Banca de QUALIFICAÇÃO: VALDIC LUIZ DA SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: VALDIC LUIZ DA SILVA
DATA: 07/01/2014
HORA: 08:30
LOCAL: Sala de Aula 3F1
TÍTULO:

Aproveitamento Sustentável da Biomassa do Bagaço da Cana de Açúcar


PALAVRAS-CHAVES:

Bagaço de cana-de-açúcar (BCA), Pré-tratamento, Celulose, Bioprodutos.


PÁGINAS: 90
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Química
SUBÁREA: Química Orgânica
ESPECIALIDADE: Química dos Produtos Naturais
RESUMO:

Dentre os resíduos agroindustriais, a biomassa do bagaço de cana de açúcar, (BCA), se destaca como uma fonte renovável para a produção de energia elétrica, biocombustíveis e bioprodutos de alto valor agregado. Neste estudo, foram efetuadas otimizações do pré-tratamento ácido e polpação soda/antraquinona do BCA, buscando o aproveitamento e a modificação da celulose através da sua derivatização em meio homogêneo.Neste trabalho, foram estudadosdiferentes processos de pré-tratamentos ácidos, em replicatas, onde foi utilizado o ácido sulfúrico, H2SO4, nas concentrações 1,45 %(v/v) e 2,15 %(v/v),ambas a 120 ºC por 45 min e 60 min. A eficiência quanto à remoção de hemicelulose e preservação da estrutura celulósica foi maior com H2SO4, 1,45% (v/v) em60 min.Os resultados com testes realizados com ácido sulfúrico (H2SO4) e ácido fosfórico (H3PO4), ambos nas concentrações 0,75% (v/v), 1,45% (v/v) e 2,15% (v/v), temperatura de 120ºC por 60 minutos mostraram que H2SO4 0,75% (v/v), foi mais eficiente na solubilização da hemicelulose e preservação da estrutura.A avaliação da eficiência do pré-tratamento ocorreu através das técnicas de análise gravimétrica,espectroscopia de Infravermelho(FTIR) e análise térmica (TG, DTG e DSC). A polpação soda/antraquinona do BCA foi realizada com solução aquosa de NaOH e antraquinona na razão solução/BCA de 13:1 (v/m), a temperatura de 160ºC  em intervalos de 30 min, 60 min e 90 min. Após a polpação e separação das frações lignina e celulose foi realizada a derivatização química da  celulose obtida do BCA. Posteriormente, as frações lignina e celulose, e o bioproduto da celulose sintetizado neste trabalho, foram quantificados por técnicas de análise gravimétrica, e caracterizados por técnicas de Difração de raios-X (DRX), Espectroscopia de Infravermelho (FTIR), Análises Térmicas (TG, DTG e DSC) e Microscopia Eletrônica de Varredura(MEV).

 


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 350633 - ADEMIR OLIVEIRA DA SILVA
Externo ao Programa - 2313421 - CARLOS ROBERTO OLIVEIRA SOUTO
Presidente - 1805556 - LUCIENE DA SILVA SANTOS
Notícia cadastrada em: 23/12/2013 13:41
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa22-producao.info.ufrn.br.sigaa22-producao