Banca de QUALIFICAÇÃO: CLARISSA NESI VENZON

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: CLARISSA NESI VENZON
DATA: 06/08/2012
HORA: 09:00
LOCAL: auditorio de psicologia
TÍTULO:

CARACTERÍSTICAS PSICOLÓGICAS DO PACIENTE OBESO GRAVE E SUAS IMPLICAÇÕES PÓS-OPERATÓRIAS NA CIRURGIA BARIÁTRICA


PALAVRAS-CHAVES:

bypassgástrico; compulsão alimentar; reganho de peso;Rorschach; Millon


PÁGINAS: 65
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Psicologia
RESUMO:

A obesidade é uma doença crônica, multifatorial e com comorbidades físicas (hipertensão, apnéia do sono, diabetes, problemas articulares, etc.) e psíquicas (depressão, ansiedade, prejuízo na autoestima, etc.), já éconsiderada uma doença epidêmicapela Organização Mundial de Saúde.Tornou-se um problema de saúde pública, devido ao seu aumento crescente e aosaltos custos envolvidos no seu tratamento,tratamento que é multidisciplinar e muitas vezes ineficaz. Atualmente a cirurgia bariátrica do tipo bypassgástrico é considerada umaalternativa de tratamento nos casos de obesos com Índice de Massa Corporal (IMC) maior que 40, denominados obesos mórbidos. Embora,esta técnica obtenha resultados rápidosem relação ao emagrecimento, tem-se observado um incrementosignificativosobre o peso inicialmente perdido, a partir do décimo oitavo mês pós-cirúrgico.Entende-se por significativo um novo ganho superior a 50% da perda ponderal estimada. A frequência desta ocorrência varia na literatura entre 20% a 30% dos casos,percentagem merecedora de atenção que justifica e ampara a presente investigação. Pensamos que aspectos emocionais e estruturais da personalidade, e a forma como se dá o acompanhamento pós-operatório tenham uma relação positiva com este eventoadvindo da não adesão ao tratamento e acompanhamento pós-cirúrgico que deve ser contínuo, já que a cirurgia é apenas uma faceta do tratamento da obesidade mórbida. Estas questões nos fazem refletir sobre o porquê de algumas pessoas terem este tipo de resposta à cirurgia. Estudos indicam alta prevalência entre os pacientes obesos mórbidos de depressão atípica, caracterizada por hipersonia e hiperfagia, a presença de alterações na condutaalimentar desde episódios de compulsão alimentar simples, até a configuração do Transtorno de Compulsão Alimentar Periódica (TCAP), propriamente dito, e presença de comer noturno. Assim como há dados na literatura que sugerem uma relação positiva entre relatos de experiências traumáticas na infância e desenvolvimento de obesidade, depressão atípica, transtornos alimentares, comportamentos compulsivos e transtornos de personalidade. Com a finalidade de contemplar os aspectos citados a dissertação até então está estruturada em capítulos que abordam a caracterização da obesidade mórbida nos âmbitos físicos e psicológicos; aspectos relacionados à cirurgia bariátrica e seus resultados; avaliação psicológica pré e pós-cirúrgica na cirurgia bariátrica;contextualização do serviço de cirurgia bariátrica do HUOL, local onde os participantes da pesquisa foram submetidos à cirurgia; um capítulo sobre os instrumentos utilizados, relacionando estudos já existentes inerentes ao tema da pesquisa; capítulos descrevendo objetivos, método utilizado e cronograma.Sendo assim, o objetivo desta pesquisa é caracterizar e diferenciar distintos aspectos dofuncionamento psicológico como: autopercepção, controle dos impulsos, sintomas disfóricos, presença de compulsões, entre outros,de pacientes pós-cirúrgicos bariátrico e relacioná-los com os resultados pós-operatórios.Serão avaliados 46 pacientes oriundos do Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL), localizado em Natal, operados há mais de 2 anos. Destes, 23escolhidospor terem apresentado novo ganho significativo de pesoou não terem obtido a perda ponderal esperada,e 23 que obtiveram e mantiveram a perda de peso esperada durante este período. O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da UFRN (CEP-UFRN), sem a oficialização da anuênciapor este motivo a coleta ainda não foi iniciada. Está sendo organizado um banco de dados com os participantes em potencial, com os quais já iniciamos contato telefônico para marcação do início das entrevistas após data prevista para o fornecimento do parecer oficial do CEP. As variáveis-alvo estarão baseadas nos resultados dos seguintesmétodos e instrumentos psicológicos: O teste de Rorschach – Sistema Compreensivo Exner, o qual foi elencado para avaliar aspectos estruturais de personalidade, de capacidade perceptiva, controle dos impulsos, aspectos afetivos, autopercepção e autoimagem;o Inventário de Personalidade de Millon (MCMI-III), que visa avaliar a presença de transtornos clínicos e estilos de personalidade, a Escala de Compulsão Alimentar Periódica (ECAP)para investigar a presença decompulsão alimentar; o questionário sobre trauma na infância (QUESI) que objetiva avaliar relatos de vivências traumáticas na infância entre os participantes e por último um questionário de aspectos sociocomportamentais formulado pela pesquisadora visandocaracterizar a amostra e investigar aspectos relacionados a mudanças de hábitos alimentares, físicos e sociaise a forma de acompanhamento pós-operatório.Os resultados dos instrumentos serão tabulados e organizados em planilhas eletrônicas. Através da análise de estatística descritiva será feita aclassificação das variáveis dos protocolos do Rorschach e de critérios diagnósticos do DSM-IV encontrados nos resultados do MCMI-III. A análise de dados será feita com provas não-paramétricaspara verificar as relações estatísticas existentes entre os estilos de personalidade, presença de psicopatologia, presença de compulsão alimentar, vivências traumáticas infantis e resultados pós-cirúrgicos; Testes de diferença de médias com o U de Mann-Whitney para verificar as diferenças dos dados colhidos entre os dois grupos e Análise de variância (Kruskal-Walls)para verificar as diferenças encontradas entre as variáveis coletadas através dos diversos instrumentos. Através desta pesquisa desejamos ampliar o entendimento do paciente obeso submetido à cirurgia edosaspectos que influenciam negativa ou positivamentenos resultados da cirurgia bariátrica.Desta forma,auxiliaremos no aprimoramento das avaliações psicológicas pré-cirúrgicas e consequentemente gerando melhores resultados pós-cirúrgicos.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - MARIO SERGIO VASCONCELOS - UNESP
Externo à Instituição - NADIA MARIA RIBEIRO SALOMÃO - UFPB
Notícia cadastrada em: 02/08/2012 18:28
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2017 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao