Banca de QUALIFICAÇÃO: JOATAN DAVID FERREIRA DE MEDEIROS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JOATAN DAVID FERREIRA DE MEDEIROS
DATA : 15/02/2022
HORA: 10:00
LOCAL: Ambiente virtual (googlemeet)
TÍTULO:

LUÍS DA CÂMARA CASCUDO MEDIAÇÕES: LITERÁRIAS DO POTENGI AO PRATA


PALAVRAS-CHAVES:

Câmara Cascudo; Mediações Culturais. Vanguardas Latino-americanas. Historiografia literária. Brasil e Argentina.


PÁGINAS: 60
RESUMO:

Na década de 1920, Luís da Câmara Cascudo fez parte de um proeminente circuito de sociabilidades intelectuais que aproximou brasileiros e argentinos num movimento que percorreu, pela literatura, caminhos para a afirmação de uma identidade política, artística e cultural latino-americana. Somando-se aos esforços de autores como Monteiro Lobato, Mário de Andrade, Ronald de Carvalho entre outros, o autor potiguar se tornou um importante interlocutor nas travessias de ideias, bens e valores por meio das quais artistas e intelectuais no Brasil e na Argentina aspiraram um desenvolvimento cultural orientado pelo conhecimento recíproco e pela construção de entendimentos no âmbito do próprio continente. Esses dados são parte dos registros da pesquisa de mestrado “Câmara Cascudo e a Argentina intelectual: um joio na seara latino-americana” (MEDEIROS, 2016), apresentada ao Programa de Pós-graduação em Estudos da Linguagem (PPgEL/UFRN), que reconstituiu o itinerário de aproximação do autor potiguar à cena cultural platina, distinguindo seu papel de receptor, divulgador e mediador de produções literárias entre as matrizes culturais aludidas. A partir da ampliação do levantamento documental, esta tese cumpre mais uma etapa de revisões e discussões sobre o protagonismo de Câmara Cascudo no campo dessas mobilidades, propondo uma discussão sobre sua ação como mediador literário entre o Brasil e a Argentina no contexto das vanguardas artísticas do decênio de 1920. Situado nesse tempo-espaço, este estudo vincula-se às novas perspectivas da literatura comparada e da historiografia literária latino-americanas (CANDIDO, RAMA, NITRINI, COUTINHO, PIZARRO, PERRONE-MOISÉS) que, desde os anos 60, apontam para a necessidade de descolonização e para a construção de uma análise e interpretação próprias. Dado o caráter transdisciplinar dos estudos comparativos, esta pesquisa também busca orientações teórico-metodológicas na História dos Intelectuais (SIRINELLI, DOSSE, PALTI, LOPES) e no campo das Mediações Culturais (MARTÍN-BARBERO; ESPAGNE, GRUZINSKI) a fim de sugerir uma caraterização de processos de Mediações Literárias, tomando como base a ação circunstanciada de Luís da Câmara Cascudo no recorte temporal delimitado. 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1675070 - JOSE LUIZ FERREIRA
Interno - 1299003 - DERIVALDO DOS SANTOS
Externo à Instituição - WELLINGTON MEDEIROS DE ARAUJO - UERN
Notícia cadastrada em: 01/02/2022 16:14
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa14-producao.info.ufrn.br.sigaa14-producao