Banca de DEFESA: MARIANA RAQUEL DE LIMA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MARIANA RAQUEL DE LIMA SILVA
DATA : 07/03/2024
HORA: 08:30
LOCAL: Auditório do CCET
TÍTULO:

Estudo da adsorção dos corantes sintéticos azul de metileno e vermelho do congo e do antibiótico tetraciclina utilizando o argilomineral haloisita


PALAVRAS-CHAVES:

Adsorção; Poluentes; Cinética de Adsorção; Equilíbrio de Adsorção


PÁGINAS: 121
RESUMO:

A haloisita (Hal) é um argilomineral com possibilidade de aplicação em diversas áreas da indústria, principalmente devido a sua morfologia tubular. A utilização desse material como adsorvente no processo de remoção de fármacos, como a tetraciclina, e para a remoção de corantes sintéticos, como o vermelho Congo (VC) e azul de metileno (AM) em meio aquoso é considerada um método eficiente, atóxico e de baixo custo. O uso da Hal para remoção de corantes e fármacos mostrou-se economicamente e ambientalmente viável para a aplicação industrial. Neste trabalho, a caracterização desse material, na sua forma natural (HAL) e após tratamento ácido (HAL-A), foi realizada a partir da aplicação das técnicas de fluorescência de raios X (FRX), difração de raios X (DRX), mic roscopia eletrônica de varredura (MEV), microscopia eletrônica de transmissão (MET), espectroscopia de infravermelho com transformada de Fourier (FTIR), análises termogravimétricas (TGA), espectroscopia de fotoelétrons excitados por raios X (XPS), e a adsorção/dessorção de N2. As análises pelo MET mostraram a formação de nanotubos de 60 a 600 nm de comprimento e a adsorção/desso rção de N2 indicou que o argilomineral é mesoporoso com área superficial de 38,10 m2.g-1 para HAL-A. A determinação da concentração dos adsorbatos foi realizado a partir de espectrofotometria de ultravioleta-visivel (UV-Vis). Diversos modelos cinéticos e de equilíbrio foram aplicados para a obtenção do mecanismo de adsorção e o ajuste dos dados experimentais ao modelo cinético de pseudo-segunda (R2  >) ordem ocorreu para todos os adsorbatos utilizados, indicando que o mecanismo para esse processo se baseia na quimissorção. A capacidade máxima de adsorção da tetraciclina calculada a partir da isoterma de equilíbrio de Langmuir (R2 = 0,9909) foi de 4,08 mg.g-1 para HAL-A, com remoção aproximadamentede 92% (Hal) e 98% (Hal-A). O adsorvente também apresentou potencial para remover os corantes VC (> 98%) e AM (> 85%) em 180 min, utilizando 0,3 g de adsorvente e concentração inicial de corante de 250 mg.L-1. O argilomineral haloisita apresentou elevada eficiência como material adsorvente para a remoção tanto dos corantes VC e AM, quanto do fármaco tetraciclina, destacando-se por ser um material natural, de baixo custo e ambientalmente amigável.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - CARLOS AUGUSTO CABRAL KRAMER - IFRN
Externo à Instituição - ENRIQUE RODRÍGUEZ CASTELLÓN - UMA
Interno - 1198847 - JOSE LUIS CARDOZO FONSECA
Externa à Instituição - LEILA MARIA AGUILERA CAMPOS - UFBA
Presidente - 1805556 - LUCIENE DA SILVA SANTOS
Externo à Instituição - LUIZ CARLOS BERTOLINO - CETEM
Notícia cadastrada em: 09/02/2024 13:34
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa14-producao.info.ufrn.br.sigaa14-producao