PPGQ/CCET PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA INSTITUTO DE QUÍMICA Telefone/Ramal: (84) 3342-2323/136 https://posgraduacao.ufrn.br/ppgq

Banca de DEFESA: RAFAEL CHAVES LIMA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : RAFAEL CHAVES LIMA
DATA : 30/01/2018
HORA: 14:00
LOCAL: Anfiteatro A do CCET
TÍTULO:

ZEÓLITA MORDENITA: UM ESTUDO SOBRE A FORMAÇÃO E O TAMANHO DOS CRISTAIS


PALAVRAS-CHAVES:

zeólita; mordenita; cristalização; tamanho de cristal; tamanho de partícula


PÁGINAS: 190
RESUMO:

Um sistema para a síntese da zeólita mordenita foi estudado, o qual possibilitou a obtenção de fase MOR sem indicação da presença de qualquer outra fase. Variações nos parâmetros de síntese foram realizadas visando o estabelecimento da relação entre o tamanho e a morfologia dos produtos de síntese com as modificações efetuadas. A temperatura de cristalização mostrou ser um fator essencial relação ao tamanho de partículas e cristalitos. A diluição do gel de síntese proporcionou a redução da agregação dos cristalitos e a variação do teor de água na síntese implicou em mudanças nas taxas de zeolitização. O teor de sódio modificou o crescimento dos cristais e o aumento de intercrescimentos e agregações de partículas. O envelhecimento não implicou em qualquer variação na formação da zeólita. A mudança na fonte de sílica incrementou a taxa de crescimento dos cristais e contribuiu para alterações no tamanho dos cristais. Cristais maiores foram obtidos a partir de sistemas com maior concentração de cátions sódio enquanto agregados de nanocristalitos e algumas nanopartículas foram sintetizadas com o abaixamento da temperatura e o uso de fonte de sílica com maior área específica. Agregados de pequenos cristalitos de mordenita pura de até cerca de 50 nm foram obtidos com sínteses realizadas a 150 °C, com menor teor de íons  e de água no gel, diluição do gel já preparado e com o uso de fontes de sílica de maior área específica (relativa a este tipo de material). Condições opostas viabilizaram o maior crescimento, gerando cristais de até 1 µm em média. Os resultados mostraram que é possível exercer algum controle sobre o tamanho de partícula e de cristalitos da zeólita mordenita através do ajuste de parâmetros inerentes ao sistema convencional de síntese.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ADONAY RODRIGUES LOIOLA - UFC
Interno - 350509 - ANTONIO SOUZA DE ARAUJO
Externo à Instituição - HELOISE DE OLIVEIRA PASTORE - UNICAMP
Presidente - 1308577 - SIBELE BERENICE CASTELLA PERGHER
Notícia cadastrada em: 19/12/2017 15:31
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa08-producao.info.ufrn.br.sigaa08-producao