Banca de DEFESA: JOÃO FELICIANO DE SOUZA JÚNIOR

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JOÃO FELICIANO DE SOUZA JÚNIOR
DATA : 31/07/2018
HORA: 14:30
LOCAL: Sala de Seminário de Matemática
TÍTULO:

ENSINO DE FÍSICA A PARTIR DA RELAÇÃO ENTRE ASTRONOMIA E AMBIENTE: UM MATERIAL PARA ABORDAR AS VARIAÇÕES NO AQUECIMENTO LOCAL AO LONGO DO DIA


PALAVRAS-CHAVES:

Astronomia e Ambiente; problematização; Sol; Ensino de Física; material paradidático.


PÁGINAS: 120
RESUMO:

O ensino das Ciências da Natureza pode contribuir para as pessoas compreenderem melhor o mundo que as cerca, propiciando ao mesmo tempo uma postura mais crítica, curiosa e questionadora diante dos acontecimentos ao seu redor. Para isso, o ensino de Física, em particular, não pode se limitar à exposição de leis e teorias ou à memorização de fórmulas matemáticas, mas deve, entre outras coisas, abordar temas significativos para os alunos. Entre esses temas, ressaltamos os concernentes à Astronomia e Ambiente, em particular pelas contribuições que podem dar para uma compreensão mais ampla do comportamento e das mudanças em nosso entorno. Um ensino de Física nessa perspectiva, contudo, enfrenta desafios tais como a usual falta de formação dos professores nessa área e a falta de materiais para respaldar o trabalho docente. Visando contribuir com a superação dessas dificuldades, desenvolvemos e apresentamos aqui um material em formato digital, para apoiar professores que desejem ensinar Física aprofundando a compreensão dos alunos sobre questões ligadas ao ambiente, numa perspectiva problematizadora. Um interesse inicial em adotarmos o Sol como tema central do material e estudos com pessoas no interior do estado nos levaram a adotar como aspecto mais geral a ser problematizado a sensação usual de que o ambiente parece mais quente em diferentes horas do dia, ao nascer, meio dia e ocaso, por exemplo. Nesse sentido, as discussões presentes no material se estruturam em torno de um problema principal: Por que sentimos uma diferença no aquecimento da Terra pelo Sol ao longo do dia? O material traz a discussão de hipóteses, partindo de falas de estudantes que foram apresentados a esse problema, e utilizando a problematização e o diálogo como estratégias para envolver e incentivar os alunos a buscarem novos conhecimentos. O diálogo acontece inicialmente entre três estudantes, que após observarem o nascer do Sol, começam a se questionar sobre a variação no aquecimento e levantar hipóteses que são sistematizadas junto com a professora. São elas: a altura do Sol no céu determina o quanto ele nos aquece; e o acúmulo de energia que a Terra recebe do Sol causa a variação de temperatura ao longo do dia. A discussão dessas hipóteses permite se comunicar, no texto, com conteúdos de Física tais como: Fluxo Solar e Insolação, partindo da primeira hipótese; e as perdas e ganhos de energia da Terra, partido da segunda Após a finalização do material o submetemos à apreciação de licenciandos e professores de Física, e fizemos duas reuniões de quatro horas de trabalho com os mesmos para discutirmos as questões de Física que o material gera para os próprios professores e de que forma eles utilizariam o material em suas aulas. A partir dessas contribuições foi possível fazer algumas melhorias no material para o formato final, aqui apresentado.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 2646069 - ALEXSANDRO PEREIRA LIMA
Presidente - 2321499 - AUTA STELLA DE MEDEIROS GERMANO
Externo ao Programa - 348011 - GILVAN LUIZ BORBA
Externo à Instituição - JOSÉ RONALDO PEREIRA DA SILVA - UERN
Notícia cadastrada em: 29/06/2018 16:12
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa11-producao.info.ufrn.br.sigaa11-producao