Banca de DEFESA: FELLIPE ARAÚJO ALEIXO

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FELLIPE ARAÚJO ALEIXO
DATA: 19/08/2013
HORA: 09:00
LOCAL: Sala de Reuniões do DIMAp
TÍTULO:

Uma Abordagem Anotativa para Gerência de Variabilidades em Linhas de Processos de Software


PALAVRAS-CHAVES:

reutilização de software; linhas de processo de software; gerência de variabilidades; técnicas composicionais e anotativas; linhas de produto de software.


PÁGINAS: 120
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Ciência da Computação
SUBÁREA: Metodologia e Técnicas da Computação
ESPECIALIDADE: Engenharia de Software
RESUMO:

A indústria de software se encontra, nos dias de hoje, em um cenário altamente dinâmico, o qual reflete o mundo dos negócios e a sociedade como um todo. A demanda por sistemas de software é dessa forma cada vez mais crescente, e essa visa atender a diferentes domínios. Nesse cenário, onde sistemas de software complexos precisam ser desenvolvidos com um excelente nível de qualidade e consumindo a menor quantidade de recursos; aumenta a importância da definição de processos de software. Porém, tais processos necessitam ser devidamente adaptados aos contextos específicos de cada projeto, de forma a garantir a qualidade final do produto bem como o uso eficiente dos recursos disponíveis. Para que essa adaptação dos processos de software ocorra de forma eficiente é necessário promover a reutilização de especificações de processos já existentes, bem como experiências e práticas de sucesso passadas. Este trabalho explora a adoção de técnicas de engenharia de linha de produto de software de forma a promover a gerência de variabilidades de famílias de processos de software relacionadas. Para um melhor entendimento do domínio do problema foi realizada uma revisão sistemática da literatura, a qual identificou um conjunto de de abordagens para a gerência de variabilidades em processos de software e suas principais características. Em paralelo, foi realizada a proposta de uma abordagem anotativa para a gerência de variabilidades em processos de software, bem como um estudo exploratório visando a concretização dessa abordagem e a implementação de um protótipo de ferramenta para auxiliar na aplicação da mesma. A abordagem anotativa proposta foi então avaliada e comparada com uma abordagem composicional. Tais avaliações foram conduzidas através da realização de dois estudos empíricos. No primeiro estudo empírico as abordagens foram avaliadas: (i) qualitativamente – de acordo com um conjunto de critérios de análise da especificação de suas variabilidades; e (ii) quantitativamente através da comparação de valores obtidos para métricas de modularidade, tamanho e complexidade para as especificações de uma mesma linha de processo usando as abordagens anotativa e composicionais. O segundo estudo conduzido foi um experimento controlado cujo objetivo foi comparar as abordagens anotativa e composicional quando utilizadas na modelagem de variabilidades em cenários de definição e evolução de uma linha de processos de software. Os estudos evidenciaram diversos benefícios trazidos por abordagens anotativas no contexto de linhas de processo de software e seu potencial de integração com abordagens composicionais para auxiliar na modularização de suas variabilidades.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1644456 - UIRA KULESZA
Interno - 1671962 - EDUARDO HENRIQUE DA SILVA ARANHA
Externo ao Programa - 1961108 - FERNANDO MARQUES FIGUEIRA FILHO
Externo à Instituição - CLAUDIA MARIA LIMA WERNER - UFRJ
Externo à Instituição - EDSON ALVES DE OLIVEIRA JUNIOR - UEM
Notícia cadastrada em: 06/07/2013 09:48
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2017 - UFRN - sigaa10-producao.info.ufrn.br.sigaa10-producao