Banca de QUALIFICAÇÃO: LIVIA CRISTINA DE OLIVEIRA FELIPE

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LIVIA CRISTINA DE OLIVEIRA FELIPE
DATA: 16/05/2014
HORA: 14:00
LOCAL: sala de reuniões DEMAT
TÍTULO:

SÍNTESE DE LSCF PELO MÉTODO SOL-GEL PARA DEPOSIÇÃO EM SUBSTRATO ZrO2-8%Y2O3POR SPIN-COATING PARA APLICAÇÃO EM CÉLULAS A COMBUSTÍVEL DE ÓXIDO SÓLIDO


PALAVRAS-CHAVES:

LSCF, sol-gel, catodo, eletrólito, célula a combustível de óxido sólido.


PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia de Materiais e Metalúrgica
RESUMO:

Células a combustível parecem ser hoje uma das soluções mais eficientes e eficazespara os problemas ambientais. Sãodispositivos que convertem eletroquimicamente energia química em eletricidade. A célula a combustível consiste em dois eletrodos(anodo e catodo) que envolvem um eletrólito.Perovskitas a base de LSCF tem sido largamente estudadas para aplicação como catodos de células a combustível de óxido sólido por possuírem algumas vantagens como alta estabilidade química e térmica, baixa diferença no coeficiente de expansão térmica e compatibilidade físico-química com os outros componentes da célula e alta condutividade elétrica. O objetivo desse trabalho foi produzir meia célula a combustível, catodo/eletrólito, sintetizando perovskitas do tipo LSCF pelo método sol-gel, depositando-as na forma de filmes finos em substrato ZrO2 - 8%Y2O3 pela técnica de spin-coating, avaliando as condições de deposição, tais como, velocidade de deposição, número de camadas, aderência do filme ao substrato. Os pós de LSCF como obtidos, foram calcinados a 500, 700, 900 e 1100ºC/2h e caracterizados por difratometria de raios X (DRX), microscopia eletrônica de varredura com canhão de elétrons por emissão de campo (FEG-MEV) e análise térmica (TG-DSC). As pastilhas de ZrO2 - 8%Y2O3 foram sintetizadas a 1400, 1500 e 1600ºC/6h, e caracterizadas por difração de raios X (DRX) e densidade de Arquimedes. Os resultados obtidos indicam que o método sol-gel é adequado para a preparação de particulados de LSCF com potencial aplicação como catodo em células a combustível de óxido sólido. Os pós de LSCF apresentaram redução das fases secundárias, à medida que aumenta a temperatura de calcinação, porém o aumento excessivo da temperatura favoreceu a formação de fases secundárias, evidenciado por difratometria de raios-X.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1883170 - MAURICIO ROBERTO BOMIO DELMONTE
Interno - 1350249 - RUBENS MARIBONDO DO NASCIMENTO
Externo à Instituição - VINÍCIUS DANTAS DE ARAÚJO - UFRN
Notícia cadastrada em: 14/05/2014 10:15
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa16-producao.info.ufrn.br.sigaa16-producao