Banca de DEFESA: ROMARIO CEZAR PEREIRA DA COSTA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ROMARIO CEZAR PEREIRA DA COSTA
DATA: 31/07/2013
HORA: 08:00
LOCAL: Sala de Aula 3F1
TÍTULO:

Caracterização dos eletrocatalisadores LaMnO3, LaFeO3, LaFe0,2Mn0,8O3 e La0,5Fe0,5MnO3 preparados por autocombustão assistida por microondas para cátodos de células a combustível do tipo SOFC.



PALAVRAS-CHAVES:

Células a combustível.Microondas. Perovskita.Eletrocatalisador.


PÁGINAS: 135
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Química
SUBÁREA: Físico-Química
ESPECIALIDADE: Eletroquímica
RESUMO:

Materiais constituídos de óxidos do tipo perovskita (ABO3) têm sido desenvolvidos no presente trabalho para aplicações em cátodos de células a combustível do tipo óxidos sólidos (SOFC). Estes materiais cerâmicos são amplamente estudados para esse tipo de aplicação porque apresentam ótimaspropriedades elétricas, condutoras e eletrocatalíticas. Os óxidosLaMnO3, LaFeO3, LaFe0,2Mn0,8O3 e La0,5Fe0,5MnO3 foramsintetizados pelo método de combustão assistida por microondas e logo após calcinados a 800°C a fim de obter as fases desejadas. Os pós obtidos foram caracterizados por termogravimetria (TG), difratometria de raios-x (DRX), fluorescência de raios-x (FRX), microscopia eletrônica de varredura (MEV) e análise voltamétrica (voltametria cíclica e curvas de polarização). Os resultados obtidos através da técnica de FRX mostraram que o método de síntese por microondas foi eficaz na obtençãode óxidos com valores de dopagens próximos ao estequiométrico.No geral, foram obtidos pós com tamanho de partículas inferiores a 0,5 µm, apresentando estrutura porosa e distribuição de partículas uniformes. As partículas se apresentaram na forma esférica, irregular e aglomerada de tamanhos variados, segundo a análise de MEV. O comportamento dos óxidos frente à estabilidade térmica foi monitorado através da termogravimetria (TG), a qual mostrou baixos valores de perdas de massa para todas as amostras, principalmente aquelas que apresentavam metais manganês em sua estrutura.Por meio da difratometria de raios-x das amostras calcinadas a 800°C foi possível observar a formação de pós com elevados valores de cristalinidade. Além disto, fases indesejáveis como La2O3 e MnOx, não foram identificadas nos difratogramas. Estas fases bloqueiam o transporte de íons oxigênio na interface eletrodo/eletrólito, comprometendo a atividade eletroquímica do sistema.A análise voltamétrica dos eletrocatalisadores LF-800, LM-800, LF2M8-800 e L5F5M-800 revelou que estes materiais são ótimos condutores, porque aumentaram a capacitância do eletrodo de trabalho de forma significativa. Melhor desempenho para a reação de redução de oxigênio foi observado com estruturas ricas em ferro, considerando que os materiais obtidos possuem características apropriadas para aplicação em cátodos de células a combustível de óxidos sólidos.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1645110 - CARLOS ALBERTO MARTINEZ HUITLE
Interno - 350633 - ADEMIR OLIVEIRA DA SILVA
Interno - 349770 - DULCE MARIA DE ARAUJO MELO
Externo ao Programa - 338292 - JOAO BOSCO LUCENA DE OLIVEIRA
Externo à Instituição - SUELY SOUZA LEAL DE CASTRO - UFBA
Notícia cadastrada em: 23/07/2013 12:06
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa26-producao.info.ufrn.br.sigaa26-producao