Banca de QUALIFICAÇÃO: MILENA GOMES DE MEDEIROS - (Retificação)

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.

DISCENTE: MILENA GOMES DE MEDEIROS

DATA: 22/10/2010

HORA: 10:00

LOCAL: Sala multimeios do NEPSA/CCSA

TÍTULO:

Condições de Trabalho e Materialização do Projeto Ético-Político Profissional: particularidades da Assistência Social


PALAVRAS-CHAVES:

Serviço Social, Projeto Ético Político, Assistência Social.


PÁGINAS: 143

GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas

ÁREA: Serviço Social

SUBÁREA: Fundamentos do Serviço Social

RESUMO:

O projeto de dissertação ora apresentado tem como objeto de pesquisa desvelar as determinações que incidem na configuração do atual espaço sócio-ocupacional do Serviço Social no âmbito da assistência social, apreendendo as condições de trabalho, e a materialização do projeto ético político profissional do Serviço Social no contexto neoliberal, na singularidade da realidade dos profissionais mossoroense, especificamente nos CRAS e CREAS. Partimos da premissa que afirma, o Serviço Social como profissão, está inserida na divisão social e técnica do trabalho, no contexto contemporâneo, exigindo um esforço de análise que compreenda as transformações ocorridas no mundo do trabalho e as conseqüências destas para a classe trabalhadora e, em especial, para os/as assistentes sociais. O foco da análise se debruçará a partir do contexto da crise capitalista na cena contemporânea, na qual configura-se um novo capitalismo imperialista, com a consolidação da mundialização do capital, com um quadro de hegemonia do capital financeiro, anunciando, assim, a idéia do fim da história e do trabalho, com a quebra dos ideais socialistas, com a diminuição de trabalhadores nas fábricas, do descaso e da não credibilidade por parte dos sindicatos e movimentos sociais (NETTO, 2006). A nossa investigação parte também da premissa que considera o trabalho enquanto categoria central, constitutiva da sociabilidade, do ser social e de outros complexos como o do direito e o estado, a democracia, dentre outros complexos. Conectado a isso refletimos, a política de assistência social dentro de um contexto que particulariza a realidade da formação socio-histórica do Brasil. Para tanto, tentaremos entender como se configura a atuação do Serviço Social num contexto de violação de direitos, sabendo que os mesmos se configuram como necessidade e limite dentro deste contexto. Ou melhor, compreender como esta realidade contemporânea que afeta os profissionais de Serviço Social, num contexto regressivo? Para isso examinaremos uma vasta bibliografia que nos conduzirá a sucessivas abstrações da realidade. É preciso, pois acentuar que o processo investigativo se desenvolverá mediante uma pesquisa bibliográfica, pesquisa documental, e de uma pesquisa de campo. No que se refere a pesquisa de campo teremos como sujeitos deste processo, os profissionais de Serviço Social inseridos no espaço sócio-ocupacional no âmbito da assistência social, mais especificamente nos Centros de Referência da Assistência Social – CRAS e CREAS Centros de Referência Especializados da Assistência Social localizados no município de Mossoró, com os quais realizaremos entrevistas. Na pesquisa de campo aplicaremos um questionário explicitando as condições de materialização dos Princípios elencados no código de ética, enfatizando quais as dificuldades e as potencialidades de concretização dos mesmos, além dos desafios enfrentados, no cotidiano de trabalho.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 301.839.873-49 - SAMYA RODRIGUES RAMOS - UERN
Interno - 1149518 - SILVANA MARA DE MORAIS DOS SANTOS
Externo à Instituição - GLAUCIA HELENA ARAUJO RUSSO - UERN
Notícia cadastrada em: 21/10/2010 11:43
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa14-producao.info.ufrn.br.sigaa14-producao