA
  • MARIA DA PENHA CASADO ALVES
  • JOSENILDO SOARES BEZERRA
  • JANAINA TOMAZ CAPISTRANO
  • LAURENIA SOUTO SALES
  • Data: 29/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • O Programa Mulheres Mil constitui-se como uma política pública que busca atender mulheres em situação de vulnerabilidade social, propiciando formação técnica e profissional, bem como busca operar um processo de modificação de si em seu corpo discente. Uma das estratégias propostas pelo Programa para esse processo de transformação é a escrita do Mapa da Vida. Nesse sentido, entendendo que o Mulheres Mil se inscreve como um dispositivo de tecnologias do eu (FOUCAULT, 2014b) e de produção de subjetividades determinadas por práticas discursivas de uma Cultura de Si (FOUCAULT, 2014a; 2014b; 2017), esta tese objetiva analisar que tipos de subjetividades se constituem discursivamente na escrita dos Mapas da vida das alunas. O estudo, de natureza qualitativa interpretativista e abordagem sócio histórica, insere-se no campo de estudos da Linguística Aplicada (MOITA LOPES, 2004; 2013). Utilizam-se dispositivos teórico analíticos da análise de discurso foucaultiana (FOUCAULT, 1984; 1988; 2006; 2009), de Estudos Feministas (RAGO, 2006; SCAVONE, 2006; SWAIN, 2006) e de Estudos da Linguagem. Os resultados mostram que a elaboração de subjetividades dessas alunas é atravessada por práticas discursivas cujos efeitos de sentidos traduzem aspectos da clássica Cultura de Si, das tecnologias do eu cristãs e igualmente traduzem práticas de liberdade.


  • Mostrar Abstract
  • The Programa Mulheres Mil is a public policy that seeks to serve women in situations of social vulnerability, providing technical and professional training, as well as seeking to operate a process of self-modification in their student body. One of the strategies proposed by the Program for this process of transformation is the writing of the Map of Life. In this sense, understanding that the Thousand Women is inscribed as a device of self-technologies (FOUCAULT, 2014b) and of the production of subjectivities determined by discursive practices of a Culture of Self (FOUCAULT, 2014a, 2014b, 2017), this thesis aims to analyze that types of subjectivities are discursively constituted in the writing of the maps of the life of the students. The study, with a qualitative interpretative nature and socio-historical approach, is included in the field of Applied Linguistics (MOITA LOPES, 2004; 2013). Theoretical analytic devices of the Foucaultian discourse analysis (Foucault, 1984, 1988, 2006, 2009), Feminist Studies (RAGO, 2006, SCAVONE, 2006, SWAIN, 2006) and Language Studies. The results show that the elaboration of the subjectivities of these students is crossed by discursive practices whose effects of the senses translate aspects of the classic Culture of Self, of the technologies of the Christian self and also translate practices of freedom.

15
  • KALINA ALESSANDRA RODRIGUES DE PAIVA
  • S. Bernardo dos Ventos Uivantes:

     

                 um percurso marxista no calor da luta de classes

  • Orientador : MARCOS FALCHERO FALLEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARCOS FALCHERO FALLEIROS
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • CARLOS EDUARDO GALVAO BRAGA
  • MARÍLIA GONÇALVES BORGES SILVEIRA
  • WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO
  • Data: 29/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • S. Bernardo dos Ventos Uivantes: um percurso marxista no calor da luta de classes propõe uma leitura ensaística e comparativa entre O morro dos ventos uivantes, de Emily Brontë, e S. Bernardo, de Graciliano Ramos. Costurada com a perspectiva marxista, a tese ressalta as formas de percepção dos séculos XIX e XX, a mentalidade social e a ideologia de suas respectivas épocas, e seus reflexos estéticos no resultado literário. Para tanto, como objetivo-geral, estudou as formas literárias do romance nos referidos séculos, analisando o espaço social em que as obras foram gestadas, investigando contexto, relações de produção e estética como pontuadores das narrativas, observando de que forma a mentalidade social dessas épocas são condicionadas pelas relações sociais. Além disso, confrontou o tempo do enunciador e o tempo da enunciação como estratégias para o desdobramento das narrativas, sob a forma de memórias, apontando elementos estéticos como demarcadores das relações de poder, tanto refletidos na linguagem, quanto na estrutura dos romances, demonstrando, assim, o uso da memória como meio de captação de tempo e de espaço específicos e o modo como as relações de classe são experienciadas, legitimadas e perpetuadas. As escolhas metodológicas valeram-se de ampla pesquisa bibliográfica relativa ao tema, reportando-se a outras obras literárias como contraponto, recorrendo ao método materialista dialético-literário, sob o crivo do pensamento marxista como também de autores posteriores que se vincularam a Marx através de desdobramentos de suas teorizações. Como resultado, a título de contribuição acadêmica, apresenta uma visão sobre a propriedade privada como constituinte de identidades e propõe um conceito – de empoderamento narrativo – que se estende para qualquer obra literária que tenha sido produzida em contextos históricos nos quais há silenciamento de falas; nos quais há luta pela igualdade civil; ou nos quais se vive em regimes opostos ao Estado democrático de direito. Bosi, Eagleton, Konder, Marx, Engels, Federici, Löwy, entre outros, proporcionaram o embasamento deste trabalho.

