Banca de DEFESA: LETÍCIA RABOUD MASCARENHAS DE ANDRADE

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : LETÍCIA RABOUD MASCARENHAS DE ANDRADE
DATA : 28/06/2017
HORA: 09:00
LOCAL: Laboratório de Psicologia
TÍTULO:

O PROFESSOR POLIVALENTE DOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL DA REDE MUNICIPAL DE NATAL/RN: TRABALHO, VIVÊNCIA E MEDIAÇÕES.


PALAVRAS-CHAVES:

trabalho docente; ensino fundamental;clínica da atividade; mediações; vivência


PÁGINAS: 200
RESUMO:

A democratização da educação apresenta interesses contraditórios, envolvendo mecanismos de reprodução das desigualdades e forças voltadas à transformação social.Neste cenário, a precarização do trabalho docente pode produzir adoecimento e situações de alienação que repercutem nas vivências do trabalho. A presente pesquisa enfoca o trabalho do professor “polivalente” dos anos iniciais do ensino fundamental da rede municipal de Natal (RN-Brasil) e compreende a perspectiva da clínica da atividade. Este trabalho visa à exploração e análise de elementos e percepções constitutivas do trabalho docente e seu contexto de inserção, bem como a articulação com as vivências, sua expressão e constituição. A pesquisa compreendeu uma etapa descritiva e inferencial quantitativa, envolvendo o uso de questionário sócio profissional e instrumento de avaliação das dimensões psicossociais do trabalho; e outra etapa clínico-qualitativa, baseada na técnica de Instrução ao Sósia, que permite o diálogo do trabalhador com sua prática laboral. Foi identificado um elevado percentual de professores que se sentem solitários no trabalho (30,2% da amostra) e associação desta variável à situação de risco psicossocial. Da etapa clínico-qualitativa participaram duas professoras de 1º ano da rede municipal. Observaram-se diferentes modos de relação com a atividade: uma vivência estabelecida na lógica da produção e controle da turma, revelando impedimentos da ação e sentimentos de solidão; e outra centrada na mobilização intelectual do aluno, expressandodinamismo e satisfação laboral, além de acesso a recursos de enriquecimento da ação. Aponta-se para a necessidade de criar e fortalecer coletivos de trabalho nas escolas visando ao desenvolvimento e construção de referenciais para a ação, além da mobilização política por melhores condições de trabalho. 


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - DANIELA ANJOS - USF
Presidente - 1134517 - JORGE TARCISIO DA ROCHA FALCAO
Externo ao Programa - 3475044 - PABLO DE SOUSA SEIXAS
Notícia cadastrada em: 12/06/2017 11:01
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2017 - UFRN - sigaa01-producao.info.ufrn.br.sigaa01-producao