Banca de QUALIFICAÇÃO: BRUNNA CRISLAYNE CÂMARA DA COSTA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : BRUNNA CRISLAYNE CÂMARA DA COSTA
DATA : 19/12/2017
HORA: 14:00
LOCAL: Auditório do CCET
TÍTULO:

ABORDAGEM INVESTIGATIVA E QUESTÕES SÓCIOCIENTÍFICAS COMO PROPOSTA DE ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA NO ENSINO DE BIOLOGIA  


PALAVRAS-CHAVES:

Ensino de ciências; Ensino por Investigação; Alfabetização Científica.


PÁGINAS: 113
RESUMO:

Os acelerados avanços das produções de conhecimento científico e artefatos tecnológicos atingiram nos últimos anos, uma magnitude nunca antes vista. Os impactos sociais e ambientais dessas inovações, despertaram na sociedade, preocupações acerca do futuro da humanidade e emergiram a necessidade da participação e do controle público, na criação e regulação das tecnologias, refletindo em um novo olhar sobre a intencionalidade do “para que ensinar ciências”. Partindo desse entendimento, atualmente os currículos em ensino de ciências e pesquisadores da área, sinalizam que os conteúdos difundidos em sala de aula devem proporcionar ao educando, o desenvolvimento de competências e habilidades que o permitam, apresentar um posicionamento crítico diante de uma situação, obter uma compreensão da natureza do conhecimento científico, entender o que é ciência e como ela é produzida e ter a capacidade de avaliar as produções científicas e tecnológicas que são apresentadas a sociedade. De acordo com os documentos oficiais da educação, esse cenário reflete a necessidade de preparar os indivíduos ao entendimento do mundo que os cerca para que saibam atuar nele, de maneira crítica e responsável, a partir do exercício da cidadania, uma condição possível através da alfabetização científica. Considerando esses pressupostos, a presente pesquisa pretende verificar as contribuições da metodologia do ensino por investigação atrelada à utilização de uma questão sociocientífica local da cidade de Macau/RN, como uma estratégia propulsora da alfabetização científica entre os estudantes do terceiro ano do ensino médio da Escola Estadual Professora Clara Tetéo. Nesse entendimento, realizamos uma pesquisa do tipo qualitativa, coletando os primeiros dados através da aplicação de um questionário inicial com os sujeitos da pesquisa. Estes dados foram organizados, codificados, classificados, descritos e interpretados considerando os critérios da análise do conteúdo de Bardin. Com base nos resultados iniciais, constatamos as seguintes evidencias: os alunos não conhecem o termo questão sociocientífica; vêem a falta de água na cidade de Macau/RN, como um problema enfrentado pela população; sinalizam a importância da discussão dessa questão em sala de aula para que eles tenham a oportunidade de opinar sobre a problemática e apontar soluções; possuem conhecimentos prévios sobre o conceito da dessalinização; possuem uma visão neutra da ciência e da tecnologia. Para finalizar, podemos dizer que a problemática da escassez de água na cidade de Macau/RN, se trata de um assunto que possui significado para os alunos participantes da nossa pesquisa, o que nos leva a acreditar que a aplicação da sequência didática investigativa que aborda o problema em questão, será bem aceita por parte dos mesmos, já que eles demonstraram-se interessados e motivados em falar sobre esse problema. Por último, acreditamos que as concepções neutras de ciência e tecnologia que foram apresentadas pelos alunos, revelam a necessidade de ser desenvolver, nas aulas de ciências, propostas de atividades que fomentem o processo de alfabetização científica.     


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1753033 - CARLA GIOVANA CABRAL
Externo à Instituição - GIOVANA GOMES ALBINO - IFRN
Presidente - 2218942 - IVANEIDE ALVES SOARES DA COSTA
Notícia cadastrada em: 07/12/2017 15:08
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa03-producao.info.ufrn.br.sigaa03-producao