Banca de QUALIFICAÇÃO: FERNANDA ISABELA OLIVEIRA FREITAS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : FERNANDA ISABELA OLIVEIRA FREITAS
DATA : 31/05/2019
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório D CCHLA
TÍTULO:

Representações textual - discursivas de José Dirceu (re)construídas nos acórdãos do TRF4, STJ e STF na Operação Lava Jato. 


PALAVRAS-CHAVES:

Palavras-chave: Análise textual dos discursos. Esquematização. Orientação argumentativa. Representação textual - discursiva.


PÁGINAS: 150
RESUMO:

Neste trabalho, objetivamos analisar as representações textual - discursivas de José Dirceu (re)construídas nos acórdãos do TRF4, STJ e STF na Operação Lava Jato. Este estudo é relevante dada a interdisciplinaridade da linguística e do direito e por gerar amplo interesse na sociedade, uma vez que a Operação Lava Jato aparece com destaque no cenário atual jurídico, político e midiático, justificando a atenção e a relevância no campo das pesquisas científicas da linguagem. De forma específica, identificar as representações textual -  discursivas de José Dirceu (re)construídas nos acórdãos do TRF4, STJ e STF;  investigar as estratégias linguísticas que (re)constroem as representações textual – discursivas de José Dirceu nos acórdãos  do TRF4, STJ e STF, considerando o direcionamento argumentativo que os desembargadores e ministros desejam imprimir nos discursos de denegação ou concessão do pedido de habeas corpus e  descrever as funções dessas representações textual -  discursivas para a construção dos sentidos nos textos dos acórdãos. Em vista disso, a pesquisa insere-se no âmbito teórico geral da linguística textual e, mais especificamente, na análise textual dos discursos (ATD), teoria desenvolvida por Jean-Michel Adam ([2008] 2011). A noção de representação textual -  discursiva proposta pela ATD constitui um dos aspectos mais importantes da dimensão semântica do texto, bem como à Lógica Natural de J.-B. Grize (1996[1990]), ao lado disso, a pesquisa também se situa no estudo do acórdão como fato social e inserido em um sistema de gêneros, partindo de Bazerman (2006, 2007 e 2009). Para a discussão sobre as Rtds e suas operações de textualização – referenciação e  predicação, – partimos dos estudos de Castilho (2010), Rodrigues; Passeggi; Silva Neto (2010), Neves (2000, 2011 e 2018), Rodrigues et al. (2012), Passeggi (2001; 2012), Mateus (2003), entre outros. Através de uma pesquisa de abordagem qualitativa, de tipo documental, realizamos com base no método indutivo a descrição e interpretação do corpus a fim de (re)construirmos as Rtds de José Dirceu. O corpus é constituído de 5 (cinco)  acórdãos do habeas corpus nº 503454282.2015.4.04.0000/PR julgados no TRF4, STJ e STF da prisão preventiva de José Dirceu, ex- ministro chefe da casa civil na gestão do presidente Luis Inácio Lula da Silva, cuja pretensão era o pedido de liberdade provisória do paciente (réu) na Operação Lava Jato. Os resultados iniciais indicam que as representações textual - discursivas circunscrevem o processo de esquematização de construção e/ou interpretação, embora parcial e seletiva, de uma realidade numa dada materialidade textual, estando, ademais, inseridas em um quadro interativo, dialógico e argumentativo. Isto porque, a (re)construção das Rtds do réu se deram pela descrição e interpretação das escolhas linguístico-textuais e discursivas que o desembargador realizou ao elaborar os acórdãos, operando co(n)textualmente articuladas para produzir efeitos de sentido desejados. Destarte, as Rtds do réu podem ser consideradas, enunciativamente, como o efeito de estratégias argumentativas no sentido de promover ações discursivas próprias da formação sócio-discursiva jurídica.

 

 

Palavras-chave: Análise textual dos discursos. Esquematização. Orientação argumentativa. Representação textual - discursiva.

 

 


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 349707 - LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
Interna - 349685 - MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
Externo ao Programa - 1168647 - MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
Externo à Instituição - ANANIAS AGOSTINHO DA SILVA - UFERSA
Notícia cadastrada em: 21/05/2019 10:22
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa02-producao.info.ufrn.br.sigaa02-producao