     

     

     

     


  • Mostrar Abstract
  •  

     

     

     St. Bernard of the Wuthering Heights: a Marxist course in the heat of the class struggle proposes an essayistic and comparative reading between Emily Brontë's Wuthering Heights and Graciliano Ramos's St. Bernard. Sketched with the Marxist perspective, the thesis highlights the forms of perception of the nineteenth and twentieth centuries, the social mentality and the ideology of their respective times and their aesthetic reflexes in the literary result. Therefore, as a general goal, it studied the literary forms of the novel in the mentioned centuries, analyzing the social space in which the literary works were created, investigating the context, the relation of production and aesthetic as narrative punctuators, observing how the social mentality of these epochs are conditioned by the social relations. Moreover, it confronted the enunciator's time and the enunciation time as strategies for the unfolding of the narratives, in the form of memories, pointing out aesthetic elements as markers of power relations, both reflected in the language and in the structure  of the novels, demonstrating, thus, the use of memory as a way of capturing specific time and space and how class relations are experienced, legitimized, and perpetuated. The methodological choices made use of a wide bibliographical research related to the theme, referring to other literary works as a counterpoint, using the dialectical-literary materialistic method, under the sieve of Marxist thought as well as later authors who are linked to Marx through the unfolding of his theorizations. As a result, as an academic contribution, it presents a vision of the private property as a constituent of identities and proposes a concept - of narrative empowerment - that extends to any literary work that has been produced in historical contexts in which there is silence of speech; in which there is a struggle for civil equality; or in which people live in regimes opposed to the democratic State of rights. Bosi, Eagleton, Konder, Marx, Engels, Federici, Löwy, among others, provided the basis for this work.

     

     

     

     

     

     

16
  • GISONALDO ARCANJO DE SOUSA
  • AS FORMAS DE TRATAMENTO DE SEGUNDA PESSOA DO SINGULAR EM CARTAS DO SERIDÓ POTIGUAR

  • Orientador : MARIA ALICE TAVARES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA ALICE TAVARES
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • ERICA REVIGLIO ILIOVITZ
  • CAMILO ROSA DA SILVA
  • NOELMA CRISTINA FERREIRA DOS SANTOS
  • Data: 30/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Com base na sociolinguística variacionista, analiso a variação entre os pronomes TU, VOCÊ e A SENHORA na indicação de segunda pessoa do singular no papel de sujeito. Utilizo dados extraídos de cartas pessoais escritas entre 1941 e 1944 por quatro indivíduos naturais do Seridó, Rio Grande do Norte. Levo em conta dois fatores sociais, o sexo e a idade dos missivistas, e dois fatores discursivo-pragmáticos, a relação social e o assunto.  Fundamentando a análise de todos esses fatores, está a proposta de Brown e Gilman (1960) de que a escolha de formas de tratamento é condicionada por relações de poder e de solidariedade entre os interlocutores. Entre os principais resultados, aponto que a distribuição dos pronomes quanto ao sexo e à idade não trouxe indícios claros de mudança na direção do aumento de uso de VOCÊ, a forma mais recente. Houve uso exclusivo de A SENHORA na relação assimétrica ascendente de filho-mãe e uso variável de TU e VOCÊ nas outras relações sociais. Na relação assimétrica descendente mãe-filho, VOCÊ foi bem mais frequente, e, na relação simétrica namorada-namorado, TU foi bem mais frequente. Houve maior equilíbrio na distribuição dos dados na relação simétrica amigo-amigo, com predomínio de VOCÊ. Finalmente, quanto ao assunto, TU foi mais frequente em tópicos de natureza íntima. Os resultados permitiram enquadrar o quadro de distribuição dos pronomes na primeira das três etapas do desenvolvimento histórico do VOCÊ propostas por Lopes et al. (2018), caracterizada por maior frequência de TU, especialmente em relações íntimas.


  • Mostrar Abstract
  • Based on the variational sociolinguistics, I analyze the variation between the pronouns TU, VOCÊ and A SENHORA in the second person singular indication in the role of subject. I use data extracted from personal letters written between 1941 and 1944 by four natural individuals from Seridó, Rio Grande do Norte. I take into account two social factors, the sex and the age of the writers, and two discursive-pragmatic factors, the social relations and the subject. Based on the analysis of all these factors, Brown and Gilman (1960) propose that the choice of forms of treatment is conditioned by relations of power and solidarity among the interlocutors. Among the main results, I point out that the distribution of pronouns in terms of sex and age did not bring clear indications of a shift towards increasing use of VOCÊ, the most recent form. There was exclusive use of A SENHORA in the ascending asymmetrical relation of the son-mother and the variable use of TU and VOCÊ in the other social relations. In the asymmetric mother-son relationship, VOCÊ were much more frequent, and in the symmetrical girlfriend-boyfriend relationship, TU was much more frequent. There was greater balance in the distribution of the data in the symmetrical friend-friend relationship, with a predominance of VOCÊ. Finally, regarding the subject, TU was more frequent in topics of an intimate nature. The results allowed to frame the distribution of the pronouns in the first of the three stages of the historical development of the VOCÊ proposed by Lopes et al. (2018), characterized by a higher frequency of TU, especially in intimate relationships.

17
  • GENI MENDES DE BRITO
  • Morna, Identidade e Literatura em Cabo Verde.

  • Orientador : TANIA MARIA DE ARAUJO LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • TANIA MARIA DE ARAUJO LIMA
  • AMARINO OLIVEIRA DE QUEIROZ
  • SEBASTIÃO MARQUES CARDOSO
  • ROSILDA ALVES BEZERRA
  • ERICA ANTUNES PEREIRA
  • Data: 31/07/2019

  • Mostrar Resumo
  •  

    RESUMO: A literatura em Cabo Verde conheceu um significativo desenvolvimento no final do século XIX contando com o impulso dos jornais que dinamizavam a criação ficcional e poética.  Mas, foi no século XX, com o surgimento da revista Claridade (1936) que se alicerçou o projeto literário cabo-verdiano. Nessa revista, os escritores do Arquipélago procuram fixar-se em temáticas predominantemente crioulas, como o drama das secas e da fome, da emigração e evasão, da insularidade e da saudade, expressas através da morna- gênero musical que, conforme Simone Caputo Gomes (2008), assume um lugar privilegiado na literatura cabo-verdiana e estabelece um diálogo com a poesia e com a prosa de ficção com os quais ela interage, constituindo um diversificado percurso no panorama literário. Dada essa importância, propõe-se, nesta pesquisa, traçar a forma de como poetas e ficcionistas cabo-verdianos definem, caracterizam e apresentam amorna, ora como tema principal de suas obras, ora como um dos elementos que conferem a identidade cabo-verdiana aos textos, atribuindo-lhe uma função narrativa, lírica, descritiva e dramática.  Para a construção do presente trabalho, a proposta metodológica concentra-se na pesquisa documental e bibliográfica, com base em fontes literárias, históricas e antropológicas. A fundamentação teórico-crítica foi realizada a partir dos estudos de Juliana Brás Dias, Benilde Justo Caniato, Manuel Ferreira, Moacyr Rodrigues, Simone Caputo Gomes, Vasco Martins e Gabriel Mariano.  Percebemos que, dentre os diversos gêneros musicais presentes em Cabo Verde, a morna é, sem dúvida, a forma musical e poética mais cultivada em todas as ilhas do arquipélago, uma vez que ela simbolizasentimentos cabo-verdianos, como tristezas,angústias e dores, que, mesmo sob o peso da dominação colonial e cultural, resiste e se manifesta principalmente através da língua crioula, símbolo maior que ressignifica o universo cultural cabo-verdiano.


