Banca de QUALIFICAÇÃO: RITA DE CASSIA DANTAS DA SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : RITA DE CASSIA DANTAS DA SILVA
DATA : 13/12/2023
HORA: 14:00
LOCAL: videoconferência
TÍTULO:

Otimização da síntese de nanopartículas de sílica obtidas a partir da diatomita para aplicação em sistemas de liberação modificada de fármaco.


PALAVRAS-CHAVES:

Sistemas modificados de liberação de medicamentos; diatomita; nanopartículas de sílica


PÁGINAS: 50
RESUMO:

Os sistemas modificados de liberação de medicamentos (MDDSs) são aliados valiosos na busca pela otimização de produtos farmacêuticos, seja para modular seus perfis de liberação ou aumentar sua biodisponibilidade. Neste contexto, partículas de sílica na faixa de tamanho nanométrico destacam-se como excelentes materiais para aplicações de MDDS, graças às suas interações favoráveis com fármacos fornecidos por grupos silanol. O planejamento experimental é uma ferramenta amplamente aplicada em diversas áreas científicas, e neste estudo é enfatizada sua relevância na síntese de nanopartículas de sílica como sistemas promissores de liberação de fármacos. A pesquisa detalha o processo de síntese de nanopartículas de sílica a partir de diatomita pelo método sol-gel, juntamente com a caracterização meticulosa do material por meio de técnicas analíticas como difração de raios X (DRX), fluorescência de raios X (FRX), infravermelho por transformada de  Fourier espectroscopia (FTIR), microscopia eletrônica de varredura (MEV), adsorção/dessorção de nitrogênio (N2), espalhamento dinâmico de luz (DLS) e potencial zeta. Após a otimização bem- sucedida da síntese, foram obtidas partículas na faixa de 292,5 ± 33,0 nm, com rendimento de 90% e índice de polidispersidade de 0,218 ± 0,041. O planejamento experimental possibilitou a obtenção de partículas com tamanho adequado, alta eficiência de rendimento e baixa polidispersidade. As características únicas das partículas de sílica, especialmente suas interações favoráveis com medicamentos devido aos grupos silanol, apontam para um potencial notável na modulação dos perfis de liberação de medicamentos e no aumento de sua biodisponibilidade. A incorporação destes sistemas de libertação modificada representa um avanço significativo no campo da terapêutica, permitindo abordagens mais eficazes e personalizadas no tratamento de diversas doenças e condições médicas.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1308577 - SIBELE BERENICE CASTELLA PERGHER
Externa ao Programa - 1412709 - NEDJA SUELY FERNANDES - UFRNExterna à Instituição - RAQUEL DE MELO BARBOSA - US
Notícia cadastrada em: 31/10/2023 15:18
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa09-producao.info.ufrn.br.sigaa09-producao