Banca de DEFESA: IVANA GUEDES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: IVANA GUEDES
DATA: 31/08/2015
HORA: 14:00
LOCAL: Sala B2 - Setor V
TÍTULO:

OS VALORES AXIOLÓGICOS DO E NO TURISMO: UMA ABORDAGEM FENOMENOLÓGICA HERMENÊUTICA


PALAVRAS-CHAVES:

Turismo. Valores. Axiologia. Fenomenologia. Fenomenologia Hermenêutica


PÁGINAS: 156
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Turismo
RESUMO:

O estudo apresenta uma proposta que gira em torno da compreensão dos possíveis valores do e no turismo como uma prática concebida em um ser-aí no e com o mundo do e no turismo. Ao considerarmos que o valor é objeto da Axiologia, é visto, com isto, como o preditor da conduta do ente humano, refletindo esses valores mesmos no fenômeno. O objetivo foi compreender quais valores axiológicos seus praticantes escolhem para a prática do turismo e os elos sentimentais aos valores identificados. De natureza exploratória e abordagem fenomenológica hermenêutica, no intuito de compreender o modo-de-ser  valorativo do ser-aí no turismo, dez entrevistas episódicas foram realizadas adotando a conduta simpatizante para captação dos sentimentos intencionais de Max Schele e analisadas à luz da fenomenologia hermenêutica de Martin Heidegger. Com uma série de narrativas, perguntas-chave e outras perguntas durante o encontro social com cada ser-aí entrevistado, proporcionaram a triangulação e confiabilidade dos resultados obtidos. O desvelamento dos valores se deu a partir da situação hermenêutica do ser-aí do turismo, constituída pela posição-prévia, visão-prévia e concepção-prévia. Os resultados mostraram que, em duas grandes categorias que emergiram: Aprendizado no e com Turismo e Vivências no Turismo, os valores positivos: histórico-cultural, autoconhecimento, gastronomia, memória, solidariedade, paz, hospitalidade, intercâmbio sociocultural e receptividade, sobressaem aos valores negativos: falta de hospitalidade, comercialização e consumo de produtos, serviços e souvenires e desrespeito pela diversidade sociocultural. Em relação aos sentimentos intencionais que se direcionam aos valores positivos, foram identificados: amor, felicidade, prazer, respeito e confiança, ao passo que os sentimentos negativos são vivenciados de maneira a transformá-los em experiências de aprendizado para si e para sua circunvisão de mundo em sua cotidianidade. O estudo também mostrou que, com um olhar fenomenológico,  é possível o acesso à totalidade das experiências valorativas e valores, sem julgá-los de forma arbitrária, ou a partir de conceitos ou teorias, indo “às coisas mesmas” que, pelo imbricamento das categorias, disposições e sentimentos intencionais, formam a totalidade mesma das vivências valorativas, sendo possível acessá-las através da ontologia fundamental e originária do ser-aí turístico.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1298904 - CARLOS ALBERTO FREIRE MEDEIROS
Interno - 1372521 - MARIA VALERIA PEREIRA DE ARAUJO
Externo à Instituição - SANDRA LEANDRO PEREIRA - UFPB
Notícia cadastrada em: 24/08/2015 16:05
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao