Banca de DEFESA: JAQUELINE SUENIA SILVA DE MEDEIROS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JAQUELINE SUENIA SILVA DE MEDEIROS
DATA : 24/08/2018
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do CCET
TÍTULO:

Proposta de Unidade de Ensino Potencialmente Significativa para a Abordagem dos Conceitos Envolvidos no Processo de Ensino e Aprendizagem da Eletroquímica


PALAVRAS-CHAVES:

Aprendizagem Significativa, UEPS, Ensino Médio, Eletroquímica.


PÁGINAS: 158
RESUMO:

O presente trabalho objetivou elaborar, aplicar e avaliar uma Unidade de Ensino Potencialmente Significativa – UEPS, com foco no conteúdo da Eletroquímica. A proposta utiliza como pressuposto básico aspectos da teoria da Aprendizagem Significativa e o debate inicial foi gerado em torno das ideias do funcionamento das baterias de celulares, já que os estudantes incorporaram a utilização desse dispositivo à sua rotina. No intuito de contribuir com a melhoria do processo de ensino e aprendizagem desse conteúdo, as atividades presentes na proposta contemplaram: situações-problemas, experimentos, debates, simuladores, leitura de textos, apresentações de vídeos e construção de mapas conceituais. A UEPS construída foi aplicada em duas turmas do ensino médio regular, uma do 2º Ano (20 estudantes) e outra do 3º Ano (25 estudantes), ambas na Escola Estadual José Joaquim, localizada no município de Coronel Ezequiel-RN. No primeiro momento, foram levantados os conhecimentos prévios sobre o funcionamento das baterias dos celulares e posteriormente foi possível discutir conceitos relacionados ao conteúdo da eletroquímica, tais como: ânodo, cátodo, agente oxidante, agente redutor, oxidação, redução, ponte salina, entre outros. Os dados coletados no decorrer das atividades foram analisados com base no referencial da pesquisa qualitativa. A partir da aplicação da unidade foi possível observar que os estudantes demonstraram motivação para o estudo, entusiasmo para a resolução das situações propostas e ancoragem de novos conhecimentos, situações evidenciadas a partir da participação dos estudantes no decorrer das atividades, tal como a elaboração do mapa conceitual produzidos no início e ao final da aplicação. Para fins de avaliação o mapa ajudou a identificar indícios de aprendizagem significativa e o uso de três questões semiabertas, juntamente com um questionário onde eles podiam responder quatro afirmações classificadas numa escala de máximo para a concordância e mínimo de discordância ao uso da UEPS nas aulas de química. Como resultado eles relataram que os momentos de aprendizagem foram prazerosos, pois se sentiram mais pré-disposto em participar de todas as etapas de aplicação e concordaram com o uso da UEPS para o processo de ensino e aprendizagem da eletroquímica. Ao término, evidenciou-se que a aplicação da UEPS se caracteriza como dinâmica e possibilita aos estudantes a aprendizagem de maneira progressiva a partir das diferentes atividades/estratégias desenvolvidas.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2525587 - CARLOS NECO DA SILVA JUNIOR
Externo à Instituição - FABIANA ROBERTA GONCALVES E SILVA HUSSEIN - UTFPR
Interno - 1298849 - MARCIA TEIXEIRA BARROSO
Notícia cadastrada em: 09/08/2018 18:30
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao