Banca de DEFESA: FRANCISCO EMENSON CARPEGIANE SILVA FEITOSA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : FRANCISCO EMENSON CARPEGIANE SILVA FEITOSA
DATA : 28/02/2019
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório CCET
TÍTULO:

ANÁLISE DO VENTO SOBRE A BACIA DO OCEANO ATLÂNTICO TROPICAL: OBSERVAÇÕES E MODELAGEM DINÂMICA DE MESOSESCALA


PALAVRAS-CHAVES:

Energia renovável. Modelagem eólica. RegCM4.


PÁGINAS: 100
RESUMO:

A estrutura econômica e social de um país está atrelada principalmente ao setor energético.
Esse setor é vulnerável a mudanças climáticas sendo responsável pela maior parte de emissão
de gases de efeito estufa. A partir dessa premissa são necessários investimentos em novas
alternativas de geração de energia, como a geração de energia eólica em regiões offshore
frente ao seu grande potencial para geração de energia. Entretanto, estimar o potencial eólico
de uma região, principalmente offshore, se torna difícil devido à pouca disponibilidade de
dados observados da velocidade do vento nesses locais. Logo, os objetivos desta pesquisa são
avaliar a performance do modelo climático regional RegCM4.2 em simular a variabilidade
anual e mensal da velocidade do vento na bacia do Oceano Atlântico Tropical, e identificar o
potencial eólico para geração de energia. Primeiramente, foi realizado uma comparação entre
os dados de boias do programa PIRATA com dados auferidos por satélite do produto Blended
Sea Winds (BSW), com objetivo de verificar a qualidade do BSW. Em seguida, as simulações
do modelo foram comparadas com os dados do BSW, por meio do cálculo do erro médio
quadrático, BIAS e os coeficientes de correlação de Pearson (geral) e Spearman (mensal).
Finalmente, após a validação dos dados, foi calculado o potencial eólico através do cálculo da
densidade de potência. Em relação a avaliação da qualidade dos dados de velocidade do vento
do BSW, foi possível identificar que o BSW conseguiu representar bem os dados de
velocidade do vento, apresentando alto coeficiente de correlação e um erro relativamente
baixo. Semelhantemente, o modelo apresentou melhor simulação da velocidade do vento nas
regiões próximas à costa do que nas regiões mais distante do litoral, quando analisados
sazonalmente, foi verificado que o modelo possui melhor performance durante os períodos de
inverno e primavera. No que se refere aos resultados de PD, durante o verão e outono, os
maiores valores de PD se concentrou nas regiões litorâneas localizados ao norte da linha do
Equador, enquanto que, durante o inverno e a primavera os maiores valores de PD foram
observados no litoral norte brasileiro. Com isso pode-se concluir que, a validação dos dados
do BSW apresentou baixos erros, mostrando ser uma eficiente base de dados. O RegCM4.2
apresentou simulações condizentes a distribuição da velocidade do vento auferida pelos
satélites, e quanto a PD, o NEB apresentou o maior potencial para a geração de energia eólica.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1280761 - CRISTIANO PRESTRELO DE OLIVEIRA
Interno - 1752417 - CLAUDIO MOISES SANTOS E SILVA
Interno - 1164414 - WEBER ANDRADE GONCALVES
Externo à Instituição - HELBER BARROS GOMES - UFAL
Notícia cadastrada em: 11/02/2019 15:22
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2019 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao