Banca de QUALIFICAÇÃO: RITA YANKA PEREIRA DA SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : RITA YANKA PEREIRA DA SILVA
DATA : 31/03/2022
HORA: 09:00
LOCAL: Link de acesso para videoconferência: https://meet.google.com/itn-ytxt-noj
TÍTULO:

OBTENÇÃO DE MICROPARTÍCULAS POLÍMERICAS PARA VEICULAÇÃO DEα, β-AMIRINA E AVALIAÇÃO DE SUA ATIVIDADE INIBITÓRIA ENZIMÁTICA CONTRA α-GLICOSIDASE E LIPASE PANCREÁTICA


PALAVRAS-CHAVES:

Triterpenos, α-amirina, β-amirina, micropartículas, lipase pancreática, alfa-glicosidase.


PÁGINAS: 65
RESUMO:

Triterpenóides têm despertado interesse da comunidade científica nos últimos anos devido ao uso, pela medicina popular, de complexos naturais que contém estas substâncias em sua composição. Dentre elas, encontra-se a α, β- amirina, um triterpeno pentacíclico que consiste numa mistura isomérica de compostos com esqueleto ursano e oleonano. Suas potenciais atividades farmacológicas têm sido reportadas, em especial as atividades hipoglicemiante, hipolipemiante e antioxidante, mostrando atividade e seletividade contra componentes chaves relacionados a estas desordens, como as enzimas α-glicosidase e lipase pancreática, envolvidas no processo de metabolização de carboidratos e lipídeos e que são alvos de estudos relacionados ao tratamento da diabetes mellitus, dislipidemia e doenças relacionadas, como a síndrome metabólica. Apesar de parâmetros farmacodinâmicos favoráveis, as características físico-químicas desse composto são um grande desafio para sua aplicação farmacológica, especialmente a baixa solubilidade em água, pois faz com que tenha uma baixa biodisponibilidade. Isso torna necessário o uso de estratégias para modular esse problema. O uso de micropartículas poliméricas é amplamente aplicado para o carreamento de substâncias com alta lipofilicidade. Nesse contexto, o presente estudo visa a veiculação de α, β-amirina em micropartículas poliméricas, com o objetivo de melhorar sua biodisponibilidade, na tentativa de viabilizar seu uso farmacológico sem que as características farmacodinâmicas sejam afetadas. Ensaios de inibição enzimática contra α-glicosidase e lipase pancreática foram realizados. Para a primeira foi observada atividade inibitória, mas esta pode ter sido afetada pelo aprisionamento da substância dentro das micropartículas. Para a segunda não foi observada atividade inibitória. Ensaios de solubilidade e caracterização físico-química serão realizados posteriormente e auxiliarão na interpretação dos resultados.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 3652554 - FRANCISCO CANINDE DE SOUSA JUNIOR
Interno - 6330567 - TULIO FLAVIO ACCIOLY DE LIMA E MOURA
Externa ao Programa - 1754360 - WALDENICE DE ALENCAR MORAIS LIMA
Notícia cadastrada em: 15/03/2022 21:58
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa15-producao.info.ufrn.br.sigaa15-producao