Banca de DEFESA: MARIA ANGÉLICA BARBOSA MARINHO DE OLIVEIRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MARIA ANGÉLICA BARBOSA MARINHO DE OLIVEIRA
DATA : 27/08/2019
HORA: 15:00
LOCAL: Nepsa I
TÍTULO:

AS CONFIGURAÇÕES DO TRABALHO DO ASSISTENTE SOCIAL NO ÂMBITO DA ASSESSORIA E CONSULTORIA NO SERVIÇO SOCIAL NA GRANDE NATAL/RN.


PALAVRAS-CHAVES:

Trabalho. Processos de Trabalho. Assessoria. Consultoria. Serviço Social.


PÁGINAS: 140
RESUMO:

O presente trabalho tem como objetivo geral analisar as configurações do trabalho do Assistente Social no âmbito da Assessoria e Consultoria no Serviço Social na Grande Natal, na perspectiva de que o processo dialético da sociedade contemporânea exige dos Assistentes Sociais, além do compromisso com a classe trabalhadora, uma atuação crítica e planejada. Esta, direcionada pelos princípios ético-político, explícitos e conscientes, por meio da articulação permanente das capacidades teórico-metodológica, técnica-operativa, e ético-política do Serviço Social. Como objetivos específicos o estudo buscou mapear as áreas de atuação e formas de inserção dos Assistentes Sociais da Assessoria e Consultoria no Serviço Social na Grande Natal; identificar os instrumentais de trabalho dos Assistentes sociais, utilizados no desenvolvimento dos processos de Assessoria e Consultoria no Serviço Social na Grande Natal; e apreender os projetos e ações desenvolvidos pelo serviço social nas áreas de atuação mapeadas. Consiste em uma pesquisa com uma abordagem qualitativa, com procedimentos metodológicos de análise fundamentados na perspectiva do materialismo histórico dialético, que combina pesquisa bibliográfica, documental e empírica. Na pesquisa empírica a coleta de dados se deu por meio da realização de seis entrevistas semiestruturadas com assistentes sociais, que desenvolvem atividades caracterizadas como de Assessoria e Consultoria no Serviço Social na Grande Natal. A investigação evidencia que a Assessoria/Consultoria se dá tanto no campo das atribuições privativas em matéria de Serviço Social, quanto no das competências profissionais na esfera do conhecimento coletivo. Há, nos espaços pesquisados, a utilização do planejamento como um dos principais instrumentais de trabalho que contribuem, mediante as condições contraditórias da sociedade capitalista, para o desenvolvimento de ações ancoradas na perspectiva democrática e na efetivação dos direitos sociais, com vistas à emancipação política e humana dos sujeitos sociais. As profissionais entrevistas mencionam como desafiador o acúmulo de atividades que tem sido imposto ao serviço social. Predominou, nos espaços pesquisados, a assessoria ao campo da gestão das políticas sociais, o que indica que o serviço social, apesar de todos os desafios impostos, tem se colocado, nos espaços investigados, para além de executor terminal das citadas políticas.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1451156 - CARLA MONTEFUSCO DE OLIVEIRA
Interna - 1149380 - MARIA DALVA HORACIO DA COSTA
Interna - 1169227 - RITA DE LOURDES DE LIMA
Externo à Instituição - MAURÍLIO CASTRO DE MATOS - UERJ
Notícia cadastrada em: 09/08/2019 13:29
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa28-producao.info.ufrn.br.sigaa28-producao