Banca de DEFESA: KARINNA SONÁLYA AIRES DA COSTA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: KARINNA SONÁLYA AIRES DA COSTA
DATA: 17/03/2016
HORA: 09:00
LOCAL: Departamento de Fisioterapia
TÍTULO:

EFEITOS IMEDIATOS DA PLATAFORMA VIBRATÓRIA NO DESEMPENHO NEUROMUSCULAR DO QUADRÍCEPS FEMORAL, APÓS RECONSTRUÇÃO DO LCA: ENSAIO CONTROLADO, RANDOMIZADO E CEGO.


PALAVRAS-CHAVES:

Torque, vibração e equilíbrio postural.


PÁGINAS: 37
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Fisioterapia e Terapia Ocupacional
RESUMO:

Objetivo: investigar os efeitos imediatos da plataforma vibratória no desempenho neuromuscular do quadríceps femoral e na oscilação postural de sujeitos submetidos à reconstrução do ligamento cruzado anterior (LCA).Materiais e métodos: trata-se de um ensaio clínico, randomizado e cego. Quarenta e quatro voluntários do gênero masculino (idade média de 27,4±6,2 anos, IMC de 26,8± 3,8 Kg/m² e tempo de pós operatório 17± 1,4 semanas) foram randomizados em 2 grupos:  plataforma OFF (n=22, protocolo sobre a plataforma vibratória desligada) e plataforma ON (n=22, protocolo sobre a plataforma vibratória ligada, numa frequência de 50 Hz e amplitude de 4 mm).  Todos os voluntários foram submetidos à avaliação do senso de posição articular do joelho (SPA), da avaliação dinamométrica do quadríceps femoral (isométrica e concêntrica a 60°/s) e da atividade eletromiográfica dos músculos VL e VM, além da oscilação do centro de pressão (baropodometria) em dois momentos distintos: antes e imediatamente após o protocolo de intervenção. Os dados foram analisados por meio dosoftware SPSS 20.0, atribuindo-se nível de significância de 5%. A estatística descritiva é apresentada pela média (medida de tendência central) e desvio padrão (medida de dispersão). Para verificar a homogeneidade dos grupos foi usada uma ANOVA one way, e para a comparação intra e intergrupos, uma ANOVA mixed modelResultados:  foram observadas diferenças entre as avaliações pré e pós para as variáveis velocidade latero lateral, pico de torque isométrico e trabalho total, na comparação intragrupos. Entretanto, não foi verificada diferença significativa na comparação intergrupos após a aplicação do protocolo, sobre a plataforma vibratória. Conclusão: o uso da plataforma vibratória não modifica de maneira imediata o desempenho do quadríceps femoral, a atividade eletromiográfica do VL e VM, bem como não interfere na oscilação do centro de pressão de indivíduos submetidos à reconstrução do LCA.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1081828 - CATARINA DE OLIVEIRA SOUSA
Presidente - 1149610 - JAMILSON SIMOES BRASILEIRO
Externo à Instituição - RINALDO ROBERTO DE JESUS GUIRRO - USP
Notícia cadastrada em: 04/03/2016 10:49
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa22-producao.info.ufrn.br.sigaa22-producao