Banca de DEFESA: EDUARDO RAIMUNDO DIAS NUNES

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: EDUARDO RAIMUNDO DIAS NUNES
DATA: 10/02/2014
HORA: 10:00
LOCAL: Auditório do NUPPRAR.
TÍTULO:
Influência da vermiculita expandida na formulação de pastas leves para evitar a migração de gás em cimentação de poços petrolíferos

PALAVRAS-CHAVES:

vermiculita, cimento Portland, migração de gás.


PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia de Materiais e Metalúrgica
RESUMO:
A vermiculita é um silicato hidratado de magnésio, alumínio e ferro que apresenta uma estrutura micáceo-lamelar com clivagem basal. O processo utilizado no beneficiamento da vermiculita é simples, constituído por etapas de moagem, separação por peneiras e classificação pneumática. Por apresentar a propriedade de esfoliação, a vermiculita é comercializada na forma crua beneficiada e o processo de expansão ocorre nos locais próximos às industrias fabricantes dos produtos manufaturados. Em seu estado natural, a vermiculita tem poucas aplicações. Entretanto, depois que é expandida, ela se torna um material de baixa densidade com excelentes propriedades para isolamento térmico e acústico. Essas propriedades fazem a vermiculita expandida um produto com larga aplicação, especialmente nas engenharias civil e naval e para uso industrial em geral. O aglomerante hidráulico mais utilizado para cimentação de poços é o cimento Portland. As excepcionais qualidades desse material possibilitaram ao homem moderno promover mudanças expressivas em obras de engenharia, como por exemplo, em cimentação de poços de petróleo. As pastas de cimento são muito utilizadas em operações de cimentação de poços de petróleo. O processo de assentamento de pastas de cimento em poços de petróleo é bastante complexo, pois tem interferência de muitos parâmetros: retração, temperatura, pressão, permeabilidade da pasta, propriedades da formação, dentre outros. A ocorrência de migração de gás após a cimentação de poços pode levar desde consequências brandas, como a ocorrência de uma pressão residual na cabeça do poço, até mais severas, como a erupção do poço. A migração de gás é um processo complexo, influenciado por uma série de fatores: controle da massa específica dos fluidos, remoção do fluido de perfuração, propriedades da pasta de cimento, hidratação do cimento e aderência entre cimento, revestimento e formação. Com a finalidade de evitar a migração de gás o presente trabalho utilizou a concentração 8% de vermiculita expandida mícron na pasta de cimento, ajustou os aditivos e realizou ensaios para verificar se evitaria a migração de gás. Os ensaios realizados mostram que a pasta formulada com vermiculita expandida mícron atendem as especificações para evitar a migração de gás.

MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - CARINA GABRIELA DE MELO E MELO BARBOSA - UFPB
Interno - 1802888 - FABIANA VILLELA DA MOTTA
Externo à Instituição - JOANA MARIA DE FARIAS BARROS - UFCG
Externo ao Programa - 1804366 - JULIO CEZAR DE OLIVEIRA FREITAS
Presidente - 347420 - MARCUS ANTONIO DE FREITAS MELO
Notícia cadastrada em: 31/01/2014 21:26
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa02-producao.info.ufrn.br.sigaa02-producao