PPGQ/CCET PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA INSTITUTO DE QUÍMICA Telefone/Ramal: (84) 3342-2323/136 https://posgraduacao.ufrn.br/ppgq

Banca de QUALIFICAÇÃO: WILLIAM GOMES DE MORAIS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: WILLIAM GOMES DE MORAIS
DATA: 18/06/2013
HORA: 09:30
LOCAL: Auditório do CCET
TÍTULO:

Confecção e caracterização Físico-Química de filmes autossustentáveis NaAlg-TiO2-WO3.


PALAVRAS-CHAVES:

Filmes autossustentáveis, Alginato de sódio, TiO2, WO3, impedância eletroquímica.


PÁGINAS: 70
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Química
SUBÁREA: Físico-Química
ESPECIALIDADE: Eletroquímica
RESUMO:

Um novo filme autossustentável foi preparado, através do método sol-gel modificado anteriormente empregado no nosso grupo de pesquisa, utilizando como matriz polimérica o alginato de sódio, juntamente com o plastificante glicerol, dopado com dióxido de titânio (TiO2) e trióxido de tungstênio (WO3). Variando as concentrações do WO3 (20, 40, 60 e 80 µL), e mantendo constante a concentração do TiO2 (0,2 mL), foi possível estudar sua contribuição nas propriedades morfológicas e eletroquímicas destes. Os filmes autossustentáveis foram analisados através das técnicas de Espectroscopia de Infravermelho com Transformada de Fourier (FTIR), Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), Espectrometria de Energia Dispersiva de Raios X (EDS) e Espectroscopia de Impedância Eletroquímica (EIE). Através dos espectros de IV foi possível identificar que a adição do TiO2 e, posteriormente, do WO3 proporciona deslocamento das bandas características do alginato para menores valores de número de onda, indicando uma interação eletrostática dos óxidos com a matriz polimérica. As análises de MEV, juntamente com as de EDS, revelaram que os filmes autossustentáveis apresentam uma superfície sem craqueamente, diferentemente do observado para filmes compósitos TiO2-WO3 produzidos por dip-coating, e de relativa dispersão dos óxidos ao longo da matriz polimérica. Através da análise de Impedância observou-se que o aumento da concentração de WO3 até 60 µL proporcionou uma redução do comportamento resistivo dos filmes, além de uma melhora em suas propriedades condutoras.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1645110 - CARLOS ALBERTO MARTINEZ HUITLE
Interno - 1198847 - JOSE LUIS CARDOZO FONSECA
Presidente - 1149539 - MARIA GORETTE CAVALCANTE
Notícia cadastrada em: 12/06/2013 09:02
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa14-producao.info.ufrn.br.sigaa14-producao