Banca de QUALIFICAÇÃO: CLEIDE DA SILVA FARIAS SANTIAGO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : CLEIDE DA SILVA FARIAS SANTIAGO
DATA : 15/12/2016
HORA: 14:00
LOCAL: Sala 314
TÍTULO:

A construção causal [POR + SN + DE + X] em perspectiva funcional


PALAVRAS-CHAVES:

Construção Causal. Linguística Funcional Centrada no Uso. Gramática de Construções.


PÁGINAS: 55
RESUMO:

Investigamos, neste trabalho, a construção causal [POR + SN + DE + X] em perspectiva funcional. Objetivamos analisar essa construção focalizando aspectos estruturais, semântico-cognitivos e/ou discursivo-pragmáticos a ela relacionados. Pretendemos examiná-la, com vistas a descrevê-la em termos formais e funcionais, considerando suas instâncias de uso em situações reais de comunicação. Assumindo uma perspectiva funcional, a pesquisa fundamenta-se teórico-metodologicamente na Linguística Funcional Centrada no Uso (LFCU), nos termos de Furtado da Cunha et al. (2013). Essa abordagem reúne pressupostos da Linguística Funcional norte-americana, tal como definida por Givón (1979, 1995, 2011), Traugott (2011), e Bybee (2010, 2011), e da Linguística Cognitiva, representada por Lakoff (1987), Langacker (1987) e Hopper (1991). Ademais, agregamos contribuições da Gramática de Construções, representada por Goldberg (1995), Croft (2001) e Traugott e Trousdale (2013).  O banco de dados utilizado é o corpus Discurso & Gramática Natal (FURTADO DA CUNHA, 1998) e Rio de Janeiro, (VOTRE; OLIVEIRA, 2014), que contêm amostras de fala e de escrita. A pesquisa apresenta uma abordagem de viés quali-quantitativo, com predominância do primeiro. Possui também um caráter explicativo e descritivo. A hipótese geral que guia o estudo é a de que a construção causal [POR + SN + DE + X] exibe características morfológicas e semântico-pragmáticas específicas quanto aos elementos que ocupam as posições SN e X e quanto à função comunicativa que desempenha no processo de interação verbal. Com base nos resultados preliminares, identificamos que a construção causal em estudo representa um esquema abstrato que licencia diferentes microestruturas com base no preenchimento do slot SN. Constatamos também que o núcleo do slot X pode apresentar-se preenchido por um SN (lexical ou pronominal) ou por uma oração.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1551756 - EDVALDO BALDUINO BISPO
Interno - 345.159.097-20 - MARIA ANGELICA FURTADO DA CUNHA - UFRN
Externo ao Programa - 6350771 - MARCOS ANTONIO COSTA
Notícia cadastrada em: 22/11/2016 16:31
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao