PGE/CB PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECOLOGIA CENTRO DE BIOCIÊNCIAS Telefone/Ramal: (33) 4222-34/401 https://posgraduacao.ufrn.br/pge

Banca de DEFESA: JAQUEIUTO DA SILVA JORGE

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JAQUEIUTO DA SILVA JORGE
DATA : 27/05/2024
HORA: 13:30
LOCAL: online
TÍTULO:

Entre Flores e Espinhos: A História Natural e o Papel das Bromélias Macambira para a Biodiversidade do Semiárido Brasileiro


PALAVRAS-CHAVES:

Macambiras; Bromélia; Interação Animal-Planta; Espécies-chave, Engenharia de ecossistema; Serviços Ecossistêmicos.


PÁGINAS: 107
RESUMO:

A presente tese de doutorado oferece uma visão abrangente da importância ecológica das bromélias não-fitotelmata na região Neotropical, com um foco especial em Dyckia spectabilis na região semiárida do Brasil. A tese está estruturada através de diversos estudos que se reúnem em seis capítulos, abordando a relevância dessas bromélias para a fauna local e as implicações dessas interações para os grupos envolvidos, bem como a conservação desses ecossistemas. Pesquisas realizadas de 2011 a 2018 revelam associações com uma ampla variedade de fauna, incluindo artrópodes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos de vários grupos. D. spectabilis desempenha diversas funções ecológicas, como fornecer habitat, recursos alimentares e locais de forrageamento. Capítulo 1: As bromélias são destacadas por seu papel como engenheiras de ecossistemas, funcionando como plantas de berçário e espécies-chave, formando microecossistemas diversos. Apesar de seu papel crucial, essas plantas enfrentam uma ameaça severa devido às atividades de mineração, enfatizando a necessidade de políticas de conservação. Capítulo 2: As aves, especialmente na região semiárida, utilizam as bromélias para alimentação, nidificação e descanso, destacando a interconexão entre a conservação de plantas e a preservação de espécies de aves. Capítulo 3: Explora o impacto de Dyckia spectabilis na diversidade de artrópodes, enfatizando sua importância em apoiar diversos táxons, especialmente durante a estação chuvosa. A pesquisa destaca a relevância ecológica das bromélias não-fitotelmata em ambientes desafiadores. Capítulo 4: Discute os himenópteros, esclarecendo os serviços ecossistêmicos essenciais fornecidos por esses insetos, enfatizando a necessidade de esforços de conservação para proteger suas interações com as bromélias. Capítulo 5: Este capítulo discute como a perda de macambiras através da remoção ou queima pode impactar diferentes grupos de invertebrados e vertebrados após o período de impacto, comparando dados antes e depois do impacto, demonstrando a importância desses aglomerados de bromélias para a biodiversidade. Finalmente, Capítulo 6: Destaca o conhecimento local sobre as bromélias, especificamente as macambiras, entre o povo sertanejo, revelando sua importância multifacetada na prestação de serviços ecossistêmicos, identidade cultural e apoio à biodiversidade. Apesar de seu papel crucial, esse conhecimento é principalmente detido pelos idosos, destacando a necessidade de uma divulgação mais ampla e esforços de conservação. No geral, esses estudos enfatizam a importância das intricadas relações ecológicas, dos serviços ecossistêmicos e da significância cultural das bromélias e suas interações, especialmente Dyckia spectabilis, na região semiárida do Brasil, destacando a urgência de medidas de conservação.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1714892 - ADRIANO CALIMAN FERREIRA DA SILVA
Interno - ***.178.178-** - EDSON APARECIDO VIEIRA FILHO - UESC-BA
Externa à Instituição - KALLYNE MACHADO BONIFACIO
Externo ao Programa - 1755074 - LEONARDO DE MELO VERSIEUX - nullExterno à Instituição - RAONE BELTRÃO MENDES - UFS
Notícia cadastrada em: 09/05/2024 21:39
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa10-producao.info.ufrn.br.sigaa10-producao