  • Mostrar Abstract
  • Literature in Cape Verde experienced a significant development at the end of the 19th century, relying on the impulse of the newspapers that dynamized its fictional and poetic creation. However, it was in the twentieth century, with the emergence of the magazine Claridade (1936) that the Cape Verdean literary project was consolidated. In this magazine, the writers of the Archipelago try to focus, predominantly, on Creole themes, such as: the drama of droughts and their consequences, emigration and evasion, insularity and longing, recurrent themes told and sung through Morna- a musical genre, which assumes a privileged place in Cape Verdean literature and establishes a dialogue with the poetry, prose of fiction. Things that affects it and with which it interacts, constituting, thus, a diversified course in the literary Creole panorama.  Knowing this importance, we propose in this research, to outline how poets and fictionists define, characterize and present Morna as the main theme of their work, or as one of the elements that grant the Cape Verdean identity to their texts, outlining their lyric, descriptive and dramatic narrative functions. In order to write the present work "Morna, Identity and Literature in Cape Verde" - our methodological proposal focuses on a documentary and bibliographic research, based on literary, historical and anthropological sources. The theoretical-critical basis was developed from the studies of Juliana Brás Dias, Benilde Justo Caniato, Manuel Ferreira, Moacyr Rodrigues, Simone Caputo Gomes, Vasco Martins, Gabriel Mariano, among others. We found out that among various musical genres present in Cape Verde, Morna is undoubtedly the most cultivated musical and poetic form in all the islands of the archipelago. It symbolizes Cape Verdean sentiment of sadness, anguish and pain, which, even under the weight of colonial and cultural domination, resists and manifests itself, mainly through the language (the Creole), a major symbol that unifies the Cape Verdean universe .

18
  • LIDEMBERG ROCHA DE OLIVEIRA
  •  

     

    PONTOS DE VISTA E RESPONSABILIDADE ENUNCIATIVA EM REDAÇÕES DO PROGRAMA JOVEM SENADOR

  • Orientador : MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • ALEXANDRO TEIXEIRA GOMES
  • CELIA MARIA DE MEDEIROS
  • ANA LUCIA TINOCO CABRAL
  • MARIA DAS VITORIAS NUNES SILVA LOURENCO
  • SUELI CRISTINA MARQUESI
  • Data: 31/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Investigamos, nesta pesquisa, Pontos de Vista (PDV) e Responsabilidade Enunciativa (RE) em redações escritas por estudantes do ensino médio de escolas públicas que participaram do Concurso de Redação do Senado Federal, que é uma ação do Programa Jovem Senador. Analisamos textos correspondentes às edições 2016, 2017 e 2018 do certame, com o objetivo de: 1) identificar fontes enunciativas e PDV mobilizados pelos estudantes quanto à construção da argumentação; 2) descrever e analisar marcas e/ou mecanismos linguísticos utilizados pelos estudantes no que concerne a (não) assunção da RE na argumentação; 3) interpretar como o fenômeno da RE colabora para a construção de PDV pelos estudantes na argumentação. Para alcançarmos esses objetivos, recorremos teoricamente à Linguística do Texto, particularmente à  Análise Textual dos Discursos (ADAM, 2011) e à Linguística Enunciativa, para tratarmos de conceitos concernentes aos PDV e RE discutidos por Rabatel (2003, 2005, 2009, 2010, 2016a, 2016b, 2017), Guentchéva (1994, 2011, 2014), Rodrigues (2016, 2017) entre outros. Apoiamo-nos, também, em Cabral (2010, 2017), Pinto (2010), Adam (1997, 2019) e Koch (2008), além de outros teóricos, para discutir a Argumentação, tanto na perspectiva Linguística, como na Textual. Esta investigação é de natureza qualitativa e apoia-se em parâmetros da pesquisa quantitativa, a qual foi desenvolvida sob a abordagem da pesquisa bibliográfica e documental e o método indutivo.  Metodologicamente, nos ancoramos em Bogdan e Biklen (1994), Bauer e Gaskell (2002), Goldenberg (2004), Gil (2010a, 2010b) e Oliveira (2010). A partir da análise do corpus, concluímos que: a) os estudantes expressaram textualmente fontes enunciativas diversas, com recorrência do que denominamos de fontes físicas, que correspondem a argumentos de autoridade; b) quanto às marcas linguísticas que indicam a (não) assunção da RE, verificamos que os estudantes introduziram enunciados das fontes enunciativas através de verbos dicendi, de outros verbos relacionados ao ato de enunciar, de formas nominais de verbos e de locuções conjuntivas conformativas; c) quanto ao gerenciamento de vozes, compreendemos que os estudantes recorreram à introdução do discurso do outro nas redações para reforçar/validar/sustentar/construir PDV na argumentação a partir dos seguintes movimentos: i) acordo, quando trouxeram os PDV de outros para juntar-se aos seus; ii) acordo em parte, quando mobilizaram os PDV de outros e acrescentaram a eles informações convenientes; e iii) desacordo, quando refutaram os PDV de enunciadores segundos para construir os próprios PDV.  A partir da análise dos dados, concluímos que a imputação dos enunciados a enunciadores segundos pelo locutor enunciador primeiro corresponde a um processo interacional complexo, tendo em vista que esse locutor, mesmo distanciando-se dos PDV atribuídos a outro, sustenta-se neles para posicionar-se; nisso ele direciona argumentativamente os enunciados, bem como constrói a argumentação.


