PPGQ/CCET PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA INSTITUTO DE QUÍMICA Telefone/Ramal: (84) 3342-2323/136 https://posgraduacao.ufrn.br/ppgq

Banca de DEFESA: GIZELY DE VASCONCELOS LEITE CAVALCANTE

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : GIZELY DE VASCONCELOS LEITE CAVALCANTE
DATA : 17/12/2019
HORA: 09:00
LOCAL: auditório do Química III
TÍTULO:

PROSPECÇÃO QUÍMICA E BIOLÓGICA DE BACTÉRIAS MARINHAS COLETADAS NO LITORAL BRASILEIRO


PALAVRAS-CHAVES:

bactérias marinhas; Streptomyces; prospecção química; citotoxicidade


PÁGINAS: 150
RESUMO:

A importância dos produtos naturais na descoberta de novos fármacos tem sido amplamente documentada, incluindo sua contribuição para o desenvolvimento dos medicamentos atuais. Os organismos marinhos, por sua vez, podem ser considerados a fonte mais recente de produtos naturais bioativos em relação a plantas terrestres e microrganismos não-marinhos. Há tempos, a medicina moderna depende de produtos naturais microbianos para tratar doenças infecciosas, câncer e outras doenças persistentes. Incluídos entre os atuais esforços na descoberta de novos fármacos originados em produtos naturais estão estudos de novas populações de bactérias, incluindo aquelas que residem no ambiente marinho. Coletivamente, estas bactérias estão produzindo uma riqueza de novas estruturas, incluindo agentes que estão avançando através de vários estágios de desenvolvimento clínico, solidificando a importância de explorar novos habitats e recursos na busca de novos metabólitos secundários bacterianos. Este trabalho relata o estudo químico e biológico realizado com bactérias marinhas gram-positivas e gram-negativas coletadas no Rio Grande do Norte, Ceará e litoral de São Paulo, com foco no isolamento de metabólitos secundários presentes em uma bactéria gram-positiva do gênero identificado como Streptomyces. Foram realizados diversos cultivos em larga escala dos microrganismos com maior atividade citotóxica, a fim de obter quantidade suficiente para a obtenção de extratos brutos que foram analisados por técnicas cromatográficas como Cromatografia Líquida de Alta Eficiência, Cromatografia de Adsorção e Cromatografia de Exclusão Molecular. O fracionamento cromatográfico do extrato acetato de etila da bactéria BRB-081 resultou no isolamento de dezoito substâncias, dentre as quais dois ácidos, denominados Ácido Fenilacético e Ácido Vanílico, sendo este último relatado pela primeira vez no gênero, uma  tiramina chamada N-metiltiramina com atividade antifúngica e antitumoral relatada e mais dois compostos inéditos na literatura. Os outros compostos isolados ainda estão em fase de elucidação. A determinação estrutural dos metabólitos secundários isolados foi realizada através das técnicas: Ressonância Magnética Nuclear de 1H e 13C, através de sequências de pulsos uni e bidimensionais, espectrometria de massas e comparação com dados da literatura. Além das substâncias isoladas, foram identificadas por CG-MS 45 substâncias da fase hexano. As análises por LC-MS proporcionaram a massa exata e o perfil de fragmentação compatíveis com a estrutura da Surugamida A e mais dois análogos, sendo um deles desconhecido, em frações clorofórmicas, esta classe química só foi descrita recentemente, oferece muito para se investigar. As substâncias isoladas, fases, frações e os extratos brutos obtidos foram submetidos a ensaios citotóxicos utilizando células de câncer de cólon humano (HCT-116). Nesses ensaios, observou-se que o extrato BRB081 foi o mais ativo dentre os extratos produzidos e que a análise das fases em hexano e clorofórmio também mostraram atividade considerada satisfatória, sendo a fase clorofórmio a mais ativa. Frações contendo surugamidas também foram submetidas aos testes e demonstraram resultados promissores. Porém, as substâncias isoladas não apresentaram citotoxicidade satisfatória, demonstrando o sinergismo entre as moléculas.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - JACQUELINE DO CARMO BARRETO - UFCG
Externa ao Programa - 2140775 - LIVIA NUNES CAVALCANTI
Interna - 1805556 - LUCIENE DA SILVA SANTOS
Presidente - 1569526 - RENATA MENDONÇA ARAUJO
Externo à Instituição - SAVIO MOITA PINHEIRO - UFPB
Notícia cadastrada em: 02/12/2019 09:42
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa27-producao.info.ufrn.br.sigaa27-producao