Banca de QUALIFICAÇÃO: PALOMA KAROLINE DA SILVA BRASIL

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : PALOMA KAROLINE DA SILVA BRASIL
DATA : 05/09/2022
HORA: 09:00
LOCAL: Link de acesso para videoconferência: https://meet.google.com/njq-kxry-evm
TÍTULO:
PLANEJAMENTO DE NOVOS COMPOSTOS DA TEIXOBACTINA POR SCAFFOLD HOPPING GUIADO POR FARMACÓFORO

PALAVRAS-CHAVES:
Teixobactina; Scaffold Hopping, Pharmacophore-driven; bacterial resistance.

PÁGINAS: 46
RESUMO:
Após 25 anos sem novas descobertas de antimicrobianos, pesquisadores anunciaram a descoberta da Teixobactina, uma substância com ação antimicrobiana derivada da cultura de microrganismos isolados do solo. Este composto não apresentou resistência a alguns patógenos emergentes, sendo eficaz contra bactérias gram-positivas, bem como micobactérias, e menos eficaz para gram-negativas. A síntese da molécula de Teixobactina apresenta alguns desafios, fazendo-se assim necessário a simplificação molecular da estrutura da Teixobactina. As ferramentas virtuais são muito utilizadas pela indústria farmacêutica na descoberta de fármacos, com o intuito de reduzir custos e o tempo para chegar ao mercado. Dentre as técnicas utilizadas, o scaffold hopping é um método de análise computacional amplamente aplicado na química medicinal o qual possibilita a identificação de protótipos estruturais ativos contra alvosde interesse e permite desenvolver compostos ativos altamente específicos através da busca de compostos com estruturas diferentes, mas atividade semelhante, onde uma parte da molécula é modificada com outra (um scaffold) de um composto bioativo que também se liga ao alvo molecular. Desta forma, o objetivo deste estudo constituiu-se em construir e estudar o modo de interação da Teixobactina e utilizar esta informação para planejar análogos mais simples. A substituição da estrutura química central por outro padrão molecular foi preconizada. Realizamos uma busca de dados e estudos os quais abordassem os grupos químicos mais importantes para a molécula da Teixobactina e realizamos o docking molecular para obter os melhores complexos de interação entre o ligante e o receptor alvo. A partir dos melhores complexos, realizamos uma simulação de Dinâmica Molecular, a fim de obter o maior número de reproduções. A partir disso, definimos o esqueleto estrutural mais representativo para atividade biológica e realizamos substituições de grupos funcionais toleráveis pela molécula. Um novo docking molecular foi realizado para identificar os complexos de análogos com interações relevantes no receptor alvo. Obtivemos 17 análogos, os quais demonstraram uma boa interação com o lipídeo II comparado a molécula original da Teixobactina.

MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1571756 - ALESSANDRO KAPPEL JORDAO
Interno - 2275890 - MARCELO DE SOUSA DA SILVA
Presidente - 2432313 - RAND RANDALL MARTINS
Externo à Instituição - RICARDO OLIMPIO DE MOURA - UEPB
Notícia cadastrada em: 12/08/2022 14:43
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa18-producao.info.ufrn.br.sigaa18-producao