  • Mostrar Abstract
  • In this research we investigate, Point of View (POV) and Commitment in essays written by Public High School students who participated in the Federal Senate Essay Contest, which is an activity of the Youth Senators Program. We analyzed texts corresponding to the 2016, 2017 and 2018 editions of the event, with the objective of: 1) identifying enunciative sources and POV mobilized by the students in forming their arguments; 2) describing and analyzing linguistic marks and/or mechanisms used by students with regard to the (non)assumption of the EC in their argumentation; 3) interpreting how the phenomenon of the EC collaborates in the construction of the POV by the students in their argument. To achieve these objectives, we relied on theories from Textual Linguistics, particularly Textual Discourse Analysis (ADAM, 2011) and Enunciative Linguistics, to address the concepts concerning POV and EC discussed by Rabatel (2003, 2005, 2009, 2010, 2016a, 2016b, 2017), Guentchéva (1994, 2011, 2014), Rodrigues (2016, 2017), among others. We also rely on Cabral (2010, 2017), Pinto (2010), Adam (1997, 2019) and Koch (2008), among other theorists of Argumentation, both from a Linguistic and Textual perspective. This investigation is characterized as qualitative, relying on some parameters of quantitative research, developed through a bibliographic and documental approach, and the inductive method. The methodology is based on Bogdan and Bilken (1994), Bauer and Gaskell (2002), Goldenberg (2004), Gil (2010a, 2010b) and Oliveira (2010). From the analysis of the corpus, we conclude that: a) the students textually expressed various enunciative sources, repeatedly using what we denominate as physical sources, which correspond to arguments of authority; b) as for the linguistic marks that indicate the (non)assumption of commitment, we verify that the students introduced enunciations from the enunciative sources through reporting verbs, through other verbs related to the speech act, through nominal forms of verbs, and through conforming conjunctive locutions; c) regarding the negotiation of voices, we found that the students relied on the introduction of the other’s discourse in developing their essays, to reinforce/validate/sustain/construct POV in the argumentation, using the following moves: i) agreement – when they bring the POV of others in alignment with their own; ii) partial agreement – when they mobilize the POV of others, however, adding convenient information; and iii) disagreement – when they refute the POV of secondary speakers to construct their own POV. From the analysis of this data, we conclude that the accusations of the enunciations to the secondary speakers by the primary speaker corresponds to a complex interactional process, recognizing that this speaker, even when distancing him or herself from the POVs attributed to the other, supports him or herself on these to take a particular stand; s/he argumentatively directs the enunciations in this way, as well as the argumentation.

19
  • KARIMA BEZERRA DE ALMEIDA
  • CASA ESCRITA MUNDO: a movênciados “TruePoems” de Emily Dickinson

  • Orientador : TANIA MARIA DE ARAUJO LIMA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • TANIA MARIA DE ARAUJO LIMA
  • JENNIFER SARAH COOPER
  • ROSANNE BEZERRA DE ARAUJO
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • ANA CLAUDIA FELIX GUALBERTO
  • MARIA ELIZABETH PEREGRINO SOUTO MAIOR MENDES
  • Data: 31/07/2019

