Banca de DEFESA: JÉSSICA TEIXEIRA JALES

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JÉSSICA TEIXEIRA JALES
DATA : 15/12/2021
HORA: 14:00
LOCAL: Videoconferência
TÍTULO:

Terbufós (Organofosforado) em dípteros de importância forense: uma abordagem biológica e bioespectroscópica


PALAVRAS-CHAVES:

Sucessão entomológica; Entomologia Forense; Entomotoxicologia; Intoxicação; Pesticida; Bioespectroscopia.


PÁGINAS: 175
RESUMO:

A entomotoxicologia estuda o efeito e a detecção de substâncias químicas em insetos de importância médico-legal, agrícola e ambiental, sendo crucial para a correta estimativa do intervalo e causa morte de carcaças e cadáveres em decomposição; monitoramento e controle do uso de toxicantes. Dentre os químicos de importância médico-legal, o Terbufós (Organofosforado) é frequentemente associado a casos de intoxicação no Brasil e no mundo. Assim, esse trabalho busca compreender o efeito do Terbufós: i. na decomposição de carcaças de rato, e na composição e estrutura das assembléias de dípteros sarcosaprófagos associados a carcaças intoxicadas com diferentes doses do composto; ii. no processo de colonização de carcaças e suas implicações para o cálculo do intervalo pós-morte mínimo (IPMm); iii. no comportamento movimentação e mobilidade de dípteros necrófagos e suas implicações como evidências entomológicas, bem como iv. avaliar o infravermelho médio (ATR-FTIR) como alternativa para detecção da intoxicação por Terbufós em larvas provenientes de ratos intoxicados. Para isso, ratos Wistar fêmeas receberam, via gavagem, 200uL de Terbufós (5 mg/kg, 10 mg/kg ou 20 mg/kg) ou água destilada (controle) e, após 30 minutos, foram eutanasiados por deslocamento cervical e distribuídos em armadilhas suspensas para decompor em condições ambientais. A decomposição foi acompanhada diariamente, com registro fotográfico e coleta de dipterofauna visitante e colonizadora, até a fase seca. As larvas dispersantes também foram utilizadas para análise de comportamento e coleta de espectros. Os dados coletados mostraram que o Terbufós acelerou a decomposição das carcaças intoxicadas com 10 mg/kg em 24h, e alterou a composição e estrutura da dipterofauna visitante e colonizadora, e o comportamento dos imaturos intoxicados com altas doses de Terbufós. Além disso, o ATR-FTIR com análise multivariada diferenciou os grupos analisados através dos resíduos de fosforilação proteica, estiramento de fosfato e proteínas, especialmente quando o modelo GA-LDA foi utilizado. Este trabalho fortalece, a partir de uma abordagem multidisciplinar, a importância de estudos entomotoxicológicos para avaliação de evidências e pode auxiliar em processos investigativos com suspeita de intoxicação por organofosforados.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1879211 - BRUNO CAVALCANTE BELLINI
Externa à Instituição - CARINA MARA DE SOUZA - UFU
Externo à Instituição - MARGARETH MARIA DE CARVALHO QUEIROZ - FIOCRUZ
Externa ao Programa - 1715271 - RENATA ANTONACI GAMA
Externo ao Programa - 2213126 - VALTER FERREIRA DE ANDRADE NETO
Externa ao Programa - 1720860 - VANESSA DE PAULA SOARES RACHETTI
Notícia cadastrada em: 10/11/2021 08:02
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa12-producao.info.ufrn.br.sigaa12-producao