Banca de QUALIFICAÇÃO: YGOR FELIPE PINTO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : YGOR FELIPE PINTO
DATA : 26/09/2016
HORA: 08:00
LOCAL: Auditório A cclha
TÍTULO:

A EXPRESSÃO DA MEMÓRIA DO AUTOR NO CINEMA DOCUMENTARIO: UMA ANÁLISE SOBRE O FILME UTOPIA E BARBÁRIE DE SILVIO TENDLER. 


PALAVRAS-CHAVES:

Cinema; Documentário; Memória.


PÁGINAS: 50
RESUMO:

O presente trabalho tem por objetivo refletir sobre a representação das memórias do autor no cinema documentário de arquivo, através do estudo de caso de Utopia e Barbárie (2009) de Silvio Tendler. Buscando compreender como esse cineasta utiliza a linguagem cinematográfica para representar a suas memórias, consequentemente sua identidade. Nossa pesquisa procura discutir essa narrativa por meio das noções de documentário elaboradas por Bill Nichols (2005) e Guy Gaultier (2011), aborda memória coletiva sob a luz dos conceitos de Maurice Halbawchs (1950), e a questão da narrativa do passado em primeira pessoa, em Beatriz Sarlo (2005). Adotamos um método de estudo de caso baseado em uma leitura profunda da narrativa do filme, refletindo sobre suas escolhas e padrões narrativos, confrontando-os com dados biográficos do diretor, obtidos por meio de uma pesquisa bibliográfica e uma entrevista semiestruturada. Os filmes de arquivo, em especial os documentários de Silvio Tendler e outros cineastas da sua geração, que tem um importante papel na discussão sobre o passado, uma vez que sua matéria prima são os arquivos, o depoimento testemunhas e um comentário em voz over, que pretendem dar sentido a uma narrativa memorialística de cunho politico militante. 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1645961 - ALLYSON CARVALHO DE ARAUJO
Interno - 1640014 - MARIA ANGELA PAVAN
Externo ao Programa - 1149572 - LISABETE CORADINI
Notícia cadastrada em: 26/09/2016 10:03
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa26-producao.info.ufrn.br.sigaa26-producao