Banca de QUALIFICAÇÃO: GILBERTO MELCHIORS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.

DISCENTE: GILBERTO MELCHIORS

DATA: 30/12/2010

LOCAL: Laboratório de Materiais Cerâmicos e Metais Especiais

TÍTULO:

CARACTERIZAÇÃO DE COMPÓSITOS Nb-20%Cu OBTIDOS POR MOAGEM DE ALTA ENERGIA E SINTERIZADOS POR FASE LÍQUIDA


PALAVRAS-CHAVES:

Compósitos Nb-Cu, Moagem de Alta Energia, Sinterização por Fase Líquida


PÁGINAS: 82

GRANDE ÁREA: Engenharias

ÁREA: Engenharia de Materiais e Metalúrgica

SUBÁREA: Metalurgia de Transformação

ESPECIALIDADE: Metalurgia de Pó

RESUMO:

Neste trabalho, foi estudada a formação de uma liga compósita do metal refratário nióbio com o cobre, através do processo de moagem de alta energia e sinterização por fase líquida. A MAE pode ser usada para sintetizar pós compósitos com alta homogeneidade e fina distribuição de tamanho de partículas. A MAE também pode produzir a solubilidade em sistemas imiscíveis como o Nb-Cu, ou, estender a solubilidade de sistemas com limitada solubilidade. Portanto, no sistema imiscível Nb-Cu, a moagem de alta energia foi utilizada com sucesso para a obtenção das partículas do pó compósito. Inicialmente a formação das partículas compósitas durante a MAE e o efeito dessa técnica de preparação na microestrutura do material foi avaliada. Quatro cargas de pós de Nb e Cu contendo 20% em massa de Cu foram sintetizados por MAE em um moinho de bolas tipo planetário, sob diferentes períodos de moagem. A influência do tempo de moagem nas partículas metálicas é avaliada no decorrer do processo, através da retirada de amostras em tempos parciais da moagem. Após a compactação sob diferentes forças, as amostras foram sinterizadas em um forno à vácuo. A sinterização por fase líquida destas amostras preparadas por MAE produziu uma estrutura homogênea e com granulação refinada. As partículas compósitas que formam as amostras sinterizadas, são a junção de uma fase dura (Nb), com alto ponto de fusão, e uma fase dúctil (Cu), de baixo ponto de fusão e de elevadas condutividades térmica e elétrica. Com base nestas propriedades, o sistema Nb-Cu é um material em potencial para inúmeras aplicações, como contatos elétricos, eletrodos de solda, bobinas para geração de altos campos magnéticos, dissipadores de calor e absorvedores de microondas, que são acoplados a dispositivos eletrônicos. As técnicas de caracterização utilizadas neste estudo, foram a granulometria à laser para avaliar as dimensões e homogeneidade no tamanho das partículas, e a difração de raios-X, na identificação das fases e análise da estrutura cristalina dos pós durante a moagem. Já a morfologia e a dispersão das fases nas partículas do pó compósito, assim como as microestruturas das amostras sinterizadas, foram observadas através de microscopia eletrônica de varredura (MEV). Posteriormente, as amostras sinterizadas foram avaliadas quanto à densidade e densificação. E, finalmente, foram caracterizadas através de técnicas de medição da condutividade elétrica e microdureza Vickers, cujas propriedades são analisadas em função dos parâmetros de obtenção da liga compósita.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ARIADNE DE SOUZA SILVA - UFRN
Externo ao Programa - 2613355 - FRANCINE ALVES DA COSTA
Presidente - 345842 - UILAME UMBELINO GOMES
Notícia cadastrada em: 03/03/2011 13:40
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa21-producao.info.ufrn.br.sigaa21-producao