  • Mostrar Resumo
  •  

    A literatura é capaz de provocar transformações históricas em vários contextos políticos e sociais. As obras literárias possibilitam a releitura dos conceitos misóginos que experimentamos. O objetivo geral desta pesquisa é contribuir para a desconstrução da ideia de que a reclusão da mulher, na condição de dona de casa e privação à educação, é esclarecidamente benéfica. A tradição do claustro doméstico adoece, tortura e mata. Especificamente, pretende-se refletir sobre as especulações feitas a respeito da condição do claustro de Emily Dickinson. O objeto deste estudo consiste da poesia de Emily Dickinson e sua tradução para o português brasileiro como instrumentos de análise. Considerando que a obra de Dickinson é volumosa, precisaremos fazer recortes, discutindo alguns poemas relevantes ao tópico de cada capítulo. Este projeto busca discutir a condição do claustro em sua casa, a escrita como veículo de fuga e a expectativa de que sua obra alcançasse um público de leitores vanguardistas no futuro. Um movimento que parte de casa, utiliza-se da escrita como transporte de fuga para viajar pelo mundo. Este estudo discorre sobre tais questões por meio da análise feminista da estrutura e tradução dos poemas selecionados. Para tanto, busca embasar-se nas considerações críticas de Nísia Floresta, especialmente naquelas das obras “Direitos das Mulheres e Injustiça dos Homens” e “Opúsculo Humanitário”, que discutem a posição da mulher na sociedade, partindo de uma perspectiva feminista no século XIX. Já no que diz respeito à estrutura dos poemas, este estudo fundamenta-se nas análises de Rebecca Swift e Judy Jo Small. E, por fim, propomos utilizar as escolhas de tradução e considerações feitas pelo tradutor José Lira.


  • Mostrar Abstract
  •  

     

     

     

    ABSTRACT

     

     

     

    Literature is able to transform the course of history, besides political and social scenarios. Literary works enable us to reconsider the misogynistic concepts we experience. The general objective of this research is to contribute to the deconstruction of the idea that the reclusion of women as housewives and, thus, deprivation of education is in any way clearly beneficial. The tradition of keeping women at home in Brazil encourages distress, violence and murder. Specifically, this work intends to reflect on the speculations made for the condition of Emily Dickinson’s reclusion. The object of this study consists of Emily Dickinson's poetry and its translation to Brazilian Portuguese as instruments of analysis. Since Dickinson's work is large, we will need to make clippings by discussing some poems relevant to the topic of each chapter. This project seeks to discuss in three chapters, topics that refer to cloister at home, in writing, and within women.  We propose a feminist analysis of the structure and translation of the selected poems. In order to do so, we seek to rely on the critical considerations of NísiaFloresta, especially those of “Women's Rights and the injustice of Men" (1832) and "Humanitarian Book" (1853), which discuss the role of women in society, from a feminist perspective in the nineteenth century. As far as the structure of the poems is concerned, this study is based on the analyzes of Judy Jo Small and Rebecca Swift. Finally, this study proposes to use the translation choices and considerations made by José Lira.

     

     

20
  • MAYARA COSTA PINHEIRO
  • SOCIAL E INTIMISTA – DOIS VÉRTICES DA NARRATIVA ROMANESCA DE LÚCIO CARDOSO: UM ESTUDO SOBRE OS ROMANCES SALGUEIRO E CRÔNICA DA CASA ASSASSINADA

  • Orientador : ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANDREY PEREIRA DE OLIVEIRA
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • MARCIO RENATO PINHEIRO DA SILVA
  • MARIA DA CONCEIÇÃO SILVA DANTAS MONTEIRO
  • RAQUEL DE ARAÚJO SERRÃO
  • Data: 02/08/2019

