Banca de QUALIFICAÇÃO: MARCELO HENRIQUE MATIAS DA SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MARCELO HENRIQUE MATIAS DA SILVA
DATA : 30/01/2018
HORA: 09:00
LOCAL: Sala de Reuniões do Centro de Biociências
TÍTULO:

AVALIAÇÃO DO PERFIL DE RESPOSTA IMUNE INATA DE PACIENTES DE FASE AGUDA INFECTADOS PELO VIRUS ZIKA.


PALAVRAS-CHAVES:

Vírus Zika. Imunidade. Citocinas. 


PÁGINAS: 76
RESUMO:

Os receptores da imunidade inata, principalmente Toll like receptors (TLRs) e RIG like receptors (RLRs) são moléculas importantes para o reconhecimento inicial de vírus e modulação de uma resposta imune protetora com produção de interferons (IFNs) do tipo 1 e outro mediadores imunes. Recentemente houve uma epidemia global de infecção por Zika vírus a qual teve como principais consequências, um aumento do número de casos da síndrome de Guillain-Barré e da síndrome congênita do Zika, caracterizada por microcefalia e outras alterações neurológicas, além de outros possíveis danos a longo prazo, tendo sido responsável por alguns casos de óbito. Os mecanismos imunológicos que conferem proteção ou patologia ao paciente durante a infecção pelo zika vírus ainda não foram elucidados. Dessa forma o objetivo do presente estudo foi analisar a expressão de TLRs e a produção de citocinas em pacientes portadores da infecção pelo referido patógeno. Avaliou-se a expressão de receptores da imunidade inata em células mononucleares do sangue periférico (PBMC) de 30 pacientes com suspeita clínica de infecção pelo Zika vírus que tiveram confirmação do diagnóstico por PCR em tempo real (qRT-PCR) e de seis pacientes, cujo diagnóstico de infecção por este vírus não foi confirmado pelo mesmo teste. PBMC obtidas de nove indivíduos saudáveis não infectados, foram utilizadas como grupo controle. Foi realizada a extração de RNA total a partir de PBMC de pacientes dos três grupos, utilizando kit comercial, seguindo as instruções do fabricante. A quantificação da expressão de RNA mensageiro (RNAm) foi realizada por qRT-PCR para os TLRs (TLR3, TLR7, TLR8, TLR9), moléculas adaptadoras TRIF, que regula a transcrição do gene do IFN-β, e Myd88, um transdutor de sinal das vias de sinalização dos receptores IL-1 e Toll-like, bem como das citocinas IL-6, IL-12, IFN-α, TNF-α, IFN-β, IFN-γ. Os pacientes que tiveram diagnóstico de infecção por zika vírus confirmado no teste de qRT-PCR apresentaram elevados níveis de expressão do mRNA de IFN-α e IFN-β, porém IFN-β baixo quando comparado aos pacientes com sintomatologia clínica compatível como infecção pelo zika vírus, mas que se mostraram negativos para o referido patógeno, no mesmo teste e aos controles saudáveis. Por outro lado, pacientes portadores de infecção pelo Zika vírus, apresentaram inibição na expressão de TLR7, TLR8, Myd88 e TNF-α, e elevada expressão de TLR3, TRIF, IFN-γ, IL-6 e IL-12 quando comparado ao grupo controle saudável. Nossos resultados indicam que a infecção pelo zika vírus induz a produção de IFN-α e IFN-β, principais moléculas indutoras de atividade antiviral, da imunidade inata, por via independente de TLRs, uma vez que há inibição de TLR7 e TLR8. 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 348473 - JOSE VERISSIMO FERNANDES
Interno - 1715230 - JOSELIO MARIA GALVAO DE ARAUJO
Externo à Instituição - MANUELA SALES LIMA NASCIMENTO - IINN
Notícia cadastrada em: 21/12/2017 09:31
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa27-producao.info.ufrn.br.sigaa27-producao