Banca de DEFESA: JOYCE CRISTINE ARAUJO DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JOYCE CRISTINE ARAUJO DA SILVA
DATA : 03/02/2023
HORA: 10:00
LOCAL: Auditório do CCET
TÍTULO:

Obtenção de Nanotubos de Carbono a partir do CH4 usando catalisadores a base de Ni suportados em MgAl2Osubstituídos com Fe ou Mn


PALAVRAS-CHAVES:

Catalisadores de níquel; aluminato de magnésio; espinélio; nanotubo de carbono; quitosana.


PÁGINAS: 60
RESUMO:

Este trabalho tem como objetivo desenvolver catalisadores de níquel suportados em aluminato de magnésio substituídos com Fe ou Mn, usando quitosana como agente quelante. Para isso, os materiais foram sintetizados via combustão assistida por micro-ondas substituindo parcialmente o sítio B do espinélio com Fe ou Mn, e a impregnação da fase ativa se deu por umidade incipiente. Os suportes foram submetidos a análise de difração de raios X, a fim de identificar as fases formadas e tiveram sua área específica determinada por BET e a distribuição de poros calculada pelo método BJH. Os catalisadores foram caracterizados por DRX, espectroscopia de infravermelho (FTIR), microscopia eletrônica de varredura por emissão de campo (MEV-FEG) e redução a temperatura programada (RTP). A partir do craqueamento do metano realizou-se a síntese dos nanotubos de carbono que foram avaliados por Raman. No DRX os picos em 2θ de 36,8, 44,8 e 65,8ºC e no FTIR as bandas em 472 e 682 cm-1 confirmam a formação do MgAl2O4. Os picos em 44 e 63º no  DRX foram atribuídos ao NiO, indicando que a impregnação da fase ativa ocorreu. A análise da área específica demonstrou que os suportes apresentaram área superficial entre 16-39 m2/g e volume de poro de no máximo 0,06 cm3/g. O MEV-FEG demonstrou que a morfologia dos catalisadores é modificada dependendo da dopagem empregada. O EDS demonstrou uma boa dispersão do NiO na superfície dos catalisadores. A RTP permitiu avaliar o perfil de redução dos catalisadores na qual foram percebidas fortes interações O Ni/suporte para as amostras Ni/MAQ, Ni/MAF01Q e Ni/MAF05Q. Eventos de redução na faixa de 250-500ºC foram atribuídos a redução do NiO. O Raman confirmou a obtenção de nanotubos de carbono.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 349770 - DULCE MARIA DE ARAUJO MELO
Interna - 1308577 - SIBELE BERENICE CASTELLA PERGHER
Externo ao Programa - 3304576 - RODOLFO LUIZ BEZERRA DE ARAÚJO MEDEIROS - UFRNExterno à Instituição - GILVAN PEREIRA DE FIGUEREDO - IFMA
Notícia cadastrada em: 25/01/2023 08:18
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa08-producao.info.ufrn.br.sigaa08-producao