Banca de DEFESA: BÁRBARA LOPES SCHIAVETTI GUIMARÃES PEREIRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : BÁRBARA LOPES SCHIAVETTI GUIMARÃES PEREIRA
DATA : 18/12/2020
HORA: 14:00
LOCAL: Google meet
TÍTULO:

Questões sociocientíficas sobre a mineração no  ensino de ciências:  uma proposta para educação  básica


PALAVRAS-CHAVES:

Temas controversos; formação de professores; alfabetização científica; abordagem temática; ensino de Ciências.


PÁGINAS: 201
RESUMO:

Diante das transformações políticas, culturais e sociais dos últimos anos, as crianças devem ser preparadas para desenvolver posturas de atitude consciente e responsável frente a situações que demandem posicionamentos éticos e socioambientalmente justos. O ambiente escolar é o local adequado para o desenvolvimento das habilidades necessárias à formação de cidadãos críticos e atuantes, capacitados a transformar o meio em que vivem. A conquista destas habilidades, assim como a alfabetização científica, pode ser viabilizada pelo uso de Questões Sociocientíficas (QSC) no ensino de Ciências. Nesse sentido, os objetivos desta pesquisa foram: 1) avaliar a percepção e o uso de QSC por licenciandos participantes do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte; 2) avaliar os limites e as potencialidades da sequência didática “Aspectos éticos, econômicos e socioambientais da mineração”; e 3) elaborar um material didático instrucional sobre QSC para incentivo ao professor que esteja buscando capacitação em sua prática pedagógica. Para atender ao primeiro objetivo foi aplicado um questionário contendo questões abertas e fechadas a 19 licenciandos de Biologia, 23 de Física e 25 de Química; para atender ao segundo e terceiro objetivos foi elaborada e aplicada uma sequência didática para alunos do 9º ano de uma escola estadual do município do Natal/RN. A análise de conteúdo de Bardin foi utilizada para tratar os dados obtidos. Os resultados mostram que mais de 90% dos licenciandos não haviam trabalhado com QSC; apenas quatro ao total declararam ter tido experiência com QSC; em geral, poucos tinham conhecimento sobre QSC; os temas controversos mais citados foram aborto e sexualidade; 88% das citações de QSC relacionadas ao aspecto ecológico/ambiental foram realizadas pelos licenciandos de Biologia. Quanto à sequência didática, após a realização das atividades “Observação de imagens”, “Cientista por um dia”, aula expositiva dialógica sobre mineração, “Um pouco mais sobe os lamaçais”, “Dois termos importantes”, “Efeito dominó ambiental”, “Caçando palavras estranhas”, aula expositiva dialógica sobre consequências da mineração, “Pesquise e responda”, júri simulado, contraste das hipóteses iniciais e finais e atividade avaliativa final foi observado que os alunos foram capazes de desenvolver habilidades como raciocínio lógico, senso crítico, oralidade, e   capacidade de argumentação. Além disso, a análise dos dados comparativos das hipóteses elaboradas na etapa da Problematização (hipóteses iniciais) e na etapa da Aplicação do conhecimento (hipóteses finais) para verificação da evolução no processo de alfabetização científica dos alunos de acordo com Bybee (1995) revelou que, em geral, as hipóteses iniciais receberam apenas classificações ‘nominal-2’ e ‘funcional’, ao passo que, após o desenvolvimento das atividades, foram também identificadas nas hipóteses finais as classificações ‘conceitual/procedimental’ e ‘multidimensional’. Desse modo, constatou-se que, de fato, a sequência de ensino aplicada favoreceu o processo de alfabetização científica dos alunos. Por fim, acredita-se que o manual instrucional elaborado poderá contribuir como uma ferramenta de auxílio ao professor por corresponder às expectativas condizentes a um ensino investigativo com abordagem temática de QSC, uma vez que esta demonstrou ser uma excelente estratégia no ensino de Ciências para a cidadania.    


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2218942 - IVANEIDE ALVES SOARES DA COSTA
Interna - 2420099 - IVANISE CORTEZ DE SOUSA GUIMARAES
Externa à Instituição - ANA CARLA IORIO PETROVICH
Notícia cadastrada em: 27/11/2020 11:18
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa06-producao.info.ufrn.br.sigaa06-producao