  • Mostrar Resumo
  • Nesta tese, procuramos mostrar dois momentos da produção romanesca de Lúcio Cardoso: a fase social e o estilo intimista. Para delinear esses dois vértices da produção do autor, selecionamos os romances Salgueiro (1935) e Crônica da casa assassinada (1959). O primeiro é abordado como um romance de transição da fase social para o estilo intimista, e o segundo é considerado o ápice da narrativa intimista de Cardoso. No desenvolvimento desta análise, utilizamos como método a concepção dialética entre a literatura e seu contexto de produção, estabelecendo uma relação entre os elementos estético-formais e os sociais, princípios da “crítica integradora” proposta por Antonio Candido (2010b). Inicialmente, fazemos um panorama sobre a vida e obra de Lúcio Cardoso, bem como uma contextualização sobre romance de 1930, mostrando tanto a vertente regionalista, quanto a intimista/psicológica na perspectiva dos críticos literários Luís Bueno (2006), Afrânio Coutinho (2004), Antonio Candido (1989), Wilson Martins (2004), Alfredo Bosi (2006), Massaud Moisés (2004) e Luciana Stegagno Picchio (2004). Em seguida, para análise de Salgueiro, utilizaremos a perspectiva de Luís Bueno (2006), Lúcia Miguel Pereira (1935), Afrânio Coutinho (1995; 2004a), e Rosiane Vieira de Rezende (2007); bem como de Antonio Candido (2010a) e Paulo Franchetti (2012) na comparação entre Salgueiro e O Cortiço, de Aluísio Azevedo, entre os elementos da estética naturalista. Para desenvolver a análise específica de Crônica da casa assassinada, foram utilizados dos conceitos de dialogismo e polifonia propostos por Mikhail Bakhtin (2015b), a noção de “autor implícito”, de Wayne Booth (1980) e a contextualização de Gilberto Freyre (2004) sobre a decadência do patriarcalismo rural brasileiro. Por fim, a vinculação entre a análise de Salgueiro e Crônica da casa assassinada ocorreu através da categoria estrutural do narrador, pois enquanto Salgueiro é narrado em focalização fixa com o uso da onisciência, em Crônica da casa assassinada ocorre a predominância do romance psicológico que é representado esteticamente pelos vários narradores homodiegéticos. Procuramos mostrar como essa mudança no elemento estrutural contribuiu para consolidar o estilo intimista de Lúcio Cardoso por meio da noção de “polimodalidade focal” proposta por Gérard Genette (1979) e comentada por Vitor Manuel de Aguiar e Silva (2009).


  • Mostrar Abstract
  • In this thesis, we try to show two moments in the novel production of Lúcio Cardoso: the social phase and the intimate style. To delineate these two vertices of the author's production, we selected the novels Salgueiro (1935) and Chronicle of the Murdered House (1959). The first one is approached as a transitional novel from the social phase to the intimate style, and the second one is considered the apex of Cardoso's intimate narrative. In the development of this analysis, we use as a method the dialectical conception between literature and its production context, establishing a relation between aesthetic-formal and social elements, principles of "integrative criticism" proposed by Antonio Candido (2010b). First, we give an overview of the life and work of Lucio Cardoso, as well as a contextualization about the 1930 novel, showing both the regionalist and intimate / psychological aspects from the perspective of literary critics Luís Bueno (2006), Afrânio Coutinho (2004), Antonio Candido (1989), Wilson Martins (2004), Alfredo Bosi (2006), Massaud Moisés (2004) and Luciana Stegagno Picchio (2004). Then, for Salgueiro analysis, we will use the perspective of Luís Bueno (2006), Lúcia Miguel Pereira (1935), Afrânio Coutinho (1995; 2004a), and Rosiane Vieira de Rezende (2007); as well as Antonio Candido (2010a) and Paulo Franchetti (2012) in the comparison between Salgueiro and O Cortiço, by Aluísio Azevedo, among the elements of naturalistic aesthetics. To develop the specific analysis of Chronicle of the murdered house, we used the concepts of dialogism and polyphony proposed by Mikhail Bakhtin (2015b), Wayne Booth's (1980) notion implied author and the contextualization of Gilberto Freyre (2004) on the decadence of Brazilian rural patriarchy. Finally, the link between the analysis of Salgueiro and Chronicle of the murdered house occurred through the structural category of the narrator, because while Salgueiro is narrated in fixed focus with the use of omniscience, Chronicle of the murdered house occurs the predominance of the psychological novel that is represented aesthetically by the various homodiegetic narrators. We try to show how this change in the structural element contributed to consolidate the intimate style of Lúcio Cardoso through the notion of focal polymodality proposed by Gérard Genette (1979) and commented on by Vitor Manuel de Aguiar e Silva (2009).

21
  • MICHELLE PATRÍCIA PAULISTA DA ROCHA
  • PARA CHAMAR DE NOSSA: LITERATURA E ENSINO A PARTIR DA EPISTOLOGRAFIA DE VERÍSSIMO DE MELO

  • Orientador : HUMBERTO HERMENEGILDO DE ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • HUMBERTO HERMENEGILDO DE ARAUJO
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • CASSIA DE FATIMA MATOS DOS SANT