Banca de DEFESA: PAULA TAYSA DA ROCHA BEZERRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : PAULA TAYSA DA ROCHA BEZERRA
DATA : 29/10/2021
HORA: 14:00
LOCAL: videoconferência
TÍTULO:

Treino com Imagética Motora Modifica Parâmetros de Equilíbrio e Congelamento da Marcha em Indivíduos com Doença de Parkinson? Ensaio Clínico Controlado Randomizado


PALAVRAS-CHAVES:

Doença de Parkinson; Reabilitação; Equilíbrio Postural; Congelamento; Marcha; Imagética Motora; Observação da Ação.



PÁGINAS: 89
RESUMO:

Introdução: O uso combinado da Observação da Ação (OA) e da Imagética Motora (IM) parece ser capaz de gerar um maior engajamento de áreas cerebrais comumente envolvidas na doença de Parkinson (DP) e, consequentemente, efeitos comportamentais e neurofisiológicos mais intensos do que se utilizadas de forma isolada. Objetivo: Verificar os efeitos do treinamento de OA, IM e prática física da marcha sobre o equilíbrio e congelamento da marcha de indivíduos com DP. Metodologia: Foi realizado um ensaio clínico controlado randomizado com 39 pacientes com DP, que foram divididos em grupo experimental (GE=21) e controle (GC=18). O GE realizou 12 sessões de OA, IM e prática física da marcha, enquanto o GC assistiu a vídeos educativos relacionados à DP e realizou 12 sessões de prática física da marcha. Os sujeitos foram reavaliados 1 dia após o término das intervenções quanto ao equilíbrio (através do MiniBESTest) e ao congelamento da marcha (através do Freezing of Gait Questionnaire). Resultados: Não foi observada diferença significativa intra e intergrupos em relação aos sintomas de congelamento da marcha. Na análise por domínio do MiniBESTest, observou-se diferença significativa intragrupo experimental nos domínios Orientação Sensorial (F=4,5; P=0,04) e Marcha Dinâmica (F=3,6; P=0,03) refletidos também em diferença no escore total do instrumento para este grupo (F=5,2; P=0,02). Não houve diferença intergrupos para nenhum domínio do MiniBESTest. Conclusão: Os resultados deste estudo revelaram que a intervenção baseada na combinação de OA, IM e prática física não foi mais efetiva do que somente a prática física nos sintomas de congelamento da marcha e equilíbrio em indivíduos com DP.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2179208 - ANA RAQUEL RODRIGUES LINDQUIST
Externa à Instituição - LORENNA MARQUES DE MELO SANTIAGO - Estácio
Interna - 2319151 - TATIANA SOUZA RIBEIRO
Notícia cadastrada em: 18/10/2021 08:06
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa18-producao.info.ufrn.br.sigaa18-producao