Banca de DEFESA: MAYARA FERREIRA DE FARIAS

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MAYARA FERREIRA DE FARIAS
DATA : 04/03/2022
HORA: 14:00
LOCAL: https://meet.google.com/cwx-strj-cuo
TÍTULO:

TURISMO, BENCHMARKING E STORYTELLING: UM ESTUDO SOBRE CAPACIDADES PARA GESTÃO DO TURISMO NAS COMUNIDADES QUILOMBOLAS "NEGROS DO RIACHO" E "BOA VISTA DOS NEGROS" NO SERIDÓ POTIGUAR



PALAVRAS-CHAVES:

Turismo de Base Comunitária; Seridó Potiguar; BenchmarkingStorytelling.


PÁGINAS: 199
RESUMO:

Como alternativa de implementação da atividade turística que valorize as pessoas, sua história e cultura, bem como que tenha sido pensado para promover melhoria da qualidade de vida e desenvolvimento responsável, o Turismo de Base Comunitária tornou-se objeto de estudo da pesquisa em tela. Cabe mencionar, nesta perspectiva, que optou-se por utilizar a storytelling por se tratar da “arte de contar histórias inesquecíveis”, a qual permitiria compreender sobre a história e vivências a partir da percepção dos quilombolas de cada comunidade estudada. A Benchmarking, por sua vez, foi escolhida por ser considerada uma ferramenta de busca pelas melhores práticas de gestão de uma atividade ou entidade que seja usada como modelo para implementação semelhante, adaptando para a realidade de cada local. Considerando o recorte temporal, cabe destacar que a pesquisa de campo foi feita nos anos de 2018 e 2019, além de terem sido realizadas entrevistas de forma remota (online) no ano de 2020. É pertinente enfatizar, ainda, que foram escolhidas 2 (duas) comunidades quilombolas da Região Seridó por serem as mais conhecidas e representativas, quais tenham sido: Comunidade Quilombola Negros do Riacho (Currais Novos/RN) e a Comunidade Quilombola Boa Vista dos Negros (Parelhas/RN). Diante disso, o objetivo geral desta tese foi: estudar sobre capacidades para gestão do turismo nas comunidades quilombolas "Negros do Riacho" (Currais Novos/RN) e "Boa Vista dos Negros" (Parelhas/RN). Tratou-se, pois, de uma pesquisa com abordagem qualitativa, com caráter descritivo e exploratório. Para tal, foram escolhidas técnicas de coleta para cada objetivo específico elencado, quais tenham sido: pesquisa documental, pesquisa bibliográfica, entrevista, Discurso do Sujeito Coletivo (DSC), observação participante, Diagnóstico Rápido Participativo (DRP) e, de maneira mais significativa, a storytelling e a benchmarking. Como técnicas de análise, foram usadas a análise de conteúdo e a análise do discurso. Como principais resultados, podemos destacar que as peculiaridades socioculturais, as vivências e o patrimônio (material e imaterial) tornam as comunidades quilombolas em espaços propícios para uma gestão compartilhada e para o desenvolvimento do Turismo de Base Comunitária no Seridó Potiguar. Além disso, constatou-se que é possível utilizar modelos (benchmarking) de implementação de atividades de Turismo de Base Local com ênfase no que foi realizado na cidade do Conde/PB, com destaque para a Comunidade Quilombola Ipiranga e Sítio Tambaba Camping (Assentamento Tambaba no Povoado Gurugi), realidades que podem refletir para a elaboração e direcionamento de estratégias de desenvolvimento e gestão do turismo em outras comunidades tradicionais da Região Seridó e do estado do Rio Grande do Norte. Ao final, pode-se concluir que a storytelling e a benchmarking são alternativas possíveis para serem aplicadas à gestão compartilhada do turismo através do Turismo de Base Comunitária no Seridó Potiguar.


MEMBROS DA BANCA:
Externa à Instituição - SHEYLLA DE KASSIA SILVA GALVÃO - UFCG
Externo à Instituição - ALMIR FELIX BATISTA DE OLIVEIRA - PUC - SP
Externo ao Programa - 2432663 - HELDER ALEXANDRE MEDEIROS DE MACEDO
Externo à Instituição - JEAN HENRIQUE COSTA - UERN
Presidente - 1675246 - LISSA VALERIA FERNANDES FERREIRA
Externa à Instituição - VIVIANE COSTA FONSECA DE ALMEIDA MEDEIROS - IFRN
Notícia cadastrada em: 17/02/2022 14:31
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa12-producao.info.ufrn.br.sigaa12-producao