Banca de QUALIFICAÇÃO: ARIKLÊNIO ALVES DA SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ARIKLÊNIO ALVES DA SILVA
DATA : 30/09/2019
HORA: 14:30
LOCAL: Auditório do NUPPRAR
TÍTULO:

Transportadores sólidos de oxigênio à base de ferro e níquel para aplicação no processo de reforma do metano com recirculação química


PALAVRAS-CHAVES:

Gases de efeito estufa. CLR, Metano, Ferro, Níquel.


PÁGINAS: 87
RESUMO:

Desde o advento da industrialização, a demanda energética global tem crescido consideravelmente devido à modernização industrial e tecnológica, bem como o crescimento populacional. Com isso, as emissões antropogênicas de gases de efeito estufa provenientes da queima de combustíveis fósseis têm tomado grandes proporções. Dentre os combustíveis fósseis, metano e dióxido de carbono são os maiores contribuintes para o aumento da temperatura global. Dessa forma, processos de produção de energia que liberem menores quantidades desses gases na atmosfera vêm sendo o alvo de estudos nos últimos anos. Dentre esses processos, a reforma do metano com recirculação química (do inglês Chemical Looping Reforming – CLR) tem ganhado atenção, pois, através desse processo, o metano é convertido em gás de síntese, uma mistura de monóxido de carbono e hidrogênio, sem a liberação de CO2. Além do mais, o hidrogênio é uma fonte energética que possui combustão limpa, ou seja, não libera poluentes na atmosfera, uma vez que a sua queima resulta em apenas água e calor. A eficiência do processo CLR reside no desenvolvimento de um eficiente transportador sólido de oxigênio, o qual é um material constituído por óxidos metálicos e que promove a conversão do combustível em seus produtos de reação. Tendo isso em vista, essa dissertação de mestrado tem o objetivo de sintetizar e caracterizar transportadores sólidos de oxigênio à base de ferro e níquel suportados em aluminato de cálcio e avaliar os mais promissores para serem aplicados em processos CLR. O suporte aluminato de cálcio foi sintetizado a partir da casca de ovo de galinha, um resíduo que é fonte de cálcio; em seguida, ferro e níquel foram impregnados nesse suporte através da técnica de impregnação a quente via umidade incipiente, de forma a se obter 4 transportadores de oxigênio: um somente com ferro, um somente com níquel e dois contendo ferro e níquel em diferentes proporções. Os transportadores de oxigênio foram caracterizados pelas técnicas de difração de raios X (DRX), fluorescência de raios X (FRX), redução à temperatura programada (TPR), microscopia eletrônica de varredura (MEV) e reatividade por termogravimetria. Através dos resultados de DRX foram identificadas as fases CaFe2O4 e FeAl2O4 como as mais reativas para os transportadores de ferro e a fase NiO para os transportadores contendo níquel. Adicionalmente, foi constatado, a partir do MEV, que os transportadores de oxigênio apresentaram boa dispersão das fases ativas na superfície do suporte e não foram encontrados sinais aparentes de sinterização. A partir dos testes de reatividade por termogravimetria foi observado que os transportadores apresentaram a capacidade de redução e oxidação em sucessivos ciclos químicos utilizando metano, sendo possível obter um mínimo de 90% de conversão de sólidos em intervalos de tempo menores que 1 minuto. Os materiais avaliados se mostraram promissores para aplicação em processos de CLR, principalmente aqueles contendo ferro e níquel em diferentes proporções em sua composição.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 349770 - DULCE MARIA DE ARAUJO MELO
Externa à Instituição - ELANIA MARIA FERNANDES SILVA - UFRN
Externo à Instituição - RODOLFO LUIZ BEZERRA DE ARAÚJO MEDEIROS - UFRN
Notícia cadastrada em: 13/09/2019 08:31
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa16-producao.info.ufrn.br.sigaa16-producao