PPGQ/CCET PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA INSTITUTO DE QUÍMICA Telefone/Ramal: (84) 3342-2323/136 https://posgraduacao.ufrn.br/ppgq

Banca de DEFESA: FRANCIEL AURELIANO BEZERRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FRANCIEL AURELIANO BEZERRA
DATA: 20/01/2014
HORA: 09:30
LOCAL: Sala de Treinamento do NUP-ER-1º Andar
TÍTULO:

Estudo comparativo entre a pirólise de polietileno de baixa densidade, utilizando vermiculita modificada e SBA-15.


PALAVRAS-CHAVES:

Vermiculita. Pirólise. PEBD. SBA-15.


PÁGINAS: 95
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Química
SUBÁREA: Química Inorgânica
ESPECIALIDADE: Físico Química Inorgânica
RESUMO:

Os processos catalíticos estão largamente presentes no cotidiano. Isso resulta no grande número de pesquisas buscando materiais que possam aliar baixo custo à eficiência catalítica. Partindo desse pressuposto, as argilas têm sido muito utilizadas como catalisadores, sendo sua enorme disponibilidade, diversidade e possibilidade de melhoria de suas propriedades, a partir de modificações estruturais, os principais responsáveis por esse grande uso. Entre as argilas naturais, a vermiculita devido às suas propriedades características (alta capacidade de troca catiônica e de inchaço), é apta para diversas aplicações, entre elas, como suportes catalíticos e catalisadores. Neste trabalho, foi realizada a lixiviação ácida da argila vermiculita, oriunda de Santa Luzia-PB, com ácido nítrico (2, 3 e 4 mol/L) e posterior calcinação dos materiais obtidos. Os materiais foram nomeados como Vx/400, onde x corresponde à concentração ácida empregada e 400 à temperatura usada na calcinação. A eficiência das modificações realizadas foi determinada pelas técnicas de DRX, FT-IR, EDS, TG, fisissorção de nitrogênio e DTP de n-butilamina. A lixiviação ácida melhorou algumas propriedades da argila – área específica e acidez –, porém o controle da concentração ácida empregada é de vital importância, visto que a maior concentração provocou a destruição parcial da vermiculita, acarretando em um decréscimo das suas propriedades. Para análise da atividade catalítica das argilas modificadas fez-se um estudo comparativo com o material mesoporoso SBA-15, sintetizado via método hidrotérmico, empregando-os na pirólise de polietileno de baixa densidade (PEBD). Os resultados mostraram que a acidez exerce papel fundamental na conversão do polímero em moléculas menores; o material V3/400 foi o mais seletivo para o monômero de origem (eteno), devido à sua maior acidez, que promove mais quebras na cadeia polimérica; enquanto os materiais V0/400 e V2/400, de menor acidez, apresentaram maior seletividade para hidrocarbonetos leves, da faixa dos combustíveis (41,96 e 41,23%, respectivamente), em virtude de menos quebras e reações secundárias de condensação nas cadeias; já V4/400 e SBA-15/550 resultaram nos menores percentuais de hidrocarbonetos leves, sendo a destruição parcial da estrutura e baixa acidez, respectivamente, responsáveis pela ineficiência dos materiais.

 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1558610 - ANA PAULA DE MELO ALVES GUEDES
Interno - 350509 - ANTONIO SOUZA DE ARAUJO
Externo à Instituição - EDJANE FABIULA BURITI DA SILVA - Estácio
Interno - 1412709 - NEDJA SUELY FERNANDES
Notícia cadastrada em: 07/01/2014 16:24
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa15-producao.info.ufrn.br.sigaa15-producao