Banca de QUALIFICAÇÃO: GLENDA CRISTINA DA SILVA LOPES

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : GLENDA CRISTINA DA SILVA LOPES
DATA : 15/09/2022
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do CCET
TÍTULO:

Síntese mecanoquímica de novos materiais zeolíticos.


PALAVRAS-CHAVES:

Mecanoquímica, Caulim, Zeólita, moinho de bolas.


PÁGINAS: 117
RESUMO:

Devido às limitações nos processos tradicionais de síntese de zeólitas, a busca por métodos novos e aprimorados continua sendo um tema de relevância acadêmica e industrial.  As técnicas de síntese sem o uso de solventes apresentam como vantagem a possibilidade de ser um processo mais sustentável, além do alto rendimento na formação do produto. Nesse caminho, a mecanoquímica tem sido uma abordagem em crescimento e permite reduzir o processo a uma única etapa. O moinho de bolas é um equipamento propício para execução da mecanoquímica. A moagem por bolas é um método simples, reprodutível e ecológico para a conversão de materiais a tamanhos nanométricos e foi reconhecida como um método eficiente para a otimização das propriedades de materiais em pó. Realizou-se o estudo e síntese de materiais zeolíticos através da moagem e as etapas incluíram: o estudo e moagem de três diferentes tipos de caulim, variando velocidade e tempo de moagem, visando aplicação como fonte de silício e alumínio na síntese da zeólita LTA; a síntese da zeólita LTA com caulim calcinado; a síntese de zeólita LTA com caulim moído variando a velocidade, tempo de moagem e o tempo de síntese; a síntese de zeólita LTA com caulim sem pré-tratamento moído juntamente com os reagentes secos, variando a velocidade, o tempo de moagem e o tempo de síntese; a síntese de zeólita LTA a partir de caulim sem pré-tratamento moído juntamente com os reagentes secos e uma alíquota de água, variando a velocidade, o tempo de moagem e o tempo de síntese. Os materiais obtidos foram analisados por difração de Raios-X, para identificação das fases. No processo de moagem, a rotação de 600 rpm por 60 minutos foi selecionada como a mais eficiente para a amorfização do caulim, dentre as condições estudas. A rotação de 400 rpm por 30 minutos foi selecionada como o parâmetro mais brando no qual variações nos caulins foram percebidas. As sínteses foram realizadas empregando os caulins moído por 30 e 60 minutos com velocidade de rotação de 400 e 600 rpm. As sínteses realizadas pela mistura de reagentes diretamente no moinho de bolas utilizaram as mesmas condições de tempo e velocidade usados nos experimentos de moagem do caulim. A condição de calcinação empregada não foi suficiente para a amorfização completa de todos os caulins estudados. O aumento da velocidade e tempo de moagem influencia a maior formação da zeólita LTA. A síntese realizada pela mistura dos reagentes secos diretamente no moinho influencia positivamente na formação da zeólita LTA, sendo essa obtida em menores condições de velocidade e tempo de moagem.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ADONAY RODRIGUES LOIOLA - UFC
Interno - 350509 - ANTONIO SOUZA DE ARAUJO
Externo à Instituição - LEONARDO LEANDRO DOS SANTOS - UP
Externa ao Programa - ***.566.270-** - LINDIANE BIESEKI - UFRN
Presidente - 1308577 - SIBELE BERENICE CASTELLA PERGHER
Notícia cadastrada em: 14/09/2022 09:36
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa21-producao.info.ufrn.br.sigaa21-producao