Banca de QUALIFICAÇÃO: MARCOS ANDRÉ DA SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MARCOS ANDRÉ DA SILVA
DATA : 26/03/2024
HORA: 14:00
LOCAL: https://meet.google.com/ofu-odoz-eqc
TÍTULO:

DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA NAS CIÊNCIAS AMBIENTAIS: COMO INFORMAR SOBRE POLUENTES EMERGENTES


PALAVRAS-CHAVES:

Divulgação Científica; Documentário; Descarte de Medicamentos; Poluentes Emergentes


PÁGINAS: 60
RESUMO:

A divulgação científica tem como função popularizar e democratizar informações científicas para um público amplo, por meio de uma linguagem acessível. Sendo assim, ela se materializa de diferentes formas, dentre as quais se destacam o jornalismo científico, os cursos de extensão, os programas especiais de rádio e televisão e, especialmente, os documentários. Os documentários, em especial os de divulgação científica, foram um dos primeiros recursos didáticos a entrar em sala de aula, justamente por apresentarem caráter educativo e por seus efeitos realistas. Os poluentes ou micropoluentes emergentes são um grupo de substâncias potencialmente tóxicas cujos efeitos ao ambiente ainda são pouco conhecidos. No Brasil, um dos maiores consumidores de medicamentos do mundo, a Política Nacional de Medicamentos (1998) foi instituída com o objetivo de garantir o acesso da população aos medicamentos essenciais, de qualidade, promovendo seu uso racional. Com a temática dos poluentes emergentes, vemos que no âmbito nacional, cada vez mais o documentário é utilizado como recurso e documento de análise, porém no campo das Ciências Ambientais, principalmente no ensino superior, esse recurso ainda é pouco difundido. Diante do exposto, a técnica de documentário pode ajudar na divulgação científica sobre a temática dos poluentes emergentes, em específico sobre o descarte correto e incorreto de medicamentos? Para essa questão de pesquisa, temos como hipótese que a divulgação científica e a difusão dos conhecimentos por meio de documentários pode trazer um conhecimento mais acessível sobre o descarte correto de medicamentos. O trabalho objetiva informar como as produções documentais podem atuar na divulgação dos conhecimentos acerca das ciências ambientais para contribuir com a educação ambiental de alunos das áreas das ciências ambientais, em específico os das Biociências, em consonância com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), tendo maior aderência aos objetivos 3, 4, 6, 11, 14, 15 e 17.


MEMBROS DA BANCA:
Interna - 2380571 - CIBELE SOARES PONTES
Externa à Instituição - PRISCILA FERNANDES SILVA - UFRN
Presidente - 1674709 - VIVIANE SOUZA DO AMARAL
Notícia cadastrada em: 13/03/2024 19:02
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa07-producao.info.ufrn.br.sigaa07-producao