Banca de DEFESA: SAMID DANIELLE COSTA DE OLIVEIRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: SAMID DANIELLE COSTA DE OLIVEIRA
DATA: 12/08/2011
HORA: 14:00
LOCAL: LABORATORIO
TÍTULO:

ABORDAGEM CLÍNICA DA ATIVIDADE DE TRABALHO DO COZINHEIRO: INTERAÇÃO DE SABERES, CONFORMIDADE AO GÊNERO PROFISSIONAL E INOVAÇÃO CRIATIVA.


PALAVRAS-CHAVES:

saberes escolar e extraescolar; autoconfrontação; estilização; poder de agir em contexto profissional.


PÁGINAS: 78
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Psicologia
RESUMO:

A problemática geral desta pesquisa é a exploração de atividades de trabalho desenvolvidas no contexto de ocupações profissionais caracterizadas por nível de escolaridade variável dentre aqueles que as exercem, e, ao mesmo tempo, grau de complexidade elevado no que diz respeito às tarefas típicas implicadas em tais práticas profissionais. Assim esta dissertação se propôs a investigar a atividade de trabalho do cozinheiro, a partir dos dados de determinado gênero profissional específico em Natal (RN), buscando estabelecer aspectos relacionados não somente à atividade realizada (atividade que se manifesta empiricamente em comportamentos registráveis), mas também relacionados ao real da atividade de trabalho, que abarca igualmente as opções não-realizadas de encaminhamento da atividade profissional, seja por simples escolha, seja por impedimento da atividade. Nesse contexto, buscou-se, como objetivo geral, avaliar o quanto a atividade de trabalho observada relaciona-se com as práticas de referência do gênero profissional, seja em termos de conformidade, seja em termos de inovação (estilização) em relação a este gênero, buscando verificar adicionalmente a contribuição dos saberes escolar e extraescolar para a prática profissional observada. Tal plano de trabalho comportou uma etapa preliminar de descrição do perfil socioprofissional de cozinheiro na cidade de Natal (RN), seguido de uma etapa de abordagem clínica do trabalho, utilizando especificamente como ferramenta metodológica o procedimento de autoconfrontação simples e cruzada - norteada pelo referencial teórico francófono da Clínica da Atividade. A etapa de descrição do perfil do cozinheiro de Natal (RN), da qual participaram 138 cozinheiros, evidenciou três agrupamentos de profissionais, todos predominantemente masculinos em sua composição e diferenciados entre si fundamentalmente pelo tempo de inserção profissional, tipo e tempo de escolarização, local de trabalho e faixa salarial. A etapa de abordagem clínica, composta por uma dupla de cozinheiros, permitiu verificar elementos de subordinação dos cozinheiros ao gênero profissional, mas simultaneamente evidências de inovação individual (estilização) por parte desses cozinheiros, bem como a predominância de utilização de saberes extraescolares quando comparados ao saberes escolares. Buscou-se nessa etapa demonstrar o quanto a dinâmica da inclusão e submissão ao gênero, concatenada com as iniciativas de estilização, puderam contribuir para a manutenção e ampliação do poder de agir dos cozinheiros em sua prática profissional.

 



MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - CLAUDIA OSORIO DA SILVA - UFF
Presidente - 1134517 - JORGE TARCISIO DA ROCHA FALCAO
Interno - 1759676 - PEDRO FERNANDO BENDASSOLLI
Notícia cadastrada em: 04/08/2011 09:21
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2017 - UFRN - sigaa07-producao.info.ufrn.br.sigaa07-producao