Banca de DEFESA: FLAVIO SANTOS DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FLAVIO SANTOS DA SILVA
DATA: 03/02/2014
HORA: 14:00
LOCAL: Pós-Graduação em Fisioterapia
TÍTULO:

EFEITOS DO TREINAMENTO AERÓBIO SOBRE SINAIS PRECOCES DO REMODELAMENTO DO VENTRÍCULO ESQUERDO INDUZIDO PELO DIABETES MELLITUS EXPERIMENTAL


PALAVRAS-CHAVES:

Diabetes Mellitus Tipo 1; Miocárdio; Fibrose; Exercício Aeróbico; Ratos


PÁGINAS: 59
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Fisioterapia e Terapia Ocupacional
RESUMO:

O objetivo  deste estudo foi investigar os efeitos de um programa de treinamento aeróbio sobre o possível remodelamento adverso e precoce do ventrículo esquerdo (VE), utilizando modelo experimental de curto prazo de diabetes tipo 1 (DM1). Ratos Wistar foram divididos em 4 grupos: controle sedentário (CS), controle treinado (CT), diabético sedentário (DS) e diabético treinado (DT). O DM1 foi induzido por estreptozotocina (45 mg/kg). O programa de treinamento consistiu em 4 semanas de corrida em esteira (13 m/min, 60 min/dia, 5 dias/semana). Ao fim dos experimentos, os corações foram coletados para analise da morfologia e do perfil transcricional do VE, com foco em seu remodelamento. Os óbitos foram registrados durante as 4 semanas. Verificamos alta mortalidade entre os animais do grupo DS, enquanto que esta foi significativamente reduzida no grupo DT. O grupo DS apresentou aumento na área de secção transversa dos cardiomiócitos e fibrose. O grupo DT exibiu redução das medidas de trofismo cardíaco, mas com relação ao conteúdo colágeno, foi similar ao grupo CS. As análises de expressão de genes ligados ao remodelamento cardíaco revelaram redução na expressão dos colágenos I e III, além de baixa expressão da MMP-2, no grupo DS. O grupo DT apresentou diminuição dos níveis de mRNA para MMP-9, e expressão gênica de MMP-2 inalterada, se comparado ao grupo CS. As expressões da MMP-2 e do TGF-b1 foram aumentadas no grupo CT. A razão entre expressão gênica dos colágenos I e III mostrou-se elevada no grupo CT e reduzida nos grupos diabéticos. Esses resultados estabelecem alterações precoces da estrutura e do perfil transcricional do VE. Ainda, indicam que o treinamento aeróbio exerce cardioproteção específica contra mecanismos responsáveis pelo dano cardíaco observado no DM1.

 

 


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1667882 - BENTO JOAO DA GRACA AZEVEDO ABREU
Presidente - 1323472 - FERNANDO AUGUSTO LAVEZZO DIAS
Externo à Instituição - PEDRO DAL LAGO - UFCSPA
Interno - 1149619 - SELMA SOUSA BRUNO
Notícia cadastrada em: 03/02/2014 10:17
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa02-producao.info.ufrn.br.sigaa02-producao