Banca de DEFESA: ANA CAROLINA MORAIS SALES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ANA CAROLINA MORAIS SALES
DATA : 06/09/2019
HORA: 14:00
LOCAL: Auditório B206 - Instituto Metrópole Digital
TÍTULO:

COTAS NO ENSINO SUPERIOR: A TRAJETÓRIA ACADÊMICA DO ALUNO COTISTA NA UFRN


PALAVRAS-CHAVES:

Políticas Públicas, Ensino Superior, Cotas.


PÁGINAS: 141
RESUMO:

O ensino superior brasileiro possui um histórico elitista. No entanto, as políticas dos últimos 20 anos têm modificado o perfil dos discentes que acessam esse nível de ensino. Entre estas, encontramos a política de cotas, que deve vir acompanhada de outras para garantia da entrada, ensino de qualidade e conclusão dos cursos. Neste sentido, este trabalho tem o objetivo de analisar a política de cotas na UFRN a partir trajetória acadêmica do aluno cotista. Como objetivos específicos, elencamos: caracterizar a implementação da lei e a entrada dos alunos cotistas na UFRN; investigar o perfil socioeconômico destes; averiguar índices de conclusão e desligamento; analisar o acesso às atividades de monitoria, pesquisa, extensão, apoio técnico e bolsas e auxílios da assistência estudantil em comparação aos alunos não cotistas; discutir os limites e possibilidades da política de cotas. Para atingi-los foi feito levantamento de dados sobre a implementação da política e dos processos seletivos dos anos de 2013 a 2015. Além disso, foram solicitados à Superintendência de Informática da UFRN dados sobre a entrada, status da matrícula, desempenho acadêmico, acesso a bolsas de monitoria, pesquisa, extensão, apoio técnico e aos auxílios oferecidos pela Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis. Tivemos acesso ainda às respostas do Cadastro Único, questionário socioeconômico respondido de forma voluntária pelos discentes, que determina a sua inclusão ou não na categoria de alunos carentes e consequente priorização no recebimento dos auxílios. Após análise dos documentos, os dados foram inseridos em banco de dados do SPSS e utilizada estatística descritiva para análise. Os resultados apontam que a trajetória acadêmica dos alunos cotistas é diferente da trajetória dos não cotistas. No entanto, não existem diferenças significativas no desempenho acadêmico dos dois grupos. Além disso, demonstram a importância das atividades e auxílios oferecidos pela instituição para o sucesso acadêmico dos discentes.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - FAUSTON NEGREIROS - UFPI
Presidente - 1205730 - ISABEL MARIA FARIAS FERNANDES DE OLIVEIRA
Interna - 1196207 - RAQUEL FARIAS DINIZ
Notícia cadastrada em: 20/08/2019 11:34
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa04-producao.info.ufrn.br.sigaa04-producao