Banca de QUALIFICAÇÃO: JOSECLEBIO DA FONSECA LUCENA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JOSECLEBIO DA FONSECA LUCENA
DATA : 21/07/2017
HORA: 10:00
LOCAL: Sala 94 do Centro de Tecnologia – CT/UFRN
TÍTULO:

DESENVOLVIMENTO E CARACTERIZAÇÃO DE COMPÓSITOS HÍBRIDOS REFORÇADOS A PARTIR DE MANTAS DE FIBRA DE VIDRO DESCARTADAS PELA INDUSTRIA EÓLICA E FIBRAS NATURAIS


PALAVRAS-CHAVES:

Fibra de vidro, energia eólica, reutilização de resíduos, tecido de juta, compósitos Hibridos.


PÁGINAS: 65
RESUMO:

A utilização da energia eólica em larga escala já evidenciou seus benefícios com grandes projetos ao redor do mundo. Devido ao baixo nível tecnológico dos processos produtivos dos componentes de uma torre de produção deste tipo de energia, ocorre a geração de enormes quantidades de resíduos que podem causar impacto negativo ao meio ambiente. Um dos principais componentes para a concepção dos geradores eólicos são as pás, que são produzidas através da laminação de grandes moldes que contêm, entre outros componentes, a fibra de vidro, da qual um elevado percentual é eliminado no momento do corte do substrato têxtil. Uma forma de se contornar o problema do descarte dos resíduos provenientes da fabricação das pás eólicas é a reutilização destes no desenvolvimento de novos materiais. A utilização de materiais a base de fibra como reforço de matrizes poliméricas, metálicas, cimentícias dentre outras, tem alavancado um grande interesse nos diferentes segmentos industriais. Os materiais compósitos, impulsionados pela indústria aeroespacial e militar, desenvolveu-se de forma bastante significativa nos últimos anos, proliferando em diversas áreas, devido as suas propriedades únicas, tais como; a elevada resistência mecânica, baixa densidade, excelente resistência térmica e à corrosão dentre outras. O presente trabalho tem como objetivo desenvolver materiais compósitos híbridos (fibra natural + fibra de vidro) resinados com poliéster avaliando a influência do uso dos resíduos de fibra de vidro oriundos da indústria eólica. Foram realizadas análises de densidade, título e torção de fios, gramatura e tração com o intuito de caracterizar os materiais de reforço, bem como teor de fibras, tração, flexão, absorção de água e intempéries para o desempenho dos compósitos desenvolvidos. Os resultados obtidos evidenciam materiais com boa resistência a tração e flexão, apresentando valores superiores quando reforçados apenas com fibra de vidro, abrindo novas oportunidades para o desenvolvimento de materiais de alto desempenho produzidos com substratos que são normalmente descartados para o meio ambiente.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 6346998 - RASIAH LADCHUMANANANDASIVAM
Externo ao Programa - 2367881 - ROGERSON RODRIGUES FREIRE RAMOS
Externo à Instituição - SÂNIA MARIA BELÍSIO DE ANDRADE - MEC
Notícia cadastrada em: 10/07/2017 21:43
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa21-producao.info.ufrn.br.sigaa21-producao