PPGFST PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FISIOTERAPIA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE Telefone/Ramal: (84) 3342-2002 https://posgraduacao.ufrn.br/ppgfst

Banca de DEFESA: MAITHÊ AVELINO SALUSTIANO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MAITHÊ AVELINO SALUSTIANO
DATA : 19/04/2023
HORA: 14:00
LOCAL: Remoto
TÍTULO:

ASSOCIAÇÃO ENTRE A IDADE DA MENOPAUSA E A FUNCIONALIDADEDE MULHERES IDOSAS: UMA ANÁLISE DA PESQUISA NACIONAL DE SAÚDE


PALAVRAS-CHAVES:

Menopausa. Função Física. Envelhecimento


PÁGINAS: 60
RESUMO:

Introdução: A menopausa marca o fim do período reprodutivo da mulher
e ocorre em média entre os 48 e 52 anos. Ela pode ser classificada
como precoce antes dos 45 anos e tardia após os 55 anos. Estudos
anteriores têm sugerido que a menopausa precoce está associada a
piores resultados de funcionalidade em mulheres pós-menopausadas,
porém resultados divergentes têm sido relatados. Objetivo: Este estudo
objetiva investigar a associação da idade de menopausa e a
funcionalidade de mulheres idosas a partir de dados da Pesquisa
Nacional em Saúde. Métodos: Trata-se de um estudo transversal com
uma amostra de 5.148 mulheres com 60 anos ou mais. As participantes
foram classificadas de acordo com a idade da menopausa (menos de 45
anos, 45 e 49 anos, 50 e 54 anos e 55 anos ou mais) e quanto à presença
de dificuldade em realizar as Atividades de Vida Diária (AVD) (tomar
banho, deitar-levantar, sentar-levantar, andar e sair sozinho).Asparticipantes também foram avaliadas quando aos dadossocioeconômicos, hábitos de vida e presença de doenças crônicas. Aassociação entre idade da menopausa e a dificuldade nas AVD foiavaliada por meio de regressão logística binária com o ajuste pelascovariáveis (idade, escolaridade, renda, raça/cor, tabagismo, consumoalcoólico, prática de exercícios físicos, diagnóstico de doença crônica eterapia de reposição hormonal). Foi realizada uma análise desensibilidade dividindo as participantes de acordo com a idade nomomento da avaliação (60-74 anos e 75 anos ou mais). Os dados foramanalisados ajustando os pesos amostrais decorrentes de amostrascompletas sendo considerado p<0,05. Resultados: Não houveassociação entre a idade da menopausa e a dificuldade nas AVDconsiderando a amostra completa ou a amostra apenas das idosas maisjovens. Considerando a amostra acima dos 74 anos, aquelas commenopausa antes dos 45 anos e entre 45 e 49 anos apresentaram maiorchance de dificuldade nas AVD comparadas ao grupo de referência(menopausa entre 50 e 54 anos) (OR=1,85; IC95%= 1,10;3,10 e OR=1,54;IC95%= 1,12;2,13, respectivamente). Conclusão: O presente estudondica necessidade de maior atenção à saúde funcional de mulheresque param de menstruar mais jovens, bem como o incentivo a hábitossaudáveis que possam contribuir para a manutenção da independênciapor mais tempo.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 3885543 - SAIONARA MARIA AIRES DA CAMARA
Interno - 1460020 - ALVARO CAMPOS CAVALCANTI MACIEL
Externa à Instituição - MARIA DO CARMO PINTO LIMA - UFCG
Notícia cadastrada em: 12/04/2023 16:40
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa01-producao.info.ufrn.br.sigaa01-producao