Banca de QUALIFICAÇÃO: LARISSA PAULA ALVES MAURICIO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : LARISSA PAULA ALVES MAURICIO
DATA : 17/10/2018
HORA: 14:00
LOCAL: a definir
TÍTULO:

CARACTERIZAÇÃO DE ALTERAÇÕES NANOESTRUTURAIS EM FIBRAS CAPILAR COM TRATAMENTO CONVENCIONAL E PROFISSIONAL


PALAVRAS-CHAVES:

Cabelo, tratamento capilar, processo químico.


PÁGINAS: 84
RESUMO:

Os tratamentos capilares têm a finalidade proteger e tratar os fios de agressões externas e processos químicos. Contudo, devido ao crescente avanço tecnológico é necessário ter conhecimento sobre a escolha do tratamento ideal para o tipo de dano existente. Este trabalho visa analisar os produtos disponíveis no mercado tanto profissional com convencional de nutrição capilar aplicado em inúmeros processos químicos, que se justifica pela dificuldade de encontrar informações científicas sobre os protocolos de tratamento.  Foram analisadas amostras de cabelos virgens e com processos de alisamento, tintura e descoloração antes e após mudanças provocadas por diferentes tratamentos de nutrição capilar tanto convencional como profissional.  Além de verificar a eficiência dos tratamentos de hidratação após esses danos nanoestuturais causados por esses processos químicos separadamente. Para a caracterização capilar foram utilizadas técnicas de Difratometria de Raio X,  Espectroscópicas vibracionais Infravermelho, e para análise morfológica utilizou-se a Microscopia eletrônica de varredura (MEV). Esta investigação demonstrou, através da espectroscopia vibracional, uma diferença predominante entre o cabelo virgem e com tratamento químico. Após os tratamentos foi possível observar que várias ligações importantes foram modificadas, como as ligações S-S, SO3, C-H, C=O assim como as estruturas secundárias de proteínas que sofreram alterações em suas conformações. Os resultados demonstram que os processos químicos modificaram a estrutura conformacional da queratina, e que a soma destes é prejudicial à fibra, modificando química e fisicamente a estrutura capilar. Apesar de tais produtos serem destinados a mudarem positivamente a estrutura e a aparência do cabelo, acabam por consequência, gerando certos danos indesejáveis. A espectroscopia vibracional juntamente com a microscopia eletrônica de varredura foram ferramentas eficazes para a análise do nível de desgaste da fibra capilar. Infere-se que a microscopia eletrônica confirmou que o tratamento químico que se sobressaiu nas análises realizadas se trata do produto profissional mais especificamente no processo de maior degradação da fibra que foi a descoloração seguida por tintura. Isso demonstrou que o tratamento profissional ocasionou um padrão de deformação morfológica diferente na superfície capilar em níveis superior ao esperado chegando a restaurar células cuticulares.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1481705 - SALETE MARTINS ALVES
Interno - 2941160 - JOSE HERIBERTO OLIVEIRA DO NASCIMENTO
Interno - 2212519 - JULIANA DE SOUZA NUNES
Externo ao Programa - 1714294 - MARCIO FERRARI
Notícia cadastrada em: 09/10/2018 15:22
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa10-producao.info.ufrn.br.sigaa10-producao