Banca de DEFESA: LUCIANI SOARES SILVA MACEDO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LUCIANI SOARES SILVA MACEDO
DATA: 15/09/2014
HORA: 10:30
LOCAL: Sala azul
TÍTULO:

Adiamento da aposentadoria e o significado do trabalho para servidores de uma universidade federal


PALAVRAS-CHAVES:

aposentadoria; trabalho; significado; tomada de decisão.


PÁGINAS: 210
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Psicologia
RESUMO:

Diante de transformações no mundo do trabalho e mudanças sociais mais amplas, como o envelhecimento populacional e o aumento da longevidade, políticas de incentivo à continuidade do trabalho estão sendo implantadas em diversos países. Consequentemente, constata-se o prolongamento da vida laboral como uma nova direção e expectativa frente à aposentadoria. Este estudo investigou a intenção de continuar trabalhando além do tempo obrigatório de contribuição, explorando a relação dessa intenção com fatores relacionados ao significado do trabalho e aposentadoria. Especificamente, examinou que fatores relacionados ao trabalho e não-trabalho são preditores da intenção de continuar trabalhando, explorando ainda, se significados da aposentadoria se vinculam à essa decisão. A pesquisa, de corte transversal e com desenho de métodos mistos incorporado, abrangeu 283 servidores de uma universidade federal do nordeste que se encontravam próximos à aposentadoria. Envolveu a aplicação de um questionário on line, composto por questões abertas e pela escala Older Worker´s Intention to Continue Working (OWICW) de Shacklock e Brunetto (2011), que inicialmente foi submetida à adaptação transcultural. Os dados quantitativos foram submetidos a análises descritivas e multivariadas, sendo especificamente calculadas diferenças entre médias e coeficientes de regressão logística múltipla. Os dados textuais foram analisados utilizando a técnica lexicográfica de Classificação Hierárquica Descendente. Os resultados revelaram que a maioria dos participantes querem continuar no trabalho remunerado, sendo preditores dessa intenção a percepção de autonomia pessoal no trabalho, a interação interpessoal no trabalho, interesses fora do trabalho, e condições flexíveis de trabalho. Quanto à decisão de adiar a aposentadoria e permanecer na organização, são fatores preditivos a autonomia pessoal, condições flexíveis de trabalho, e o incentivo financeiro (abono de permanência). A análise textual revelou a existência de cinco padrões de significados de aposentadoria: direito do trabalhador, descanso, ficar em casa ocioso, nova etapa de vida, tempo de usufruir a vida. A decisão de adiamento está vinculada à aposentadoria como ociosidade e ausência de atividades substitutivas ao trabalho, e a decisão de parar o trabalho vinculada à aposentadoria como uma vida com mais qualidade. O estudo propicia informações que podem subsidiar políticas de gestão diante do processo de decisão trabalho-aposentadoria.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 347027 - EULALIA MARIA CHAVES MAIA
Externo à Instituição - LUCIA HELENA DE FREITAS PINHO FRANÇA - UNIVERSO
Presidente - 1759676 - PEDRO FERNANDO BENDASSOLLI
Notícia cadastrada em: 02/09/2014 10:43
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2017 - UFRN - sigaa07-producao.info.ufrn.br.sigaa07-producao