Banca de QUALIFICAÇÃO: KALINE SOARES DE OLIVEIRA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: KALINE SOARES DE OLIVEIRA
DATA: 03/06/2015
HORA: 14:30
LOCAL: Auditório do CCET
TÍTULO:

O ensino por investigação como estratégia didática: Uma pesquisa-ação com professores de ciências

 


PALAVRAS-CHAVES:

Ensino por investigação. Formação continuada. Pesquisa-ação.

 


PÁGINAS: 140
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências
RESUMO:

Estudos e reflexões sobre as tendências atuais no ensino de ciências mostram a importância de incorporar na prática docente, atividades com uma abordagem investigativa, problematizadora, que permitam aos educandos compreender e aplicar conceitos e fenômenos científicos. Nesta perspectiva, a formação do professor é essencial para efetivar a prática dessa abordagem na sala de aula. Diante disso, a presente pesquisa tem como objetivo contribuir com a formação continuada de professores de ciências do ensino básico no uso da abordagem do ensino por investigação, visando à superação de obstáculos e a realização de mudanças na prática pedagógica. Na primeira etapa dessa pesquisa foram investigados onze professores de ciências que participaram de um curso de formação sobre o ensino por investigação no ano de 2012 através do projeto Em Busca de Novos Talentos para a Ciência: uma intervenção no ensino público, financiado pela Coordenação de Aperfeiçoamento Pessoal de Nível Superior (CAPES), ofertado pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Na segunda etapa foi realizado um grupo de estudo com três, dos onze professores iniciais, estruturado com base na metodologia da pesquisa-ação que propõe ciclos de reflexão e ação no intuito de promover mudanças no fazer pedagógico, composta por quatros fases: identificação, projetação, intervenção e a avaliação (DIONNE, 2007). Para a coleta de dados utilizou-se a aplicação de questionário, entrevistas semiestruturadas, registros escritos e a observação participante. Diante dos dados, realizou-se a análise de conteúdo com base no referencial de Bardin (2010). Os resultados mostram que ensino com uma abordagem investigativa, ainda está pouco presente na prática dos professores que participaram do primeiro curso de formação -Novos Talentos- existindo ainda concepções equivocadas sobre os fundamentos, além de dificuldades para a aplicação efetiva dessa abordagem. Em relação aos professores que participaram do grupo de estudo durante essa pesquisa evidenciou-se que com a aproximação, a partir dos estudos e da vivência, promoveu maior abertura às mudanças e consequente superação dos obstáculos para a prática do ensino por investigação. Além disso, demonstraram um novo olhar para o ensino de ciências e a compreensão de que o aprimoramento dessa estratégia didática é consequência do fazer, tanto para o professor quanto para os alunos.

 


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 338397 - ELINEI ARAUJO DE ALMEIDA
Presidente - 2218942 - IVANEIDE ALVES SOARES DA COSTA
Interno - 2420099 - IVANISE CORTEZ DE SOUSA GUIMARAES
Interno - 3321606 - MARCIA GORETTE LIMA DA SILVA
Externo ao Programa - 3321654 - RUTE ALVES DE SOUSA
Notícia cadastrada em: 25/05/2015 11:23
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao