Banca de DEFESA: ALEXANDRA CAVALCANTE DE FARIAS

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ALEXANDRA CAVALCANTE DE FARIAS
DATA : 31/10/2022
HORA: 08:30
LOCAL: Sessão virtual meet.google.com/pmq-pvko-ixw
TÍTULO:
O futuro importa: uma investigação exploratória da relação entre orientação de futuro e a percepção das
mudanças climáticas

PALAVRAS-CHAVES:
Percepção das mudanças climáticas; orientação de futuro; multimétodos; solidariedade com as gerações futuras

PÁGINAS: 230
RESUMO:
As mudanças climáticas (MCs), problema humano-ambiental que tem suas consequências aprofundadas a partir da ação humana, possuem para este estudo caráter de crise e, dada sua urgência, precisam ser pensadas medidas para sua mitigação no aqui e agora, com repercussões a posteriori. A percepção das mudanças
climáticas (pMCs), como fora do nosso contexto imediato e local, pode gerar também um distanciamento com
relação à percepção de risco e urgente necessidade de compromisso com ações de mitigação. Assim, deve-se
pensar na relevância da orientação de futuro (OF) como uma variável atitudinal interna aos indivíduos, podendo
ser associada ao compromisso pró-ecológico. Dessa forma, torna-se importante identificar se, ao nos
responsabilizarmos pelas gerações ainda não nascidas, conseguimos nos implicar em ações de cuidado
ambiental ou pelo menos promover e engajar nossos discursos em prol da sustentabilidade. Ao considerar esse
contexto, este estudo pretende investigar a relação entre a percepção das mudanças climáticas e a orientação
de futuro no formato da solidariedade com as gerações futuras, visando a entender a importância da orientação
de futuro para integrar a percepção das mudanças climáticas. Os dois estudos que compuseram essa
investigação exploratória, realizados com 113 e 12 participantes respectivamente, foram organizados a partir
de duas diferentes técnicas: a produção de uma carta, (ainda que no primeiro estudo estivesse contida em um
questionário) e uma entrevista semiestruturada. A análise de conteúdo abdutiva originou eixos temáticos que
tratavam da pMCs e OF, que foram depois analisados a partir do olhar da relação entre ambos os conceitos. Os
resultados demonstraram a importância de trabalhar a perspectiva temporal quando se trata do fenômeno das
MCs, e que não só é possível estabelecer a ponte entre pMCs e OF, mas também compreender possíveis
conceitos formadores dessa relação. O olhar da solidariedade com as gerações futuras reforça sua importância
como conceito e a necessidade de considerar que o futuro importa e que são necessárias mudanças urgentes
para a garantia de um ambiente ecologicamente equilibrado.

MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 347107 - JOSE DE QUEIROZ PINHEIRO
Interna - 1149643 - GLEICE VIRGINIA MEDEIROS DE AZAMBUJA ELALI
Interna - 1196207 - RAQUEL FARIAS DINIZ
Externa à Instituição - DAYSE DA SILVA ALBUQUERQUE - UFAM
Externo à Instituição - GUSTAVO MARTINELI MASSOLA - USP
Notícia cadastrada em: 26/10/2022 14:43
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa06-producao.info.ufrn.br.sigaa06-producao