Banca de QUALIFICAÇÃO: JOSE JAILDO DA SILVA OLIVEIRA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JOSE JAILDO DA SILVA OLIVEIRA
DATA : 28/02/2020
HORA: 09:00
LOCAL: Sala 38-D, DEART
TÍTULO:

SOB A LUZ DO CINEMA: UMA EXPERIÊNCIA COM A PRODUÇÃO AUDIOVISUAL NO ENSINO DE ARTE NA ESCOLA A PARTIR DO USO DO SMARTPHONE


PALAVRAS-CHAVES:

Ensino de Arte. Audiovisual. Escola. Ensino Médio.


PÁGINAS: 40
RESUMO:

Os desafios de tornar a sala de aula um lugar atrativo aos alunos tem se
intensificado, sobretudo, nesta era da democratização da internet e dos
aparelhos de mídias digitais. Os professores, se assim desejarem ganhar a
atenção dos seus discentes na explanação dos conteúdos, precisam se
adaptar a realidade que se apresenta, propondo aulas mais dinâmicas, que
fujam do modo tradicional de ensino. A disciplina de Arte aponta vasto
potencial a ser explorado, uma vez que, esta dialoga estreitamente com as
demais disciplinas e permite a apropriação das novas mídias para uso em sala
de aula. Nesta perspectiva, busca-se responder a seguinte questão: como
podemos utilizar as novas tecnologias digitais nas aulas do componente Arte,
de modo a aproximar o conteúdo curricular do cotidiano dos alunos? Partindo
desta concepção metodológica, acreditamos que os discentes podem ter uma
aprendizagem satisfatória em Arte, se valendo das novas tecnologias que
estão a sua volta, e que, ainda são pouco exploradas pelos educadores. O
desenvolvimento deste estudo parte da experiência proposta a partir da
produção audiovisual no âmbito das aulas de Artes nos 1o anos do Ensino
Médio, da E.E.M. Prefeito Antônio Conserva Feitosa, em Juazeiro do Norte-CE.
O presente trabalho tem como objetivo analisar e refletir sobre vivencias
artísticas com o uso das TDICs (smartphones) no lócus da educação básica. O
método que embasa a pesquisa desta dissertação é a Pesquisa-Ação, a qual
norteou todo o processo necessário para a construção do conhecimento aqui
abordado. Neste tipo de pesquisa, de acordo com Thiollent (2007), pretende-se
a proposição de um estudo atrelado a uma ação ou a busca de solução para
um problema coletivo. Trata-se de uma pesquisa social de caráter empírico, na
qual investigadores e sujeitos participantes representativos da situação atuam
de modo cooperativo ou participativo na intenção de resolver uma
problemática.


MEMBROS DA BANCA:
Externa à Instituição - ADEILZA GOMES DA SILVA BEZERRA
Interna - 2292957 - ARLETE DOS SANTOS PETRY
Presidente - 1958705 - MARCILIO DE SOUZA VIEIRA
Notícia cadastrada em: 30/01/2020 15:12
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa07-producao.info.ufrn.br.sigaa07-producao